Autor Tópico: Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?  (Lida 1115 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.360
  • Love it or Hate it
Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Online: 26 de Novembro de 2016, 04:23:19 »
Breaking news: Fidel Castro morreu.

Quais são os cenários futuros para o Brasil e o mundo?

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 25.209
  • Sexo: Masculino
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #1 Online: 26 de Novembro de 2016, 09:17:34 »
Mais um idiota que se tornará mito.
Foto USGS

Offline Fernando Silva

  • Conselheiros
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.875
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #2 Online: 26 de Novembro de 2016, 09:32:02 »
Já vai tarde. Com mais de 50 anos de atraso.

Um criminoso adorado por idiotas que, no entanto, falam horrorizados da ditadura militar brasileira.

Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 6.142
  • Sexo: Masculino
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #3 Online: 26 de Novembro de 2016, 11:03:53 »
Breaking news: Fidel Castro morreu.

Quais são os cenários futuros para o Brasil e o mundo?


A princípio me parece que não muda quase nada.  Pois ele  já estava doente  faz tempo, nem discursava mais. Quem estava mandando e continuará a mandar é o DITADOR  RAUL CASTRO, então  não me parece  que deverá ter algum impacto relevante. Acredito que o impacto será mais simbólico. 





Offline Pasteur

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.737
  • Sexo: Masculino
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #4 Online: 26 de Novembro de 2016, 11:34:55 »
Breaking news: Fidel Castro morreu.

Quais são os cenários futuros para o Brasil e o mundo?


A princípio me parece que não muda quase nada.  Pois ele  já estava doente  faz tempo, nem discursava mais. Quem estava mandando e continuará a mandar é o DITADOR  RAUL CASTRO, então  não me parece  que deverá ter algum impacto relevante. Acredito que o impacto será mais simbólico.

Ainda eu tenho esperança de ver o JJ escrever ditador em letras garrafais superdestacadas quando mencionar a palavra Putin...  :)

A comunidade cubana de Miami está em festa!

Offline Pedro Reis

  • Nível 31
  • *
  • Mensagens: 1.899
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #5 Online: 26 de Novembro de 2016, 11:44:48 »
Se não existissem Fulgencios Batista não existiria Fidel Castro.

Offline Fernando Silva

  • Conselheiros
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.875
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #6 Online: 26 de Novembro de 2016, 12:08:17 »
Se não existissem Fulgencios Batista não existiria Fidel Castro.
Não confundir "revolução para derrubar Fulgencio Batista e estabelecer uma democracia", que só durou uns 2 anos, com "revolução comunista de Fidel Castro", que já dura quase 60 anos e exterminou quem se opôs a ele, inclusive antigos companheiros de Sierra Maestra.

Offline Pedro Reis

  • Nível 31
  • *
  • Mensagens: 1.899
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #7 Online: 26 de Novembro de 2016, 12:23:18 »
Se não existissem Fulgencios Batista não existiria Fidel Castro.
Não confundir "revolução para derrubar Fulgencio Batista e estabelecer uma democracia", que só durou uns 2 anos, com "revolução comunista de Fidel Castro", que já dura quase 60 anos e exterminou quem se opôs a ele, inclusive antigos companheiros de Sierra Maestra.

Exatamente.

Se não existisse uma ditadura corrupta e pusilânime suportada pelos EUA não teria havido 60 anos de comunismo.

Offline Pagão

  • Nível 37
  • *
  • Mensagens: 3.387
  • Sexo: Masculino
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #8 Online: 26 de Novembro de 2016, 13:30:07 »
http://observador.pt/2016/11/26/os-numeros-do-regime-sangrento-de-fidel-castro/

Mera estatística... Crimes é quando o regime não é marxista-leninista. :idea:
Nenhuma argumentação racional exerce efeitos racionais sobre um indivíduo que não deseje adotar uma atitude racional. - K.Popper

Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.070
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #9 Online: 26 de Novembro de 2016, 13:30:28 »
Cláudio Loredo disse:

Citar
Viva Fidel! Ele jamais morrerá. Sempre continuará vivo na mente de todos revolucionários.

Pena que não existe vida eterna. A morte é algo injusto demais. Principalmente para alguém da grandeza de Fidel Castro.

Ele mudou o mundo para muito melhor. Sua liderança foi importante para a independência de várias nações africanas. Ele inspirou o nacionalismo em toda América Latina. Fez de Cuba uma nação importante na geopolítica mundial. Um país onde antes quase ninguém tinha acesso a direitos básico, hoje é referência no mundo todo tratando-se de direitos humanos.

Pouco antes de morrer, ele recebeu a notícia que Cuba tornou-se o país mais longevo do mundo. Título este conquistado granças a preocupação de Fidel com a saúde básica.

Felizmente eu pude pisar em Cuba com Fidel ainda vivo e pude também comemorar seu aniversário de noventa anos junto com milhares de cubanos. Foi um carnaval no Malecón em Havana. Eu até postei fotos aqui.

Hoje é um dia muito triste para toda América Latina. Ele nos fez ter orgulho das nossas origens, da nossa história e da nossa terra. Ele nos fez mais éticos e mais morais. Nós fez mais humanos. Todos devem muito a ele e ele não está mais entre nós. De qualquer jeito, fico feliz por ele ter existido.

Viva Fidel!

Fonte: http://religiaoeveneno.org/discussion/3522/atencao-claudio-iuuuhuuuuu-fidel-morreu-vivaaaaaa

« Última modificação: 26 de Novembro de 2016, 13:34:02 por -Huxley- »

Offline Pagão

  • Nível 37
  • *
  • Mensagens: 3.387
  • Sexo: Masculino
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #10 Online: 26 de Novembro de 2016, 13:46:00 »
Cláudio Loredo disse:

Citar
Ele inspirou o nacionalismo em toda América Latina.

Fonte: http://religiaoeveneno.org/discussion/3522/atencao-claudio-iuuuhuuuuu-fidel-morreu-vivaaaaaa


Bem me parecia que afinal o Nacionalismo é positivo e bom!...  :biglol:....
Nenhuma argumentação racional exerce efeitos racionais sobre um indivíduo que não deseje adotar uma atitude racional. - K.Popper

Offline Sdelareza

  • Nível 11
  • *
  • Mensagens: 160
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #11 Online: 26 de Novembro de 2016, 15:40:38 »
A família Castro continua sempre no poder. Quando Raul sair de cena, seu filho deveria substitui-lo, pelo que li.

Será que podemos dizer que Fidel foi bem menos sujo que os outros ditadores?

Vários opositores foram presos ou executados, mas pelo que li, foram julgados em tribunais com a presença de testemunhas e jornalistas estrangeiros. Não foi comprovado que havia uma política de fazer "desaparecer" pessoas como na Argentina e outras ditaduras militares.


Offline Pagão

  • Nível 37
  • *
  • Mensagens: 3.387
  • Sexo: Masculino
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #12 Online: 26 de Novembro de 2016, 15:44:41 »
A família Castro continua sempre no poder. Quando Raul sair de cena, seu filho deveria substitui-lo, pelo que li.

Será que podemos dizer que Fidel foi bem menos sujo que os outros ditadores?

Vários opositores foram presos ou executados, mas pelo que li, foram julgados em tribunais com a presença de testemunhas e jornalistas estrangeiros. Não foi comprovado que havia uma política de fazer "desaparecer" pessoas como na Argentina e outras ditaduras militares.


http://observador.pt/2016/11/26/os-numeros-do-regime-sangrento-de-fidel-castro/
Nenhuma argumentação racional exerce efeitos racionais sobre um indivíduo que não deseje adotar uma atitude racional. - K.Popper

Offline Skorpios

  • Tesoureiro
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.911
  • Sexo: Masculino
  • Homenagem a mais um amigo morto.
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #13 Online: 26 de Novembro de 2016, 16:07:00 »
Para quem quiser ir, ainda dá tempo. ::)

Citar
Funeral de Fidel Castro vai durar nove dias; veja como será a cerimônia

Corpo será cremado e cinzas serão expostas em praça de Havana.
Será realizada uma peregrinação das cinzas por 13 províncias da ilha.

Cuba fará luto de nove dias para se despedir de Fidel Castro. As cinzas do líder da Revolução Cubana percorrerão a ilha em uma carreata, antes de chegar ao seu destino final, o maior cemitério de Santiago de Cuba, em 4 de dezembro.

 O governo de seu irmão, Raúl, nomeou uma comissão especial para organizar os funerais. Fidel faleceu na sexta-feira às 22h29 locais (01h29 de Brasília) e seu corpo será cremado neste sábado em um ato privado.

As cinzas ficarão expostas na segunda e na terça-feira no memorial José Martí, na Praça da Revolução, em Havana, onde a população poderá prestar sua homenagem, segundo um comunicado oficial.

Na mesma terça-feira, dia 29, às 19h locais (22h de Brasília), Havana despedirá o histórico dirigente com um ato multitudinário na Praça da Revolução, coração político de Cuba, onde Fidel fez muito de seus famosos e quilométricos discursos.

'Peregrinação das cinzas'
No dia seguinte, começará uma peregrinação com as cinzas de quatro dias, entre 30 de novembro e 3 de dezembro, que percorrerá 13 das 15 províncias da ilha.

Os restos mortais do líder viajarão de estrada no sentido contrário ao da "Caravana da Liberdade", a mesma que levou um Fidel triunfante de Santiago de Cuba até Havana em 1959, quando depôs a ditadura de Fulgencio Batista.

Será um trajeto de 1.000 km até Santiago de Cuba, onde está previsto um "ato maciço" na praça Antonio Maceo. O sepultamento ocorrerá no dia 4 de dezembro às 07h locais (10h de Brasília).

Luto nacional
O Conselho de Estado, órgão máximo do governo, decretou nove dias de luto nacional a partir deste sábado (26) até 4 de dezembro, período no qual "cessarão as atividades e espetáculos públicos" e tremulará a bandeira nacional a meio mastro.

"A rádio e a televisão manterão uma programação informativa, patriótica e histórica", segundo a fonte.

A comissão encarregada dos funerais anunciou, ainda, ter adiado uma revista militar prevista para 2 de dezembro. O ato pelo 60º aniversário de desembarque de Fidel no iate Granma, de onde lançou a campanha contra Fulgencio Batista, será realizado em 2 de janeiro de 2017.
Se você agir sempre com dignidade pode não melhorar o mundo, mas uma coisa é certa: haverá na Terra um canalha a menos.

Millôr Fernandes

Offline Sdelareza

  • Nível 11
  • *
  • Mensagens: 160
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #14 Online: 26 de Novembro de 2016, 16:27:57 »
Comentário de 2014 por Al Carroll , professor de história no Northern VA Community College, sobre o número de mortos pelo regime castrista.

Citar
Most of the answers you'll find out there are lunatic claims by the exile community. An accurate estimate
 would be several thousand though. That's horrific enough, but exiles routinely make bizarre claims of
 tens of thousands or even hundreds of thousands.
 
Most of the deaths he ordered were at the start of his rule, executions of Batista's torturers and murderers.
The trials were farcical, mostly bouts of rage from an angry public followed by quick deaths with no appeal.
 Most of the men, though, were guilty and would have been found guilty of murder had the trials been fair.
 
There have been executions of dissidents since then, but not the mass executions similar to the USSR or North Korea.
 Cuba's main failing in human rights in the 60s and 70s was mass imprisonment, the highest proportionately
 anywhere in Latin America. Almost all of the prisoners were set free in the late 70s thanks to pressure by Jimmy Carter.
 Today the number of political prisoners is estimated at between 50 and 150, depending on the source.
...

Likely the biggest death toll one can blame him at least partly for is the balseros, refugees fleeing by boat
 who die on the way. There are greatly exaggerated estimates of 75,000. The best estimate I've found is
 16,000 over a 55 year period.

Offline Pagão

  • Nível 37
  • *
  • Mensagens: 3.387
  • Sexo: Masculino
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #15 Online: 26 de Novembro de 2016, 16:48:54 »
Comentário de 2014 por Al Carroll , professor de história no Northern VA Community College, sobre o número de mortos pelo regime castrista.

Citar
Most of the answers you'll find out there are lunatic claims by the exile community. An accurate estimate
 would be several thousand though. That's horrific enough, but exiles routinely make bizarre claims of
 tens of thousands or even hundreds of thousands.
 
Most of the deaths he ordered were at the start of his rule, executions of Batista's torturers and murderers.
The trials were farcical, mostly bouts of rage from an angry public followed by quick deaths with no appeal.
 Most of the men, though, were guilty and would have been found guilty of murder had the trials been fair.
 
There have been executions of dissidents since then, but not the mass executions similar to the USSR or North Korea.
 Cuba's main failing in human rights in the 60s and 70s was mass imprisonment, the highest proportionately
 anywhere in Latin America. Almost all of the prisoners were set free in the late 70s thanks to pressure by Jimmy Carter.
 Today the number of political prisoners is estimated at between 50 and 150, depending on the source.
...

Likely the biggest death toll one can blame him at least partly for is the balseros, refugees fleeing by boat
 who die on the way. There are greatly exaggerated estimates of 75,000. The best estimate I've found is
 16,000 over a 55 year period.

Ou seja, havia claramente pena de morte por razões políticas, mas desde que não seja comparável à Coreia do Norte é relativamente moderado e tendencialmente aceitável (no fundo é o que pretende dizer)... Curioso que aqui em Portugal, onde o regime salazarista nunca teve pena de morte e portanto não mandou fuzilar ninguém essa "compreensão" esteja tão ausente... No fundo, comunista tem desculpa...
Nenhuma argumentação racional exerce efeitos racionais sobre um indivíduo que não deseje adotar uma atitude racional. - K.Popper

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 32.425
  • Sexo: Masculino
  • ...
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #16 Online: 26 de Novembro de 2016, 17:50:53 »
Cláudio Loredo disse:

Citar
Viva Fidel! Ele jamais morrerá. Sempre continuará vivo na mente de todos revolucionários.

Pena que não existe vida eterna. A morte é algo injusto demais. Principalmente para alguém da grandeza de Fidel Castro.

Ele mudou o mundo para muito melhor. Sua liderança foi importante para a independência de várias nações africanas. Ele inspirou o nacionalismo em toda América Latina. Fez de Cuba uma nação importante na geopolítica mundial. Um país onde antes quase ninguém tinha acesso a direitos básico, hoje é referência no mundo todo tratando-se de direitos humanos.

Pouco antes de morrer, ele recebeu a notícia que Cuba tornou-se o país mais longevo do mundo. Título este conquistado granças a preocupação de Fidel com a saúde básica.

Felizmente eu pude pisar em Cuba com Fidel ainda vivo e pude também comemorar seu aniversário de noventa anos junto com milhares de cubanos. Foi um carnaval no Malecón em Havana. Eu até postei fotos aqui.

Hoje é um dia muito triste para toda América Latina. Ele nos fez ter orgulho das nossas origens, da nossa história e da nossa terra. Ele nos fez mais éticos e mais morais. Nós fez mais humanos. Todos devem muito a ele e ele não está mais entre nós. De qualquer jeito, fico feliz por ele ter existido.

Viva Fidel!

Fonte: http://religiaoeveneno.org/discussion/3522/atencao-claudio-iuuuhuuuuu-fidel-morreu-vivaaaaaa




Esse pessoal vai ficar de luto quando a Coréia do Norte deixar de ser socialista, mesmo se for um processo tranqüilo apenas reduzindo o sofrimento do povo. Há pouco tempo veio aquilo de Lula colocar sua não-reeleição via Dilma como uma tragédia comparável à queda do muro de Berlim.

Offline Gabarito

  • Nível 40
  • *
  • Mensagens: 4.629
  • Sexo: Masculino
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #17 Online: 26 de Novembro de 2016, 19:13:54 »
Prof. Bené Barbosa -- > Ideia muito oportuna:


Offline El Elyon

  • Nível 18
  • *
  • Mensagens: 500
  • Sexo: Masculino
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #18 Online: 26 de Novembro de 2016, 19:19:44 »
Citar
Será que podemos dizer que Fidel foi bem menos sujo que os outros ditadores?

Pela padrão latino-americano? Sim, provavelmente foi. O maior dano causado por Fidel provavelmente não se deveu à supressão ativa e eliminação de opositores, mas a manutenção de políticas econômicas condenadas ao fracasso (para a população como um todo - mas que perpetuou o poder seu e de seus aliados necessários para manutenção do regime) e a redução significativa de liberdades civis. Na perspectiva da perpetuação do poder, Castro é um exemplo de sucesso, um novo monarca e provável iniciador de uma nova linha familiar de sucessão.
"Thy word, El, is wise;
Thou art wise unto eternity;
Lucky life is Thy word.
Our king is Aliyan Baal,
Out judge, and none is above Him.
Let both of Us drain His chalice;
Both of Us drain His cup!"

Declaração de Asherah ao Compassivo El anunciando a ascensão de Baal.

Offline Gabarito

  • Nível 40
  • *
  • Mensagens: 4.629
  • Sexo: Masculino
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #19 Online: 26 de Novembro de 2016, 19:25:25 »
Mais comentários matadores.
Alexandre Borges:


Offline Gaúcho

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 14.410
  • Sexo: Masculino
  • República Rio-Grandense
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #20 Online: 26 de Novembro de 2016, 20:22:14 »
Símbolo comunista morre e deixa patrimônio estimado em mais de 4 bilhões de dólares.

Comunismo no cu dos outros é refresco.
"— A democracia em uma sociedade livre exige que os governados saibam o que fazem os governantes, mesmo quando estes buscam agir protegidos pelas sombras." Sérgio Moro

Offline Luiz F.

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.641
  • Sexo: Masculino
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #21 Online: 26 de Novembro de 2016, 21:24:03 »
Um FDP a menos. Ótimo.
"Você realmente não entende algo se não consegue explicá-lo para sua avó."
Albert Einstein

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 32.425
  • Sexo: Masculino
  • ...
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #22 Online: 26 de Novembro de 2016, 21:27:57 »
Mais comentários matadores.
Alexandre Borges:



Até deve ter alienados lá mesmo que choram. Mas a maior parte deve estar em outros países, e não ter relação com cubanos, no máximo, ter ido a Cuba fazer turismo. Uma maioria de brancos de classe média/alta.

Cubo-americanos comemorando:






Offline Pasteur

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.737
  • Sexo: Masculino
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #23 Online: 26 de Novembro de 2016, 22:35:44 »
Que declaração vocês dariam sobre a morte de Fidel se fossem presidente dos EUA?

Semelhante ao Obama, ou seja,  mais política, mais pragmática, visando a relação entre os povos ou mais com o coração e a orelha, tipo Trump, condenando Fidel enfaticamente sem se preocupar com nada?

Offline Gaúcho

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 14.410
  • Sexo: Masculino
  • República Rio-Grandense
Re:Fidel Castro morreu. O que muda no mundo?
« Resposta #24 Online: 26 de Novembro de 2016, 22:58:27 »
A festa aqui em Miami continua.
"— A democracia em uma sociedade livre exige que os governados saibam o que fazem os governantes, mesmo quando estes buscam agir protegidos pelas sombras." Sérgio Moro

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!