Autor Tópico: Da moral atéia  (Lida 1540 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

ukrainian

  • Visitante
Da moral atéia
« Online: 24 de Dezembro de 2005, 16:27:58 »
por  José Nivaldo Cordeiro em 06 de agosto de 2004

Pontuando o texto escrito por Roberto Gomes de Aguiar Veiga (“Ateísmo, liberalismo e moral”), parece-me que parte das respostas foi dada nos textos subseqüentes que escrevi. De qualquer formar, seguem aqui mais alguns argumentos.

1- Não há uma incoerência no fato de alguém ser ao mesmo tempo liberal e ateu. De fato, o liberalismo é caudatário dos valores do cristianismo. Não posso discordar da afirmação. O liberalismo é a forma mais light de ateísmo.

2- Mas não há uma incompatibilidade entre a moral ateísta e a moral do liberalismo, que é baseada em grande parte em valores cristãos? Aqui se coloca a questão do fundamento da moral. Para os religiosos, e não apenas os cristãos, a moral está fundada na Revelação. Para o liberal ateu, na sua consciência íntima. Ora, sem um referencial fixo, não há como não cair no relativismo e, partir dele, no descenso moral. Os que têm referencial religioso não têm nenhuma dúvida de comportamento, pois ele vem da tradição. Os que não têm uma tradição, têm que criá-la. Liberais ateus imersos no meio cristão tendem a copiar seus costumes, mas não necessariamente. Ateísmo, de qualquer espécie, é relativismo moral.

3- Mas afinal de contas, o que é um ateu? Pergunta pertinente, que creio já ter sido respondida, mas não custa insistir. Ateísmo é uma forma de paganismo, que no universo cristão é conhecido como satanismo. Há os grandes ateus, como Nietzsche, Marx, Lênin, Gramsci. São os verdadeiros sacerdotes do ateísmo, seguidos por milhões de pessoas, muitas vezes sem o saber. Fundaram correntes de opinião que, em muitos países, como o nosso, formam uma sólida maioria política. Não se nega impunemente a tradição religiosa, pois necessariamente se cai no campo oposto. Um ateu, isolado, pode levar uma vida tranqüila, em paz com a sua consciência. Já quando se formam maiorias com força política tendem a moldar as leis e os costumes. É o caso do aborto, da família, do casamento, do homossexualismo e toda a chamada pauta progressista que vemos, a cada dia, “avançar”. Uma pessoa pia não tem como ter uma existência de acordo com os seus valores, pois abrir a janela ou ligar a tv equivale é ter que presenciar tudo aquilo que abomina e não deseja para os seus. Os ateus menores são seguidores, muitas vezes não sabendo bem porque o fazem.

4- E o que justifica a não crença em Deus? Em primeiro lugar, a crença no seu oposto. As seitas satânicas de todos os tipos prosperaram em nosso mundo como nunca. Em segundo, um orgulho desmesurado do indivíduo, combinado com uma ignorância abissal do que seja o religioso. Por isso que as ciências foram colocadas como uma religião substituta para muitos. Em terceiro, uma cegueira espiritual causada pela quebra do elo com a tradição. No meu caso, até os meus trinta anos eu me declarava orgulhosamente ateu, um atestado de ignorância que eu passava sob o manto mal escondido de um enorme complexo de superioridade. Em quarto, a falta de vivência com alguma experiência com o sagrado: não há ouvidos para ouvir nem olhos para ver. Em quinto, um infantilismo com as coisas séries típicas de sociedades sem tradição. As pessoas são como que crianças e não querem amadurecer.

5- Mas sem o temor a Deus, o ateu não tende ao comportamento imoral? Essa é uma maneira de colocar a questão. A outra, que prefiro, é: sem o conhecimento de Deus, o ateu tende ao comportamento imoral? Sim, definitivamente sim. Sobretudo quando falamos dos comportamentos de massa. Alguns, mais burros ou mais cínicos, atribuem, por exemplo, os malefícios das drogas proibidas ao fato de serem proibidas. Ora, na prática não há proibição, pelo menos aquela que se esperaria eficiente. Quem quiser se drogar pode fazê-lo facilmente, a um custo competitivo. A proibição formal é ainda a última concessão que o vício faz à virtude. No mais, quem quiser fumar, fuma; quem quer cheirar, cheira, etc. O mesmo vale para as práticas sexuais. As clínicas de massagens em cada esquina, os sexshop, os classificados de todos os jornais não me deixam metir. Navios dionisíacos de homossexuais singram os mares. Orgias são anunciadas como um carnaval fora de época. Fala-se até em crise no mercado da prostituição, em face da concorrência “oficial”, que fez desabar os preços. É assim.

6- A militância ateísta é um perigo para o Ocidente? É evidente. Tirar as pessoas do bom caminho nunca produziu algo de bom, só ampliou o mal. O simples fato de eu ter escrito algumas linhas sobre o tema mostrou o quanto é forte a militância ateísta. Até a nota do autor pode ser uma prova do que essa militância pode fazer.

7- Por que se associa tanto o ateísmo ao comunismo? Porque o comunismo será talvez a mais bem sucedida forma que o ateísmo assumiu. Conquistou Estados e impérios, conquistou multidões, a despeito de todo o mal registrado pelos seus seguidores.

Offline Felius

  • Nível 34
  • *
  • Mensagens: 2.746
  • Sexo: Masculino
Re.: Da moral atéia
« Resposta #1 Online: 24 de Dezembro de 2005, 16:53:13 »
HAUHAUHAUHAUHAUHAUHAUHAUHAUHAUHAUHAUAHUAHAUHUAHUAUHAUHAHA :histeria:  :histeria:  :histeria:  :histeria:  :histeria:  :histeria:

O autor desse texto ai ó:  :bebum:
"The patient refused an autopsy."

Offline uiliníli

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 18.107
  • Sexo: Masculino
Re: Da moral atéia
« Resposta #2 Online: 24 de Dezembro de 2005, 17:06:15 »
Citação de: ukrainian

1- Não há uma incoerência no fato de alguém ser ao mesmo tempo liberal e ateu. De fato, o liberalismo é caudatário dos valores do cristianismo. Não posso discordar da afirmação. O liberalismo é a forma mais light de ateísmo.


É verdade. E é por isso que o Cristianismo está na vanguarda de todas as bandeiras liberais: Aborto, eutanásia, feminismo, direitos dos homossexuais, pesquisas com células tronco... Ah, não, espera aí, você estava falando de liberalismo econômico? Ah, sim, é verdade, a Igreja Católica nunca considerou o lucro um pecado e Martinho Lutero não o abençou meramente para conquistar o apoio da burguesia emergente à época. Na verdade o fato de Lutero defender o lucro ao mesmo tempo em que a burguesia começava a conquistar status é mera coincidência!

Citar
2- Mas não há uma incompatibilidade entre a moral ateísta e a moral do liberalismo, que é baseada em grande parte em valores cristãos? Aqui se coloca a questão do fundamento da moral. Para os religiosos, e não apenas os cristãos, a moral está fundada na Revelação. Para o liberal ateu, na sua consciência íntima. Ora, sem um referencial fixo, não há como não cair no relativismo e, partir dele, no descenso moral. Os que têm referencial religioso não têm nenhuma dúvida de comportamento, pois ele vem da tradição. Os que não têm uma tradição, têm que criá-la. Liberais ateus imersos no meio cristão tendem a copiar seus costumes, mas não necessariamente. Ateísmo, de qualquer espécie, é relativismo moral.


Claro que ateísmo é relativismo moral. Um ateu não pode pensar sobre o bem e o mal, o certo e o errado sem cair no Cristianismo. Na verdade ninguém pode, a moral é monopólio dos Cristãos. Deve ser por isso que os Estóicos, os Budistas, entre outros desenvolveram fundamentos morais até mais viáveis que os Cristãos muito antes do nascimento de Cristo.

Citar
3- Mas afinal de contas, o que é um ateu? Pergunta pertinente, que creio já ter sido respondida, mas não custa insistir. Ateísmo é uma forma de paganismo, que no universo cristão é conhecido como satanismo. Há os grandes ateus, como Nietzsche, Marx, Lênin, Gramsci. São os verdadeiros sacerdotes do ateísmo, seguidos por milhões de pessoas, muitas vezes sem o saber. Fundaram correntes de opinião que, em muitos países, como o nosso, formam uma sólida maioria política. Não se nega impunemente a tradição religiosa, pois necessariamente se cai no campo oposto. Um ateu, isolado, pode levar uma vida tranqüila, em paz com a sua consciência. Já quando se formam maiorias com força política tendem a moldar as leis e os costumes. É o caso do aborto, da família, do casamento, do homossexualismo e toda a chamada pauta progressista que vemos, a cada dia, “avançar”. Uma pessoa pia não tem como ter uma existência de acordo com os seus valores, pois abrir a janela ou ligar a tv equivale é ter que presenciar tudo aquilo que abomina e não deseja para os seus. Os ateus menores são seguidores, muitas vezes não sabendo bem porque o fazem.


Ou seja, os ateus estão por toda a parte! Nas favelas, nas universidades, nos presídios, nos estádios de futebol e, oh, meu Deus, até nas igrejas! O mundo está cheio de ateus que acreditam em Deus defendendo essas (argh!) bandeiras progressistas por aí... Principalmente na televisão, a televisão é governada pelos ateus. Deve ser por isso que colocaram a novela Alma Gêmea no ar.

Citar
4- E o que justifica a não crença em Deus? Em primeiro lugar, a crença no seu oposto. As seitas satânicas de todos os tipos prosperaram em nosso mundo como nunca. Em segundo, um orgulho desmesurado do indivíduo, combinado com uma ignorância abissal do que seja o religioso. Por isso que as ciências foram colocadas como uma religião substituta para muitos. Em terceiro, uma cegueira espiritual causada pela quebra do elo com a tradição. No meu caso, até os meus trinta anos eu me declarava orgulhosamente ateu, um atestado de ignorância que eu passava sob o manto mal escondido de um enorme complexo de superioridade. Em quarto, a falta de vivência com alguma experiência com o sagrado: não há ouvidos para ouvir nem olhos para ver. Em quinto, um infantilismo com as coisas séries típicas de sociedades sem tradição. As pessoas são como que crianças e não querem amadurecer.


Recapitulando:

Primeiro: Quem não torce pelo Corinthians torce contra o Corinthians.
Segundo: Na Santa Igreja da Gravitação Universal, neguinho viu a maçã cair diz que é milagre. Ora, que é milagre já sabemos, mas é Deus quem leva a maçã até o chão, e não essa tal dessa Dona Gravidade!
Terceiro: Como já dizia a vovó: ateísmo é quebra de elo com a tradição. E contra a gripe nada melhor do que canja de galinha.
Quarto: Não vi nada, não ouvi nada, logo acredito.
Quinto: Os ateus são garotos perdidos e vivem na Terra do Nunca.

Citar
5- Mas sem o temor a Deus, o ateu não tende ao comportamento imoral? Essa é uma maneira de colocar a questão. A outra, que prefiro, é: sem o conhecimento de Deus, o ateu tende ao comportamento imoral? Sim, definitivamente sim. Sobretudo quando falamos dos comportamentos de massa. Alguns, mais burros ou mais cínicos, atribuem, por exemplo, os malefícios das drogas proibidas ao fato de serem proibidas. Ora, na prática não há proibição, pelo menos aquela que se esperaria eficiente. Quem quiser se drogar pode fazê-lo facilmente, a um custo competitivo. A proibição formal é ainda a última concessão que o vício faz à virtude. No mais, quem quiser fumar, fuma; quem quer cheirar, cheira, etc. O mesmo vale para as práticas sexuais. As clínicas de massagens em cada esquina, os sexshop, os classificados de todos os jornais não me deixam metir. Navios dionisíacos de homossexuais singram os mares. Orgias são anunciadas como um carnaval fora de época. Fala-se até em crise no mercado da prostituição, em face da concorrência “oficial”, que fez desabar os preços. É assim.


Sem temor a Deus, a vida se torna como o inferno: Sexo, Drogas e Rock'n'Roll!!!

Citar
6- A militância ateísta é um perigo para o Ocidente? É evidente. Tirar as pessoas do bom caminho nunca produziu algo de bom, só ampliou o mal. O simples fato de eu ter escrito algumas linhas sobre o tema mostrou o quanto é forte a militância ateísta. Até a nota do autor pode ser uma prova do que essa militância pode fazer.




Ateus militantes preparam ataque para tomar a Terra Média.

Citar
7- Por que se associa tanto o ateísmo ao comunismo? Porque o comunismo será talvez a mais bem sucedida forma que o ateísmo assumiu. Conquistou Estados e impérios, conquistou multidões, a despeito de todo o mal registrado pelos seus seguidores.


Bill Gates, por exemplo, aquele ateu miserável é comunista desde criancinha!


Offline Roberto

  • Nível 24
  • *
  • Mensagens: 1.021
Da moral atéia
« Resposta #4 Online: 27 de Dezembro de 2005, 13:49:27 »
E quando eu disse a ele (Nivaldo Cordeiro) que o Stanley Kubrick, cineasta favorito dele, era ateu? Não teve o que o convencesse disso, nem uma entrevista que o próprio Kubrick deu para a Playboy dizendo com todas as letras que não acreditava num deus pessoal.
Se eu disser ou escrever hoje algo que venha a contradizer o que eu disse ou escrevi ontem, a razão é simples: mudei de idéia.

Offline Rodion

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.871
Re.: Da moral atéia
« Resposta #5 Online: 27 de Dezembro de 2005, 13:59:51 »
haha
chamo roberto campos pra definir neurose:
Citar
Há aquela história da diferença entre um psicótico e um neurótico. Aquele acha que 2 mais 2 são 5, enquanto que este sabe que são 4, mas não tolera a idéia. A globalização é um processo que está acontecendo - sem pedir licença a nenhum de nós. Acentuo a palavra "processo". Vai ser penoso para alguns, mas com o tempo, vantajoso para a maioria. Sobretudo, porém, é um dado da realidade, a partir da qual temos de colocar-nos, tanto quanto possível com uma visão estratégica, procurando antever os custos e benefícios das sucessivas jogadas ao longo do tempo. Reanimar esquemas estáticos pensados para os problemas de 1950, como fazem nossos neonacionalistas, não é o portal de entrada no século 21.
"Notai, vós homens de ação orgulhosos, não sois senão os instrumentos inconscientes dos homens de pensamento, que na quietude humilde traçaram freqüentemente vossos planos de ação mais definidos." heinrich heine

Offline Marcelo Terra

  • Nível 32
  • *
  • Mensagens: 2.126
  • Sexo: Masculino
Da moral atéia
« Resposta #6 Online: 27 de Dezembro de 2005, 14:27:58 »
Citar
Claro que ateísmo é relativismo moral. Um ateu não pode pensar sobre o bem e o mal, o certo e o errado sem cair no Cristianismo. Na verdade ninguém pode, a moral é monopólio dos Cristãos. Deve ser por isso que os Estóicos, os Budistas, entre outros desenvolveram fundamentos morais até mais viáveis que os Cristãos muito antes do nascimento de Cristo.


Está parte não ficou legal, você passou do irônico, em azul, para o não irônico, em vermelho, sem uma transição aí no embalo da leitura com modo irônico on quando chega na parte não-irônica e fica-se sem entender bem. O pior são aqueles, aqueles que adoram citar fora de contexto e não sabem ou fingem não saber interpretar textos mesmo em nível básico, que vão (tem muito visitante não registrado), pensar que você afirmou através de ironia que a moral cristã é anterior à budista, por exemplo.

Aliás, esse equívoco de que a moral e a ética são uma criação exclusivamente, ou originariamente, cristã está muito difundida entre os crentes em geral. Sempre vemos essas afirmações por aí.

Offline uiliníli

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 18.107
  • Sexo: Masculino
Da moral atéia
« Resposta #7 Online: 27 de Dezembro de 2005, 22:58:02 »
Citação de: Marcelo Terra
Citar
Claro que ateísmo é relativismo moral. Um ateu não pode pensar sobre o bem e o mal, o certo e o errado sem cair no Cristianismo. Na verdade ninguém pode, a moral é monopólio dos Cristãos. Deve ser por isso que os Estóicos, os Budistas, entre outros desenvolveram fundamentos morais até mais viáveis que os Cristãos muito antes do nascimento de Cristo.


Está parte não ficou legal, você passou do irônico, em azul, para o não irônico, em vermelho, sem uma transição aí no embalo da leitura com modo irônico on quando chega na parte não-irônica e fica-se sem entender bem.


É verdade, não tinha pensado por esse lado. Ficou faltando um não na parte dos estóicos e dos budistas então...

Offline Marcelo Terra

  • Nível 32
  • *
  • Mensagens: 2.126
  • Sexo: Masculino
Re.: Da moral atéia
« Resposta #8 Online: 27 de Dezembro de 2005, 23:03:04 »
hehehe, isto é normal... quando estamos embalados na escrita de algo podemos achar que o escrevemos está suficientemente evidente. Principalmente com esses "modernismos tecnológicos"  :wink:  (copy, paste, undo, etc...) que nos permitem alterar o texto de forma tão radical tão facilmente.

Offline Hugo

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.773
Re: Da moral atéia
« Resposta #9 Online: 28 de Dezembro de 2005, 09:25:31 »
Citação de: ukrainian
por  José Nivaldo Cordeiro em 06 de agosto de 2004

Pontuando o texto escrito por Roberto Gomes de Aguiar Veiga (“Ateísmo, liberalismo e moral”), parece-me que parte das respostas foi dada nos textos subseqüentes que escrevi. De qualquer formar, seguem aqui mais alguns argumentos.
.


Eslarecimentos por favor.

O texto foi escrito pelo Raveiga ou Jose Nivaldo? Que estava perguntando e quem respondendo?
"O medo de coisas invisíveis é a semente natural daquilo que todo mundo, em seu íntimo, chama de religião". (Thomas Hobbes, Leviatã)

Offline Roberto

  • Nível 24
  • *
  • Mensagens: 1.021
Re: Da moral atéia
« Resposta #10 Online: 28 de Dezembro de 2005, 09:41:53 »
Citação de: hugo

Eslarecimentos por favor.

O texto foi escrito pelo Raveiga ou Jose Nivaldo? Que estava perguntando e quem respondendo?


O José Nivaldo estave respondendo um texto meu.
Se eu disser ou escrever hoje algo que venha a contradizer o que eu disse ou escrevi ontem, a razão é simples: mudei de idéia.

Offline Hugo

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.773
Re: Da moral atéia
« Resposta #11 Online: 28 de Dezembro de 2005, 09:48:20 »
Citação de: Roberto
Citação de: hugo

Eslarecimentos por favor.

O texto foi escrito pelo Raveiga ou Jose Nivaldo? Que estava perguntando e quem respondendo?


O José Nivaldo estave respondendo um texto meu.


Ahhh... voce é o Raveiga certo?

Eu já tinha lido seu texto e essa resposta... não lembro onde.
"O medo de coisas invisíveis é a semente natural daquilo que todo mundo, em seu íntimo, chama de religião". (Thomas Hobbes, Leviatã)

Offline Roberto

  • Nível 24
  • *
  • Mensagens: 1.021
Re: Da moral atéia
« Resposta #12 Online: 28 de Dezembro de 2005, 10:07:11 »
Citação de: hugo

Ahhh... voce é o Raveiga certo?


Yes, sir  :wink:

Citação de: hugo
Eu já tinha lido seu texto e essa resposta... não lembro onde.


É, não ficou um texto muito bom, ainda mais porque foi concebido muito mais pelo fígado do que pelo cérebro. E também fica difícil colocar tudo o que pode ser dito sobre o tema num artiguinho com cinco ou seis parágrafos. Mas, convenhamos, a tréplica do Nivaldo ficou muito pior. Não mereceu nem resposta.
Se eu disser ou escrever hoje algo que venha a contradizer o que eu disse ou escrevi ontem, a razão é simples: mudei de idéia.

Offline Hugo

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.773
Re: Da moral atéia
« Resposta #13 Online: 28 de Dezembro de 2005, 11:07:47 »
Citação de: Roberto
Citação de: hugo

Ahhh... voce é o Raveiga certo?


Yes, sir  :wink:

Citação de: hugo
Eu já tinha lido seu texto e essa resposta... não lembro onde.


É, não ficou um texto muito bom, ainda mais porque foi concebido muito mais pelo fígado do que pelo cérebro. E também fica difícil colocar tudo o que pode ser dito sobre o tema num artiguinho com cinco ou seis parágrafos. Mas, convenhamos, a tréplica do Nivaldo ficou muito pior. Não mereceu nem resposta.



Não tenha dúvida.  :wink:
"O medo de coisas invisíveis é a semente natural daquilo que todo mundo, em seu íntimo, chama de religião". (Thomas Hobbes, Leviatã)

Offline Roberto

  • Nível 24
  • *
  • Mensagens: 1.021
Re: Da moral atéia
« Resposta #14 Online: 28 de Dezembro de 2005, 11:45:17 »
Citação de: hugo
Não tenha dúvida.  :wink:


Pois é. Veja só:

Citar
1- Não há uma incoerência no fato de alguém ser ao mesmo tempo liberal e ateu. De fato, o liberalismo é caudatário dos valores do cristianismo. Não posso discordar da afirmação. O liberalismo é a forma mais light de ateísmo.

(...)

7- Por que se associa tanto o ateísmo ao comunismo? Porque o comunismo será talvez a mais bem sucedida forma que o ateísmo assumiu. Conquistou Estados e impérios, conquistou multidões, a despeito de todo o mal registrado pelos seus seguidores.


Como comentar seriamente um texto que não aparenta fazer nenhum sentido?
Se eu disser ou escrever hoje algo que venha a contradizer o que eu disse ou escrevi ontem, a razão é simples: mudei de idéia.

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!