Autor Tópico: Vídeos políticos  (Lida 21273 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Online JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.781
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #375 Online: 18 de Março de 2017, 17:59:06 »
Estão atuando bem no papel de atores políticos. Espero que logo sumam do mapa. :)


Não vão sumir do mapa coisa nenhuma. Este é um momento de revés, mas  é normal que  uma  organização  política   tenha os seus momentos  de revés.  E além do mais, a esquerda vai muito além do PT.
Se é a esquerda que conheço, está a passos largos para o túmulo.



Quanto pensamento positivo.  Parabéns.  Pelo visto um mar de rosas espera a direita.  :D





Offline Euler1707

  • Nível 20
  • *
  • Mensagens: 699
  • Sexo: Masculino
  • não há texto pessoal
Re:Vídeos políticos
« Resposta #376 Online: 18 de Março de 2017, 18:00:35 »
"provocador", "inimigo politico".
Porque não pegamos todos em armas e saiamos matando nossos inimigos políticos?
Talvez porque esta seria  uma forma extrema de combate político.
É uma forma eficiente de combate político. Realpolitik em seu extremo.

Offline Gauss

  • Nível 36
  • *
  • Mensagens: 3.132
  • Sexo: Masculino
  • A Lua cheia não levanta-se a Noroeste
Re:Vídeos políticos
« Resposta #377 Online: 18 de Março de 2017, 18:01:06 »

Bem vindo à Realpolitik. :)


Mas é justamente o que eu estou  constantemente a afirmar.  :D
O Mamãefalei age muito bem quanto a isso. Fora que a burrice dos esquerdistas ao não saber responder as perguntas por motivos de burrice, colaboram ainda mais com sua narrativa. 8-)

O que não prova que burrice da esquerda em não ter bom articulistas prove que o outro lado tá certo, só faz parecer isso.

Dá impressão no Brasil que direita (usando aqui de forma generalizada) é apenas mais articulada, cheia de lábia e retórica pagando de mais intelectual que a esquerda mas na prática não se vê nada muito profundo que tenha alterado o estado de subdesenvolvimento que o Brasil tá.
A direita brasileira não é bem articulada. A esquerda é pois já se organiza desde a década de 1970. A direita é desorganizada pois o Regime Militar destruiu com ela. Foi uma auto-destruição. Somente nesta década a direita passou a se reorganizar, através da chamada "Nova Direita" (MBL, Vem pra Rua e afins, que não  tem nada a ver com a "velha direita" da ditadura) e um movimento regressivo de extrema-direita ao estilo "Velha Direita" estatista da ditadura, essa apoiadora de Bolsonaro e Olavo de Carvalho.

Esse negócio de "pagar de intelectual" sempre foi coisa da esquerda, só que por não saberem muito de conceitos básicos de economia, muitos esquerdistas acabam passando vergonha em debates com esse pessoal dessa "Nova Direita".
“A matemática é a rainha das ciências.”
Carl Friedrich Gauss.

Online JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.781
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #378 Online: 18 de Março de 2017, 18:01:51 »


Seria muita burrice política  tratar um inimigo político como se fosse  um amigo.




Especialmente se isso implica em expor a própria falência intelectual. Mas inerentemente, isso acaba sendo feito de uma maneira ou outra, já que, se não fosse o caso, não haveria tal preocupação. Seria apenas mais espaço para divulgarem, defenderem seus ideais, talvez conseguindo aproximação da audiência do entrevistador.



Nossa Senhora ! Isso é intelectualmente lindo.  Talvez seja o caso de colocar  num artigo científico e publicar.    :D


Online JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.781
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #379 Online: 18 de Março de 2017, 18:03:02 »
"provocador", "inimigo politico".
Porque não pegamos todos em armas e saiamos matando nossos inimigos políticos?
Talvez porque esta seria  uma forma extrema de combate político.
É uma forma eficiente de combate político. Realpolitik em seu extremo.


O brasileiro é cordial.   :D



Offline DDV

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.724
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #380 Online: 18 de Março de 2017, 19:13:07 »


Seria muita burrice política  tratar um inimigo político como se fosse  um amigo.

É burrice tratar um inimigo de forma que viole os próprios valores que o partido alega defender, passe uma imagem diferente daquela que o partido alega ter, e viole regras ou instituições às quais todos estão subordinados e dizem seguir (democracia, liberdade de expressão, liberdade de ir e vir, etc).

Não acredite em quem lhe disser que a verdade não existe.

"O maior vício do capitalismo é a distribuição desigual das benesses. A maior virtude do socialismo é a distribuição igual da miséria." (W. Churchill)

Offline DDV

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.724
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #381 Online: 18 de Março de 2017, 19:20:45 »
JJ, o jogo da política é diferente do jogo da guerra.

Você, com suas leituras, não conseguiu ainda captar isso.

Na política, predomina o palavreado, a hipocrisia e a falsidade. Na política as pessoas procuram resolver as coisas na base do entendimento, do acordo, do discurso bonito, da adulação, da diplomacia, da dissimulação (sorrir pro inimigo enquanto planeja lhe esfaquear pelas costas) e da tentativa de vender uma imagem positiva para o público.

É na guerra (como nas brigas de gangue) que as pessoas ficam fazendo careta, urrando, ameaçando, agitando a cabeça e atacando o inimigo. Esse comportamento é adequado para a guerra, mas não para a política. Quem se comporta na arena política como se estivesse em uma briga de gangues na rua fracassa feio.
Não acredite em quem lhe disser que a verdade não existe.

"O maior vício do capitalismo é a distribuição desigual das benesses. A maior virtude do socialismo é a distribuição igual da miséria." (W. Churchill)

Offline Gauss

  • Nível 36
  • *
  • Mensagens: 3.132
  • Sexo: Masculino
  • A Lua cheia não levanta-se a Noroeste
Re:Vídeos políticos
« Resposta #382 Online: 18 de Março de 2017, 19:25:54 »
JJ, o jogo da política é diferente do jogo da guerra.

Você, com suas leituras, não conseguiu ainda captar isso.

Na política, predomina o palavreado, a hipocrisia e a falsidade. Na política as pessoas procuram resolver as coisas na base do entendimento, do acordo, do discurso bonito, da adulação, da diplomacia, da dissimulação (sorrir pro inimigo enquanto planeja lhe esfaquear pelas costas) e da tentativa de vender uma imagem positiva para o público.

É na guerra (como nas brigas de gangue) que as pessoas ficam fazendo careta, urrando, ameaçando, agitando a cabeça e atacando o inimigo. Esse comportamento é adequado para a guerra, mas não para a política. Quem se comporta na arena política como se estivesse em uma briga de gangues na rua fracassa feio.
Você resumiu tudo muito bem.
“A matemática é a rainha das ciências.”
Carl Friedrich Gauss.

Offline Agnoscetico

  • Nível 31
  • *
  • Mensagens: 2.043
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #383 Online: 18 de Março de 2017, 19:40:02 »

Bem vindo à Realpolitik. :)


Mas é justamente o que eu estou  constantemente a afirmar.  :D
O Mamãefalei age muito bem quanto a isso. Fora que a burrice dos esquerdistas ao não saber responder as perguntas por motivos de burrice, colaboram ainda mais com sua narrativa. 8-)

O que não prova que burrice da esquerda em não ter bom articulistas prove que o outro lado tá certo, só faz parecer isso.

Dá impressão no Brasil que direita (usando aqui de forma generalizada) é apenas mais articulada, cheia de lábia e retórica pagando de mais intelectual que a esquerda mas na prática não se vê nada muito profundo que tenha alterado o estado de subdesenvolvimento que o Brasil tá.
A direita brasileira não é bem articulada. A esquerda é pois já se organiza desde a década de 1970. A direita é desorganizada pois o Regime Militar destruiu com ela. Foi uma auto-destruição. Somente nesta década a direita passou a se reorganizar, através da chamada "Nova Direita" (MBL, Vem pra Rua e afins, que não  tem nada a ver com a "velha direita" da ditadura) e um movimento regressivo de extrema-direita ao estilo "Velha Direita" estatista da ditadura, essa apoiadora de Bolsonaro e Olavo de Carvalho.

Esse negócio de "pagar de intelectual" sempre foi coisa da esquerda, só que por não saberem muito de conceitos básicos de economia, muitos esquerdistas acabam passando vergonha em debates com esse pessoal dessa "Nova Direita".

Pode ser que tenha alguns intelectuais de esquerda, mas um Lula por exemplo nunca vi ele falar de forma erudita e pomposa (não faz parte da vivência dele), isso é mais comum na direita mesmo.

Quero ver um político falar sobre Mises e anarco-capitalismo e ser popular; principalmente se usar vocabulário cheio de palavras não muito conhecidos.
« Última modificação: 18 de Março de 2017, 19:42:05 por Agnoscetico »

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 34.106
  • Sexo: Masculino
  • ...
Re:Vídeos políticos
« Resposta #384 Online: 18 de Março de 2017, 20:05:03 »
JJ, o jogo da política é diferente do jogo da guerra.

Você, com suas leituras, não conseguiu ainda captar isso.

Na política, predomina o palavreado, a hipocrisia e a falsidade. Na política as pessoas procuram resolver as coisas na base do entendimento, do acordo, do discurso bonito, da adulação, da diplomacia, da dissimulação (sorrir pro inimigo enquanto planeja lhe esfaquear pelas costas) e da tentativa de vender uma imagem positiva para o público.

É na guerra (como nas brigas de gangue) que as pessoas ficam fazendo careta, urrando, ameaçando, agitando a cabeça e atacando o inimigo. Esse comportamento é adequado para a guerra, mas não para a política. Quem se comporta na arena política como se estivesse em uma briga de gangues na rua fracassa feio.

O fato é que com tais estratégias um dos lados na guerra política veio conseguindo consolidar e ampliar seu PODER.

Não a ponto de tomá-lo todo e se blindar completamente das instituições legais, mas isso seria questão de tempo e de talvez não terem cometido outros erros estratégicos. De outra forma poderiam ter conseguido uma consolidação comparável a de alguém como Putin.

Offline Agnoscetico

  • Nível 31
  • *
  • Mensagens: 2.043
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #385 Online: 18 de Março de 2017, 20:29:42 »
Não sei se é caso de vídeos políticos ou de tema social-econômico que tem algo de político, pus em outro tópico (não sei no lugar errado):

Grupo anarquista grego teria enviado carta-bomba ao FMI

<a href="https://www.youtube.com/v/GWGqmQh7noE" target="_blank" class="new_win">https://www.youtube.com/v/GWGqmQh7noE</a>

<a href="https://www.youtube.com/v/oqzkpzXFIjQ" target="_blank" class="new_win">https://www.youtube.com/v/oqzkpzXFIjQ</a>

Schaüble mostra-se a favor da City e contra o protecionismo - economy

<a href="https://www.youtube.com/v/G-Y_9cyfp2Y" target="_blank" class="new_win">https://www.youtube.com/v/G-Y_9cyfp2Y</a>
« Última modificação: 18 de Março de 2017, 20:32:15 por Agnoscetico »

Offline Gauss

  • Nível 36
  • *
  • Mensagens: 3.132
  • Sexo: Masculino
  • A Lua cheia não levanta-se a Noroeste
Re:Vídeos políticos
« Resposta #386 Online: 18 de Março de 2017, 23:19:08 »
Quero ver um político falar sobre Mises e anarco-capitalismo e ser popular; principalmente se usar vocabulário cheio de palavras não muito conhecidos.
Considero o anarco-capitalismo uma falácia filosófica, mas se alguém falasse sobre Mises (que não era anarco-capitalista) e temas defendidos por ele, como corte de impostos e gastos, seria muito popular.
“A matemática é a rainha das ciências.”
Carl Friedrich Gauss.

Online JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.781
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #387 Online: 19 de Março de 2017, 06:52:20 »
JJ, o jogo da política é diferente do jogo da guerra.

Você, com suas leituras, não conseguiu ainda captar isso.

Na política, predomina o palavreado, a hipocrisia e a falsidade. Na política as pessoas procuram resolver as coisas na base do entendimento, do acordo, do discurso bonito, da adulação, da diplomacia, da dissimulação (sorrir pro inimigo enquanto planeja lhe esfaquear pelas costas) e da tentativa de vender uma imagem positiva para o público.



Negativo. Existem vários casos em que não aceitar a provocação de algum inimigo é perfeitamente normal em eventos políticos.  Até mesmo parlamentares se envolvem em quebra pau (xingamentos e até agressões físicas)  (até mesmo na desenvolvida Coréia do Sul  já teve mais de uma vez quebra pau, dentro de instituição política, entre parlamentares).


E novamente você está querendo que se dê respeito e importância a um provocador barato, que não merece nenhum pingo de respeito e importância.   




« Última modificação: 19 de Março de 2017, 07:04:01 por JJ »

Online JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.781
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #388 Online: 19 de Março de 2017, 06:55:44 »



É bem interessante ver que há pessoas que apoiam um provocador barato, desde que ele atue contra alguma corrente política da qual não gostam.
Mas enfim, isso já é uma demonstração de ação política.  Para os (política e ideologicamente) chegados, apoio,  mesmo que seja para atacar e infernizar outras pessoas.






« Última modificação: 19 de Março de 2017, 08:43:32 por JJ »

Online JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.781
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #389 Online: 19 de Março de 2017, 06:59:38 »
Quero ver um político falar sobre Mises e anarco-capitalismo e ser popular; principalmente se usar vocabulário cheio de palavras não muito conhecidos.
Considero o anarco-capitalismo uma falácia filosófica, mas se alguém falasse sobre Mises (que não era anarco-capitalista) e temas defendidos por ele, como corte de impostos e gastos, seria muito popular.


Dá pra ver como foi popular a candidata do NOVO 1.27% no Rio de Janeiro (para prefeitura).

Popular foi o Crivella  59.36%  (e até o Freixo 40.64%).    :hihi:



« Última modificação: 19 de Março de 2017, 08:51:10 por JJ »

Offline Lorentz

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.034
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #390 Online: 19 de Março de 2017, 10:42:33 »
Quero ver um político falar sobre Mises e anarco-capitalismo e ser popular; principalmente se usar vocabulário cheio de palavras não muito conhecidos.
Considero o anarco-capitalismo uma falácia filosófica, mas se alguém falasse sobre Mises (que não era anarco-capitalista) e temas defendidos por ele, como corte de impostos e gastos, seria muito popular.


Dá pra ver como foi popular a candidata do NOVO 1.27% no Rio de Janeiro (para prefeitura).

Popular foi o Crivella  59.36%  (e até o Freixo 40.64%).    :hihi:





Rio de Janeiro é um mundo à parte.

Pense em São Paulo, onde um candidato desconhecido que só fala em privatizar venceu no primeiro turno.

O Marchezan venceu em Porto Alegre e também tem um alinhamento mais liberal.
"Amy, technology isn't intrinsically good or bad. It's all in how you use it, like the death ray." - Professor Hubert J. Farnsworth

Offline DDV

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.724
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #391 Online: 19 de Março de 2017, 10:46:44 »
Negativo. Existem vários casos em que não aceitar a provocação de algum inimigo é perfeitamente normal em eventos políticos.  Até mesmo parlamentares se envolvem em quebra pau (xingamentos e até agressões físicas)  (até mesmo na desenvolvida Coréia do Sul  já teve mais de uma vez quebra pau, dentro de instituição política, entre parlamentares).


E novamente você está querendo que se dê respeito e importância a um provocador barato, que não merece nenhum pingo de respeito e importância. 

Não estou dizendo que violência e 'barraco' em política não acontecem, estou dizendo que são prejudiciais a quem os pratica.

Na guerra a violência trás ganhos, pois o poder deriva da força. Na política de um país democrático não, pois o que trás poder é a opinião favorável e o voto do público.





Não acredite em quem lhe disser que a verdade não existe.

"O maior vício do capitalismo é a distribuição desigual das benesses. A maior virtude do socialismo é a distribuição igual da miséria." (W. Churchill)

Offline DDV

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.724
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #392 Online: 19 de Março de 2017, 10:49:47 »
Tanto é que nos vídeos, são os jovens que se exaltam. Os petistas velhos tentaram de tudo pra evitar a exacerbação da situação, pois são raposas velhas e entendem como é o jogo político (diferente dos jovens e de você, JJ).
Não acredite em quem lhe disser que a verdade não existe.

"O maior vício do capitalismo é a distribuição desigual das benesses. A maior virtude do socialismo é a distribuição igual da miséria." (W. Churchill)

Offline Agnoscetico

  • Nível 31
  • *
  • Mensagens: 2.043
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #393 Online: 19 de Março de 2017, 11:09:49 »



É bem interessante ver que há pessoas que apoiam um provocador barato, desde que ele atue contra alguma corrente política da qual não gostam.
Mas enfim, isso já é uma demonstração de ação política.  Para os (política e ideologicamente) chegados, apoio,  mesmo que seja para atacar e infernizar outras pessoas.

Fico pensando se esse cara fosse provocar pessoal lá do Bolsonaro como ia ser.

____________

Esse tópico é sobre videos politicos mas que menos vejo são videos, tem mais discussões enem são são sobre vídeos em si. Postei 3 mas acho que passou batido... Achei que aqui fosse como Imagens politicas onde faz mas jus ao totulo do topico.


Offline Gauss

  • Nível 36
  • *
  • Mensagens: 3.132
  • Sexo: Masculino
  • A Lua cheia não levanta-se a Noroeste
Re:Vídeos políticos
« Resposta #394 Online: 19 de Março de 2017, 11:11:43 »
Quero ver um político falar sobre Mises e anarco-capitalismo e ser popular; principalmente se usar vocabulário cheio de palavras não muito conhecidos.
Considero o anarco-capitalismo uma falácia filosófica, mas se alguém falasse sobre Mises (que não era anarco-capitalista) e temas defendidos por ele, como corte de impostos e gastos, seria muito popular.

Dá pra ver como foi popular a candidata do NOVO 1.27% no Rio de Janeiro (para prefeitura).

Popular foi o Crivella  59.36%  (e até o Freixo 40.64%).    :hihi:
O Novo é um partido ainda desconhecido e inexpressivo. Em São Paulo e Porto Alegre, candidatos de partidos maiores e com discurso liberal venceram. Até mesmo na minha cidade, na região metropolitana de POA, uma candidata liberal, também do PSDB, venceu.
“A matemática é a rainha das ciências.”
Carl Friedrich Gauss.

Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 19.120
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #395 Online: 19 de Março de 2017, 11:17:05 »
Quero ver um político falar sobre Mises e anarco-capitalismo e ser popular; principalmente se usar vocabulário cheio de palavras não muito conhecidos.
Considero o anarco-capitalismo uma falácia filosófica, mas se alguém falasse sobre Mises (que não era anarco-capitalista) e temas defendidos por ele, como corte de impostos e gastos, seria muito popular.


Dá pra ver como foi popular a candidata do NOVO 1.27% no Rio de Janeiro (para prefeitura).

Popular foi o Crivella  59.36%  (e até o Freixo 40.64%).    :hihi:





Rio de Janeiro é um mundo à parte.

Pense em São Paulo, onde um candidato desconhecido que só fala em privatizar venceu no primeiro turno.

O Marchezan venceu em Porto Alegre e também tem um alinhamento mais liberal.

http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2016/06/1783760-rio-de-janeiro-foi-o-estado-que-mais-elevou-despesas-com-pessoal.shtml

Desde 2009 o Rio aumentou em 70% ACIMA DA INFLAÇÃO os gastos com funcionalismo dos três poderes.

Acho que explica a quebradeira geral e o motivo do pessoal ter aversão a privatização.

http://exame.abril.com.br/brasil/as-30-cidades-brasileira-onde-ha-mais-funcionarios-publicos/

Citar
As 30 cidades brasileiras onde há mais funcionários públicos

Cidades do Norte e do Nordeste encabeçam a lista de municípios com maior proporção de funcionários públicos, em relação ao total de pessoas com emprego formal.

Citar
Em São Paulo, a proporção de funcionários públicos estatutários é de 15,94%. No Rio de Janeiro, eles correspondem a 18,64% da população com emprego formal.

Ou seja, quase 1/5 da população empregada é do funcionalismo que teve um aumento de 70% acima da inflação.


Online JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.781
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #396 Online: 19 de Março de 2017, 11:36:43 »

É bem interessante ver que há pessoas que apoiam um provocador barato, desde que ele atue contra alguma corrente política da qual não gostam.
Mas enfim, isso já é uma demonstração de ação política.  Para os (política e ideologicamente) chegados, apoio,  mesmo que seja para atacar e infernizar outras pessoas.

Fico pensando se esse cara fosse provocar pessoal lá do Bolsonaro como ia ser.



Seria interessante mesmo. Queria ver  se os bolsonaretes  iriam ser gentis e iriam marcar hora para dialogar, como o DDV  prega  que  deva ser.   B-)



« Última modificação: 19 de Março de 2017, 11:40:09 por JJ »

Offline Agnoscetico

  • Nível 31
  • *
  • Mensagens: 2.043
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #397 Online: 19 de Março de 2017, 11:44:02 »

Video de geopolitica (Russia x OTAN) já tem certo tempo, mas pra não deixar o tópico sem videos a cada X comentários....

<a href="https://www.youtube.com/v/uoWTfYyaCXE" target="_blank" class="new_win">https://www.youtube.com/v/uoWTfYyaCXE</a>

Online JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.781
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #398 Online: 19 de Março de 2017, 11:45:53 »

http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2016/06/1783760-rio-de-janeiro-foi-o-estado-que-mais-elevou-despesas-com-pessoal.shtml

Desde 2009 o Rio aumentou em 70% ACIMA DA INFLAÇÃO os gastos com funcionalismo dos três poderes.

Acho que explica a quebradeira geral e o motivo do pessoal ter aversão a privatização.



Um motivo (mas não o único) foi a queda do preço do petróleo,  e a consequente queda dos royalties pagos aos estados e municípios.

Veja:

Arrecadação com royalties do petróleo cai 25% em 2015

Receita total encolheu R$ 4,67 bilhões em meio a queda do preço do barril.

No RJ, arrecadação caiu R$ 900 milhões; em SP subiu R$ 43 milhões.

O pagamento de royalties sobre produção de petróleo para a União, estados e municípios somou R$ 13,857 bilhões em 2015, segundo dados da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). A arrecadação representa uma queda de 25% na comparação com 2014, quando a receita total foi de R$ 18,530 bilhões. Royalties são os valores em dinheiro pagos pelas empresas aos governos dos locais produtores (municípios, estados e União) para ter direito à exploração do petróleo.
[...]


link:

http://g1.globo.com/economia/noticia/2016/01/arrecadacao-com-royalties-do-petroleo-cai-25-em-2015.html




Online JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.781
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #399 Online: 19 de Março de 2017, 11:57:00 »

Video de geopolitica (Russia x OTAN) já tem certo tempo, mas pra não deixar o tópico sem videos a cada X comentários....




A europa do leste tem vários  poodley toys do Chefão da OTAN.  São vários cachorrinhos obedientes. Basta o Chefão jogar  um pouco  de presentinhos para os chefes  desses paisinhos, que eles vem faceiros lamber o pé do dono deles.  :cachorro:








Atenção - OTAN Poderá Atacar Rússia a Qualquer Momento Segundo Analista Russo




« Última modificação: 19 de Março de 2017, 12:02:34 por JJ »

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!