Enquete

Qual das promessas de campanha abaixo você acha mais provável que seja cumprida por Trump?

Deportação de cerca de 3 milhões de imigrantes ilegais
1 (4.3%)
Construção de um muro na fronteira com o México
2 (8.7%)
Revogação do acordo nuclear iraniano
1 (4.3%)
Extinção do Obamacare
10 (43.5%)
Revogação da assinatura do Acordo Climático de Paris
9 (39.1%)

Votos Totais: 22

enquete encerrada: 14 de Janeiro de 2017, 01:17:02

Autor Tópico: Governo Trump  (Lida 45564 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline Pasteur

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 6.085
  • Sexo: Masculino
Re:Governo Trump
« Resposta #1925 Online: 09 de Janeiro de 2018, 17:34:42 »
Outro recorde: Primeira vez na HISTÓRIA!
Citar
Tradutores da Liberdade
Página curtida · 4 de janeiro ·
 
URGENTE: Dow Jones atinge 25,000 pontos pela primeira vez na história! Fazem apenas 23 dias desde que atingiu 24 mil, registrando o período mais curto entre mil e quinze pontos. Lembra quando a Globo e a mídia internacional esquerdista disseram que o mercado financeiro iria entrar em collapso se o Trump vencesse a eleição? http://fxn.ws/2CoeJN3




Victor Rodrigues
Pelas minhas contas 72º recorde sucessivo do índice Dow Jones desde a eleição de Trump.

Luiz Paulo
"Trump vai ser um Desastre"!
Fonte: BoboNews

Juliedson Batista
Vai bater os 30k ainda nesse ano.


Não se enganem!!!! O Trump só está melhorando a economia americana para conseguir verba e assim construir o muro!!!!!


Offline Muad'Dib

  • Nível 32
  • *
  • Mensagens: 2.245
Re:Governo Trump
« Resposta #1926 Online: 09 de Janeiro de 2018, 17:40:36 »
Coitadinho do ícone da extrema-direita Steve Bannon, agora que falou umas verdades, ele não serve mais!

Ele já está tentando voltar atrás no que disse.

Não adianta mais, demorou pra negar.

A imagem de criança impulsiva mimada do presidente já colou. Isso eu já sabia bem antes do livro, mas o dano foi irreparável no seio dos mais radicais de direita. Agora é duplipensar.

Ao que parece a imagem dele é inabalável nos 30% do eleitorado americano. E a FOX news também não dá o menor sinal de que vai pular do barco.


Offline Pasteur

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 6.085
  • Sexo: Masculino
Re:Governo Trump
« Resposta #1927 Online: 09 de Janeiro de 2018, 17:45:05 »
Coitadinho do ícone da extrema-direita Steve Bannon, agora que falou umas verdades, ele não serve mais!

Ele já está tentando voltar atrás no que disse.

Não adianta mais, demorou pra negar.

A imagem de criança impulsiva mimada do presidente já colou. Isso eu já sabia bem antes do livro, mas o dano foi irreparável no seio dos mais radicais de direita. Agora é duplipensar.

Ao que parece a imagem dele é inabalável nos 30% do eleitorado americano. E a FOX news também não dá o menor sinal de que vai pular do barco.

Tá me lembrando de um certo partido brasileiro e seu eleitorado...

Offline Pasteur

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 6.085
  • Sexo: Masculino
Re:Governo Trump
« Resposta #1928 Online: 09 de Janeiro de 2018, 18:10:30 »
Agora Dow Jones em escala logarítmica:

Citar

Não é qualquer criança mimada birrenta malcriada comedora de hambúrguer agarradora de pussy que irá abalar a economia americana.

Offline Gauss

  • Nível 37
  • *
  • Mensagens: 3.468
  • Sexo: Masculino
  • A Lua cheia não levanta-se a Noroeste
Re:Governo Trump
« Resposta #1929 Online: 09 de Janeiro de 2018, 21:04:17 »
Agora Dow Jones em escala logarítmica:

Citar

Não é qualquer criança mimada birrenta malcriada comedora de hambúrguer agarradora de pussy que irá abalar a economia americana.
Fora breves períodos, a economia americana sempre bateu recordes históricos a cada mês. Os caras falam como se o Trump tivesse pegado um país em crise como o Brasil e tivesse dirigido a locomotiva rumo à galáxia de Andrômeda.
“A matemática é a rainha das ciências.”
Carl Friedrich Gauss.

Offline Muad'Dib

  • Nível 32
  • *
  • Mensagens: 2.245
Re:Governo Trump
« Resposta #1930 Online: 09 de Janeiro de 2018, 21:08:06 »
Em economia existe algum conceito que seja similar a inércia? A DJ tem vindo desde 2008 em uma tendência de alta constante, esse crescimento que o Trump está se gabando não poderia ser explicado por medidas ainda da era Obamaw

Offline Pasteur

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 6.085
  • Sexo: Masculino
Re:Governo Trump
« Resposta #1931 Online: 10 de Janeiro de 2018, 00:04:13 »
Em economia existe algum conceito que seja similar a inércia? A DJ tem vindo desde 2008 em uma tendência de alta constante, esse crescimento que o Trump está se gabando não poderia ser explicado por medidas ainda da era Obamaw

http://checkyourfact.com/2017/08/02/fact-check-did-the-stock-market-nearly-triple-under-obama/

Obama quase triplicou o mercado de ações.

Offline Muad'Dib

  • Nível 32
  • *
  • Mensagens: 2.245
Re:Governo Trump
« Resposta #1932 Online: 10 de Janeiro de 2018, 06:14:00 »
Que chato, o Bannon caiu em desgraça.

https://www.theguardian.com/us-news/2018/jan/09/steve-bannon-leaves-breitbart-after-expressing-regret-over-trump-remarks

O livro pode não ter muito efeito na base que apoia o Trump nos EUA, mas pelo menos tirou um escroque da jogada. A internet fica um tantinho menos asquerosa.


Offline Gauss

  • Nível 37
  • *
  • Mensagens: 3.468
  • Sexo: Masculino
  • A Lua cheia não levanta-se a Noroeste
Re:Governo Trump
« Resposta #1933 Online: 11 de Janeiro de 2018, 21:28:50 »
Trump quer taxar as empresas que vendem produtos na internet pois elas estão "prejudicando" as atrasadas lojas físicas.

https://www.cnbc.com/2018/01/11/trump-hits-amazon-with-another-internet-tax-threat.html
“A matemática é a rainha das ciências.”
Carl Friedrich Gauss.



Offline Pasteur

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 6.085
  • Sexo: Masculino
Re:Governo Trump
« Resposta #1936 Online: 14 de Janeiro de 2018, 13:44:20 »
Mas a popularidade dele caiu nessas regiões.

Offline Agnoscetico

  • Nível 32
  • *
  • Mensagens: 2.320
  • Sexo: Masculino
Re:Governo Trump
« Resposta #1937 Online: 23 de Janeiro de 2018, 21:27:23 »

Ao contrário de Trump protecionista, o Canadá tá e abrindo pro mercado mundial.

<a href="https://www.youtube.com/v/gZNXtCQI09g" target="_blank" class="new_win">https://www.youtube.com/v/gZNXtCQI09g</a>


« Última modificação: 23 de Janeiro de 2018, 21:30:28 por Agnoscetico »


Offline Gabarito

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.595
  • Sexo: Masculino
Re:Governo Trump
« Resposta #1939 Online: 29 de Janeiro de 2018, 13:56:32 »
Frutos do Fórum Econômico Mundial em Davos:

Citar
Reforma tributária de Trump já atrai a atenção dos empresários

Folha de São Paulo
MARIA CRISTINA FRIAS
LUCIANA COELHO
ENVIADAS ESPECIAIS A DAVOS
28/01/2018 02h00

"Deu vontade de investir nos EUA", comentou um empresário brasileiro ao ouvir sobre a reforma tributária de Donald Trump e os bilhões de dólares em investimentos que devem entrar nos EUA, segundo contou o presidente americano no Fórum Econômico Mundial, na Suíça.

A Apple teria comunicado a Trump em um jantar fechado na quinta-feira (25) em Davos que, por causa da aprovação do corte de impostos e do custo para levar de volta recursos que estavam fora do país, decidiu alocar US$ 350 bilhões nos Estados Unidos.

Com a delicadeza que o caracteriza, Trump contou que um outro empresário informou que investiria US$ 2 bilhões em seu país e que ele pensou: "Coitado, [entre os 15 presidentes de empresas presentes no evento], é o que vai investir menos".

Na semana passada, em Davos, alguns empresários internacionais comentaram que têm planos para voltar a investir nos Estados Unidos.

Steven Mnuchin, o secretário do Tesouro americano, que virá ao Brasil em março, também confirmou o movimento. "Não podíamos estar mais animados com as empresas que estão fazendo investimentos. Tivemos a oportunidade de conversar com CEOs [presidentes de empresas] aqui que planejam levar operações de volta aos EUA."

A ênfase das manifestações de Trump e de sua equipe em Davos foi colocada na mensagem de que os Estados Unidos querem aumentar seu comércio e o fluxo de investimentos para lá. "Estamos abertos para negócios. Nós somos competitivos. Queremos mais comércio."

A reforma, na qual Mnuchin investiu esforços pessoalmente, também recebeu críticas por ter sido feita às pressas. A grande redução de impostos, de 35% para 21%, além de outras mudanças que favorecem os negócios, pode elevar os lucros das companhias, aumentar um pouco o emprego e tem pouca chance de incrementar salários.

Aqui e ali, comentou-se a possibilidade de guerras comerciais por governos que querem se proteger. Recentemente, os EUA aplicaram sobretaxas a máquinas de lavar e painéis solares para barrar produtos chineses.

...

« Última modificação: 29 de Janeiro de 2018, 14:00:50 por Gabarito »

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 26.309
  • Sexo: Masculino
Re:Governo Trump
« Resposta #1940 Online: 29 de Janeiro de 2018, 20:42:12 »
E, enquanto isto, o déficit fiscal caminha, forte e celeramente, rumo ao 'espaço infinito' e que levará o EUA, mais cedo ou mais tarde, para a insolvência ou para a hiper inflaçào.
Foto USGS

Offline Gaúcho

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 15.090
  • Sexo: Masculino
  • República Rio-Grandense
Re:Governo Trump
« Resposta #1941 Online: 30 de Janeiro de 2018, 11:11:45 »
Eu aposto em aumento da arrecadação.

Trump, na economia, está indo surpreendentemente bem.
"— A democracia em uma sociedade livre exige que os governados saibam o que fazem os governantes, mesmo quando estes buscam agir protegidos pelas sombras." Sérgio Moro

Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.445
Re:Governo Trump
« Resposta #1942 Online: 30 de Janeiro de 2018, 11:32:59 »
Eu aposto em aumento da arrecadação.

Trump, na economia, está indo surpreendentemente bem.

Se fosse tão simples e fácil assim, então o Brasil já estaria automaticamente salvo com a mesma medida. Bastaria reduzir a carga tributária para voltar a crescer economicamente forte, a arrecadação crescer, e, automaticamente o déficit público se reduziria.
« Última modificação: 30 de Janeiro de 2018, 11:35:53 por -Huxley- »

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.839
Re:Governo Trump
« Resposta #1943 Online: 30 de Janeiro de 2018, 12:18:57 »
Eu aposto em aumento da arrecadação.

Trump, na economia, está indo surpreendentemente bem.

Se fosse tão simples e fácil assim, então o Brasil já estaria automaticamente salvo com a mesma medida. Bastaria reduzir a carga tributária para voltar a crescer economicamente forte, a arrecadação crescer, e, automaticamente o déficit público se reduziria.

...aí a inflação aumenta...as taxas de juros sobem acompanhadas da dívida pública. Não existe mágica. O Trump é a Dilma deles.
.

Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.890
  • Sexo: Masculino
Re:Governo Trump
« Resposta #1944 Online: 30 de Janeiro de 2018, 12:33:35 »
E, enquanto isto, o déficit fiscal caminha, forte e celeramente, rumo ao 'espaço infinito' e que levará o EUA, mais cedo ou mais tarde, para a insolvência ou para a hiper inflaçào.


O custo de rolagem da dívida deles é relativamente baixo (diferente do Brasil, no qual a rolagem da dívida tem um peso bem maior em relação ao PIB).  Por isso, acredito que não há grandes perigos, pensando a médio prazo, e talvez até a longo prazo. Mas, seria preocupante caso acontecesse outra crise como a de 2008, pois nesse caso seria muito difícil ter mais outro grande aumento no endividamento.  E olhando por esse lado,  o recomendável seria buscar ter superávits,  pois  é o que seria recomendável para se fazer uma boa política anticíclica  (superávits na bonança e déficits nas crises/recessões).



 

« Última modificação: 30 de Janeiro de 2018, 12:36:16 por JJ »

Offline Gaúcho

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 15.090
  • Sexo: Masculino
  • República Rio-Grandense
Re:Governo Trump
« Resposta #1945 Online: 30 de Janeiro de 2018, 17:37:03 »
Eu aposto em aumento da arrecadação.

Trump, na economia, está indo surpreendentemente bem.

Se fosse tão simples e fácil assim, então o Brasil já estaria automaticamente salvo com a mesma medida. Bastaria reduzir a carga tributária para voltar a crescer economicamente forte, a arrecadação crescer, e, automaticamente o déficit público se reduziria.

Comparação sem sentido. Existe um abismo entre a política tributária americana e a brasileira. O nosso problema vai muito além das altas taxas tributárias. Vai tão além que é quase cômico, não fosse trágico.
"— A democracia em uma sociedade livre exige que os governados saibam o que fazem os governantes, mesmo quando estes buscam agir protegidos pelas sombras." Sérgio Moro

Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.445
Re:Governo Trump
« Resposta #1946 Online: 30 de Janeiro de 2018, 23:42:33 »
Eu aposto em aumento da arrecadação.

Trump, na economia, está indo surpreendentemente bem.

Se fosse tão simples e fácil assim, então o Brasil já estaria automaticamente salvo com a mesma medida. Bastaria reduzir a carga tributária para voltar a crescer economicamente forte, a arrecadação crescer, e, automaticamente o déficit público se reduziria.

Comparação sem sentido. Existe um abismo entre a política tributária americana e a brasileira. O nosso problema vai muito além das altas taxas tributárias. Vai tão além que é quase cômico, não fosse trágico.

O raciocínio da comparação é valido porque Barack Obama e o PT já o testaram no pós-crise 2008/2009. Ambos reduziram a carga de impostos, e isso funcionou... por certo tempo. Depois, a dívida pública explodiu em ambos os países.

Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.445
« Última modificação: 30 de Janeiro de 2018, 23:51:22 por -Huxley- »

Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.445
Re:Governo Trump
« Resposta #1948 Online: 30 de Janeiro de 2018, 23:50:33 »
As isenções fiscais que o governo Lula concedeu em 2009 aumentaram a dívida pública rapidamente. Corrigindo, a diminuição de carga tributária do PT não funcionou nem no curto prazo macroeconômico, pois o Brasil começou a perder o rumo nesse período.
« Última modificação: 31 de Janeiro de 2018, 00:29:13 por -Huxley- »

Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.445
Re:Governo Trump
« Resposta #1949 Online: 31 de Janeiro de 2018, 00:19:17 »
Donald Trump e a política fiscal

QUARTA-FEIRA, NOVEMBRO 30, 2016  ALEX  20 COMENTÁRIOS

Semana passada analisamos os efeitos da política comercial de Donald Trump, cujo objetivo declarado é repatriar a produção de manufaturas transferida para o exterior. Se levada adiante, teria consequências negativas para a economia americana.

Como o país se encontra próximo ao pleno-emprego, o espaço para a expansão não inflacionária é reduzido. O aumento de postos de trabalho resultante da maior produção local teria que ser compensado por redução em outros setores, através da elevação da taxa de juros. Adicionalmente, a realocação de mão-de-obra contrária às forças de mercado levaria à redução da produtividade geral, agravando a questão inflacionária.

Estes efeitos, contudo, são modestos face aos provenientes da proposta de política fiscal. Em grandes linhas, esta consiste de uma drástica simplificação de impostos para indivíduos e empresas, reduzindo incentivos fiscais, assim como um corte expressivo das alíquotas. Há também a possibilidade de um aumento de gastos com infraestrutura na casa de US$ 500 bilhões distribuídos ao longo de quatro anos.

De acordo com análise do Tax Policy Center, as medidas tributárias teriam efeitos positivos em termos de “incentivos para trabalhar, poupar e investir, bem como potencial para simplificar o código tributário”. Seus impactos sobre a distribuição de renda, porém, seriam pesadamente regressivos.

Ainda que a redução de impostos beneficiasse todos os segmentos de renda (média de US$ 5.100, ou 7% da renda líquida), os maiores ganhos se materializariam nas faixas de renda mais elevada. Assim, o corte de impostos para famílias de renda média (os 20% abaixo dos 40% mais ricos e acima dos 40% mais pobres) elevaria seus rendimentos após impostos em quase 5%; já para os 20% mais ricos o ganho seria da ordem de 10%, enquanto para aqueles no topo da pirâmide (1% mais ricos), o impacto seria equivalente a 18% da renda líquida.

Por outro lado estima-se que tais cortes produziriam um déficit adicional da ordem de US$ 11,2 trilhões nas contas públicas nos 10 anos posteriores à sua adoção, o que, mesmo sem elevação das taxas de juros, aumentaria a dívida pública em quase 80% do PIB até 2036, praticamente o dobro das projeções mais recentes do Congressional Budget Office.

Haveria, portanto, um estímulo de demanda da ordem de 5-6% do PIB, que poderia ser ainda maior caso os investimentos em infraestrutura se tornem realidade. Todavia, conforme notado no início desta coluna, há fortes razões para crer que a economia americana opera hoje próxima a seu potencial. Sob estas circunstâncias, como pudemos aprender com a experiência brasileira recente, o estímulo fiscal se traduz, em larga medida, em novas tensões inflacionárias, assim como maior demanda por importados, mesmo sob mais proteção.

Neste contexto não chega a ser surpreendente o comportamento do mercado de juros, que passou a indicar aumento mais agressivo das taxas após a eleição, processo que pode se agravar caso a proposta seja de fato adotada. Assim, o fortalecimento do dólar, pelo menos no curto prazo, também não é surpresa.


Já do nosso ponto de vista estes desenvolvimentos sugerem que a janela para o Brasil se ajustar está se fechando. Sem uma ação decidida agora, teremos problemas mais à frente.

Fonte: http://maovisivel.blogspot.com.br/2016/11/donald-trump-e-politica-fiscal.html

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!