Mensagens Recentes

Páginas: [1] 2 3 4 5 ... 10
1
Origens e Evolução / Re:Exemplos de mutações benéficas.
« Última Mensagem: por Geotecton Online Hoje às 19:45:56 »
Qual seria a explicação científica alternativa?
2
Laicismo, Política e Economia / Re:PRIVATIZAÇÕES...boas ou más ?
« Última Mensagem: por Geotecton Online Hoje às 19:43:00 »
Todos os liberais que conheço condenaram esta atitude.
3
Papo Furado / Re:Tópico Coringa
« Última Mensagem: por Arcanjo Lúcifer Online Hoje às 19:37:46 »
Gostei da atitude do gerente que deu uma boa resposta aberta ao público, sem citar o nome dela, mas deixou pistas para os seguidores descobrirem quem é. Agora que ela mesma admitiu primeiro não pode criar caso contra o estabelecimento por divulgar o e-mail.

Esse pessoal se parece com os "guardadores de carro" que pedem dinheiro dando a entender que se vc negar vai encontrar tudo depredado.

O cara foi inteligente.

Inteligente? Pelo contrário. Se não é o dono do hotel, merecia ser demitido.

(1) Ele examinou o perfil dos 87.000 assinantes do canal antes de responder? Parece que não.

(2) Ele considerou o impacto no seu negócio/marca da resposta pública que decidiu divulgar? Parece que não.

(3) Ele considerou a possibilidade de resposta pública negativa da moça e o impacto disso no seu negócio/marca? Claro que não.

(4) A proibição de todos os bloggers de entrar no hotel/café é uma atitude sensata de um homem de negócios diante de um bate-boca na internet? É óbvio que não.

A moça só se defendeu. Se fosse inteligente, bastaria uma resposta educada para encerrar o assunto. Em momento algum a moça ameaçou na sua proposta inicial. Além disso, esse tipo de permuta é muito comum na indústria do turismo. Normalmente hotéis oferecem estadia grátis a formadores de opinião (agentes de viagem, chefs de cozinha, enólogos, artistas, etc). Portanto a resposta truculenta pode ser explicada por preconceito à uma jovem de 22 anos que sobrevive num modelo de negócio que parece estranho e ofensivo a um gerentão da época dos Brick & Mortar que sofre de miopia de marketing.


Ele deu uma resposta educada, explicou certinho que empregados não trabalham de graça.

E tem razão.

E quem colocou o próprio nome na internet foi ela, ele não citou nomes.

E sinceridade? Acho que a tal permuta oferecendo serviços grátis é só um modo de comprar propaganda favorável.

Acredito no modo como a revista Quatro Rodas faz, eles compram o carro sem se identificar, usam serviços de autorizadas pagando por ele, desmontam o carro e avaliam como consumidores comuns.

Formadores de opinião que avaliam serviços grátis,  Se identificam ao proprietário em troca de favores e recebem serviços melhores que hóspedes comuns?

Muita credibilidade.
4
Laicismo, Política e Economia / Re:Imagens políticas
« Última Mensagem: por Arcanjo Lúcifer Online Hoje às 19:26:44 »
Entendi.

Só não acho aceitável que uma empresa tenha um rombo desses na contabilidade.

Mesmo que a roubalheira seja só 1% do faturamento total ainda é muito dinheiro, não é aceitável que uma empresa que tenha contratos de valores tão altos tenha tão pouco controle financeiro.

Cara, um dos contratos descobertos pela lava jato era uma contratação de seiscentos milhões sem licitação.

Seiscentos milhões.

Tem mais é que privatizar essa merda.
5
Laicismo, Política e Economia / Re:Guerra - Armas
« Última Mensagem: por JJ Online Hoje às 18:32:25 »


Submetralhadora Uzi, um ícone da indústria bélica israelense



Hoje no Mundo Militar

6
Laicismo, Política e Economia / Re:Guerra - Armas
« Última Mensagem: por JJ Online Hoje às 18:29:03 »

E mesmo na suposição de que se pudesse fazer uma  luz laser que parasse a mais ou menos um metro de distância de seu lançador, e que tivesse resistência mecânica de modo a sair cortando (e servindo para parar um golpe da outra luz laser "dura" (a outra espada laser) ) o corpo do oponente  (como se fosse uma espada),  no que é que isso seria melhor do que uma boa submetralhadora, como  por exemplo, uma Uzi ?



7
Laicismo, Política e Economia / Re:Guerra - Armas
« Última Mensagem: por JJ Online Hoje às 18:21:26 »
Esse tipo de arma a laser ainda está longe de sair da ficção científica:


Por quê o sabre de laser, de uso muito comum na saga "Star Wars" ainda não existe?

Por quê ainda não se pode encapsular um raio laser ou limitar seu alcance pelas leis conhecidas da física.



Encapsular um raio laser pode e se faz,  veja que fibras óticas conduzindo um raio laser são uma espécie de encapsulamento de um raio laser.  Só que usar um raio laser encapsulado com a função de espada não parece nada promissor e útil como arma.




8
Origens e Evolução / Re:Exemplos de mutações benéficas.
« Última Mensagem: por JJ Online Hoje às 18:03:45 »

E este experimento não resultou em nenhuma mudança corporal significativa, apenas houve um  afirmado  aumento na resistência a baixos níveis de oxigênio.

Meu caro JJ, me parece que suas reflexões ( ou falta delas ) a respeito da T.E. já se constroem previamente contaminadas por predileções ideológicas. É fato ser impossível convencer alguém que não deseja ser convencido, consequentemente pra você jamais vai haver "mudança corporal significativa".

No entanto, esse argumento ( como quase tudo que vem do bullshit criacionista ) é puramente retórico.

Me refiro a essa bobagem microevolução x macroevolução. Isso não passa de mais um "engana-trouxa" inventado por essa gente.

Se alguém reconhece que os mecanismos de seleção natural postulados na teoria podem ser responsáveis por "mudanças corporais não significativas" então parabéns, essa pessoa acabou de reconhecer que Darwin estava basicamente certo.

Pois qualquer "mudança corporal significativa" será o resultado do conjunto de várias "mudanças corporais não significativas". Seja lá o que isso queira dizer...

Se você observa um sistema qualquer ( biológico ou não ) que sofre ao longo de tempo pequenas mudanças em intervalos mais ou menos regulares, é de se esperar que depois de tempo suficiente se estará observando um sistema que divergiu bastante do original. Esta evolução natural só poderia ser impedida por alguma causa tendendo a eliminar a maioria destas pequenas alterações, mas isto também não invalidaria a T.E. ( corroboraria! ) porque enquanto o meio a que o organismo se encontra bem adaptado não sofrer transformação "significativa", pode ocorrer que as mesmas pressões seletivas que configuraram o atual padrão dessa espécie atuem para eliminar mutações que resultem em organismos inferiormente adaptados.

Nesse caso poderia ocorrer ou não, mas se o meio também está lentamente se transformando ao longo de tempo, então não haveria causa que pudesse impedir a evolução ( alteração, adaptação ) de uma espécie como o resultado do acúmulo de todas estas pequenas modificações que você mesmo admite que ocorrem.

Infelizmente para os criacionistas, estas mutações ( e sutis adaptações a sutis alterações ) não podem ser negadas. Porque se o fizerem o evanjegue não tem mais motivo para tomar os 15 dias de antibiótico prescritos pelo médico, e vai fazer uma economia largando o medicamento assim que ficar assintomático. O resultado não será outro senão o infeliz ser acometido por uma segunda infecção resistente e passar dessa para uma melhor.
[/quote ]


Isso é um gigantesco saldo indutivo que nada prova. 

Bactérias sofrem alguns tipos de mudanças;

Logo, um suposto primata que ninguém sabe qual é (aqui me refiro ao  tal do suposto e desconhecido ancestral comum entre os chimpanzés e o suposto ancestral da espécie chamada de Australopitecus x , a qual supostamente deu origem a outros supostos ancestrais que supostamente originaram a espécie Homo sapiens sapiens), sofreu  várias supostas mudanças em seu código genético que ninguém sabe quais teriam sido (na verdade não tem a mínima ideia de quais poderiam ter sido). 

São um grande amontoado de suposições,  e  praticamente nada de conhecimento preciso e concreto.

E esse amontoado de suposições são a base de um amontoado de induções.

E não se tem praticamente nada de experimentos que sequer se aproximem realmente das grandiosas suposições e induções.

Essa é a verdade sobre essa biologia histórica.


9
Laicismo, Política e Economia / Re:Guerra - Armas
« Última Mensagem: por Sdelareza Online Hoje às 18:03:04 »
Esse tipo de arma a laser ainda está longe de sair da ficção científica:



Por quê o sabre de laser, de uso muito comum na saga "Star Wars" ainda não existe?

Por quê ainda não se pode encapsular um raio laser ou limitar seu alcance pelas leis conhecidas da física.
10
Laicismo, Política e Economia / Re:Eleições 2018
« Última Mensagem: por JJ Online Hoje às 17:16:43 »

Evangélicos querem estrela gospel e filho de Bolsonaro para Senado

Andre Melo - 13.set.2017/Futura press/Folhapress

O deputado estadual do Rio Flavio Bolsonaro (PSC), que deve concorrer ao Senado

ANNA VIRGINIA BALLOUSSIER
DE SÃO PAULO

18/01/2018 02h00

O primogênito de Jair Bolsonaro, o deputado estadual Flavio Bolsonaro, o ex-ministro e bispo licenciado da Universal Marcos Pereira e a estrela gospel André Valadão, que com a irmã pastora Ana Paula Valadão lidera a banda Diante do Trono. Eis algumas das cartas na manga de uma frente evangélica que investe no pleito de 2018 para quintuplicar sua presença no Senado.


A ideia é saltar dos atuais três evangélicos na Casa para 15, diz o deputado Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ), aliado do pastor Silas Malafaia, para quem já trabalhou como diretor de eventos. Já na Câmara a proposta é pular dos cerca de 80 membroda bancada evangélica para 150, o que daria 30% dos 513 deputados.


Seria um número mais condizente com os 32% de brasileiros que se declararam evangélicos em pesquisa Datafolha, e o reforço parlamentar turbinaria a agenda conservadora no Congresso, diz Cavalcante. "Começamos a ver dificuldades para nossas pautas -contra legalização das drogas, casamento gay etc. A gente conseguia vitórias importantes na Câmara e, mesmo com a troca do governo ideológico do PT pelo do [Michel] Temer, elas travavam no Senado."


Magno Malta (PR-ES), pastor e cantor gospel na Tempero do Mundo, está desde 2003 no Senado. O problema é que ele "passou a se sentir isolado", sobretudo após o sobrinho de Edir Macedo, Marcelo Crivella (PRB-RJ), deixar a Casa para ser prefeito do Rio.

Evangélicos são 3,7% dos 81 senadores. Sem Crivella, ficou mais difícil unir forças com outras bancadas. "Magno é muito de discurso, pancada, front.

Crivella era mais de fazer articulação. Seu suplente [Eduardo Lopes, do PRBRJ]
não tem o mesmo traquejo", afirma Cavalcante.

Acuado, Malta iniciou conversas "para traçar metas" com Malafaia e "o pessoal da Universal, da Assembleia de Deus". Objetivo: indicar "candidatos com chances reais de vitória" e não correr o risco de pulverizar o voto religioso.

Assim chegaram em potenciais chapas para o Senado. No Rio, a preferência é por Flavio Bolsonaro, que em redes sociais se define como "um reacionário que reage "a tudo o que não presta, como a esquerda". Candidato a prefeito carioca no ano retrasado, ele frequenta a igreja Batista -ao contrário do pai, católico.

Em Minas, Malta tenta convencer o cantor Valadão a estrear na política. Ele ainda "está conversando com a família" sobre isso, afirma Cavalcante. Outros políticos costuram essa rede eleitoral, como o deputado Antonio Bulhões (PRB-SP), bispo licenciado da Universal que apresentava o talk show religioso "Fala Que Eu Te Escuto" (Record).Ex-ministro de Temer, Marcos
Pereira diz que se candidatar ao Senado "não está no horizonte", mas frisou:
"Política é momento".


Como neste ano cada Estado elegerá dois senadores, o grupo está confiante de que consegue conquistar pelo menos 15 cadeiras. A ideia é lançar um nome por Estado.


Restante no link:

https://www1.folha.uol.com.br/poder/2018/01/1951330-evangelicos-querem-estrela-gospel-e-filho-de-bolsonaro-para-senado.shtml
Páginas: [1] 2 3 4 5 ... 10
Do NOT follow this link or you will be banned from the site!