Autor Tópico: Analisando o "Perigo Islâmico"  (Lida 25127 vezes)

0 Membros e 3 Visitantes estão vendo este tópico.

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 25.314
  • Sexo: Masculino
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #25 Online: 11 de Setembro de 2015, 22:55:21 »
PQP!!!

Como as religiões formam idiotas em abundância.

Mais que as ideologias políticas anacrônicas.
Foto USGS

Offline Pasteur

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.805
  • Sexo: Masculino
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #26 Online: 11 de Setembro de 2015, 23:12:19 »
Jack, por que essas bundas pra cima te agride tanto? Quer dizer que essas bundas pra cima são a prova que eles não se integram? Tudo que é diferente da sua cultura é ridículo?

Geo, todos esses que estão rezando na rua são idiotas? Ou todos que rezam em todas as religiões são idiotas?

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 25.314
  • Sexo: Masculino
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #27 Online: 11 de Setembro de 2015, 23:25:01 »
[...]
Geo, todos esses que estão rezando na rua são idiotas? Ou todos que rezam em todas as religiões são idiotas?

A pergunta é séria?

Repare no que eu escrevi

PQP!!!

Como as religiões formam idiotas em abundância.

Mais que as ideologias políticas anacrônicas.

Há, em algum trecho, a mais leve menção a uma só religião?
Foto USGS

Offline Pasteur

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.805
  • Sexo: Masculino
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #28 Online: 11 de Setembro de 2015, 23:29:30 »
Geo, por que você disse indignado PQP? Como você chegou à conclusão  que as religiões formam idiotas em abundância?  Eu achei que foi depois de ver tanta bunda pra cima no meio da rua...   :lol:

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 25.314
  • Sexo: Masculino
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #29 Online: 11 de Setembro de 2015, 23:38:01 »
Geo, por que você disse indignado PQP? Como você chegou à conclusão  que as religiões formam idiotas em abundância?  Eu achei que foi depois de ver tanta bunda pra cima no meio da rua...   :lol:

Um bando de pessoas prostradas na rua em direção a um local no 'fim do mundo' é a mesma idiotice que um bando de pessoas prostradas em frente a um pedaço de gesso sob forma humana.
Foto USGS

Offline Pasteur

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.805
  • Sexo: Masculino
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #30 Online: 12 de Setembro de 2015, 00:03:18 »
Geo, por que você disse indignado PQP? Como você chegou à conclusão  que as religiões formam idiotas em abundância?  Eu achei que foi depois de ver tanta bunda pra cima no meio da rua...   :lol:

Um bando de pessoas prostradas na rua em direção a um local no 'fim do mundo' é a mesma idiotice que um bando de pessoas prostradas em frente a um pedaço de gesso sob forma humana.

Geo, uma pessoa pode rezar e fazer maravilhas pela ciência.  Não vou citar as centenas ou milhares de exemplos, porque você já sabe quem são estas personagens.

Para um ateu pode ser muito esquisito pensar na lógica de tal rito, mas muitas pessoas tem medo da morte e querem acreditar que ela não é o fim de tudo.

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.501
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #31 Online: 12 de Setembro de 2015, 00:36:39 »
Que bobagem! Quanta paranóia! Que que tem gente! Vocês estão confundindo as coisas! Isso não é nada! Parem de ser alarmistas!

Offline Pasteur

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.805
  • Sexo: Masculino
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #32 Online: 12 de Setembro de 2015, 00:42:56 »
Os foristas que são contra a imigração numa enquete de outro tópico,  minoria lá,  estão animados aqui...  ::)

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.501
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #33 Online: 12 de Setembro de 2015, 00:56:47 »
É. E vice versa...

Offline Pasteur

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.805
  • Sexo: Masculino
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #34 Online: 12 de Setembro de 2015, 01:04:48 »
Alertem a Merkel, Hollande, Cameron, Obama e outros que eles não sabem o perigo que estão correndo aceitando esses refugiados que adoram empinar a bunda pra cima...  :stunned:

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.501
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #35 Online: 12 de Setembro de 2015, 01:07:08 »
É, enquanto eles estiverem assim o único porém é o metano...

Offline Fabrício

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 6.706
  • Sexo: Masculino
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #36 Online: 12 de Setembro de 2015, 07:12:52 »
Colocar a bunda pra cima para rezar não é problema quando se está em uma mesquita, mas uma multidão fazendo isso no meio da rua não dá pra tolerar. E se cristãos começarem a formar multidões para celebrar cultos ou missas com frequência no meio da rua vai ser intolerável também.

Mas não sei até que ponto isso está tão disseminado na Europa ou é um alarmismo exagerado. Se selecionarmos situações aqui e ali, podemos ter a sensação de que o problema é muito maior do que é na verdade. Pelo menos não tenho visto na imprensa relatos disso acontecendo com tanta frequência (bundas pra cima no meio da rua  :hihi:)
"Deus prefere os ateus"

Offline Lorentz

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.618
  • Sexo: Masculino
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #37 Online: 12 de Setembro de 2015, 08:56:50 »
É, enquanto eles estiverem assim o único porém é o metano...

E se atirarem o problema será do chumbo. Rá!
"Amy, technology isn't intrinsically good or bad. It's all in how you use it, like the death ray." - Professor Hubert J. Farnsworth

Offline Fernando Silva

  • Conselheiros
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.918
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #38 Online: 12 de Setembro de 2015, 09:48:49 »
Um bando de pessoas prostradas na rua em direção a um local no 'fim do mundo' é a mesma idiotice que um bando de pessoas prostradas em frente a um pedaço de gesso sob forma humana.
O "na rua" faz muita diferença. E se você quiser passar por lá bem nessas horas? Vai exigir que eles abram passagem?
Eles provavelmente se sentem livres para bloquear as ruas porque já tomaram o bairro inteiro.
Em breve, se sentirão com autoridade para impor outras coisas.

Offline Pasteur

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.805
  • Sexo: Masculino
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #39 Online: 12 de Setembro de 2015, 11:24:35 »
Colocar a bunda pra cima para rezar não é problema quando se está em uma mesquita, mas uma multidão fazendo isso no meio da rua não dá pra tolerar. E se cristãos começarem a formar multidões para celebrar cultos ou missas com frequência no meio da rua vai ser intolerável também.

O problema é quando as mesquitas estão superlotadas...

Eles não ocupam as ruas por opção e sim por falta de opção.

Mas não sei até que ponto isso está tão disseminado na Europa ou é um alarmismo exagerado. Se selecionarmos situações aqui e ali, podemos ter a sensação de que o problema é muito maior do que é na verdade. Pelo menos não tenho visto na imprensa relatos disso acontecendo com tanta frequência (bundas pra cima no meio da rua  :hihi:)

Por isso que gosto de ler os seus posts sempre carregado de bom senso!  :ok:

Na França foi proibido desde 2011 essas rezas nas ruas, pelo que li, em Paris mais ou menos 1000 pessoas rezavam nas ruas. São milhões de muçulmanos residindo lá. Arrumaram um quartel desativado pra eles rezarem.

Tá vendo! O pessoal não sabe da real e ficam estereotipando...

Offline Pasteur

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.805
  • Sexo: Masculino
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #40 Online: 12 de Setembro de 2015, 11:49:30 »
Um bando de pessoas prostradas na rua em direção a um local no 'fim do mundo' é a mesma idiotice que um bando de pessoas prostradas em frente a um pedaço de gesso sob forma humana.
O "na rua" faz muita diferença. E se você quiser passar por lá bem nessas horas? Vai exigir que eles abram passagem?
Eles provavelmente se sentem livres para bloquear as ruas porque já tomaram o bairro inteiro.
Em breve, se sentirão com autoridade para impor outras coisas.

Qual a porcentagem de ruas que eram bloqueadas? Talvez 0,0000001%? 

Intolerância.

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.501
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #41 Online: 12 de Setembro de 2015, 12:05:09 »
Um bando de pessoas prostradas na rua em direção a um local no 'fim do mundo' é a mesma idiotice que um bando de pessoas prostradas em frente a um pedaço de gesso sob forma humana.
O "na rua" faz muita diferença. E se você quiser passar por lá bem nessas horas? Vai exigir que eles abram passagem?
Eles provavelmente se sentem livres para bloquear as ruas porque já tomaram o bairro inteiro.
Em breve, se sentirão com autoridade para impor outras coisas.

Qual a porcentagem de ruas que eram bloqueadas? Talvez 0,0000001%? 

Intolerância.
Não há "níveis toleráveis" se for a porta da sua casa ou sua passagem.

Offline Jack Carver

  • Nível 25
  • *
  • Mensagens: 1.115
  • Sexo: Masculino
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #42 Online: 12 de Setembro de 2015, 13:05:40 »
Pasteur, Pasteur, Pasteur, Pasteur, meu, caro! Não se pode abrir precedentes. Se 0,000001% for um trecho de uma rua de certo movimento, já ferrou, entendeste? E é claro que o Estado teve e deve interferir. Lembre-se que isso é uma evidência de que eles são bem unidos e resistem aos costumes dos habitantes locais, vão empurrando seus modos 'de grão em grão'. Postei ali dois vídeos além das fotos.
Eu me pergunto se nos guetos, as escolas dos filhos deles são baseados no ensino laico e se não há leis paralelas às do Estado funcionado para a comunidade.
Espere até que os novos habitantes sejam cada vez maior e teremos mais surpresas.

PS: Aliás, onde já se viu os profissionais da arte agora temerem fazer caricaturas/charges de Maomé no próprio país? A que ponto chegou-se...
« Última modificação: 12 de Setembro de 2015, 13:11:37 por Jack Carver »
O Brasil é um país de sabotadores profissionais.

“Dêem-me controle sobre o dinheiro de uma nação e não me importa quem faz as suas leis. - Mayer Amschel Rothschild

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.501
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #43 Online: 12 de Setembro de 2015, 13:19:13 »
Está acontecendo agora com a West Civilization em relação aos muçulmanos mais ou menos o mesmo que aconteceu com os nativos da América à época dos descobrimentos, a maioria sucumbiu  a todo tipo de zica(o qual não tinham nenhuma espécie de imunidade) e ao fascínio dos colonizadores.

« Última modificação: 12 de Setembro de 2015, 13:24:52 por Sergiomgbr »

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.501
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #44 Online: 12 de Setembro de 2015, 13:24:01 »
E digo mais, o inevitável lado "bonzinho" do islmamismo é o que vai seduzir a juventude dessa gente. Como "é de menino que se torce o pepino", nada mais será como antes.

Offline Pasteur

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.805
  • Sexo: Masculino
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #45 Online: 12 de Setembro de 2015, 14:11:32 »
Um pouco de generalização do tipo de vocês:

enezima tentativa de cair vossas fichas:

A Europa tem que bloquear a entrada de judeus pois há muita chance dos gays tomarem facadas pelas costas.

Percebe o quão ridícula é essa frase? É do tipo disso que canso de ler por aqui. :sorry:


Offline Jack Carver

  • Nível 25
  • *
  • Mensagens: 1.115
  • Sexo: Masculino
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #46 Online: 12 de Setembro de 2015, 15:15:01 »
Está acontecendo agora com a West Civilization em relação aos muçulmanos mais ou menos o mesmo que aconteceu com os nativos da América à época dos descobrimentos, a maioria sucumbiu  a todo tipo de zica(o qual não tinham nenhuma espécie de imunidade) e ao fascínio dos colonizadores.
Heeh, isso seria uma real possibilidade de médio-longo prazo. A curto-médio prazo, uma das possibilidades é o desencadeamento resultante dessas atuais políticas de imigração. Resumindo: Por falta de confiança política por parte dos eleitores, os partidos nacionalistas poderiam ganhar terreno fácil, então. E após eventual consolidação desses partidos pela Europa, poderia gerar um problemão com as "minorias"; rigidez no controle social, perseguições institucionalizadas e conflitos civis. 
O Brasil é um país de sabotadores profissionais.

“Dêem-me controle sobre o dinheiro de uma nação e não me importa quem faz as suas leis. - Mayer Amschel Rothschild

Offline Pagão

  • Nível 37
  • *
  • Mensagens: 3.411
  • Sexo: Masculino
Nenhuma argumentação racional exerce efeitos racionais sobre um indivíduo que não deseje adotar uma atitude racional. - K.Popper

Offline Gabarito

  • Nível 40
  • *
  • Mensagens: 4.698
  • Sexo: Masculino
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #48 Online: 13 de Setembro de 2015, 16:39:39 »
Difícil enquadrar o assunto da matéria abaixo. Islamismo? Feminismo?
Muita dificuldade para saber em qual tópico publicar a notícia.
Também muita dificuldade em analisar todo o imbróglio.
Todos certos?
Todos errados?
Certos os primeiros?
Certos os segundo?

 :?: :?: :?:

Citar
A resposta à intrigante questão maometana
Sociedade 13.09.15 12:09

Duas militantes do movimento Femen irromperam no "Salão da Mulher Muçulmana", em Pontoise, na França, quando dois maometanos com túnicas brancas abordavam uma questão intrigante: "se um homem deve ou não bater na sua mulher".
As duas mulheres, de origem argelina e tunisiana, subiram ao palco, exibiram os seus torsos nus e gritaram, em árabe e francês, "Ninguém me submete, ninguém me possui, eu sou meu próprio profeta".
Foram retiradas pela polícia, antes que maometanos, aos gritos de "Putas sujas! e "Vamos matá-las", as linchassem, aos pontapés, depois de terem sido jogadas no chão.
A questão intrigante dos dois palestrantes foi respondida, portanto.

Vejam o vídeo:

<a href="https://www.youtube.com/v/a_vEg3KdZ1s" target="_blank" class="new_win">https://www.youtube.com/v/a_vEg3KdZ1s</a>


Gostei dos comentários abaixo. É muito fácil fazer protestos dentro de ambiente seguro, como um culto cristão, e vilipendiar seus valores.
Muito corajosa a ação das duas ativistas, agindo dentro de uma "toca de leões".
Mesmo corajosa, a forma de protesto também vilipendia os valores islâmicos e agride frontalmente quem pensa diferente, e invade um espaço reservado a orações.
É uma análise muito difícil a que temos diante de nós.

Espero que não tenham sido agredidas fisicamente ou até mesmo algo mais grave à sua (delas) integridade física.

Citar
Pablo 12 minutos atrás
Dá gosto ver um debate tão civilizado no conteúdo e na forma.


clesia 2 horas atrás
Vixe! Agora sim deu pane na cabecinha dos esquerdopatas. À quem irão defender?
Enfim 2 loucas suicidas resolveram defender quem realmente necessita, que são as mulheres muçulmanas e não as ocidentais.
Sempre me deu nos nervos vê-las invadirem igrejas cristãs arrancarem as roupas e fazerem arruaça em total desrespeito aos fiéis que nada tem com suas loucuras.
Desrespeitar e agredir cristãos que não irão revidar é muito fácil e cômodo.
Fazer o mesmo com o Islã são outros 500. Já que querem ser notícia vão atazaná-los e se tornarem úteis.

Mas uma coisa é certa: o tratamento que o islamismo dá às mulheres é inaceitável num mundo moderno e civilizado.
Eles reproduzem a época das cavernas em pleno século 21, isso sim.
Parabéns às mocinhas pela coragem e oportunidade para trazer o assunto, mais uma vez, ao centro do debate.
« Última modificação: 13 de Setembro de 2015, 16:44:50 por Gabarito »

Offline Pasteur

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.805
  • Sexo: Masculino
Re:Analisando o "Perigo Islâmico"
« Resposta #49 Online: 13 de Setembro de 2015, 16:45:14 »
Duas babacas querendo aparecer.

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!