Autor Tópico: Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?  (Lida 3305 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline Gorducho

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.210
  • Sexo: Masculino
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #25 Online: 12 de Junho de 2018, 09:38:25 »
Isso tem que ficar bem sublinhado...
Acreditamos que provavelmente exista vida em muitos outros planetas por uma simples questão de estatística.
« Última modificação: 12 de Junho de 2018, 09:42:04 por Gorducho »

Offline Del vechio

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 211
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #26 Online: 12 de Junho de 2018, 10:15:56 »

Eu não porque não acredito em nenhuma das proposições religiosas. Nem em espiritismo "científico", bien sûr...
Mas sim: o ceticismo dá essa abertura pro cético, em concluindo que sejam reais certas alegações religiosas, nelas creia.
Se algum dia eu presenciar experimentos espíritas nos moldes que propomos outros & eu, passo a acreditar naquilo sem ter deixado de ser cético.
Entendo, ja que o físico limita também precisa ver para crer   , porem a imaginação é uma expansão dos sentidos!
Citar
I.e.: se o cético chegar à conclusão que obteve evidências da tal alegação, adota a alegação como vera. Sem dramas.
isto é valido também para evidências anedóticas?

porque considera absurdo uma fé raciocinada? por exemplo um cientista tem uma inspiração teórica então por mais ceticamente absurda que possa parecer ele acredita que realmente possa ser assim, então graças a sua persistente fé ele finalmente consegue prova-la real.
Neste caso sua fé não foi comprovadamente racional?
Citar

Não. Fé é "sentimento" — à la Rousseau, digamos...
Citar
Veja a sua figuração: a  :idea: do cientista pareceu a priori absurda... Então ela surgiu irracionalmente como um sentimento.
não absurda para fé dele e sim ao ceticismo dos outros!
por exemplo alguns cientistas tradicionais duvidaram do modelo atômico apresentado por John Dalton
onde  não ha provas só existe  fé?
Então neste caso havia fé dos dois lados?

Citar
Ele tem Fé que POSSA ser assim e trabalha persistentemente nisso. Só que o resultado TANTO pode confirmar a Fé dele quanto não.
Então a Fé pode e frequentemente tem o efeito benéfico de provocar perseverança, enfrentar quem duvida, os obstáculos e tudo mais que se apresentar pra concretização da Fé dele.
Mas é "sentimento" — irracionalidade por definição.

Então uma pessoa dotada de fé aliada ao ceticismo está em vantagem em relação a pessoas que ficam limitadas apenas ao ceticismo?
Irracionalidade seria atributos de seres inanimados ou sem cérebros incapazes de raciocinar?
a razão só pode ser comprovada quando da constatação da realização de reações pre objetivadas e quanto maior a eficacia e  objetividade alcançada maior sera considerada a razão do individuo!
Deveras observável é a vontade persistente de alguns animais na busca de alcançarem seus  objetivos, alguns muito peculiares o que acaba os personalizando em relação aos seus semelhantes.
Com tudo ha tambem ações instintivas impostas aos semelhantes no que podemos classificar de "irracionais" que no entanto possuem a mesma razão alcançar algum objetivo pré determinado, se não pelo individuo então por força da natureza casual.
Importante observar que no:
 1) caso pessoal dito racional houve raciocínio, planejamento , intenção e vontade predeterminando   
objetivos.

2) no caso da ação instintiva também ha intenção pre objetivada, se não do individuo então da natureza

neste caso podemos afirmar que ações casuais da natureza também são intencionais ? 

3) digamos que a maior razão objetiva do ser humano é conserva-se vivo,mas sendo a morte inevitável este "sentimento" passa ser irracional?
Citar
Quem nem quando a gente se apaixona...
mas  paixão não tem como razão a procriação,mais uma vez o acaso determinando pre objetivos ?
Citar
Quantos inventores dilapidaram patrimônios seguindo sua Fé...
Outros se deram bem, claro...
e gênio Santos Dumont?

Por que?

Offline Del vechio

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 211
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #27 Online: 12 de Junho de 2018, 10:25:56 »
Bem vindo, Del vechio! Onde quer que vá dar essa busca por respostas, isso é o que há de mais produtivo. Independente do resultado, divirta-se!  :ok:

obrigado pelas saudações amistosas!
:ok:

Citar
Escolhestes teu avatar devido a crença em ETs?

Não. Só achei o camarada do avatar simpático.

então não vê possibilidades de vidas interplanetárias ?
Por que?

Offline AlienígenA

  • Nível 34
  • *
  • Mensagens: 2.782
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #28 Online: 12 de Junho de 2018, 11:04:34 »
Bem vindo, Del vechio! Onde quer que vá dar essa busca por respostas, isso é o que há de mais produtivo. Independente do resultado, divirta-se!  :ok:

obrigado pelas saudações amistosas!
:ok:

Citar
Escolhestes teu avatar devido a crença em ETs?

Não. Só achei o camarada do avatar simpático.

então não vê possibilidades de vidas interplanetárias ?

Possibilidade sim, já que os elementos da vida são abundantes no universo - mas encaro com ceticismo os relatos de contatos e avistamentos, devido a falta de evidências, com tantos astrônomos profissionais e amadores varrendo os céus mundo a fora com instrumentos sofisticados diariamente.

Offline Del vechio

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 211
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #29 Online: 12 de Junho de 2018, 11:27:31 »
- Por que Deus não se manifesta de forma visível a todos?
R: Porque não quer, não deseja ou simplesmente expressa que todos se desenvolvam por si mesmos sem que as pessoas tenham desculpas de autoritarismo ou arbitrariedade de suas escolhas.
ou por que talvez não exista?

 Se é onipotente por que criou seres que necessitam se arrastar sobre a Terra?
Citar
R: Qual é o problema em se arrastar? Já viu a diversidade do Universo? Pode ser que, em outros mundos, "arrastar" seja um sonho. (Ainda mais em mundos de micro gravidade. rs) Ou será que Deus seja criativo e tenha senso de humor...   
pois é mas o sonho do homem foi sempre se libertar da terra, enquanto não tinha aprendido  voar acreditava que uma inundação local  era um diluvio , questiono imposição da ignorância que causa sofrimentos?
 E segundo conceitos humanos ser criativo é  pre requisito para ser divino

Por que criou seres que precisam se devorarem para continuar existindo?
Citar
R: Essa é fácil! Imagine se todos os Seres existissem infinitamente? Se não houvesse transformações físicas no Universo? Como seria? Não é mais útil que os corpos sejam consumidos por outros para uma manutenção de uma existência transitória? O Universo é constante e não estático. Por isso que tudo se acaba e renasce.

sugere  melhor haver infinitas existências transitórias e mutantes do que uma unica permanente constante?


 Por que criou  dor e  sofrimento?
Citar
R: Inverta a pergunta. Se não houvesse Dor ou Sofrimento, como seria? Um mundo perfeito ou tedioso. Haveria sentido em existir sem que haja um objetivo para melhorar os indivíduos ou aliviar as suas dores?
creio que esta sugerindo um inversão de valores:
vejamos diante do "tédio" de estar  plenamente satisfeito  com minha vida me venho uma vontade sado masoquista, comprei um sapato apertado e andei até ficar repleto de dolorosas bolhas, agora sim "arrumei um maior sentido para minha vida"  conseguir se livrar da dores que me inflijo!   :comando:
 
 Porque é necessário morrer?
Citar
R: Idem a quarta resposta. Tudo é transformação. A questão é: Há reciclagem de outras partes da Mente ou "Alma"? Os meus colegas negam, eu sou mais otimista. Creio (FÉ) que tudo é possível. Pela própria diversidade do Universo, ou Multiverso, em si.


por que tudo tem que se transformar?

 Quando converso com Deus sofro de esquizofrenia?
Citar
R: Esquizofrenia seria se ouvisse as respostas Dele em alto e bom som... rs Seria mais uma alto reflexão. Se respondesse, seria uma atitude arbitrária do Ente, estaria interferindo no seu Livre Arbítrio ou na sua capacidade de tomar as suas próprias decisões. Médiuns costumam "ouvir" Entes também, mas, segundo eles, possuem um botão de liga e desliga. E alguns médiuns ou espíritos não são tão "éticos" assim, logo esse "desligar" é importante. Por tanto a Esquizofrenia é um tormento quando não se consegue "desligar" o botão. 
 

por vezes acreditei estar sendo respondido por formas indiretas através de sonhos e de fatos futuros, isso pode ser tão grave quanto  esquizofrenia?
é apenas ilusão se sentir livre dos "falatórios do alem" quando eles estão bem próximos dentro da cabeça de todo ser humano em formas de pensamentos incontroláveis  por muitas vezes bem indesejáveis e prejudiciais!

Quando atribuo fatos a ação divina estou tirando méritos do acaso?
Citar
R: A escolha é sua. Em todos os sentidos... ^_^
e quais escolhas tem os deserdados natos? que tal em bilhões de seres humanos  nascer verme?

 Por que Deus permite que matem em seu nome?
Citar
R: Existe todo o tipo de idiota no mundo. A culpa não é Dele se têm pessoas burras que acreditam que outras são intermediárias Dele. Tudo está na ética. Se alguém quer destruir a outra, questione, o por quê? Será que as pessoas são obrigadas a seguir uma regra social ou ordens de outras e usam o nome de Deus para justificar isso? Deus permite porque existe o Livre Arbítrio. A escolha é de cada um...
ha controvérsias: idiota nascem e foram projetados assim ou todos nascem "iguais" e se tornam-se conforme vontade própria?

Por que Deus permite que nasçam deficientes físicos mentais e existam doenças?
Citar
R: Loteria genética. Mutações são comuns em todos os tipos de animais e indivíduos. Como também permitem seres com talentos únicos e primorosos. A todo momento somos bombardeados com raios cósmicos que fazem todo tipo de alteração genética nos genes, como também alimentos, gases e etc. Tudo é calculado, inclusive o "erro" para que o indivíduo adapta-se ou sirva de alimento para outros indivíduos.
Então crê que o acaso seja uma intenção divina e que maior ou menor sofrimento seja apenas uma questão de sorte ou azar?

Se Deus é justo por que pessoas boas sofrem agruras da vida enquanto as ruins parecem ser agraciadas com uma vida boa?
Citar
R: Será mesmo? Será que pessoas ruins conseguem tudo mesmo? Ou será que houve um grupo de pessoas que escolhem certos indivíduos para usufruírem o que há de melhor na Vida e as doutrinam para que certas questões sejam apresentadas no que eles chamam de "senso comum" que seja uma "tolice" sem tamanho. Como Ética e Moral. Alguns se tornam hedonistas, outros epicuristas e outros estoicos... Tudo são escolhas individuais. ^__^

??????????????????????
« Última modificação: 12 de Junho de 2018, 16:28:45 por Del vechio »
Por que?

Offline Del vechio

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 211
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #30 Online: 12 de Junho de 2018, 12:12:00 »
Somos criadores de deuses.
e como sabe que tambem não somos nossa própria origem?
Não disse que o Logos era sua própria origem. Disse que Logos era, por definição, sinônimo de Origem, e, por isso, questionar sua origem é uma contradição lógica. Só coisas têm origem, e o Logos não é uma coisa.O Logos é o próprio princípio morfogênico, isto é, a estrutura intrínseca do Ser, responsável pelo processo de morfogênese (desenvolvimento das Formas do mundo fenomênico). Dos átomos aos sóis, passando pelo mineral, vegetal, animal e homem, entre as mais diversas manifestações físicas e sutis possíveis, o Logos é responsável pelo nascimento, crescimento e desenvolvimento de todas as coisas, mas não é, ele mesmo, uma coisa - apesar de ser conhecido justamente por meio delas, isto é, por meio da atenção aos arquétipos e ideias subjacentes às formas e fenômenos, através da qual o Logos se revela a nós de maneira impessoal e não-antropomórfica durante a meditação silenciosa e contemplativa. Despertando para essa dimensão da realidade, você passa a compreender os insights de grandes homens como Heráclito, Platão, Plotino, Marco Aurélio, Jakob Böhme, Arthur Schopenhauer, entre outros. As manifestações mais diretas do Logos no plano físico são a espiral e a o torus, entre outros padrões gravitacionais e eletromagnéticos que permeiam desde o desenvolvimento de um embrião e do nascer e crescer das plantas até os ciclos astronômicos e gravitacionais.

ok digamos que uma "coisa" seja apenas uma abstração humana tentando delimitar partes do logos, mas responda minha pergunta Nosso ser é um imposição divina ou nossa auto criação?



essas "divindades" apenas  representam o resultado da coletividade humana, ou possuem personalidade própria?
Citar
Nem totalmente resultado, e nem totalmente causa da coletividade humana. Na verdade, é um ciclo que se retroalimenta. São projeções psíquicas que se desenvolveram naturalmente a partir da natureza tripla do homem - animal, social e cultural. Sobre possuírem personalidade própria - Jung as chamava de "conteúdo psíquico autônomo" do inconsciente, devido à sua capacidade de agirem sobre as coletividades, no sentido de influírem paixões e tendências. Na época dos antigos, a personificação destas forças os dava meios para lidar com elas - a paixão era inspirada por Vênus; a guerra, por Ares; a abundância, por Júpiter, etc. Assim, por meio dessa Arte (Magia) conseguiam lançar uma ponte entre nossa consciência objetiva, cotidiana, e esses aspectos obscuros. Hoje em dia, que o homem se acredita tão dono da razão, cético e materialista, tendo abandonado completamente essas práticas, lotam as filas por psicólogos, remédios, drogas e suicídio, completamente dominado e escravizado pelas mesmas forças cuja atuação ignora e pensa refutar.

Então criamos nossos anjos e demônios?
Se é que entendi corretamente essas "divindades " seriam apenas um inteiração de  pensamentos onde todos influenciam todos?

o seu logos é panteista?
Citar
Não é meu Logos. Não é uma divindade. Não é uma projeção minha.

Então  pode provar ser ele uma inteligencia suprema?

Citar
O Logos é o que É. Não interessam minhas opiniões. Ele já existia antes de descobri-lo e vai continuar existindo se eu ignorá-lo ou desacreditá-lo. É como a lei da gravidade. Se você saltar do prédio, não interessa a sua opinião. Não interessa debatermos, convencermo-nos disso ou daquilo. O Logos é, foi, será e continuará sendo, queiramos ou não. Não se crê no Logos, apenas se toma ciência de sua atuação.

tomar ciência de algo, mas como um ser efêmero pode afirmar  ter tomado ciência de outro ser eterno?

Estas formas pensamentos divindades tambem fazem parte do logos?
Citar
O planeta faz parte do sistema solar. Nós fazemos parte do planeta. Nossa mente faz parte de nós. Os pensamentos fazem parte de nossa mente. Consequentemente, as egrégoras, como qualquer outra coisa existente, necessariamente fazem parte do logos, apesar de que de maneira fractal e indireta.
então se o logos pensa através de nós , por que ignoramos nossa origem divina?


sua definição logos inteligencia suprema, por que necessitaria evoluir ou pior regredir para depois voltar a evoluir?
Citar
Não pense em evolução de um ponto de vista humano, moralista, hipócrita, de acordo com nossa perspectiva relativa. Pense em evolução de um ponto de vista cósmico, de crescimento e desenvolvimento.
esta propondo um "milagre" , pensar como se fosse um deus?
Evoluir implica ser incompleto ou inacabado

Citar
Também não pense em necessidade de um ponto de vista de carência ou de dever, mas também de um ponto de vista cósmico, como a consequência inevitável do conjunto de leis cósmicas. Assim como o incêndio solta chispas, ou como as flores dão pólen, ou como as estrelas formaram o material de que hoje somos feitos, tudo no universo dá frutos. A Consciência Cósmica dá origem a consciências individualizadas que experimentam existências transitórias por meio de veículos que lhes servem de aprendizado, desenvolvimento e aperfeiçoamento em mundos e condições diversas.

se ha o inevitável o onipotente é lenda?
e por que todo esse longo caminho para chegar ao objetivo , o ser mais racional não deveria ser tambem o  mais objetivo?


ainda dentro da sua definição de inteligencia suprema é de se questionar uma opção menos violenta ?
Citar
Quando você julga algo violento ou desumano, assim ou assado, justo ou injusto, está o fazendo por meio de uma perspectiva humana, limitada, pequena, relativa à seus interesses, conforto e conveniência. Se entender isso, pode começar a extinguir essas projeções e ilusões e começar a enxergar as coisas como realmente são - isto é, da única maneira que poderiam ser.
propõe que eu seja mais que um ser humano?
e por que seria racional se preocupar mais com interesses alheios, devo considera-los mais importantes do que os meus?

voce não acha meio que um sadismo logoistico criar seres fadados a instintos assassinos e depois retalha-los por estarem seguindo sua natureza logoista?
Citar
Essa forma de ver as coisas parte do teu ego, da tua condição humana, frágil e vulnerável. Tente ver o mundo do ponto de vista de uma barata - humanos são monstros gigantescos que te esmagam por nada. Não seria um sadismo logóico sequer criar estas aberrações ambulantes? Só há uma forma de entender o universo - vendo-o como um sistema integrado e autorregulado, e não como uma projeção arbitrária de nossos atributos psicológicos.

bom neste caso a sacanagem continua sendo divina tamanha  a distancia entre os seres, me é desagradável e indesejado ser obrigado pela ignorância nata  sair por ai pisando em formiguinhas inocentes, ou seja é deus que nos obriga a infligirmos sofrimentos mútuos para depois nos "punir"!
um mosquito é obrigado por deus a vir sugar o meu sangue madrugada a fora e eu sou obrigado a ter que mata-lo para não ser contaminado e poder descansar em paz!


seu deus logos possui necessidades?

Citar
No sentido de carência, escassez, ou dever, como concebemos humanamente, não. No sentido de implicações necessárias das leis cósmicas, sim - por exemplo, criar, dar forma e dar origem ao que chamamos de "ondas de vida" - isto é, correntes de consciências individualizadas (vegetal, animal, homem...)
deus é escravo de leis?


se o objetivo do logos é ser mais objetivo então por que não ser objetivo direto?
Citar
?????????????
se a maior razão possível (inteligencia suprema é ser Deus) então por que ele desejou ser você, ser uma planta , ser um verme , deus começou  perder a razão?


Citar
na verdade só eu falo através de pensamentos,mas acreditava que ele me respondia de formas sutis, no momento certo através de sonhos, e acontecimentos relacionados as minhas preocupações mas, hoje ca estou questionando se não tratava apenas de esquizofrenia religiosa?

Citar
Esquizofrenia é um termo forte. É mais como uma projeção sua, uma lente que você mesmo criou para filtrar e interpretar o que lhe acontecia. Quando voluntário, pode ser um exercício interessante - imaginar que se está recebendo conselhos de alguma espécie de "eu superior', unicamente para extrair lições e ensinamentos a partir do que lhe sucede...
e imaginação não é pre requisito para esquizofrenia? o indicativo de sintomas aparecem com  crenças a partir da imaginação


Se não podemos falar sobre o logos donde  tirou que ele é uma inteligencia suprema causa primeira de todas as coisas?
Citar
Disse no sentido de delimitá-lo e circunscrevê-lo como fazemos com conceitos e projeções nossas. Entretanto, se você estudar Platão, ou os sábios da tradição oriental, e começar a trilhar uma senda, pode abrir sua intuição para a atuação do Logos em todas as coisas, não tendo, para isso, que fazer nada além de calar as próprias projeções, ilusões e enganos fundamentais a cerca da vida e da realidade.
então sua consciência do logos não passa de um sentimento intuitivo?


então as personalidades humanas são obras do acaso?

Citar
As personalidades humanas são frutos de carmas, que são marcas em nós gravadas e herdadas por experiências passadas, mas é importante perceber que nós não somos nossa personalidade.

esta explicação me lembrou a fabula de Caim
interessante! sempre achei que nossa personalidade é o que diferencia um ser do outro?

e por que é necessário desenvolver a consciência individualizada vindo de uma inteligencia suprema?
Citar
A semente só pode vir de um fruto. O óvulo só pode vir de um útero. Os elementos químicos só podem vir das estrelas. Todas as coisas são interdependentes, é da natureza deste universo. Da mesma forma, a consciência individualizada é uma espécie de "faísca" da consciência cósmica que se desprende e experimenta a perspectiva transitória.

e por que o logos teria sentido necessidade , desejo inevitável de se tornar um loguinho?


e qual a necessidade de nascer com deficiencia fisca e mental?

Citar
O que é deficiência? O que é deficiência mental? Quanto mais você refletir, filosofar e se aprofundar em si mesmo e no vazio destes e outros conceitos, começará a ver como muito do que tomamos como fatos do mundo são, na verdade, concepções e julgamentos humanos. Uma criança típica americana, em uma escola francesa, seria considerada com transtorno de atenção. Uma criança típica japonesa, em uma escola americana, poderia ser considerada no mínimo de traços autísticos. Uma mesma mutação responsável por o que é julgado como deficiência pode trazer uma cura para um aspecto inusitado. As coisas são duais e as fronteiras não são delimitadas. Uma mulher com um dos piores cânceres de toda a história da ciência desenvolveu células capazes de se replicarem de maneira infindável, e até hoje seu caso é pesquisado. Quanto mais você observar a própria mente e os próprios julgamentos, verá que todas as acusações que faz ao mundo partem, na verdade, de si mesmo. É você quem compara as coisas, julga isso melhor e aquilo pior, e, dessa forma, experimenta o sofrimento de uma realidade fragmentada, na qual julga tudo como relativo a si, ao invés de ver as coisas como são - parte de um todo maior.

conceitos maduros são formados a partir de experiência próprias ou especulativos apenas tomando ciência da experiência dos outros, porque a formação da consciência necessita de referencias do mundo externo.
assim  é que um ser desprovido de um dos sentidos sensoriais, algum membro do corpo ou falta de capacidade cognitiva pode ser considerado portador de algum tipo de deficiência em relação aos seu semelhantes!
Se ha um deus que tenha me dado capacidade de julgamento certamente quer que eu a use,mas eu aprecio este seu otimismo  em defesa do logos mais ou  menos dos que conseguem ver a parte "boa" das guerras!  :comando: 


comer , beber, ter abrigo , familia, saude são pre requesitos de uma vida boa.
sofrer é quando voce esta com  vontade morrer.
Citar
Pela sua lógica, Suzane von Richthofen é uma pessoa muito feliz. Simultaneamente, os garis dançantes dos quais o Boris Casoy zombou chamando de "o mais baixo da escala do trabalho", são pessoas muito sofridas. Olhe só para você, a forma como enxerga o mundo. Sua definição de "vida boa" é completamente relativa, limitada, limítrofe, pequena. É dessa maneira que você explica as taxas de suicídio do Japão e dos países nórdicos? Seu Espírito está ofuscado por sua mente pequena. Quando você começar a observar essa mente pequena, seus julgamentos, seus pitacos, suas birras, e começar a desmascará-la em silêncio, vai permitir que sua grande mente, seu eu interior, ou seu "espírito", se preferir chamar assim, aos poucos te nutra a intuição necessária para se desligar dessa matrix e manifestar tua verdadeira natureza.
fica difícil querer generalizar e julgar o sentimentos dos outros pelo visto não esta muito satisfeita com sua familia, ja o irmão demonstrou ter ficado mais triste com a prisão do seu cunhado assassino do que com a morte dos pais!
quando digo por que o logo não é mais objetivo dispensando a fase dos ovos manisfestando sua verdadeira natureza de suprema inteligencia?
« Última modificação: 12 de Junho de 2018, 16:31:32 por Del vechio »
Por que?

Offline Gorducho

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.210
  • Sexo: Masculino
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #31 Online: 12 de Junho de 2018, 12:25:03 »
Entendo, ja que o físico limita também precisa ver para crer   , porem a imaginação é uma expansão dos sentidos!
Desde que não se perca-de-vista que é…. IMAGINAÇÃO
Claro: axioma anti-solipsismo ON
Evidentemente que um cientista ou inventor IMAGINA algum novo modelo descritivo/preditivo dentro da ciência dele, ou invento, conforme o caso. Mas tanto o modelo dele quanto se for o caso invento, devem se ajustar ao mundo real.
I.e.: o modelo prever resultados que de fato se verifiquem dentro da realidade externa à cabeça dele;
ou o invento funcionar conforme previsto.
Citar
isto é valido também para evidências anedóticas?
Claro que não. Mas evidencias anedóticas podem vir a ser um indicativo pra alegação, claro. Mas depois das anedóticas n’algum momento têm que aparecerem evidencias comprováveis.
Citar
não absurda para fé dele e sim ao ceticismo dos outros!
por exemplo alguns cientistas tradicionais duvidaram do modelo atômico apresentado por John Dalton
“Duvidar” duma teoria proposta não significa que ela deva ser considerada “absurda”. No caso não vejo como uma coisa que rolava desde o Demócrito pudesse ser taxada de “absurda”.
Claro, COMPROVAR a tese são outros 500…
Citar
Então neste caso havia fé dos dois lados?
Não encaro formular hipóteses como “fé”.
Anyway, se os 2 lados tinham “fé’, só 1 das fés correspondeu, certo :?:
Bem como falei (até parece premonição  :histeria:)
Citar
Então uma pessoa dotada de fé aliada ao ceticismo está em vantagem em relação a pessoas que ficam limitadas apenas ao ceticismo?
Me parece que Fé seja incompatível com ceticismo.
Citar
Irracionalidade seria atributos de seres inanimados ou sem cérebros incapazes de raciocinar?
Objetos inanimados não têm esse atributo (na “classe” deles pra usar terminologia moderna tirada da informática  :hihi:).
E, não: não será  “incapacidade pra raciocinar” genericamente falando, mas, say, “agir por um impulso incontrolável” em certas situações.
Citar
1) caso pessoal dito racional houve raciocínio, planejamento, intenção e vontade predeterminando   
objetivos.
Mas na situação que estamos analisando, o “raciocínio” estaria pré-condicionado pela fé.
Es decir: a Fé veio antes do raciocínio.
Citar
3) digamos que a maior razão objetiva do ser humano é conserva-se vivo, mas sendo a morte inevitável este "sentimento" passa ser irracional?
Que sentimento :?:
Citar
mas  paixão não tem como razão a procriação, mais uma vez o acaso determinando pré objetivos ?
Então :!: A força impulsiva da "natureza" se sobrepõe à nossa "razão".
Se quiser se aprofundar nisso, leia o Schopenhauer...


Não entendi a referência ao ASD
 :?:
Citar
ou por que talvez não exista?
:ok:
Como disse antes, nesses casos a posição cética não deve ser a de "suspender juízo" num fifty-fifty, mas usar a navalha do Guilherme e descrer até que alguma evidência deveras fantástica — como o caso requer — apareça.
« Última modificação: 12 de Junho de 2018, 12:37:36 por Gorducho »

Offline pehojof

  • Nível 18
  • *
  • Mensagens: 547
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #32 Online: 12 de Junho de 2018, 13:35:11 »
Skeptikós e Saint-Martin, assumo minha parte desse mal-entendido na falha de eu não ter sido claro o bastante. Vamos jogar mais luz em cima que deve clarear mais. Eu espero que se consolide mais um perfil de mim como transcendentalista e não misticista.


Eu compartilho da opinião de William James, devemos ser céticos em relação as questões na qual não temos evidências comprobatórias suficientes e cujo resultado não depende da nossa vontade, por exemplo, a existência de vida inteligente fora da Terra é uma questão em aberto e cujo resultado independe de nossas crenças. Mas nas situações onde apesar da ausência de evidências suficientes, o resultado é afetado pela nossa vontade, a crença é útil e necessária, por exemplo, no caso de abordar uma mulher atraente em uma festa, antes de aborda-la não possuo evidências suficientes de que ela também me ache atraente e me deseje, mas a vontade e a confiança que me impulsionam a aborda-la são capazes de afetar o resultado.

Eu creio que a crença não sofre dessa limitação. Creio que a crença é poderosa, que pode criar qualquer coisa. No mínimo, se crermos que eles existem, podemos procurar por eles e encontrá-los, o que teria menor chance de ocorrer se não procurarmos por não crermos. Mas creio até que nossas crenças podem fazer com que eles existam, assim como talvez tudo exista só porque cremos que exista. Do contrário, por favor, então demonstre como não.
Acreditar que vou arrumar um emprego apesar da falta de evidências que suporte isso impacta no resultado final de eu arrumar um emprego ou não, pois para que eu iria a uma entrevista se eu não acreditasse que poderia conseguir o emprego?

Agora, acreditar que exista vida inteligente em outros planetas não fará essa vida inteligente passar a existir do nada, apenas por eu pensar que sim. E como eu não sou cientista pesquisando vida em outros planetas, minha crença a este respeito não causa nenhum impacto na busca por vida inteligente extra-terrestre, restando a suspensão do juízo sobre esta questão como a alternativa mais sensata.

Primeiro você não atendeu meu pedido de demonstração e só restabeleceu o que me parece ser só uma crença sua a respeito da crença, não leve a mal. :ok:

Agora dá uma olhada no detalhe seu ali:

apenas por eu pensar que sim

É aí que está o ponto. Você mesmo tinha dito que a sua "vontade e confiança estimuladas pela crença" tem impulsionariam a flertar com a mulher desejada e isso poderia alterar a percepção dela quanto a você. Não porque você fica sentado numa cadeira na festa olhando para ela sem nem trocar olhares e crendo que ela vai magicamente se apaixonar por você só porque você crê. Ademais, observe como você criou uma categoria especial onde esses efeitos da crença agem, excluindo outros casos por sua seleção pessoal. No caso de conseguir um emprego também, você fala na ação de ir obtê-lo, porém quando você fala de vida inteligente extraterrena existir ou não, você alude à crença "imóvel". Outro detalhe seletivo seu foi separar sua crença das demais pessoas só no caso desejado por você, pois a crença de cientistas também não afetarão sua conquista da mulher ou do emprego.

Como exercício para entender melhor os efeitos da crença, pense na seguinte possibilidade: pesquisadores crendo na existência de vida inteligente fora da Terra, se determinam a encontrá-la e contactá-la, criando meios para conseguir. Então eles produzem um laser de altíssima potência para emitir pulsos em direção a pontos do universo. Esse laser, ao atingir um planeta, poderia ser o efeito físico que faltava em um sistema químico qualquer lá que estivesse pronto a desenvolver vida. Muito tempo mais tarde, essa poderia evoluir para formas até inteligentes. O que teria acontecido diferente nesse caso da conquista do emprego ou da mulher?

O que eu creio sobre o princípio da crença não se limita a essa forma consciente de crer. Para mim, a crença é a transcendência máxima da natureza, que está no início de todos os seus movimentos e processos, que se expressa na mente humana nessa forma muitas vezes distorcida pelas religiões mundanas e filosofias medíocres como o cristianismo, onde "um grão de mostarda pode ser amplificado infinitamente".
"Et quæ tanta fuit Romam tibi causa videndi?"
"Libertas, quæ sera tamen, respexit inertem,"

Offline pehojof

  • Nível 18
  • *
  • Mensagens: 547
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #33 Online: 12 de Junho de 2018, 13:48:29 »
Admiro a posição do Skeptikós e, de um ponto de vista mais simplista, considero-a muito mais sensata e adequada do que uma adoção cega de crença e negação, duas vias igualmente errôneas. O que existe, existe. O que não existe, não existe. Opiniões pessoais não são tão importantes assim e as crenças e descrenças de alguém só agem sobre aquele mesmo que as concebe, construindo sua relação com a Existência. Assim sendo, é melhor não "seguir" nada (em referência ao título do tópico), não se agarrar a um sistema de pensamento específico, já que este comportamento é fruto da compulsão humana por segurança e controle. As pessoas querem ter certeza de que deus existe, ou ter certeza de que deus não existe, e convencerem-se umas às outras de suas próprias projeções. Tolice. É penoso ver pessoas correndo para os dois polos, encontrando-se nas extremidades da ferradura por compartilharem dos mesmos vícios (autoafirmação, dogmatismo, pensamento embotado, etc), ainda que se oponham em teoria. Para quem ainda não está pronto para trilhar uma Senda, este caminho - o da dúvida, do livre-pensamento e da dissolução do embotamento mental - é suficiente para manter-se em um estado de consciência razoavelmente mais desperto que a manada.

Mas segundo o próprio Skeptikós, a posição assumida por ele nem é dele mas copiada do William James, que talvez tenha copiado de alguém e que de alguém... Quem sabe uma sequência de passagens de uma crença em seu poder também de se transferir por mentes até chegar ao destino de sua realização?...

O que eu destaquei é só uma crença positivista sua, o que me surpreende (mas de forma neutra! :| :)) e opiniões pessoais parecem tão importantes para você que você até "admira" as de uns, mesmo através de outros. Não se engane, a crença move tudo o que você crê que é, desde o início de tudo. O universo é feito de crença, é sua substância fundamental, o universo é a crença de si mesmo, daí seu espetáculo de incompreensibilidade. É o que creio. :)

Mas, como eu disse, me identifico muito com seu pensamento, muito mas não totalmente! :ok:
"Et quæ tanta fuit Romam tibi causa videndi?"
"Libertas, quæ sera tamen, respexit inertem,"

Offline pehojof

  • Nível 18
  • *
  • Mensagens: 547
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #34 Online: 12 de Junho de 2018, 13:54:14 »
o amigo tambem crê em ETs ?

Temos aqui o AlienígenA Paul e por aí pelas moitas o Bilu como provas para ninguém duvidar! :histeria:

Mas sem piada, creio muito sim. Até que já visitaram e visitam a Terra constantemente, mas esse não deve ser um assunto bem vindo por aqui, muito embora o ceticismo seja fraco pelo menos com relação a questões sociais como a da pena de morte... onde as ideologias prevalecem sobre os fatos. :no: |(

O assunto é muito bem vindo aqui, inclusive já tendo sido abordado em várias oportunidades.

Quais os possíveis tipos de seres existiriam fora da Terra e os requisitos físico-químicos-geológicos para a existência deles são aspectos muito interessantes.

Mas - repare - isto é Ciência, mesmo que abordada no plano da especulação, feita por astrônomos, biólogos, físicos, químicos e geólogos; conscientes das suas limitações.

Não tem nenhuma relação com as 'pesquisas ufológicas', discussões não-científicas feitas por dentistas, médicos, advogados e vendedores; em uma mistura pitoresca de misticismo com wishful thinking.

Com isso então creio que não errei em minha conclusão, pois eu me referia à minha crença nas visitas deles à Terra. Especular sobre como eles surgiram e quais seriam suas formas em outros mundos além da Terra é outra questão, de fato. :ok:
"Et quæ tanta fuit Romam tibi causa videndi?"
"Libertas, quæ sera tamen, respexit inertem,"

Offline Gorducho

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.210
  • Sexo: Masculino
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #35 Online: 12 de Junho de 2018, 14:32:22 »
Depende... a mulher pode gostar dum tipo um tanto inseguro, humilde quanto à possibilidade de rolar alguma coisa  :twisted:
Agora quanto a emprego sem dúvidas. Uma atitude  :ok: — claro que não uma postura de autoconfiança arrogante :!:— vai influir positivamente na percepção do contratador.

Offline Del vechio

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 211
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #36 Online: 12 de Junho de 2018, 15:53:47 »

Mas, não que eu não creia que haja um, porém urge-me perguntar: na tua ótica o que seria o "problema do ceticismo"?
ver para crer



o amigo tambem crê em ETs ?
Citar
Temos aqui o AlienígenA Paul e por aí pelas moitas o Bilu como provas para ninguém duvidar! :histeria:
Mas sem piada, creio muito sim. Até que já visitaram e visitam a Terra constantemente, mas esse não deve ser um assunto bem vindo por aqui, muito embora o ceticismo seja fraco pelo menos com relação a questões sociais como a da pena de morte... onde as ideologias prevalecem sobre os fatos. :no: |(

possui evidências ou apenas fé?
Por que?

Offline Skeptikós

  • Nível 39
  • *
  • Mensagens: 4.059
  • Sexo: Masculino
  • Séxtos Empeirikós
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #37 Online: 12 de Junho de 2018, 15:54:37 »
A diferença é que eu eu tenho recursos para procurar emprego e flertar com mulheres, e a minha crença de que sou capaz de obter sucesso nestes campos afetará significativamente os resultados. Eu não sou cientista nem tenho recursos para buscar vida inteligente extra-terrestre, neste caso a minha crença não afetará de forma alguma ou apenas de maneira insignificante os resultados, já que eu se quer participo do processo de busca por vida inteligente fora do planeta.
"Che non men che saper dubbiar m'aggrada."
"E, não menos que saber, duvidar me agrada."

Dante, Inferno, XI, 93; cit. p/ Montaigne, Os ensaios, Uma seleção, I, XXV, p. 93; org. de M. A. Screech, trad. de Rosa Freire D'aguiar

Offline Del vechio

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 211
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #38 Online: 12 de Junho de 2018, 15:59:43 »
Eu compartilho da opinião de William James, devemos ser céticos em relação as questões na qual não temos evidências comprobatórias suficientes e cujo resultado não depende da nossa vontade, por exemplo, a existência de vida inteligente fora da Terra é uma questão em aberto e cujo resultado independe de nossas crenças. Mas nas situações onde apesar da ausência de evidências suficientes, o resultado é afetado pela nossa vontade, a crença é útil e necessária, por exemplo, no caso de abordar uma mulher atraente em uma festa, antes de aborda-la não possuo evidências suficientes de que ela também me ache atraente e me deseje, mas a vontade e a confiança que me impulsionam a aborda-la são capazes de afetar o resultado.

Eu creio que a crença não sofre dessa limitação. Creio que a crença é poderosa, que pode criar qualquer coisa. No mínimo, se crermos que eles existem, podemos procurar por eles e encontrá-los, o que teria menor chance de ocorrer se não procurarmos por não crermos. Mas creio até que nossas crenças podem fazer com que eles existam, assim como talvez tudo exista só porque cremos que exista. Do contrário, por favor, então demonstre como não.

se refere ao   fantástico mundo da imaginação onde o quase tudo pode ser criado?
até que isso faz algum sentido, porque aquele não crê em si mesmo vive como se não existisse!
« Última modificação: 12 de Junho de 2018, 16:01:56 por Del vechio »
Por que?

Offline Del vechio

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 211
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #39 Online: 12 de Junho de 2018, 16:27:13 »

Possibilidade sim, já que os elementos da vida são abundantes no universo - mas encaro com ceticismo os relatos de contatos e avistamentos, devido a falta de evidências, com tantos astrônomos profissionais e amadores varrendo os céus mundo a fora com instrumentos sofisticados diariamente.

coloca deuses e ETS no mesmo patamar dos seres evoluídos que nunca se comunicam com humanos?
Por que?

Offline Skeptikós

  • Nível 39
  • *
  • Mensagens: 4.059
  • Sexo: Masculino
  • Séxtos Empeirikós
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #40 Online: 12 de Junho de 2018, 16:35:11 »
A diferença é que eu eu tenho recursos para procurar emprego e flertar com mulheres, e a minha crença de que sou capaz de obter sucesso nestes campos afetará significativamente os resultados. Eu não sou cientista nem tenho recursos para buscar vida inteligente extra-terrestre, neste caso a minha crença não afetará de forma alguma ou apenas de maneira insignificante os resultados, já que eu se quer participo do processo de busca por vida inteligente fora do planeta.

E outra, se existe ou não vida extraterrestre inteligente, isso independe da minha vontade ou crença, elas podem até contribuir para que eu obtenho êxito na busca, mas somente se está forma de vida já existir, não será a minha crença que a fará existir, já nos casos por mim exemplificados, a crença em si impacta no resultado.
"Che non men che saper dubbiar m'aggrada."
"E, não menos que saber, duvidar me agrada."

Dante, Inferno, XI, 93; cit. p/ Montaigne, Os ensaios, Uma seleção, I, XXV, p. 93; org. de M. A. Screech, trad. de Rosa Freire D'aguiar

Offline AlienígenA

  • Nível 34
  • *
  • Mensagens: 2.782
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #41 Online: 12 de Junho de 2018, 16:50:17 »
o amigo tambem crê em ETs ?

Temos aqui o AlienígenA Paul e por aí pelas moitas o Bilu como provas para ninguém duvidar! :histeria:

Mas sem piada, creio muito sim. Até que já visitaram e visitam a Terra constantemente, mas esse não deve ser um assunto bem vindo por aqui, muito embora o ceticismo seja fraco pelo menos com relação a questões sociais como a da pena de morte... onde as ideologias prevalecem sobre os fatos. :no: |(

O assunto é muito bem vindo aqui, inclusive já tendo sido abordado em várias oportunidades.

Quais os possíveis tipos de seres existiriam fora da Terra e os requisitos físico-químicos-geológicos para a existência deles são aspectos muito interessantes.

Mas - repare - isto é Ciência, mesmo que abordada no plano da especulação, feita por astrônomos, biólogos, físicos, químicos e geólogos; conscientes das suas limitações.

Não tem nenhuma relação com as 'pesquisas ufológicas', discussões não-científicas feitas por dentistas, médicos, advogados e vendedores; em uma mistura pitoresca de misticismo com wishful thinking.

Com isso então creio que não errei em minha conclusão, pois eu me referia à minha crença nas visitas deles à Terra. Especular sobre como eles surgiram e quais seriam suas formas em outros mundos além da Terra é outra questão, de fato. :ok:

Desde que você não se importe com questionamentos e discordâncias, qualquer assunto é bem vindo. O que pega, geralmente, não é o tema, mas a abordagem - quando, por exemplo, camarada confunde suas opiniões, crenças e visões da realidade com a própria realidade ou com a verdade última transcendental absoluta imutável mega picas da galáxia - aí, dá ruim.  :ok:

Offline pehojof

  • Nível 18
  • *
  • Mensagens: 547
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #42 Online: 12 de Junho de 2018, 17:38:30 »
Depende... a mulher pode gostar dum tipo um tanto inseguro, humilde quanto à possibilidade de rolar alguma coisa  :twisted:

Mesmo assim, é preciso que ela pelo menos saiba que você (ele) existe. E se você (ele) não acreditar que tem chance, isso não deve acontecer, uma interação.



Agora quanto a emprego sem dúvidas. Uma atitude  :ok: — claro que não uma postura de autoconfiança arrogante :!:— vai influir positivamente na percepção do contratador.

Parece válido o mesmo no caso da mulher.
"Et quæ tanta fuit Romam tibi causa videndi?"
"Libertas, quæ sera tamen, respexit inertem,"

Offline pehojof

  • Nível 18
  • *
  • Mensagens: 547
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #43 Online: 12 de Junho de 2018, 17:45:23 »

Mas, não que eu não creia que haja um, porém urge-me perguntar: na tua ótica o que seria o "problema do ceticismo"?
ver para crer

Mas lá você disse "se Deus conversasse com todos", então seria ouvir para crer. :)



o amigo tambem crê em ETs ?
Citar
Temos aqui o AlienígenA Paul e por aí pelas moitas o Bilu como provas para ninguém duvidar! :histeria:
Mas sem piada, creio muito sim. Até que já visitaram e visitam a Terra constantemente, mas esse não deve ser um assunto bem vindo por aqui, muito embora o ceticismo seja fraco pelo menos com relação a questões sociais como a da pena de morte... onde as ideologias prevalecem sobre os fatos. :no: |(

possui evidências ou apenas fé?

Fé eu não tenho. Não é o mesmo que crença. Só as religiões mundanas, filosoficamente rudimentares, confundem fé com crença. As filosofias superiores da transcendência nos levam a desvincular a vontade (fé) da crença. A fé é a esperança de que um desejo ou necessidade possa ser realizado pela "força dele mesmo". Crença é o ímpeto vital que precede a tudo, desde o inanimado até o animado e o consciente que percebe-se crendo.

Evidências eu creio em muitos relatos de pessoas que avistaram e tiveram contato. Eu mesmo já tive muitos avistamentos, nenhum contato. Além disso, tem muita coisa mal explicada no passado da Terra que me parece muito melhor explicada sob a visão dessa presença mais desenvolvida que nós humanos na Terra.
"Et quæ tanta fuit Romam tibi causa videndi?"
"Libertas, quæ sera tamen, respexit inertem,"

Offline pehojof

  • Nível 18
  • *
  • Mensagens: 547
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #44 Online: 12 de Junho de 2018, 17:46:48 »
Eu compartilho da opinião de William James, devemos ser céticos em relação as questões na qual não temos evidências comprobatórias suficientes e cujo resultado não depende da nossa vontade, por exemplo, a existência de vida inteligente fora da Terra é uma questão em aberto e cujo resultado independe de nossas crenças. Mas nas situações onde apesar da ausência de evidências suficientes, o resultado é afetado pela nossa vontade, a crença é útil e necessária, por exemplo, no caso de abordar uma mulher atraente em uma festa, antes de aborda-la não possuo evidências suficientes de que ela também me ache atraente e me deseje, mas a vontade e a confiança que me impulsionam a aborda-la são capazes de afetar o resultado.

Eu creio que a crença não sofre dessa limitação. Creio que a crença é poderosa, que pode criar qualquer coisa. No mínimo, se crermos que eles existem, podemos procurar por eles e encontrá-los, o que teria menor chance de ocorrer se não procurarmos por não crermos. Mas creio até que nossas crenças podem fazer com que eles existam, assim como talvez tudo exista só porque cremos que exista. Do contrário, por favor, então demonstre como não.

se refere ao   fantástico mundo da imaginação onde o quase tudo pode ser criado?
até que isso faz algum sentido, porque aquele não crê em si mesmo vive como se não existisse!

Há uma íntima e profunda ligação com isso sim, mas não é tudo. A crença existe mesmo antes da imaginação. É a crença que conduz à imaginação.
"Et quæ tanta fuit Romam tibi causa videndi?"
"Libertas, quæ sera tamen, respexit inertem,"

Offline pehojof

  • Nível 18
  • *
  • Mensagens: 547
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #45 Online: 12 de Junho de 2018, 17:53:17 »
A diferença é que eu eu tenho recursos para procurar emprego e flertar com mulheres, e a minha crença de que sou capaz de obter sucesso nestes campos afetará significativamente os resultados. Eu não sou cientista nem tenho recursos para buscar vida inteligente extra-terrestre, neste caso a minha crença não afetará de forma alguma ou apenas de maneira insignificante os resultados, já que eu se quer participo do processo de busca por vida inteligente fora do planeta.

E outra, se existe ou não vida extraterrestre inteligente, isso independe da minha vontade ou crença, elas podem até contribuir para que eu obtenho êxito na busca, mas somente se está forma de vida já existir, não será a minha crença que a fará existir, já nos casos por mim exemplificados, a crença em si impacta no resultado.

Não se menospreze tanto assim. Sua crença pode decidir, ou participar na decisão, se investimentos, sejam públicos ou até privados, serão aplicados nessa investigação. A opinião pública tem forte influência. Se a humanidade não acredita, os cientistas que acreditam podem ficar impedidos de pesquisar. E aí o resto eu já dei uma demonstração de como pode ocorrer. Falta só você demonstrar a sua parte... :)

Suas crenças influenciam mais o mundo que suas vontades, porque suas vontades dependem de suas crenças mas suas crenças são livres da sua vontade. Na verdade, não existem vontades sem crenças. Não é você que está no controle das suas crenças, você não escolhe elas, mas elas estão no controle de você. Você é só o que você crê, você é só crença. Analise profundamente se não. :wink:

E por favor, insisto mais uma vez que tente não confundir o poder da crença com o poder da crença de alguém ou grupo em particular. Minha proposição é de que a crença pode criar e se eu pude demonstrar que a crença de alguém pode fazer até vida existir fora da Terra, mesmo que ela dependa da sua e você particularmente não creia, creio que cumpri minha tarefa no debate. :ok:
"Et quæ tanta fuit Romam tibi causa videndi?"
"Libertas, quæ sera tamen, respexit inertem,"

Offline pehojof

  • Nível 18
  • *
  • Mensagens: 547
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #46 Online: 12 de Junho de 2018, 17:58:28 »
o amigo tambem crê em ETs ?

Temos aqui o AlienígenA Paul e por aí pelas moitas o Bilu como provas para ninguém duvidar! :histeria:

Mas sem piada, creio muito sim. Até que já visitaram e visitam a Terra constantemente, mas esse não deve ser um assunto bem vindo por aqui, muito embora o ceticismo seja fraco pelo menos com relação a questões sociais como a da pena de morte... onde as ideologias prevalecem sobre os fatos. :no: |(

O assunto é muito bem vindo aqui, inclusive já tendo sido abordado em várias oportunidades.

Quais os possíveis tipos de seres existiriam fora da Terra e os requisitos físico-químicos-geológicos para a existência deles são aspectos muito interessantes.

Mas - repare - isto é Ciência, mesmo que abordada no plano da especulação, feita por astrônomos, biólogos, físicos, químicos e geólogos; conscientes das suas limitações.

Não tem nenhuma relação com as 'pesquisas ufológicas', discussões não-científicas feitas por dentistas, médicos, advogados e vendedores; em uma mistura pitoresca de misticismo com wishful thinking.

Com isso então creio que não errei em minha conclusão, pois eu me referia à minha crença nas visitas deles à Terra. Especular sobre como eles surgiram e quais seriam suas formas em outros mundos além da Terra é outra questão, de fato. :ok:

Desde que você não se importe com questionamentos e discordâncias, qualquer assunto é bem vindo. O que pega, geralmente, não é o tema, mas a abordagem - quando, por exemplo, camarada confunde suas opiniões, crenças e visões da realidade com a própria realidade ou com a verdade última transcendental absoluta imutável mega picas da galáxia - aí, dá ruim.  :ok:

Eu não me importo, mesmo que esses questionamentos e essas discordâncias incluam "confundir crenças, opiniões e visões da realidade com ela própria ou a verdade mega do multi-universo" ::)

Acho que sou mais cético que a média, até daqui, e meu receio e precaução continuam válidos. :biglol:
"Et quæ tanta fuit Romam tibi causa videndi?"
"Libertas, quæ sera tamen, respexit inertem,"

Offline Gorducho

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.210
  • Sexo: Masculino
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #47 Online: 12 de Junho de 2018, 18:21:13 »
Mesmo assim, é preciso que ela pelo menos saiba que você (ele) existe. E se você (ele) não acreditar que tem chance, isso não deve acontecer, uma interação.
...
Parece válido o mesmo no caso da mulher.
Claro que eu tava BRINCANDO :ira:
Citar
Minha proposição é de que a crença pode criar e se eu pude demonstrar que a crença de alguém pode fazer até vida existir fora da Terra
:susto:
Que é isso :?:
Solipsismo :?:
O Universo É aquilo que eu IMAGINO que ele seja :?:

Claro que a crença numa possibilidade poderá criar coisas que estejam ao nosso alcance.
Como ganhar a mulher no exemplo; ou se ACREDITAMOS que podemos conseguir alguma meta de vida e trabalhamos pra isso, a crença pode concretizar o "sonho".
Mas o que esteja ao nosso alcance.
Fazer existir vida fora da Terra via crença só um cientista desenvolvendo algum organismo, pondo ele numa nave, e largando em Marte, Titan &c... e rezando pro organismo sobreviver e se reproduzir lá   :hehe:
« Última modificação: 12 de Junho de 2018, 18:32:00 por Gorducho »

Offline pehojof

  • Nível 18
  • *
  • Mensagens: 547
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #48 Online: 12 de Junho de 2018, 19:05:18 »
Mesmo assim, é preciso que ela pelo menos saiba que você (ele) existe. E se você (ele) não acreditar que tem chance, isso não deve acontecer, uma interação.
...
Parece válido o mesmo no caso da mulher.
Claro que eu tava BRINCANDO :ira:
E eu também não posso?... :P :histeria:




Citar
Minha proposição é de que a crença pode criar e se eu pude demonstrar que a crença de alguém pode fazer até vida existir fora da Terra
:susto:
Que é isso :?:
Solipsismo :?:
O Universo É aquilo que eu IMAGINO que ele seja :?:

Não, só isso:

Como exercício para entender melhor os efeitos da crença, pense na seguinte possibilidade: pesquisadores crendo na existência de vida inteligente fora da Terra, se determinam a encontrá-la e contactá-la, criando meios para conseguir. Então eles produzem um laser de altíssima potência para emitir pulsos em direção a pontos do universo. Esse laser, ao atingir um planeta, poderia ser o efeito físico que faltava em um sistema químico qualquer lá que estivesse pronto a desenvolver vida. Muito tempo mais tarde, essa poderia evoluir para formas até inteligentes. O que teria acontecido diferente nesse caso da conquista do emprego ou da mulher?

E essa minha singela questão que o Skeptikós em vez de responder optou por sair por uma tangente, e parece que você também nem viu... ::) :P :)



Claro que a crença numa possibilidade poderá criar coisas que estejam ao nosso alcance.
Como ganhar a mulher no exemplo; ou se ACREDITAMOS que podemos conseguir alguma meta de vida e trabalhamos pra isso, a crença pode concretizar o "sonho".
Mas o que esteja ao nosso alcance.
Fazer existir vida fora da Terra via crença só um cientista desenvolvendo algum organismo, pondo ele numa nave, e largando em Marte, Titan &c... e rezando pro organismo sobreviver e se reproduzir lá   :hehe:

Nem toda crença "cega" é impotente de realizações só por ser "cega". Afinal, nunca se fica sabendo realmente qual foi o efeito que fez a mudança no entrevistador ou na mulher... As coisas acontecem e nem sabemos nunca realmente o porquê delas... :wink:
"Et quæ tanta fuit Romam tibi causa videndi?"
"Libertas, quæ sera tamen, respexit inertem,"

Offline Tirn Aill

  • Nível 09
  • *
  • Mensagens: 97
  • Sexo: Masculino
Re:Ceticismo X Crença..... qual caminho a seguir?
« Resposta #49 Online: 12 de Junho de 2018, 20:31:43 »
Estou lendo O mundo assombrado por demônios que aborda essa questão de ets visitarem a terra, é bem interessante, acho que alguns aqui já conhecem.

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!