Autor Tópico: Verdades irrefutáveis  (Lida 25157 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline uiliníli

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 18.107
  • Sexo: Masculino
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #300 Online: 14 de Outubro de 2011, 23:42:57 »
O nome da nossa lua é Lua.

Offline Gaúcho

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 15.112
  • Sexo: Masculino
  • República Rio-Grandense
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #301 Online: 14 de Outubro de 2011, 23:47:59 »
Ah, ufa. É que do jeito que foi escrito, eu entendi que a Lua tinha um outro nome, mas faziam com ela o mesmo que com Javé. :P
"— A democracia em uma sociedade livre exige que os governados saibam o que fazem os governantes, mesmo quando estes buscam agir protegidos pelas sombras." Sérgio Moro

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 26.430
  • Sexo: Masculino
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #302 Online: 14 de Outubro de 2011, 23:56:01 »
O nome da nossa lua é Lua.

Eu prefiro dizer que a Lua é o satélite natural da Terra.
Foto USGS

Offline uiliníli

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 18.107
  • Sexo: Masculino
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #303 Online: 14 de Outubro de 2011, 23:56:35 »
Ah, ufa. É que do jeito que foi escrito, eu entendi que a Lua tinha um outro nome, mas faziam com ela o mesmo que com Javé. :P

Tecnicamente ela também pode ser chamada de "Terra I", mas se você não for um escritor de romances de ficção científica eu recomendaria evitar :P

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.218
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #304 Online: 15 de Outubro de 2011, 00:20:48 »
Existem direitistas no Brasil? Só na internet...

Quanto aos agnósticos, para mim não existe agnóstico puro, ou você ateu agnóstico ou você é teísta agnóstico: agnosticismo e ateísmo são respostas para perguntas diferentes, uma coisa é se você crê em Deus e outra é se você acha que sabe de verdade que ele existe ou não existe. E você não pode não saber se crê em Deus, se você diz que não sabe isso é porque não crê. Verdade irrefutável.
E o que é "Deus"??? ::)

Offline Bolsonaro neles

  • Nível 38
  • *
  • Mensagens: 3.618
  • Sexo: Masculino
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #305 Online: 17 de Outubro de 2011, 10:30:23 »
Existem. Eu sou um deles.

Na internet :P
Na política partidária, se declarar de direita é suicídio eleitoral.
Verdade impossível de ser refutada. Tornou-se absoluta. Eu tenho um artigo que fala sobre isso:

http://oglobo.globo.com/opiniao/mat/2010/04/26/quem-de-direita-916429712.asp

Offline Gaúcho

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 15.112
  • Sexo: Masculino
  • República Rio-Grandense
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #306 Online: 17 de Outubro de 2011, 11:47:54 »
Uma mulher irá lhe dar mais atenção/valor quando você, subitamente, parar de "correr atrás dela".
"— A democracia em uma sociedade livre exige que os governados saibam o que fazem os governantes, mesmo quando estes buscam agir protegidos pelas sombras." Sérgio Moro

Offline Dr. Manhattan

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.342
  • Sexo: Masculino
  • Malign Hypercognitive since 1973
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #307 Online: 17 de Outubro de 2011, 12:22:18 »
Não é bem uma verdade irrefutável, mas apenas um conselho:

Nunca, jamais, em hipótese alguma, aceite um convite para discutir a relação com uma mulher com TPM!
You and I are all as much continuous with the physical universe as a wave is continuous with the ocean.

Alan Watts

Offline Bolsonaro neles

  • Nível 38
  • *
  • Mensagens: 3.618
  • Sexo: Masculino
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #308 Online: 17 de Outubro de 2011, 14:39:14 »
Nem fora da TPM.

Offline Gaúcho

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 15.112
  • Sexo: Masculino
  • República Rio-Grandense
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #309 Online: 17 de Outubro de 2011, 14:56:04 »
Você não deveria nem ficar no mesmo comôdo. Se possível, nem sob o mesmo teto. :P
"— A democracia em uma sociedade livre exige que os governados saibam o que fazem os governantes, mesmo quando estes buscam agir protegidos pelas sombras." Sérgio Moro

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 26.430
  • Sexo: Masculino
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #310 Online: 17 de Outubro de 2011, 21:50:28 »
Você não deveria nem ficar no mesmo comôdo. Se possível, nem sob o mesmo teto. :P

E no mesmo continente? :lol:
Foto USGS

Offline Christiano

  • Nível 15
  • *
  • Mensagens: 388
  • Sexo: Masculino
    • CBP+18
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #311 Online: 01 de Maio de 2015, 20:55:12 »
A poligamia deveria ser descriminalizada. Não há razão para que ainda seja considerada crime. É uma questão de foro íntimo;
Concordo. Não sei porque as pessoas não tem nenhum problema com traições (que deixaram até de ser crime), mas tem com a poligamia entre adultos que consentem. Contanto que não envolva menores de idade, pessoas com algum problema psiquiátrico que seja um impedimento à sua capacidade de consentir (como aconteceu há alguns dias, quando um marido foi acusado de estuprar a própria esposa, porque ela tem Mal de Alzheimer e não tem capacidade para consentir o ato sexual -- ver aqui), entre outros impedimentos, não vejo problema nenhum. O estado de Utah (terra dos mórmons), inclusive, mudou a lei da bigamia, para que a coabitação deixe de ser crime, abrindo espaço para que os polígamos não possam mais ser processados (na prática eles já não eram) apenas por causa da poligamia, mas sim quando esta prática leva a outros crimes, como abuso infantil, ou abuso das esposas por parte do companheiro.

O casamento legal deveria ser extinto. Pelo menos desburocratizado. Apenas uma conta de luz em comum deveria ser prova para que um homem e uma mulher fossem considerados casados e com deveres mútuos;
Aí eu já discordo de você. Acho até que a poligamia deveria ser regulamentada (mais particularmente a poliginia), para que os homens possam se casar (no cartório) com mais de uma mulher. Até criei um abaixo assinado no Avaaz pedindo justamente isso, a descriminalização e a regulamentação da poligamia (aqui. E estou até pensando em fundar uma igreja evangélica que realize casamentos religiosos poligâmicos. Se não consguirmos a descriminalização do casamento civil polígamo, os homens religiosos pelo menos poderiam se casar na igreja com mais de uma mulher. (Ver aqui.)

Vc  come mais do que precisa;
Concordo. Eu certamente me incluo nesse caso.

O homossexualismo é um problema psicológico ou psiquiátrico. Tecnicamente, dá pra compreender que o elemento goste de levar no traseiro, mas gostar de macho só pode ser problema mental;
Discordo totalmente e fico até ofendido com essa afirmação, pois sou bissexual. Fui até expulso do Fórum Realidade porque ameacei denunciar a entidades gays afirmações homofóbicas feitas por mais de uma pessoa em um dos tópicos do fórum.
"A ridícula situação de alguém que critica o que confessa nunca ter lido ou estudado, já é suficiente para desqualificar a sua crítica."
http://cbp18.ideaboard.net/

Offline Pagão

  • Nível 38
  • *
  • Mensagens: 3.690
  • Sexo: Masculino
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #312 Online: 28 de Março de 2017, 08:05:26 »
Nenhuma argumentação racional exerce efeitos racionais sobre um indivíduo que não deseje adotar uma atitude racional. - K.Popper

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 34.556
  • Sexo: Masculino
  • Guerreiros contra o Marxismo Cultural, uni-vos
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #313 Online: 28 de Março de 2017, 17:35:27 »
Acho que isso pretendia ter sido publicado no tópico de "notícias bizarras", não? :hein:

De vez em quando, se temos diversas abas abertas, ao efetuar o log-in em uma delas, acabamos voltando a um outro tópico, acho que no último aberto, e não necessariamente aquele da aba em que estávamos.

Offline Skeptikós

  • Nível 39
  • *
  • Mensagens: 3.964
  • Sexo: Masculino
  • Séxtos Empeirikós
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #314 Online: 28 de Março de 2017, 20:26:40 »
Uma mulher irá lhe dar mais atenção/valor quando você, subitamente, parar de "correr atrás dela".
"Aconteça o que acontecer, a facilidade faz-me mal; do que me persegue eu fujo; o que me foge, isso eu persigo."
  - Ovídio, Amores, 2.19.35-6; tradução de Carlos Ascenso André.

"Penso, logo existo."
  - René Descartes, Discurso do método; tradução de Paulo Neves. Porto Alegre: L&PM, 2005, p. 34.

Não conheço verdade mais irrefutável.
« Última modificação: 28 de Março de 2017, 20:35:35 por Skeptikós »
"Che non men che saper dubbiar m'aggrada."
"E, não menos que saber, duvidar me agrada."

Dante, Inferno, XI, 93; cit. p/ Montaigne, Os ensaios, Uma seleção, I, XXV, p. 93; org. de M. A. Screech, trad. de Rosa Freire D'aguiar

Offline Johnny Cash

  • Nível 40
  • *
  • Mensagens: 4.892
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #315 Online: 29 de Março de 2017, 12:05:48 »

"Penso, logo existo."
  - René Descartes, Discurso do método; tradução de Paulo Neves. Porto Alegre: L&PM, 2005, p. 34.

Não conheço verdade mais irrefutável.

Uma vez tratamos do tema aqui no fórum.

Do que eu me lembro, mas posso estar enganado, para a tradução de Descartes ficar ainda mais indestrutível é preciso dar a noção de: Duvido, logo existo.

Por que o pensamento poderia ainda ser ilusão/não-real, mas se você duvida que duvida, a coisa ja se embola.

Offline Spencer

  • Nível 28
  • *
  • Mensagens: 1.409
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #316 Online: 30 de Março de 2017, 01:56:36 »
Nunca entendi isso.
O indivíduo diz que pensa, e só por isto conclui que existe.
Deve ser algum argumento contra o solipsismo.

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 34.556
  • Sexo: Masculino
  • Guerreiros contra o Marxismo Cultural, uni-vos
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #317 Online: 30 de Março de 2017, 07:24:34 »
Acho que no fim das contas mantém que existe, mesmo que seja a única coisa que existe (solipsismo).


Essa parte de "duvido" em vez de "penso" não me parece contribuir nada, duvidar é uma forma específica de pensar que não tem em "existência" uma necessidade maior em qualquer grau. É meio como "faço operação de raiz quadrada, logo existo", "me pergunto onde estão minhas chaves, logo existo".

Offline Johnny Cash

  • Nível 40
  • *
  • Mensagens: 4.892
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #318 Online: 30 de Março de 2017, 08:29:49 »
Nunca entendi isso.
O indivíduo diz que pensa, e só por isto conclui que existe.

Não é bem assim o pensamento de Descartes. Grande parte das confusões existem por causa dessas assunções assim.


Essa parte de "duvido" em vez de "penso" não me parece contribuir nada, duvidar é uma forma específica de pensar que não tem em "existência" uma necessidade maior em qualquer grau. É meio como "faço operação de raiz quadrada, logo existo", "me pergunto onde estão minhas chaves, logo existo".

Essas "alternativas" não são bem uma substituição razoável à proposta de Descartes.

A frase dele é como que um ponto contra o "problema cético" em que não se poderia ter certeza de qualquer coisa que fosse, nem mesmo da própria existência, devendo sempre manter a dúvida ou a chamada "suspensão de julgamento". Daí, se parte a pensar que certamente se sabe que duvida, porque (por que, porquê ou por quê) mesmo que se duvide que duvide, ainda assim certamente se poderá afirmar que "há dúvida" e se você sabe que você duvida, logo pode-se também afirmar que aquele que duvida existe, fatalmente percebendo a própria existência.


A proposta da "raiz quadrada" não serviria ao propósito, por exemplo, porque não se sabe com certeza se se faz a tal operação ou não.

Offline Spencer

  • Nível 28
  • *
  • Mensagens: 1.409
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #319 Online: 30 de Março de 2017, 08:39:55 »
Com sutil provocação consegui desvendar a profundidade filosófica de nossos caros amigos. :ok:

Offline Aronax

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.275
  • Sexo: Masculino
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #320 Online: 30 de Março de 2017, 11:42:09 »
A verdade é a realidade.
Uma verdade ou um ser podem ser vistos de vários pontos, porém a verdade e o ser estão acima de pontos de vista.

Offline Spencer

  • Nível 28
  • *
  • Mensagens: 1.409
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #321 Online: 30 de Março de 2017, 17:20:31 »
O que é a realidade?
Vários de seus atributos são subjetivos com fortes componentes de abstração. E no entanto nos levam a reagir.
Talvez pudéssemos dizer que qualquer coisa que nos afete a existência será a realidade.
Assim, poderíamos afirmar que o Universo, ainda tão mal conhecido, é uma realidade?

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 34.556
  • Sexo: Masculino
  • Guerreiros contra o Marxismo Cultural, uni-vos
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #322 Online: 30 de Março de 2017, 20:33:34 »

Essa parte de "duvido" em vez de "penso" não me parece contribuir nada, duvidar é uma forma específica de pensar que não tem em "existência" uma necessidade maior em qualquer grau. É meio como "faço operação de raiz quadrada, logo existo", "me pergunto onde estão minhas chaves, logo existo".

Essas "alternativas" não são bem uma substituição razoável à proposta de Descartes.

A frase dele é como que um ponto contra o "problema cético" em que não se poderia ter certeza de qualquer coisa que fosse, nem mesmo da própria existência, devendo sempre manter a dúvida ou a chamada "suspensão de julgamento". Daí, se parte a pensar que certamente se sabe que duvida, porque (por que, porquê ou por quê) mesmo que se duvide que duvide, ainda assim certamente se poderá afirmar que "há dúvida" e se você sabe que você duvida, logo pode-se também afirmar que aquele que duvida existe, fatalmente percebendo a própria existência.


A proposta da "raiz quadrada" não serviria ao propósito, por exemplo, porque não se sabe com certeza se se faz a tal operação ou não.

Ah. Então o "contexto" seria mais algo como num "debate", "você diz que eu existo, é? Pois bem, eu duvido!" "Se você duvida, você existe, pois se não existisse, não poderia duvidar".

Apenas se colocando na posição do "cético" tendo essa percepção. Ok. Não sabia disso.

Citar
At the beginning of the second meditation, having reached what he considers to be the ultimate level of doubt—his argument from the existence of a deceiving god—Descartes examines his beliefs to see if any have survived the doubt. In his belief in his own existence, he finds that it is impossible to doubt that he exists. Even if there were a deceiving god (or an evil demon), one's belief in their own existence would be secure, for there is no way one could be deceived unless one existed in order to be deceived.
Citar
But I have convinced myself that there is absolutely nothing in the world, no sky, no earth, no minds, no bodies. Does it now follow that I, too, do not exist? No. If I convinced myself of something [or thought anything at all], then I certainly existed. But there is a deceiver of supreme power and cunning who deliberately and constantly deceives me. In that case, I, too, undoubtedly exist, if he deceives me; and let him deceive me as much as he can, he will never bring it about that I am nothing, so long as I think that I am something. So, after considering everything very thoroughly, I must finally conclude that the proposition, I am, I exist, is necessarily true whenever it is put forward by me or conceived in my mind. (AT VII 25; CSM II 16–17[clarification needed])

Contudo, continuaria valendo para qualquer reflexão de auto-percepção (ou qualquer pensamento), mesmo que a percepção em si seja enganosa (ou pensamento de alguma maneira equivocado). "Arroto, logo existo", ainda tem como verdadeira a conclusão da existência, mesmo que o arroto em si nunca tenha existido, que tivesse sido uma ilusão.



Offline Aronax

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.275
  • Sexo: Masculino
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #323 Online: 30 de Março de 2017, 20:51:28 »
O que é a realidade?
Vários de seus atributos são subjetivos com fortes componentes de abstração. E no entanto nos levam a reagir.
Talvez pudéssemos dizer que qualquer coisa que nos afete a existência será a realidade.
Assim, poderíamos afirmar que o Universo, ainda tão mal conhecido, é uma realidade?
Subjetivo?.....na realidade a unica subjetividade é o nosso ponto de vista.....sobre o universo....ele é o que é, sem importar o que vc ou eu pensemos que ele é....mas o que ele é?......isto eu não sei em plenitude, e penso que ninguém ainda sabe....mas ele é....isto é sua verdade.
Uma verdade ou um ser podem ser vistos de vários pontos, porém a verdade e o ser estão acima de pontos de vista.

Offline Aleister Crowley

  • Nível 10
  • *
  • Mensagens: 114
  • Secretum Finis Africae: ?
Re:Verdades irrefutáveis
« Resposta #324 Online: 17 de Maio de 2017, 21:49:14 »
HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA...

Mas como são BURRINHOS (com LETRAS MAIÚSCULAS!!!!) esses ratinhos lesadinhos do Clube Cético!!!!!!!

Olha só no que as ANTAS foram se meter agora, e só falaram BOBAGEM (típico!):

"Penso, logo existo."
- René Descartes, Discurso do método; tradução de Paulo Neves. Porto Alegre: L&PM, 2005, p. 34.


Citação de: Johnny Cash
Uma vez tratamos do tema aqui no fórum.

Do que eu me lembro, mas posso estar enganado, para a tradução de Descartes ficar ainda mais indestrutível é preciso dar a noção de: Duvido, logo existo.

Por que o pensamento poderia ainda ser ilusão/não-real, mas se você duvida que duvida, a coisa ja se embola.
http://clubecetico.org/forum/index.php?topic=24010.msg930178#msg930178

Olha só o que essa (VERDADEIRA) BESTA disse na sequencia:

Citação de: (Di)Spencer
Nunca entendi isso.
O indivíduo diz que pensa, e só por isto conclui que existe.
Deve ser algum argumento contra o solipsismo.
http://clubecetico.org/forum/index.php?topic=24010.msg930255#msg930255

P.Q.P!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Daí vem esse outro aqui que não acrescenta em nada (aliás, só na BURRICE) na tagarelice deles:

Citação de: Buckaroo Banzai
Acho que no fim das contas mantém que existe, mesmo que seja a única coisa que existe (solipsismo).

Essa parte de "duvido" em vez de "penso" não me parece contribuir nada, duvidar é uma forma específica de pensar que não tem em "existência" uma necessidade maior em qualquer grau. É meio como "faço operação de raiz quadrada, logo existo", "me pergunto onde estão minhas chaves, logo existo".
http://clubecetico.org/forum/index.php?topic=24010.msg930261#msg930261

Eles devem se achar mui especial e refinadinhos falando essa palavrinha bonita, ''solipsismo''...  Coitadinhos...

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK...

Citação de: Johnny Cash
Não é bem assim o pensamento de Descartes. Grande parte das confusões existem por causa dessas assunções assim.

Essas "alternativas" não são bem uma substituição razoável à proposta de Descartes.

A frase dele é como que um ponto contra o "problema cético" em que não se poderia ter certeza de qualquer coisa que fosse, nem mesmo da própria existência, devendo sempre manter a dúvida ou a chamada "suspensão de julgamento". Daí, se parte a pensar que certamente se sabe que duvida, porque (por que, porquê ou por quê) mesmo que se duvide que duvide, ainda assim certamente se poderá afirmar que "há dúvida" e se você sabe que você duvida, logo pode-se também afirmar que aquele que duvida existe, fatalmente percebendo a própria existência.

A proposta da "raiz quadrada" não serviria ao propósito, por exemplo, porque não se sabe com certeza se se faz a tal operação ou não.
http://clubecetico.org/forum/index.php?topic=24010.msg930279#msg930279

PUTZ!!!!!  DESCARTES esse aí!!!!!!!!!!!!

HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA...

E a besta quadrada retorna para sua brilhANTA conclusão:

Citação de: (Di)Spencer
Com sutil provocação consegui desvendar a profundidade filosófica de nossos caros amigos.
http://clubecetico.org/forum/index.php?topic=24010.msg930281#msg930281

PUTZ!!!!!!!!!


E daí eles prosseguem num lengalenga que vai crescendo proporcionalmente à BURRICE DELES!!!!!!!!!!! 
Só faltou a BIBA MARMITEira pra completar com a BURRICE-MOR!!!!!!!!



QUAQUAQUAQUAQUAQUAQUAQUAQUAQUAQUAQUAQUA...

Enfim... este é o dia a dia no Clube Cético!!!! Acho que o lema deles deveRIA ser:

NÃO PENSO, logo sou do Clube Cético!!!!!!!!!!

HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA...

Os burrinhos mal sabem que O MESTRE ALQUIMISTA já havia dado a solução ao enigmazim de jeguevilzim deles antes de expulsarem aquele que lá era REALMENTE INTELIGENTE!!!!!!

Citação de: Alquimista
E parece que você não entendeu bem o cogito ergo sum de Descartes. Ele poderia te refutar dizendo que você poderia duvidar que sente alguma coisa pelo simples fato de achar ou estar iludido que sente, mas quanto a pensar, não; pois se você duvida que está pensando, pra duvidar você precisa justamente estar pensando, logo essa era a única certeza para Descartes de que ele existia.
http://clubecetico.org/forum/index.php?topic=29653.msg889611#msg889611

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK...

Olha só como é ÓBVIO DEMAIS!!!!!!!!!! MESTRE vai até repetir:

pois se você duvida que está pensando, pra duvidar VOCÊ PRECISA JUSTAMENTE ESTAR PENSANDO, logo essa era a única certeza para Descartes de que ele existia.

PUTZ!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Nem pra filosofia de botequim aquele pessoalzim do CC serve!!!!!

Sinceramente, às vezes chego a ME perguntar como aqueles ratos conseguiram se (de)formar... É lamentável!!!!!!!!!

QUAQUAQUAQUAQUAQUAQUAQUAQUAQUAQUAQUAQUAQUAQUAQUA...
Secretum Finis Africae: ?

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!