Autor Tópico: Mundo da arquitetura  (Lida 18445 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.257
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Mundo da arquitetura
« Online: 13 de Setembro de 2011, 04:35:31 »
Tópico para contemplar a arte e a tecnologia na arquitetura.

Luz canalizada

Você já pensou em canalizar a luz?

Esta é a promessa da optofluídica, uma área emergente que pretende colocar a luz onde ela for mais útil - sobretudo a luz solar.

Segundo o professor Demetri Psaltis, da Escola Politécnica de Lausanne, na Suíça, a optofluídica pode alterar radicalmente a eficiência da energia solar, a forma como os edifícios são iluminados e a capacidade dos reatores para a produção de biocombustíveis.

"Dirigindo a luz e concentrando-a onde ela possa ser usada de forma mais eficiente, nós podemos aumentar muito a eficiência dos sistemas de geração de energia já existentes, como os reatores de biocombustíveis e as células solares, assim como criar formas inteiramente novas de produção de energia," garante o pesquisador.

Optofluídica

A optofluídica consiste em dirigir a luz ao longo de canais em micro e nano escalas.

A área resulta de uma fusão da óptica com a microfluídica, a movimentação de fluidos em canais microscópicos, que está dando origem aos biochips, chips microfluídicos ou lab-on-a-chip.

A equipe do professor Psaltis já usou a optofluídica para criar um manipulador de vírus e um microscópio sem lentes, tão bom quanto os melhores microscópicos ópticos com lentes, mas do tamanho de uma moeda de um centavo.

Agora ele está mais interessado em usar essa nova tecnologia para guiar a luz e usá-la diretamente, para a iluminação ou para a purificação de ar ou água, ou como fonte para a conversão em outros tipos energia.

Por exemplo, um prédio pode estar recebendo o sol diretamente, mas a iluminação do seu interior continua dependendo das lâmpadas elétricas. A canalização da luz pode levar essa luz natural, de forma controlada, para os pontos onde ela é mais necessária.

Luz dirigida

Painéis solares podem ser montados em estruturas para acompanhar a luz do Sol, mas elas são caras e exigem manutenção.

Segundo Psaltis, é mais fácil guiar a luz para painéis solares fixos, que não precisarão necessariamente ficar em cima dos telhados.

Em vez de aparatos eletromecânicos, a coleta da energia do Sol pode ser feita alterando-se o ângulo de refração da água. A seguir, a luz pode ser distribuída pelo edifício por meio de "canos de luz" ou cabos de fibra óptica.

Segundo o pesquisador, isso pode dar origem a aplicações totalmente novas, como filtros de ar capazes de limpar e esterilizar os ambientes continuamente sujeitos ao ar reciclado dos aparelhos centrais de ar-condicionado.

Eletroumectação

Para que essas ideias se tornem realidade será necessário criar mecanismos para manter constante o fornecimento de luz - seria inadmissível, por exemplo, a lâmpada de uma sala que se apague toda vez que passe uma nuvem, ou o ar ficar sem limpeza em um período de muita chuva.

Isso poderia ser feito usando uma técnica chamada eletroumectação, usada em papéis eletrônicos e até em sapatos capazes de gerar energia.

A eletroumectação permite desviar a luz de um microcanal para outro.

Tudo começa com uma gota de água sobre a superfície externa do microcanal. Uma pequena corrente elétrica energiza íons na água, empurrando-os para a borda da gota de água, fazendo-a expandir o suficiente para que ela toque a superfície de outro microcanal.

Essa gota expandida cria então uma ponte entre dois tubos de luz paralelos, efetivamente moderando a quantidade de luz que passa por cada um deles.

Biorreatores

Da mesma forma que um supercomputador depende de milhares de processadores, o uso da optofluídica no campo da energia depende do desenvolvimento de chips optofluídicos que possam ser interconectados para formar sistemas em larga escala.

Isso será particularmente importante no campo dos biorreatores.

Como a maioria das reações no interior de canais líquidos ocorre no ponto de contato entre o líquido e os catalisadores, a eficiência desses sistemas depende da área superficial disponível para as reações.

Diminuindo a escala desses canais para o nível micro e nano - o que cria a microfluídica e a nanofluídica - haverá muito mais canais no mesmo espaço, ampliando muito a superfície disponível. Isso permitirá a redução das dimensões dos reatores e, por conseguinte, seu custo.

Mas a maior contribuição da optofluídica estará na disponibilização da luz ela mesma fazendo o papel de catalisador - a adição da luz como um catalisador em um fluxo de moléculas circulando por um nanotubo permitirá uma eficiência próxima ao ideal e um nível de controle sem precedentes.

Isso coloca a optofluídica como uma ferramenta capaz de viabilizar pesquisas em áreas como a fotossíntese artificial, as células fotoeletroquímicas e a produção de hidrogênio a partir da luz solar, eventualmente tornando as células a combustível uma realidade.

http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=optofluidica-luz-canalizada&id=010115110912

« Última modificação: 13 de Setembro de 2011, 04:43:55 por sergiomgbr »

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.257
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re: Mundo da arquitetura
« Resposta #1 Online: 13 de Setembro de 2011, 19:48:21 »
Tecnologia para janelas de vidro.

Inteligência vítrea

Engenheiros da China e dos Estados Unidos criaram um novo vidro inteligente que é capaz de reagir de acordo com a temperatura ambiente.

Durante o inverno, o vidro funciona como um bloqueador térmico, evitando que o calor interno da casa ou do edifício escape.

Durante o verão, o vidro reflete a radiação infravermelha, evitando o aquecimento do ambiente interno.

E tudo de forma automática, sem qualquer atuação externa - a "inteligência" é embutida no vidro.

Janelas inteligentes

O Dr. Zhong Lin Wang, do Instituto de Tecnologia da Geórgia, nos Estados Unidos, tem um longo histórico de trabalho com materiais piezoelétricos e nanogeradores.

Agora ele usou sua experiência com óxidos e cerâmicas para criar um material composto por várias camadas que se mostrou uma solução promissora para a criação das janelas inteligentes.

O material primário é o dióxido de vanádio (VO2), que muda de um estado transparente em baixas temperaturas - permitindo que a radiação infravermelha passe - para um estado semi-transparente em altas temperaturas - deixando a radiação infravermelha do lado de fora.

Mesmo no seu estado semi-transparente, o material deixa a luz visível passar, mostrando a seletividade desejada quando o assunto é lidar com o calor - por isso ele é chamado de material termocrômico.

Cristalinidade

Mas o VO2 tem lá seus problemas: ele não é um bom isolante térmico e só pode ser produzido em temperaturas muito altas.

Entra em cena uma camada de óxido de estanho (SnO2) dopada com pequenas quantidades de flúor, criando um composto conhecido como FTO (iniciais dos elementos em inglês: Fluorine, Tin, Oxygen).

A camada de FTO melhora a cristalinidade da película de dióxido de vanádio e baixa sua temperatura de síntese para algo em torno de 390°C.

Finalmente é adicionada ao vidro uma camada anti-reflexiva de óxido de titânio (TiO2).

"Nossos resultados demonstram uma nova abordagem na combinação do termocromismo e da baixa emissividade para aplicações tais como janelas que permitam a economia de energia," escrevem os pesquisadores.

http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=vidro-inteligente&id=010125110912

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.257
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re: Mundo da arquitetura
« Resposta #2 Online: 16 de Setembro de 2011, 02:12:37 »
Em busca da casa de 1K

Casa 1K

Em muitas cidades é possível encontrar casas que custam US$1.000 o metro quadrado.

Mas um grupo de arquitetos do MIT, nos Estados Unidos, decidiu tentar uma alternativa bem mais acessível: construir uma casa inteira por US$1.000.

Agora eles apresentaram o primeiro protótipo da sua chamada "Casa 1K", voltada para atender às necessidades de moradia das regiões mais pobres do mundo.

"É parte da responsabilidade de um arquiteto criar esses espaços para as pessoas viverem. É com o coração que fazemos isso," disse Ying Chui, a idealizadora dessa primeira versão do projeto.
MIT mostra primeiro protótipo de casa de US$1.000
O exterior da Casa 1K. [Imagem: Ying chee Chui]


Casa modular

A casa possui paredes de tijolo oco com barras de aço para reforço e vigas de madeira, e foi projetada para resistir a um terremoto de magnitude 8,0.

Ela tem uma estrutura modular, com unidades idênticas em torno de uma sala retangular central.

"O módulo pode ser duplicado e rotacionado, e então torna-se uma casa," explica Chui. "A construção é muito fácil porque, se você sabe como construir um único módulo, então você sabe construir a casa inteira."
MIT mostra primeiro protótipo de casa de US$1.000
Um modelo da casa com o teto removido para melhor visualização. [Imagem: Ying chee Chui]

Uma casa para cada criança

O protótipo ainda não alcançou o objetivo - ele custou US$5.925, mas já é bastante barato em comparação com várias alternativas.

Seu custo foi mais alto em parte porque a casa saiu maior do que o proposto inicialmente para o projeto Casa 1K - cerca de 75 metros quadrados, em vez dos 46 metros quadrados propostos.


Segundo Chui, a versão menor da casa poderia ser construída por cerca de US$ 4.000. Esse valor poderia ser ainda menor se um grande número de casas fossem construídas ao mesmo tempo, segundo ela.

A ideia de tentar construir casas por US$1.000 é de Tony Ciochetti, que afirma ter-se inspirado no programa One Laptop Per Child, a fundação liderada pelo também professor do MIT, Nicholas Negroponte, que fornece computadores de baixo custo para crianças.

http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=prototipo-casa-mil-dolares&id=010170110916

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 25.217
  • Sexo: Masculino
Re: Mundo da arquitetura
« Resposta #3 Online: 20 de Setembro de 2011, 21:33:23 »
Uma casa de 75 m2 por U$ 4.000,00 é um valor muito razoável mesmo para os países mais pobres.
Foto USGS

Offline Pregador

  • Conselheiros
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.865
  • Sexo: Masculino
  • "Veritas vos Liberabit".
Re: Mundo da arquitetura
« Resposta #4 Online: 21 de Setembro de 2011, 09:23:14 »
Mas, aqui com R$ 10.000,00 é possível fazer casas em pré-moldado. Não é muito diferente dos US$ 4.000,00. O problema daqui e creio de fora também é o preço da mão-de-obra. Esse custo apresentado é do material.

O problema da nossa casa de pré-moldado é que ela não resiste a terremotos. Mas como não temos isso por aqui... A questão é que eu nunca ví uma núcleo habitacional popular em pré-moldado, sempre fazem do estilo tradicional, mais custoso e mais fácil de desviar dinheiro. A tecnologia de pré-moldados poderia muito bem ser aprimorada, sobretudo na aparência, em fazer paredes lisas e sem desenhos de tijolos. Assim, somente dando uma marretada para saber se é de tijolos ou de pré-moldado.

"O crime é contagioso. Se o governo quebra a lei, o povo passa a menosprezar a lei". (Lois D. Brandeis).

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.257
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Mundo da arquitetura
« Resposta #5 Online: 24 de Dezembro de 2011, 22:32:45 »
Casa Origami

Japão é conhecido por ter casas minimalistas e ao mesmo tempo elegantes. Esta micro casa é um ótimo exemplo da eficiência da arquitetura mínina. A casa em forma de origami foi projetada pelo arquiteto japonês Yasuhiro Yamashita, tem 3 andares e está localizada numa esquina bem perto do centro de Tokyo.

 ” Reflexão do Mineral” foi o nome dado à casa, tem cerca de 44m2, é mesmo muito pequeno para os padrões ocidentais, no entanto é muito comum no Japão. Esta bela casa tem acabamentos simples e uso de muita luz natural através de superfícies transparentes e opacas, que permeiam o interior da edificação com muita luz.

A casa é pequena, mas ainda teve direito a um lugar coberto para estacionar o carro, que funciona também como pátio quando não estiver ocupado. Veja as fotos e diga o que achou! Eu não me importaria de ter uma casa assim.




Mais imagens na fonte
« Última modificação: 25 de Dezembro de 2011, 02:24:43 por sergiomgbr »

Offline Unknown

  • Conselheiros
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.310
  • Sexo: Masculino
  • Sem humor para piada ruim, repetida ou previsível
Re:Mundo da arquitetura
« Resposta #6 Online: 25 de Dezembro de 2011, 01:56:17 »
A fonte está errada.

"That's what you like to do
To treat a man like a pig
And when I'm dead and gone
It's an award I've won"
(Russian Roulette - Accept)

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.257
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Mundo da arquitetura
« Resposta #7 Online: 25 de Dezembro de 2011, 02:26:58 »
Já arrumei.

Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 17.630
  • Sexo: Masculino
Re:Mundo da arquitetura
« Resposta #8 Online: 25 de Dezembro de 2011, 07:28:58 »
É uma casa até que bem legal, com espaços bem aproveitados, mas funciona bem porque está em um terreno de esquina.

Precisariam de modificações se fossem construídas várias delas, lado a lado e em terrenos pequenos.

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.257
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Mundo da arquitetura
« Resposta #9 Online: 04 de Janeiro de 2012, 15:14:05 »
Algumas imagens espetaculares da torre Anara.

Com 125 andares e 700 metros de altura, o projeto é de Atkins Design Studio, para o Emirado de Dubai.







Fonte

Edição para corrigir texto.
« Última modificação: 04 de Janeiro de 2012, 18:05:16 por sergiomgbr »

Offline Titoff

  • Nível 23
  • *
  • Mensagens: 965
  • Sexo: Masculino
Re:Mundo da arquitetura
« Resposta #10 Online: 04 de Janeiro de 2012, 16:30:19 »
Ia ficar irado, mas foi cancelada.

Offline SnowRaptor

  • Webmaster
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 17.946
  • Sexo: Masculino
Re:Mundo da arquitetura
« Resposta #11 Online: 04 de Janeiro de 2012, 17:02:38 »
Ia ficar mais irado se a coisa lá em cima fosse uma turbina eólica!
Elton Carvalho

Antes de me apresentar sua teoria científica revolucionária, clique AQUI

“Na fase inicial do processo [...] o cientista trabalha através da
imaginação, assim como o artista. Somente depois, quando testes
críticos e experimentação entram em jogo, é que a ciência diverge da
arte.”

-- François Jacob, 1997

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.257
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Mundo da arquitetura
« Resposta #12 Online: 04 de Janeiro de 2012, 17:27:03 »

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 25.217
  • Sexo: Masculino
Re:Mundo da arquitetura
« Resposta #13 Online: 18 de Janeiro de 2012, 01:03:49 »
Ia ficar irado, mas foi cancelada.

Será que foi um lampejo de bom-senso?
Foto USGS

Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 17.630
  • Sexo: Masculino
Re:Mundo da arquitetura
« Resposta #14 Online: 18 de Janeiro de 2012, 17:05:22 »
Ia ficar irado, mas foi cancelada.

Será que foi um lampejo de bom-senso?

Qual é a vantagem de construir um prédio tão alto? Perdem uns 30% do espaço de cada andar só com  elevadores e escadas, depois gastam uma fortuna com um sistema de contra-pesos que ocupa um andar inteiro só para manter o prédio em pé e tem que reservar uma área livre enorme em volta por motivos de segurança.




Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 25.217
  • Sexo: Masculino
Re:Mundo da arquitetura
« Resposta #15 Online: 18 de Janeiro de 2012, 20:46:40 »
Ia ficar irado, mas foi cancelada.
Será que foi um lampejo de bom-senso?
Qual é a vantagem de construir um prédio tão alto?
[...]

Orgulho nacional?

'Viadagem' de arquiteto?  :hihi:

Obtenção de propina?
Foto USGS

Offline Adriano

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.672
  • Sexo: Masculino
  • Ativismo quântico
    • Filosofia ateísta
Re:Mundo da arquitetura
« Resposta #16 Online: 18 de Janeiro de 2012, 21:06:26 »
Universidade projetada pelo Niemeyer:



Princípio da descrença.        Nem o idealismo de Goswami e nem o relativismo de Vieira. Realismo monista.

Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 17.630
  • Sexo: Masculino
Re:Mundo da arquitetura
« Resposta #17 Online: 18 de Janeiro de 2012, 21:08:01 »
Ia ficar irado, mas foi cancelada.
Será que foi um lampejo de bom-senso?
Qual é a vantagem de construir um prédio tão alto?
[...]

Orgulho nacional?

'Viadagem' de arquiteto?  :hihi:

Obtenção de propina?

Parece mais uma daquelas disputas entre pivetes de escola primária com uma régua e uma revista pornográfica.

Cada um quer ter o maior. :lol:

Só pode ser, o que não falta no Dubai é espaço para habitação e comércio, então falta de espaço não é desculpa para uma torre dessas.


Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 17.630
  • Sexo: Masculino
Re:Mundo da arquitetura
« Resposta #18 Online: 18 de Janeiro de 2012, 21:30:10 »
Citar
Universidade projetada pelo Niemeyer:

O cara parou no tempo, ainda faz projetos como se estivesse nos anos 50.

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.257
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Mundo da arquitetura
« Resposta #19 Online: 18 de Janeiro de 2012, 22:15:16 »
Citar
Universidade projetada pelo Niemeyer:

O cara parou no tempo, ainda faz projetos como se estivesse nos anos 50.
Esse estilo dele, e isso é uma imprensão minha, parece nos pedir que o contemple sempre fazendo uma leitura de uma tradução de "não sei o quê", se é que isso faz algum sentido. Sei lá, talvez eu esteja comentendo um sacrilégio mas o dimensionamento de seus espaços parece remeter algo ao que disse Gagarin quando visitou Brasília,"A impressão que tenho é de estar chegando em um planeta diferente". A igrejinha da Pampulha, um ícone de Niemeyer em Belo Horizonte é uma que acho "estranhosa". Estranhosa por estranhosa, poderia ter sido feita maior.

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 25.217
  • Sexo: Masculino
Re:Mundo da arquitetura
« Resposta #20 Online: 18 de Janeiro de 2012, 23:24:36 »
O cara parou no tempo, ainda faz projetos como se estivesse nos anos 50.

Com raríssimas exceções, não gosto dos projetos do arquiteto em tela.
Foto USGS

Offline Moro

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.984
Re:Mundo da arquitetura
« Resposta #21 Online: 19 de Janeiro de 2012, 00:20:44 »
estilo URSS em seu auge
“If an ideology is peaceful, we will see its extremists and literalists as the most peaceful people on earth, that's called common sense.”

Faisal Saeed Al Mutar


"To claim that someone is not motivated by what they say is motivating them, means you know what motivates them better than they do."

Peter Boghossian

Sacred cows make the best hamburgers

I'm not convinced that faith can move mountains, but I've seen what it can do to skyscrapers."  --William Gascoyne

Offline Gaúcho

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 14.411
  • Sexo: Masculino
  • República Rio-Grandense
Re:Mundo da arquitetura
« Resposta #22 Online: 19 de Janeiro de 2012, 14:15:13 »
Qual o problema com o projeto da universidade?
"— A democracia em uma sociedade livre exige que os governados saibam o que fazem os governantes, mesmo quando estes buscam agir protegidos pelas sombras." Sérgio Moro

Offline mz

  • Nível 09
  • *
  • Mensagens: 93
  • Sexo: Masculino
  • "Eu não acardito"
Re:Mundo da arquitetura
« Resposta #23 Online: 19 de Janeiro de 2012, 14:38:13 »
O maior problema neste tipo de projeto dele não é a tanto a estética, mas as distâncias.
Imagina o cara ter que se deslocar dentro desta universidade a pé com um sol forte ou uma chuva torrencial...
"Yeah, well, you know, that's just, like, your opinion, man."
― The Dude (The Big Lebowski)

Offline Contini

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.610
  • Sexo: Masculino
Re:Mundo da arquitetura
« Resposta #24 Online: 19 de Janeiro de 2012, 17:04:55 »
O cara parou no tempo, ainda faz projetos como se estivesse nos anos 50.

Com raríssimas exceções, não gosto dos projetos do arquiteto em tela.

Deve ser um copy/paste do projeto de Brasilia...
"A idade não diminui a decepção que a gente sente quando o sorvete cai da casquinha"  - anonimo

"Eu não tenho medo de morrer, só não quero estar lá quando isso acontecer"  - Wood Allen

    “O escopo da ciência é limitado? Sim, sem dúvida: limitado a tratar daquilo que existe, não daquilo que gostaríamos que existisse.” - André Cancian

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!