Autor Tópico: Desarmar o povo... de novo?  (Lida 82659 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.046
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #75 Online: 15 de Abril de 2011, 17:07:32 »

http://www.redebrasilatual.com.br/temas/cidades/2010/12/maioria-das-armas-ilegais-no-pais-e-de-fabricacao-nacional

Como pode ver, 80% da armas apreendidas são nacionais, e portanto, um dia foram vendidas como legais.
Juca, você chegou a uma conclusão lógica errada a partir de um dado correto.

Estas armas são fabricadas aqui. A Taurus e a Imbel são duas empresas enormes no ramo de armas e exportam para o mundo inteiro. Alguns modelos destas fábricas ganham concursos anualmente, superando modelos como a tradicional Glock e por isso, são usadas por polícias em diversos países.

Eu postei o estudo do Viva Rio aqui. Leia-o.

Mas o texto diz ainda que boa parte dessas armas são vendidas por policiais, que por ganharem muito mal o fazem para auxiliar na sua renda. Não são armas compradas por civis e não acho que você esteja sugerindo que os policiais brasileiros andem desarmados. Também fala em maior controle dos vendedores de armas, pode estar acontecendo de eles estarem vendendo armas a pessoas desautorizadas. Ou seja, essas armas de fabricação brasileira que vão parar na mão dos bandidos são fruto da corrupção, isso não justifica punir os cidadãos cumpridores da lei que compram armas de maneira legal e as usam de forma responsável.

O estudo do Viva Rio não diz isso. Mas por alguma razão o responsável pelo estudo lança isso e não coloca nenhum número para suportar as afirmações.


Diego, independente de como essas armas legais passam para ilegais, o fato que essas fábricas só revendem as armas para lojas que só vendem de forma legal. Seja por ma fé, seja por que são roubadas ou por qualquer outro meio, é através do comércio de armas legais que o comércio de armas ilegais se abastace no Brasil, essa é minha conta. Se acabarmos com o comércio de armas no Brasil, acabamos com uma grande fonte de suprimentos.
Wrong again. A pesquisa mostra que somente 30% destas armas são legais e você por si só, afirma que assim, todas decorrem de comércio ilegal. Todos os dias, TODOS, policiais são assaltados e perdem armas, pessoas que possuem armas há 50 anos morrem e estas armas não raramente são recolhidas por pessoas próximas ou da própria família que não tem lá aquela boa índole. você e a pesquisa preferem presumir que a pessoa que compra armas legalmente irá fatalmente desviá-la para a ilegalidade quando não há dado nenhum que comprove essa generalização grosseira de comportamento desviante.

Além disto, a Taurus e a Imbel têm contratos gigantes com vários outros Estados (países no caso) pra onde enviam armamento. Se empresas do tamanho destas só vendessem pra lojas, estariam profundamente ferradas.

Diego, você está entendo do seu jeito ou não está entendendo. É exatamente disso que estou falando :

Citar
"Todos os dias, TODOS, policiais são assaltados e perdem armas, pessoas que possuem armas há 50 anos morrem e estas armas não raramente são recolhidas por pessoas próximas ou da própria família que não tem lá aquela boa índole.

As armas ilegais em sua grande maioria foram legais um dia. Proibir o comércio junto com políticas de desarmamento seria o caminho a percorrer contra a violência por armas de fogo.

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.046
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #76 Online: 15 de Abril de 2011, 17:43:39 »
Citar
É absolutamente ridículo não reconhecer que ter uma arma em casa aumenta a segurança do morador. Quem vive numa casa conhece todas as fontes de ruído cotidianas e cada centímetro quadrado do "terreno de batalha" e, principalmente, conhece as rotas de fuga e os becos-sem-saída. O invasor só sabe onde fica a porta por onde ele entrou e está em óbvia desvantagem.

Por favor mostre alguma estatística ou estudo que demonstre que portar armas aumenta a segurança familiar.

Citar
Porém, toda a vantagem do morador vai para o saco se o vagabundo tiver um revolverzinho enferrujado e o morador não tiver nada. Eu não tenho arma em casa pois não se justifica pelo local onde moro, mas dependendo da localidade, não me furtaria em ter um bom armamento em boas condições de funcionamento.

Não existe vantagem diante do elemento surpresa. Nenhum bandido vai te avisar que vai invadir sua casa, te assaltar na porta de sua garagem, ou te sequestrar, e possuir um revolver nessas horas só vai servir para ser mais um valor seu froubado. Ou você reage e acaba morto, ou ferido, ou com sorte mata o bandido, faroeste não é brincadeira.

Citar
Isto para não falar do efeito psicológico: um ladrão sempre sabe que é possível morrer quando entra no imóvel de alguém pois sempre há a possibilidade do dono estar armado. Proibindo o porte de arma até mesmo na residência dará a garantia total ao invasor o qual, obviamente, tem uma arma de numeração raspada comprada por 10 dólares no Paraguay.

Controlar as fronteiras é outro passo, mas os bandidos terão que recorrer a distâncias muito maiores do que o beco de fumo mais próximo e a dificuldades muito maiores para obter uma arma, que consequentemente aumentará o preço e a diminuirá as oportunidades de se armar.

Citar
Portar arma em vias públicas já é proibido no Brasil exceto para agentes ligados de alguma maneira à segurança pública. Mas querer proibir o porte dentro do seu imóvel é uma idéia tão repleta de estupidez jumentícia só mesmo um petista seria capaz de elaborar.

Eu sou a favor, está dizendo que sou estúpido e jumento?

Offline Diegojaf

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 23.846
  • Sexo: Masculino
  • Bu...
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #77 Online: 15 de Abril de 2011, 18:37:25 »
Diego, você está entendo do seu jeito ou não está entendendo. É exatamente disso que estou falando :

Citar
"Todos os dias, TODOS, policiais são assaltados e perdem armas, pessoas que possuem armas há 50 anos morrem e estas armas não raramente são recolhidas por pessoas próximas ou da própria família que não tem lá aquela boa índole.

As armas ilegais em sua grande maioria foram legais um dia. Proibir o comércio junto com políticas de desarmamento seria o caminho a percorrer contra a violência por armas de fogo.
Juca, você está sugerindo desarmar policiais?

Políticas de desarmamento na maioria esmagadora das vezes, recolhem garruchas da década de 20 que não possuem qualquer função no número de crimes da atualidade.

E não, esse não é o caminho, nem é um dos, é que não é mesmo. Caminho é o Estado passar a tratar os marginais como devem ser tratados, acabar com o sentimento de impunidade que reina e fazer com que as leis sejam efetivamente aplicadas, reestruturar as polícias para que a prevenção, o combate e a investigação dos crimes seja eficiente e que o judiciário mantenha presos aqueles que deveriam estar presos, sem ficar dado presentes de dia das mães e de natal para vagabundos que fazem os índices criminais aumentarem 200% durante estas datas.
"De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto." - Rui Barbosa

http://umzumbipordia.blogspot.com - Porque a natureza te odeia e a epidemia zumbi é só a cereja no topo do delicioso sundae de horror que é a vida.

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.046
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #78 Online: 15 de Abril de 2011, 18:58:49 »
Diego, você está entendo do seu jeito ou não está entendendo. É exatamente disso que estou falando :

Citar
"Todos os dias, TODOS, policiais são assaltados e perdem armas, pessoas que possuem armas há 50 anos morrem e estas armas não raramente são recolhidas por pessoas próximas ou da própria família que não tem lá aquela boa índole.

As armas ilegais em sua grande maioria foram legais um dia. Proibir o comércio junto com políticas de desarmamento seria o caminho a percorrer contra a violência por armas de fogo.
Juca, você está sugerindo desarmar policiais?

Políticas de desarmamento na maioria esmagadora das vezes, recolhem garruchas da década de 20 que não possuem qualquer função no número de crimes da atualidade.

E não, esse não é o caminho, nem é um dos, é que não é mesmo. Caminho é o Estado passar a tratar os marginais como devem ser tratados, acabar com o sentimento de impunidade que reina e fazer com que as leis sejam efetivamente aplicadas, reestruturar as polícias para que a prevenção, o combate e a investigação dos crimes seja eficiente e que o judiciário mantenha presos aqueles que deveriam estar presos, sem ficar dado presentes de dia das mães e de natal para vagabundos que fazem os índices criminais aumentarem 200% durante estas datas.

Não, estou sugerindo desarmar a população civil.

Offline Mahul

  • Nível 17
  • *
  • Mensagens: 486
  • Sexo: Masculino
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #79 Online: 15 de Abril de 2011, 19:38:08 »
E não, esse não é o caminho, nem é um dos, é que não é mesmo. Caminho é o Estado passar a tratar os marginais como devem ser tratados, acabar com o sentimento de impunidade que reina e fazer com que as leis sejam efetivamente aplicadas, reestruturar as polícias para que a prevenção, o combate e a investigação dos crimes seja eficiente e que o judiciário mantenha presos aqueles que deveriam estar presos, sem ficar dado presentes de dia das mães e de natal para vagabundos que fazem os índices criminais aumentarem 200% durante estas datas.
Diego, pelamordedeus! Mesmo sendo cético/agnóstico e cada vez mais descrente da política e dos políticos, eu rezo todos os dias para que isso aconteça! :umm: Que futuro vai ter esse país com toda essa insegurança e impunidade? :'( O que aconteceu em Realengo foi horrível, monstruoso e, infelizmente, inédito! Mas, mais um infelizmente, a violência continua a mil por aí! :no: Agora, além de doenças de 1º e 3º Mundos, vamos ter também crimes? :medo: :nojo: Abolir imediatamente essa indecência de insultos indultos de Natal, Páscoa, Dia das Mães etc já seria um bom começo. :idea: Prisões superlotadas? Mantenham presos somente os que oferecem alto risco à integridade física dos outros! Em que mundo vivem os legisladores? :?:
Não gosto da direita porque ela é de direita e não gosto da esquerda porque ela também é de direita - Mestre Millôr

Deus seria reprovado em qualquer escola de engenharia - Paulo Francis

Só vou acreditar em socialismo no dia em que todo mundo puder morar em Ipanema - Grande Tom Jobim

Offline Hold the Door

  • Editores
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.656
  • Sexo: Masculino
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #80 Online: 15 de Abril de 2011, 20:02:59 »
Não, estou sugerindo desarmar a população civil.

E a população civil é armada?
Hold the door! Hold the door! Ho the door! Ho d-door! Ho door! Hodoor! Hodor! Hodor! Hodor... Hodor...

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 25.701
  • Sexo: Masculino
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #81 Online: 15 de Abril de 2011, 22:05:04 »
Por favor mostre alguma estatística ou estudo que demonstre que portar armas aumenta a segurança familiar.

Voce já morou na periferia de alguma cidade, próxima à zona rural? Eu acho que não, pois do contrário voce não perguntaria isto.


Não existe vantagem diante do elemento surpresa. Nenhum bandido vai te avisar que vai invadir sua casa, te assaltar na porta de sua garagem, ou te sequestrar, e possuir um revolver nessas horas só vai servir para ser mais um valor seu froubado. Ou você reage e acaba morto, ou ferido, ou com sorte mata o bandido, faroeste não é brincadeira.

Eu já usei uma arma em pelo menos três oportunidades como elemento dissuasor. Se não tivesse uma, eu estaria encrencado.


Controlar as fronteiras é outro passo, mas os bandidos terão que recorrer a distâncias muito maiores do que o beco de fumo mais próximo e a dificuldades muito maiores para obter uma arma, que consequentemente aumentará o preço e a diminuirá as oportunidades de se armar.

As fronteiras devem ser controladas de qualquer maneira, exista ou não um surto de violência no país.


Eu sou a favor, está dizendo que sou estúpido e jumento?

É óbvio que foi uma expressão retórica.

E o mais importante é que o cidadão tenha o seu direito assegurado, pois desarmar a população pode trazer algum objetivo secundário. Velado e ladino, é claro.
Foto USGS

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.046
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #82 Online: 15 de Abril de 2011, 22:19:41 »


Voce já morou na periferia de alguma cidade, próxima à zona rural? Eu acho que não, pois do contrário voce não perguntaria isto.




Não só mor na periferia junto a zona rural, como tenho amigos e parentes que moram na zona rural. Tenho pleno conhecimento do seu temor. Acontece que mesmo eles tendo armas não foram impedidos de ser assaltados. E todo bandido sabe que quem mora no campo tem armas.

Offline ANDREWaim

  • Nível 16
  • *
  • Mensagens: 440
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #83 Online: 15 de Abril de 2011, 23:00:38 »
"A biologia é o estudo das coisas complexas que dão a impressão de ter um design intencional." [?] Richard Dawkins - O Relojoeiro Cego.


Offline Südenbauer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.297
  • Sexo: Masculino
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #84 Online: 15 de Abril de 2011, 23:59:50 »
Muito boa essa charge. :lol:

É absolutamente ridículo não reconhecer que ter uma arma em casa aumenta a segurança do morador. Quem vive numa casa conhece todas as fontes de ruído cotidianas e cada centímetro quadrado do "terreno de batalha" e, principalmente, conhece as rotas de fuga e os becos-sem-saída. O invasor só sabe onde fica a porta por onde ele entrou e está em óbvia desvantagem.
Mas tens que levar em conta a grande quantidade de invasores que conhece a casa, seja já trabalhando nela, estudando-a por um tempo ou obtendo informações privilegiadas (da empregada da casa, por exemplo). Eu não imagino ninguém entrando na minha residência sem souber essas coisas, até porque ela não é uma casa com uma configuração comum e o meliante ficaria em uma situação de grande desconforto.

Rhyan

  • Visitante
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #85 Online: 16 de Abril de 2011, 00:46:07 »
Excelente texto:

O direito de portar armas é um direito humano essencial
http://www.mises.org.br/Article.aspx?id=954

Frases:
        "Governos temem cidadãos com armas." ~ James Madison

        "Nenhum homem livre pode ser privado do uso de armas" ~ Thomas Jefferson

        "Para preservar a liberdade, é essencial que as pessoas possuam armas e sejam ensinadas, desde crianças, a como utilizá-las" ~ Richard Henry Lee

         "O maior objetivo é fazer com que cada indivíduo esteja armado.... Todos que são capazes devem possuir uma arma. ... Será que finalmente chegamos a tão humilhante e degradante situação, que nem mais podemos utilizar armas para a nossa própria defesa?" ~ Patrick Henry

Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 18.274
  • Sexo: Masculino
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #86 Online: 16 de Abril de 2011, 01:38:27 »
Citar
E o mais importante é que o cidadão tenha o seu direito assegurado, pois desarmar a população pode trazer algum objetivo secundário. Velado e ladino, é claro.


O que aconteceu na escola é só uma desculpa furada para algo que a patota planejava apresentar há tempos:

http://colombomendes.blogspot.com/2010/10/desarmamento-entregue-sua-arma-solte.html


"Mas, por ora, fiquemos com esta pequena aula sobre a questão do Desarmamento - tema extremamente relevantes, pois é um dos pontos polêmicos do PNDH-3, o AI-5 de Lula, Dilma e do PT...     ...Em Cuba, país dos sonhos da esquerda brasileira, a posse de arma branca é punida com até 10 anos de prisão, e arma de fogo não existe para o povo. Contudo, a violência cubana só não é maior que o ego do seu ditador.



No Brasil, o desarmamento é política de poder e não de segurança, como reza a propagando oficial do governo. O PNDH-3 é a prova viva da sanha autoritária daqueles que semearam o terror no Brasil depois que fracassaram em aqui implantar o comunismo...   .

..No Congresso, sempre estive na vanguarda contra propostas que visavam ao desarmamento dos bombeiros e PMs quando fora de serviço. Não consigo imaginar como um chefe de família ao ouvir um barulho à noite em casa consiga defender a vida e a honra desarmado.










Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 18.274
  • Sexo: Masculino
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #87 Online: 16 de Abril de 2011, 01:40:40 »
No último referendo, bastava ver que o pessoal do MST era a favor do desarmamento  para saber que algo não cheirava bem.


Que interessante, vejam só um comentário de alguém que é a favor do desarmamento:

http://g1.globo.com/politica/noticia/2011/04/novo-plebiscito-sobre-armas-e-desnecessario-diz-luiz-fux.html

Novo plebiscito sobre armas é desnecessário, diz Luiz Fux

.
Ao G1, ministro do STF defende 'solução legislativa, sem plebiscito'.
Para ele, 'povo votou errado' em 2005 ao manter comércio de armas.
.
G1 - Para o sr., o massacre de Realengo é um motivo suficientemente forte para ensejar uma nova consulta à população?
.
Fux - Eu acho que tinha que vir uma solução legislativa, sem plebiscito mesmo. Todo mundo sabe que o desarmamento é fundamental.
.
G1 - Mas em 2005 a maioria da população decidiu manter o livre comércio de armas.
.
Fux - É um exemplo de defesa do povo contra o povo.Eu acho que o povo votou errado. Para que serve você se armar? Quando você se arma, pressupõe que se vive num ambiente beligerante. Muito melhor é uma sociedade solidária, harmônica. Eu acho que os políticos têm que avaliar o clima de insegurança do país. E já há o Estatuto do Desarmamento. Tem que fazer valer a lei, implementar políticas públicas no afã de desarmar a população. Não tem que consultar mais nada. O Brasil é um país que tem uma violência manifesta. Tem que aplicar essa lei e ter política pública de recolhimento de armas. Não [se] entra na casa das pessoas para ver se tem dengue? Tem que ter uma maneira de entrar na casa das pessoas para desarmar a população.

« Última modificação: 16 de Abril de 2011, 02:02:44 por Arcanjo Lúcifer »

Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 18.274
  • Sexo: Masculino
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #88 Online: 16 de Abril de 2011, 02:04:34 »
Quem sabe se após aprovarem uma lei sem consulta, aprovem outra que autorize a meterem o pé na sua porta sem qualquer  mandato com a desculpa de "procurar armas de fogo"...

Offline Luiz F.

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.656
  • Sexo: Masculino
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #89 Online: 16 de Abril de 2011, 07:48:48 »
No último referendo, bastava ver que o pessoal do MST era a favor do desarmamento  para saber que algo não cheirava bem.


Que interessante, vejam só um comentário de alguém que é a favor do desarmamento:

http://g1.globo.com/politica/noticia/2011/04/novo-plebiscito-sobre-armas-e-desnecessario-diz-luiz-fux.html

Novo plebiscito sobre armas é desnecessário, diz Luiz Fux

.
Ao G1, ministro do STF defende 'solução legislativa, sem plebiscito'.
Para ele, 'povo votou errado' em 2005 ao manter comércio de armas.
.
G1 - Para o sr., o massacre de Realengo é um motivo suficientemente forte para ensejar uma nova consulta à população?
.
Fux - Eu acho que tinha que vir uma solução legislativa, sem plebiscito mesmo. Todo mundo sabe que o desarmamento é fundamental.
.
G1 - Mas em 2005 a maioria da população decidiu manter o livre comércio de armas.
.
Fux - É um exemplo de defesa do povo contra o povo.Eu acho que o povo votou errado. Para que serve você se armar? Quando você se arma, pressupõe que se vive num ambiente beligerante. Muito melhor é uma sociedade solidária, harmônica. Eu acho que os políticos têm que avaliar o clima de insegurança do país. E já há o Estatuto do Desarmamento. Tem que fazer valer a lei, implementar políticas públicas no afã de desarmar a população. Não tem que consultar mais nada. O Brasil é um país que tem uma violência manifesta. Tem que aplicar essa lei e ter política pública de recolhimento de armas. Não [se] entra na casa das pessoas para ver se tem dengue? Tem que ter uma maneira de entrar na casa das pessoas para desarmar a população.

Resumindo: o povo tem que fazer o que os políticos querem e não o contrário. Lindo...

Políticos VTNC!!! :ira:
"Você realmente não entende algo se não consegue explicá-lo para sua avó."
Albert Einstein

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.046
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #90 Online: 16 de Abril de 2011, 08:22:39 »
Não, estou sugerindo desarmar a população civil.

E a população civil é armada?

Sim, existe mais de 20 milhões de armas legais e ilegais no Brasil, em poder de civis.

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.046
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #91 Online: 16 de Abril de 2011, 08:56:48 »
Excelente texto:

O direito de portar armas é um direito humano essencial
http://www.mises.org.br/Article.aspx?id=954


Todas as premissas são duvidosas.

Citar
"Governos temem cidadãos com armas." ~ James Madison

Governos temem organizações armadas. População nenhum governo teme, mesmo porque a maioria tende a apoiar seu governo, em democracias, ou a ser comprada e subjugada pelo governo, em ditaduras. E organizações armas são mais temidas ainda pela própria população.

Citar
"Nenhum homem livre pode ser privado do uso de armas" ~ Thomas Jefferson.
Nenhum homem livre pode ser ameaçado por armas, e são homens livres portadores de armas quem mais ameaçam a liberdade de outros. Liberdade, não combina com armas, não para civis.

Citar
"Para preservar a liberdade, é essencial que as pessoas possuam armas e sejam ensinadas, desde crianças, a como utilizá-las" ~ Richard Henry Lee.
Isso é doutrinação pura. Uma criança não pode saber avaliar a importância de uma arma para si, e nem tem capacidade de aprender a utilizá-las adequadamente.

« Última modificação: 16 de Abril de 2011, 09:00:36 por _Juca_ »

Offline Diegojaf

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 23.846
  • Sexo: Masculino
  • Bu...
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #92 Online: 16 de Abril de 2011, 09:05:24 »
Isso é doutrinação pura. Uma criança não pode saber avaliar a importância de uma arma para si, e nem tem capacidade de aprender a utilizá-las adequadamente.
Juca, DEMOCRATICAMENTE, a sociedade brasileira escolheu a legalidade da comercialização de armas de fogo.

Fim de papo. Isso é democracia.
"De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto." - Rui Barbosa

http://umzumbipordia.blogspot.com - Porque a natureza te odeia e a epidemia zumbi é só a cereja no topo do delicioso sundae de horror que é a vida.

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.046
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #93 Online: 16 de Abril de 2011, 09:13:34 »
Isso é doutrinação pura. Uma criança não pode saber avaliar a importância de uma arma para si, e nem tem capacidade de aprender a utilizá-las adequadamente.
Juca, DEMOCRATICAMENTE, a sociedade brasileira escolheu a legalidade da comercialização de armas de fogo.

Fim de papo. Isso é democracia.

E não podemos mudar de idéia democraticamente? O papo não acabou.

Offline _tiago

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 6.343
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #94 Online: 16 de Abril de 2011, 09:13:59 »
Lendo as respostas daquelas perguntas, alguns entenderam que eu era à favor do desarmamento quando, na verdade, não sei como me posicionar. Dois aspectos,
1. Armas em casa. Em princípio, parece vantajoso, principalmente pra quem mora em zona rural. Entretanto, sem uma quantificação dessa efetividade, que pode apresentar um viés do tipo, "De 100 pessoas que tinham armas em suas residências, apenas 10 realmente conseguiu se defender" a arma torna-se mais um capricho que uma possibilidade de defesa. Armas, em cidade, principalmente pra quem mora em apartamento, daí é que eu acho que essa possibilidade e efetividade diminuem bastante.
2. Andar armado. Não é impossível, mas é difícil eu concordar dessa efetividade de defesa pessoal. Considerando possibilidades colaterais como brigas no trânsito, de vizinhos, vingança; daí é que minha preocupação aumenta...

Enfim,
Alguém tem alguma coisa aí pra eu ver?

Offline Hold the Door

  • Editores
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.656
  • Sexo: Masculino
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #95 Online: 16 de Abril de 2011, 09:48:54 »
Não, estou sugerindo desarmar a população civil.

E a população civil é armada?

Sim, existe mais de 20 milhões de armas legais e ilegais no Brasil, em poder de civis.

Mas apenas de armas legais, quantas são?

Uma vez que a questão levantada é a proibição do comércio legal de armas como forma de diminuir a violência, as armas ilegais simplemente não fazem diferença para a efetividade dessa medida.
Hold the door! Hold the door! Ho the door! Ho d-door! Ho door! Hodoor! Hodor! Hodor! Hodor... Hodor...

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.046
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #96 Online: 16 de Abril de 2011, 10:15:16 »
Não, estou sugerindo desarmar a população civil.



E a população civil é armada?

Sim, existe mais de 20 milhões de armas legais e ilegais no Brasil, em poder de civis.

Mas apenas de armas legais, quantas são?

Uma vez que a questão levantada é a proibição do comércio legal de armas como forma de diminuir a violência, as armas ilegais simplemente não fazem diferença para a efetividade dessa medida.

Você perguntou se a população civil é armada. Para esse fato as armas ilegais fazem a diferença. E o principal objetivo do fim do comércio legal e do desarmamento é estrangular e diminuir o comércio ilegal. Segundo esse site são 16 milhões de armas de fogo, sendo pouco mais da metade legais.

http://www.ac24horas.com/portal/index.php?option=com_content&view=article&id=15458:brasil-tem-16-miilhoes-de-armas-de-fogo&catid=35:manchete&Itemid=133

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 25.701
  • Sexo: Masculino
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #97 Online: 16 de Abril de 2011, 10:18:41 »
Não, estou sugerindo desarmar a população civil.

E a população civil é armada?

Sim, existe mais de 20 milhões de armas legais e ilegais no Brasil, em poder de civis.

Considerando que é comum um indivíduo possuir mais de uma arma, então é plausível supor que o número de pessoas efetivamente armadas é de 10 milhões, ou seja, menos de 7,00% da população adulta.
Foto USGS

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.046
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #98 Online: 16 de Abril de 2011, 10:55:53 »
Não, estou sugerindo desarmar a população civil.

E a população civil é armada?

Sim, existe mais de 20 milhões de armas legais e ilegais no Brasil, em poder de civis.

Considerando que é comum um indivíduo possuir mais de uma arma, então é plausível supor que o número de pessoas efetivamente armadas é de 10 milhões, ou seja, menos de 7,00% da população adulta.

Mesmo que sua conta esteja certa, é um número altíssimo.

Offline Hold the Door

  • Editores
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.656
  • Sexo: Masculino
Re: Desarmar o povo... de novo?
« Resposta #99 Online: 16 de Abril de 2011, 11:03:41 »
Você perguntou se a população civil é armada. Para esse fato as armas ilegais fazem a diferença. E o principal objetivo do fim do comércio legal e do desarmamento é estrangular e diminuir o comércio ilegal. Segundo esse site são 16 milhões de armas de fogo, sendo pouco mais da metade legais.

http://www.ac24horas.com/portal/index.php?option=com_content&view=article&id=15458:brasil-tem-16-miilhoes-de-armas-de-fogo&catid=35:manchete&Itemid=133

Ok. Então vamos considerar esse número de 20 milhões. E vamos considerar os dados acima de pouco mais da metade de armas legais.

Supondo que seja aprovado o desarmamento, todos os civis devem entregar suas armas legalmente registradas, o que dá cerca de 10 milhões de armas entregues e 10 milhões de armas ilegais que vão continuar circulando.

Agora, considerando que os assaltantes usam as armas ilegais e, portanto, não serão atingidos pelo desarmamento, como exatamente essa medida vai diminuir os assaltos?
Hold the door! Hold the door! Ho the door! Ho d-door! Ho door! Hodoor! Hodor! Hodor! Hodor... Hodor...

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!