Autor Tópico: Os estragos do chavismo na Venezuela  (Lida 68345 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline Lorentz

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.586
  • Sexo: Masculino
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2025 Online: 13 de Fevereiro de 2018, 12:47:54 »
Se a Venezuela fosse socialista os bancos teriam sido estatizados, a propriedade privada extinta e não haveria midia privada em operação no pais.

Se os problemas da America Latina fossem devido ao socialismo Mexico, Honduras, Haiti, seriam paraisos capitalistas e não fonte de gado humano para os EUA.

O problema maior da região é simplesmente a ignorancia e a falta de educação da população, como facilmente se percebe pelos posts acima.

Propriedade privada deixou de existir na Venezuela há muito tempo, colega.

Indústrias, empresas, comércio,  produção de alimentos e remédios,  educação,  saúde. ..

Tudo é  estatal controlado pelo partido, inclusive a distribuição  de alimentos.

Deu no que deu.

O socialismo não existe sem estar associado a um governo totalitarista. Você só consegue igualar a população se tem total controle sobre ela.

O erro dos idealistas que sonham com o socialismo é achar qua a população aceitaria ser igualada e perder todos os direitos voluntariamente.
"Amy, technology isn't intrinsically good or bad. It's all in how you use it, like the death ray." - Professor Hubert J. Farnsworth

Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.031
  • Sexo: Masculino
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2026 Online: 13 de Fevereiro de 2018, 13:07:05 »
Como se fosse possível viver em uma colméia de abelhas.

Até a colméia tem alguém que ocupa uma posição privilegiada.

Offline Luiz F.

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.720
  • Sexo: Masculino
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2027 Online: 13 de Fevereiro de 2018, 14:15:19 »
Aparentemente o pessoal acha que os governos latino-americanos são tão incompetentes que não conseguem nem quebrar completamente o país sem algum tipo de conspiração externa...
"Você realmente não entende algo se não consegue explicá-lo para sua avó."
Albert Einstein

Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.031
  • Sexo: Masculino
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2028 Online: 13 de Fevereiro de 2018, 15:08:09 »
Aparentemente o pessoal acha que os governos latino-americanos são tão incompetentes que não conseguem nem quebrar completamente o país sem algum tipo de conspiração externa...

Eu digo que arrebentaram o país de propósito,  é caso pensado.

Tornando a população totalmente dependente do Estado fica fácil comprar voto de quem precisa do Bolsa Mortadela ou quem praticamente é obrigado a trabalhar no serviço público. Imagine um país como a Venezuela e Cuba onde ou vc é funcionário público vigiado o tempo todo ou morre de fome sem emprego porque acabaram com qualquer possibilidade de uma empresa privada sobreviver no mercado.

Esse pessoal explora a miséria, sem miséria não tem massa de manobra.


Offline Gauss

  • Nível 37
  • *
  • Mensagens: 3.535
  • Sexo: Masculino
  • A Lua cheia não levanta-se a Noroeste
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2029 Online: 13 de Fevereiro de 2018, 15:11:29 »
[...]
Infelizmente não é o que vemos na midia e nas redes sociais, em que a análise racional e a busca por soluções negociadas dá lugar a interpretações simplistas e demonizações ideológicas que só agravam o problema. O recente massacre de venezuelanos no norte do pais é um primeiro e alarmante sinal do que a retórica sectaria e agressiva pode provocar no barril de pólvora em que estamos sentados.
[...]
Quando foi isso?
“A matemática é a rainha das ciências.”
Carl Friedrich Gauss.

Offline Gauss

  • Nível 37
  • *
  • Mensagens: 3.535
  • Sexo: Masculino
  • A Lua cheia não levanta-se a Noroeste
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2030 Online: 13 de Fevereiro de 2018, 15:14:36 »
Se a Venezuela fosse socialista os bancos teriam sido estatizados, a propriedade privada extinta e não haveria midia privada em operação no pais.
[...]
É socialista sim.
https://pt.wikipedia.org/wiki/Socialismo_do_s%C3%A9culo_XXI


Citar
Se os problemas da America Latina fossem devido ao socialismo Mexico, Honduras, Haiti, seriam paraisos capitalistas e não fonte de gado humano para os EUA.
[...]
"Gado humano"? Poderia desenvolver melhor?
“A matemática é a rainha das ciências.”
Carl Friedrich Gauss.

Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.031
  • Sexo: Masculino
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2031 Online: 13 de Fevereiro de 2018, 15:15:08 »
[...]
Infelizmente não é o que vemos na midia e nas redes sociais, em que a análise racional e a busca por soluções negociadas dá lugar a interpretações simplistas e demonizações ideológicas que só agravam o problema. O recente massacre de venezuelanos no norte do pais é um primeiro e alarmante sinal do que a retórica sectaria e agressiva pode provocar no barril de pólvora em que estamos sentados.
[...]
Quando foi isso?

Deve se referir ao caso da casa que foi incendiada com os venezuelanos dentro.

Já postei o link em outro tópico,  pegaram um suspeito.

O cara é morador de rua, guianense, e estava com raiva porque os Venezuelanos se abrigaram nas mesmas casa abandonadas que ele usava.

O incendiário é estrangeiro.

Offline Gauss

  • Nível 37
  • *
  • Mensagens: 3.535
  • Sexo: Masculino
  • A Lua cheia não levanta-se a Noroeste
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2032 Online: 13 de Fevereiro de 2018, 15:15:59 »
[...]
Infelizmente não é o que vemos na midia e nas redes sociais, em que a análise racional e a busca por soluções negociadas dá lugar a interpretações simplistas e demonizações ideológicas que só agravam o problema. O recente massacre de venezuelanos no norte do pais é um primeiro e alarmante sinal do que a retórica sectaria e agressiva pode provocar no barril de pólvora em que estamos sentados.
[...]
Quando foi isso?

Deve se referir ao caso da casa que foi incendiada com os venezuelanos dentro.

Já postei o link em outro tópico,  pegaram um suspeito.

O cara é morador de rua, guianense, é estava com raiva porque os Venezuelanos se abrigaram nas mesmas casa abandonadas que ele usava.
Ah, o caso do guianense. Mas isso não conta, o cara nem era brasileiro e fez por motivos pessoais, não ideológicos.
“A matemática é a rainha das ciências.”
Carl Friedrich Gauss.

Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.031
  • Sexo: Masculino
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2033 Online: 13 de Fevereiro de 2018, 15:17:15 »
Sim, era uma disputa por abrigo.

Offline Horacio

  • Nível 03
  • *
  • Mensagens: 33
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2034 Online: 13 de Fevereiro de 2018, 17:50:41 »
Sim, SÓ uma disputa por abrigo, então não tem nada demais.

Olha, eu até entendo que muita gente hoje em dia desconheça conceitos básicos de economia, política e os mais banais fatos históricos, isso é fruto de um sistema educacional falido e do controle do fluxo de informação na sociedade por um punhado de gangs midiaticas.

Entendo também que seja dificil articular um raciocínio minimamente coerente numa cultura deteriorada pelo pós-modernismo, que considera a lógica e os conceitos que ela utiliza como sendo frutos de construções ideológicas.

Entendo também que a internet é um ambiente controlado por robos e trolls profissionais que não se importam em disseminar sectarismo e ódio em troca de uma graninha no fim do mes, então muita gente acaba sendo induzida ao erro nos seus julgamentos.

Agora, quando chegamos ao ponto de não conseguir mais identificar padrões, a habilidade fundamental do ser humano para conseguir sobreviver no meio da selva, é sinal que o apocalipse zumbi está realmente próximo, a solução é seguir o conselho do Elon Musk e comprarmos o seu lança chamas de 500 dólares para nos prepararmos.

Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.031
  • Sexo: Masculino
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2035 Online: 13 de Fevereiro de 2018, 18:36:11 »
Citar
Sim, SÓ uma disputa por abrigo, então não tem nada demais.

Sim, o cara é estrangeiro disputando espaço com venezuelanos que praticamente foram expulsos do país de origem pelas dificuldades causadas pelo Chavismo.

Citar
Olha, eu até entendo que muita gente hoje em dia desconheça conceitos básicos de economia, política e os mais banais fatos históricos, isso é fruto de um sistema educacional falido e do controle do fluxo de informação na sociedade por um punhado de gangs midiaticas.

Com certeza.

Por exemplo, os socialistas ainda acreditam em almoço grátis e ignoram completamente os resultados das dezenas de tentativas fracassadas de implantar um sistema falido que invariavelmente acabam em ditaduras miseráveis.

Nem adianta citar os países que tentaram.

Citar
Entendo também que a internet é um ambiente controlado por robos e trolls profissionais que não se importam em disseminar sectarismo e ódio em troca de uma graninha no fim do mes, então muita gente acaba sendo induzida ao erro nos seus julgamentos.

Falando da militância virtual petista como por exemplo o PHA , Carta Capital, Vermelho.org, 247?

Não se preocupe, o dinheiro para bancar os vagabundos está acabando.
Eles sumirão na próxima eleição.

Citar
Agora, quando chegamos ao ponto de não conseguir mais identificar padrões, a habilidade fundamental do ser humano para conseguir sobreviver no meio da selva, é sinal que o apocalipse zumbi está realmente próximo, a solução é seguir o conselho do Elon Musk e comprarmos o seu lança chamas de 500 dólares para nos prepararmos.

Quando o apocalipse zumbi chegar vou usar o bom e velho porrete.
Gosto de ver o sangue espirrar e lança chamas tem a desvantagem de ficar sem combustível.
 

Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.031
  • Sexo: Masculino
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2036 Online: 13 de Fevereiro de 2018, 18:51:18 »
https://g1.globo.com/mundo/blog/helio-gurovitz/post/2018/02/13/o-diagnostico-da-tragedia-venezuelana.ghtml

Texto meio longo explicando direitinho como a situação chegou ao ponto de termos gente desesperada procurando comida e abrigo no Brasil.

Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.031
  • Sexo: Masculino
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2037 Online: 14 de Fevereiro de 2018, 20:06:48 »
Políbio Braga falando sobre a situação em Roraima, vale a pena ver.


Offline Fabrício

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.074
  • Sexo: Masculino
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2038 Online: 15 de Fevereiro de 2018, 11:04:31 »
Aparentemente o pessoal acha que os governos latino-americanos são tão incompetentes que não conseguem nem quebrar completamente o país sem algum tipo de conspiração externa...

É isso mesmo, os latino americanos nunca são culpados, é sempre uma conspiração malvadona externa.

E quem discorda leva logo uma carteirada, é "desconhecimento de coisas básicas", "dificuldade de argumentar", "não sabe identificar padrões", "influência de gangues midiáticas" etc.

Ou, resumindo todo o linguajar pomposo: "quem não concorda comigo é burro".
"Deus prefere os ateus"

Offline Gaúcho

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 15.112
  • Sexo: Masculino
  • República Rio-Grandense
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2039 Online: 16 de Fevereiro de 2018, 13:16:58 »
"— A democracia em uma sociedade livre exige que os governados saibam o que fazem os governantes, mesmo quando estes buscam agir protegidos pelas sombras." Sérgio Moro

Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.665
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2040 Online: 17 de Fevereiro de 2018, 01:18:04 »
O carnavalesco da escola Tuiuti, Jack Vasconcelos, é militante declarado do PSOL. Quanto hipocrisia ele dizer que protesta contra a escravidão, já que o PSOL apoia um ditador que promove a escravidão:

https://twitter.com/psoloficial/status/322465473356767232

https://oglobo.globo.com/mundo/ong-compara-novo-decreto-de-maduro-escravidao-19832596

Compare a nova CLT com os direitos dos trabalhadores na Venezuela...

Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.031
  • Sexo: Masculino
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2041 Online: 17 de Fevereiro de 2018, 06:07:40 »
O carnavalesco da escola Tuiuti, Jack Vasconcelos, é militante declarado do PSOL. Quanto hipocrisia ele dizer que protesta contra a escravidão, já que o PSOL apoia um ditador que promove a escravidão:

https://twitter.com/psoloficial/status/322465473356767232

https://oglobo.globo.com/mundo/ong-compara-novo-decreto-de-maduro-escravidao-19832596

Compare a nova CLT com os direitos dos trabalhadores na Venezuela...


Surpreso? É da mesma turma que fala que metade da humanidade vive abaixo da linha da miséria com um dólar por dia mas acham ótimo que em Cuba um médico receba o salário médio de 20 dólares mensais sem qualquer direto trabalhista.

E acham maravilhoso que Cuba fique com quase todo o salário pago aos médicos do Mais Escravos.

Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.665
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2042 Online: 18 de Fevereiro de 2018, 21:10:10 »
A debandada dos venezuelanos para os países vizinhos

Brasil  18.02.18 15:30

Três milhões de venezuelanos (um décimo da população) abandonaram a ditadura de Nicolás Maduro, sendo 1,2 milhão só nos últimos dois anos, segundo o Wall Street Journal.

O Globo, em editorial, mostra os efeitos da debandada na América do Sul:

“No fim de 2017, a Colômbia havia abrigado 550 mil cidadãos do país vizinho, um aumento de 62% em relação a 2016. Desde janeiro deste ano, mais 50 mil refugiados entraram na Colômbia. São números que se comparam aos 600 mil sírios que pediram asilo à Alemanha, e aos 700 mil rohingyas que fugiram de Mianmar para Bangladesh.

No Brasil, números da Superintendência da Polícia Federal de Boa Vista, principal porta de entrada dos refugiados, mostram que só nos primeiros 45 dias de 2018, 18 mil venezuelanos pediram formalmente abrigo na capital de Roraima, ante 17,8 mil em todo o ano passado.

A PF de Boa Vista estima uma média diária de 600 pedidos de refúgio. São pessoas desesperadas, em fuga da escassez de alimentos e remédios, do desemprego, da repressão, entre outros infortúnios. Calcula-se que 40 mil refugiados entraram no Brasil pela fronteira com Roraima em 2017. Neste ano, já são dez mil.

O venezuelano que chega ao Brasil pertence à faixa mais pobre da população. Já um estudo da PF mostra que dos 17,8 mil venezuelanos que solicitaram abrigo em 2017, 1,9 mil (6,2%) são engenheiros e 862 (4,8%), médicos, mesmo percentual de economistas.”

Fonte: https://www.oantagonista.com/brasil/debandada-dos-venezuelanos-para-os-paises-vizinhos/

Offline FZapp

  • Administradores
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 6.828
  • Sexo: Masculino
  • El Inodoro Pereyra
    • JVMC
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2043 Online: 20 de Fevereiro de 2018, 09:06:02 »
Se a Venezuela fosse socialista os bancos teriam sido estatizados, a propriedade privada extinta e não haveria midia privada em operação no pais.

Se os problemas da America Latina fossem devido ao socialismo Mexico, Honduras, Haiti, seriam paraisos capitalistas e não fonte de gado humano para os EUA.

O problema maior da região é simplesmente a ignorancia e a falta de educação da população, como facilmente se percebe pelos posts acima.

Propriedade privada deixou de existir na Venezuela há muito tempo, colega.

Indústrias, empresas, comércio,  produção de alimentos e remédios,  educação,  saúde. ..

Tudo é  estatal controlado pelo partido, inclusive a distribuição  de alimentos.

Deu no que deu.

O socialismo não existe sem estar associado a um governo totalitarista. Você só consegue igualar a população se tem total controle sobre ela.

O erro dos idealistas que sonham com o socialismo é achar qua a população aceitaria ser igualada e perder todos os direitos voluntariamente.

Socialismo não é igualdade que nivela por baixo.
Nem é totalitarismo.

Existem muitos socialismos, é um conceito amplo demais para caracterizá-lo.

Quanto a minha opinião sobre Venezuela vocês a conhecem, não vou cansá-los.

Só não gosto de falácias muito menos de espantalhos que deveríamos abandonar , se há algo de cético em nós ainda.

--
Si hemos de salvar o no,
de esto naides nos responde;
derecho ande el sol se esconde
tierra adentro hay que tirar;
algun día hemos de llegar...
despues sabremos a dónde.

"Why do you necessarily have to be wrong just because a few million people think you are?" Frank Zappa

Offline Fernando Silva

  • Conselheiros
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 6.498
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2044 Online: 20 de Fevereiro de 2018, 09:44:13 »
Igualdade e liberdade são incompatíveis. Se há liberdade, surge a desigualdade.

Já a igualdade tem que ser imposta e, como não se pode impor talento, ambição, força, beleza, virtude etc., essa igualdade acaba sendo por baixo.

Offline AlienígenA

  • Nível 34
  • *
  • Mensagens: 2.603
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2045 Online: 20 de Fevereiro de 2018, 10:00:55 »
Igualdade e liberdade são incompatíveis. Se há liberdade, surge a desigualdade.

Já a igualdade tem que ser imposta e, como não se pode impor talento, ambição, força, beleza, virtude etc., essa igualdade acaba sendo por baixo.

E desigualdade não é nenhum problema, pelo contrário, mas o nível de desigualdade, sim. Miséria é um problema grave que afeta a todos, direta ou indiretamente, embora nem todos tenham consciência disso. Deveria estar no centro das preocupações humanas o combate a miséria, senão por altruísmo, por egoísmo mesmo, por viver num mundo melhor.

Offline Fernando Silva

  • Conselheiros
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 6.498
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2046 Online: 20 de Fevereiro de 2018, 10:16:30 »
Igualdade e liberdade são incompatíveis. Se há liberdade, surge a desigualdade.

Já a igualdade tem que ser imposta e, como não se pode impor talento, ambição, força, beleza, virtude etc., essa igualdade acaba sendo por baixo.
E desigualdade não é nenhum problema, pelo contrário, mas o nível de desigualdade, sim. Miséria é um problema grave que afeta a todos, direta ou indiretamente, embora nem todos tenham consciência disso. Deveria estar no centro das preocupações humanas o combate a miséria, senão por altruísmo, por egoísmo mesmo, por viver num mundo melhor.
Não é o nível de desigualdade que importa e sim o nível de vida de quem está mais em baixo. Se todos têm o suficiente para uma vida digna, se não há miséria, dane-se que haja bilionários e trilionários.


Offline AlienígenA

  • Nível 34
  • *
  • Mensagens: 2.603
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2047 Online: 20 de Fevereiro de 2018, 11:05:45 »
Igualdade e liberdade são incompatíveis. Se há liberdade, surge a desigualdade.

Já a igualdade tem que ser imposta e, como não se pode impor talento, ambição, força, beleza, virtude etc., essa igualdade acaba sendo por baixo.
E desigualdade não é nenhum problema, pelo contrário, mas o nível de desigualdade, sim. Miséria é um problema grave que afeta a todos, direta ou indiretamente, embora nem todos tenham consciência disso. Deveria estar no centro das preocupações humanas o combate a miséria, senão por altruísmo, por egoísmo mesmo, por viver num mundo melhor.
Não é o nível de desigualdade que importa e sim o nível de vida de quem está mais em baixo. Se todos têm o suficiente para uma vida digna, se não há miséria, dane-se que haja bilionários e trilionários.

Foi o que eu quis dizer, por isso disse miséria e não pobreza. Não vejo a pobreza como um problema, num nível que dê para viver com dignidade, não apenas sobreviver, como um empecilho para a qualidade de vida. Conheço muita gente pobre que tem uma boa qualidade de vida - nas palavras deles mesmos, inclusive.

Sobre as grandes, gigantes fortunas, em princípio não vejo problemas, mas confesso que nunca parei seriamente para pensar a respeito. Assim, de cara, teoricamente tem o problema do dinheiro "parado", não investido na economia, mas aí entra na questão da propriedade privada. Não sei, não refleti. Não posso falar.

Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.031
  • Sexo: Masculino
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2048 Online: 20 de Fevereiro de 2018, 11:22:43 »
Igualdade e liberdade são incompatíveis. Se há liberdade, surge a desigualdade.

Já a igualdade tem que ser imposta e, como não se pode impor talento, ambição, força, beleza, virtude etc., essa igualdade acaba sendo por baixo.
E desigualdade não é nenhum problema, pelo contrário, mas o nível de desigualdade, sim. Miséria é um problema grave que afeta a todos, direta ou indiretamente, embora nem todos tenham consciência disso. Deveria estar no centro das preocupações humanas o combate a miséria, senão por altruísmo, por egoísmo mesmo, por viver num mundo melhor.
Não é o nível de desigualdade que importa e sim o nível de vida de quem está mais em baixo. Se todos têm o suficiente para uma vida digna, se não há miséria, dane-se que haja bilionários e trilionários.

Foi o que eu quis dizer, por isso disse miséria e não pobreza. Não vejo a pobreza como um problema, num nível que dê para viver com dignidade, não apenas sobreviver, como um empecilho para a qualidade de vida. Conheço muita gente pobre que tem uma boa qualidade de vida - nas palavras deles mesmos, inclusive.

Sobre as grandes, gigantes fortunas, em princípio não vejo problemas, mas confesso que nunca parei seriamente para pensar a respeito. Assim, de cara, teoricamente tem o problema do dinheiro "parado", não investido na economia, mas aí entra na questão da propriedade privada. Não sei, não refleti. Não posso falar.

Não vejo problema em saber que alguém é bilionário.

O Elon Musk é bilionário, o Bill Gates, o António Ermírio era bilionário e essas pessoas geraram centenas de empregos.

Fico mais incomodado ao ver a sujeira do Odebrecht ou um merda de vereador ou deputado ganhando o que ganham para fazer o que fazem que com a fortuna de gente como os citados acima.

Não importa quanto a pessoa tem desde que seja dinheiro honesto.

Pessoalmente gosto quando vejo gente como Maluf se dar mal, mesmo que por pouco tempo, mas não tenho nada contra gente rica e honesta como a família do Senna.





Offline AlienígenA

  • Nível 34
  • *
  • Mensagens: 2.603
Re:Os estragos do chavismo na Venezuela
« Resposta #2049 Online: 20 de Fevereiro de 2018, 11:56:44 »
Igualdade e liberdade são incompatíveis. Se há liberdade, surge a desigualdade.

Já a igualdade tem que ser imposta e, como não se pode impor talento, ambição, força, beleza, virtude etc., essa igualdade acaba sendo por baixo.
E desigualdade não é nenhum problema, pelo contrário, mas o nível de desigualdade, sim. Miséria é um problema grave que afeta a todos, direta ou indiretamente, embora nem todos tenham consciência disso. Deveria estar no centro das preocupações humanas o combate a miséria, senão por altruísmo, por egoísmo mesmo, por viver num mundo melhor.
Não é o nível de desigualdade que importa e sim o nível de vida de quem está mais em baixo. Se todos têm o suficiente para uma vida digna, se não há miséria, dane-se que haja bilionários e trilionários.

Foi o que eu quis dizer, por isso disse miséria e não pobreza. Não vejo a pobreza como um problema, num nível que dê para viver com dignidade, não apenas sobreviver, como um empecilho para a qualidade de vida. Conheço muita gente pobre que tem uma boa qualidade de vida - nas palavras deles mesmos, inclusive.

Sobre as grandes, gigantes fortunas, em princípio não vejo problemas, mas confesso que nunca parei seriamente para pensar a respeito. Assim, de cara, teoricamente tem o problema do dinheiro "parado", não investido na economia, mas aí entra na questão da propriedade privada. Não sei, não refleti. Não posso falar.

Não vejo problema em saber que alguém é bilionário.

O Elon Musk é bilionário, o Bill Gates, o António Ermírio era bilionário e essas pessoas geraram centenas de empregos.

Fico mais incomodado ao ver a sujeira do Odebrecht ou um merda de vereador ou deputado ganhando o que ganham para fazer o que fazem que com a fortuna de gente como os citados acima.

Não importa quanto a pessoa tem desde que seja dinheiro honesto.

Pessoalmente gosto quando vejo gente como Maluf se dar mal, mesmo que por pouco tempo, mas não tenho nada contra gente rica e honesta como a família do Senna.

Também, não! O problema não é adorar, odiar ou ser indiferente a grandes fortunas, é saber se isso é parte da solução, do problema ou se não interfere. A única coisa que eu realmente pensei a respeito e apenas vagamente foi sobre dinheiro "parado" (assim entre aspas, porque dinheiro nunca pára realmente). Grandes fortunas investidas, na minha cabeça, ao menos, é tudo que mais precisamos, dinheiro circulando.

Bandido, para mim, pouco importa se é miserável ou zilhardário, além de pagar o prejuízo tem que ser afastado da sociedade. Para não dizer que sou radical, sou a favorável a ideia de ressocialização - só aumentaria o tempo, em vez de no máximo trinta anos de ressocialização, mudaria para, no mínimo, trinta.  :) 

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!