Autor Tópico: Londres tem maior mostra de obras de Leonardo Da Vinci  (Lida 474 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline Unknown

  • Conselheiros
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.322
  • Sexo: Masculino
  • Sem humor para piada ruim, repetida ou previsível
Londres tem maior mostra de obras de Leonardo Da Vinci
« Online: 09 de Novembro de 2011, 17:19:28 »
Londres tem maior mostra de obras de Leonardo Da Vinci

National Gallery levou cinco anos para reunir as obras e montar a exposição que dá ao visitante uma oportunidade única.

Numa oportunidade única de se ver o maior número de obras de Leonardo Da Vinci, a National Gallery reúne em uma só exibição, 60 obras-primas do mestre, entre pinturas e desenhos.

Deixando de lado os conhecidos talentos de Da Vinci como inventor genial e cientista meticuloso, a exposição se concentra em um período específico: quando o artista trabalhava como pintor na corte de Milão.

Como funcionário assalariado do Duque Ludovico Sforza, Da Vinci se livrou das pressões financeiras e produziu algumas das obras mais elogiadas de sua carreira.


A Virgem das Rochas, de Leonardo da Vinci.

É a primeira vez que as duas versões da Virgem das Rochas são colocadas lado a lado, graças a um empréstimo do Louvre.

O curador da exposição, Luke Syson, explicou à BBC que levou cinco anos para convencer os diversos proprietários a cederem as obras para que a mostra fosse possível.

"Os quadros estavam espalhados por mais de 20 cidades em 10 diferentes países, desde a Rússia aos Estados Unidos, passando pelo Vaticano", disse Syson.

Raridades

Apesar de eleger os dois exemplares da Virgem das Rochas como o ponto alto da exposição, Syson ressalta também a bela pintura da amante do duque Sforza, Cecilia Gallerani.

O quadro é cheio de simbologia e já foi considerada o primeiro retrato verdadeiramente moderno. O arminho do quadro pode representar o amante poderoso, mas também seria símbolo de pureza e honra.

O mural A Última Ceia também foi pintado nesta época e está representado por uma cópia feita por um dos discípulos de Da Vinci.

A exposição chegou a ser ameaçada por um episódio de vandalismo no museu, em julho. O incidente deixou os donos das preciosas pinturas de Da Vinci preocupados com a segurança. Mas, com muita diplomacia, os temores foram superados, e a organização da exposição seguiu em frente.

A expectativa é de que esta seja uma das exibições de arte mais populares da história. Os bilhetes são vendidos com hora marcada e o museu recomenda que a compra seja feita com antecedência.

A exibição fica em cartaz por três meses, até o dia 5 de fevereiro, já que os outros museus e galerias querem suas obras primas de volta.

Veja vídeo: http://www.bbc.co.uk/portuguese/videos_e_fotos/2011/11/111108_davinci_video_is.shtml


Em imagens: Mostra destaca período em que Da Vinci era pintor assalariado


A National Gallery, em Londres, traz a maior exposição de arte de Leonardo Da Vinci já realizada. Foram necessários cinco anos de negociações e diplomacia para conseguir reunir as mais de 60 pinturas e desenhos do gênio renascentista. Na foto, a 'Madonna Litta', de cerca de 1491-5


'Leonardo da Vinci: Pintor na Corte de Milão' reúne pela primeira vez as duas versões da 'Virgem das Rochas'. Acima, a versão da National Gallery, 1491-1508, recentemente restaurada.


Aqui, o quadro emprestado pelo Louvre, de Paris, feito entre 1452 e 1519


O artista também pintou um trio de retratos que revolucionou o gênero, entre eles o único que ele fez de um homem: o 'Retrato de um Músico', entre 1486-7


A 'Belle Ferronnière' pode ser um retrato da duquesa ou de uma das amantes do Duque de Milão, feito aproximadamente entre 1493-4


O retrato mais celebrado de todos é o de Cecilia Gallerani, amante do duque Ludovico Sforza, 'Dama com Arminho', pintado aproximadamente entre 1489-90


Também faz parte da exposição a obra 'Salvator Mundi', pintada em cerca de 1500 e que teve a autoria de Da Vinci confirmada recentemente


Das 15 pinturas do artista que sobreviveram aos séculos, nove fazem parte da mostra. Aqui, a 'Virgem do Fuso' (Madonna de Yarnwinder), de cerca de 1499


O mural 'A Última Ceia', feito em um monastério de Milão, está representado por uma cópia feita por um dos discípulos de Da Vinci, Giampietrino, em aproximadamente 1520


'Os quadros estavam espalhados por mais de 20 cidades em 10 diferentes países, desde a Rússia aos Estados Unidos, passando pelo Vaticano', disse à BBC o curador da exposição Luke Syson. Aqui, 'São Jerônimo no deserto', pintado aproximadamente entre 1488-90.


Mais de 50 desenhos relacionados às pinturas estão sendo exibidos pela primeira vez. Na foto, 'A Virgem, o Menino, Sant'Ana e São João Batista', de cerca de 1500


A exibição traz 33 esboços da coleção real. Os diversos desenhos de Da Vinci pertencentes à Rainha Elizabeth 2ª foram provavelmente comprados durante o reinado de Charles 2º, mas só foram descobertos, por acaso, em 1778. Na foto, 'Esboço de um Jovem', feito aproximadamente em 1493.

http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2011/11/111108_davinci_is.shtml

"That's what you like to do
To treat a man like a pig
And when I'm dead and gone
It's an award I've won"
(Russian Roulette - Accept)

Offline StarDust

  • Nível 00
  • *
  • Mensagens: 4
  • Sexo: Feminino
Re:Londres tem maior mostra de obras de Leonardo Da Vinci
« Resposta #1 Online: 12 de Novembro de 2011, 14:28:32 »
Legal a notícia! Obrigada por compartilhar.
Pena que é em Londres, e provavelmente não sairá de lá...

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!