Autor Tópico: Pesquisa com médium  (Lida 25989 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline SandroF

  • Nível 14
  • *
  • Mensagens: 320
Pesquisa com médium
« Online: 04 de Novembro de 2016, 13:59:09 »
Olá pessoal!

Sou novo no clube e vim buscar uma ajuda do clube do cético para um experimento com médiuns.

Resumidamente o experimento pretende fazer um teste controlado com médium psicógrafo. Foram convidados vários médiuns e até o momento apenas um aceitou participar (estamos no aguardo dos outros e enviaremos convites a diversos). Dentre os critérios, um deles, é o fato do médium ser denominado como ostensivo, ou seja, aquele que consegue fornecer uma série de detalhes e particularidades em cartas psicografadas para familiares (nomes, apelidos, detalhes do morte, motivo da morte etc).

O estudo pretende fazer um experimento duplo-cego em ambiente controlado, onde o médium deverá fazer uma sessão dentro do seu modus operandi e serão convidadas famílias que perderam parentes próximos e necessitem de algum tipo de ajuda ou comunicação com eles.
Dentro da metodologia proposta um grupo a parte irá fazer a seleção dos familiares, garantindo assim que nem o pesquisador nem o médium venham a saber previamente sobre cada caso. É nesse ponto que vem meu convite aos céticos pois precisamos de uma espécie de auditoria, garantindo isenção e possível parcialidade por parte de algum envolvido diretamente.

Depois de selecionadas as famílias (10), elas serão colocadas numa sala onde levaremos o médium para que entre em estado alterado de consciência (ou transe mediúnico) e tente algum tipo de "contato".

Caso venha a surgir alguma psicografia, está será lida e se houver alguma família que se identifique com o texto (carta) essa deverá avaliar a precisão das informações fornecidas.

Uma série de detalhes necessitam ser cumpridos:

1) As famílias são convidadas mas devem ser voluntárias;
2) Os parentes falecidos devem ter morrido entre o prazo máximo de 2 anos (aumento das chances de comunicação);
3) Os parentes vivos devem ter características de que precisam receber uma comunicação, exemplo, abalos e traumas deixados etc (aumento das chances de comunicação);
4) A sessão será toda registrada por audio e video;
5) Somente os envolvidos na pesquisa poderão estar presentes na sessão;
6) O médium, assim como as famílias, tem direito (e opção) ao anonimato;
7) O convite para a pesquisa está sendo feito para uma equipe jornalística documentar a sessão (relato apenas);
8) A primeira sessão deverá ocorrer em dezembro deste ano, na cidade de Porto Alegre;
9) O resultado do trabalho irá para publicação em periódico internacional peer-rewied;

Tvz eu tenha esquecido de outros detalhes, mas fico a disposição para qualquer esclarecimento sobre o tema e método.

PS. Eu e um grupo de amigos estamos focados em pesquisa e estudos sobre espiritismo e paranormalidade. Elaboramos já diversas pesquisas sobre o tema e temos revista oficial com uso de metodologia cientifica atual. A idéia é tentar manter um rigor acadêmico para pesquisas nesse campo.

Meu convite é para verificar o interesse de um comitê cético para Porto Alegre nesse mês de novembro. Temos pouco tempo para essa parte. Fico no aguardo de interessados, sugestões e críticas.

Obrigado
Todo o vício surge de uma recusa inconsciente de encararmos nossos próprios sofrimentos.

Rhyan

  • Visitante
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #1 Online: 04 de Novembro de 2016, 16:21:51 »
É sempre bom ter algum especialista em ilusionismo nesse tipo de estudo. Algum representante do James Randi ou algo do gênero. Médiuns e fraudes são coisas que andam juntas e os pesquisadores não são treinados para pegar qualquer tipo de truque.

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 34.099
  • Sexo: Masculino
  • ...
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #2 Online: 04 de Novembro de 2016, 16:49:37 »
No caso não sei se seria exatamente ilusionismo o "truque", mas generalidades de leitura fria, ou, alguma forma de se obter informações sobre as pessoas previamente (internet deve ajudar um bocado atualmente) para fazer um dossiê.

Talvez então o ideal fosse a requisição específica de informações privadas, mas sem qualquer teor emocional, como número de documentos ou senhas. Isso tira totalmente o fator de "folga" na precisão das informações, comparado a descrições de personalidade, gostos, hábitos, que são mais suscetíveis a se conseguir inventar algo que pareça compatível aos envolvidos, especialmente se eles quiserem acreditar.

Mas é muito improvável que algo assim fosse ser aceito. Talvez essas memórias fiquem no perispírito, muitas vezes, se perdendo com a desencarnação. Além do fantasma naturalmente estar mais ansioso em falar de coisas mais emocionalmente tocantes.

Talvez a partir de psicografias intermediários pudessem preencher alguma espécie de ficha sucinta mais impessoal/não-emocional de eventos/elementos implícitos na psicografia, e estas serem comparadas pelos familiares a outros preenchimentos da mesma ficha, semi-aleatórios, apenas variações não muito excepcionais de pessoas de um perfil similar.

Talvez para algo "mais cego" ainda pudesse também ter pessoas que não tiveram nenhum parente morto nesse período.




O Gigaview deve ter idéias interessantes a acrescentar.

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.158
  • Who left the bag of idiots open?
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #3 Online: 04 de Novembro de 2016, 16:54:35 »
Citar
Os parentes falecidos devem ter morrido entre o prazo máximo de 2 anos (aumento das chances de comunicação);

Por que? e por que "aumento de chances de comunicação"?

Explique o que você entende por ambiente duplo-cego e quais são os controles que serão usados.
« Última modificação: 04 de Novembro de 2016, 16:58:11 por Gigaview »
“The knives of jealousy are honed on details.”
― Ruth Rendell

Rhyan

  • Visitante
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #4 Online: 04 de Novembro de 2016, 17:52:38 »
Leitura fria, leitura quente é algo muito básico. Falo truques mesmo, aqueles que James Randi sempre desmascarou.

Já viu o filme Poder Paranormal? É sobre esse tipo de estudo, se usa truques, golpes e fraudes sim nesse tipo de estudo.

Offline Alquimista

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.724
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #5 Online: 04 de Novembro de 2016, 18:20:18 »
Sandro Fontana, não é bem assim!!!  Não tem nada a ver esse ''experimento'' que pretendem fazer.

Primeiro porque o seu texto denota muito pouco conhecimento sobre o que vem a ser um ''duplo-cego em ambiente controlado''.
Segundo porque esses tipos de experimentos ''controlados'' estão fadados a dar em nada!!!!!!  Basta lembrar como médiuns do passado conseguiram passar a perna em cientistas gabaritados durante experimentos ''controlados''.
E não seja ingênuo esperando encontrar autenticidade no fato dos médiuns ignorarem os voluntários.  Esse é o maior perigo que vejo aí!!!

Outra coisa que você não se preveniu: as ''vítimas'' idealizadas são as melhores vítimas pra contaminar o experimento com um certo... viés: ''e serão convidadas famílias que perderam parentes próximos e necessitem de algum tipo de ajuda ou comunicação com eles.'' 
Por favor, né, Sandro?! Já está fadado ao fracasso a ''pesquisa''!!!!!!
Ahhhhhhh, mas tem também, não podemos esquecer, o VIÉS do PESQUISADOR que pode contaminar o estudo, ou seja, e se o pesquisador nesse caso for espírita, TIVER A CRENÇA NO ESPIRITISMO, será que isso não abalaria os resultados do experimento????? Me desculpe, Sandro, mas as condições propostas por você de longe são as ideais, não pelo fato de serem pouco científicas (também!), mas por tenderem a favorecer mais o lado do médium.  E é aí que mora o perigo!!! Se o pesquisador já estiver contaminado com um certo viés, já estou até prevendo no que vai dar esse ''estudo''... Servirá apenas para confirmar uma crença já arraigada, mas agora com o aval... ''científico''. Até aí nenhuma novidade!!!!! Trocando em miúdos, ponto para o espiritismo (na visão dos espíritas) se o médium ''acertar''.
Tá, mas não tem viés na história, garante o pesquisador, assim como assegura também que será imparcial durante todo o experimento. E daí???!!!  Se o médium falhar, sempre haverá uma desculpinha, não é mesmo?!!  Tsc, tsc, tsc...

Mas seria o Sandro Fontana capaz de se colocar numa situação de total imparcialidade sem deixar que nenhum viés interfira no experimento??? Assistam o vídeo a seguir e tirem suas próprias conclusões:



MINHA OPINIÃO: não passa de mais um bullshit pseudocientífico à la séc. XIX tentando validar a ''ciência'' espírita.
« Última modificação: 04 de Novembro de 2016, 18:33:58 por Alquimista »
"O Alquimista é o supremo alquimista alfa e o ômega das transmutações aurintelectofilosofais."

Offline SandroF

  • Nível 14
  • *
  • Mensagens: 320
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #6 Online: 04 de Novembro de 2016, 18:30:00 »
Obrigado por colaborarem... vou responder por partes, mas tudo junto:

Literário: No referido caso não se tem usado ilusionistas pois não se caracteriza como pesquisa ligada a efeitos físicos, algo muito comum no passado. Como o referido estudo visa checar a informações específicas não tem como se fazer algum truque..


Buckaroo: Você comentou um detalhe importante, a internet. Hj estamos investigando um médium que frauda e sabemos que ele usa da internet. Estamos na cola dele e juntando as provas. O principio da fraude surge, historicamente (exceto por doença mental), por dois motivos, i) dinheiro ii) ego/vaidade. Veja quais são os dados que nos levaram a suspeitar da fraude:

1) Ele psicografa cartas com CPF, RG, numero de telefone e endereço. Historicamente isso é incompatível com qualquer ato mediúnico, isso pq dentro do conhecimento espirita, os espiritos não tem senso ou noção de alguma coisas (espaço tridimensional, numeros precisos, memórias perfeitas)..

2) O possível medium fraudador vende livros nas sessões. Descobrimos que ele vende livros e chega a ganhar 5000 reais numa sessão;

3) Ele não pede nomes das pessoas, nada..  Verificamos que ele consulta na internet os casos das cidades que viaja, então verifica via facebook quem deve ir ao evento. Elabora uma carta depois de investigar a vida das pessoas. Descobrimos isso pois ele cita o nome de uma tia de falecido (ela também falecida) e ela pedia para dar o endereço e telefone da casa da mãe dele para provar q era ele q se comunicava. Para o azar do médium fraudador, a mãe verificou que o numero estava correto mas o endereço não. Ela ou alguém acessou a internet e verificou que o endereço citado era o mesmo do site da Telelistas, endereço estava errado, porém igual ao que o médium usou para fraudar.

Esse caso q dou de exemplo é um que estamos investigando para denúncia.

Agora sobre a referida pesquisa do tópico. O médium participante fornece informações precisas de nomes e dados, vou colocar aqui uma das cartas a qual presenciei e a família tinha decidido ir ao evento junto com uma tia. O caso presenciado foi escolhido pois as chances que médium teria seriam mínimas, uma vez que a família não tinha divulgado sua ida ao evento. Detalhe: foram cerca de 800 pessoas ao evento ocorrido em abril em Porto Alegre:

A carta dará uma idéia da capacidade a ser investigada.


Papai teu guri aqui também joga a bola.
Papai Tiago, mamãe Letícia, que Papai do Céu, Nosso Senhor Deus nos dê a força necessária para que vocês possam ter forças e serem fortes também.
Mamãe as manchinhas do meu corpo sumiram. A meningite foi apenas uma desculpa que precisava para me levar embora da Terra. Não culpe a doutora, era minha hora.
Mamãe, fiquei muito feliz em saber da tatuagem que vocês fizeram para mim.
Vó Rosa, minha vovó Vera, minha vovó, que alegria em te ver neste momento. Não caiam em tristezas, não caiam em lágrimas, eu to vivo, brincando muito…
Papai, to fazendo aqui as nossas brincadeiras, a mamãe precisa e necessita da sua força..
Papai tenha mais paciência, nada vai ser como antes.
Mamãe não fala que quer ir embora também comigo.
Lucas e Taci um beijo a vocês, eu te amo!
Vovó Vera eu te amo muito!
Papai e mamãe, vocês sempre serão para mim os meus melhores anjos, não sinto mais nada… sinto só a tristeza que nos invade.
Eu te amo papai, volte a vida mamãe…

do teu menino Matheus MXXXXXXX



Sobre o caso:

O menino Matheus faleceu aos 8 anos de idade devido a uma meningite. O garoto acordou de manha com febre, foi levado até um serviço médico mas a médica não o examinou, apenas prescreveu panos na cabeça e receitou um antitérmico.
A tarde o quadro do menino piorou. No fim do dia começaram a surgir manchas no corpo dele, levaram novamente mas as 22horas do mesmo dia ele faleceu.

Todo os nomes citados na carta conferem perfeitamente, inclusive o apelido da irmã (Taci) que era como ele a chamava.

Essa carta veio a surgir cerca de 8 meses após sua morte, onde a mãe ja tinha tentado suicídio duas vezes.

Em entrevista com a família a carta gerou uma mudança radical na vida deles. A mãe alega não ter dito nem programado a ida a sessão e por isso acredita no teor da mesma. Isso mudou a vida dela, sendo o próprio relato, abandonando a idéia do suicídio e culpabilidade da médica envolvida no caso. Eu cheguei e era uma médica mesmo e não um médico.

Um detalhe importante. O médium não conversou com ninguém, nem com essa família em questão, mas como as famílias colocam as coisas na internet precisamos de um teste controlado onde teremos certeza de que o médium não teria como saber que famílias e casos estariam na sessão. Por mais que eliminemos as chances nos falta a certeza sobre os casos..

Outro detalhe em seu comentário, de colocarmos pessoas q não tiveram casos de morte. Eu não acho muito bom pois se surgir uma carta similar a exemplificada só perdemos a chance de obtermos mais cartas numa mesma sessão.

Uma informação relevante. O referido médium começou a ser investigado por nós após eu ver o relato de um ateu que recebeu carta da namorada. A carta era muito rica em detalhes e o ateu (hj ex ateu ou pelo menos acredita na sobrevivência da alma) quando foi a sessão apenas pensava: "para eu acreditar que você vai se comunicar, então você vai ter q usar a forma como me tratava".. Na carta ela começou o chamando de "vida", forma como ele o tratava.. Ela forneceu detalhes cruciais, inclusive a lata de coca-cola que ela segurava na mão no momento do acidente. Foi um acidente de moto na ultima copa do mundo.


Gigaview: O  "aumento das chances de comunicação" vem da crença espirita que os mentores espirituais priorizam ou ajudam os casos mais graves, permitindo um intermédio na comunicação. Um exemplo disso foi o caso que citei, onde a mãe (sem q eu soubesse) ja tinha tentado suicídio. Não sabemos o motivo exato, mas a historia e experiência do nosso dia-a-dia demonstra que casos mais traumáticos tem mais chances de "ser permitido" algum tipo de comunicação. Como nosso intuito é comparar somente as informações, secamente, e não dispomos de muitas pessoas nem local grande, precisamos das "melhores chances" para que o fenômeno ocorra.
Vale salientar que o fenômeno é do tipo expontâneo, necessitando que alguns "ritos" sejam necessários..

Sobre o método, a dupla-cego está se caracterizando que nem o médium nem eu (ou quem estiver comigo) possa saber do que se trata. Isso elimina a chance de obtenção de informações por meios normais. Como você viu, não tem como um médium obter por leitura fria o tipo de carta citado. Qual a explicação? Não buscamos isso ainda, mas buscamos a certeza de que não há meios normais de obtenção de tal informação.

No inicio pensamos em elaborar cartas falsas, genéricas e misturar com a(s) psicografadas, afim de tentar confundir as famílias, no entanto os tipos de carta são tão precisas que chegamos a conclusão que a família iria detectar de cara.

Na referida sessão com o menino Matheus, as famílias colocavam o nome do falecido e quem pedia a carta.. No caso a mãe. Surgiu o nome do pai, avó, irmão e irmã. Um detalhe importante: Os bilhetes somente foram entregues a ele na hora da sessão, mas antes mesmo ele ja tinha perguntando quem seria "vó Vera", dai em seguida falou que o Matheus estava lá.. deu as características dele etc.. Fez isso em outros momentos com outras pessoas e eu não me afastei dele em nenhum momento.

Mas como eu falei, para termos a certeza, precisamos de um teste controlado..


Todo o vício surge de uma recusa inconsciente de encararmos nossos próprios sofrimentos.

Offline SandroF

  • Nível 14
  • *
  • Mensagens: 320
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #7 Online: 04 de Novembro de 2016, 18:39:40 »
Alquimista, se formos falar de ciência e pseudociência vamos levar muito tempo..

Se você quiser abordar ou criticar, muito bem, mas se determine ao método.

Claro que sei que existe o lado do pesquisador, aliás sempre haverá e em qualquer pesquisa. O lado e opinião do pesquisador sempre será um fator problemático portanto ele precisa ser isolado.. Por que você acha q vim aqui convidar vcs para selecionarem famílias?

Exatamente para eliminar (cegar) qualquer tendência que eu possa ter quanto ao estudo. Quem escolhe as famílias são pessoas independentes, quem seleciona ou verifica as cartas são os próprios familiares, simples assim.

Minha pergunta: onde você acha que pode ocorrer a falha ou obtenção de informações conforme exemplifiquei acima?

Vamos nos deter ao método e não a minha pessoa! Vim aqui com nome e não apelido, dessa forma é fácil você perder um tempo e me investigar (como fez).. Fiz isso pois não tenho receio algum e não tenho nada a esconder, apenas estou usando de método cientifico atual para verificação de fenômeno.. Então como lhe disse, quem sabe não nos detemos ao método?

Assim você vai parecer um pseudo-cético... rs

PS. O referido video é quando expus um método para tentar quantificar médiuns para pesquisa. Tenho um estudo onde perito em grafoscopia analisa assinaturas em cartas psicografadas.. Bem interessante por sinal.. E nem sou eu quem analisa hein..rs.. então não posso ser acusado de "puxar a brasa para a minha sardinha" rss

Todo o vício surge de uma recusa inconsciente de encararmos nossos próprios sofrimentos.

Offline SandroF

  • Nível 14
  • *
  • Mensagens: 320
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #8 Online: 04 de Novembro de 2016, 18:48:42 »
Literário.. as leituras frias e "go fish", historicamente, não pegam nomes e detalhes como o exemplificado.. O caso do "go fish" o médium ia ter que ficar fazendo perguntas para enrolar as famílias... o q não é o caso... Ele vai la, senta e psicografa, no máximo perguntou: "A vó Vera está aqui? Tem um menino chamado Matheus que disse que vai escrever algo"..

O ponto que eu quero chegar e é interessante que todos se perguntem é: É possível um médium adquirir informações dessa precisão sem nada saber sobre as famílias? (ou pelo menos saber o nome)..

Todo o vício surge de uma recusa inconsciente de encararmos nossos próprios sofrimentos.

Offline Alquimista

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.724
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #9 Online: 04 de Novembro de 2016, 19:23:15 »
Exatamente para eliminar (cegar) qualquer tendência que eu possa ter quanto ao estudo. Quem escolhe as famílias são pessoas independentes, quem seleciona ou verifica as cartas são os próprios familiares, simples assim.

''Simples'' assim????!!!!! Detectada palavra-chave que denota TENDÊNCIA que pode enviesar o estudo.
É nisso que está o perigo, meu caro. Sei que está bem intencionado. Me parece até que tem ''BOA FÉ'' em demasia nesse estudo (rssss), mas é nítido que ignora aspectos básicos e sutis que fazem parte da cartilha dos charlatões de todos os tempos, e é exatamente aí que eles sempre tiraram vantagem da ''BOA FÉ'' dos pesquisadores ingênuos.   


Citar
Minha pergunta: onde você acha que pode ocorrer a falha ou obtenção de informações conforme exemplifiquei acima?

Viu só como você está despreparado??? Quer dizer então que se o médium acertar tudo é mágica!!!!  Logo, o que você está buscando é mágica, não ciência??!!!

 
Citar
Vamos nos deter ao método e não a minha pessoa! Vim aqui com nome e não apelido, dessa forma é fácil você perder um tempo e me investigar (como fez).. Fiz isso pois não tenho receio algum e não tenho nada a esconder, apenas estou usando de método cientifico atual para verificação de fenômeno.. Então como lhe disse, quem sabe não nos detemos ao método?

Como assim???!!!!! Por que ficou incomodadim com isso??? E que culpa tenho de ter me utilizado de minhas capacidades mediúnicas??? Não sabia que o ALQUIMISTA as tinham também???


Citar
Assim você vai parecer um pseudo-cético... rs

Pseudo-cético, não!!!!  MÉDIUM seria mais adequado!!!!!!!!


Citar
PS. O referido video é quando expus um método para tentar quantificar médiuns para pesquisa. Tenho um estudo onde perito em grafoscopia analisa assinaturas em cartas psicografadas.. Bem interessante por sinal.. E nem sou eu quem analisa hein..rs.. então não posso ser acusado de "puxar a brasa para a minha sardinha" rss

HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA... O ALQUIMISTA é rapidinho no gatinho!!! ELE nunca falha!!!!
« Última modificação: 04 de Novembro de 2016, 19:37:17 por Alquimista »
"O Alquimista é o supremo alquimista alfa e o ômega das transmutações aurintelectofilosofais."

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.158
  • Who left the bag of idiots open?
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #10 Online: 04 de Novembro de 2016, 19:23:54 »
Citar
Resumidamente o experimento pretende fazer um teste controlado com médium psicógrafo.

O objetivo da pesquisa não está claro. Teste controlado com médium psicógrafo prá que?

Parece que é para provar que os espíritos existem e se comunicam, pois você até apontou "aumento de chances de comunicação" deixando bem claro um indisfarçável wishful thinking nada científico.

Então a sua pesquisa está totalmente equivocada. Você já parte do pressuposto que os espíritos existem. Isso é pseudociência espiritóide. Por que, por exemplo, a hipótese espírita é melhor que a hipótese da telepatia apesar de ambas serem improváveis?
“The knives of jealousy are honed on details.”
― Ruth Rendell

Offline SandroF

  • Nível 14
  • *
  • Mensagens: 320
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #11 Online: 04 de Novembro de 2016, 19:39:58 »
Gigaview, compreendo seu ponto de vista no entanto não posso concordar com ele..

vamos lá:

O objetivo da pesquisa não está claro. Teste controlado com médium psicógrafo prá que?

A resposta para essa pergunta está limitada ao objetivo da pesquisa, ou seja, para saber se um médium frauda ao fornecer informações tão específicas em cartas psicografadas.


Parece que é para provar que os espíritos existem e se comunicam, pois você até apontou "aumento de chances de comunicação" deixando bem claro um indisfarçável wishful thinking nada científico.

Não concordo com seu ponto de vista, uma vez que o estudo busca confirmar ou negar a aquisição anômala de informações.
Há um engano seu em achar que isso provaria a existência de espíritos, uma vez que o desenho do estudo não está focado para a explicação mas sim para a verificação da ocorrência (sem fraude) de aquisições anômalas, algo carente no atual meio cientifico.
O aumento de "chances de comunicação" que você incita parece tendenciosa mas se há um fenômeno então o pesquisador deve buscar meios de verificar se ele ocorre, para isso tem que aderir ao pressuposto do fenômeno. Um exemplo disso seria o fato de existir uma espécie de flor que somente desabrocharia em determinadas condições de temperatura e clima, relatado ao longo da história. Se encontra-se uma muda dessa possível planta, de que adianta vir um cético e dizer que ela deve ocorrer somente em suas condições? Ora, isso sim me parece tendencioso...

O objetivo do estudo está bem claro e não é obter resposta ou explicação para o fenômeno mas sim para verificar se ele ocorre ou não, para isso o controle.


Então a sua pesquisa está totalmente equivocada. Você já parte do pressuposto que os espíritos existem. Isso é pseudociência espiritóide. Por que, por exemplo, a hipótese espírita é melhor que a hipótese da telepatia apesar de ambas serem improváveis?

Sua acusação vira contra você Gigaview, pois você parte de um pressuposto pior do q aquele q me acusa. Este estudo busca testar se há fraude na aquisição anômala, simplesmente isso. Estou dando a oportunidade de um comitê ou grupo de céticos verificarem a escolha de famílias..

Seus argumentos se perdem por parecer fugir da essência. Ora, se colocarmos varias familias problemáticas numa sala e surgir uma carta que seja contendo informações detalhadas da mesma, como o médium poderia ter adquirido tais informações? Elas são reais... (isso se der certo por isso o experimento)..

Se quiser, posso citar outros q fiz, dai minha opinião sobre o tema... mas isso não alteraria os resultados pois são fatos.. A explicação.. bom.. daí é outra coisa e não está no escopo do estudo.. cada um chega a conclusões pelo que acumula de conhecimento e vivência..
Todo o vício surge de uma recusa inconsciente de encararmos nossos próprios sofrimentos.

Offline Alquimista

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.724
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #12 Online: 04 de Novembro de 2016, 19:43:34 »
Que perda de tempo!!! É óbvio que os resultados dessa pesquisinha aí só vai aparecer em veículos de comunicação espírita porque é só neles que essas bobagens são levadas a sério!!!!!
« Última modificação: 04 de Novembro de 2016, 19:46:54 por Alquimista »
"O Alquimista é o supremo alquimista alfa e o ômega das transmutações aurintelectofilosofais."

Offline SandroF

  • Nível 14
  • *
  • Mensagens: 320
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #13 Online: 04 de Novembro de 2016, 19:56:09 »
Alquimista, você faz me lembrar dos tempos q eu era mais novinho e investia meu tempo em debates que eram pouco produtivos, embora admito grande crescimento de minha parte com ajuda de céticos.. bom.. eu disse céticos e não pseudo-céticos..rs..

vou investir meu tempo com você para tentar ver se ajudamos a dar um rumo a "prosa".. (aproveito q tenho tempo hj pois nem sempre sou agraciado com isso rs)

''Simples'' assim????!!!!! Detectada palavra-chave que denota TENDÊNCIA que pode enviesar o estudo.
É nisso que está o perigo, meu caro. Sei que está bem intencionado. Me parece até que tem ''BOA FÉ'' em demasia nesse estudo (rssss), mas é nítido que ignora aspectos básicos e sutis que fazem parte da cartilha dos charlatões de todos os tempos, e é exatamente aí que eles sempre tiraram vantagem da ''BOA FÉ'' dos pesquisadores ingênuos.   


Tvz tenha sido mais "considerador" com minha pessoa depois de ver o video? será?

Meu caro.. pesquisadores vem sendo enganados ao longo dos anos, muitos não (no meu ponto de vista), mas admito que a complacência de muitos favorece os malandros.. Veja, esse estudo vem contra isso.. Primeiro por impor um condicionamento do médium não poder saber sobre quem são as famílias, nem as famílias saberem quem ele é..  Acho que isso saciaria boa parte do desejo de muitos céticos (verdadeiros)... Segundo não tem como existir uma tendência no método definido pois não sou em quem escolhe as famílias e nem sou eu quem diz se as informações são condizentes ou não.. entende? Onde exatamente eu poderia ser tendencioso? Tem q ser específico em apontar a falha no método..

Viu só como você está despreparado??? Quer dizer então que se o médium acertar tudo é mágica!!!!  Logo, o que você está buscando é mágica, não ciência??!!!

Achei um tanto ignorante seu comentário, baixou um pouco no meu conceito.. Ora, se não chove no deserto e dai alguém mostra que a chuva existe e pode ocorrer (mesmo não sendo vista por uma geração) é mágica ou limite?

Dessa forma não me vejo despreparado mas estou analisando o preparo de céticos para realmente verificar uma ação (sessão) e os fatos que ela pode gerar.. No fundo não sei se dará certo, o objetivo é esse.. testar.. se o medium frauda a chance de dar certo é ínfima, cumprindo ou não alguns detalhes da crença espirita.. mesmo que trouxessem famílias com inúmeros casos dentro do previsto, se for fraude não pode ocorrer nada.. ou informações vagas e nada objetivas...

Não sei sobre seu conhecimento relativo ao tema, mas existem varias universidades do mundo onde inúmeros testes vem sendo feito e demonstrando resultados positivos e não me refiro a experimentos de telepatia e estatística puramente, estou me referindo a fatos concisos.. Posso citar vários se tiver interesse em conhecer. Um fato não pode sobrepujar opiniões, tanto a minha quanto a sua ou de outrem.

Sobre seus comentários relativos a minha opinião ou opção por hipótese que melhor explicaria tais fenômenos (no post anterior), posso assegurar que ja fiz diversos experimentos com vários médiuns, eu mesmo impondo controle, no entanto isso é irrelevante para o meio cientifico, por isso precisamos elaborar métodos que nos garantam experimentos que possam verificar com boa margem de segurança que uma informação anômala ocorre de fato..



Todo o vício surge de uma recusa inconsciente de encararmos nossos próprios sofrimentos.

Offline SandroF

  • Nível 14
  • *
  • Mensagens: 320
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #14 Online: 04 de Novembro de 2016, 19:59:03 »
Que perda de tempo!!! É óbvio que os resultados dessa pesquisinha aí só vai aparecer em veículos de comunicação espírita porque é só neles que essas bobagens são levadas a sério!!!!!

não perca seu tempo então Alquimista.. Posso assegurar que várias periódicos internacionais tem interesse em respostas e fatos como esse pretende verificar.. Posso citar várias pesquisas mas você teria q ser mais mente aberta...

Um ceticismo exagerado nada difere dos crentes, evangélicos e espiritas doutrinário.. ou seja.. tudo por pura fé..
Todo o vício surge de uma recusa inconsciente de encararmos nossos próprios sofrimentos.

Offline Alquimista

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.724
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #15 Online: 04 de Novembro de 2016, 20:32:36 »
Alquimista, você faz me lembrar dos tempos q eu era mais novinho

Então era um garotinho promissor, um verdadeiro menino prodígio?????  Mas como foi se regredir tanto assim??!!!!  Volte a ser como o ALQUIMISTA, e será mais feliz!!!!!!   :biglol:


Citar
e investia meu tempo em debates que eram pouco produtivos,

Mas ainda continuas investindo em IMPRODUTIVIDADE... Duvido muito que algo de valor e elevado saia daqui desse tópico.


Citar
embora admito grande crescimento de minha parte com ajuda de céticos.. bom.. eu disse céticos e não pseudo-céticos..rs..

TRADUZINDO: crentinhos camufladinhos!!!!!!! 


Citar
vou investir meu tempo com você para tentar ver se ajudamos a dar um rumo a "prosa".. (aproveito q tenho tempo hj pois nem sempre sou agraciado com isso rs)

Entendo que nem sempre seja AGRACIADO com a graça de ter tempo com o ALQUIMISTA, mas aproveite a chance o máximo que puder!!!! Afinal, é apoiado em ombros de gigantes que os pequenos crescem!!!!!


Citar
Tvz tenha sido mais "considerador" com minha pessoa depois de ver o video? será?

Que pé atrás é esse, Sandro???!!! O ALQUIMISTA não faz juízo algum em relação à sua pessoa, só ao seu método!!!!!!


Citar
Meu caro.. pesquisadores vem sendo enganados ao longo dos anos, muitos não (no meu ponto de vista), mas admito que a complacência de muitos favorece os malandros.. Veja, esse estudo vem contra isso.. Primeiro por impor um condicionamento do médium não poder saber sobre quem são as famílias, nem as famílias saberem quem ele é..

Então o objetivo final é confirmar apenas que o médium tem de fato ''poderes'' mágicos. Tsc, tsc, tsc...


Citar
Acho que isso saciaria boa parte do desejo de muitos céticos (verdadeiros)...

Não duvido dessa parte dos céticos de araque crentinhos camufladinhos.


Citar
Segundo não tem como existir uma tendência no método definido pois não sou em quem escolhe as famílias e nem sou eu quem diz se as informações são condizentes ou não.. entende? Onde exatamente eu poderia ser tendencioso? Tem q ser específico em apontar a falha no método..

O que?????????????????  E que condição é essa imposta para a escolha das famílias????

''e serão convidadas famílias que perderam parentes próximos e necessitem de algum tipo de ajuda ou comunicação com eles''

Acabou de sofrer sua primeira REFUTAÇÃO, Sandro!!!!!!!!


Citar
Achei um tanto ignorante seu comentário, baixou um pouco no meu conceito.. Ora, se não chove no deserto e dai alguém mostra que a chuva existe e pode ocorrer (mesmo não sendo vista por uma geração) é mágica ou limite?

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK...

Detectado uso de FALÁCIAS TÍPICAMENTE ESPÍRITAS!!!!! (Eis aí um autêntico ''Spenceriano'')   

Caro neófito, o fato da chuva cair num deserto NÃO O TORNA UM EVENTO SOBRENATURAL!!!!!!!!


Citar
Dessa forma não me vejo despreparado mas estou analisando o preparo de céticos para realmente verificar uma ação (sessão) e os fatos que ela pode gerar.. No fundo não sei se dará certo, o objetivo é esse.. testar.. se o medium frauda a chance de dar certo é ínfima, cumprindo ou não alguns detalhes da crença espirita.. mesmo que trouxessem famílias com inúmeros casos dentro do previsto, se for fraude não pode ocorrer nada.. ou informações vagas e nada objetivas...

Sem comentários!!!! Está despreparo demais para lidar com bons charlatões.


Citar
Não sei sobre seu conhecimento relativo ao tema, mas existem varias universidades do mundo onde inúmeros testes vem sendo feito e demonstrando resultados positivos e não me refiro a experimentos de telepatia e estatística puramente, estou me referindo a fatos concisos.. Posso citar vários se tiver interesse em conhecer. Um fato não pode sobrepujar opiniões, tanto a minha quanto a sua ou de outrem.

HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA...

EU sabia!!!!!!!!!  Nem precisa me dizer... Já sei!!!!!!  São os estudos nas mais renomadas universidades europeias que está fazendo a Europa se curvar ante o espiritismo.  Estou certo??????


Citar
Sobre seus comentários relativos a minha opinião ou opção por hipótese que melhor explicaria tais fenômenos (no post anterior), posso assegurar que ja fiz diversos experimentos com vários médiuns, eu mesmo impondo controle, no entanto isso é irrelevante para o meio cientifico, por isso precisamos elaborar métodos que nos garantam experimentos que possam verificar com boa margem de segurança que uma informação anômala ocorre de fato..

 :zzz:


Que perda de tempo!!! É óbvio que os resultados dessa pesquisinha aí só vai aparecer em veículos de comunicação espírita porque é só neles que essas bobagens são levadas a sério!!!!!

não perca seu tempo então Alquimista.. Posso assegurar que várias periódicos internacionais tem interesse em respostas e fatos como esse pretende verificar.. Posso citar várias pesquisas mas você teria q ser mais mente aberta...


Já sei!!!!  Por exemplo, as de um tal de Luís de Almeida?????  hahahahahahahahahahahahaha... 


Citar
Um ceticismo exagerado nada difere dos crentes, evangélicos e espiritas doutrinário.. ou seja.. tudo por pura fé..

Esqueça isso, cara!!! Relaxa!!!! O ALQUIMISTA é somente uma coisa totalmente desprovida de CRENÇAS!!!  Você não vai entender o que é isso!!!! 
« Última modificação: 04 de Novembro de 2016, 20:55:41 por Alquimista »
"O Alquimista é o supremo alquimista alfa e o ômega das transmutações aurintelectofilosofais."

Offline Pedro Reis

  • Nível 31
  • *
  • Mensagens: 1.925
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #16 Online: 04 de Novembro de 2016, 20:58:06 »
Sandro, não vejo nada errado em uma tentativa de se conceber experimentos melhores dos que foram feito no passado.

Mas uma questão importante deve ser a reprodutibilidade do experimento. Qualquer que seja o experimento, não deverá ser algo do tipo "eu, sicrano, fiz o experimento com o médium fulano, estes foram os procedimentos e tais foram os resultados."

Porque dessa forma, qualquer que seja a metodologia, só será evidência para o próprio "pesquisador". Sempre haverá dúvida, sempre haverá ceticismo: será que o pesquisador era isento? será que houve falha?

Eu digo a você que o período de um pêndulo só depende do comprimento do fio do pêndulo e que verifiquei isto em um experimento. Não depende do peso do pêndulo, não depende da forma do pêndulo, não depende nem do quanto você eleva o pêndulo na posição inicial. E então relato pormenorizadamente como fiz meu experimento controlado.

Em quê esse relatório difere de um relato ordinário?

É que qualquer pessoa, em qualquer época, em qualquer lugar do universo, poderá reproduzir o que eu fiz e
verificar por si mesma o resultado. Esse é um aspecto muito importante em um experimento científico.

Mas eu gostaria de fazer um experimento que talvez não seja exatamente científico, mas que poderia ser muito interessante e até impactante se experimentos semelhantes pudessem ser repetidos ordinariamente, sempre obtendo-se as informações requisitadas.

Me diga o que acha:

Parece que os antigos romanos usavam em suas construções um tipo muito bom de argamassa, conhecida como opus signinum, cuja maneira exata de fabricação se perdeu. Mas o uso dessa argamassa foi cotidiano durante séculos, portanto, eu imagino, não deve ser difícil encontrar espíritos que foram operários da construção civil em alguma época dentro desse longo período, em algum lugar dentro do vasto império romano.

Não seria possível obter esse tipo de informação de espíritos?

Também se perdeu a localização exata do túmulo de Alexandre, o Grande. Espíritos poderiam guiar arqueólogos até o local?

Se dentre um grupo de historiadores de diversas partes do mundo, escolhidos aleatoriamente, fosse sorteado um grupo menor, e estas pessoas selecionassem uma lista de questões dessa natureza que os médiuns poderiam solicitar a espíritos, e dentro dessa lista de perguntas, digamos, metade fosse escolhida por sorteio para que médiuns indicados por federações espíritas ( ou sei lá que tipo de instituição congrega os espíritas... ), obtivessem estas respostas ( sempre questões cujas respostas pudessem ser verificadas se corretas ou não), isto seria possível?


Offline Alquimista

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.724
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #17 Online: 04 de Novembro de 2016, 21:04:58 »
Boa ideia, Pedro!!! Pra que perder tempo em fazer o médium descobrir nome de familiares, endereço, CPF, etc...? Isso vários MENTALISTAS já fazem!!!!!!!
Mas o Sandro bem que poderia adotar o seu método.  EU sou doidinho para saber quem foi Jack, o Estripador!!!!!!  As (pelo menos) cinco prostitutas de Whitechapel bem que poderiam nos dar uma descrição inquestionável sobre a identidade do assassino lá do ''outro lado'', não é mesmo??!!!!!
"O Alquimista é o supremo alquimista alfa e o ômega das transmutações aurintelectofilosofais."

Offline SandroF

  • Nível 14
  • *
  • Mensagens: 320
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #18 Online: 04 de Novembro de 2016, 21:18:50 »
Alquimista... você é um ser engraçado... vou ter q comentar... rs



Então era um garotinho promissor, um verdadeiro menino prodígio?????  Mas como foi se regredir tanto assim??!!!!  Volte a ser como o ALQUIMISTA, e será mais feliz!!!!!!   :biglol:

Sou bem feliz da forma que sou rs... abandonei um lado tendencioso ou baseado na fé (parece não ser o seu caso kkk)... hj busco respostas mais precisas.. rs



Mas ainda continuas investindo em IMPRODUTIVIDADE... Duvido muito que algo de valor e elevado saia daqui desse tópico.

O único e simples objetivo de ter criado o tópico foi em função de buscar céticos interessados em formar um grupo para selecionar famílias.. Se achar um único já estará bom... rs.. O que não pode ocorrer é eu ter q selecionar as famílias, dai sim poderá dizer q o estudo é tendencioso.. rs


Citar
embora admito grande crescimento de minha parte com ajuda de céticos.. bom.. eu disse céticos e não pseudo-céticos..rs..

TRADUZINDO: crentinhos camufladinhos!!!!!!!  [/b]

Qual a diferença entre um cético que acredita piamente na própria convicção e um religioso que acredita piamente na existência de um Deus e outras coisas do seu meio? Sabemos q nenhuma..

Se um cético não honrar o atributo que lhe cabe, só pode estar enrustido usando do termo errado para justificar a própria crença, alias, vejo muito isso por ai... dai prefiro chamar de pseudo-cético pois não vejo que o termo representa exatamente o q deveria...



Entendo que nem sempre seja AGRACIADO com a graça de ter tempo com o ALQUIMISTA, mas aproveite a chance o máximo que puder!!!! Afinal, é apoiado em ombros de gigantes que os pequenos crescem!!!!!

Vaidade é um problema sério, geralmente acompanha os que escondem os piores medos.. Se cria uma imagem e se trabalha em sustenta-la.. mas creio q está sendo produtivo até o momento... me faz rever conceitos e repensa-los.. o q ja é bom...rs



Que pé atrás é esse, Sandro???!!! O ALQUIMISTA não faz juízo algum sobre a sua pessoa, só ao seu método!!!!!!

Mas o q menos você falou foi do método! rss.. Você falou q eu serei tendencioso.. Dai mostrei que o método me isenta da seleção das famílias e inclusive da interpretação da(s) cartas..  Eu somente saberei quem é o médium, algo q o grupo que ira selecionar não poderá saber para manter o controle..  Não vejo problemas no método para buscar a resposta ao qual ele pretende.. Lembre-se, não estamos buscando explicações no momento.. apenas verificações... Estou aberto a criticas sobre o método..  :P


Então o objetivo final é confirmar apenas que o médium tem de fato ''poderes'' mágicos. Tsc, tsc, tsc...

Depende.. se ele gerar cartas como as q gera normalmente vai demonstrar que algum tipo de informação anômala ocorre, algo que vem sendo relatado em inúmeros periódicos peer-review ao longo dos anos..

Como alquimista você desconhece pesquisas nesse campo? Então seria bom se atualizar... rs


Citar
Acho que isso saciaria boa parte do desejo de muitos céticos (verdadeiros)...

Não duvido dessa parte dos céticos de araque crentinhos camufladinhos.

Mas esses são os verdadeiros céticos? Capiche? Afinal o que é um cético para você?



O que?????????????????  E que condição é essa imposta para a escolha das famílias????

''e serão convidadas famílias que perderam parentes próximos e necessitem de algum tipo de ajuda ou comunicação com eles''

Acabou de sofrer sua primeira REFUTAÇÃO, Sandro!!!!!!!!


Isso é tendência? Negativo sr alquimista..

Se estudasse o tema iria perceber que não se trata disso, uma vez q tal escolha melhora as chances de se obter o fenômeno.
O que você chama de tendência eu chamo de aumentar probabilidades uma vez que o n é baixo, apenas 10 famílias.. Se pudéssemos você poderia escolher 100 (teria q ter lugar pra isso) e dai você escolhia o q quisesse..

Em termos de método ele não altera em nada a chance do médium fraudar, sendo esse o ponto em investigação aqui..


KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK...

Detectado uso de FALÁCIAS TÍPICAS ESPÍRITAS!!!!! (Eis aí um autêntico ''Spenceriano'')   

Caro neófito, o fato da chuva cair num deserto NÃO O TORNA UM EVENTO SOBRENATURAL!!!!!!!!


Caro mestre dos magos e óh sábio do poder.. Imagine uma criança que cresceu no deserto e quando tem 10 anos de idade e ve uma chuva.. Imagine essa criança isolada do mundo (como as que tive acesso no deserto dos Emirados Árabes), pode ter certeza q ela vai achar q é magica! rsrsrs

Mas espero q tenha atingindo o liminar "compreendoológico" do trocadilho.. Aliás os espiritas não consideram tais fenômenos nem como anômalos nem como anormais ou mágicos..


Sem comentários!!!! Está despreparo demais para lidar com bons charlatões.

Opinar vagamente ou sem embasamento lhe deixa vulnerável a qualquer refutação... Onde está a falha no método ao que ele se propõe a responder?

Essa é a questão em que deve se focar, caso contrário fica apenas como uma opinião sua e pelo q pude perceber desconhece sobre método cientifico e está pouco atualizado sobre temas de pesquisas nesse campo.



EU sabia!!!!!!!!!  Nem precisa me dizer... Já sei!!!!!!  São os estudos nas mais renomadas universidades europeias que está fazendo a Europa se curvar ante o espiritismo.  Estou certo??????

Como até o momento...  ::) continua errado e desinformado.. Chutando algo e nem se deu o trabalho de ir buscar no Sr Google algo relativo a isso.. rss

Apenas para lhe ajudar, mas não se acostume, o que existe de fato até hj são pesquisadores do mundo buscando hipóteses explicativas para os fenômenos documentados. De um lado existem alguns que defendem a hipótese PSI e outros que defendem a hipótese da sobrevivência. Os que defendiam a hipótese cartesiana materialista não conseguiram se sustentar frente aos fatos.. acabaram caindo fora ou tomando outras hipóteses como melhor opção.. Mas realmente a questão é complexa e extensa limitando o numero de interessados verdadeiramente em pesquisar e se aprofundar.



Já sei!!!!  Por exemplo, as de um tal de Luís de Almeida?????  hahahahahahahahahahahahaha... 

Não me lembro dessa pessoa.. rs.. então não seria ele, obviamente... rs



Esqueça isso, cara!!! Relaxa!!!! O ALQUIMISTA é somente uma coisa totalmente desprovida de CRENÇA!!!  Você não vai entender o que é isso!!!! 

 :histeria:

Nossa.. em poucas horas pude perceber sua extrema crença... haja fé.. igualzinho aos evangélicos e espiritas fanáticos rss
Todo o vício surge de uma recusa inconsciente de encararmos nossos próprios sofrimentos.

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 25.852
  • Sexo: Masculino
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #19 Online: 04 de Novembro de 2016, 21:42:09 »
[...]
Não sei sobre seu conhecimento relativo ao tema, mas existem varias universidades do mundo onde inúmeros testes vem sendo feito e demonstrando resultados positivos e não me refiro a experimentos de telepatia e estatística puramente, estou me referindo a fatos concisos.. Posso citar vários se tiver interesse em conhecer. Um fato não pode sobrepujar opiniões, tanto a minha quanto a sua ou de outrem.
[...]

Pode mostrar os artigos ou pelo menos citar as fontes por favor?
Foto USGS

Offline SandroF

  • Nível 14
  • *
  • Mensagens: 320
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #20 Online: 04 de Novembro de 2016, 21:59:02 »
Olá Pedro Reis.. obrigado por sua colocação, educada e coerente no meu ponto de vista..

Concordo plenamente com seus apontamentos, porém temos que fazer uma distinção entre pesquisas de física aplicada da relacionada com seres humanos, principalmente com fenômenos instáveis.. (ao menos até descobrirmos como fazê-los ficarem estáveis - se é que é possível)..

Eu particularmente gosto de comparar os fenômenos dessa ordem com a meteorologia. Ela envolve física e química no entanto com os melhores conhecimentos aplicados a isso, não se consegue prever com muita precisão os fenômenos meteorológicos diversos e isso ocorre pois muitos fatores estão envolvidos.. Então creio que concordas comigo que o desafio é grande..

Sobre as replicações concordo plenamente com o pressuposto que você refere, e esse estudo reflete boa parte de varias replicações que vem ocorrendo ao redor do mundo, aliás, podemos replicar o mesmo experimento com vários médiuns e verificar os dados posteriormente.

Apenas para citar outro experimento que fizemos, dentro do paradigma espirita, foi o de testar médiuns que alegam ver a água q é fluidificada (água que passa por uma espécie de benção ou energização). O método consistia em se comprar 10 garrafas de agua mineral, todas da mesma marca, lote e tamanho. Essas garrafas foram numeradas e o pesquisador deveria selecionar algumas (quantas quisesse) e de número aleatório (quais ele quisesse) e levar a um Centro Espirita para receber a possível energização. No mesmo dia, o pesquisador levou ao médium e ele tinha que apontar quais estariam ou não fluidificadas. Bom, sendo a chance isolada de 50% para cada garrafa, porém na combinação de 10 delas, as probabilidades de acerto total (100%) ficariam de 1 para cada 1024 tentativas. Numa única tentativa a médium acertou 80%.

Percebi uma falha metodológica, onde deveríamos cegar o experimentador, junto do médium, então refizemos o experimento com outra médium também dita vidente. O processo foi feito da mesma forma, senão pelo fato de existir um auxiliar à pesquisa, um cético isento compraria as amostras de água, numeraria e levaria quantas e quais numeros ele desejasse para passar por uma "energização".. O cético fez como o combinado e levou as garrafas até a medium e a experimentadora que organizava a sessão. Das 10 garrafas, num único momento (chance) a médium acertou 80% também...

Estamos realizando mais duas replicações para o mesmo caso, ainda sem resultado pois não ocorreu.

Veja que a replicação pode ocorrer sem problemas, mas há um detalhe crucial: a verdadeira capacidade da médium.

Se formos pegar pessoas comuns ou que simplesmente aleguem ter tal poder, as chances e os resultados seriam falhos e não representariam uma realidade, nesse caso então nem se implica algo tendencioso apenas controle de limites para alguém verificado com tal aptidão.

Sobre sua sugestão de experimento, acho ele um tanto complexo do ponto de vista do conhecimento espirita e isso se faz por diversos motivos.

Na crença e conhecimento espirita (separo as duas coisas pois são diferentes) os espiritos reencarnam de tempos em tempos, e por uma questão natural perdem suas memórias, isso ocorre (segundo a crença) para que possamos viver uma nova vida e esquecer do passado. Dentro da mesma crença ocorre que se acredita que a memória antiga permaneça permanente para sempre... Isso difere do conhecimento espirita, ou seja, aquele que impõe experimentos. O que o conhecimento espirita mostrou nas ultimas décadas é que informações muito relacionadas ao material, tais como numeros, nomes acabam se perdendo com o tempo, ficando apenas lapsos de memoria, mas isso depende do "ambiente" em que o espirito ficaria durante o tempo.. É complicado explicar tudo e não quero me estender, mas por exemplo, para existir memórias de espiritos assim, esse espirito teria que estar num "limbo materialista" (não se desapegasse da matéria) desde aquela época.. É o q se tem nos ditos Centros Umbandistas, onde os espiritos se manifestam da forma da escravidão.

Para se fazer um experimento com tais detalhes, teria-se que achar algum deles para tal, o q seria bem difícil.

Teste similar foi feito anos atras com um mestre de jogo de xadrez, mas por se tratar de algo complexo mediúnico, se houve muita contestação pois céticos alegaram que o médium poderia ter aprendido o jogo de Xadrez e ter dito que evocaram um que estava disposto a participar da pesquisa ( traduzido aqui -> https://pt.scribd.com/doc/84026510/Artigo-Cientifico-de-um-Jogo-de-Xadrez-entre-um-Vivo-e-um-Morto)

Impossível não é.. mas não seria fácil.. Hj a maior dificuldade é achar médium verdadeiro atuando por ai..rs

No mais sei que houveram pesquisas nesse campo com psiquicos, onde se buscava usar de uma paranormalidade para se achar lugares de escavações. Há desenhos dos psíquicos que convergem perfeitamente com os ambientes após serem escavados..

é possível achar algo em:

Emerson, J. Norman; ‘Intuitive Archaeology: Egypt and Iran’ A.R.E. Journal 11 (1976), 55-65.

e no Arqueológical Society of British Columbia - Vol VI No2 April 1974


Existem outros, mas esses que tinha agora aqui..

Todo o vício surge de uma recusa inconsciente de encararmos nossos próprios sofrimentos.

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 34.099
  • Sexo: Masculino
  • ...
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #21 Online: 04 de Novembro de 2016, 22:16:31 »
Leitura fria, leitura quente é algo muito básico. Falo truques mesmo, aqueles que James Randi sempre desmascarou.

Já viu o filme Poder Paranormal? É sobre esse tipo de estudo, se usa truques, golpes e fraudes sim nesse tipo de estudo.

Não conheço o filme. Pela descrição me parecia ser algo que qualquer ilusionismo "visual" não teria "aplicação", e os truques só poderiam ser  sondar sobre a pessoa de antemão, de alguma forma, ou ter alguma técnica em escrever coisas que pareçam pessoais sobre a pessoa, para quem lê.

Ainda não entendi quando o "médium" poderia usar algum truque de ilusionismo, se o "testado" seria sua psicografia :hein:. Apenas para "impressionar" os parentes antes de fazer uma psicografia, parecendo ter mesmo poderes mágicos, e assim talvez influenciando os parentes do falecido a acreditarem na psicografia? Vou ler algo sobre esse filme.


Mas idealmente não haveria nem esse contato direto de antemão*, se teria psicografias soltas e talvez despersonalizadas, e junto a outras psicografias ou compilações falsas como uma espécie de controle.


* segundo as psicografias que aparecem por aí aparentemente não seria requisito. Deve ter psicografia até do Michael Jackson, se procurar. Editado: a lei de Poe não falha: http://carmemtiepolo.blogspot.com.br/2012/03/psicografia-de-michael-jackson-neste.html

Offline SandroF

  • Nível 14
  • *
  • Mensagens: 320
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #22 Online: 04 de Novembro de 2016, 22:18:02 »
[...]
Não sei sobre seu conhecimento relativo ao tema, mas existem varias universidades do mundo onde inúmeros testes vem sendo feito e demonstrando resultados positivos e não me refiro a experimentos de telepatia e estatística puramente, estou me referindo a fatos concisos.. Posso citar vários se tiver interesse em conhecer. Um fato não pode sobrepujar opiniões, tanto a minha quanto a sua ou de outrem.
[...]

Pode mostrar os artigos ou pelo menos citar as fontes por favor?

Sim.. vou listar alguns aqui envolvendo o tema:


Consciousness and the double-slit interference pattern: Six experiments -  in Physics Essays 25(2):157-171 · June 2012 with 175 Reads
DOI: 10.4006/0836-1398-25.2.157

Anomalous Information Reception by Research Mediums Under Blinded Conditions II: Replication and Extension -  in EXPLORE The Journal of Science and Healing 11(2) · January 2015
DOI: 10.1016/j.explore.2015.01.001

Discarnate Readings by Claimant Mediums: Assessing Phenomenology and Accuracy Under Beyond Double-Blind Conditions -  in The Journal of parapsychology 78(2) · January 2015

Electrocortical activity associated with subjective communication with the deceased -  in Frontiers in Psychology 4:834 · November 2013 
DOI: 10.3389/fpsyg.2013.00834 · Source: PubMed

The Possible Effects on Bereavement of Assisted After-Death Communication during Readings with Psychic Mediums: A Continuing Bonds Perspective - ARTICLE in OMEGA--JOURNAL OF DEATH AND DYING · JANUARY 2014 Impact Factor: 0.44 · DOI: 10.2190/OM.70.2.b · Source: PubMed


Tem muito mais que isso obviamente.. mas já aqui seria um bom e extenso tempo necessário para digerir cada caso..
Todo o vício surge de uma recusa inconsciente de encararmos nossos próprios sofrimentos.

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.158
  • Who left the bag of idiots open?
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #23 Online: 04 de Novembro de 2016, 22:20:58 »
Gigaview, compreendo seu ponto de vista no entanto não posso concordar com ele..

vamos lá:

O objetivo da pesquisa não está claro. Teste controlado com médium psicógrafo prá que?

A resposta para essa pergunta está limitada ao objetivo da pesquisa, ou seja, para saber se um médium frauda ao fornecer informações tão específicas em cartas psicografadas.


Parece que é para provar que os espíritos existem e se comunicam, pois você até apontou "aumento de chances de comunicação" deixando bem claro um indisfarçável wishful thinking nada científico.

Não concordo com seu ponto de vista, uma vez que o estudo busca confirmar ou negar a aquisição anômala de informações.
Há um engano seu em achar que isso provaria a existência de espíritos, uma vez que o desenho do estudo não está focado para a explicação mas sim para a verificação da ocorrência (sem fraude) de aquisições anômalas, algo carente no atual meio cientifico.
O aumento de "chances de comunicação" que você incita parece tendenciosa mas se há um fenômeno então o pesquisador deve buscar meios de verificar se ele ocorre, para isso tem que aderir ao pressuposto do fenômeno. Um exemplo disso seria o fato de existir uma espécie de flor que somente desabrocharia em determinadas condições de temperatura e clima, relatado ao longo da história. Se encontra-se uma muda dessa possível planta, de que adianta vir um cético e dizer que ela deve ocorrer somente em suas condições? Ora, isso sim me parece tendencioso...

O objetivo do estudo está bem claro e não é obter resposta ou explicação para o fenômeno mas sim para verificar se ele ocorre ou não, para isso o controle.


Então a sua pesquisa está totalmente equivocada. Você já parte do pressuposto que os espíritos existem. Isso é pseudociência espiritóide. Por que, por exemplo, a hipótese espírita é melhor que a hipótese da telepatia apesar de ambas serem improváveis?

Sua acusação vira contra você Gigaview, pois você parte de um pressuposto pior do q aquele q me acusa. Este estudo busca testar se há fraude na aquisição anômala, simplesmente isso. Estou dando a oportunidade de um comitê ou grupo de céticos verificarem a escolha de famílias..

Seus argumentos se perdem por parecer fugir da essência. Ora, se colocarmos varias familias problemáticas numa sala e surgir uma carta que seja contendo informações detalhadas da mesma, como o médium poderia ter adquirido tais informações? Elas são reais... (isso se der certo por isso o experimento)..

Se quiser, posso citar outros q fiz, dai minha opinião sobre o tema... mas isso não alteraria os resultados pois são fatos.. A explicação.. bom.. daí é outra coisa e não está no escopo do estudo.. cada um chega a conclusões pelo que acumula de conhecimento e vivência..

Acho que agora você foi mais claro.

Se o experimento fosse meu, faria um pouco diferente.

(1) Publicação de anúncio vinculado a um site, convidando pessoas/famílias para participar de uma pesquisa sobre paranormalidade. O site contém uma explicação e formulário de inscrição com dados cadastrais.

(2) Após cadastro, os candidatos recebem email com ficha para descrição do "caso" e fornecimento de informações específicas sobre o falecido. Após o envio do questionário o site criptografa e gera automaticamente uma senha para os pesquisadores e familiares que só poderá revelar o conteúdo das informações enviadas após a data da sessão de psicografia.

(3) Um script seleciona automaticamente 10 casos no banco de dados e envia um convite para os cadastrados participarem de uma sessão de psicografia cuja presença deve ser confirmada eletronicamente. O endereço do local e horário da sessão é enviado juntamente com o nome de um colaborador da pesquisa que irá recepcionar, orientar e conduzir o participante zelando para que o mesmo não tenha contato com outras pessoas no local onde a sessão será realizada.

(4) O médium deve chegar 2 horas antes do início da sessão para ser examinado e revistado por um médico, e ficar aguardando sozinho numa gaiola de Faraday montada numa sala com banheiro e dispondo de lanche, música, livros, passatempos e outras amenidades. Até o início da sessão o médium não pode ter contato algum com outras pessoas. A sala deve ser monitorada por câmeras de vídeo.

(5) O médium deve  ser novamente revistado e vestido com traje fornecido pelos pesquisadores e conduzido descalço em chinelos à sala da sessão na hora marcada onde lhe será oferecido o nome completo de pessoas para contato e fornecimento de informações específicas. Ele poderá realizar os preparativos que achar necessários para entrar em estado de transe à vista dos pesquisadores. O médium deve ficar de costas para os convidados com protetores auriculares a prova de som.

(6) Os convidados são revistados e ingressam na sala para o inicio da sessão.

(7) Um sistema de varredura eletromagnética, de ultra som e infra som deve ficar permanentemente ligado do início ao fim da sessão. As luzes da sala devem ser todas de LED não dimerizáveis. As janelas devem ser fechadas com cortinas bloqueadoras de luz. O entorno do médium sobre a mesa deve ter talco capaz de se espalhar ao menor sopro na sua direção. Um sismógrafo também deve ser mantido ligado durante toda a sessão. Tudo deve ser monitorado por câmeras e uma das câmeras deverá ser sensível ao infravermelho.

(8) Após a sessão, as anotações do médium são lidas e todos são dispensados sem discussão ou debate.

(9) Com a senha liberada os pesquisadores comparam o caso descrito pelos familiares com as cartas psicografadas atentos ao Efeito Forer e à qualidade das informações específicas. A análise deve ser revisada por céticos.

(10) Qualquer sinal de inobservância dos procedimentos de controle cancela a análise e descarta o experimento.
« Última modificação: 04 de Novembro de 2016, 22:28:40 por Gigaview »
“The knives of jealousy are honed on details.”
― Ruth Rendell

Offline SandroF

  • Nível 14
  • *
  • Mensagens: 320
Re:Pesquisa com médium
« Resposta #24 Online: 04 de Novembro de 2016, 22:26:06 »
Buckaroo o filme não tem nada a ver... rs... Esse filme, pelo que me lembro, é de uma cética que descobre vários casos de médiuns fraudadores, onde ela acaba deixando de perceber q o auxiliar seria um verdadeiro médium rss..

Bom.. mas de qualquer forma se aplica a questão do médium aqui... aquele do filme (o cego) era um fraudador de primeira rss.. mas fazia shows

Todo o vício surge de uma recusa inconsciente de encararmos nossos próprios sofrimentos.

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!