Forum Clube Cetico

Discussões => Ceticismo => Tópico iniciado por: Pregador em 20 de Agosto de 2007, 10:17:19

Título: João de Deus
Enviado por: Pregador em 20 de Agosto de 2007, 10:17:19
Passou ontem no Discovery, o programa "os extraordinários" e a bola da vez era o sujeito chamado João de Deus, que vive em Goiás e é um "médium", um "curador".

Alguém tem mais informações à respeito ou algo que demonstra o quão parcial foi a reportagem??
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Suyndara em 20 de Agosto de 2007, 12:32:34
Passou ontem no Discovery, o programa "os extraordinários" e a bola da vez era o sujeito chamado João de Deus, que vive em Goiás e é um "médium", um "curador".

Alguém tem mais informações à respeito ou algo que demonstra o quão parcial foi a reportagem??

Amon,

Não vi a reportagem, mas o dito cujo mora no interior de Goiás e existem até peregrinações até lá :wink:

É uma espécie de "Dr Fritz", ele faz cirurgias espirituais e "garrafadas" e o centro espírita é sempre lotado de fiéis que juram que são curados...

Não tem nada de muita novidade, mas pode-se dizer que é mais um "fenômeno mediúnico" não comprovado :P

[]s
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Suyndara em 20 de Agosto de 2007, 12:34:50
A propósito, fica pertinho de brasília:

http://onibusparaoceu.com/casa.htm

E aqui a estorinha dele: http://www.abadiania.hpg.ig.com.br/joao.html

[]s
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Mauricio Rubio em 21 de Agosto de 2007, 08:49:21
Eu vi o documentário, eu tenho a cabeça aberta e tals, mas sei lá. Acho que tudo depende da própria pessoa, e devem existir muitos casos de doenças puramente psicologicas que se "curam" com ajuda do propósito de ficar bom.

Mas quanto ao cara ter alguma habilidade especial, permaneço cético, msm porque o documentário não provou nada.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Suyndara em 21 de Agosto de 2007, 09:04:26
É apenas um velhinho bonzinho que acha que cura as pessoas  8-)
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Pregador em 22 de Agosto de 2007, 10:01:11
Tem alguma explicação para o fato das pessoas não sentirem dor ao serem cortadas, terem tesouras enfiadas no nariz etc??
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Suyndara em 22 de Agosto de 2007, 14:28:55
Tem alguma explicação para o fato das pessoas não sentirem dor ao serem cortadas, terem tesouras enfiadas no nariz etc??

Deve ser auto-sugestão também, não?

Algumas pessoas passam por hipnose e fazem cirurgias sem anestesia e não sentem dor :wink:

Deve ser um processo parecido...
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Pregador em 24 de Agosto de 2007, 10:46:04
Tem alguma explicação para o fato das pessoas não sentirem dor ao serem cortadas, terem tesouras enfiadas no nariz etc??

Deve ser auto-sugestão também, não?

Algumas pessoas passam por hipnose e fazem cirurgias sem anestesia e não sentem dor :wink:

Deve ser um processo parecido...

Não...achei estranho devido a narrativa de uma "operada". Ela disse que segundos antes do primeiro corte ela estava muito aflita da dor que poderia sentir em decorrência do corte sem anestesia, mas que quando começou a "cirurgia", ela sentia apenas seus movimentos, os cortes e tal, mas sem dor, o que foi um alívio para ela.

Se ela estava anciosa e com medo de sentir significa que não estava hipnotizada, e não havia auto-sugestão, já que ela temia de fato a dor. Se ela fosse para a cirurgia absolutamente convicta de que não haveria dor alguma, poderia ser auto-sugestão, mas não me parece o caso...
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Morbius em 25 de Agosto de 2007, 10:37:44
Exatamente, saiu a reportagem na época tambem...

http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EDG78763-6014-484,00.html

João de Deus opera sem anestesia e sem limpar os instrumentos cirurgicos entre uma operação e outra, e ninguém sente dor ou se infecta.

É incrivel, o programa vai passar novamente no discovery dia 29 (acho). mas é claro que os céticos aqui do forum vão inventar alguma desculpa para desmerecer o velhinho... As provas estão lá pra qualquer um ver...

Título: Re: João de Deus
Enviado por: Spitfire em 25 de Agosto de 2007, 11:31:17
Me lembro da época que o "Dr" Fritz fazia sucesso junto a mídia... era divulgado exatamente a mesmíssima coisa, que ninguém se infectava. Passado o estardalhaço da mídia, centenas de casos de contaminação (e até mortes em decorrência) apareceram. A "sujeira" é varrida para debaixo do tapete... mostra-se somente o que interessa... mas as consequências posteriores, a médio e longo prazo, isto não é conveniente mostrar.

Nada de novo...
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Dodo em 25 de Agosto de 2007, 14:32:17
Exatamente, saiu a reportagem na época tambem...

http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EDG78763-6014-484,00.html

João de Deus opera sem anestesia e sem limpar os instrumentos cirurgicos entre uma operação e outra, e ninguém sente dor ou se infecta.

É incrivel, o programa vai passar novamente no discovery dia 29 (acho). mas é claro que os céticos aqui do forum vão inventar alguma desculpa para desmerecer o velhinho... As provas estão lá pra qualquer um ver...



Provas???
Se é assim, basta ler a Folha Universal e ver como acontecem mudanças na vida de pessoas que aceitam Jesus. As provas estão lá pra qualquer um ver.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Thufir Hawat em 25 de Agosto de 2007, 14:43:14
Tem alguma explicação para o fato das pessoas não sentirem dor ao serem cortadas, terem tesouras enfiadas no nariz etc??

Deve ser auto-sugestão também, não?

Algumas pessoas passam por hipnose e fazem cirurgias sem anestesia e não sentem dor :wink:

Deve ser um processo parecido...

Não...achei estranho devido a narrativa de uma "operada". Ela disse que segundos antes do primeiro corte ela estava muito aflita da dor que poderia sentir em decorrência do corte sem anestesia, mas que quando começou a "cirurgia", ela sentia apenas seus movimentos, os cortes e tal, mas sem dor, o que foi um alívio para ela.

Se ela estava anciosa e com medo de sentir significa que não estava hipnotizada, e não havia auto-sugestão, já que ela temia de fato a dor. Se ela fosse para a cirurgia absolutamente convicta de que não haveria dor alguma, poderia ser auto-sugestão, mas não me parece o caso...

Mas quem garante que há cortes de fato? O próprio depoimento da operada me faz lembrar Pen & Teller fazendo "cirurgias mediúnicas" usando um dedo falso cheio de miúdos de galinha ensanguentados e uma esponja molhada.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Diegojaf em 25 de Agosto de 2007, 17:28:11
Eu queria ver de perto... só assim pra eu acreditar... :|
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Douglas em 25 de Agosto de 2007, 19:48:19
Tá fácil. Arrumem um céptico (serve um pseudo-céptico, também) doente e levem até lá.

Se ele sair curado...
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Týr em 25 de Agosto de 2007, 19:50:50
A da Natasha caiu por água. Foi muito bom ver a carinha de tristeza dela quando foi reprovada no teste.

Esse do Brasil eu não vi
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Spitfire em 25 de Agosto de 2007, 21:04:24
Tá fácil. Arrumem um céptico (serve um pseudo-céptico, também) doente e levem até lá.

Se ele sair curado...

E se ele morrer?  :hein:
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Týr em 25 de Agosto de 2007, 21:40:36
Tá fácil. Arrumem um céptico (serve um pseudo-céptico, também) doente e levem até lá.

Se ele sair curado...
E se ele morrer?  :hein:
Se ele morrer não vai poder contestar :histeria:

Título: Re: João de Deus
Enviado por: Spitfire em 25 de Agosto de 2007, 22:51:27
Tá fácil. Arrumem um céptico (serve um pseudo-céptico, também) doente e levem até lá.

Se ele sair curado...
E se ele morrer?  :hein:
Se ele morrer não vai poder contestar :histeria:



Não é esta a questão...

O problema é que por causa destes vigaristas charlatões do caralho, centenas de pessoas, loucas, abandonam tratamentos médicos sérios... e quando morrem, em decorrência disto, estes vigaristas eximem-se da culpa.... foi "pouca fé".

Estes calhordas deveriam serem presos e apodrecerem na cadeia por exercício ilegal de medicina... em um país sério seria assim, só que estamos no Brasil... deve ser por isto que o kardecismo só emplacou aqui. No Brasil qualquer merda emplaca, vide o Medir Maiscedo e corja assemelhada.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Douglas em 26 de Agosto de 2007, 10:58:43
E se ele morrer?  :hein:

Menos um pseudo-céptico no mundo! Lamentarei se for um verdadeiro céptico...hehe.

Mas falando sério, será pelo bem da ciência!

Vídeo do youtube com a matéria do discovery:

http://www.youtube.com/watch?v=qyA-mkOrye8&mode=related&search= (http://www.youtube.com/watch?v=qyA-mkOrye8&mode=related&search=)
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Spitfire em 26 de Agosto de 2007, 19:48:13
Quem esta assistindo o Nat Geo neste momento esta sendo brindado com um magnífico programa a este respeito.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Suyndara em 27 de Agosto de 2007, 10:30:16
Tá fácil. Arrumem um céptico (serve um pseudo-céptico, também) doente e levem até lá.

Se ele sair curado...
E se ele morrer?  :hein:
Se ele morrer não vai poder contestar :histeria:



Não é esta a questão...

O problema é que por causa destes vigaristas charlatões do caralho, centenas de pessoas, loucas, abandonam tratamentos médicos sérios... e quando morrem, em decorrência disto, estes vigaristas eximem-se da culpa.... foi "pouca fé".

Estes calhordas deveriam serem presos e apodrecerem na cadeia por exercício ilegal de medicina... em um país sério seria assim, só que estamos no Brasil... deve ser por isto que o kardecismo só emplacou aqui. No Brasil qualquer merda emplaca, vide o Medir Maiscedo e corja assemelhada.

Tá fácil. Arrumem um céptico (serve um pseudo-céptico, também) doente e levem até lá.

Se ele sair curado...
E se ele morrer?  :hein:
Se ele morrer não vai poder contestar :histeria:



É pertinho de brasília...

Mas já num vou mais :P
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Pregador em 27 de Agosto de 2007, 16:19:14
Tem alguma explicação para o fato das pessoas não sentirem dor ao serem cortadas, terem tesouras enfiadas no nariz etc??

Deve ser auto-sugestão também, não?

Algumas pessoas passam por hipnose e fazem cirurgias sem anestesia e não sentem dor :wink:

Deve ser um processo parecido...

Não...achei estranho devido a narrativa de uma "operada". Ela disse que segundos antes do primeiro corte ela estava muito aflita da dor que poderia sentir em decorrência do corte sem anestesia, mas que quando começou a "cirurgia", ela sentia apenas seus movimentos, os cortes e tal, mas sem dor, o que foi um alívio para ela.

Se ela estava anciosa e com medo de sentir significa que não estava hipnotizada, e não havia auto-sugestão, já que ela temia de fato a dor. Se ela fosse para a cirurgia absolutamente convicta de que não haveria dor alguma, poderia ser auto-sugestão, mas não me parece o caso...

Mas quem garante que há cortes de fato? O próprio depoimento da operada me faz lembrar Pen & Teller fazendo "cirurgias mediúnicas" usando um dedo falso cheio de miúdos de galinha ensanguentados e uma esponja molhada.

Eu sei de tudo isso. Mas até agora não vi ninguém desmascarando o sujeito. E eu ainda dou certo crédito ao discovery que foi lá e filmou tudo. Se algo é feito como eu suponho, é bem feito. Queria saber se ele já foi alguma vez desmascarado ou alguma outra explicação.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Spitfire em 27 de Agosto de 2007, 17:05:10
Ontem no programa da Nat Geo chamado Mito ou Realidade abordaram alguns destes casos.... mostraram os "voadores yoges", os sufistas e os gurus indianos.

Este tipo de coisa não é exclusividade... mostrou na Nat Geo um sujeito, islâmico, com uma faca, cravada até a metade, no topo do crânio. 
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Diegojaf em 27 de Agosto de 2007, 17:12:44
Ontem no programa da Nat Geo chamado Mito ou Realidade abordaram alguns destes casos.... mostraram os "voadores yoges", os sufistas e os gurus indianos.

Este tipo de coisa não é exclusividade... mostrou na Nat Geo um sujeito, islâmico, com uma faca, cravada até a metade, no topo do crânio. 

E qual era o truque desse cara?? :hein:
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Spitfire em 27 de Agosto de 2007, 17:17:35
Ontem no programa da Nat Geo chamado Mito ou Realidade abordaram alguns destes casos.... mostraram os "voadores yoges", os sufistas e os gurus indianos.

Este tipo de coisa não é exclusividade... mostrou na Nat Geo um sujeito, islâmico, com uma faca, cravada até a metade, no topo do crânio. 

E qual era o truque desse cara?? :hein:

Não sei... não foi filmado por pessoas isentas.
Mas mostraram também o ponto de vista cético. Não prestei muita atenção no programa porque estava arrumando minhas filhotinhas para leva-las para a casa da mãe delas... até em função disto dei um "toque" no fórum para o pessoal que estivesse disponível desse uma olhada.  :ok:
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Diegojaf em 27 de Agosto de 2007, 17:20:29
Ontem no programa da Nat Geo chamado Mito ou Realidade abordaram alguns destes casos.... mostraram os "voadores yoges", os sufistas e os gurus indianos.

Este tipo de coisa não é exclusividade... mostrou na Nat Geo um sujeito, islâmico, com uma faca, cravada até a metade, no topo do crânio. 

E qual era o truque desse cara?? :hein:

Não sei... não foi filmado por pessoas isentas.
Mas mostraram também o ponto de vista cético. Não prestei muita atenção no programa porque estava arrumando minhas filhotinhas para leva-las para a casa da mãe delas... até em função disto dei um "toque" no fórum para o pessoal que estivesse disponível desse uma olhada.  :ok:

Tsc... céticos relapsos...  :nao3:
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Douglas em 27 de Agosto de 2007, 22:51:37
O programa sobre os yoges (europeus) voadores já vi...

Não tem nada a ver com o assunto tratado aqui, que são as cirurgias espirituais praticadas pelo João de Deus...

Os yoges, que pensam voar, não curam ninguém...
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Spitfire em 27 de Agosto de 2007, 23:00:13
O programa sobre os yoges (europeus) voadores já vi...

Não tem nada a ver com o assunto tratado aqui, que são as cirurgias espirituais praticadas pelo João de Deus...

Os yoges, que pensam voar, não curam ninguém...

O programa que passou ontem, domingo, dia 26 de agosto de 2007, por volta das 19:48:13 (horário do meu post o programa estava no ar), chamado Mito ou realidade, não era somente sobre os yoges voadores (ou saltitantes... rídiculo diga-se de passagem) mas também sofre os sufis que se auto-imolam e sobre gurus indianos... tinha mais um maluco de artes marciais que alegava derrubar qualquer pessoa utilizando um tal de golpe Xi (Xi, Chi, Shi... sei lá a grafia correta) e que não derrubou um cético fracote e magricela.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Spitfire em 27 de Agosto de 2007, 23:04:37
Achei....

http://www.natgeo.com.br/programacao/2007/08/26/19/00/verdade_ou_mito

É Verdade ou mito o nome do programa... Domingo, 26 de agosto de 2007 19:00.... ATENÇÃO, REPRISE no dia Quarta-feira, 29 de agosto de 2007 02:00

Citar
Será que os mestres de caratê conseguem atacar uns aos outros com uma energia invisível? Será que os ‘milagrosos’ indianos e os místicos Sufi conseguem mutilar seus corpos sem sentir dor? É possível que os mestres da Meditação Transcedental Hindu consigam voar? Será que realmente existem superpoderes? Da Índia ao Iraque, da Itália a um show de variedades em Los Angeles, o programa Será Que é Verdade? investiga os casos dos chamados “super-humanos”. No Iraque, os Sufis sobrevivem a uma punhalada na cabeça em um ritual aparentemente intolerável chamado de Danos Corporais Causados Deliberadamente. Como eles fazem isso? Nos Estados Unidos, os praticantes da Meditação Transcedental Hinduísta afirmam poder voar. Será verdade? Na Índia, os “homens milagrosos” fazem algo que parece ser impossível: andar em brasas, deitar em camas de pregos, comer fogo e colocar as mãos em óleo fervendo. Será que isto é possível ou trata-se apenas de um truque? Finalmente, mestres do caratê afirmam poder deixar qualquer pessoa inconsciente – sem ao menos tocá-la. Será que é verdade?

Sinopse:

Citar
Verdade ou Mito?
Próxima exibição: Quarta-feira 29 02:00
   
Verdade ou Mito? vai examinar algumas de nossas crenças mais apreciadas e descabidas. Através da ciência e do velho bom senso, colocaremos essas fábulas à prova até, por fim, derrubá-las.

Antes disso, no entanto, o programa vai mostrar a sustentação histórica e as melhores provas nas quais cada uma delas se baseia, partindo da origem de cada “fenômeno” até seus seguidores. As histórias incluem: O Pé Grande, Fantasmas, Monstros do Lago, O Triângulo das Bermudas, Discos Voadores, Crop Circles, etc.



Título: Re: João de Deus
Enviado por: Stéfano em 28 de Agosto de 2007, 09:45:21
http://abcnews.go.com/Health/Primetime/story?id=482292
http://skepdic.com/johnofgod.html
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Morbius em 28 de Agosto de 2007, 10:53:16
Eu sempre assito o "verdade ou mito" no nat geo. Passa toda quarta as 20:00 e rerisa domingo as 19:00.

O programa que o spit falou eu ja ví, e não tem absolutamente nada haver com joão de deus. Foi sobre poderes da mente. Inclusive neste mesmo programa os cético NÃO CONSEGUEM explicar como os indianos não sentiam dores ao encravar facas na cabeça, espadas no peito etc... etc... Alem disso, MANDAM um cientista lá para presenciar o fenômeno e o cientista tem sua bochecha furada por um espeto gigante e não sente dor.

No final, ficou tudo sem explicação...
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Spitfire em 28 de Agosto de 2007, 13:01:45
Então tu não assistiu o programa inteiro.... não viu o artista norte-americano que mostrou que mentalmente ele bloqueia a dor em níveis insuportáveis para a maioria dos seres humanos... nem viu o mestre de caratê inventar uma desculpa para lá de esfarrapada por não conseguir derrubar o cético magrela com o seu golpe Xi... tão pouco deve ter visto o caçador de gurus indiano desmascarar um dito guru com poderes místicos de ler mentes e ver o futuro.

Memória seletiva a sua, Morbius.... lembra-se apenas daquilo que lhe convêm... oportuno isto, não?  :twisted: :hein: |(

E é nada a ver... e não nada haver... e estas enganado também... tem absolutamente tudo a ver.  :P
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Morbius em 28 de Agosto de 2007, 20:23:10
hahahah... é verdade, eu não me lembrei que tudo isso aconteceu no mesmo programa. Quando eu disse que tudo terminou sem explicação, eu estava me referindo aos indianos que não sentiam dor e nem sangravam.

Os cientistas não conseguiram explicar como isso era possivel. tinha inclusive um gordão com uma espada encravada no peito. Sensacional!

Título: Re: João de Deus
Enviado por: Spitfire em 28 de Agosto de 2007, 21:11:14
Filtrando novamente.... E o artista norte-americano que somente se concentrando, sem usar fantasia sobre-naturalista nenhuma, suportou um índice de resistência a dor de nível 27 enquanto um ser humano, em condições normais, não suportaria além do fator 5? "Não se lembrou" também, né?  ::)

Sei.... sei...

Então pessoal, não percam a reprise de quarta-feira as 2:00 no Nat Geo... deixem os DVD e/ou VCR programados para gravar, se estiverem com sono... e não perca a reprise, Morbius... para "refrescar" a memória que anda muito seletiva e filtrada.  :histeria:  ::) :P
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Marcon em 30 de Agosto de 2007, 16:34:25
Eu sempre assito o "verdade ou mito" no nat geo. Passa toda quarta as 20:00 e rerisa domingo as 19:00.

O programa que o spit falou eu ja ví, e não tem absolutamente nada haver com joão de deus. Foi sobre poderes da mente. Inclusive neste mesmo programa os cético NÃO CONSEGUEM explicar como os indianos não sentiam dores ao encravar facas na cabeça, espadas no peito etc... etc... Alem disso, MANDAM um cientista lá para presenciar o fenômeno e o cientista tem sua bochecha furada por um espeto gigante e não sente dor.

No final, ficou tudo sem explicação...

Havia algum tipo de anestesia ou algum tipo de anti goagulante? Eles usaram alguma droga? Eles estavam lúcidos? A faca e espeto são feitas de qual material e como é sua ponta? Qual a reação do corpo com essa experiência no dia seguinte? Quais os efeitos colaterais que ocorreu depois dessa experiência? A pessoa suporta níveis superiores de dor que as demais?

Essas e outras diversas perguntas não foram respondidas... Não seja que os céticos não souberam explicar, faltou sim, um estudo científico mais complexo desta experiência. ;)
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Zé Ninguém em 09 de Setembro de 2007, 09:36:14
O home ta lá, toda semana. É público e qualquer um pode ir assistir. Nada é oculto ou escondido. Alguem aqui, baseado em algum conhecimento pessoal dos fatos já deu opinião?

Pois é, o home corta mesmo e tira tumores, cistos, cataratas e outros bichos. E funciona. E medicos afirmam que os procedimentos são os mesmos que eles utilizam, apenas que ao inves de durar 30 min leva apenas 2 min e ao inves de pre e pos operatorio complicado, não há pre e tampouco pos operatorio. O sujeito vai, é operado, e vai a luta.

Dizer que não existe e que é impossivel ou fraude é muito fácil, mormente por aqueles que nada querem aprender porque acham que ja sabem tudo.

Estou aguardando alguem ir, verificar e ficar semanas observando e indicar onde a fraude e onde a impossibilidade. Ou caso contrário calar-se frente a fatos para os quais no momento não temos explicação.

Título: Re: João de Deus
Enviado por: Týr em 09 de Setembro de 2007, 11:17:16
Eu só achei estranho uma mulher estrangeira ir se tratar lá e após o 'tratamento' teve alta, pois os tumores aumentaram muito, e segundo eles ela deveria buscar o tratamento convencional, o que realmente deu certo, e ela melhorou. Agora, atribuir a cura via do tratamento convencional para os espíritos é muita audácia, o que fizeram com ela ao dar alta foi praticamente um "vai morrer pra lá!"
Título: Re: João de Deus
Enviado por: raos48 em 09 de Setembro de 2007, 11:49:20
         Olha só que ironia do destino... Ele é meu vizinho a casa dele está a umas duas quadras da minha.
já faz alguns anos que ele não faz nenhuma manifestação do tipo, porque tem causado muita polêmica mas ele é um bom vizinho nunca me incomodou.  :P
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Spitfire em 09 de Setembro de 2007, 13:55:43
E medicos afirmam que os procedimentos são os mesmos que eles utilizam

Quais médicos?
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Stéfano em 09 de Setembro de 2007, 19:57:02
E medicos afirmam que os procedimentos são os mesmos que eles utilizam
Quais médicos?
Médicos que frequentam o tal centro por motivos religiosos seriam testemunhas imparciais e confiáveis ?
Título: Re: João de Deus
Enviado por: RainorX em 10 de Setembro de 2007, 10:18:54
Crentes não dão valor ao seu dinheirinho. Minha falecida avó fazia "cirurgias astrais" em casa mesmo. Um espírita avisava o dia e a hora, ela colocava uma roupa branca e se deitava. Depois de algumas horas ela vinha e dizia que a "operação" havia sido um sucesso. Eu nunca soube de qual doença ela sofria mas ela afirmava que havia sido curada. Aposto que os resultados da "intervenção astral" devem ser similares aos obtidos pelo velhinho citado, então sugiro que, ao invés de gastar tempo e dinheiro em viagens até as cidades desses "curadores" (normalmente cidades pobres e sem graça), façam uma "operação espiritual à distância" e depois gastem o dinheiro economizado viajando para um lugar legal como Buenos Aires onde, com a saúde plenamente reestabelecida, poderão se divertir a vontade.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Douglas em 10 de Setembro de 2007, 10:57:58
Recebi um relato de um senhor que trabalhou aqui na Usina (este mês passado), como engenheiro mecânico, que diz ter sido operado à distância. Marcaram o dia e a hora e solicitaram que ele deixasse uma bacia de água do lado da cama.

Pela manhã ele e a esposa encontraram a bacia tingida de sangue. A intervenção voltou a ocorrer durante quatro semanas e depois disso, ele não mais sentiu a hérnia de disco.

Ele não é espírita.

Não pagou nada, não cobraram nada.

Não perguntei se ele retornara ao médico para saber se havia sido totalmente curado ou não. Mas foi um relato interessante.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: RainorX em 10 de Setembro de 2007, 11:09:11
Recebi um relato de um senhor que trabalhou aqui na Usina (este mês passado), como engenheiro mecânico, que diz ter sido operado à distância. Marcaram o dia e a hora e solicitaram que ele deixasse uma bacia de água do lado da cama.

Pela manhã ele e a esposa encontraram a bacia tingida de sangue. A intervenção voltou a ocorrer durante quatro semanas e depois disso, ele não mais sentiu a hérnia de disco.

Ele não é espírita.

Não pagou nada, não cobraram nada.

Não perguntei se ele retornara ao médico para saber se havia sido totalmente curado ou não. Mas foi um relato interessante.

Só não concordo com a afirmação de que ele não seria espírita. Se ele não acreditasse e frequentasse locais espíritas, jamais teria se submetido a essa "operação".
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Douglas em 11 de Setembro de 2007, 18:18:23
Não necessariamente. Ele pode vir a se tornar depois.

A pessoa pode passar por uma operação dessas e não acreditar em reencarnação, que é um dos principios espiritas e continuar sendo católica, por exemplo.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Brasília em Chamas em 11 de Setembro de 2007, 19:11:29
Este tipo de coisa não vai acabar. Quando  a exatos 20 anos atras James Randi desmascarou o   profeta Peter Popoff  pensou-se que o brilhantismo milagreiro tinha acabado, mas o Reverando Popoff esta devolta e com todo gas.

veja materia


Título: Re: João de Deus
Enviado por: Morbius em 11 de Setembro de 2007, 19:22:08
Então aí vai um artigo cientifico comprovando a veracidade das cirurgias.

Citar
RESULTADOS: O "cirurgião" verdadeiramente incisa a pele ou o epitélio ocular, além de realizar raspados corneanos sem nenhuma técnica anestésica ou antisséptica identificável. Apesar disso, apenas um paciente queixou-se de dor moderada quando teve a mama incisada. Os pacientes foram examinados até três dias depois da cirurgia sem nenhum sinal de infecção, bem como os relatos posteriores dos pacientes não continham informações de infecção. O exame histopatológico evidenciou que os tecidos extraídos eram compatíveis com o local de origem e, com exceção de um lipoma de 210 gramas, eram tecidos normais, sem particularidades patológicas. Foi realizada revisão da literatura e discussão do efeito placebo.


http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-42302000000300002&lng=pt&nrm=iso

Pronto, agora podem trancar o topico :ok:
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Stéfano em 13 de Setembro de 2007, 12:47:15
Então aí vai um artigo cientifico comprovando a veracidade das cirurgias.

Citar
RESULTADOS: O "cirurgião" verdadeiramente incisa a pele ou o epitélio ocular, além de realizar raspados corneanos sem nenhuma técnica anestésica ou antisséptica identificável. Apesar disso, apenas um paciente queixou-se de dor moderada quando teve a mama incisada. Os pacientes foram examinados até três dias depois da cirurgia sem nenhum sinal de infecção, bem como os relatos posteriores dos pacientes não continham informações de infecção. O exame histopatológico evidenciou que os tecidos extraídos eram compatíveis com o local de origem e, com exceção de um lipoma de 210 gramas, eram tecidos normais, sem particularidades patológicas. Foi realizada revisão da literatura e discussão do efeito placebo.


http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-42302000000300002&lng=pt&nrm=iso

Pronto, agora podem trancar o topico :ok:
Você se "esqueceu" de colocar a conclusão:
Citar
CONCLUSÕES: As cirurgias são reais, mas, apesar de não ter sido possível avaliar a eficácia do procedimento, aparentemente não teriam efeito específico na cura dos pacientes. Sem dúvida, nossos achados são mais exploratórios que conclusivos. São necessários posteriores estudos para lançar luz sobre esse heterodoxo tratamento.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Morbius em 13 de Setembro de 2007, 21:03:20
Assim como os indianos do programa "verdade ou mito". Como vc explicaria o fato de ninguém sentir dor e nem se infectar?  :hein:



Título: Re: João de Deus
Enviado por: RainorX em 13 de Setembro de 2007, 21:28:43
Assim como os indianos do programa "verdade ou mito". Como vc explicaria o fato de ninguém sentir dor e nem se infectar?  :hein:






Não sentir dor é fácil, a hipnose faz isso há séculos. E nem todo corte gera infecção.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Morbius em 13 de Setembro de 2007, 22:06:00
Citar
Não sentir dor é fácil, a hipnose faz isso há séculos

Não houve hipnose


Citar
E nem todo corte gera infecção.

Estamos falando de uma cirurgia e não de um corte.






Próximo  :ok:
Título: Re: João de Deus
Enviado por: RainorX em 13 de Setembro de 2007, 22:15:27
Citar
Não sentir dor é fácil, a hipnose faz isso há séculos

Não houve hipnose


Citar
E nem todo corte gera infecção.

Estamos falando de uma cirurgia e não de um corte.






Próximo  :ok:

Sim, houve hipnose. Caso vc não saiba, o paciente muitas vezes não sabe que está sendo hipnotizado, basta ver como trabalham os hipnotistas de palco.

Cirurgia é cortar e tirar algo (normalmente), o que poderia causar infecção seria o corte (contato de tecidos com micro-organismos hostis). E não li nada sobre os instrumentos estarem contaminados, então a incisão pode ter sido feita com uma lâmina limpa, algo bastante provável.

Mas como vc explica que os tecidos retirados não estavam doentes (cfe diz o texto)? Então pra que tirou? E que cura foi essa, se o que foi retirado não causava mal?

Minha avó não tinha qualquer doença mas sentia-se bem quando era "curada" pelos espíritos.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Spitfire em 13 de Setembro de 2007, 22:50:40
É um tanto obvio que o fato de não sentir dor trata-se de um estado alterado da consciência... hipnose ou auto-hipnose.   ::)

Ou seria um "espírito" que interferiu nas sinapses?  :bocejo:
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Marcon em 13 de Setembro de 2007, 23:59:29
As pessas deliram muito sobre essas questões místicas.
Sou cético ao extremo sobre tudo isso... Sou cético quanto a existência de cirurgias milagrosas, quanto a hiponose e auto-hipnose e quanto as demais bullshit que continua mentindo, desiludindo e tomando dinheiro de milhares de pessoas...
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Spitfire em 14 de Setembro de 2007, 00:29:07
Sei lá... até adrenalina inibe a dor.. enfim... existem várias explicações possíveis... mas alguns, logo de cara, tentam atribuir ao sobrenatural.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: RainorX em 14 de Setembro de 2007, 10:08:20
As pessas deliram muito sobre essas questões místicas.
Sou cético ao extremo sobre tudo isso... Sou cético quanto a existência de cirurgias milagrosas, quanto a hiponose e auto-hipnose e quanto as demais bullshit que continua mentindo, desiludindo e tomando dinheiro de milhares de pessoas...

Ei, hipnose, auto-hipnose, isso não tem nada de sobrenatural. Eu mesmo já fui hipnotizado e já hipnotizei, é apenas uma técnica. Hipnotizar significa fazer com que o paciente deixe de usar o senso crítico para as sugestões dadas. Algumas pessoas são mais sugestionáveis que outras. Existem vários métodos, desde o clássico relógio balançando num ângulo de 45º da vista do paciente, luzes estroboscópicas e, para os mais sugestionáveis, bastam certas vocalizações, principalmente se essas pessoas já sofreram outras hipnoses onde foi implantado nelas um "gatilho" (um som característico ou palavra que desencadeia o transe). Há inúmeros exemplos de indivíduos que, em transe hipnótico, adquirem uma rigidez muscular impossível de ser criada conscientemente, assim como há iogues que, em auto-hipnose, decrescem seus batimentos cardíacos e até diminuem a temperatura do corpo (isso pode ser treinado através de técnicas de bio-feedback).

Bem, resumindo, hipnose é fato, é uma técnica útil e nada tem de sobrenatural.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Morbius em 14 de Setembro de 2007, 21:41:30
Ah bom... agora que os céticos explicaram, ta explicado.  ::)

Ou seja, TODO MUNDO foi hipnotizado (até mesmo os cientistas que se "esqueceram" de citar a hipnose na discussão do artigo). E todos os pacientes apenas tiveram sorte de não terem se contaminado numa cirurgia de extração de um dente, de um tumor, de uma incisão nasal...  ::)  (apesar de não haver nenhuma assepcia nas lâminas).


Citar
Ou seria um "espírito" que interferiu nas sinapses?

:ok:

Título: Re: João de Deus
Enviado por: Spitfire em 14 de Setembro de 2007, 22:41:25
Eu morro e não vejo tudo.  :histeria:

Será que um espírito pode fazer meu bilau crescer contra a minha vontade?

 :histeria:
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Týr em 14 de Setembro de 2007, 23:09:14
Eu morro e não vejo tudo.  :histeria:

Será que um espírito pode fazer meu bilau crescer contra a minha vontade?

 :histeria:
Pior é se ele puder diminuir :medo:
Título: Re: João de Deus
Enviado por: RainorX em 14 de Setembro de 2007, 23:09:22
Ah bom... agora que os céticos explicaram, ta explicado.  ::)

Ou seja, TODO MUNDO foi hipnotizado (até mesmo os cientistas que se "esqueceram" de citar a hipnose na discussão do artigo). E todos os pacientes apenas tiveram sorte de não terem se contaminado numa cirurgia de extração de um dente, de um tumor, de uma incisão nasal...  ::)  (apesar de não haver nenhuma assepcia nas lâminas).


Citar
Ou seria um "espírito" que interferiu nas sinapses?

:ok:



Sim, as pessoas que vão a um lugar desses já estão predispostas a acreditarem no sobrenatural, e o "curador" hipnotiza (ou sugestiona, o que dá na mesma) UMA a UMA, no momento em que se submetem à "operação". Eu já extraí dente e não tive infecção, normal isso. Não li nada sobre os instrumentos estarem infectados, provavelmente estavam limpos. E de que tumor vc fala, se o próprio  texto fala que eram tecidos normais? Isso é que é engraçado, tiram tecidos saudáveis e a pessoa fica "curada"...... curada do quê??? Mas é como o povo diz: "É preciso acreditar em algo".
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Stéfano em 15 de Setembro de 2007, 11:39:37
Assim como os indianos do programa "verdade ou mito". Como vc explicaria o fato de ninguém sentir dor e nem se infectar?  :hein:
Simples sugestão. Metade dos pacientes que eu faço endoscopia começam a dormir antes de ser aplicado o sedativo, só de colocar a agulha na veia. Se considerar que as cirurgias são feitas em um contexto religioso, com pessoas altamente sugestionáveis, eu não estranharia que incisões grandes fossem feitas e não houvesse relato de dor.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: FZapp em 15 de Setembro de 2007, 12:44:47
Me lembro da época que o "Dr" Fritz fazia sucesso junto a mídia... era divulgado exatamente a mesmíssima coisa, que ninguém se infectava. Passado o estardalhaço da mídia, centenas de casos de contaminação (e até mortes em decorrência) apareceram. A "sujeira" é varrida para debaixo do tapete... mostra-se somente o que interessa... mas as consequências posteriores, a médio e longo prazo, isto não é conveniente mostrar.

Nada de novo...

Assino embaixo. Ia escrever o mesmo que vc, com o Dr Fritz também os caras 'não sentiam dor', mas depois da ex-esposa abrir processo e a coisa toda desmoronar, o papo mudou.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Marcon em 17 de Setembro de 2007, 22:31:19
As pessas deliram muito sobre essas questões místicas.
Sou cético ao extremo sobre tudo isso... Sou cético quanto a existência de cirurgias milagrosas, quanto a hiponose e auto-hipnose e quanto as demais bullshit que continua mentindo, desiludindo e tomando dinheiro de milhares de pessoas...

Ei, hipnose, auto-hipnose, isso não tem nada de sobrenatural. Eu mesmo já fui hipnotizado e já hipnotizei, é apenas uma técnica. Hipnotizar significa fazer com que o paciente deixe de usar o senso crítico para as sugestões dadas. Algumas pessoas são mais sugestionáveis que outras. Existem vários métodos, desde o clássico relógio balançando num ângulo de 45º da vista do paciente, luzes estroboscópicas e, para os mais sugestionáveis, bastam certas vocalizações, principalmente se essas pessoas já sofreram outras hipnoses onde foi implantado nelas um "gatilho" (um som característico ou palavra que desencadeia o transe). Há inúmeros exemplos de indivíduos que, em transe hipnótico, adquirem uma rigidez muscular impossível de ser criada conscientemente, assim como há iogues que, em auto-hipnose, decrescem seus batimentos cardíacos e até diminuem a temperatura do corpo (isso pode ser treinado através de técnicas de bio-feedback).

Bem, resumindo, hipnose é fato, é uma técnica útil e nada tem de sobrenatural.

Isso mesmo, já ví Criss Angel no seu programa conseguir hipnotizar várias pessoas em um restaurante... ou diminuir os batimentos do seu coração e parar por alguns segundos. Mas sabe o que eu acho? Como diria o velho e bom Penn e Teller: BULLSHIT!!! Antes até que eu gostava de Criss Angel... mas já está insuportável assistir.

Mas mesmo de tudo você falou, continuo não acreditando em hipnose, efeito placebo, sonhos lúcidos... e blá blá blá blá blá....

Cético ao extremo! ;)
Título: Re: João de Deus
Enviado por: FSeNn em 02 de Outubro de 2007, 18:41:40
Humn.... gostaria que alguns aidéticos céticos se dispusessem a fazer  pequenos cortes, e em seguida os crentes na cura milagrosa, realizassem a operação com tais lâminas.
Se fizessem essa experiência com algumas dezenas de pessoas, eu passaria a considerar. Só acho que os crentes iriam dar para trás.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Marcon em 02 de Outubro de 2007, 20:47:13
Hahahahahahaha... :histeria:
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Sklogw em 05 de Outubro de 2007, 22:09:24
É muito engraçada a dinâmica social desses charlatães-cirurgiões mediúnicos que cometem a toda hora crimes contra a saude e o bolso desse nosso pobre e ignorante povo ao qual se sonega o direito a uma medicina pública decente... Doutores Fritzes e Joões de Deus, Arigós e Queirózes vão continuar existindo enquanto houver (a) desinformação da população; (b) cumplicidade dos órgãos competentes; (c) silêncio das pessoas esclarecidas (incluindo os espíritas que, na sua hipocrisia, mantém uma posição absolutamente ambígua em relação a essas fraudes: em particular acusam-nos e em público mantém um silêncio conveniente e conivente). Se Arigó era mesmo uma fraude, porquê Chico Xavier (como grande autoridade da DE) nunca veio a público denunciar esse seu conterrâneo? Medo do ridículo? Talvez a lembrança das fraudes da Irmã JOsefa fosse aparecer de forma inconveniente...
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Douglas em 12 de Outubro de 2007, 21:19:35
Primeiro, porque Chico nunca se considerou "uma grande autoridade da DE".

Segundo, porque Chico não era obrigado a denunciar ninguém.

Terceiro, porque no programa Pinga-fogo, da extinta TV Tupi, ele já havia citado as razões para não passarmos por cirurgias espirituais.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Douglas em 12 de Outubro de 2007, 21:23:03
Alguém já viu este vídeo?

http://www.youtube.com/watch?v=QgYrm4j3ccM (http://www.youtube.com/watch?v=QgYrm4j3ccM)
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Douglas em 19 de Outubro de 2007, 19:02:57
Ninguém quer opinar sobre o vídeo acima??
Título: João de Deus / João dos Milagres
Enviado por: Jamelão em 14 de Janeiro de 2008, 20:05:53
Ví no discovery channel e procurei no youtube para postar aqui pra vocês, mas a versão do youtube é em inglês e sem legendas. Acredito que em breve terá a versão legendada.

Documentário produzido pelo Discovery Channel sobre "João de Deus" ou, em inglês, "John of God".

É um documentário sobre João Teixeira de Farias também conhecido como João de Deus, é um médium brasileiro, residente em Abadiânia, Goiás. Está sendo estudado pelo Núcleo de Estudos de Problemas Espirituais e Religiosos do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da Universidade de São Paulo.

Além de ser estudado por esse órgão da universidade de São Paulo, ele também é objeto de estudo e trabalho de dezenas de investigadores, médicos, pesquisadores e cientistas do mundo todo, pela sua incrível capacidade de realizar operações espirituais e físicas em enfermos.

Nesse documentário da discovery, mostra centenas de estrangeiros que viajam até Goiás, para consultar com João de Deus. Além disso, professores, pesquisadores e cirurgiões de várias instituições dos EUA (incluindo Harcard e outras universidades famosas), dão seu depoimento e contam suas experiências referentes a esse médium brasileiro. A opinião dos cientistas é unânime: Algo que ultrapassa a barreira da ciência e dos conhecimentos científicos da medicina convencional ocidental acontece alí.

João de Deus faz operações complicadas, como a retirada de tumores e a raspagem de olhos de enfermos, com materiais rudimentares, como alicates e facas de cozinha, sem que o paciente sinta dor alguma e sangre muito. Os cientistas do mundo todo não conseguem entender como isso é possível.

podia escrever 3 páginas sobre esse documentário.... muito interessante! mas vou parar por aqui...

gostaria da opinião dos ultra-céticos do fórum.

Beijo especial pro Raphael rsrs
Título: Re: João de Deus / João dos Milagres
Enviado por: Jamelão em 15 de Janeiro de 2008, 14:49:01
parece que os céticos estão calados! hahahaha
Título: Re: João de Deus / João dos Milagres
Enviado por: Pregador em 15 de Janeiro de 2008, 15:02:46
Tópico unido.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Marcon em 15 de Janeiro de 2008, 15:34:40

podia escrever 3 páginas sobre esse documentário.... muito interessante! mas vou parar por aqui...


blá, blá, blá...

charlatanismo.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Contini em 15 de Janeiro de 2008, 17:08:14
parece que os céticos estão calados! hahahaha

É que enche o saco ficar explicando sobre esses farsantes sabendo que os crédulos preferem continuar se iludindo...
~Discovery channel passa até documentario sobre ovni, qualquer coisa que de ibope...

Tudo isso não resiste a uma pesquisa seria

Arigo, chico xavier, joão de deus...tudo a mesma m*...
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Contini em 15 de Janeiro de 2008, 17:13:16
... e os pobres ignorantes que acreditam nessas baboseiras usando sempre os mesmos metodos infantis...vem mostrando um "fato irrefutável" que é imediatamente refutado...dai ignora a contra-argumentação e lança outra baboseira que é novamente refutada....quando todos se cansam de explicar a coisa (que ~claro não sera aceita pois não corresponde as espectativas dos pobres  iludidos) dai essas tristes figuras começam a comemorar infantilmente: Eu ganhei! Voce é bobão!....
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Contini em 15 de Janeiro de 2008, 17:17:44
E quais são esses "cientistas de todo o mundo" que não conseguem entender como é possivel??? Devem ser "cientistas" espiritas...muuuiiita credibilidade a deles...

Procure em arigos cientificos serios e não acharam absolutamente nada sobre esses farsantes, cientistas de verdade não perdem tempo com fantasias e truques...

procurem vcs mesmos da proxima vez, por exemplo aqui: http://www.scirus.com/

Título: Re: João de Deus
Enviado por: FxF em 15 de Janeiro de 2008, 19:55:50
Charlatão.

Do gênero "as pessoas dizem ter sentido algo estranho, logo é contra as leis da física"...
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Zé Ninguém em 16 de Janeiro de 2008, 21:56:37
A credulidade de alguns dos céticos que pululam neste forum é simplesmente hilária. O filme ta aí pra quem quiser ver. Truque não é porque já vi cenas semelhantes em outros filmes e tudo pode ser presenciado ao vivo, basta se dar o trabalho de querer ver. Afirmar que isto é charlatanismo ou baboseira é algo tão infantil como duvidar que um avião voe. Qualquer um pode ver um avião voando e também acompanhar algumas dezenas de cirurgias destas. A credulidade de alguns céticos em suas concepções que chega ao ridículo de negar o que os olhos vêem, em nada difere da credulidade dos evangélicos quando tampouco querem ver alguma coisa e ficam repetindo frases feitas da Bíblia.

Chega a ser triste, ver tal gênero de negação de realidades. Se me perguntam o que é e como funciona, digo com toda a sinceridade que não sei como funciona e nem mesmo se funciona. Mas não posso afirmar nem mesmo uma palavra a favor ou contra antes de ver, analisar, conversar com pessoas antes e depois. O ceticismo consiste em duvidar de todas as explicações aprioristicas, exatamente o que os céticos de plantão não fazem. Mas jamais negar os fatos e sim procurar razões lógicas que o expliquem. Em resumo, estudar, estudar e estudar mais até compreender um fenomeno, qualquer que seja.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: FxF em 16 de Janeiro de 2008, 22:26:05
Infelizmente, meu caro, eu sinto lhe dizer, esse cara foi desmascarado faz tempo pelo "Verdade ou Mito" do National Geographic.

Aqui está as cirurgias que ele faz:
- Raspar as córneas dos olhos;
- Enfiar uma tesoura no fundo do nariz das pessoas;

Mas o Verdade ou Mito já o desmascarou: Não há receptáculos nervosos nas córneas dos olhos. Na verdade, as fossas nazais são bem grandes e fim em um ângulo diferente (e aliás o cara que disse como era feito também o fez, mas disse para não tentarmos repetir em casa).

Talvez eu consigo baixar esse documentário, e upo de presente na Internet para você, Zé Ninguém.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: BetinhOzinhO em 17 de Janeiro de 2008, 03:45:05
Eu também não entendi pra que porra retirar dos corpos das pessoas tecidos que NÃO ESTAVAM DOENTES.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Zé Ninguém em 17 de Janeiro de 2008, 06:16:21
Infelizmente, meu caro, eu sinto lhe dizer, esse cara foi desmascarado faz tempo pelo "Verdade ou Mito" do National Geographic.
Credulidade é exatamente isso. Acreditar em qualquer besteirol que aparece em programas de TV, desde que diga o que deseja ouvir, sem sequer discutir ou duvidar das maiores sandices. Isto que foi mostrado no youtube e que são algumas das muitas cirurgias realizadas diariamente, doi e doi muito mesmo. Se não doi, tente voce mesmo, com o especialista que quizer. Então, se não doer voce tem um case. Até lá a sua posição não é a de cético, é a de credulo ou crente.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: FxF em 17 de Janeiro de 2008, 19:05:06
Citação de: Zé Ninguém
Credulidade é exatamente isso. Acreditar em qualquer besteirol que aparece em programas de TV, desde que diga o que deseja ouvir, sem sequer discutir ou duvidar das maiores sandices. Isto que foi mostrado no youtube e que são algumas das muitas cirurgias realizadas diariamente, doi e doi muito mesmo. Se não doi, tente voce mesmo, com o especialista que quizer. Então, se não doer voce tem um case. Até lá a sua posição não é a de cético, é a de credulo ou crente.
Zé Ninguém, tsc tsc, essa você se humilhou...
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Zé Ninguém em 17 de Janeiro de 2008, 19:25:00
Além de credulo e crente ainda tenta tapar o sol com uma peneira, utilizando má fé apenas para se auto-proteger. É hilario, se não fosse muito triste ver pessoas assim por aí achando que sabem alguma coisa e no fundo apenas marionetes de seus egos.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Diegojaf em 20 de Janeiro de 2008, 09:49:27
Zé Ninguém, antem de sair generalizando, sugiro que veja os links postados pelo Stéfano na primeira página desse tópico. Questionar as afirmações que são feitas sobre essas "cirurgias" continuará sendo válido até que um estudo conclusivo e imparcial seja realizado.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Zé Ninguém em 20 de Janeiro de 2008, 11:40:00
Em momento algum, sequer iniciei a discussão sobre as cirurgias mostradas no video. Este não é o ponto. Estou discutindo apenas a postura de quem deseja pesquisar ou conhecer um fenomeno, qualquer que este seja.
Citar
Se me perguntam o que é e como funciona, digo com toda a sinceridade que não sei como funciona e nem mesmo se funciona. Mas não posso afirmar nem mesmo uma palavra a favor ou contra antes de ver, analisar, conversar com pessoas antes e depois. O ceticismo consiste em duvidar de todas as explicações aprioristicas, exatamente o que os céticos de plantão não fazem. Mas jamais negar os fatos e sim procurar razões lógicas que o expliquem. Em resumo, estudar, estudar e estudar mais até compreender um fenomeno, qualquer que seja.
O que estou discutindo é a atitude de quem nega algum fato, sem qualquer base real, afirmando que:
Citar
Questionar as afirmações que são feitas sobre essas "cirurgias" continuará sendo válido até que um estudo conclusivo e imparcial seja realizado.
Correto e portanto questionar será sempre correto, mas negar algum fato antes de questiona-lo e baseado em um programa de televisão, realizado sabe-se la por quem e com qual proposito é o cumulo da credulidade. Afirmar que: “não doi” porque vi na TV é piada. Se não doi, tentem, com o especialista que quizerem. Então, se não doer voces terão um case. Mas somente neste caso. Até lá as posições não serão as de céticos, mas as de credulos ou crentes em sei lá o que.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: FxF em 20 de Janeiro de 2008, 16:51:09
Zé Ninguém, mas você só viu o João de Deus na TV ou Youtube, certo?

Você simplesmente concluiu que o que eu disse era errado (não haver receptáculos nervosos nas córneas) porque seria mais mágico acreditar no João de Deus, ou você pesquisou o assunto?
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Zé Ninguém em 21 de Janeiro de 2008, 01:28:11
Meu caro apreciador de raposas,

Eu não conclui coisa alguma e nem mesmo estou discutindo o João de Deus. Não chegamos ainda ao ponto de começar a analise de algum evento com isenção e sem conceitos preconcebidos, seja aprovando ou negando.

Portanto só posso me ater no momento à analisar as atitudes de quem julga algum fato (qualquer fato) sem método, apenas baseado em seus pre-conceitos ou crendices particulares. Ninguém aqui neste tópico demonstrou que os fatos foram reais ou não. Se realmente aconteceram ou foram manipulações. Então se isto não foi feito, não há ainda nada a discutir.

O máximo que podemos fazer é ver os filmes e dizer, parece interessante, mas não tenho a menor idéia do que esta acontecendo. E ponto. E partir para o estudo, se for o caso. Eu particularmente tenho a intenção de conhecer o processo em maio ou junho, quando de qualquer forma irei à Goiás, próximo a Abadiania. E pretendo permanecer alguns dias por lá, apenas para observar, se me for permitido.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: FxF em 21 de Janeiro de 2008, 02:52:57
Ah, Zé Ninguém, não vem agora querer se fazer de não-crente.
Citação de: Zé Ninguém
Isto que foi mostrado no youtube e que são algumas das muitas cirurgias realizadas diariamente, doi e doi muito mesmo.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Dê Jota em 21 de Janeiro de 2008, 14:08:27
Na boa, dizer que um documentário da National Geographic é "um besteirol qualquer" e logo em seguida citar o YouTube como fonte mais confiável...

Isso sim eu considero hilário.

Quero dizer, e por que não considerar o documentário da Discovery como sendo "um besteirol qualquer" também?
O que não concordo é dizer que um documentário que afirma que um homem faz obras sobrenaturais é confiável, enquanto um outro (documentário) que desmistifica essas obras seja visto como "besteiras de TV".
A National Geographic é uma emissora grande demais para fazer brincadeirinhas com assunto sério. Ela tem um nome a zelar. Ao passo que no YouTube qualquer um pode lançar vídeos lá sem absolutamente nenhum compromisso com a verdade. Diferente da NG.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Zé Ninguém em 23 de Janeiro de 2008, 09:16:21
A National Geographic é uma emissora grande demais para fazer brincadeirinhas com assunto sério. Ela tem um nome a zelar. Ao passo que no YouTube qualquer um pode lançar vídeos lá sem absolutamente nenhum compromisso com a verdade. Diferente da NG.
Esta é exatamente a definição de crença. Alguns acreditam que o que lhes diz a Santa Madre Igreja só pode estar certo e acima de qualquer discussão ou duvida. Outros o fazem baseados na opinião de seu Bispo ou de algum trecho que leram na Bíblia. Outros mais, por orientação de seus mentores e mestres espirituais nos quais confiam cegamente. Há alguns que jamais suspeitariam de que Bush e sua tropa estivessem contando estórias para invadir o Iraque, afinal é o Presidente dos USA. E finalmente há os que acreditam que há instituições que tem um nome a zelar e acreditam cegamente em tudo o que estas instituições fazem.

Crença é sempre crença, não importa em que alguma pessoa acredite. E todas, sem exceção, sempre dirão que aquilo em que acreditam cegamente veio de fontes que "tem um nome a zelar", seja uma igreja, instituição ou outra fonte qualquer.

Como já havia escrito antes, não acredito nem no vídeo do YouTube e tampouco na reportagem da NG. Ambos são igualmente refutáveis ou não dependendo do ponto de vista do observador. E por esta razão pretendo ir para ver ao vivo, que é a única atitude objetiva que existe.

Fora isto, temos apenas crentes de todos os matizes, tentando vender as suas crenças ou achismos. O que seria hilário se não fosse triste.

Título: Re: João de Deus
Enviado por: Shinigami-Ateu em 24 de Janeiro de 2008, 16:43:33

Como já havia escrito antes, não acredito nem no vídeo do YouTube e tampouco na reportagem da NG. Ambos são igualmente refutáveis ou não dependendo do ponto de vista do observador. E por esta razão pretendo ir para ver ao vivo, que é a única atitude objetiva que existe.

Você é médico?
Para poder analisar o que o "Médicun" está fazendo, você tem que ter um certo conhecimento sobre o assunto.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Shinigami-Ateu em 24 de Janeiro de 2008, 16:50:45
No meu humilde ponto de vista, penso que essas intervenções cirúrgicas místicas, não passam de pura charlatanice, as pessoas que lá estão são sugestionáveis, querem ser curadas, quero ver esse João de Deus fazer remover um tumor maligno de um cérebro de um paciente.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: FxF em 24 de Janeiro de 2008, 19:32:49
A National Geographic é uma emissora grande demais para fazer brincadeirinhas com assunto sério. Ela tem um nome a zelar. Ao passo que no YouTube qualquer um pode lançar vídeos lá sem absolutamente nenhum compromisso com a verdade. Diferente da NG.
Esta é exatamente a definição de crença. Alguns acreditam que o que lhes diz a Santa Madre Igreja só pode estar certo e acima de qualquer discussão ou duvida. Outros o fazem baseados na opinião de seu Bispo ou de algum trecho que leram na Bíblia. Outros mais, por orientação de seus mentores e mestres espirituais nos quais confiam cegamente. Há alguns que jamais suspeitariam de que Bush e sua tropa estivessem contando estórias para invadir o Iraque, afinal é o Presidente dos USA. E finalmente há os que acreditam que há instituições que tem um nome a zelar e acreditam cegamente em tudo o que estas instituições fazem.

Crença é sempre crença, não importa em que alguma pessoa acredite. E todas, sem exceção, sempre dirão que aquilo em que acreditam cegamente veio de fontes que "tem um nome a zelar", seja uma igreja, instituição ou outra fonte qualquer.

Como já havia escrito antes, não acredito nem no vídeo do YouTube e tampouco na reportagem da NG. Ambos são igualmente refutáveis ou não dependendo do ponto de vista do observador. E por esta razão pretendo ir para ver ao vivo, que é a única atitude objetiva que existe.

Fora isto, temos apenas crentes de todos os matizes, tentando vender as suas crenças ou achismos. O que seria hilário se não fosse triste.
Em resumo: conspiração da National Geographic!!

Você é médico por um acaso? Você se presou a pesquisar o que podia estar acontecendo ao menos?

Você chegou alguma vez a pesquisar o que eu disse, sobre as córneas dos olhos não possuírem receptáculos nervosos?
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Dê Jota em 28 de Janeiro de 2008, 10:36:33
O único crente aqui é você, Zé Ninguém. Crente de que só você é capaz de fazer um julgamento imparcial de fatos e/ou especulações. Muito presunçoso, se quer saber.
E só pra deixar claro, eu não acredito cegamente em tudo que passa na NG ou em qualquer outra emissora. Mas a partir do momento que você afirma que a NG e o YouTube são fontes igualmente refutáveis, pra mim você mostrou quem tem um senso de justiça bastante deturpado aqui.

Até aqui não vi ninguém cegamente crente em algo, vi apenas quationadores duvidando de algo fisicamente impossível e, até que se prove o contrário, eu também duvidarei.

Agora vê se desce desse "altar dos justos e imparciais" onde você julga estar sozinho, apenas apontando os "cegos" que acreditam em determinada fonte (mesmo que esta já tenha provado por várias vezes a sua seriedade).
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Sklogw em 29 de Janeiro de 2008, 18:04:32
Tá fácil. Arrumem um céptico (serve um pseudo-céptico, também) doente e levem até lá.

Se ele sair curado...

Isso ja foi feito, e esta num recente artigo da Skeptical Inquirer, a URL e http://csicop.org/si/2007-05/nickell.html
A conclusao do artigo e que e Joao de Deus e um embuste:

´´ Often, at healing services like those of John of God in Brazil, pilgrims’ emotions may trigger the release of endorphins, brain-produced substances that reduce sensitivity to pain. They may thus believe and act as if they have been miraculously healed—even throwing away their crutches—whereas later investigation reveals their situation to be as bad, or worse, than before. However, I did note that, at the Atlanta John of God event, those who came with walkers, crutches, and wheelchairs left with them. Sadly, the entities had not taken away their afflictions, only their money.´´
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Lucas Eduardo em 28 de Agosto de 2009, 19:44:16
alguma novidade do assunto?

Em partes eu concordo com o Zé. Afirmar sem provas é complicado.

"pilgrims’ emotions may trigger the release of endorphins, brain-produced substances that reduce sensitivity to pain"

não sou médico, mas tenho quase certeza que evento algum, a não ser patológico, aumentará a endorfina a ponto de suportar a dor de um corte de bisturí

o que me deixa mais impressionado, é não haver um estudo do CFM para explicar/desmarcarar/confirmar

alguém foi ver?

no mais, continuo sem resposta concreta
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Darkside em 28 de Agosto de 2009, 19:55:42
Infelizmente, ele continua viajando por aí fazendo seus curandeirismos, atraindo pessoas inocentes, humildes e desiludidas com a medicina "oficial".

Só pela existência de dúvidas em relação às consequencias, ele devia ser impedido de fazer tais coisas.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Lua em 28 de Agosto de 2009, 22:05:03

O site da figura: http://www.joaodedeus.com.br/?gclid=CI3Gu__Ux5wCFQtN5QoddRDBIw

Ao que parece, ele é curandeiro. Ou seja, pratica crime...

Curandeirismo
Art. 284 - Exercer o curandeirismo:
I - prescrevendo, ministrando ou aplicando, habitualmente, qualquer substância;
II - usando gestos, palavras ou qualquer outro meio;
III - fazendo diagnósticos:
Pena - detenção, de seis meses a dois anos.
Parágrafo único - Se o crime é praticado mediante remuneração, o agente fica também sujeito à multa.


Resta alguém denunciar ao MP e cobrar providências nesse sentido. No entanto, parece que o artigo tem pouca ou nenhuma aplicabilidade no país. Salvo quando algum paciente vira vítima, o que faz com que a polícia e o MP atuem de ofício. O que existe de curandeiros por aí não é brincadeira... Na Bahia então... É mãe não sei quem de oxóssi, pai preto das galinhas, filha branca de iemanjá... :hihi:
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Darkside em 29 de Agosto de 2009, 00:32:29

O site da figura: http://www.joaodedeus.com.br/?gclid=CI3Gu__Ux5wCFQtN5QoddRDBIw

Ao que parece, ele é curandeiro. Ou seja, pratica crime...

Curandeirismo
Art. 284 - Exercer o curandeirismo:
I - prescrevendo, ministrando ou aplicando, habitualmente, qualquer substância;
II - usando gestos, palavras ou qualquer outro meio;
III - fazendo diagnósticos:
Pena - detenção, de seis meses a dois anos.
Parágrafo único - Se o crime é praticado mediante remuneração, o agente fica também sujeito à multa.

Não sabia que existia uma lei sobre isso.

Sendo assim, os tratamentos homeopáticos não poderiam ser considerados crimes?  ::)
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Barata Tenno em 29 de Agosto de 2009, 05:10:30

O site da figura: http://www.joaodedeus.com.br/?gclid=CI3Gu__Ux5wCFQtN5QoddRDBIw

Ao que parece, ele é curandeiro. Ou seja, pratica crime...

Curandeirismo
Art. 284 - Exercer o curandeirismo:
I - prescrevendo, ministrando ou aplicando, habitualmente, qualquer substância;
II - usando gestos, palavras ou qualquer outro meio;
III - fazendo diagnósticos:
Pena - detenção, de seis meses a dois anos.
Parágrafo único - Se o crime é praticado mediante remuneração, o agente fica também sujeito à multa.

Não sabia que existia uma lei sobre isso.

Sendo assim, os tratamentos homeopáticos não poderiam ser considerados crimes?  ::)

Não, no Brasil a homeopatia é pratica médica reconhecida.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Luiz Souto em 29 de Agosto de 2009, 19:39:47

O site da figura: http://www.joaodedeus.com.br/?gclid=CI3Gu__Ux5wCFQtN5QoddRDBIw

Ao que parece, ele é curandeiro. Ou seja, pratica crime...

Curandeirismo
Art. 284 - Exercer o curandeirismo:
I - prescrevendo, ministrando ou aplicando, habitualmente, qualquer substância;
II - usando gestos, palavras ou qualquer outro meio;
III - fazendo diagnósticos:
Pena - detenção, de seis meses a dois anos.
Parágrafo único - Se o crime é praticado mediante remuneração, o agente fica também sujeito à multa.

Não sabia que existia uma lei sobre isso.

Sendo assim, os tratamentos homeopáticos não poderiam ser considerados crimes?  ::)

Não, no Brasil a homeopatia é pratica médica reconhecida.

E prescrever remédio homeopáticos sem ser médico ( como já vi em centros espíritas) é exercício ilegal da medicina. No caso em questão o prescrevedor era o suposto espírito de um médico desencarnado...  ::)

Mas o que falta realmente é uma maior disposição de realizar a denúncia aos orgãos competentes destes charlatães.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Darkside em 29 de Agosto de 2009, 20:18:11

O site da figura: http://www.joaodedeus.com.br/?gclid=CI3Gu__Ux5wCFQtN5QoddRDBIw

Ao que parece, ele é curandeiro. Ou seja, pratica crime...

Curandeirismo
Art. 284 - Exercer o curandeirismo:
I - prescrevendo, ministrando ou aplicando, habitualmente, qualquer substância;
II - usando gestos, palavras ou qualquer outro meio;
III - fazendo diagnósticos:
Pena - detenção, de seis meses a dois anos.
Parágrafo único - Se o crime é praticado mediante remuneração, o agente fica também sujeito à multa.

Não sabia que existia uma lei sobre isso.

Sendo assim, os tratamentos homeopáticos não poderiam ser considerados crimes?  ::)

Não, no Brasil a homeopatia é pratica médica reconhecida.

E prescrever remédio homeopáticos sem ser médico ( como já vi em centros espíritas) é exercício ilegal da medicina. No caso em questão o prescrevedor era o suposto espírito de um médico desencarnado...  ::)

Ah bom. Com certeza deve existir um Conselho Espiritual de Medicina para averiguar qualquer irregularidade no exercício da profissão de médicos desencarnados, não há nada a temer.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Hold the Door em 29 de Agosto de 2009, 20:56:17
alguma novidade do assunto?

Em partes eu concordo com o Zé. Afirmar sem provas é complicado.
Quem afirmou primeiro foi o João de Deus. A ele cabe o ônus da prova, lembrando sempre que "alegações extraordinárias exigem evidências extraordinárias".

Na falta de qualquer evidência séria a favor e o fracasso nos testes a que foi submetido por céticos, preferimos aplicar a navalha de Ockham e ficar com a explicação mais simples. Quando e se aparecerem evidências realmente sérias, além das anedóticas, reavaliaremos nossa posição a respeito.

"pilgrims’ emotions may trigger the release of endorphins, brain-produced substances that reduce sensitivity to pain"

não sou médico, mas tenho quase certeza que evento algum, a não ser patológico, aumentará a endorfina a ponto de suportar a dor de um corte de bisturí
O poder da sugestão é muito grande, especialmente em situações altamente emocionais em indivíduos fragilizados pela doença. Além disso, ele tem o cuidado de só "cortar" em áreas de pouca ou nenhuma sensibilidade dolorosa.

o que me deixa mais impressionado, é não haver um estudo do CFM para explicar/desmarcarar/confirmar
Eu ficaria impressionado se houvesse. Essa não é a função, especialidade ou propósito do CFM. Casos como esse tem que ser explicados por ilusionistas profissionais, que sacam de primeira os truques utilizados, não por médicos ou cientistas, que embora especialistas em ciência de verdade, são tão leigos em ilusionismo como qualquer outra pessoa.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Thufir Hawat em 30 de Agosto de 2009, 22:08:24
não sou médico, mas tenho quase certeza que evento algum, a não ser patológico, aumentará a endorfina a ponto de suportar a dor de um corte de bisturí
Eu, nesse mesmo tópico, há mais de dois anos:
Mas quem garante que há cortes de fato? O próprio depoimento da operada me faz lembrar Pen & Teller fazendo "cirurgias mediúnicas" usando um dedo falso cheio de miúdos de galinha ensanguentados e uma esponja molhada.
E passados esses dois anos já vi o James Randi, Cris Angel, e outros fazerem a mesma coisa. Sem cortes, sem dor. Eles só dão a impressão de cortar.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Lucas Eduardo em 02 de Setembro de 2009, 18:06:34
Citar
Quem afirmou primeiro foi o João de Deus. A ele cabe o ônus da prova, lembrando sempre que "alegações extraordinárias exigem evidências extraordinárias".

Na falta de qualquer evidência séria a favor e o fracasso nos testes a que foi submetido por céticos, preferimos aplicar a navalha de Ockham e ficar com a explicação mais simples. Quando e se aparecerem evidências realmente sérias, além das anedóticas, reavaliaremos nossa posição a respeito.

Sim sim, concordo. Mas entendo que se tu AFIRMA que é mentira, logo tu estaria se baseando em evidências.

É como na escala de Dawkins...eu tenho QUASE certeza que deuses não existem...

Citar
O poder da sugestão é muito grande, especialmente em situações altamente emocionais em indivíduos fragilizados pela doença. Além disso, ele tem o cuidado de só "cortar" em áreas de pouca ou nenhuma sensibilidade dolorosa.

em videos que vi, ele cortava punho, antebraço, mama...todas essas áreas são bastante sensíveis, inclusive com uma camada mais fina de queratina.

EU, não consigo conceber que uma pessoa, até entrar no estabelecimento, tenha sintomas comuns, e na hora simplesmente não tenha dor.

Imagino que os casos em que as pessoas têm dor, não seja divulgado.

Citar
Eu ficaria impressionado se houvesse. Essa não é a função, especialidade ou propósito do CFM. Casos como esse tem que ser explicados por ilusionistas profissionais, que sacam de primeira os truques utilizados, não por médicos ou cientistas, que embora especialistas em ciência de verdade, são tão leigos em ilusionismo como qualquer outra pessoa.

Penso que o CFM deveria estar MUITO ligado nesse caso, pois trata-se de saúde pública. Já pensou que se um açougueiro começa a aleijar pessoas numa cidadela, elas vão parar em hospitáis, gastando recursos desnecessários.

Seria medo de "cutucar" a crença popular?
Título: Re: João de Deus
Enviado por: André T. em 02 de Setembro de 2009, 20:32:21
Citar
Sim sim, concordo. Mas entendo que se tu AFIRMA que é mentira, logo tu estaria se baseando em evidências.

Não é a mesma coisa. Aqui cabe a história do papai noel. Você tem certeza que ele não existe? Eu tenho, apesar de haver uma ínfima possibilidade dele existir. Para fins práticos, eu acho que nesses casos é válido afirmar que sim, ele está mentindo a não ser que apresente evidências e mais evidências.

(No caso de Deus eu vejo um pouco diferente, mas aí é mais uma questão pessoal do que qualquer outra coisa)
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Contini em 02 de Setembro de 2009, 22:28:57
Acho engraçado essa estoria na qual o crente se agarra...
Um cético diz: Não dá para afirmar com absoluta certeza que inexiste algo que poderia ser chamado de deus, colocando numeros (figurativos) a chance dele existir é 0,0001%.
O crente vê aí a prova de que ele existe, ele está nesse 0,0001%.

Bom, contando outra história, na 2ª Guerra um piloto saltou de seu avião para escapar de um incendio (morrer na queda é melhor que queimado) mas ele sobreviveu! A chance disso acontecer é de 0,0001% (figurativamente), então voce vai contar com isso?
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Lucas Eduardo em 03 de Setembro de 2009, 17:21:46
Citar
Sim sim, concordo. Mas entendo que se tu AFIRMA que é mentira, logo tu estaria se baseando em evidências.

Não é a mesma coisa. Aqui cabe a história do papai noel. Você tem certeza que ele não existe? Eu tenho, apesar de haver uma ínfima possibilidade dele existir. Para fins práticos, eu acho que nesses casos é válido afirmar que sim, ele está mentindo a não ser que apresente evidências e mais evidências.

(No caso de Deus eu vejo um pouco diferente, mas aí é mais uma questão pessoal do que qualquer outra coisa)

Papai noel não foi filmado, fotografado, não teve milhares de pessoas que o viram entregado presentes...
Esse caso do João de deus é diferente de qualquer conto de fadas, pois ele existe, e qualquer um pode ir lá e verificar. Nem deus, papai noel ou qualquer outro podem ter essa opção.

Eu também penso que aquilo ali se trata de engodo, de alguma maneira. Mas não afirmo com convicção, pois não tenho onde me basear para refutar tais "fatos".


Título: Re: João de Deus
Enviado por: André T. em 03 de Setembro de 2009, 17:25:43
Lucas,

João de Deus não é o Papai Noel. O Papai noel são 'operações mediúnicas que realmente funcionam'.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Hold the Door em 04 de Setembro de 2009, 01:41:25
Citar
Eu ficaria impressionado se houvesse. Essa não é a função, especialidade ou propósito do CFM. Casos como esse tem que ser explicados por ilusionistas profissionais, que sacam de primeira os truques utilizados, não por médicos ou cientistas, que embora especialistas em ciência de verdade, são tão leigos em ilusionismo como qualquer outra pessoa.

Penso que o CFM deveria estar MUITO ligado nesse caso, pois trata-se de saúde pública. Já pensou que se um açougueiro começa a aleijar pessoas numa cidadela, elas vão parar em hospitáis, gastando recursos desnecessários.

Seria medo de "cutucar" a crença popular?
Isso é da alçada do Ministério Público, não do CFM. E independe de qualquer estudo para explicar/desmarcarar/confirmar o João de Deus, é exercício ilegal de medicina de qualquer forma.
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Peccatum em 06 de Setembro de 2009, 14:16:40
Imagino que os casos em que as pessoas têm dor, não seja divulgado.
O forista Morbius postou um artigo há uns 2 anos atrás neste tópico, se você der uma lida irá encontrar:

"Não foi identificado nenhum procedimento anestésico, mas dos seis pacientes examinados, apenas um se queixou de dor e todos afirmaram estarem lúcidos durante a cirurgia".

Poderia ser um caso em que a sugestão não tenha sido efetiva?

Além disso encontramos:

"Não foi possível fazer o meticuloso acompanhamento pós-operatório, mas em quatro relatos obtidos seis meses após a cirurgia, dois demonstraram significativa melhora, e dois que apresentavam hemorragia retiniana e sinusite crônica afirmaram não ter obtido benefício algum".

Em resumo, foram pesquisados 6 pacientes,  mas apenas 4 foram revisitados 6 meses após o tal ato cirurgico, sendo que dos quatro 2 melhoraram e 2 não apresentaram melhora alguma. Enfim, o trabalho não têm relevância estatística, e não foi avaliado a possibilidade de ocorrer efeito placebo (embora haja uma discussão a respeito disso). Uma outra questão é que aparentemente os pacientes não interromperam o tratamento convencional:

Esse tipo de "terapia", em nosso país, não se opõe à medicina científica, mas procura funcionar de modo complementar32, o que também foi observado neste estudo.

O que torna mais dificil ainda concluir qualquer coisa a respeito.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Dr. Manhattan em 30 de Junho de 2013, 15:23:51
Olha só:

Citar
Lula e o médium

por Ilimar Franco

Ilimar Franco, O Globo

O ex-presidente Lula tem recorrido a recursos não convencionais para cuidar de sua saúde. Ele tem feito consultas com o médium João de Deus, que recebe doentes do mundo inteiro, na cidade de Abadiânia (GO).

Com o aval de seus médicos, Lula já esteve, pelo menos, duas vezes com João de Deus. Para ministrar “tratamento espiritual” a Lula, o médium fez viagens até São Paulo.

Independentemente da evolução e do diagnóstico atual do câncer do ex-presidente Lula, segundo um amigo, ele tem recorrido ao médium. Um secretário estadual confidenciou o fato a amigos.

Um profissional liberal, que conhece os fatos, conta que João de Deus, conhecido no exterior por seus “tratamentos espirituais” e “cirurgias mediúnicas”, atendeu também o vice José Alencar.

O petista acrescenta que outros políticos recorreram recentemente ao médium. O profissional cita, ainda, o caso da recuperação do familiar de um importante integrante do gabinete da presidente Dilma. João de Deus tem na sua lista de pacientes o ex-presidente Bill Clinton.

fonte: http://oglobo.globo.com/pais/noblat/posts/2013/06/30/lula-o-medium-por-ilimar-franco-501721.asp

Bem, se funcionou pro José Alencar, deverá funcionar pro Lula. :)
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Geotecton em 30 de Junho de 2013, 15:59:14
O encontro de charlatões...  :P
Título: Re:João de Deus
Enviado por: FZapp em 08 de Julho de 2013, 13:20:38
Não sei se o João de Deus vai curar o Lula, mas com certeza agora vota no PT ! :twisted:
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Feliperj em 09 de Julho de 2013, 12:21:34
Acho engraçado essa estoria na qual o crente se agarra...
Um cético diz: Não dá para afirmar com absoluta certeza que inexiste algo que poderia ser chamado de deus, colocando numeros (figurativos) a chance dele existir é 0,0001%.
O crente vê aí a prova de que ele existe, ele está nesse 0,0001%.

Bom, contando outra história, na 2ª Guerra um piloto saltou de seu avião para escapar de um incendio (morrer na queda é melhor que queimado) mas ele sobreviveu! A chance disso acontecer é de 0,0001% (figurativamente), então voce vai contar com isso?

Só se o cético souber MATEMÁGICA!!!! De onde se tirou que a probabilidade de o universo ter um criador é 0,0001 %?!?!

Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gigaview em 09 de Julho de 2013, 17:00:22
O Contini só quiz dizer que existe uma probabilidade mínima dele ir arder no inferno.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Tupac em 13 de Julho de 2013, 17:30:33
Acho engraçado essa estoria na qual o crente se agarra...
Um cético diz: Não dá para afirmar com absoluta certeza que inexiste algo que poderia ser chamado de deus, colocando numeros (figurativos) a chance dele existir é 0,0001%.
O crente vê aí a prova de que ele existe, ele está nesse 0,0001%.

Bom, contando outra história, na 2ª Guerra um piloto saltou de seu avião para escapar de um incendio (morrer na queda é melhor que queimado) mas ele sobreviveu! A chance disso acontecer é de 0,0001% (figurativamente), então voce vai contar com isso?

Só se o cético souber MATEMÁGICA!!!! De onde se tirou que a probabilidade de o universo ter um criador é 0,0001 %?!?!


Cara, qual a parte do "figurativo" que não ficou explicita no comentário?
hauhauhauha...
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Geotecton em 13 de Julho de 2013, 21:42:46
Acho engraçado essa estoria na qual o crente se agarra...
Um cético diz: Não dá para afirmar com absoluta certeza que inexiste algo que poderia ser chamado de deus, colocando numeros (figurativos) a chance dele existir é 0,0001%.
O crente vê aí a prova de que ele existe, ele está nesse 0,0001%.

Bom, contando outra história, na 2ª Guerra um piloto saltou de seu avião para escapar de um incendio (morrer na queda é melhor que queimado) mas ele sobreviveu! A chance disso acontecer é de 0,0001% (figurativamente), então voce vai contar com isso?

Só se o cético souber MATEMÁGICA!!!! De onde se tirou que a probabilidade de o universo ter um criador é 0,0001 %?!?!

Ninguém mais consegue perceber uma analogia irônica?
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gigaview em 05 de Julho de 2016, 01:40:00
Curioso ver um médium de cura rejeitar um tratamento espiritual. Por que será?????????

É lógico que as mentes espiritóides vão explicar tudo...


Citar
(https://abrilveja.files.wordpress.com/2016/07/capa380.jpg?quality=70&strip=all)

Tem uma coisa beliscando na minha barriga. Talvez seja ruim. Quero aquele negócio que entra pela boca e vai rasgando até lá embaixo pra ver o que é esse trem.” Foi assim que João Teixeira de Faria, o João de Deus, de 74 anos, o mais celebrado médium brasileiro, pediu a seu médico de longa data, o cardiologista Roberto Kalil, para ser examinado. Com essas expressões de simplicidade franciscana e simpaticamente caipiras, ele se referia à endoscopia, exame de imagem pelo qual é possível rastrear doenças no aparelho digestivo. A demanda de João de Deus a Kalil foi feita em um momento inusitado: na festa de casamento do cardiologista com a endocrinologista Claudia Cozer Kalil, na hora dos cumprimentos aos noivos. Era 9 de maio de 2015. Poucos dias depois, a endoscopia associada a uma biópsia revelou o diagnóstico dramático da coisa que beliscava na barriga, um câncer agressivo no estômago. Tecnicamente, adenocarcinoma gástrico, de 6 centímetros, localizado no antro, porção logo abaixo da metade do órgão. O tumor maligno foi extraído numa cirurgia de dez horas, em agosto de 2015, pelo cirurgião Raul Cutait, no Hospital Sírio-­Libanês, em São Paulo. Delicada e complexa, a operação extirpou metade do estômago.

Discreto e indiferente à fama, que ganhou uma audiência mundial desde que apareceu em reportagem da apresentadora americana Oprah Winfrey, em 2012, João de Deus só revelou que tinha câncer a familiares e pessoas de extrema confiança.

Nas raras vezes em que mencionou a doença nas sessões com os peregrinos que o procuraram em Abadiânia, no interior de Goiás, contornava a gravidade da situação. Uma hérnia no estômago, dizia-se. Seu calvário durou um ano, entre o diagnóstico e a superação do câncer. Eu o conheci numa de suas sessões de quimioterapia. Foi em 6 de dezembro do ano passado. Às 15 horas, entrei no quarto em que ele estava internado, no número 964, no Sírio-Libanês. O médium estava sentado na cama, com um copo de café com leite nas mãos. Ao tomar o primeiro gole, sorriu: “Quero um leite de verdade, como o da minha terra”. Atenderam ao seu pedido. Trocaram então o leite em pó pelo de caixinha, mais denso. A certa altura, ele pediu que eu me aproximasse, apertou minha mão fortemente e perguntou: “Você sabe cozinhar, minha irmã?”. A negativa não lhe bastou.

Disse que era fundamental eu aprender o ofício e lembrou de um de seus pratos prediletos, o galopé, receita caipira à base de pé de porco e galinha. “O segredo é usar galinha velha”, recomendou. A quimioterapia durou cinco meses, sempre em clima de completa discrição. João de Deus usou dois medicamentos. A capecitabina, tomada em pílulas em ciclos de catorze dias, e a cisplatina, administrada em oito sessões com intervalos de 21 dias. A combinação provoca efeitos colaterais severos. O médium teve enjoos, perda de apetite, anemia e cansaço. Em duas sessões de cisplatina, chegou a sofrer queda de plaquetas, como são chamadas as células sanguíneas envolvidas nos processos de coagulação e cicatrização do organismo. Precisou receber transfusão de sangue. Ele, que chegou a pesar 130 quilos, distribuídos em 1,80 metro, perdeu 30 quilos durante o tratamento. Hoje, continua magro, mas já recuperou 5 quilos. Estive em outras duas sessões de quimioterapia. Um pouco mais debilitado, João de Deus mantinha o ânimo de quem sabia ser necessário passar por todo o processo. Quieto, mais quieto que o normal, acatava as orientações médicas com humildade. Para um médium que atende cerca de 1 000 pessoas diariamente, fragilizadas, em busca de ajuda, de alento espiritual e mesmo cura, é curiosa a decisão de recorrer à medicina convencional.

Perguntei-lhe por que se socorreu da ciência em vez de procurar alguém como ele próprio, que incorpore outros médicos. Em resposta, fez uma indagação: “O barbeiro corta o próprio cabelo?”. Durante todo o tratamento, João de Deus nunca reclamou nem perdeu as forças. Reagiu sempre de modo positivo e com disposição para se submeter a todas as intervenções médicas.


Como paciente, era um paciente comum. Por duas vezes viajou de carro de Goiás a São Paulo. Só voava por insistência dos amigos. Nunca quis dormir no hospital. Teve de abrir uma exceção, por determinação médica, quando sofreu uma perda de plaquetas e precisou receber cuidados extras. Para não deixar de trabalhar um só dia, quis que as sessões fossem feitas sempre aos domingos. Ia e voltava para casa rapidamente, embora passasse algumas noites hospedado em um hotel paulistano. A última sessão de quimioterapia ocorreu em 28 de fevereiro. Em maio passado, um ano depois do pedido de exame feito na festa de casamento, João de Deus soube que os sinais do câncer em seu organismo haviam desaparecido. Teve alta. “Seu João é um exemplo de como é fundamental um médico ouvir o paciente”, diz Roberto Kalil. Há três anos, durante um check-up rotineiro de João de Deus, Kalil identificou uma obstrução nos vasos do coração. O médium, que é hipertenso, recebeu então três stents nas artérias. Já tinha naquela época outros três, colocados em 2000. Como aconteceu com o câncer, João de Deus também não divulgou seu problema cardíaco. A reserva com que trata a própria saúde, a ponto de manter em sigilo um tratamento de meses para debelar um câncer agressivo, não é nenhuma tática marota de parecer infalível aos olhos dos peregrinos que vão a Abadiânia. João de Deus simplesmente quase não fala de si mesmo. E, aos que o procuram em decorrência de problemas de saúde, sistematicamente recomenda que consultem um médico.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Alquimista em 05 de Julho de 2016, 01:47:38
É como dizem, ''a mentira tem pernas curtas''.  Todo charlatão é igual. Quando a doença (real) vem, eles buscam a Ciência e rejeitam os espíritos. É nessas horas que a gente vê.  Patético...   
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Brienne of Tarth em 05 de Julho de 2016, 10:50:31
Curioso mas previsível...

Ainda que o barbeiro não corte o próprio cabelo, há médicos que se auto operam...

http://www.bbc.com/portuguese/noticias/2015/06/150602_russo_apendicite_mv (http://www.bbc.com/portuguese/noticias/2015/06/150602_russo_apendicite_mv)

"saída pela direita, piscando o olho e dando tchauzinho..."

(http://www.infantv.com.br/leao.jpg)
Título: Re:João de Deus
Enviado por: homemcinza em 05 de Julho de 2016, 11:34:21
É como dizem, ''a mentira tem pernas curtas''.  Todo charlatão é igual. Quando a doença (real) vem, eles buscam a Ciência e rejeitam os espíritos. É nessas horas que a gente vê.  Patético...   

è interessante como issofaz um paralelo com aquele argumento de que "num avião em queda não existe ateu".

Para os religiosos quando a doença de verdade vem eles tem de recorrer a ciencia maligna.


Citar
“O barbeiro corta o próprio cabelo?”.

Poderia ter desmontado este argumento dizendo que então ele deveria procurar um outro medium. Mas não foi atras de uma cura real.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Pasteur em 05 de Julho de 2016, 14:07:08
Curioso mas previsível...

Ainda que o barbeiro não corte o próprio cabelo, há médicos que se auto operam...

http://www.bbc.com/portuguese/noticias/2015/06/150602_russo_apendicite_mv (http://www.bbc.com/portuguese/noticias/2015/06/150602_russo_apendicite_mv)

Inspiradora a história desse médico russo!
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Alquimista em 05 de Julho de 2016, 14:20:59
Essas frases ''espirituosas'' do tipo “O barbeiro corta o próprio cabelo?” são típicas dos charlatões carismáticos. Chico Xavier era uma mestre nelas e para tudo tinha uma respostinha de efeito na ponta da língua. Servem para iludir e confundir o espectador e a imprensa adora elas.

Mas...

O chefe de cozinha não pode fazer a própria comida? O marceneiro não pode consertar os próprios móveis? A doméstica nunca limpa a própria casa? O veterinário é proibido de tratar seu animal de estimação? O professor de matemática não pode ensinar também o seu filho em casa? 
Certamente o motorista profissional contrata outro motorista para levar sua família para dar um passeio no parque aos domingos...  hahahahahahahahaha   
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Alquimista em 05 de Julho de 2016, 16:54:55
Citar
“O barbeiro corta o próprio cabelo?”.

Poderia ter desmontado este argumento dizendo que então ele deveria procurar um outro medium.

Bom argumento.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Onsigbare em 05 de Julho de 2016, 17:15:41
Eu sou do tempo da terra plana, então doença é tudo feitiçaria, logo... :hihi:
Título: Re: João de Deus
Enviado por: Alquimista em 25 de Novembro de 2016, 18:21:28
Infelizmente, meu caro, eu sinto lhe dizer, esse cara foi desmascarado faz tempo pelo "Verdade ou Mito" do National Geographic.

Aqui está as cirurgias que ele faz:
- Raspar as córneas dos olhos;
- Enfiar uma tesoura no fundo do nariz das pessoas;

hahahahahahahahahaha... Só você mesmo conseguiu ver esse programa então... 


Citar
Mas o Verdade ou Mito já o desmascarou: Não há receptáculos nervosos nas córneas dos olhos.

Não há??????????  Como assim????!!!!!!!!!


Citar
Na verdade, as fossas nazais são bem grandes e fim em um ângulo diferente (e aliás o cara que disse como era feito também o fez, mas disse para não tentarmos repetir em casa).

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK...  Certamente as fossas ''naZais'' também não tem terminações nervosas!!!


Citar
Talvez eu consigo baixar esse documentário, e upo de presente na Internet para você, Zé Ninguém.

É uma pena que não upou e (Zé) ninguém viu isso, poxa! Mas a sua FÉ é admirável!!! Ela é tão grande que você chega ao ponto de pretender milagres maiores ainda que os dos próprios ''milagreiros''.  HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA... 
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gigaview em 07 de Dezembro de 2018, 18:11:55
Mais um "médium" no esgoto.

Pedro Bial revela acusações de abuso sexual envolvendo João de Deus

O "Conversa com Bial" desta sexta-feira (7) vai apresentar uma grave denúncia contra João de Deus.

"Elas foram em busca de tratamento espiritual, mas se sentiram abusadas sexualmente pelo médium mais famoso do Brasil", anunciou o apresentador, no Instagram do programa.

O médium tem fama internacional e já atendeu várias celebridades brasileiras, como Luciana Gimenez, Xuxa, Marcos Mion, e estrangeiras, entre elas, Oprah Winfrey e Naomi Campbel.

"Fiquei em negação por quatro anos, não contei para ninguém. Agora que eu sei que tantas outras mulheres foram afetadas, vi que valeu a pena vir aqui e contar", disse uma mulher estrangeira, em inglês, ao programa.

"Fiz com muito nojo. Ele dizia: 'Faça isso direito menina. Você não quer as coisas?'", relatou outra vítima.

A chamada divulgada na rede social mostra pelo menos três mulheres diferentes fazendo acusações contra o médium.

O programa vai ao ar depois do "Jornal da Globo".

Líder religioso bastante popular, João de Deus reuniu cerca de 5.000 pessoas em Abadiânia (GO), em agosto passado, para celebrar o aniversário de Dom Inácio de Loyola, espírito incorporado por ele.

Segundo a colunista da "Folha de S.Paulo" Mônica Bergamo, estavam presentes o ministro do STF Luís Roberto Barroso, a atriz Bruna Lombardi e o marido, Carlos Alberto Riccelli, o fotógrafo Mario Testino e o cineasta Candé Salles.

A reportagem do UOL tentou contato com João de Deus, ainda sem sucesso.

https://noticias.bol.uol.com.br/ultimas-noticias/entretenimento/2018/12/07/pedro-bial-revela-casos-de-abuso-sexual-envolvendo-joao-de-deus.htm
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Sergiomgbr em 07 de Dezembro de 2018, 18:40:20
 Espírita incorporando  clérigo católico. Interessante...
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Fenrir em 07 de Dezembro de 2018, 19:31:26
Mais um pro rol de religiosos abusadores, nada de novo sob o sol.
Deem uma olhada nesse livro, caso interesse:

Stripping the Gurus: Sex, Violence, Abuse and Enlightenment
by Geoffrey D. Falk
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gigaview em 07 de Dezembro de 2018, 23:43:41
Mais um pro rol de religiosos abusadores, nada de novo sob o sol.
Deem uma olhada nesse livro, caso interesse:

Stripping the Gurus: Sex, Violence, Abuse and Enlightenment
by Geoffrey D. Falk


Esse livro analisa uma lista impressionante de safados (abaixo), mas não está completa. Foram poupados os gurus da Teosofia e das ordens místicas e "secretas", entre eles Aliester Crowley.

Citar
• Ramakrishna, whose worship of the Divine Mother did not exclude comparable ritual veneration for his own penis, or
 an equal interest in fondling the genitals of his male followers

• The brothel-visiting Vivekananda, Ramakrishna’s chief disciple, who first brought yoga to America via the 1893 World’s Fair, and thus paved the way into the West for all following Eastern teachers

• Jiddu Krishnamurti, the Theosophical Society’s eagerly anticipated “World Teacher,” who later broke from that organization, fully repudiating it, and then embarked on a quarter-century affair with a woman whom he believed to be the reincarnation of his late mother

• Japanese Zen masters and scholars, whose support of the use of Zen principles in the training of the Japanese military during times of war, and reported physical abuse of disciples in times of peace, will give us serious pause

• Satchidananda, the “Woodstock Swami,” who repudiated drugs and rock ‘n’ roll, but reportedly retained a fondness for sex with his female disciples

• The Maharishi Mahesh Yogi, famed for his involvement with the Beatles, his alleged failed attempt at seducing Mia Farrow, and his efforts at teaching the “real magic” of levitation to the late magician Doug Henning, among others

• Swami Rama, renowned for his purported demonstration of parapsychological abilities under Elmer and Alyce Green in the 1970s, as another “holy celibate” who apparently couldn’t keep his robes on

• Bhagwan Shree Rajneesh, who reportedly once admitted, while sniffing laughing gas to get high, that he was “so relieved
to not have to pretend to be enlightened any more”

• Satya Sai Baba, whose claimed “miracles” have included raising people from the dead, producing streams of “sacred ash” from his hands—a feat easily replicated by secular magicians—and allegedly molesting hundreds of young boys

• Sri Chinmoy, the “stunt man of the spiritual world,” whose disciples to this day periodically canvass campuses across North America with flyers touting the purported benefits of meditation under his guidance

• Buddhist monks in Thailand, who have been known to proudly exhibit expensive collections of antique cars, and to don disguises, sneak out to local karaoke bars, and be caught with pornography, alcohol, sexual paraphernalia, and more than one woman at a time

• Scientology founder L. Ron Hubbard, whose FBI files contained the observation, “appears mental”

• Werner Erhard, originator of est group training, who brought us the phrase, “Thank you for sharing”

• Yogi Bhajan, the claimed “only living master of white tantric yoga in the world”

• Chögyam Trungpa, who brought Tibetan Buddhism to America, and proceeded to drink himself into an early grave

• Swami Muktananda, whose ashram living quarters in India reportedly contained a well-used secret passageway to the adjacent young girls’ dormitory

• Muktananda’s name-changing disciple Adi Da (Da Free John, Da Love-Ananda, etc.), whose “crazy wisdom” exploits propelled him to exile in Fiji in the mid-’80s, following allegations of sexual abuse

• Andrew Cohen, whose own Jewish mother has regarded his closed authoritarian spiritual community as embodying a “fascist mind-set,” with its members behaving like “Gestapo agents.” (Such closed communities are of homogeneous beliefs, have little exchange of ideas with the outside world, and possess no option of questioning the leader while still remaining a member in good standing. Further, to leave the community is typically claimed to be to throw away one’s only “chance in this lifetime for enlightenment” [van der Braak, 2003].) She has further rejected Cohen’s claims of enlightenment, comparing him instead to the “cult” leaders Jim Jones and David Koresh, and even to Adolf Hitler

• Ken Wilber, the “Einstein of consciousness studies,” who has at times spoken with unbridled enthusiasm for the effects
of discipline under both Adi Da and Cohen. The pandit Wilber and his approved community of thinkers, however, have already exhibited numerous troubling characteristics, unbecoming of any alleged sagely genius

• Yogi Amrit Desai, formerly of the Kripalu yoga center, whose followers there, when news of the claimed sexual activities
between the married Desai and his devotees surfaced, displayed unique discrimination in reportedly forcing
him to leave the center he himself had founded

• Assorted sexually active Roman Catholic priests—pedophile, ephebophile and otherwise

• The Findhorn community in Scotland, which actually functions without a guru-figure, arguably doing more good than harm for exactly that reason

• Paramahansa Yogananda, author of the spiritual classic Autobiography of a Yogi, whose troubled ashrams the present author can speak of from first-hand experience

Recentemente, aqui no Brasil, outro safado foi revelado: Prem Baba - o guru das celebridades que fazia sucesso na Globo.
https://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2018/08/discipulos-acusam-guru-espiritual-prem-baba-de-abusar-de-mulheres.shtml

Título: Re:João de Deus
Enviado por: Fenrir em 08 de Dezembro de 2018, 00:36:47
Esse livro analisa uma lista impressionante de safados (abaixo), mas não está completa. Foram poupados os gurus da Teosofia e das ordens místicas e "secretas", entre eles Aliester Crowley.

Do lado da teosofia temos o C. W. Leadbeater, que foi acusado de ‘initiating’ select pupils into “the mysteries of onanism”.
Se o autor quisesse completeza, daria mais no minimo um volume.

Na verdade se ele quisesse restringir o escopo a ICAR, daria para fazer um enciclopedia inteira do assunto e desconfio que
para isso ele nem precisaria retroceder a época de um Alexandre Bórgia, só os secs XX e XXI bastariam, dado o histórico
de acobertamento sistemático de escândalos sexuais pela ICAR que vem vindo a tona recentemente.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gigaview em 08 de Dezembro de 2018, 08:11:33
Esse livro analisa uma lista impressionante de safados (abaixo), mas não está completa. Foram poupados os gurus da Teosofia e das ordens místicas e "secretas", entre eles Aliester Crowley.

Do lado da teosofia temos o C. W. Leadbeater, que foi acusado de ‘initiating’ select pupils into “the mysteries of onanism”.
Se o autor quisesse completeza, daria mais no minimo um volume.

Na verdade se ele quisesse restringir o escopo a ICAR, daria para fazer um enciclopedia inteira do assunto e desconfio que
para isso ele nem precisaria retroceder a época de um Alexandre Bórgia, só os secs XX e XXI bastariam, dado o histórico
de acobertamento sistemático de escândalos sexuais pela ICAR que vem vindo a tona recentemente.


O autor cita Krishnamurti mas ignora C.W. Leadbeater, o pedófilo que o descobriu na India. Faltou pesquisar um pouco mais.

Título: Re:João de Deus
Enviado por: Fernando Silva em 08 de Dezembro de 2018, 08:36:36
O autor cita Krishnamurti mas ignora C.W. Leadbeater, o pedófilo que o descobriu na India. Faltou pesquisar um pouco mais.
Krishnamurti apenas teve uma amante que ele achava que era a reencarnação de sua mãe. Nada de tão escandaloso. E ele nunca decidiu se tornar um guru: foi criado desde pequeno para assumir a função de novo messias ou coisa parecida e depois se adaptou à situação.

Já Leadbeater praticamente o comprou aos 12 anos de seu pai, na Índia, porque o achou bonito, aproveitando-se da miséria da família.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gigaview em 08 de Dezembro de 2018, 08:45:01
O autor cita Krishnamurti mas ignora C.W. Leadbeater, o pedófilo que o descobriu na India. Faltou pesquisar um pouco mais.
Krishnamurti apenas teve uma amante que ele achava que era a reencarnação de sua mãe. Nada de tão escandaloso. E ele nunca decidiu se tornar um guru: foi criado desde pequeno para assumir a função de novo messias ou coisa parecida e depois se adaptou à situação.

Já Leadbeater praticamente o comprou aos 12 anos de seu pai, na Índia, porque o achou bonito, aproveitando-se da miséria da família.


Sim...mas considerando que Krishnamurti era defensor do celibato...
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Sergiomgbr em 08 de Dezembro de 2018, 11:09:22
Mas gente, por que tentar desacreditar esses senhores só por que se envolvem com questões tabú? Por quê que cura ou outra "operação espiritual" se envolver sexo e hedonismo não pode? Não foi o  Fróidi que disse que tudo é séquisso?
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Fenrir em 08 de Dezembro de 2018, 13:30:40
Mas gente, por que tentar desacreditar esses senhores só por que se envolvem com questões tabú? Por quê que cura ou outra "operação espiritual" se envolver sexo e hedonismo não pode? Não foi o  Fróidi que disse que tudo é séquisso?

Se...

a) O ato não envolver pessoa com idade inferior a idade legal
b) Houver consentimento de todas as partes envolvidas (vai que tem mais de 2)
c) O guru/lider/etc não apoiar hipocritamente alguma doutrina que proiba/restrinja sexo e hedonismo

...para mim esta OK

Infelizmente não é o que acontece

Título: Re:João de Deus
Enviado por: Pasteur em 08 de Dezembro de 2018, 13:51:55
O Serginho está ironizando...
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Sergiomgbr em 08 de Dezembro de 2018, 14:26:26
Sim, estou, mas também não. Na verdade, estou gatodeschrodingerando...
Título: Re:João de Deus
Enviado por: JungF em 08 de Dezembro de 2018, 20:23:52
Há poucos dias num dos grandes aeroportos do Brasil, não guardei o nome, um norueguês, meia idade e boa aparência agarrou uma senhorita, em público, e isso saiu nos jornais. O homem disse que "não consegui me controlar". kkkkk
Sempre se viu na história e nas crônicas fatos relacionados a abusos e assédios cometidos por pessoas cujos cargos ou  notoriedade nos fazem desacreditar, em princípio.
Além de pais e avós que abusam de filhos e netos, desde tenra idade, arriscando serem descobertos até pelo cônjuge.
Homens que se encostam em mulheres, na condução, arriscando a escândalos; outros que colecionam fotos e vídeos de crianças, e as vezes são acusados mesmo pela esposa...

Conclusão: o sexo é das forças mais violentas e incontroláveis do ser humano, a exigir muita disciplina e o culto de valores outros que possam a ele se sobreporem.
Freud tinha razão: apenas aquele não era o único motivo dos desvarios sob sua análise, mas sim, era dos principais.

Nós todos, com raras exceções, temos nossos desvios nesta área, e a muito custo conseguimos sobrenadar a instintos e impulsos... Aqueles outros, apenas não conseguem.

Título: Re:João de Deus
Enviado por: Fenrir em 09 de Dezembro de 2018, 20:45:43
Há poucos dias num dos grandes aeroportos do Brasil, não guardei o nome, um norueguês, meia idade e boa aparência agarrou uma senhorita, em público, e isso saiu nos jornais. O homem disse que "não consegui me controlar". kkkkk
Sempre se viu na história e nas crônicas fatos relacionados a abusos e assédios cometidos por pessoas cujos cargos ou  notoriedade nos fazem desacreditar, em princípio.
Além de pais e avós que abusam de filhos e netos, desde tenra idade, arriscando serem descobertos até pelo cônjuge.
Homens que se encostam em mulheres, na condução, arriscando a escândalos; outros que colecionam fotos e vídeos de crianças, e as vezes são acusados mesmo pela esposa...

Conclusão: o sexo é das forças mais violentas e incontroláveis do ser humano, a exigir muita disciplina e o culto de valores outros que possam a ele se sobreporem.
Freud tinha razão: apenas aquele não era o único motivo dos desvarios sob sua análise, mas sim, era dos principais.

Nós todos, com raras exceções, temos nossos desvios nesta área, e a muito custo conseguimos sobrenadar a instintos e impulsos... Aqueles outros, apenas não conseguem.

Pois então? e sendo o que dizem ser, elevados espiritualmente, "do bem" e tal e coisa, o que seria se se esperar deles?
Eu esperaria no mínimo que fossem competentes em controlar seus instintos e impulsos e que fossem os primeiros a dar um bom exemplo.
Se não são, deveriam mudar de profissão.

Por exemplo, o "é errado roubar" parece perder o valor quando quem diz é um ladrão do pior tipo. É contraditório e hipócrita
E pessoas com um mínimo de massa cinzenta não gostam muito de contradições e hipocrisia.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Fenrir em 09 de Dezembro de 2018, 20:59:35
O Serginho está ironizando...

Eu sei, mas quis comentar mesmo assim.
O livro as vezes pega pesado: Vivekananda, se bem me lembro foi num puteiro e Krishnamurti teve uma amante - grande coisa isso.
Não acho que religiosos tenham que ser celibatários (a não ser que considerem o sexo como tabu - se assim for, que sejam corerentes
e vivam de acordo com o pregam e parem com a hipocrisia).
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gigaview em 10 de Dezembro de 2018, 22:47:40
Esse caso do João está ficando cada vez mais sujo. Muito crente por aí vai cair em depressão.

https://www.oantagonista.com/brasil/exclusivo-filha-acusa-joao-de-deus-de-estupro-e-cobra-50-milhoes-de-indenizacao/
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Sergiomgbr em 10 de Dezembro de 2018, 22:59:00
É... Lembrei até disso aqui,

Touch-a touch-a touch-a touch me
I wanna be dirty
Thrill me, chill me, fulfill me
Creature of the night




Título: Re:João de Deus
Enviado por: JJ em 11 de Dezembro de 2018, 11:39:50


O temor em Abadiânia

Brasil  11.12.18 11:23

O Estadão fez uma reportagem para dizer que se a casa onde o médium João de Deus atende for fechada, metade do comércio da cidade de Abadiânia (GO) também acaba.

O local recebe, em média, 10 mil pessoas por semana — 40% são estrangeiros. Não à toa os comerciantes aceitam euro e dólar.


Até a TAP


Leia no link:


https://www.oantagonista.com/brasil/o-temor-em-abadiania/?utm_source=OA&utm_medium=leiamais&utm_campaign=interna&utm_content=1

Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gigaview em 11 de Dezembro de 2018, 13:00:07
Se o espírito usa o pênis do médium como instrumento de energização e emissão de ectoplasma curativo tudo pode ser justificável e tolerado devido à falta de desenvolvimento espiritual para entender os designios astrais superiores.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: JungF em 11 de Dezembro de 2018, 13:41:17
Estava pensando, como surgiu a relação entre o Espiritismo e João de Deus. Médiuns de cura existem em outras crenças e, exatamente no Espiritismo, que desaconselha fortemente cirurgias espirituais e curas é que o sr. João de Deus se viu mais acatado e procurado.
Ele mesmo se afirma católico.
Dramas e assassinatos: tivemos o Zé Arigó, Edson Queiroz, Gilberto Arruda, que era médium da Casa de Frei Luiz e foi morto cerca de dois anos atrás; talvez outros mais, que não chegaram na mídia. 
João de Deus, agora difamado por estas acusações, viverá um inferno astral.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Brienne of Tarth em 11 de Dezembro de 2018, 13:51:20
Não acho que religiosos tenham que ser celibatários

Eu também não acho, Fenrir, eu penso que deveriam ser castrados todos os que abraçam a vida eclesiástica, para não violarem meninos e meninas, mas isso é só a minha opinião...afinal nada impede que se viole alguém sem usar um pênis para isso... |(

O que eu considero mais nojento são homens ( e mulheres) que se aproveitam da fragilidade das pessoas para abusos sexuais, financeiros e psicológicos... :nojo:

Título: Re:João de Deus
Enviado por: Sergiomgbr em 11 de Dezembro de 2018, 13:58:34
Toda investida sexual é oportunista, e essa é a crua realidade. Uma parte sempre vai ceder sob a investida da outra. O que há são apenas justificativas, umas mais convincentes, já outras nem tanto. Essa compartimentação entre o que lícito ou não sempre foi algo arbitrário e artificial.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Sergiomgbr em 11 de Dezembro de 2018, 14:23:55
Algo que poucas pessoas cogitariam que é experimentar empaticamente estar no lugar, incorporar, por exemplo, um João de Deus da vida num ato desses que as supostas suas vítimas denunciam poderia jogar alguma luz sob a realidade dos fatos da perspectiva dele próprio, talvez não seja toda essa monstruosidade que é sugerida.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Sergiomgbr em 11 de Dezembro de 2018, 14:29:17
Imaginem o seguinte; eu sou João de Deus, estou com essa simpatizante aqui, e agora vou fazer isso e isso, agora, isso assim. Eu estou de bem comigo mesmo? Voltaria a fazer isso de novo? No que eu acredito? Como eu justifico isso que eu fiz e que tendo a fazer?
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Fenrir em 11 de Dezembro de 2018, 20:42:16
Não acho que religiosos tenham que ser celibatários

Eu também não acho, Fenrir, eu penso que deveriam ser castrados todos os que abraçam a vida eclesiástica, para não violarem meninos e meninas, mas isso é só a minha opinião...afinal nada impede que se viole alguém sem usar um pênis para isso... |(

O que eu considero mais nojento são homens ( e mulheres) que se aproveitam da fragilidade das pessoas para abusos sexuais, financeiros e psicológicos... :nojo:

Como disse antes, eles(as) podem fornicar a vontade, conquanto não pratiquem pedofilia, abusos, estupro..

Acho um celibato forçado, como no caso da ICAR uma pessima ideia. Castração seria ainda pior, e como você bem disse, não os impediria de abusar de outrem.

So gostaria de saber a opinião de algum crente da DE, sobre se um médium viesse a alegar que abusou porque foi dominado por um espírito abusador (um pastor provavelmente diria que foi um encosto/capeta/demonio, então repito a mesma pergunta para eles tambem)
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Fernando Silva em 12 de Dezembro de 2018, 08:58:14
Se o espírito usa o pênis do médium como instrumento de energização e emissão de ectoplasma curativo tudo pode ser justificável e tolerado devido à falta de desenvolvimento espiritual para entender os designios astrais superiores.
Não é "pênis", é "eixo energético fundamental".
Título: Re:João de Deus
Enviado por: JungF em 12 de Dezembro de 2018, 14:09:40
Se o espírito usa o pênis do médium como instrumento de energização e emissão de ectoplasma curativo tudo pode ser justificável e tolerado devido à falta de desenvolvimento espiritual para entender os designios astrais superiores.
Não é "pênis", é "eixo energético fundamental".
Então pode! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Mas, a ideia da Brienne faz sentido. Imagine que ao buscar vida eclesiástica o candidato assumiria que a castração é contingente. Pronto!
Título: Re:João de Deus
Enviado por: JungF em 12 de Dezembro de 2018, 15:00:41
Citação de: Fenrir
So gostaria de saber a opinião de algum crente da DE, sobre se um médium viesse a alegar que abusou porque foi dominado por um espírito abusador (um pastor provavelmente diria que foi um encosto/capeta/demonio, então repito a mesma pergunta para eles tambem)
Existe um princípio na DE ensinando que a ação de um espírito sobre seu médium, ou sobre qualquer pessoa, já que todos somos médiuns, só ocorre se houver atração recíproca, ou seja, os bons atraem espíritos bons e os maus, espíritos maus. Se um médium der guarida a um obsessor viciado em sexo é sinal de que o médium o é, igualmente.
Da mesma forma que um alcoólatra sempre leva consigo um ou mais espíritos viciados no álcool.
"diga-me quem és e eu direi com quem andas" :hihi:
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Fernando Silva em 12 de Dezembro de 2018, 15:52:16
Existe um princípio na DE ensinando que a ação de um espírito sobre seu médium, ou sobre qualquer pessoa, já que todos somos médiuns, só ocorre se houver atração recíproca, ou seja, os bons atraem espíritos bons e os maus, espíritos maus. Se um médium der guarida a um obsessor viciado em sexo é sinal de que o médium o é, igualmente.
Da mesma forma que um alcoólatra sempre leva consigo um ou mais espíritos viciados no álcool.
"diga-me quem és e eu direi com quem andas" :hihi:
Segundo li num site espírita, os gays também estão obsediados  por "espíritos trevosos de baixíssima densidade vibracional" (seja lá o que for 'densidade vibracional')
Título: Re:João de Deus
Enviado por: JungF em 13 de Dezembro de 2018, 12:39:17
Existe um princípio na DE ensinando que a ação de um espírito sobre seu médium, ou sobre qualquer pessoa, já que todos somos médiuns, só ocorre se houver atração recíproca, ou seja, os bons atraem espíritos bons e os maus, espíritos maus. Se um médium der guarida a um obsessor viciado em sexo é sinal de que o médium o é, igualmente.
Da mesma forma que um alcoólatra sempre leva consigo um ou mais espíritos viciados no álcool.
"diga-me quem és e eu direi com quem andas" :hihi:
Segundo li num site espírita, os gays também estão obsediados  por "espíritos trevosos de baixíssima densidade vibracional" (seja lá o que for 'densidade vibracional')
Pessoas que tresvariam na prática do sexo, gays ou não, sempre conduzem um séquito de desencarnados grandemente perturbados e não raro enlouquecidos. Sob a influência destes tais, potencializam o que de pior existe neles mesmos.
O sexo não é, de forma alguma condenável, exceto, e curiosamente, quando praticado fora do contexto das nossas leis. Vulneráveis, menores, sem mútuo consentimento,etc.
O princípio normativo, explícito, seria: se não há prejuízo de ninguém, por exemplo, um cônjuge que se sinta traído pelo comportamento sexual do companheiro gerando a discórdia no lar, ou o escândalo do mau exemplo, etc.

Densidade vibracional advém do fato de que o perispírito, em essência, é um corpo sensível ao padrão moral da mente que o comanda. Se o indivíduo é grosseiro e vicioso seu corpo espiritual se reveste, por atração e afinidade, de matéria mais densa do mundo que habita. Assim não reflete a luz e se torna opaco e desgracioso. Em muitos casos assumem forma monstruosa.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Sergiomgbr em 13 de Dezembro de 2018, 13:36:03
Como é interessante o fato de que os espiritildos  sempre usam terminologias que coincidem com a realidade científica de suas épocas! A moda agora é falar de espíritos tendo como parâmetro a mecânica quântica.

Se algum maluquete convencer cientificamente que tudo tem a ver com uma banana, o espiritismo vai na onda, e os espíritos passam a ter relação com bananas.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gorducho em 13 de Dezembro de 2018, 14:13:18
:hihi:
Comentário do Kardec na #188:
Segundo os Espíritos, [...]
Considerado do ponto de vista da sua constituição física, o Sol seria um foco de eletricidade. Todos os sóis como que estariam em situação análoga.

Arago compara a luminosidade do Sol n'Astronomia Popular de 1855...
Il n’y a rien d’exagéré à dire que la lumière électrique est comparable à la lumière solaire, car, si l’on projette sur le disque du Soleil la lumière qu’on obtient en rendant incandescents deux charbons mis en communication avec les deux pôles d’une pile, on ne parvient point du tout au résultat que donne une bougie ou même une lampe Carcel ; la lumière électrique ne s’efface pas devant celle du Soleil. Selon l’énergie de la pile employée, on trouve que la lumière électrique varie de la cinquième partie au quart de celle du Soleil, ou, en d’autres termes, qu’elle équivaut à celle répandue par un nombre de bougies variable entre 3 000 et 3 750.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: JungF em 14 de Dezembro de 2018, 16:59:02
:hihi:
Comentário do Kardec na #188:
Segundo os Espíritos, [...]
Considerado do ponto de vista da sua constituição física, o Sol seria um foco de eletricidade. Todos os sóis como que estariam em situação análoga.

Arago compara a luminosidade do Sol n'Astronomia Popular de 1855...
Il n’y a rien d’exagéré à dire que la lumière électrique est comparable à la lumière solaire, car, si l’on projette sur le disque du Soleil la lumière qu’on obtient en rendant incandescents deux charbons mis en communication avec les deux pôles d’une pile, on ne parvient point du tout au résultat que donne une bougie ou même une lampe Carcel ; la lumière électrique ne s’efface pas devant celle du Soleil. Selon l’énergie de la pile employée, on trouve que la lumière électrique varie de la cinquième partie au quart de celle du Soleil, ou, en d’autres termes, qu’elle équivaut à celle répandue par un nombre de bougies variable entre 3 000 et 3 750.
Citar
Comentário do Kardec na #188:
Segundo os Espíritos, [...]
Considerado do ponto de vista da sua constituição física, o Sol seria um foco de eletricidade. Todos os sóis como que estariam em situação análoga.
Naturalmente sempre discordo das opiniões de kardec quando aborda fatos da ciência; são opiniões de época sobre as quais os espiritos codificadores evitam se manifestar, para não lançar sob suspeita todo aquele trabalho de revelação no terreno intelecto/moral.
Mas neste caso do sol, se examinarmos à luz de sua expressão mais simples, está correto nosso Lionês. O que é a eletricidade senão elétrons a produzirem trabalho? A mesma radiação solar se transforma em eletricidade nas fotocélulas.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gorducho em 14 de Dezembro de 2018, 17:58:59
A radiação que recebemos do Sol é constituída principalmente por e− :?:
 
Lembrando daquela rubrica Livros de cálculo: vocês usaram quais pra radiações, eletromagnetismo e ondas :?:
A gente usamos o Halliday - Resnick na Física e o Kreyszig no Cálculo (Laplace, Fourier, eq. parciais...).
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Fernando Silva em 15 de Dezembro de 2018, 07:19:10
Mas neste caso do sol, se examinarmos à luz de sua expressão mais simples, está correto nosso Lionês. O que é a eletricidade senão elétrons a produzirem trabalho? A mesma radiação solar se transforma em eletricidade nas fotocélulas.
O tipo do raciocínio simplório usado pelos charlatães Nova Era para enganar os otários. Basta jogar alguns termos supostamente científicos ou apelar para "Como já provou a Física Quântica, <insira besteira inacreditável aqui>" e todo mundo balança a cabeça e sorri com aquela cara de que entende dessas coisas, embora não saibam definir nenhum dos termos usados.

A água de um rio produz eletricidade, mas essa água NÃO É eletricidade.
Um monte de lixo podre produz eletricidade, mas idem idem.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gorducho em 15 de Dezembro de 2018, 08:29:18
Ademais, o texto é bem claro que se refere AO Sol per se. O espírito não tava preocupado se a Prefeitura só libera alvará se a reforma incluir colocação de painel solar;
se o governo financia a interesse subsidiado eles;
se o governo não cobra IVAs ou imposto-de-venda sobre a comercialização final deles;
se abate no IR  :ira:
Aliás, apesar da tradução febeana estar  :ok: o original elimina qq. possibilidade de controvérsia acerca disso...
Comme constitution physique, le soleil serait un foyer d'électricité. Tous les soleils sembleraient être dans une position identique.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gigaview em 15 de Dezembro de 2018, 20:33:42
O médium tarado tem 11 filhos com 11 mulheres diferentes.

Haja ectoplasma...
Título: Re:João de Deus
Enviado por: JungF em 15 de Dezembro de 2018, 20:57:02
Mas neste caso do sol, se examinarmos à luz de sua expressão mais simples, está correto nosso Lionês. O que é a eletricidade senão elétrons a produzirem trabalho? A mesma radiação solar se transforma em eletricidade nas fotocélulas.
O tipo do raciocínio simplório usado pelos charlatães Nova Era para enganar os otários. Basta jogar alguns termos supostamente científicos ou apelar para "Como já provou a Física Quântica, <insira besteira inacreditável aqui>" e todo mundo balança a cabeça e sorri com aquela cara de que entende dessas coisas, embora não saibam definir nenhum dos termos usados.

A água de um rio produz eletricidade, mas essa água NÃO É eletricidade.
Um monte de lixo podre produz eletricidade, mas idem idem.
Mas o sol, entre outras radiações emite as tais partículas, o rio e o monte de lixo não.
"Non sequitur", meu caro Fernando?
Título: Re:João de Deus
Enviado por: JungF em 15 de Dezembro de 2018, 21:01:05
A radiação que recebemos do Sol é constituída principalmente por e− :?:
 
Lembrando daquela rubrica Livros de cálculo: vocês usaram quais pra radiações, eletromagnetismo e ondas :?:
A gente usamos o Halliday - Resnick na Física e o Kreyszig no Cálculo (Laplace, Fourier, eq. parciais...).
Também usei o Halliday/Resnick na física, mas no cálculo foi o terrivel Piskunov.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Fernando Silva em 16 de Dezembro de 2018, 06:49:03
Mas neste caso do sol, se examinarmos à luz de sua expressão mais simples, está correto nosso Lionês. O que é a eletricidade senão elétrons a produzirem trabalho? A mesma radiação solar se transforma em eletricidade nas fotocélulas.
O tipo do raciocínio simplório usado pelos charlatães Nova Era para enganar os otários. Basta jogar alguns termos supostamente científicos ou apelar para "Como já provou a Física Quântica, <insira besteira inacreditável aqui>" e todo mundo balança a cabeça e sorri com aquela cara de que entende dessas coisas, embora não saibam definir nenhum dos termos usados.

A água de um rio produz eletricidade, mas essa água NÃO É eletricidade.
Um monte de lixo podre produz eletricidade, mas idem idem.
Mas o sol, entre outras radiações emite as tais partículas, o rio e o monte de lixo não.
"Non sequitur", meu caro Fernando?
Não. Apenas reproduzo o "raciocínio" do espírita com o monte de lixo e a água do rio para mostrar que ele não faz sentido independente de o Sol emitir alguma partícula. Que, aliás, são principalmente fótons e não elétrons, mesmo que possa haver elétrons e outras coisas misturados.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gorducho em 16 de Dezembro de 2018, 10:54:11
O vento consiste 95% de H ionizado, portanto balanceados p+ com e-
Mas mesmo desprezando a neutralização estatística das cargas, ao atingir a atmosfera o vento se dispersa, se perdendo o fluxo na direção -z  (coordenada vertical local à crosta).
Desconsiderando isso tudo e desprezando o efeito da curvatura da crosta no fluxo — es decir: admitindo que um vento só constituído por e- incidisse 100% sobre a crosta — se teria
EM EDIÇÃO...
fluxo ~ 3000000 e-/[mm²·s]
1A = 6,242E18 e-/s
Considerando um condutor de 10mm² se teria uma "fonte de eletricidade" de 5E-12 A supondo ser possível depois canalizar os electrons p/algum uso prático sem gastos de energia  ::)
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Marcel em 17 de Dezembro de 2018, 17:21:12
Se fosse UMA médium fazendo a mesma coisa com homens, haveria essa repercussão?
Título: Re:João de Deus
Enviado por: JungF em 17 de Dezembro de 2018, 17:44:55
Se fosse UMA médium fazendo a mesma coisa com homens, haveria essa repercussão?
Muito maior... fila enorme.kkkkkkkkk
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gigaview em 17 de Dezembro de 2018, 20:29:15
Tudo indica que o cara é safado, basta apenas um caso para comprovar isso mas também é estatisticamente provável que dentre essas 300 vítimas existe uma boa parcela de vagabundas querendo boquinha numa possível indenização e alguns poucos casos de desajustadas mentais que inventaram um caso de assédio.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gigaview em 17 de Dezembro de 2018, 20:39:46
Os espíritos superiores sempre falham na escolha de seus mediadores aqui no planetinha. Só escolhem gente que não presta e sabendo de todas os problemas "lá de cima" tornam-se cúmplices dessas traquinagens mediúnicas. Ora...se um médium aqui pisa na bola o certo seria deixar de "usá-lo", logo são tão imorais, sujos e irresponsáveis quanto seus agentes. E olha que no caso do "João do Pênis" o espiritão é Dom Ignácio de Loyola para o arrepio da Opus Dei.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Sergiomgbr em 17 de Dezembro de 2018, 20:42:01
Mas se é o Ignácio, ele ignorou.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gigaview em 17 de Dezembro de 2018, 20:43:33
Aposto que o João do Pênis vai continuar emanando ectoplasma na cadeia através de visitas de curas íntimas.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gigaview em 17 de Dezembro de 2018, 20:44:47
Mas se é o Ignácio, ele ignorou.

Verdade...o nome do espiritão é Inácio.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Sergiomgbr em 17 de Dezembro de 2018, 20:54:34
Parece que nesse caso então ele foi inativo, teve uma verdadeira inação de início e no final ficou inacessível.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Sergiomgbr em 17 de Dezembro de 2018, 20:59:50
Um ser e seu pênis. Só mais um entre tantos. Só posso dizer isso, e nada mais.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Sergiomgbr em 17 de Dezembro de 2018, 21:01:56
João e o Joãozinho. Ou Inacinho...
Título: Re:João de Deus
Enviado por: _Juca_ em 18 de Dezembro de 2018, 11:38:04
Tudo indica que o cara é safado, basta apenas um caso para comprovar isso mas também é estatisticamente provável que dentre essas 300 vítimas existe uma boa parcela de vagabundas querendo boquinha numa possível indenização e alguns poucos casos de desajustadas mentais que inventaram um caso de assédio.

Estatiscamente também existe uma grande parcela de homens que usam subterfúgios para chamarem mulheres de vagabundas em caso de estupros.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gigaview em 18 de Dezembro de 2018, 13:32:21
Tudo indica que o cara é safado, basta apenas um caso para comprovar isso mas também é estatisticamente provável que dentre essas 300 vítimas existe uma boa parcela de vagabundas querendo boquinha numa possível indenização e alguns poucos casos de desajustadas mentais que inventaram um caso de assédio.

Estatiscamente também existe uma grande parcela de homens que usam subterfúgios para chamarem mulheres de vagabundas em caso de estupros.

Sim...e essa parcela tende a crescer na medida em que sai na mídia a uma movimentação bancária de R$ 35 milhões e se noticia que algumas mulheres repetiram o "tratamento" espontaneamente várias vezes até ficarem recentemente revoltadíssimas com o "estupro".

Muita gente querendo surfar nessa onda. Vigarice de todos os lados. Trust nobody.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Brienne of Tarth em 18 de Dezembro de 2018, 14:23:58
E para melhorar temos uma polícia "isenta"...

" O depoimento do médium João de Deus à Delegacia de Estado de Investigação Criminal (Deic) na noite deste domingo, 16, em Goiânia, foi marcado por imprevistos que chamaram atenção dos investigadores. O religioso é acusado de abusar sexualmente de suas pacientes em Abadiânia.

De acordo com reportagem da Folha de S.Paulo, os policiais relataram que, na hora do preso falar, o computador que registrava as alegações começou a funcionar sozinho e a inserir outros caracteres no texto. Isso aconteceu por pelo menos quatro vezes.

“Você apertava uma tecla e ela OOOOOOOOO…”, contou ao jornal a delegada Karla Fernandes, coordenadora da força-tarefa responsável pelo caso na Polícia Civil.

Outro imprevisto ocorreu quando a delegada resolveu usar uma extensão para ligar o ar-condicionado. Neste momento, o fio explodiu e ainda quebrou o frigobar, o que causou gritos na sala.

O depoimento seria feito em Anápolis, cidade próxima à capital goiana. No entanto, o escrivão foi atropelado na BR-060, a caminho da delegacia, e quebrou o braço. O imprevisto transferiu o caso para Goiânia.

Todos os fatos não impediram que o depoimento fosse realizado por mais de duas horas. “Estamos diante de uma situação que envolve crenças e energias”, disse a delegada, reiterando que os episódios não são obra do acaso."

https://catracalivre.com.br/cidadania/depoimento-de-joao-de-deus-e-marcado-por-fenomenos-estranhos/ (https://catracalivre.com.br/cidadania/depoimento-de-joao-de-deus-e-marcado-por-fenomenos-estranhos/)
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Brienne of Tarth em 18 de Dezembro de 2018, 14:25:27
Sim...e essa parcela tende a crescer na medida em que sai na mídia a uma movimentação bancária de R$ 35 milhões e se noticia que algumas mulheres repetiram o "tratamento" espontaneamente várias vezes até ficarem recentemente revoltadíssimas com o "estupro".

E ambas as afirmações acima carecem de fontes confiáveis... :hihi:
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gigaview em 18 de Dezembro de 2018, 14:48:14
E para melhorar temos uma polícia "isenta"...

" O depoimento do médium João de Deus à Delegacia de Estado de Investigação Criminal (Deic) na noite deste domingo, 16, em Goiânia, foi marcado por imprevistos que chamaram atenção dos investigadores. O religioso é acusado de abusar sexualmente de suas pacientes em Abadiânia.

De acordo com reportagem da Folha de S.Paulo, os policiais relataram que, na hora do preso falar, o computador que registrava as alegações começou a funcionar sozinho e a inserir outros caracteres no texto. Isso aconteceu por pelo menos quatro vezes.

“Você apertava uma tecla e ela OOOOOOOOO…”, contou ao jornal a delegada Karla Fernandes, coordenadora da força-tarefa responsável pelo caso na Polícia Civil.

Outro imprevisto ocorreu quando a delegada resolveu usar uma extensão para ligar o ar-condicionado. Neste momento, o fio explodiu e ainda quebrou o frigobar, o que causou gritos na sala.

O depoimento seria feito em Anápolis, cidade próxima à capital goiana. No entanto, o escrivão foi atropelado na BR-060, a caminho da delegacia, e quebrou o braço. O imprevisto transferiu o caso para Goiânia.

Todos os fatos não impediram que o depoimento fosse realizado por mais de duas horas. “Estamos diante de uma situação que envolve crenças e energias”, disse a delegada, reiterando que os episódios não são obra do acaso."

https://catracalivre.com.br/cidadania/depoimento-de-joao-de-deus-e-marcado-por-fenomenos-estranhos/ (https://catracalivre.com.br/cidadania/depoimento-de-joao-de-deus-e-marcado-por-fenomenos-estranhos/)

Não há dúvidas que se trata de um caso de poltergeist causado pela exteriorização espontânea e incontrolável de ectoplasma acumulado que, em condições normais de uso mediúnico, estaria aplicado em processos de cura orientada por espíritos superiores. Fico surpreso de não ter ocorrido um desastre maior, talvez a implosão do prédio ou de incêndios de proporções catastróficas na cidade. Apesar de impossível afirmar que exista uma correlação direta, não podemos descartar uma possível influência do médium no incêndio da refinaria de Manguinhos no RJ, área situada sob uma comunidade espiritual que pode ter captado e refletido as energias negativas que causaram o acidente.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gigaview em 18 de Dezembro de 2018, 14:58:32
Sim...e essa parcela tende a crescer na medida em que sai na mídia a uma movimentação bancária de R$ 35 milhões e se noticia que algumas mulheres repetiram o "tratamento" espontaneamente várias vezes até ficarem recentemente revoltadíssimas com o "estupro".

E ambas as afirmações acima carecem de fontes confiáveis... :hihi:

Estamos falando de hipóteses probabilísticas derivadas de certezas estatísticas. Numa população de mulheres é estatisticamente provável a existência de vagabundas. É matemático.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gorducho em 18 de Dezembro de 2018, 15:48:17
Citação de: Sr. Gigaview
área situada sob uma comunidade espiritual que pode ter captado e refletido as energias negativas que causaram o acidente.
ACREDITO que Nosso Lar abarque a zona de Manguinhos mesmo  :ok:
Título: Re:João de Deus
Enviado por: _Juca_ em 18 de Dezembro de 2018, 18:00:08
Tudo indica que o cara é safado, basta apenas um caso para comprovar isso mas também é estatisticamente provável que dentre essas 300 vítimas existe uma boa parcela de vagabundas querendo boquinha numa possível indenização e alguns poucos casos de desajustadas mentais que inventaram um caso de assédio.

Estatiscamente também existe uma grande parcela de homens que usam subterfúgios para chamarem mulheres de vagabundas em caso de estupros.

Sim...e essa parcela tende a crescer na medida em que sai na mídia a uma movimentação bancária de R$ 35 milhões e se noticia que algumas mulheres repetiram o "tratamento" espontaneamente várias vezes até ficarem recentemente revoltadíssimas com o "estupro".

Muita gente querendo surfar nessa onda. Vigarice de todos os lados. Trust nobody.

400 mulheres denunciando o estuprador em série, e você preocupado em achar as "vagabundas" no meio delas. A misoginia é sintomática.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Brienne of Tarth em 18 de Dezembro de 2018, 18:16:22
Estamos falando de hipóteses probabilísticas derivadas de certezas estatísticas. Numa população de mulheres é estatisticamente provável a existência de vagabundas. É matemático.

Claro, claro, assim como também é matematicamente possível a afirmação do Juca:

Estatiscamente também existe uma grande parcela de homens que usam subterfúgios para chamarem mulheres de vagabundas em caso de estupros.

Né non?  :hihi:
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Brienne of Tarth em 18 de Dezembro de 2018, 18:18:45
Não há dúvidas que se trata de um caso de poltergeist causado pela exteriorização espontânea e incontrolável de ectoplasma acumulado que, em condições normais de uso mediúnico, estaria aplicado em processos de cura orientada por espíritos superiores. Fico surpreso de não ter ocorrido um desastre maior, talvez a implosão do prédio ou de incêndios de proporções catastróficas na cidade. Apesar de impossível afirmar que exista uma correlação direta, não podemos descartar uma possível influência do médium no incêndio da refinaria de Manguinhos no RJ, área situada sob uma comunidade espiritual que pode ter captado e refletido as energias negativas que causaram o acidente.

Discordo que não hajam dúvidas, afinal poltergeists preferem adolescentes ou pré-adolescentes para se manifestarem, não é o caso do senhor de Deus...
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gigaview em 18 de Dezembro de 2018, 18:35:30
Tudo indica que o cara é safado, basta apenas um caso para comprovar isso mas também é estatisticamente provável que dentre essas 300 vítimas existe uma boa parcela de vagabundas querendo boquinha numa possível indenização e alguns poucos casos de desajustadas mentais que inventaram um caso de assédio.

Estatiscamente também existe uma grande parcela de homens que usam subterfúgios para chamarem mulheres de vagabundas em caso de estupros.

Sim...e essa parcela tende a crescer na medida em que sai na mídia a uma movimentação bancária de R$ 35 milhões e se noticia que algumas mulheres repetiram o "tratamento" espontaneamente várias vezes até ficarem recentemente revoltadíssimas com o "estupro".

Muita gente querendo surfar nessa onda. Vigarice de todos os lados. Trust nobody.

400 mulheres denunciando o estuprador em série, e você preocupado em achar as "vagabundas" no meio delas. A misoginia é sintomática.

Não estou preocupado com coisa alguma, parece que quem está preocupado é você. Só disse que é provável a existência de vagabundas querendo se dar bem e de algumas malucas que "acham" que foram estupradas no meio dessas 400 mulheres.

Você, com a sua estranha fé que já demonstrou ao longo de todos esses anos neste fórum, é que prefere acreditar que TODAS essas mulheres estão dizendo a verdade como se isso somasse pontos a algum tipo de causa em defesa das mulheres em geral. Negar a inexistência de vagabundas não ajuda em nada e reconhecer a existência delas está longe de ser um subterfúgio.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Arcanjo Lúcifer em 18 de Dezembro de 2018, 18:45:39
E para melhorar temos uma polícia "isenta"...

" O depoimento do médium João de Deus à Delegacia de Estado de Investigação Criminal (Deic) na noite deste domingo, 16, em Goiânia, foi marcado por imprevistos que chamaram atenção dos investigadores. O religioso é acusado de abusar sexualmente de suas pacientes em Abadiânia.

De acordo com reportagem da Folha de S.Paulo, os policiais relataram que, na hora do preso falar, o computador que registrava as alegações começou a funcionar sozinho e a inserir outros caracteres no texto. Isso aconteceu por pelo menos quatro vezes.

“Você apertava uma tecla e ela OOOOOOOOO…”, contou ao jornal a delegada Karla Fernandes, coordenadora da força-tarefa responsável pelo caso na Polícia Civil.

Outro imprevisto ocorreu quando a delegada resolveu usar uma extensão para ligar o ar-condicionado. Neste momento, o fio explodiu e ainda quebrou o frigobar, o que causou gritos na sala.

O depoimento seria feito em Anápolis, cidade próxima à capital goiana. No entanto, o escrivão foi atropelado na BR-060, a caminho da delegacia, e quebrou o braço. O imprevisto transferiu o caso para Goiânia.

Todos os fatos não impediram que o depoimento fosse realizado por mais de duas horas. “Estamos diante de uma situação que envolve crenças e energias”, disse a delegada, reiterando que os episódios não são obra do acaso."

https://catracalivre.com.br/cidadania/depoimento-de-joao-de-deus-e-marcado-por-fenomenos-estranhos/ (https://catracalivre.com.br/cidadania/depoimento-de-joao-de-deus-e-marcado-por-fenomenos-estranhos/)

O depoimento foi no Rio de Janeiro? Se foi pode ser obra do mesmo eletricista do Museu.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gigaview em 18 de Dezembro de 2018, 18:54:25
Não há dúvidas que se trata de um caso de poltergeist causado pela exteriorização espontânea e incontrolável de ectoplasma acumulado que, em condições normais de uso mediúnico, estaria aplicado em processos de cura orientada por espíritos superiores. Fico surpreso de não ter ocorrido um desastre maior, talvez a implosão do prédio ou de incêndios de proporções catastróficas na cidade. Apesar de impossível afirmar que exista uma correlação direta, não podemos descartar uma possível influência do médium no incêndio da refinaria de Manguinhos no RJ, área situada sob uma comunidade espiritual que pode ter captado e refletido as energias negativas que causaram o acidente.

Discordo que não hajam dúvidas, afinal poltergeists preferem adolescentes ou pré-adolescentes para se manifestarem, não é o caso do senhor de Deus...

Alí está claro que a kundalini está descontrolada e quando não encontra caminho no chacra da base sobe rapidamente até o sahashara numa explosão de energia que causa o poltergeist. De fato isso é comum em crianças (meninas), mas também pode ser verificado em médiuns dedicados a práticas tântricas inapropriadas que se confundem com perversões sexuais.

(https://i.pinimg.com/736x/63/93/00/639300a27c84dd81a67bf2fe312ac74c--chakras-reiki-kundalini.jpg)
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gigaview em 18 de Dezembro de 2018, 19:10:28
Citação de: Sr. Gigaview
área situada sob uma comunidade espiritual que pode ter captado e refletido as energias negativas que causaram o acidente.
ACREDITO que Nosso Lar abarque a zona de Manguinhos mesmo  :ok:

A refinaria se localiza na beirada do Nosso Lar, como ilustrado no mapa no interior do círculo. Considerando emanações ectoplasmáticas oriundas de Goiás, faz sentido supor que essas foram de fato refletidas nas bordas da comunidade (muralhas?) e concentradas na refinaria de Manguinhos.

(http://www.ancientpages.com/wp-content/uploads/2018/09/shinarchimedesray2.jpg)
(https://upload.wikimedia.org/wikipedia/en/thumb/5/56/Seismic_Reflection_Principal.png/300px-Seismic_Reflection_Principal.png)

(https://papoliterarioblog.files.wordpress.com/2018/10/localizac3a7c3a3o-nosso-lar.jpg?w=720)
Título: Re:João de Deus
Enviado por: _Juca_ em 19 de Dezembro de 2018, 11:13:55
Tudo indica que o cara é safado, basta apenas um caso para comprovar isso mas também é estatisticamente provável que dentre essas 300 vítimas existe uma boa parcela de vagabundas querendo boquinha numa possível indenização e alguns poucos casos de desajustadas mentais que inventaram um caso de assédio.

Estatiscamente também existe uma grande parcela de homens que usam subterfúgios para chamarem mulheres de vagabundas em caso de estupros.

Sim...e essa parcela tende a crescer na medida em que sai na mídia a uma movimentação bancária de R$ 35 milhões e se noticia que algumas mulheres repetiram o "tratamento" espontaneamente várias vezes até ficarem recentemente revoltadíssimas com o "estupro".

Muita gente querendo surfar nessa onda. Vigarice de todos os lados. Trust nobody.

400 mulheres denunciando o estuprador em série, e você preocupado em achar as "vagabundas" no meio delas. A misoginia é sintomática.

Não estou preocupado com coisa alguma, parece que quem está preocupado é você. Só disse que é provável a existência de vagabundas querendo se dar bem e de algumas malucas que "acham" que foram estupradas no meio dessas 400 mulheres.

Você, com a sua estranha fé que já demonstrou ao longo de todos esses anos neste fórum, é que prefere acreditar que TODAS essas mulheres estão dizendo a verdade como se isso somasse pontos a algum tipo de causa em defesa das mulheres em geral. Negar a inexistência de vagabundas não ajuda em nada e reconhecer a existência delas está longe de ser um subterfúgio.

Eu me importo toda vez que vejo reações misóginas em casos como esses. Você tentou desqualificar parte das vítimas com base no seu achismo estatístico, não tem cabimento.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gigaview em 19 de Dezembro de 2018, 11:44:56
Tudo indica que o cara é safado, basta apenas um caso para comprovar isso mas também é estatisticamente provável que dentre essas 300 vítimas existe uma boa parcela de vagabundas querendo boquinha numa possível indenização e alguns poucos casos de desajustadas mentais que inventaram um caso de assédio.

Estatiscamente também existe uma grande parcela de homens que usam subterfúgios para chamarem mulheres de vagabundas em caso de estupros.

Sim...e essa parcela tende a crescer na medida em que sai na mídia a uma movimentação bancária de R$ 35 milhões e se noticia que algumas mulheres repetiram o "tratamento" espontaneamente várias vezes até ficarem recentemente revoltadíssimas com o "estupro".

Muita gente querendo surfar nessa onda. Vigarice de todos os lados. Trust nobody.

400 mulheres denunciando o estuprador em série, e você preocupado em achar as "vagabundas" no meio delas. A misoginia é sintomática.

Não estou preocupado com coisa alguma, parece que quem está preocupado é você. Só disse que é provável a existência de vagabundas querendo se dar bem e de algumas malucas que "acham" que foram estupradas no meio dessas 400 mulheres.

Você, com a sua estranha fé que já demonstrou ao longo de todos esses anos neste fórum, é que prefere acreditar que TODAS essas mulheres estão dizendo a verdade como se isso somasse pontos a algum tipo de causa em defesa das mulheres em geral. Negar a inexistência de vagabundas não ajuda em nada e reconhecer a existência delas está longe de ser um subterfúgio.

Eu me importo toda vez que vejo reações misóginas em casos como esses. Você tentou desqualificar parte das vítimas com base no seu achismo estatístico, não tem cabimento.

Claro...no seu mundinho encantado do unicórnio cor de rosa não existem vagabundas mas existem ameaças misóginas  fundamentadas em "achismos" estatísticos.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: _Juca_ em 19 de Dezembro de 2018, 17:51:03
Tudo indica que o cara é safado, basta apenas um caso para comprovar isso mas também é estatisticamente provável que dentre essas 300 vítimas existe uma boa parcela de vagabundas querendo boquinha numa possível indenização e alguns poucos casos de desajustadas mentais que inventaram um caso de assédio.

Estatiscamente também existe uma grande parcela de homens que usam subterfúgios para chamarem mulheres de vagabundas em caso de estupros.

Sim...e essa parcela tende a crescer na medida em que sai na mídia a uma movimentação bancária de R$ 35 milhões e se noticia que algumas mulheres repetiram o "tratamento" espontaneamente várias vezes até ficarem recentemente revoltadíssimas com o "estupro".

Muita gente querendo surfar nessa onda. Vigarice de todos os lados. Trust nobody.

400 mulheres denunciando o estuprador em série, e você preocupado em achar as "vagabundas" no meio delas. A misoginia é sintomática.

Não estou preocupado com coisa alguma, parece que quem está preocupado é você. Só disse que é provável a existência de vagabundas querendo se dar bem e de algumas malucas que "acham" que foram estupradas no meio dessas 400 mulheres.

Você, com a sua estranha fé que já demonstrou ao longo de todos esses anos neste fórum, é que prefere acreditar que TODAS essas mulheres estão dizendo a verdade como se isso somasse pontos a algum tipo de causa em defesa das mulheres em geral. Negar a inexistência de vagabundas não ajuda em nada e reconhecer a existência delas está longe de ser um subterfúgio.

Eu me importo toda vez que vejo reações misóginas em casos como esses. Você tentou desqualificar parte das vítimas com base no seu achismo estatístico, não tem cabimento.

Claro...no seu mundinho encantado do unicórnio cor de rosa não existem vagabundas mas existem ameaças misóginas  fundamentadas em "achismos" estatísticos.

É o que você fez no seu post. Tentou achar o que você chama de "vagabundas" entre as vítimas que denunciaram o estuprador em série sem qualquer evidência, pior ainda, sem qualquer relevância para caso, pois quem está sendo denunciado é o estuprador e não as mulheres. O que você fez, reconheça ou não, tem cunho misógino, tente entender isso. É o mesmo caso de culpar a moça que usou uma minisaia por ser estuprada.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Fenrir em 19 de Dezembro de 2018, 18:30:23
É um caso complexo, por causa do numero enorme de vítimas.
Suponha que dentre as X vítimas reais, exista uma que nada sofreu e pense em se aproveitar da situação para se dar bem.
Isso não é uma possibilidade?

Reparem que isto não isenta o João de Deus, nem por um fio de cabelo que seja, pois basta que se comprove 1 caso destas centenas
para provar que ele é um abusador.
O que não se pode fazer é assumir por default que todas as acusações são verdadeiras porque o cara é o monstro abjeto que todos
nós sabemos que ele é.

Vi no fanático, da rede bobo, que alem de ser um abusador da pior espécie, era uma espécide de gangster mafioso na cidade dele...
e que tudo lá girava em torno dele e sua organização.
Me espanta como uma situação tão extrema perdurou por tanto tempo. Como ninguem meteu umas balas nesse cara?
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Arcanjo Lúcifer em 20 de Dezembro de 2018, 02:57:27
Citar
Suponha que dentre as X vítimas reais, exista uma que nada sofreu e pense em se aproveitar da situação para se dar bem.
Isso não é uma possibilidade?

Reparem que isto não isenta o João de Deus, nem por um fio de cabelo que seja, pois basta que se comprove 1 caso destas centenas
para provar que ele é um abusador.

É uma possibilidade bem real se vc levar em consideração que o vagabundo tem muito dinheiro e pode contratar "testemunhas" para caírem em contradições.

Colocar no meio das vítimas gente que poderia propositalmente colocar em dúvida todo o processo contra ele.
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Fernando Silva em 20 de Dezembro de 2018, 08:29:37
A velha tática de culpar quem não pode se defender ...


Citar
João de Deus coloca responsabilidade nos espíritos em depoimento à polícia e se contradiz

Médium diz que não entregava receitas, mas fiéis recebiam de suas mãos papéis com rúbricas que deveriam ser entregues na farmácia

Em depoimento à polícia, no dia 16 de dezembro, João Teixeira de Faria, conhecido como João de Deus, afirmou que não entrega receitas ao fiéis que vão à Casa de Dom Inácio de Loyola. Na realidade, ao passarem pela fila de atendimento, os fiéis recebem das mãos do próprio João papéis com rubricas feitas pelo médium, que devem ser entregues na farmácia da Casa na hora de comprar os remédios. No depoimento, João também responsabilizou "Deus" e "o espírito" pelos procedimentos feitos na casa.

https://oglobo.globo.com/sociedade/joao-de-deus-coloca-responsabilidade-nos-espiritos-em-depoimento-policia-se-contradiz-23317789
Título: Re:João de Deus
Enviado por: Gigaview em 19 de Janeiro de 2019, 00:37:27
Agora está explicado: João de Deus não é médium espírita, é médium católico.

Título: Re:João de Deus
Enviado por: EuSouOqueSou em 19 de Janeiro de 2019, 13:14:54
Agora está explicado: João de Deus não é médium espírita, é médium católico.

...

Quer dizer que ele é pedófilo tbm?  :susto:    ::)