Autor Tópico: Dicas de malhação e boa forma  (Lida 13520 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline Hold the Door

  • Editores
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.656
  • Sexo: Masculino
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #75 Online: 30 de Novembro de 2013, 22:53:49 »
Montei o seguinte treino:

Treino 1

Peito: Supino
      Crucifixo
       Pullover

Costas: Remada
          Remada Ampla
          Encolhimento

Pernas: Agachamento
          Avanço Reverso
          Agachamento Pés Afastados
          Panturrilha em Pé
          Panturrilha Sentado

Antebraços: Flexão de Pulso (palmas p baixo)
                  Flexão de pulso (palmas p cima)


Treino 2:
Bíceps: Rosca Alternada
         Rosca c Concentração
         Rosca Sentado

Tríceps:   Extensões Sentado
           Extensões Deitado
           Coice

Ombro: Press Militar
         Remada Vertical
         Elevação Frontal
         Elevação Lateral

O número de repetições vai variar... entre 3 repetições de 12  ou 3 repetições de 8. Ombro por exemplo, meu ombro direito é podre então pego leve com ele.

Essa divisão ficou desiquilibrada. Você colocou em um único dia os grandes grupos musculares e reservou outro dia só para os grupos musculares menores, que já são trabalhados em sinergismo com os grandes grupos.

Recomendo que divida o treino por grupos, com um grande e um menor que trabalhe em sinergismo. Como ele já vai ser bastante exigido, pode diminuir o número de exercícios para eles (por exemplo, um trabalho de supino bem feito vai esgotar seus tríceps também, então não são necessários 3 exercícios diferentes depois para ele). Eu prefiro uma divisão em 3 treinos: A - Peitoral, ombros e tríceps, B - Costas e bíceps (pode incluir antebraço) e C - Pernas.
Hold the door! Hold the door! Ho the door! Ho d-door! Ho door! Hodoor! Hodor! Hodor! Hodor... Hodor...

Offline Lion

  • Nível 35
  • *
  • Mensagens: 2.994
  • Sexo: Masculino
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #76 Online: 01 de Dezembro de 2013, 15:49:55 »

Essa divisão ficou desiquilibrada. Você colocou em um único dia os grandes grupos musculares e reservou outro dia só para os grupos musculares menores, que já são trabalhados em sinergismo com os grandes grupos.

Recomendo que divida o treino por grupos, com um grande e um menor que trabalhe em sinergismo. Como ele já vai ser bastante exigido, pode diminuir o número de exercícios para eles (por exemplo, um trabalho de supino bem feito vai esgotar seus tríceps também, então não são necessários 3 exercícios diferentes depois para ele). Eu prefiro uma divisão em 3 treinos: A - Peitoral, ombros e tríceps, B - Costas e bíceps (pode incluir antebraço) e C - Pernas.
Valeu pelo toque! :ok:  Deve ser por isso que estou ficando morto   :P
« Última modificação: 03 de Dezembro de 2013, 09:22:17 por Lion »
Porque você deve acreditar em Deus --->

Offline Hold the Door

  • Editores
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.656
  • Sexo: Masculino
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #77 Online: 01 de Dezembro de 2013, 15:56:31 »
Uma coisa que eu fico curioso é o quanto regras gerais como "não faça exercícios usando o mesmo grupo de músculos em dias seguidos, e sim 'dia sim, dia não'" são verdadeiras. Isto parece ignorar todas as particulares envolvidas (sua alimentação, intensidade do exercício, tempo de sono, se é dia ímpar, se o Vasco ganhou, etc). E é curioso que essa regra não é válida para corrida, onde é recomendado que você faça dias de corrida leve após uma corrida intensa.

Isso depende da intensidade dos exercícios e, consequentemente, do nível de lesão tecidual que provocam e do tempo necessário para sua recuperação. Exercícios que usam apenas o próprio corpo, em alguns casos, podem ser feitos todos os dias (e aí entram as particularidades) e nisso se inclui a corrida. Exercícios com pesos demandam uma recuperação mínima de 48h na maioria das pessoas, sendo que esse tempo aumenta com a intensidade do exercício. Um treino em alta intensidade pode exigir até 7 ou 8 dias de intervalo para permitir o treino do mesmo grupo muscular.
Hold the door! Hold the door! Ho the door! Ho d-door! Ho door! Hodoor! Hodor! Hodor! Hodor... Hodor...

Offline João da Ega

  • Nível 20
  • *
  • Mensagens: 664
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #78 Online: 02 de Dezembro de 2013, 11:53:49 »
(...) Eu prefiro uma divisão em 3 treinos: A - Peitoral, ombros e tríceps, B - Costas e bíceps (pode incluir antebraço) e C - Pernas.
Vi na net um programa ABC assim: Peito e tríceps; Costas e bíceps; Pernas e Ombros.
Li também que há quem sugira que o iniciante comece com um programa full body, que seria: costas, tríceps, peito, biceps, perna e abdomen. Estão corretas essas sequências?
« Última modificação: 02 de Dezembro de 2013, 16:48:41 por João da Ega »
"Nunca devemos admitir como causa daquilo que não compreendemos algo que entendemos menos ainda." Marquês de Sade

Offline Laura

  • Nível 23
  • *
  • Mensagens: 958
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #79 Online: 02 de Dezembro de 2013, 20:09:14 »
Sobre o experimento, com link para o artigo original (acesso livre) no texto:

"Can Your Brain Fight Fatigue?"

http://well.blogs.nytimes.com/2009/07/15/going-all-out/?_r=1

Fiquei imaginando se isso aconteceria da mesma forma a longo prazo. Depois de algum tempo de alguém adotando essa prática, será que o cérebro não passaria a "perceber" que o sinal de ingestão de carboidratos é falso?  :?


Offline Lion

  • Nível 35
  • *
  • Mensagens: 2.994
  • Sexo: Masculino
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #81 Online: 03 de Dezembro de 2013, 09:25:50 »
O canal P4Pbrasil é muito bom. Tem uma variedade muito grande de exercícios com e sem aparelhos/pesos.

http://www.youtube.com/user/P4Pbrasil/videos
Porque você deve acreditar em Deus --->

Offline João da Ega

  • Nível 20
  • *
  • Mensagens: 664
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #82 Online: 03 de Dezembro de 2013, 12:54:40 »
achei esse canal também interessante.
http://www.youtube.com/user/canaltreinoemfoco
Dessas pesquisas já to notando um crescimento muscular, embora eu ainda não tenha começado os treinos  :hihi:
"Nunca devemos admitir como causa daquilo que não compreendemos algo que entendemos menos ainda." Marquês de Sade

Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.053
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #83 Online: 04 de Dezembro de 2013, 22:43:53 »
Vocês já viram o livro 4 Horas para o Corpo de Timothy Ferriss? Gostaria de comentar esse livro que tomei conhecimento por essa reportagem da Veja... a edição brasileira do livro aproveitou para colocar a citação da reportagem da revista Veja (cuja capa é a de abaixo): "Suas descobertas derrubam muitas de nossas crenças arraigadas sobre malhação e dieta. O corpo é mais elástico e moldável do que sugeririam os manuais mais bem-comportados".





Tem um capítulo chamado De nerd a monstro em que Ferriss afirma que, sem anabolizantes, ganhou, em 28 dias, 15,5 quilos de músculos e reduziu o índice de gordura do corpo de 16% para 12%. Segundo ele, tudo isso foi feito em duas sessões semanais de 30 minutos, num total de quatro horas de academia. Ele diz que seguiu um programa simples de suplementos alimentares. Quanto à malhação, ele conseguiu os resultados com exercícios pesados (fazendo uma série até a exaustão por exercício durante 80 a 120 segundos do tempo total de tensão por exercício), poucas repetições e intervalos de três minutos entre os exercícios.

Segundo li por aí num fórum, algumas pessoas estão testando e postando resultados na internet:

http://www.hipertrofia.org/forum/topic/40072-como-ganhar-17-kg-de-musculos-em-4-horas-na-academia/

E o que o pessoal daqui acha? Alguém conhece alguém que já testou o programa?
« Última modificação: 04 de Dezembro de 2013, 22:47:21 por -Huxley- »

Offline Enjolras

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.635
  • Sexo: Masculino
  • Question not thy god, for thy god doth not respond
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #84 Online: 04 de Dezembro de 2013, 23:10:56 »
Vocês já viram o livro 4 Horas para o Corpo de Timothy Ferriss? Gostaria de comentar esse livro que tomei conhecimento por essa reportagem da Veja... a edição brasileira do livro aproveitou para colocar a citação da reportagem da revista Veja (cuja capa é a de abaixo): "Suas descobertas derrubam muitas de nossas crenças arraigadas sobre malhação e dieta. O corpo é mais elástico e moldável do que sugeririam os manuais mais bem-comportados".

...

Tem um capítulo chamado De nerd a monstro em que Ferriss afirma que, sem anabolizantes, ganhou, em 28 dias, 15,5 quilos de músculos e reduziu o índice de gordura do corpo de 16% para 12%. Segundo ele, tudo isso foi feito em duas sessões semanais de 30 minutos, num total de quatro horas de academia. Ele diz que seguiu um programa simples de suplementos alimentares. Quanto à malhação, ele conseguiu os resultados com exercícios pesados (fazendo uma série até a exaustão por exercício durante 80 a 120 segundos do tempo total de tensão por exercício), poucas repetições e intervalos de três minutos entre os exercícios.

Segundo li por aí num fórum, algumas pessoas estão testando e postando resultados na internet:

http://www.hipertrofia.org/forum/topic/40072-como-ganhar-17-kg-de-musculos-em-4-horas-na-academia/

E o que o pessoal daqui acha? Alguém conhece alguém que já testou o programa?

Tem algumas coisas no link, creio que seja um resumao do metodo citado, que fazem muito sentido. Fazer os movimentos lentamente forca mais os musculos. Eu estou conseguindo resultados expressivos (tipo alguem olha e pergunta se estou malhando) usando apenas halteres de 10 kg, fazendo exercicios 3x semana (nao regulares, as vezes so 2x). Comecei a 1,5 mes e ja esta dando resultado. Em relacao a alimentacao, tbm nao estou usando suplementos, apenas aumentei a alimentacao, comendo mais vegetais e bebendo mais agua, muita agua.

Li num artigo sobre o Arnold Schuaz... (seilacomoescreve) que ele nao seguia uma planilha definida de treina e treinava ate a exaustao.

Vou testar o metodo desse cara, daqui a um mes digo o resultado :D
Qualquer sistema de pensamento pode ser racional, pois basta que as suas conclusões não contrariem as suas premissas.

Mas isto não significa que este sistema de pensamento tenha correspondência com a realidade objetiva, sendo este o motivo pelo qual o conhecimento científico ser reconhecido como a única forma do homem estudar, explicar e compreender a Natureza.

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 32.416
  • Sexo: Masculino
  • ...
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #85 Online: 05 de Dezembro de 2013, 02:16:43 »
Vocês já viram o livro 4 Horas para o Corpo de Timothy Ferriss? [...]
Tem um capítulo chamado De nerd a monstro em que Ferriss afirma que, sem anabolizantes, ganhou, em 28 dias, 15,5 quilos de músculos e reduziu o índice de gordura do corpo de 16% para 12%. [...]
E o que o pessoal daqui acha? Alguém conhece alguém que já testou o programa?

Não "testei" nada, mas lembro de já ter visto críticas ao livro, que me pareceram minar bastante a credibilidade (que eu já nem acho algo tão inesperado vindo de autores auto-ajudóides hiperbólicos). Apontavam coisas como as fotos de antes e depois dele serem bem "forçadas", diferentes poses e iluminação/maquiagem, e também supostamente haver coisas como, se a pessoa já desenvolveu uma dada massa muscular, pode perdê-la que consegue recuperá-la com menor dificuldade do que faria uma pessoa que nunca teve essa massa.

De modo geral é perda de tempo dar demasiada atenção a qualquer tipo de promessa zero-onze-catorze-zero-meia-esca, de resultados fenomenais em tempo recorde, "quebrando mitos e desafiando dogmas".

http://www.rookiejournal.com/tim-ferris-is-a-fraud.html
http://muscleevo.net/4-hour-body-workout/

Nesse caso em especial, desconfie de comentários/revisões positivas, pois podem estar vindo de indianos pagos para isso pelo autor.

Offline Barata Tenno

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 16.283
  • Sexo: Masculino
  • Dura Lex Sed Lex !
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #86 Online: 05 de Dezembro de 2013, 03:59:07 »
17 kgs em 28 dias? hahahahahahah DUVIDO.


E mesmo que fosse magicamente possível, o cidadão ia parecer um tigre de tanta estria.
He who fights with monsters should look to it that he himself does not become a monster. And when you gaze long into an abyss the abyss also gazes into you. Friedrich Nietzsche

Offline Diegojaf

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 23.731
  • Sexo: Masculino
  • Bu...
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #87 Online: 05 de Dezembro de 2013, 07:57:46 »
17 kgs em 28 dias? hahahahahahah DUVIDO.


E mesmo que fosse magicamente possível, o cidadão ia parecer um tigre de tanta estria.

Se um cara perdeu 11kg em 24h, é tranquilo ganhar 17kg em 1 mês...

Quanto a ser massa muscular, aí já são outros quinhentos... ::)
"De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto." - Rui Barbosa

http://umzumbipordia.blogspot.com - Porque a natureza te odeia e a epidemia zumbi é só a cereja no topo do delicioso sundae de horror que é a vida.

Offline Gaúcho

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 14.353
  • Sexo: Masculino
  • República Rio-Grandense
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #88 Online: 05 de Dezembro de 2013, 13:27:00 »
Eu acho meio alarmante o número de gente que cai nessas conversas. Pessoal simplesmente não coloca o ceticismo e a navalha de Ockham para funcionar.

"Existe um método de treino revolucionário que me garante quase 20kg de músculos em menos de um mês, e, por algum motivo obscuro, as pessoas ainda se acabam treinando por anos para conseguirem o mesmo resultado. O que é mais provável: que eu seja uma das poucas pessoas do mundo que tiveram a felicidade de descobrir este método genial que contraria todo o conhecimento atual que a humanidade possui sobre o assunto (apesar de ser amplamente divulgado, ter um livro sobre o assunto, discussões na internet...) ou que ele não funcione? Hmmm..."
"— A democracia em uma sociedade livre exige que os governados saibam o que fazem os governantes, mesmo quando estes buscam agir protegidos pelas sombras." Sérgio Moro

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 32.416
  • Sexo: Masculino
  • ...
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #89 Online: 05 de Dezembro de 2013, 16:57:45 »
Até pode haver defasagem entre as práticas mais populares/defendidas e o conhecimento científico (como com detalhes sobre a eficácia ou ineficácia de alongamentos, aquecimentos, "resfriamentos", bebidas "rehidratantes", e outros truques que as pessoas ponham em prática imaginando ter algum embasamento teórico), de forma que até pode haver algo que "desafie dogmas" e esteja correto, mas geralmente não serão coisas tão radicais ("seus problemas acabaram"), e também é provável que se ouça primeiro falar disso em notícias sobre pesquisa científica, ou de autores mais especializados. E ainda assim, é bom se checar bem o que os outros dizem e tudo mais. O mesmo vale para essas coisas de dieta. "A ciência mainstream diz que o colesterol e a gordura saturada são os vilões da saúde na dieta. Mas o doutor Fulano desafia a todos eles com seus achados chocantes e irrefutáveis. 'O que as pessoas não sabem é que colesterol é produzido pelo próprio corpo. Como algo produzido pelo próprio corpo pode ser ruim?', joga ele sobre sua primeira e devastadora bomba sobre os dogmas da nutrição atual".

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 32.416
  • Sexo: Masculino
  • ...
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #90 Online: 05 de Dezembro de 2013, 17:36:44 »
<a href="http://www.youtube.com/v/rCfcs9Xy84k" target="_blank" class="new_win">http://www.youtube.com/v/rCfcs9Xy84k</a>

Da UCTV, "TV" da universidade da Califórnia, eles colocam um bocado de coisas interessantes.

Baixei para ouvir/ver há algum tempo mas até agora só ouvi mais ou menos até a metade. Achei impressionante a escalada da obesidade nos EUA, bem no começo.

Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.053
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #91 Online: 05 de Dezembro de 2013, 21:56:34 »
Agora que li o post do Buckaroo Banzai, percebo que as coisas estão mais bem explicadas. Devido à forma como Ferriss aparentemente define “músculo” (“massa livre de gordura”), o ganho de 15,5 kg em 28 dias nem é inacreditável. Falar em ganho de “massa magra”, na visão dele, pode incluir o que foi feito através da manipulação de fluido e os níveis de glicogênio no corpo com a utilização de água , glicerol , hidratos de carbono e creatina. Acrescente a isso o fenômeno de “memória muscular” que o Buckaroo citou e tudo se mostra menos impressionante do que aparenta à primeira vista. Mas, até onde sei, muito do que Ferriss alega já não é mais tão polêmico. Eu já li na Veja (14/08/2013, ver a reportagem de capa abaixo) que a eficácia de exercícios intensos (e curtos) que sacodem todas as estruturas musculares, têm sim respaldo em múltiplas pesquisas de fisiologia de exercícios.



Na reportagem da edição citada acima, o tipo de exercício alvo da matéria se chama HIIT (descrição: exercícios puxados, de pouca duração e intervalado com breves instantes de descansos). Na área de exercícios com equipamentos, o Ketlebell, é um exemplo, e a revista fala de respaldo dos seus benefícios citando “pesquisas precursoras, feitas em 2008 e aperfeiçoadas em novos estudos”. Uma citação da reportagem: 

“As recomendações tradicionais feitas em praticamente todos os consultórios médicos são variações do protocolo da Organização Mundial de Saúde: 150 minutos de exercícios aeróbicos moderados (a tal meia hora em ritmo levemente puxado, cinco vezes por semana) ou 75 minutos (25 minutos, três vezes por semana) se a atividade for intensa. Os novos estudos, porém, começam a redirecionar o que os médicos e especialistas em esportes recomendam. ‘Caíram por terra nossas tradicionais orientações dos 45 minutos de caminhada diária. Já está provado que o treinamento intenso e intervalado traz os mesmos resultados que os outros, que demandam muito mais tempo’, diz Isa Bragança da Sociedade Brasileira de Cardiologia.

(...)

“Dois especialistas* em treinamento do Human Performance Institute, na Flórida, elaboraram no ano passado, um programa de benefícios aparentemente impossíveis: tomar pouco tempo e provocar no corpo os mesmos efeitos de um treinamento de longa duração e maior frequência. (...). O exercício inteiro leva, na verdade, 7 minutos e 50 segundos. O único equipamento ‘necessário’ é uma cadeira.”

* Nota minha: Brett Klica e Chris Jordan são os autores do programa citado acima.
« Última modificação: 07 de Dezembro de 2013, 19:19:11 por -Huxley- »

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 32.416
  • Sexo: Masculino
  • ...
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #92 Online: 05 de Dezembro de 2013, 22:12:35 »
Mas eu até onde sei, muito do que Ferriss alega já não é mais tão polêmico.

Pode ser, mas acho importante frisar que ele não tem nada a ver com isso, ele não um pesquisador que colocou algo novo na mesa.

Da mesma forma, deve se poder pinçar um monte de coisas não-controversas em "the secret", "what the bleep do we know", Tony Robbins, e outros tantos.

"Física quântica é esquisita", "para ter sucesso na vida você não pode desistir facilmente".

É melhor dar crédito onde ele for realmente devido e deixar de lado essas coisas que no mínimo são tão exageradas quanto conseguirem ser.


Contra-exemplo: vi algumas entrevistas/reviews sobre um livro, "the first 20 minutes", de uma autora que escreve sobre saúde/condicionamento no NYT, me parece algo bem mais confiável, sem todo esse hype. Ela também não é pesquisadora* mas o histórico me passa credibilidade muito maior:

http://topics.nytimes.com/top/reference/timestopics/people/r/gretchen_reynolds/



* no entanto cita pesquisa científica de verdade nos artigos e no livro, em vez de fraudes como o "Colorado "study" ".


Offline Hold the Door

  • Editores
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.656
  • Sexo: Masculino
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #93 Online: 06 de Dezembro de 2013, 14:43:50 »
Tem algumas coisas no link, creio que seja um resumao do metodo citado, que fazem muito sentido. Fazer os movimentos lentamente forca mais os musculos. Eu estou conseguindo resultados expressivos (tipo alguem olha e pergunta se estou malhando) usando apenas halteres de 10 kg, fazendo exercicios 3x semana (nao regulares, as vezes so 2x). Comecei a 1,5 mes e ja esta dando resultado. Em relacao a alimentacao, tbm nao estou usando suplementos, apenas aumentei a alimentacao, comendo mais vegetais e bebendo mais agua, muita agua.

Li num artigo sobre o Arnold Schuaz... (seilacomoescreve) que ele nao seguia uma planilha definida de treina e treinava ate a exaustao.

Vou testar o metodo desse cara, daqui a um mes digo o resultado :D

Se você nunca fez musculação na vida, praticamente qualquer rotina que você faça com pesos vai proporcionar ganhos expressivos no começo. A questão é o troço funcionar para quem já treina há um bom tempo.

Fisiculturistas experientes realmente não seguem uma planilha definida de x séries por y repetições, nem contam repetições. Mas, como disse, são fisiculturistas experientes. Para iniciantes o melhor é fazer a quantidade de séries e repetições que foi prescrita e se concentrar a aprender a fazer os exercícios corretamente, sem vícios, que podem levar a muitos prejuízos mais tarde, quando estiverem usando cargas maiores.

Schwarzenegger é um caso à parte. Ele conseguia treinar em uma intensidade absurda, mesmo para a elite do fisiculturismo.
Hold the door! Hold the door! Ho the door! Ho d-door! Ho door! Hodoor! Hodor! Hodor! Hodor... Hodor...

Offline Hold the Door

  • Editores
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.656
  • Sexo: Masculino
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #94 Online: 06 de Dezembro de 2013, 14:55:51 »
É impossível ganhar essa quantidade de músculos em 28 dias, mas muitas dessas informações não são novidades. Há anos já se sabe que treinos curtos e intensos são mais eficientes e que a fase que causa maior hipertrofia muscular é a excêntrica (a fase negativa, quando você "desce" o peso), por exemplo. Fazer a fase concêntrica rápido e a excêntrica lenta e controladamente, gastando alguns seguundos, garante o máximo de aproveitamento do exercício para ganho de massa muscular. Treinos como o HIIT já não são novidade e são usados rotineiramente no mundo do fisiculturismo há anos.
Hold the door! Hold the door! Ho the door! Ho d-door! Ho door! Hodoor! Hodor! Hodor! Hodor... Hodor...

Offline Enjolras

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.635
  • Sexo: Masculino
  • Question not thy god, for thy god doth not respond
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #95 Online: 07 de Dezembro de 2013, 04:21:02 »
Tem algumas coisas no link, creio que seja um resumao do metodo citado, que fazem muito sentido. Fazer os movimentos lentamente forca mais os musculos. Eu estou conseguindo resultados expressivos (tipo alguem olha e pergunta se estou malhando) usando apenas halteres de 10 kg, fazendo exercicios 3x semana (nao regulares, as vezes so 2x). Comecei a 1,5 mes e ja esta dando resultado. Em relacao a alimentacao, tbm nao estou usando suplementos, apenas aumentei a alimentacao, comendo mais vegetais e bebendo mais agua, muita agua.

Li num artigo sobre o Arnold Schuaz... (seilacomoescreve) que ele nao seguia uma planilha definida de treina e treinava ate a exaustao.

Vou testar o metodo desse cara, daqui a um mes digo o resultado :D

Se você nunca fez musculação na vida, praticamente qualquer rotina que você faça com pesos vai proporcionar ganhos expressivos no começo. A questão é o troço funcionar para quem já treina há um bom tempo.

Fisiculturistas experientes realmente não seguem uma planilha definida de x séries por y repetições, nem contam repetições. Mas, como disse, são fisiculturistas experientes. Para iniciantes o melhor é fazer a quantidade de séries e repetições que foi prescrita e se concentrar a aprender a fazer os exercícios corretamente, sem vícios, que podem levar a muitos prejuízos mais tarde, quando estiverem usando cargas maiores.

Schwarzenegger é um caso à parte. Ele conseguia treinar em uma intensidade absurda, mesmo para a elite do fisiculturismo.

De fato, eu nunca fiz musculacao na vida. Sempre fui adepto de esportes ou artes marciais. E nunca fui gordo ou magro, sempre mantive o porte atletico, acho que isso faz alguma diferenca na facilidade para ganho de massa magra.
Qualquer sistema de pensamento pode ser racional, pois basta que as suas conclusões não contrariem as suas premissas.

Mas isto não significa que este sistema de pensamento tenha correspondência com a realidade objetiva, sendo este o motivo pelo qual o conhecimento científico ser reconhecido como a única forma do homem estudar, explicar e compreender a Natureza.

Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.053
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #96 Online: 07 de Dezembro de 2013, 17:33:11 »
Treinos como o HIIT já não são novidade e são usados rotineiramente no mundo do fisiculturismo há anos.

Esqueceram de avisar isso à OMS e à maioria dos donos de academia de minha cidade. Segundo a reportagem que citei, as novidades são as evidências científicas convincentes da maior eficácia desse tipo de treinamento, que vieram de 2008 para cá. Se for verdade que os fisiculturistas profissionais já se convenceram disso bem antes de 2008, isso seria uma evidência de que há defasagem no proveito que os pesquisadores ou os médicos tiram da experiência que os fisiculturistas profissionais têm em testar. Se isso for verdade, então considerem como verdade a resposta que darei ao Buckaroo abaixo.

Pode ser, mas acho importante frisar que ele não tem nada a ver com isso, ele não um pesquisador que colocou algo novo na mesa.

Existe um problema fundamental nesse argumento. Ele parte da ideia de que o experimentalista pioneiro e o especialista pesquisador de laboratório (que apresenta um teste científico decisivo que corrobora uma ideia nova) sempre são a mesma figura, mas eles não são. Uma sugestão que leva a algo novo em relação à melhoria do desempenho físico pode vir de um não-expert na área médica, um (ou mais) fisiculturista(s) que conhece(m) bioquímica, por exemplo. Muitas regras gerais em biologia não foram testadas levando em conta as exceções. Muitas das teorias em biologia outrora enunciadas com um “É impossível que...” foram desprezadas somente depois de alguns experimentos decisivos mostrarem suas falhas. Muitas vezes, o trabalho braçal em qualquer ciência começa pela figura do experimentalista pioneiro, o que em Fisiologia de Exercícios, pode ser o caso dos fisiculturistas ou outros não-especialistas.

(Não estou dizendo que Tim Ferriss é o experimentalista pioneiro dos exercícios que ele anuncia, já que, segundo ele, os autoexperimentos dele foram guiados pelo que ouviu na consulta com vários especialistas, que vão desde médicos a atletas/treinadores olímpicos. Mas, com certeza, ele é um popularizador dos mesmos - do ketlebell, sobretudo).
« Última modificação: 07 de Dezembro de 2013, 17:38:28 por -Huxley- »

Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.053
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #97 Online: 07 de Dezembro de 2013, 18:00:45 »
Alguns dados, retirados da reportagem que citei, sobre a duração de tempo dos exercícios HIIT e sua comparação com os treinos mais populares...

20 minutos de exercícios de kettlebell = meia hora levantando pesos + meia hora de esteira

Eficácia do treino HIIT: Economiza 67% do tempo de quem atingiria os mesmos resultados com o treino tradicional.

7 minutos e 50 segundos do programa de exercícios de Brett Klika e Chris Jordan do Human Performance Institute (de 1 a 3 séries, 3 vezes por semana) = treino de musculação de 30 minutos e a outro de corrida de mesma duração

Eficácia do treino HIIT: Economiza até 87% do tempo de quem atingiria os mesmos resultados com o treino tradicional.

Bicicleta ergométrica em 3 minutos em intensidade moderada e 20 segundos de velocidade máxima (3 séries, 3 vezes por semana)

Eficácia do treino HIIT: Economiza de 70% a 90% do tempo de quem atingiria os mesmos resultados com caminhadas de uma hora.
« Última modificação: 07 de Dezembro de 2013, 18:34:59 por -Huxley- »

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 32.416
  • Sexo: Masculino
  • ...
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #98 Online: 07 de Dezembro de 2013, 21:18:04 »
Pode ser, mas acho importante frisar que ele não tem nada a ver com isso, ele não um pesquisador que colocou algo novo na mesa.

Existe um problema fundamental nesse argumento. [...]

Não era nem bem um "argumento", ou, é tanto um "argumento" quanto seria dizer que eu acho meio inapropriado citar "o segredo" ao falar de "psicologia positiva".

"Ah, mas várias das coisas reveladas no best-seller O Segredo já não são tão controversas, os as pesquisas vem mesmo confirmando que..."




E, nesse tema específico, quanto a não se desacreditar os "empiricistas" por default... ok. Mas não se pode cair em "bro science". Provavelmente se houver algo interessante sendo descoberto, cedo ou tarde vai ter quem investigue de verdade.

Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.053
Re:Dicas de malhação e boa forma
« Resposta #99 Online: 08 de Dezembro de 2013, 11:27:01 »
E, nesse tema específico, quanto a não se desacreditar os "empiricistas" por default... ok. Mas não se pode cair em "bro science". Provavelmente se houver algo interessante sendo descoberto, cedo ou tarde vai ter quem investigue de verdade.

O que não quer dizer que todos devemos usar o ceticismo como justificativa para a inatividade até alcançar o consenso científico. Cientistas profissionais tem objetivos que restringem outros. O medo de perder o emprego, as doações ou o status geram resistência (ou até inviabilidade) a algumas pesquisas, sobretudo as relacionadas a uma ideia nova ou radical. Assim, para muitas pessoas, os autoexperimentos são um complemento conveniente para a busca da alternativa mais promissora para experimentar na vida real.

Esqueça Tim Ferriss, vamos citar outro exemplo. Se os benefícios do HIIT eram conhecidos há tanto tempo pelos fisiculturistas como o Angelo Melo falou, então a experiência de décadas dos fisiculturistas de elite já deveria estar amplamente disseminada no meio acadêmico há mais tempo do que somente há alguns poucos anos. Eu me me pergunto se não há uma alguma (e significativa) segregação de conhecimento entre a subcultura dos médicos e a dos fisiculturistas que cria um empecilho ao fluxo de informações entre eles. Talvez o método dos fisiculturistas não seja muito apreciado pelos cientistas da área médica. Os primeiros praticam a "arte médica" sem depender muito do raciocínio; querem se beneficiar de observações fortuitas por meio de suposições, e experimentam e improvisam até encontrar algo que funcione. Eles teorizam ao mínimo. Mas considere que bem antes de sabermos a respeito de bactérias e do papel delas nas doenças os médicos rejeitaram a prática de lavar as mãos porque elas não faziam sentido para eles, apesar da evidência de uma diminuição significativa das mortes em hospitais. Similarmente, se algo inovador de Fisiologia de Exercícios "não faz sentido", mas funciona, talvez existam funções complicadas demais para que compreendamos, portanto sigamos em frente e mantenhamos nossas mentes abertas.
« Última modificação: 08 de Dezembro de 2013, 11:41:48 por -Huxley- »

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!