Autor Tópico: Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio  (Lida 6332 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline DDV

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.724
  • Sexo: Masculino
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #50 Online: 22 de Maio de 2015, 16:35:09 »
Talvez porque corpo humano todo mundo tem, e acha que conhece mais ou menos bem o seu, ou ao menos algumas particularidades. A coisa deve ir se aproximando um pouco ou indo além com coisas relacionadas a assistência técnica de computadores e eletrodomésticos.

Não explica ou justifica, até porque o organismo é mais complexo e "difícil de entender" do que máquinas comuns.

A explicação que acho mais plausível é a existência de uma "medicina popular", tradicional, passada de boca em boca, baseada no senso comum ou em empirismo passado de geração a geração (alguns verdadeiros, outros não). Isso não existe no Direito e na Engenharia.

 
Citar
Andem com aquelas maquininhas de passar cartão.

O mais recomendável é mandar agendar uma consulta, onde a pessoa tenha mais tempo e disposição para analisar o caso (ao invés de bêbado em uma festa, por exemplo). A cobrança ocorrerá nesse processo (Ou não, se for um amigo ou parente e estes TAMBÉM prestem favores grátis ao médico*).

*Já soube de médicos que prestavam assistência grátis a "amigos" e, quando precisaram de um serviço profissional destes, tomaram no cu e receberam a cobrança na cara.  :lol:


« Última modificação: 22 de Maio de 2015, 16:38:28 por DDV »
Não acredite em quem lhe disser que a verdade não existe.

"O maior vício do capitalismo é a distribuição desigual das benesses. A maior virtude do socialismo é a distribuição igual da miséria." (W. Churchill)

Offline DDV

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.724
  • Sexo: Masculino
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #51 Online: 22 de Maio de 2015, 16:45:54 »
Há também um outro motivo possível: a idéia de que médicos, de alguma forma, DEVAM prestar assistência gratuita (não-emergencial), sendo o pagamento a estes apenas um bônus ou privilégio, ou no máximo um dinheirinho "pra se sustentarem". Não se tem idéia semelhante com outras profissões.

Não acredite em quem lhe disser que a verdade não existe.

"O maior vício do capitalismo é a distribuição desigual das benesses. A maior virtude do socialismo é a distribuição igual da miséria." (W. Churchill)

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 34.106
  • Sexo: Masculino
  • ...
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #52 Online: 22 de Maio de 2015, 16:54:53 »
Sei lá, acho meio parecido, não que "justifique". "Olha só, eu tenho essa dorzinha no pé, mas só acontece quando eu ando muito de bicicleta, depois eu até preciso fazer compressa [...]" / "olha só, meu computador está dando esse problema, acho que foi só depois de instalar aquele jogo, e então depois de jogar eu sempre preciso reiniciar [...]", "você que entende dessas coisas, o que acha que seria bom eu fazer?"

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.218
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #53 Online: 22 de Maio de 2015, 17:21:40 »
Por que a medicina é a profissão com a qual as pessoas mais se sentem à vontade para palpitar e demandar informalmente consultas grátis?

Não se vê muitos palpites rolando com engenheiros e advogados, por exemplo ("por que não coloca mais cimento nessa argamassa? Não deveria usar esse material ao invés desse?"). Também não se vê muitas requisições de projetos a engenheiros ou ações a advogados durante um almoço de família (quando ocorrem, estes mandam ligar pra secretária e marcar horário  :D).
Um parente meu fez recentemente um exame para a cadelinha dele suspeita de estar com leishmaniose em uma clínica veterinária. Pagou 150 reais no total. O resultado para o exame foi positivo mas a clinica disse que não fazia o tratamento da doença. Resultado, ele ficou com um certo desconforto bolsal, pra ele era como se fosse propaganda enganosa ou algo parecido. Eu perguntei pra ele se não seria o caso de perguntar tudo antes. Resumo da ópera, acho que há perguntas desse tipo que ficam num terreno nebuloso entre uma consulta e uma informação necessária mas não cobrável.
« Última modificação: 22 de Maio de 2015, 17:23:47 por Sergiomgbr »

Offline DDV

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.724
  • Sexo: Masculino
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #54 Online: 22 de Maio de 2015, 17:31:17 »
Sei lá, acho meio parecido, não que "justifique". "Olha só, eu tenho essa dorzinha no pé, mas só acontece quando eu ando muito de bicicleta, depois eu até preciso fazer compressa [...]" / "olha só, meu computador está dando esse problema, acho que foi só depois de instalar aquele jogo, e então depois de jogar eu sempre preciso reiniciar [...]", "você que entende dessas coisas, o que acha que seria bom eu fazer?"

As "consultas" das quais falo não são essas não. São pessoas que procuram o médico para uma "avaliação" (para si, seu filho, um amigo do cunhado da irmã) que demanda tempo e necessita prescrição e exames. Os exemplos que você deu são só perguntas simples, que recebem respostas simples e rápidas também (Ex: "pode ser uma tendinite, faça repouso da articulação, use compressa fria e use tal anti-inflamatório por tantos dias. Se não resolver, procure um ortopedista").

Não acredite em quem lhe disser que a verdade não existe.

"O maior vício do capitalismo é a distribuição desigual das benesses. A maior virtude do socialismo é a distribuição igual da miséria." (W. Churchill)

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 34.106
  • Sexo: Masculino
  • ...
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #55 Online: 22 de Maio de 2015, 17:40:29 »
Mas ambas são o ensejo para ver se a pessoa se oferece para ir lá e consertar ou o computador ou a perna do cara...

De qualquer forma essa pergunta é mais de psicologia do que medicina ou biologia. É bom encerrar o assunto aqui, a fim de não levarmos ambos cartões.

Offline DDV

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.724
  • Sexo: Masculino
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #56 Online: 22 de Maio de 2015, 17:46:03 »
De qualquer forma essa pergunta é mais de psicologia do que medicina ou biologia. É bom encerrar o assunto aqui, a fim de não levarmos ambos cartões.

Concordo.
Não acredite em quem lhe disser que a verdade não existe.

"O maior vício do capitalismo é a distribuição desigual das benesses. A maior virtude do socialismo é a distribuição igual da miséria." (W. Churchill)

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.218
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #57 Online: 22 de Maio de 2015, 20:16:41 »
De qualquer forma essa pergunta é mais de psicologia do que medicina ou biologia. É bom encerrar o assunto aqui, a fim de não levarmos ambos cartões.

Concordo.
Ué, mas psicologia não é tributária tanto de ciências biológicas como medicina?

Offline DDV

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.724
  • Sexo: Masculino
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #58 Online: 22 de Maio de 2015, 20:34:20 »
De qualquer forma essa pergunta é mais de psicologia do que medicina ou biologia. É bom encerrar o assunto aqui, a fim de não levarmos ambos cartões.

Concordo.
Ué, mas psicologia não é tributária tanto de ciências biológicas como medicina?

Psicologia é uma ciência humana, embora receba e use conhecimentos da biologia.

Quanto ao assunto, nós simplesmente não queremos arriscar, pois a patrulha tá intensa esses dias.
Não acredite em quem lhe disser que a verdade não existe.

"O maior vício do capitalismo é a distribuição desigual das benesses. A maior virtude do socialismo é a distribuição igual da miséria." (W. Churchill)

Rhyan

  • Visitante
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #59 Online: 25 de Maio de 2015, 15:25:59 »
Por que há consenso de que os transgênicos são seguros se o campo da genética ainda é bastante incompleto e não se conhece os efeitos de longo prazo do uso de GMOs?

Já se sabe a(s) causa(s) dos sumiço das abelhas?

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 34.106
  • Sexo: Masculino
  • ...
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #60 Online: 27 de Maio de 2015, 21:19:41 »
1) Acho que o consenso é que quando há "equivalência de substância", não seria naturalmente esperado nada de mais estranho do que com outras variedades, e, mesmo cogitando a possibilidade de algo completamente imprevisto e extraordinário, tal coisa seria ainda excepcionalmente extraordinária para só ter efeitos de longo prazo maior do que o já estudado (como na alimentação de gado). Algo meio como "comer regularmente arroz e feijão resulta em altos níveis de comportamento violento e câncer após doze gerações".

2) Acho que não exatamente, o "consenso" deve ser que "um pouco de tudo".


Offline Incompreensível

  • Nível 00
  • *
  • Mensagens: 4
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #61 Online: 31 de Maio de 2015, 01:07:44 »
Por que há consenso de que os transgênicos são seguros se o campo da genética ainda é bastante incompleto e não se conhece os efeitos de longo prazo do uso de GMOs?

Já se sabe a(s) causa(s) dos sumiço das abelhas?

O consenso científico é que os transgênicos liberados são tão seguros (ou não) quanto os naturais.

Estuda-se aproximadamente 10 anos para lançar um alimento transgênico no mercado. O DNA alterado é copiado milhões de vezes para testes estatísticos. Parte das proteínas expressas conseguem ser analisadas e reconhecidas. Incontáveis animais são cobaias.







Offline Cientista

  • Nível 32
  • *
  • Mensagens: 2.266
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #62 Online: 31 de Maio de 2015, 02:09:35 »
Porque consenso é coisa de política, não de ciência. Ocorre que os transgênicos são interessantes demais para se ficar discutindo muito a respeito, adotando-se a 'norma' de que o risco, caso haja, vale o uso, sendo esse último o real "consenso" a haver. Cientificamente, os efeitos de alterações genéticas não são tão simples quanto "analisar duplicações gênicas, sínteses protéicas e suas proteínas", tanto quanto não perscrutáveis em tempos como "10 anos". O problema maior nem mesmo precisa ser o diretamente alimentar ou de outro uso direto, embora, basicamente, deva-se garantir o direito de informação e decisão, mesmo "estúpida", a quem possa não desejar.




Por que a medicina é a profissão com a qual as pessoas mais se sentem à vontade para palpitar e demandar informalmente consultas grátis?

Não se vê muitos palpites rolando com engenheiros e advogados, por exemplo ("por que não coloca mais cimento nessa argamassa? Não deveria usar esse material ao invés desse?"). Também não se vê muitas requisições de projetos a engenheiros ou ações a advogados durante um almoço de família (quando ocorrem, estes mandam ligar pra secretária e marcar horário  :D).
Um parente meu fez recentemente um exame para a cadelinha dele suspeita de estar com leishmaniose em uma clínica veterinária. Pagou 150 reais no total. O resultado para o exame foi positivo mas a clinica disse que não fazia o tratamento da doença. Resultado, ele ficou com um certo desconforto bolsal, pra ele era como se fosse propaganda enganosa ou algo parecido. Eu perguntei pra ele se não seria o caso de perguntar tudo antes. Resumo da ópera, acho que há perguntas desse tipo que ficam num terreno nebuloso entre uma consulta e uma informação necessária mas não cobrável.
Médicos (o que vale para vets) são profissionais que usufruem da vantajosa característica de serem mais tolerados quanto a erros, só sendo cobrados realmente em situações extremas, de lesões irreversíveis a morte. Se receitam medicamento/terapia/exame ineficaz, simplesmente receitam outro e não são cobrados para restituição. Veja que você perguntou ao teu parente "se não seria o caso..." e não informou qual teria sido a resposta dele. O que seria devido é (perguntar pel)o ressarcimento diante de não ter sido esclarecido que tratava-se de exame eliminatório para confirmar se tratável ou não, e não "se deveria ter sido perguntado antes". Qualquer outro profissional que "receite" peça, material, procedimento... ineficaz arca com o erro.

Offline Johnny Cash

  • Nível 40
  • *
  • Mensagens: 4.891
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #63 Online: 09 de Novembro de 2015, 16:58:39 »
Num buteco ontem, conversando butequianamente sobre uma impressão recorrente de que fetiche por pés femininos parece ser algo crescendo, ou pelo menos mais aparente pelos comentários de internet, ouvi falar que parafilias ocorrem muito mais em homens do que em mulheres, quando não somente no primeiro grupo.

Alguém sabe o motivo dessa discrepância?

Fico mais surpreso por conta das explicações do surgimento de várias parafilias serem, até então, pelo que me parece, mais focadas em eventos durante vida com escopo psicológico. Até existe algum estudo mais famoso que relaciona tempos de alta prevalência de DSTs pela sociedade, com maior apreciação de formas não usuais de sexo, mas isso continua sendo estranho para explicar algo que não afeta ambos os gêneros igualmente.

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 34.106
  • Sexo: Masculino
  • ...
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #64 Online: 09 de Novembro de 2015, 17:56:36 »
Homens têm maior libido (mais testosterona) e a própria configuração física do pênis, mais "auto-sensível", acaba sendo um reforço disso. Com isso já devem aumentar as chances de umas coisas meio pavlovianóides darem errado.

Offline Johnny Cash

  • Nível 40
  • *
  • Mensagens: 4.891
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #65 Online: 09 de Novembro de 2015, 20:00:56 »
Curioso é que se eu fosse chutar a relação da testosterona com presença de fetiches no indivíduo, eu diria que se relacionaria com níveis mais baixos do hormônio.

Mesmo que isso fosse, ao que parece, novamente não explicar, ou até piorar, a questão do não desenvolvimento nas mulheres. Embora, talvez, para elas não seja bem a relação com a testosterona.

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 34.106
  • Sexo: Masculino
  • ...
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #66 Online: 09 de Novembro de 2015, 20:31:43 »
Os anos vão passando, e você acha que já deve ter ouvido falar de uns bons 99% de todas as práticas sexuais e taras/parafilias possíveis. Uma breve pesquisada na internet já te prova errado.

http://psychology.wikia.com/wiki/Paraphilias



Citar
https://en.wikipedia.org/wiki/Paraphilia#Causes

Causes

The causes of paraphilic sexual preferences in people are unclear, although a growing body of research points to a possible prenatal neurodevelopmental correlation. A 2008 study analyzing the sexual fantasies of 200 heterosexual men by using the Wilson Sex Fantasy Questionnaire exam, determined that males with a pronounced degree of fetish interest had a greater number of older brothers, a high 2D:4D digit ratio (which would indicate excessive prenatal estrogen exposure), and an elevated probability of being left-handed, suggesting that disturbed hemispheric brain lateralization may play a role in deviant attractions.[23]

Behavioral explanations propose that paraphilias are conditioned early in life, during an experience that pairs the paraphilic stimulus with intense sexual arousal.[24] Susan Nolen-Hoeksema suggests that, once established, masturbatory fantasies about the stimulus reinforce and broaden the paraphilic arousal.[24]


Offline Dr. Manhattan

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.342
  • Sexo: Masculino
  • Malign Hypercognitive since 1973
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #67 Online: 09 de Novembro de 2015, 21:57:05 »
Num buteco ontem, conversando butequianamente sobre uma impressão recorrente de que fetiche por pés femininos parece ser algo crescendo, ou pelo menos mais aparente pelos comentários de internet, ouvi falar que parafilias ocorrem muito mais em homens do que em mulheres, quando não somente no primeiro grupo.

Alguém sabe o motivo dessa discrepância?

Fico mais surpreso por conta das explicações do surgimento de várias parafilias serem, até então, pelo que me parece, mais focadas em eventos durante vida com escopo psicológico. Até existe algum estudo mais famoso que relaciona tempos de alta prevalência de DSTs pela sociedade, com maior apreciação de formas não usuais de sexo, mas isso continua sendo estranho para explicar algo que não afeta ambos os gêneros igualmente.

Sem entrar no mérito da questão, mas acho todo tipo de comparação de prevalência de taras/fantasias entre homens e mulheres algo suspeito. Mulheres são menos propensas a divulgar suas fantasias. A não ser entre amigas próximas.
You and I are all as much continuous with the physical universe as a wave is continuous with the ocean.

Alan Watts

Offline Johnny Cash

  • Nível 40
  • *
  • Mensagens: 4.891
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #68 Online: 09 de Novembro de 2015, 22:20:44 »
Os anos vão passando, e você acha que já deve ter ouvido falar de uns bons 99% de todas as práticas sexuais e taras/parafilias possíveis. Uma breve pesquisada na internet já te prova errado.

http://psychology.wikia.com/wiki/Paraphilias

Cara, tem tanta coisa e de tão diversos tipos que tem hora que eu me pergunto se existem mesmo, pelo menos em casos mais frequentes do um único isolado, ou se são apenas pessoas fazendo listas de coisas de nomes montados do tipo "qualquer coisa + filia".

Nos mesmos moldes do que acontece com as Fobias, que costumamos ver vira e mexe algo novo, tipo medo de caixas de som. Sempre num esquema meio assembled "algo não usual + fobia".


Citar
https://en.wikipedia.org/wiki/Paraphilia#Causes

Causes

The causes of paraphilic sexual preferences in people are unclear, although a growing body of research points to a possible prenatal neurodevelopmental correlation. A 2008 study analyzing the sexual fantasies of 200 heterosexual men by using the Wilson Sex Fantasy Questionnaire exam, determined that males with a pronounced degree of fetish interest had a greater number of older brothers, a high 2D:4D digit ratio (which would indicate excessive prenatal estrogen exposure), and an elevated probability of being left-handed, suggesting that disturbed hemispheric brain lateralization may play a role in deviant attractions.[23]

Behavioral explanations propose that paraphilias are conditioned early in life, during an experience that pairs the paraphilic stimulus with intense sexual arousal.[24] Susan Nolen-Hoeksema suggests that, once established, masturbatory fantasies about the stimulus reinforce and broaden the paraphilic arousal.[24]


Sobre o último parágrafo, me parece, pelo que tenho lido, que algo realmente forte nesse assunto é a "confirmação", do bias/fetiche/parafilia através da masturbação e o caminho contrário, meio de destruição do hábito também é possível.

O que também me levaria a afastar a hipótese puramente genética e duradoura, a não ser para o start primordial da coisa, que por algum motivo não existiria para as meninas.

Offline Johnny Cash

  • Nível 40
  • *
  • Mensagens: 4.891
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #69 Online: 09 de Novembro de 2015, 22:25:15 »
Num buteco ontem, conversando butequianamente sobre uma impressão recorrente de que fetiche por pés femininos parece ser algo crescendo, ou pelo menos mais aparente pelos comentários de internet, ouvi falar que parafilias ocorrem muito mais em homens do que em mulheres, quando não somente no primeiro grupo.

Alguém sabe o motivo dessa discrepância?

Fico mais surpreso por conta das explicações do surgimento de várias parafilias serem, até então, pelo que me parece, mais focadas em eventos durante vida com escopo psicológico. Até existe algum estudo mais famoso que relaciona tempos de alta prevalência de DSTs pela sociedade, com maior apreciação de formas não usuais de sexo, mas isso continua sendo estranho para explicar algo que não afeta ambos os gêneros igualmente.

Sem entrar no mérito da questão, mas acho todo tipo de comparação de prevalência de taras/fantasias entre homens e mulheres algo suspeito. Mulheres são menos propensas a divulgar suas fantasias. A não ser entre amigas próximas.

Concordo, mas curioso ser tão assim ao ponto de não aparecer em qualquer pesquisa, sendo sempre algo que exclusivo masculino, ou discrepante ao ponto de ser vendido assim.

Por conta desse tipo de coisa, é que é interessante o recém estudo que parece que da as condições para que se possa verificar/confirmar objetos que provocam estímulo sexual nos indivíduos através da dilatação das pupilas:

Existe algo estranho aí. Dilatação de pupila como sinal inequívoco de excitação sexual?

Curioso... eu tinha lido ha uns dois dias algo exatamente sobre isso:


Citar
The Eyes Have It: Sex and Sexual Orientation Differences in Pupil Dilation Patterns
Gerulf Rieger , Ritch C. Savin-Williams

Published: August 3, 2012 DOI: 10.1371/journal.pone.0040256

Recent research suggests profound sex and sexual orientation differences in sexual response. These results, however, are based on measures of genital arousal, which have potential limitations such as volunteer bias and differential measures for the sexes. The present study introduces a measure less affected by these limitations. We assessed the pupil dilation of 325 men and women of various sexual orientations to male and female erotic stimuli. Results supported hypotheses. In general, self-reported sexual orientation corresponded with pupil dilation to men and women. Among men, substantial dilation to both sexes was most common in bisexual-identified men. In contrast, among women, substantial dilation to both sexes was most common in heterosexual-identified women. Possible reasons for these differences are discussed. Because the measure of pupil dilation is less invasive than previous measures of sexual response, it allows for studying diverse age and cultural populations, usually not included in sexuality research.

http://journals.plos.org/plosone/article?id=10.1371/journal.pone.0040256

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.218
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #70 Online: 09 de Novembro de 2015, 22:27:21 »
Homens têm maior libido (mais testosterona) e a própria configuração física do pênis, mais "auto-sensível", acaba sendo um reforço disso. Com isso já devem aumentar as chances de umas coisas meio pavlovianóides darem errado.
Só pra desambiguar, tenho impressão que testosterona não é o mesmo que libido para literalmente afirmar que mais testosterona = mais libido.


Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.218
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #72 Online: 10 de Novembro de 2015, 14:55:11 »
Pois é, por isso mesmo coloquei o termo "desambiguar" para a hipótese de que pudesse ser uma hipérbole sua.

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 34.106
  • Sexo: Masculino
  • ...
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #73 Online: 15 de Dezembro de 2015, 19:48:16 »
Citar
http://news.sciencemag.org/health/2015/12/fast-spreading-virus-may-cause-severe-birth-defects

[...]It isn’t clear why Zika virus would be causing more frequent or severe birth defects in Brazil than it apparently has elsewhere. There’s a chance the virus has somehow become more pathogenic, Bispo says. Or perhaps the closely related dengue virus, which is endemic in Brazil, has made people more vulnerable to Zika, says Patricia Sequeira, a virologist in Bispo's lab. People who have antibodies to dengue might mount a less intense immune response to Zika, which might make it more likely that the virus crosses the placenta and infects a fetus.[...]


Isso é algo que tem análogos com outros vírus? Não seria o caso então também de ter tido um tipo de dengue tornar a pessoa mais vulnerável a outros, e, mais importante, de vacinas em geral -- especialmente as para gripe comum -- tornarem as pessoas mais vulneráveis a vírus aparentados?

Offline Marcel

  • Nível 11
  • *
  • Mensagens: 160
Re:Perguntas sobre ciências biológicas e médicas que não merecem tópico próprio
« Resposta #74 Online: 11 de Fevereiro de 2016, 20:52:37 »
Será que a ciência/governos/universidades vão aprender a lição que o zika deu? Digo, enquanto o zika era uma doença esquecida, restrita à Africa e sudeste asiático, era negligenciada e pouco estudada. Agora que "deu as caras", estão preocupados em estudar melhor, desenvolver vacina, etc... Se a ciência/governos/universidades tivessem estudado o zika antes, já teriam mais informações, vacina, etc para enfrentar a doença agora que ela traz problemas. Isso deveria servir de lição, eu acho...

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!