Forum Clube Cetico

Discussões => Laicismo, Política e Economia => Tópico iniciado por: -Huxley- em 10 de Agosto de 2013, 14:13:10

Título: Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: -Huxley- em 10 de Agosto de 2013, 14:13:10
A evolução do desenvolvimento socioeconômico do Brasil na Era PT mostra que o chavão "Nunca antes na história deste país" é a farsa tupiniquim do século.... Na década de 2000, o boom no preço das commodities e a maior disponibilidade de mão-de-obra em relação aos países ricos (devido a maior taxa de subemprego/desemprego) beneficiaram não apenas o Brasil, mas também os países periféricos que não se chamam Brasil. Em média, eles se saíram um pouco melhor e/ou muito melhor do que nós, dependendo da classe de referência mencionada para a análise. Vejam...
 
IDH (esse índice é calculado com dados de 2 anos de defasagem em relação a publicação do mesmo, portanto tem-se o primeiro e o último ano do governo Lula)

Brasil (2005): 0,699
Brasil (2012): 0,730

Crescimento de 4,43% de 2005 a 2012

América Latina (2005): 0,710
América Latina (2012): 0,744

Crescimento de 4,79% de 2005 a 2012

“Least developed countries” (2005): 0,401
“Least developed countries” (2012): 0,449

Crescimento de 11,97% de 2005 a 2012

Fonte: http://hdrstats.undp.org/en/tables/

(http://www.mercadocomum.com/imagensrevista/graficos226/98a102/quadro3.JPG)

Como já se não bastasse ter sido "abaixo da média", a situação vem piorando nos últimos tempos e a tendência é o resto dos países periféricos nos deixarem ainda mais para trás:

(http://oglobo.globo.com/infograficos/ranking-pib/ranking-pib-2.jpg)

Fonte: O Globo
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Buckaroo Banzai em 10 de Agosto de 2013, 14:50:40
"Quanto pessimismo, tem pessoas que não conseguem mesmo ver o lado positivo da situação"

"Pois é, ainda mais se a situação das pessoas mais pobres melhorou como nunca, para certas pessoas isso é insuportável"
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Vento Sul em 10 de Agosto de 2013, 19:34:50
E nos governos anteriores? Superaram os outros países? Gostaria de ver os grafiquinhos comparativos também. 
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Luiz F. em 10 de Agosto de 2013, 21:02:54
É só procurar e ver/colar aqui.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: -Huxley- em 10 de Agosto de 2013, 22:46:01
E nos governos anteriores? Superaram os outros países?

Sim, e para ambos os indicadores que citei (IDH e PIB). Em grandes agregados de períodos específicos de governos anteriores ao governo Lula, o Brasil superou o ritmo de crescimento de desenvolvimento socioeconômico do resto da América Latina e do resto do mundo.

Lembrando que: (1) no link do site da ONU, não consta IDH anterior a 1980; (2) o IDH de 2005 foi feito com dados de 2003, primeiro ano do governo Lula...

IDH

Brasil (1980): 0,522
Brasil (2005): 0,699

Crescimento de 33,91% de 1980 a 2005

América Latina (1980): 0,574
América Latina (2005): 0,710

Crescimento de 23,69% de 1980 a 2005

Mundo: 0,561 (1980)
Mundo: 0,666 (2005)

Crescimento de 18,72% de 1980 a 2005

Fonte: http://hdrstats.undp.org/en/tables/

PIB

Do sociólogo Paulo Roberto de Almeida:

“O crescimento da economia brasileira registrou grande dinamismo no século XX, pelo menos até seu último quarto: a taxa de expansão do PIB, entre 1870 e 1987, foi de 4,4% ao ano, em média, desempenho poucas vezes igualado na história mundial (Maddison, 1989). Entre 1870 e 1987, o PIB brasileiro foi multiplicado 157 vezes, contra apenas 84 vezes para o Japão e 53 para os Estados Unidos, as duas outras economias de grande dinamismo desde o início da segunda Revolução Industrial.

(...)

O Brasil não teve um padrão de desempenho econômico diferente da América Latina, mas seu desempenho foi mais satisfatório em termos de crescimento no período de pouco mais de um século que vai de 1870 aos anos 1980.

Fonte: http://www.pralmeida.org/05DocsPRA/713insercao.html
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: _Juca_ em 10 de Agosto de 2013, 23:32:29
http://www.indexmundi.com/g/g.aspx?v=65&c=ar&c=br&c=ci&c=co&c=mx&c=ve&l=en

O Brasil ta na média dos seus pares em termos de crescimento.

E em todo o processo histórico de crescimento, o Brasil foi o país onde a disparidade de renda foi a maior, absurdamente concentrada. Assim, em todos os anos espetaculares de crescimento, ele aconteceu assim tão espetacularmente, somente para os mais ricos, bem ao contrário do aconteceu nos últimos 15 anos, onde os mais ricos perderam em crescimento de renda para os mais pobres, revertendo pela primeira vez esse processo bizarro. Esse é que foi o "nunca antes na história desse país", que aliás, continua acontecendo mesmo nesse momento de menor crescimento.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: -Huxley- em 11 de Agosto de 2013, 08:43:15
Mas apesar da "maravilhosa diminuição da desigualdade de renda", o crescimento do desenvolvimento SOCIOeconômico do Brasil - medido pelo crescimento do IDH - ficou abaixo do resto da América Latina, coisa que NÃO aconteceu do início dos anos 80 até o início do mandato de Lula.

E decréscimo da desigualdade de renda (e/ou de outros recursos) NÃO É indicador de crescimento da qualidade de vida dos mais pobres.

Notícia publicada em O Globo de 25 de junho de 2006:

"Tomemos como exemplo o índice de Gini, o indicador que mede a desigualdade na distribuição de renda variando de zero (quando não há desigualdade) a um (desigualdade máxima). O índice da China, em 2004, era de 0,47. Mas este indicador era de 0,45 em 2002. E 0,37 em 1999. E menor ainda, 0,32, em 1987, no início da abertura econômica no país."

Mesmo os chineses mais miseráveis estavam melhor em 2004 do que em 1987. A situação de maior igualdade de anteriormente era "preferível" à situação de maior desigualdade de 2004? Pobre China desigualdademaníaca, seu crescimento do IDH superou largamente o do Brasil distributivista nos últimos tempos.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: _Juca_ em 11 de Agosto de 2013, 11:14:25
Mas apesar da "maravilhosa diminuição da desigualdade de renda", o crescimento do desenvolvimento SOCIOeconômico do Brasil - medido pelo crescimento do IDH - ficou abaixo do resto da América Latina, coisa que NÃO aconteceu do início dos anos 80 até o início do mandato de Lula.

E decréscimo da desigualdade de renda (e/ou de outros recursos) NÃO É indicador de crescimento da qualidade de vida dos mais pobres.

Notícia publicada em O Globo de 25 de junho de 2006:

"Tomemos como exemplo o índice de Gini, o indicador que mede a desigualdade na distribuição de renda variando de zero (quando não há desigualdade) a um (desigualdade máxima). O índice da China, em 2004, era de 0,47. Mas este indicador era de 0,45 em 2002. E 0,37 em 1999. E menor ainda, 0,32, em 1987, no início da abertura econômica no país."

Mesmo os chineses mais miseráveis estavam melhor em 2004 do que em 1987. A situação de maior igualdade de anteriormente era "preferível" à situação de maior desigualdade de 2004? Pobre China desigualdademaníaca, seu crescimento do IDH superou largamente o do Brasil distributivista nos últimos tempos.

Huxley, não adianta a gente ficar tentando arrancar mágica dos números, eu posso demonstrar para você aqui, que a partir de um certo momento, quando o IDH atinge um nível maior, fica mais difícil crescer aceleradamente, mas não importa, porque podemos arrancar muitos argumentos desses números, dependendo de como se quer analisar. O fato é, a qualidade de vida dos brasileiros que viviam nas classe D e E, que eram uma grande maioria, melhoraram muito. Se isso aconteceu no governo do PT, azar de quem não gosta deles, mas aconteceu, e foi fruto de uma estratégia de governo aliada a outros fatores econômicos favoráveis. Se foi melhor no resto da América Latina também não importa tanto, porque uma grande parte dela hsitoricamente tem índices sempre melhores e vão continuar a ter, o que importa mesmo é que "nunca antes na história desse país", houve uma fase de crescimento econômico vibrante que contemplasse principalmente os mais pobres. Querer relativizar esse fato, é querer anular a história, não dá.

Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Feliperj em 11 de Agosto de 2013, 14:30:18
Mas apesar da "maravilhosa diminuição da desigualdade de renda", o crescimento do desenvolvimento SOCIOeconômico do Brasil - medido pelo crescimento do IDH - ficou abaixo do resto da América Latina, coisa que NÃO aconteceu do início dos anos 80 até o início do mandato de Lula.

E decréscimo da desigualdade de renda (e/ou de outros recursos) NÃO É indicador de crescimento da qualidade de vida dos mais pobres.

Notícia publicada em O Globo de 25 de junho de 2006:

"Tomemos como exemplo o índice de Gini, o indicador que mede a desigualdade na distribuição de renda variando de zero (quando não há desigualdade) a um (desigualdade máxima). O índice da China, em 2004, era de 0,47. Mas este indicador era de 0,45 em 2002. E 0,37 em 1999. E menor ainda, 0,32, em 1987, no início da abertura econômica no país."

Mesmo os chineses mais miseráveis estavam melhor em 2004 do que em 1987. A situação de maior igualdade de anteriormente era "preferível" à situação de maior desigualdade de 2004? Pobre China desigualdademaníaca, seu crescimento do IDH superou largamente o do Brasil distributivista nos últimos tempos.

Huxley, não adianta a gente ficar tentando arrancar mágica dos números, eu posso demonstrar para você aqui, que a partir de um certo momento, quando o IDH atinge um nível maior, fica mais difícil crescer aceleradamente, mas não importa, porque podemos arrancar muitos argumentos desses números, dependendo de como se quer analisar. O fato é, a qualidade de vida dos brasileiros que viviam nas classe D e E, que eram uma grande maioria, melhoraram muito. Se isso aconteceu no governo do PT, azar de quem não gosta deles, mas aconteceu, e foi fruto de uma estratégia de governo aliada a outros fatores econômicos favoráveis. Se foi melhor no resto da América Latina também não importa tanto, porque uma grande parte dela hsitoricamente tem índices sempre melhores e vão continuar a ter, o que importa mesmo é que "nunca antes na história desse país", houve uma fase de crescimento econômico vibrante que contemplasse principalmente os mais pobres. Querer relativizar esse fato, é querer anular a história, não dá.

Juca,

E qual estratégia foi essa? vc pode descrevê-la?

De onde o dinheiro migrou : dos ricos para os pobres, ou da classe média para os pobres?

Abs
Felipe
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Price em 11 de Agosto de 2013, 15:38:23
o que importa mesmo é que "nunca antes na história desse país", houve uma fase de crescimento econômico vibrante que contemplasse principalmente os mais pobres. Querer relativizar esse fato, é querer anular a história, não dá.

Se a dita melhora social não tivesse vindo de políticas feitas sob medida nem de alterações nos índices e nas avaliações você teria razão.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Buckaroo Banzai em 11 de Agosto de 2013, 19:00:34


Citar
http://marcolonguinhos.wordpress.com/cap/

[...]

(http://marcolonguinhos.files.wordpress.com/2009/02/grafico3.gif)

Gráfico: Taxa de crescimento médio da renda familiar per capita por décimos da distribuição entre 2003 e 2007.

Gráfico: Taxa de crescimento médio da renda familiar per capita por décimos da distribuição entre 2003 e 2007.

Fonte: PNAD(2000 A 2007).

O gráfico acima também confirma desta feita, através da observação do comportamento da renda familiar média os resultados alcançados principalmente sobre a renda dos 10% mais pobres da população. Reforça assim as observações apresentadas em parágrafo anterior que apontam a provável força com que programas sociais, calcados na transferência de renda para grupos com maior vulnerabilidade social e econômica influenciam positivamente no crescimento da renda refletindo possíveis impactos nas taxas de pobreza e indigência.




Citar

Dados vol. 41 n. 4 Rio de Janeiro  1998

http://dx.doi.org/10.1590/S0011-52581998000400004
O BRASIL NO FINAL DO SÉCULO XX: UM CASO DE SUCESSO



(http://www.scielo.br/img/fbpe/dados/v41n4/image3148.gif)

http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0011-52581998000400004&script=sci_arttext

Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: _Juca_ em 11 de Agosto de 2013, 19:25:05


Juca,

E qual estratégia foi essa? vc pode descrevê-la?

De onde o dinheiro migrou : dos ricos para os pobres, ou da classe média para os pobres?

Abs
Felipe

Primeiramente o dinheiro não migrou de uma classe para outra. O governo não tirou dinheiro dos ricos para dar ao pobres. O ricos também ficaram mais ricos, mas a uma taxa inferior a evolução econômica dos mais pobres. Foi a distribuição da riqueza gerada que mudou. Essa distribuição de renda veio de uma série de fatores e não pode ser explicada de forma muito simples. Um dos principais fatores foram os programas sociais, com o Bolsa Família em destaque, e os programas de concessão de crédito para casa própria, além do fato de que as famílias brasileiras eram pouco endividadas o que facilitou num primeiro momento uma corrida ao consumo que parece estar esgotada agora. Também a concessão de crédito para estudantes, os mega projetos de infraestrutura que mantém o mercado de trabalho aquecido e a política sistemática de aumento do salário mínimo acima da inflação  quase ao longo de 2 décadas, foram e estão sendo muito importantes para mudar e depois fixar uma grande parte da população brasileira num outro patamar de vida.

Soma-se a esses fatores, a estabilidade institucional, financeira e política do Brasil, com dívida relacionada ao PIB em níveis seguros, grandes reservas monetárias e um grande parque industrial e de serviços mesmo pesando o fator China/Índia, além de eleições periódicas de dois em dois anos, chova ou faça sol. Fatores esses que permitiram que o governo pudesse executar essas ações, e algumas outras que não me ocorre agora, que permitiram a ascensão rápida de milhões de famílias a uma outra classe de consumo e bem estar social.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: _Juca_ em 11 de Agosto de 2013, 19:36:28
Eu acho que o que mais reflete a evolução econômica das famílias brasileiras são as viagens aéreas (http://www.bdobrazil.com.br/pt/analises/hotelariaturismo/Aumento%20da%20renda%20do%20brasileiro%20alavancou%20viagens%20a%C3%A9reas%20no%20Brasil.pdf).
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Moro em 11 de Agosto de 2013, 23:29:22
já mostrei com diversos dados em um tópico que inclusive em distribuição de renda o desempenho do petismo é ruim quando comparado a seus pares.  Basicamente uma década de oportunidades de ouro perdida.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Vento Sul em 11 de Agosto de 2013, 23:54:25
O FMI que o diga!

Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Moro em 12 de Agosto de 2013, 01:55:59
o que tem o FMI? acredita na estorinha de termos pago a dívida?
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Arcanjo Lúcifer em 12 de Agosto de 2013, 08:14:29
O FMI que o diga!



Citar
http://economia.uol.com.br/noticias/reuters/2013/07/27/brasil-pede-que-fmi-revise-modo-como-calcula-a-divida.htm

Citar
Reuters  27/07/2013  18h50

Citar
BRASÍLIA/SÃO PAULO, 27 Jul (Reuters) - O Brasil pediu ao Fundo Monetário Internacional que revise o modo como mede a dívida bruta dos países, dizendo que a metodologia infla o indicador, segundo uma carta que o governo enviou ao FMI.

Na carta à diretora-gerente do Fundo, Christine Lagarde, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, pediu que o FMI revise o cálculo da dívida bruta, que é a soma de todas as dívidas do governo em nível federal e regional e das empresas estatais.

Segundo Mantega, o tema tem sido discutido amplamente várias vezes com o staff do FMI nos últimos anos.

"O governo brasileiro entende que um critério padrão para as estatísticas nacionais é necessário para o FMI. No entanto, uma vez que o atual critério distorce a estimativa da dívida bruta governamental do Brasil, nós pedimos uma revisão metodológica", disse Mantega na carta, da qual a Reuters obteve uma cópia.

Pelos parâmetros do FMI, a dívida bruta representava 68 por cento do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil no fim do ano passado, comparado com os 58,7 por cento estimados pelo Banco Central.

Mantega está pedindo ao FMI para reconsiderar a inclusão do montante da dívida do Tesouro Nacional detida pelo BC no cálculo da dívida, afirmando que os títulos não são usados como garantia em operações de política monetária.

O pedido do ministro ocorre num momento em que tem aumentado as preocupações dos investidores sobre os esforços do governo para relaxar os padrões de contabilidade das contas públicas no Brasil.

Nos últimos anos, o governo tem excluído gastos de algumas estatais do seu cálculo do superávit primário, uma medida chave do desempenho fiscal.

(Reportagem de Alonso Soto, em Brasília, e Guillermo Parra-Bernal, em São Paulo)


Engraçado...a notícia é de 2013, o Apedeuta Imundo disse que a dívida com o FMI estava paga mas o Margarina  quer que o FMI recalcule a tal dívida que "está paga"?

Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: _Juca_ em 12 de Agosto de 2013, 08:30:09
já mostrei com diversos dados em um tópico que inclusive em distribuição de renda o desempenho do petismo é ruim quando comparado a seus pares.  Basicamente uma década de oportunidades de ouro perdida.

Demonstrou mal pelo jeito, o Brasil não foi o melhor, nem o pior, e a desigualdade e o crescimento foram consistentes para alguém querer insinuar de algum modo que foram ruins.

http://www.ihu.unisinos.br/noticias/515525-o-crescimento-e-a-distribuicao-progressiva-na-america-latina

http://dssbr.org/site/2012/11/diminuicao-das-desigualdades-de-renda-na-america-latina-nos-anos-2000/
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Vento Sul em 12 de Agosto de 2013, 10:02:45
Essa imprensa sempre distorcendo os fatos...

http://oglobo.globo.com/infograficos/divida-crise/
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: _Juca_ em 12 de Agosto de 2013, 11:41:59
O FMI que o diga!



Citar
http://economia.uol.com.br/noticias/reuters/2013/07/27/brasil-pede-que-fmi-revise-modo-como-calcula-a-divida.htm

Citar
Reuters  27/07/2013  18h50

Citar
BRASÍLIA/SÃO PAULO, 27 Jul (Reuters) - O Brasil pediu ao Fundo Monetário Internacional que revise o modo como mede a dívida bruta dos países, dizendo que a metodologia infla o indicador, segundo uma carta que o governo enviou ao FMI.

Na carta à diretora-gerente do Fundo, Christine Lagarde, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, pediu que o FMI revise o cálculo da dívida bruta, que é a soma de todas as dívidas do governo em nível federal e regional e das empresas estatais.

Segundo Mantega, o tema tem sido discutido amplamente várias vezes com o staff do FMI nos últimos anos.

"O governo brasileiro entende que um critério padrão para as estatísticas nacionais é necessário para o FMI. No entanto, uma vez que o atual critério distorce a estimativa da dívida bruta governamental do Brasil, nós pedimos uma revisão metodológica", disse Mantega na carta, da qual a Reuters obteve uma cópia.

Pelos parâmetros do FMI, a dívida bruta representava 68 por cento do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil no fim do ano passado, comparado com os 58,7 por cento estimados pelo Banco Central.

Mantega está pedindo ao FMI para reconsiderar a inclusão do montante da dívida do Tesouro Nacional detida pelo BC no cálculo da dívida, afirmando que os títulos não são usados como garantia em operações de política monetária.

O pedido do ministro ocorre num momento em que tem aumentado as preocupações dos investidores sobre os esforços do governo para relaxar os padrões de contabilidade das contas públicas no Brasil.

Nos últimos anos, o governo tem excluído gastos de algumas estatais do seu cálculo do superávit primário, uma medida chave do desempenho fiscal.

(Reportagem de Alonso Soto, em Brasília, e Guillermo Parra-Bernal, em São Paulo)


Engraçado...a notícia é de 2013, o Apedeuta Imundo disse que a dívida com o FMI estava paga mas o Margarina  quer que o FMI recalcule a tal dívida que "está paga"?



Arcanjo, eles estão discutindo metodologia para cálculo de dívida bruta dos países. O Brasil não tem dívidas com o FMI.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Price em 12 de Agosto de 2013, 13:16:09
O Brasil só tem dívida externa, aquela mesma que fora quitada com o aumento da dívida interna mas voltou e já está na casa dos 400bi. Mantega só quer mudar a metodologia porque sabe que o ministério dele entra em xeque se não houver maquiagem dos dados, assim como ocorreu anteriormente, em situações parecidas, a alteração dos critérios de delimitação das classes econômicas (nego que recebe 1,2k/mês agora é classe média).

Já a Paridade ele não quer mudar, porque lhe convém, mesmo que ela muitas vezes seja desconsiderada nos estudos econômicos por conta de suas limitações teóricas e de aplicabilidade.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Gaúcho em 12 de Agosto de 2013, 13:57:03
R$1.200,00? Pfff, amador.

É assim que se tira milhões da pobreza com uma canetada.

Governo define que classe média tem renda entre R$ 291 e R$ 1.019 (http://economia.terra.com.br/noticias/noticia.aspx?idNoticia=201205292358_ABR_81254846)
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Price em 12 de Agosto de 2013, 14:13:07
Isso, tinha me esquecido do valor. :ok:
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: _Juca_ em 12 de Agosto de 2013, 15:01:36
O Brasil só tem dívida externa, aquela mesma que fora quitada com o aumento da dívida interna mas voltou e já está na casa dos 400bi. Mantega só quer mudar a metodologia porque sabe que o ministério dele entra em xeque se não houver maquiagem dos dados, assim como ocorreu anteriormente, em situações parecidas, a alteração dos critérios de delimitação das classes econômicas (nego que recebe 1,2k/mês agora é classe média).

Já a Paridade ele não quer mudar, porque lhe convém, mesmo que ela muitas vezes seja desconsiderada nos estudos econômicos por conta de suas limitações teóricas e de aplicabilidade.


O Brasil só tem dívida externa? Cuma?

Reservas internacionias = 378 bi
Dívida externa = 318 bi

Saldo positivo= 60 bi

A briga do governo é pela metodologia de contagem da dívida bruta, até onde li, não se refere a dívida externa, qual a confusão?

Desses 318 bi a parte do governo é de cerca de US$ 80 bi, o resto é privado.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Derfel em 12 de Agosto de 2013, 15:23:24
R$1.200,00? Pfff, amador.

É assim que se tira milhões da pobreza com uma canetada.

Governo define que classe média tem renda entre R$ 291 e R$ 1.019 (http://economia.terra.com.br/noticias/noticia.aspx?idNoticia=201205292358_ABR_81254846)
Renda familiar per capta.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Skorpios em 12 de Agosto de 2013, 15:41:19
R$1.200,00? Pfff, amador.

É assim que se tira milhões da pobreza com uma canetada.

Governo define que classe média tem renda entre R$ 291 e R$ 1.019 (http://economia.terra.com.br/noticias/noticia.aspx?idNoticia=201205292358_ABR_81254846)
Renda familiar per capta.

Então se numa família de 3 pessoas cada uma ganha R$ 300,00, é considerada classe média? Por favor...
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Gaúcho em 12 de Agosto de 2013, 15:49:19
R$1.200,00? Pfff, amador.

É assim que se tira milhões da pobreza com uma canetada.

Governo define que classe média tem renda entre R$ 291 e R$ 1.019 (http://economia.terra.com.br/noticias/noticia.aspx?idNoticia=201205292358_ABR_81254846)
Renda familiar per capta.

Yep, eu estava ciente, e eu não consigo entender como, de alguma maneira, você achou que isso ia tornar as coisas melhores ou, até mesmo, aceitáveis.

"Ah, é per capita? Então não é absurdo mesmo. R$300,00 por cabeça é o suficiente para uma vida confortável e um carro na garagem."

Como bem colocou o Skorpios, por favor, né.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Buckaroo Banzai em 12 de Agosto de 2013, 17:15:17
PT e a FÉ EM DEUS foram os fatores que levaram a todas as melhoras observadas no Brasil:


http://g1.globo.com/Noticias/Brasil/0,,MUL30391-5598,00-CAI+O+NUMERO+DE+BRASILEIROS+SEM+RELIGIAO.html

" Os sem religião, que em 2000 eram pouco mais de 7%, passaram a 5% da população."

Sem dúvida o efeito deve ter sido sentido tanto na economia, como na redução de crimes bárbaros.

Imagine como poderia ser o país se o número chegasse a 0%...
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Arcanjo Lúcifer em 12 de Agosto de 2013, 17:16:39
O FMI que o diga!



Citar
http://economia.uol.com.br/noticias/reuters/2013/07/27/brasil-pede-que-fmi-revise-modo-como-calcula-a-divida.htm

Citar
Reuters  27/07/2013  18h50

Citar
BRASÍLIA/SÃO PAULO, 27 Jul (Reuters) - O Brasil pediu ao Fundo Monetário Internacional que revise o modo como mede a dívida bruta dos países, dizendo que a metodologia infla o indicador, segundo uma carta que o governo enviou ao FMI.

Na carta à diretora-gerente do Fundo, Christine Lagarde, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, pediu que o FMI revise o cálculo da dívida bruta, que é a soma de todas as dívidas do governo em nível federal e regional e das empresas estatais.

Segundo Mantega, o tema tem sido discutido amplamente várias vezes com o staff do FMI nos últimos anos.

"O governo brasileiro entende que um critério padrão para as estatísticas nacionais é necessário para o FMI. No entanto, uma vez que o atual critério distorce a estimativa da dívida bruta governamental do Brasil, nós pedimos uma revisão metodológica", disse Mantega na carta, da qual a Reuters obteve uma cópia.

Pelos parâmetros do FMI, a dívida bruta representava 68 por cento do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil no fim do ano passado, comparado com os 58,7 por cento estimados pelo Banco Central.

Mantega está pedindo ao FMI para reconsiderar a inclusão do montante da dívida do Tesouro Nacional detida pelo BC no cálculo da dívida, afirmando que os títulos não são usados como garantia em operações de política monetária.

O pedido do ministro ocorre num momento em que tem aumentado as preocupações dos investidores sobre os esforços do governo para relaxar os padrões de contabilidade das contas públicas no Brasil.

Nos últimos anos, o governo tem excluído gastos de algumas estatais do seu cálculo do superávit primário, uma medida chave do desempenho fiscal.

(Reportagem de Alonso Soto, em Brasília, e Guillermo Parra-Bernal, em São Paulo)


Engraçado...a notícia é de 2013, o Apedeuta Imundo disse que a dívida com o FMI estava paga mas o Margarina  quer que o FMI recalcule a tal dívida que "está paga"?



Arcanjo, eles estão discutindo metodologia para cálculo de dívida bruta dos países. O Brasil não tem dívidas com o FMI.

Trocou a dívida com o FMI por uma dívida interna com juros muito maiores, já explicado em outro tópico.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Arcanjo Lúcifer em 12 de Agosto de 2013, 17:19:59
R$1.200,00? Pfff, amador.

É assim que se tira milhões da pobreza com uma canetada.

Governo define que classe média tem renda entre R$ 291 e R$ 1.019 (http://economia.terra.com.br/noticias/noticia.aspx?idNoticia=201205292358_ABR_81254846)

Peraí...aí diz que "a alta classe média, com renda superior a R$ 641 e inferior a R$ 1.019."

ALTA classe média tem renda de 1000 paus.

Assim fica fácil tirar os pobres da miséria, é só mudar a classificação.

*Por pessoa? Legal, agora a família com três pessoas e 900 paus é classe média baixa, três pessoas e 1900 paus é classe média, e acima de 3000 paus é classe média alta, mesmo que um aluguel de uma casa modesta em SP bata os 1000 mensais.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: _Juca_ em 12 de Agosto de 2013, 17:22:59
O FMI que o diga!



Citar
http://economia.uol.com.br/noticias/reuters/2013/07/27/brasil-pede-que-fmi-revise-modo-como-calcula-a-divida.htm

Citar
Reuters  27/07/2013  18h50

Citar
BRASÍLIA/SÃO PAULO, 27 Jul (Reuters) - O Brasil pediu ao Fundo Monetário Internacional que revise o modo como mede a dívida bruta dos países, dizendo que a metodologia infla o indicador, segundo uma carta que o governo enviou ao FMI.

Na carta à diretora-gerente do Fundo, Christine Lagarde, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, pediu que o FMI revise o cálculo da dívida bruta, que é a soma de todas as dívidas do governo em nível federal e regional e das empresas estatais.

Segundo Mantega, o tema tem sido discutido amplamente várias vezes com o staff do FMI nos últimos anos.

"O governo brasileiro entende que um critério padrão para as estatísticas nacionais é necessário para o FMI. No entanto, uma vez que o atual critério distorce a estimativa da dívida bruta governamental do Brasil, nós pedimos uma revisão metodológica", disse Mantega na carta, da qual a Reuters obteve uma cópia.

Pelos parâmetros do FMI, a dívida bruta representava 68 por cento do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil no fim do ano passado, comparado com os 58,7 por cento estimados pelo Banco Central.

Mantega está pedindo ao FMI para reconsiderar a inclusão do montante da dívida do Tesouro Nacional detida pelo BC no cálculo da dívida, afirmando que os títulos não são usados como garantia em operações de política monetária.

O pedido do ministro ocorre num momento em que tem aumentado as preocupações dos investidores sobre os esforços do governo para relaxar os padrões de contabilidade das contas públicas no Brasil.

Nos últimos anos, o governo tem excluído gastos de algumas estatais do seu cálculo do superávit primário, uma medida chave do desempenho fiscal.

(Reportagem de Alonso Soto, em Brasília, e Guillermo Parra-Bernal, em São Paulo)


Engraçado...a notícia é de 2013, o Apedeuta Imundo disse que a dívida com o FMI estava paga mas o Margarina  quer que o FMI recalcule a tal dívida que "está paga"?



Arcanjo, eles estão discutindo metodologia para cálculo de dívida bruta dos países. O Brasil não tem dívidas com o FMI.

Trocou a dívida com o FMI por uma dívida interna com juros muito maiores, já explicado em outro tópico.

Para trocar a dívida externa pela interna o Brasil teria que estar com uma relação dívida PIB talvez, o dobro da de hoje, dado o tamanho da dívida em certos momentos da história.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Buckaroo Banzai em 12 de Agosto de 2013, 17:25:40
R$1.200,00? Pfff, amador.

É assim que se tira milhões da pobreza com uma canetada.

Governo define que classe média tem renda entre R$ 291 e R$ 1.019 (http://economia.terra.com.br/noticias/noticia.aspx?idNoticia=201205292358_ABR_81254846)

Peraí...aí diz que "a alta classe média, com renda superior a R$ 641 e inferior a R$ 1.019."

ALTA classe média tem renda de 1000 paus.

Assim fica fácil tirar os pobres da miséria, é só mudar a classificação.

*Por pessoa? Legal, agora a família com três pessoas e 900 paus é classe média baixa, três pessoas e 1900 paus é classe média, e acima de 3000 paus é classe média alta, mesmo que um aluguel de uma casa modesta em SP bata os 1000 mensais.

Melhor ainda com programas como "Brasil carinhoso" que completa R$ 2,00 que parte dos assistidos pelo Bolsa Família precisam para poderem ser classificáveis como classe média. Os R$ 2,00 podem ser crédito sacável no cartão do BF, ou em balinhas.

http://www1.folha.uol.com.br/poder/1225000-13-mil-familias-deixam-lista-da-miseria-apos-extra-de-r-2.shtml


Se fosse o FHC no cargo quanado aplicam um golpe desses, ele teria sido linchado em praça pública pelos petistas.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Arcanjo Lúcifer em 12 de Agosto de 2013, 17:39:10
Não sabia dessa, acho que é por isso chamam o programa de "Brasil Carinhoso", a grana só dá para comprar uma camisinha. :lol:

Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Vento Sul em 12 de Agosto de 2013, 17:50:27

Se fosse o FHC no cargo quanado aplicam um golpe desses, ele teria sido linchado em praça pública pelos petistas.

Com certeza seria denunciado pela Siemens :hihi:
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Arcanjo Lúcifer em 12 de Agosto de 2013, 17:58:23

Se fosse o FHC no cargo quanado aplicam um golpe desses, ele teria sido linchado em praça pública pelos petistas.

Com certeza seria denunciado pela Siemens :hihi:

Aquela mesma Siemens que tb está na maracutaia do Metrô do Distrito Federal e fez doações para campanha da Dilma?
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Derfel em 12 de Agosto de 2013, 18:26:38
R$1.200,00? Pfff, amador.

É assim que se tira milhões da pobreza com uma canetada.

Governo define que classe média tem renda entre R$ 291 e R$ 1.019 (http://economia.terra.com.br/noticias/noticia.aspx?idNoticia=201205292358_ABR_81254846)
Renda familiar per capta.

Yep, eu estava ciente, e eu não consigo entender como, de alguma maneira, você achou que isso ia tornar as coisas melhores ou, até mesmo, aceitáveis.

"Ah, é per capita? Então não é absurdo mesmo. R$300,00 por cabeça é o suficiente para uma vida confortável e um carro na garagem."

Como bem colocou o Skorpios, por favor, né.

Interessante a questão de classe média e sua classificação. O que é classe média? Existem diversas formas de classificar  e quantificar a classe média. A consultoria Ernst & Young (EY), com base em estudos iniciados em 2010 pela Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), denomina como pertencentes à “classe média global” os indivíduos com rendimento diário entre US$ 10 e US$ 100 (R$ 681,00 a R$ 6.810,00, mensais, a cotação de 2,27). Pelo critério, a classe média reduziria de 53% para 41% (não seria mais a maioria, mas ainda teria um avanço considerável). O Banco Mundial considera classe média quem ganha entre US$ 2,00 a US$ 13,00 diários (R$ 136,20 a R$ 885,30 mensais, com o dólar a R$ 2,27).

Fonte: http://www.sae.gov.br/site/?p=17295

Porém, considero que apenas considerar o valor econômico como classificação do que seria classe média meio deficiente. Existem questões como anos de estudo, visão de mundo, tipo de consumo, valores culturais... e por aí vai.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Derfel em 12 de Agosto de 2013, 18:29:19

Se fosse o FHC no cargo quanado aplicam um golpe desses, ele teria sido linchado em praça pública pelos petistas.

Com certeza seria denunciado pela Siemens :hihi:

Aquela mesma Siemens que tb está na maracutaia do Metrô do Distrito Federal e fez doações para campanha da Dilma?

No DF não foi concretizado. http://oglobo.globo.com/pais/acordo-realizado-em-licitacao-do-metro-do-df-nao-chegou-ser-cumprido-diz-siemens-9430298
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Price em 12 de Agosto de 2013, 19:23:15
O Brasil só tem dívida externa? Cuma?

Reservas internacionias = 378 bi
Dívida externa = 318 bi

Saldo positivo= 60 bi

A briga do governo é pela metodologia de contagem da dívida bruta, até onde li, não se refere a dívida externa, qual a confusão?

Desses 318 bi a parte do governo é de cerca de US$ 80 bi, o resto é privado.


O texto fala de dívida externa e o arcanjo confunde com o FMI, o Brasil só tem a primeira, entre as duas, não entre todos os tipos de dívida.

O endividamento da iniciativa privada tem justificativa:


Citar
Com isso, o endividamento externo do país subiu do equivalente a 12% do PIB (Produto Interno Bruto) para 13,9% neste ano, após quatro anos de relativa estabilidade.

O levantamento foi feito pela equipe do banco Credit Suisse, que atribui parte desse aumento à fixação de barreiras à entrada de capital externo, iniciada em 2010.

Para tentar refrear o fluxo de recursos estrangeiros que entrava no país e valorizava o real em relação ao dólar, o governo impôs IOF de 6% na compra de títulos públicos por estrangeiros.

"Quando o governo decide impor IOF para operações com seus papéis, esses recursos deixam de entrar, mas as empresas percebem que há demanda por títulos brasileiros e vão para o mercado externo captar com taxas mais baixas", afirma o economista-chefe do Credit Suisse, Nilson Teixeira.

(http://f.i.uol.com.br/folha/mercado/images/131301243.jpeg)

http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2013/05/1276916-divida-externa-brasileira-cresce-60-desde-a-crise-financeira-de-2008.shtml

Sobre as operações da dívida que já foi postado em outro tópico:

Citar
A dívida interna do Brasil, que montava R$ 892,4 bilhões quando Lula assumiu o governo em 2003, atingiu em 2009 o montante de R$ 1,40 trilhão de reais e, segundo limites definidos pelo próprio governo, poderá fechar 2010 em R$ 1,73 trilhão de reais, quase o dobro. Crescimento de 94% em oito anos de governo.

Para 2010, segundo Plano Nacional de Financiamento do Tesouro Nacional, a necessidade bruta de financiamento para a dívida interna será de R$ 359,7 bilhões (12% do PIB), sendo R$ 280,0 bilhões para amortização do principal vencível em 2010 e R$ 79,7 bilhões somente para pagamento dos juros (economistas independentes estimam que a conta de juros passará de R$ 160,0 bilhões em 2010). Ou seja, mais uma vez, o governo, além de não amortizar um centavo da dívida principal, também não vai pagar os juros. Vai ter que rolar o principal e juros. E a dívida vai aumentar.

http://www.sonoticias.com.br/opiniao/2/100677/divida-interna-perigo-a-vista

Ainda existem diversas críticas ao ministério da fazenda que são muito mais contundentes que esta, algumas já estão no tópico.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Price em 12 de Agosto de 2013, 19:28:25
R$1.200,00? Pfff, amador.

É assim que se tira milhões da pobreza com uma canetada.

Governo define que classe média tem renda entre R$ 291 e R$ 1.019 (http://economia.terra.com.br/noticias/noticia.aspx?idNoticia=201205292358_ABR_81254846)
Renda familiar per capta.

Yep, eu estava ciente, e eu não consigo entender como, de alguma maneira, você achou que isso ia tornar as coisas melhores ou, até mesmo, aceitáveis.

"Ah, é per capita? Então não é absurdo mesmo. R$300,00 por cabeça é o suficiente para uma vida confortável e um carro na garagem."

Como bem colocou o Skorpios, por favor, né.

Interessante a questão de classe média e sua classificação. O que é classe média? Existem diversas formas de classificar e quantificar a classe média. A consultoria Ernst & Young (EY), com base em estudos iniciados em 2010 pela Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), denomina como pertencentes à “classe média global” os indivíduos com rendimento diário entre US$ 10 e US$ 100 (R$ 681,00 a R$ 6.810,00, mensais, a cotação de 2,27). Pelo critério, a classe média reduziria de 53% para 41% (não seria mais a maioria, mas ainda teria um avanço considerável). O Banco Mundial considera classe média quem ganha entre US$ 2,00 a US$ 13,00 diários (R$ 136,20 a R$ 885,30 mensais, com o dólar a R$ 2,27).

Fonte: http://www.sae.gov.br/site/?p=17295

Porém, considero que apenas considerar o valor econômico como classificação do que seria classe média meio deficiente. Existem questões como anos de estudo, visão de mundo, tipo de consumo, valores culturais... e por aí vai.

Só que classe média não é quantificada por valores universais porque os custos de vida não são universais ou muito menos relacionáveis. Achar uma "classe média global" é babaquice sem precedentes, basta uma simples análise; em Malawi quem recebe U$$ 13,00/dia é rei, quem recebe o mesmo em Luxemburgo é miserável.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Derfel em 12 de Agosto de 2013, 19:50:47
Então o cálculo da SAE para a classe média brasileira está correta?
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Price em 12 de Agosto de 2013, 20:00:44
Não mesmo, principalmente quando lemos na sua fonte frases como: "Na origem, 'média' é um conceito puramente matemático."
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Moro em 12 de Agosto de 2013, 20:09:03
já mostrei com diversos dados em um tópico que inclusive em distribuição de renda o desempenho do petismo é ruim quando comparado a seus pares.  Basicamente uma década de oportunidades de ouro perdida.

Demonstrou mal pelo jeito, o Brasil não foi o melhor, nem o pior, e a desigualdade e o crescimento foram consistentes para alguém querer insinuar de algum modo que foram ruins.

http://www.ihu.unisinos.br/noticias/515525-o-crescimento-e-a-distribuicao-progressiva-na-america-latina

http://dssbr.org/site/2012/11/diminuicao-das-desigualdades-de-renda-na-america-latina-nos-anos-2000/


 :histeria: :histeria: :histeria: :histeria:

vou lembra-lo nos próximos posts que sua informação da unisinos é apenas um auto-engano de quem quer acreditar que seu ídolo não faria algo menos que medíocre (ao menos já aceitou que é medíocre)
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Moro em 12 de Agosto de 2013, 20:09:21
Eu não sei onde o Juca diz que o PT fez a diferença para o Brasil. Ele está cometendo o erro do post hoc ergo propter hoc, isso é, pensando que o Brasil teve um desempenho temporário melhor por causa do PT, quando na verdade o PT não fez quase nada de relevante para dar mais eficiência ao brasil.

Primeiro o óbvio. Nós estamos longe de crescer como nossos pares e mal conseguimos seguir o crescimento mundial, mesmo sendo um país que deveria estar crescendo como seus pares na mesma situação.

(http://skoolvirekonomie.files.wordpress.com/2012/06/brics-growth.jpg)

Para continuar, se fosse uma questão de política petista que tivesse gerado o crescimento, onde está o crescimento agora? O próprio Juca já disse N vezes que a política da Dilma é a do Lula.. bom, esta uma merda. O pibinho está ai, o país estancado por falta de investimentos em infra e claro, os bandidos de sempre.

O país cresceu apenas porque houve uma demanda sem precedentes por matérias primas que o brasil estava apto a fornecer, e estava apto a fornecer não por causa do PT.


Quem fez algo estrutural para o país foi o governo tucano, que apesar de incompetente, teve uma fase medíocre o suficiente para deixar algo que preste para as gerações futuras.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Moro em 12 de Agosto de 2013, 20:09:54
Um bom link para pegar indicadores de países (inclusive download)

http://data.worldbank.org/indicator/NY.GDP.MKTP.KD.ZG/countries?display=default


o FHC cresceu em média (average) 2,31% com os principais países* do mundo crescendo em média 2,91%, américa latina** crescendo 1,61 e china crescendo 8,93

Lula cresceu 3,91% com os principais países do mundo crescendo 2,29, américa latina crescendo 5,21% e china crescendo 10,76

Não vejo grandes diferenças salvo que crescemos bem menos que nossos pares com Lula.

Mais uma vez, Lula não fez nada estrutural para poder se gabar de crescimento algum.

Principais países peguei amostra:
France
Germany
India
Italy
Japan
Korea, Rep.
Sweden
Switzerland
United Kingdom
United States


Países América Latina
Argentina
Brazil
Chile
Colombia
Mexico
Paraguay
Peru
Uruguay
Venezuela, RB

Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Moro em 12 de Agosto de 2013, 20:10:34
Juca, na verdade não há nada demais também em relação ao ganho de renda dos 20% mais pobres no Brasil

Em 1995, os 20% mais pobres tinham 2,2% da riqueza e terminou o período FHC com 2,29, a partir de um cenário de início de estabilização econômica

Lula pegou com 2,29 e levou para 2,73%.

Significativamente melhor que o FHC mas não existe revolução alguma.


A Russia sai de 4,41 em 95 para 6,46 em 2009 (ultimo dado)
A Argentina sai de 3,91 em 95 para 4,38 em 2010.

O cenário basicamente nesse quesito é bem decepcionante. A desigualdade continua imperando, em todos os paises.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Moro em 12 de Agosto de 2013, 20:11:16
Outro ponto é sobre a redução da miséria. Assim como no Brasil, o banco mundial (onde estou pegando as informações pelas planilhas excel fornecidas no link acima) define o miserável como aquele que ganha menos do que US$ 2/ Dia. Isso quer dizer que para o banco, se o cara ganha US$ 3 ao dia ele não é miserável, assim como para nosso governo.

Dito isso, praticamente todos os países pobres tiveram redução da miséria pela metodologia do BM, reduzimos os miseráveis pela canetada e não através de recursos.

Vejamos as REDUÇÕES da miséria (a partir de 2003)

Argentina: 90%
Brasil: 50%
Chile: 50%
Colombia: 60%
Mexico: 77%


O que deveria ser fácil de entender para os petistas. O mundo segue a lógica, não segue a ideologia. Se você tem um governo corrupto e populista, não pode sair algo sério disso, não importa a crença que se tenha nos seus ídolos.

É a mesma coisa quando os petistas perguntavam a mais insólita das perguntas: "Prove que a VZ está mal, prove que ela está desabastecida", o que deveria soar como "prove que a gravidade atrai os corpos para baixo".

O Brasil é isso aí.. e o PT representa um risco para a democracia.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Moro em 12 de Agosto de 2013, 20:13:03
E btw não existe nada mais relevante do que o desempenho comparado. Nosso desempenho foi medíocre, como era esperado pela falta de programas estruturantes do governo Lula.

Para aqueles que são analfabetos funcionais e não conseguem ler, o número de pessoas que saíram da miséria pelos dados do WB, quer sejam eles do Brasil ou de outro país que se mostrou mais eficiente nesse quesito, NÃO significa de maneira alguma que essa massa de pessoas deixaram a miséria. Pode significar (como provavelmente é verdade de acordo com o valor do bolsa família) que essa pessoa ganhava US$ 1,00 por dia e passou a US$2,5 por dia.

Para o WB e para as estatísticas brasileiras, essa pessoa não estaria mais na miséria, o que é impensável e amplamente rejeitado.

Todos os demais países, mais eficientes ou não, se usam da mesma estratégia.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Moro em 12 de Agosto de 2013, 20:13:34
Para deixar mais claro a farsa petista

Os 10% mais pobres dos seguintes países sairam de X% da riqueza em 2003 e foram para Y% em 2011

Argentina: 0,77 para 1,46
Brasil: 0,57 para 0,77
Chile 1,37 para 1,53
Colombia 0,37 para 0,87
Equador: 0,88 para 1,35

Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Moro em 12 de Agosto de 2013, 20:14:47
Juca países que tiveram mais pessoas que abandonaram a miséria pelo critério utilizado pelo Brasil

Honduras
Jordania
Kazakistao
Latvia
Lituania
Malasia
Moldova
Romenia
etc..

Ok, detonamos Mali, Malta,Macedonia, Liberia, Panama, Paraguay, Peru (por bem pouco), Ruanda, Senegal,
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Moro em 12 de Agosto de 2013, 20:15:57
E para fazer um resumo

Juca, você deveria ser inteligente, esqueça um pouco seu amor o PT.

1o: O número de pessoas que sairam da miséria pela estatística NÃO significa que saiu na vida real. Citando seu exemplo, um sujeito ou familia que ganhava US$ 1,2 e passou a ganhar US$ 2,1 teve 80% de aumento, saiu das estatísticas de miseráveis e ainda o é na vida real.

2o Não foram 3 países, posso continuar pegando os números, a maioria dos países desempenharam melhor do que o Brasil. Onde está a política?? Foi roubada, é isso.
Se uma conjuntura mundial é melhor utilizada por países que deveriam estar piores do que nós, isso significa que o governo não está fazendo sua parte, isto é, sendo incompetente.

3o
O que se pode esperar de um governo corrupto, que não sabe gerir, e que tem ideologia claramente ultrapassada? Como no caso onde petistas perguntavam "prove que a VZ está ruim", faz tanto sentido quanto essa pergunta esperar que o Brasil estivesse desempenhando bem.

Só vi opiniões e conclusões duvidosas de cunho pessoal seu. Eu coloquei dados e informações que correspondem ao meu argumento. No mais, não consegue segurar seu rancor e falta de educação, já me chamou de religioso e burro só nessa página em que eu te dei corda. Se mais alguém quiser discutir em um bom nível estou aqui, com você já deu.

Mostrei todos os dados do World Bank, fiz comparações com os demais países, e as análises pertinentes. Se não consegue responder, entendo.

Não o chamei de burro. Disse que poderia ser mais inteligente, algo como "esperto" e perceber esses números que estão evidentes.

Resumindo:
- Brasil cresceu menos que seus pares
- Brasil tem corrupção e falta de gestão
- Brasil tirou menos gente da miséria que seus pares
- Brasil tirou gente da miséria estatisticamente e pouco efetivamente (mundo real)
- Brasil é um dos que recebe menos investimento da américa latina em relação ao PIB
- Brasil não conseguiu lidar com a desigualdade, nos 10% mais pobres e nos 20% mais pobres. Em ambos os casos, o percentual da receita sobre o pib do pais evoluiu muito menos que seus pares na américa latina e Brics
- Brasil tirou menos gente da miséria do que a maior parte dos países pobres do mundo.


Isso são os fatos nos posts. Suas considerações são apenas tentativas de analisar os dados fora do seu contexto, ou criar um contexto particular, para poder justificar o PT.

Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Derfel em 12 de Agosto de 2013, 22:50:44
Não mesmo, principalmente quando lemos na sua fonte frases como: "Na origem, 'média' é um conceito puramente matemático."

E não é?
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Vento Sul em 12 de Agosto de 2013, 23:28:36
O conceito de pobre também é muito relativo, meus tios eram agricultores, foram para São Paulo, conseguiram fazer o pé de meia, mas segundo eles nunca com a qualidade de vida que tinham antes, mesmo tendo pouco dinheiro. É claro que é necessário ter algum padrão para efeito de estatística, mas o mesmo é superficial.

Da mesma forma ficar comparando Países como se fossem iguais, é uma estupidez matemática.

(http://t1.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcReYq2cUQURYAmHenKWbILkeQSXKCLNLncMFXTIiWhV2oXZ-WZJYw) (http://t0.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcSsfbRg1uNRmKXEQwr9V2GpYzd-MULyZnxJT8xv7Ylq75PSJq9J)


Gráficos! Ah o que seria dos meus argumentos sem os gráficos... 
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Arcanjo Lúcifer em 13 de Agosto de 2013, 08:23:54

Se fosse o FHC no cargo quanado aplicam um golpe desses, ele teria sido linchado em praça pública pelos petistas.

Com certeza seria denunciado pela Siemens :hihi:

Aquela mesma Siemens que tb está na maracutaia do Metrô do Distrito Federal e fez doações para campanha da Dilma?

No DF não foi concretizado. http://oglobo.globo.com/pais/acordo-realizado-em-licitacao-do-metro-do-df-nao-chegou-ser-cumprido-diz-siemens-9430298


Citar
Metrô do Distrito Federal apontou que houve uma tentativa de acordo com a empresa Alstom,




Tentaram e não conseguiram, acho que isso não os torna mais honestos, e sinceridade, depois de tudo que nós vimos sobre os esquemas do PT com essa Copa superfaturada, mensalões, Bancoop, Lubecas, e grana desviada de todo lado. não dá para posarem de virgens de bordel.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Arcanjo Lúcifer em 13 de Agosto de 2013, 08:27:24
Na verdade, tanto PT como PSDB não servem de bom exemplo para nada.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: _Juca_ em 13 de Agosto de 2013, 08:47:40
já mostrei com diversos dados em um tópico que inclusive em distribuição de renda o desempenho do petismo é ruim quando comparado a seus pares.  Basicamente uma década de oportunidades de ouro perdida.

Demonstrou mal pelo jeito, o Brasil não foi o melhor, nem o pior, e a desigualdade e o crescimento foram consistentes para alguém querer insinuar de algum modo que foram ruins.

http://www.ihu.unisinos.br/noticias/515525-o-crescimento-e-a-distribuicao-progressiva-na-america-latina

http://dssbr.org/site/2012/11/diminuicao-das-desigualdades-de-renda-na-america-latina-nos-anos-2000/


 :histeria: :histeria: :histeria: :histeria:

vou lembra-lo nos próximos posts que sua informação da unisinos é apenas um auto-engano de quem quer acreditar que seu ídolo não faria algo menos que medíocre (ao menos já aceitou que é medíocre)

Seguinte fica com o relatório do Banco Mundial então, que pasmem, foi uma de suas "fontes":

http://www-wds.worldbank.org/servlet/WDSContentServer/WDSP/IB/2012/10/23/000158349_20121023093211/Rendered/PDF/wps6248.pdf

Já que está se agarrando tanto em gráficos, esses dois também são do BM.

(http://dssbr.org/site/wp-content/uploads/2012/11/Figura-11-600x276.png)

(http://dssbr.org/site/wp-content/uploads/2012/11/Figura-2-600x316.png)
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Arcanjo Lúcifer em 13 de Agosto de 2013, 08:57:08
E por falar em Siemens:

http://www.estadao.com.br/noticias/nacional,procuradoria-suspeita-de-acao-do-cartel-de-trens-em-licitacoes-federais,1063343,0.htm

Citar
Procuradoria suspeita de ação do cartel de trens em licitações federais
Karen Kahn, do Ministério Público Federal, afirmou que há indícios de acordos ilícitos entre empresas em contratos da CBTU ou em processos licitatórios que contaram com verbas da União
12 de agosto de 2013 | 23h 03

Citar
O Ministério Público Federal (MPF) vê indícios de que o suposto esquema de cartel nas obras do Metrô de São Paulo tenha atuado também em licitações federais envolvendo a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU). A afirmação foi feita nesta segunda-feira, 12, pela procuradora da República em São Paulo Karen Louise Jeanette Kahn, responsável pela investigação do caso na área federal.

Citar
Algumas da principais empresas investigadas no caso mantêm e mantiveram contratos com a estatal federal, vinculada ao Ministério das Cidades, desde 1998 até agora. “Há vários contratos (federais) também. Há possíveis outros cartéis em âmbito federal. Aqui estamos falando, via de regra, em cartéis estaduais com efeito na esfera federal, crime de evasão. Envolve recursos da União”, disse Karen.

Em seguida, questionada especificamente sobre a CBTU, ela disse: “A CBTU tem alguns possíveis envolvimentos. Isso depende da análise das provas. A gente tem a suspeita”.

Karen afirmou que apura em tese diversos delitos. Além do cartel, haveria corrupção internacional, lavagem de dinheiro, evasão de divisas e “formação de quadrilha, eventualmente com enquadramento na nova lei de organizações criminosas”. Muitas empresas citadas aparecem em outras apurações do MPF, o que reforça as suspeitas da procuradora Karen.


De 1998 até agora, ou seja, desde o governo Feagacê até o governo Dilmão, passando pelo governo Lulla.

Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Derfel em 13 de Agosto de 2013, 10:01:06
Nos casos, houve cartel ou corrupção?
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Diegojaf em 13 de Agosto de 2013, 10:35:36
Nos casos, houve cartel ou corrupção?

Dificilmente um anda sem o outro, já que pra haver cartelização as agências ou autoridades reguladoras e de fiscalização têm que fazer vista grossa...
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Arcanjo Lúcifer em 13 de Agosto de 2013, 10:47:19
Nos casos, houve cartel ou corrupção?

Importa? A grana não sai do mesmo bolso?

A questão é que o partido x diz: Fulano roubava

Partido Y : Nós roubamos, mas eles tb roubaram.

Partido X : E aquele outro esquema?

Partido Y : Mas vcs têm esquema lá no outro setor!

Partido X: E daí, vcs eram aliados daquela cria da ditadura e daquele coronel do Maranhão!

Partido Y: Vcs tb são, esqueceram disso?

E fica nisso.

Entendeu porque mil e uma cpis nunca dão em nada? nunca acham provas contra ninguém?

Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Derfel em 13 de Agosto de 2013, 11:17:49
Claro que importa. Uma coisa é um conluio de empresas que se unem para dominar um mercado, eventualmente com a participação de um agente público. Outra coisa é algo que foi estruturado por esse ou aquele partido.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Arcanjo Lúcifer em 13 de Agosto de 2013, 11:28:00
Claro que importa. Uma coisa é um conluio de empresas que se unem para dominar um mercado, eventualmente com a participação de um agente público. Outra coisa é algo que foi estruturado por esse ou aquele partido.

Sei...e vc acha que fazem isso sem enfiar grana no bolso de nenhum funcionário do governo e sem fazer doações de campanha ao partido X e/ou Y ?
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Derfel em 13 de Agosto de 2013, 12:48:21
Pode até acontecer, mas não necessariamente. Além disso, funcionário público não é funcionário do partido (pode até fazer parte de um partido da oposição).

Algumas perguntas devem ser respondidas (tanto no caso de SP quanto no DF):

As empresas de metrô tinham conhecimento prévio do cartel?
O governo (de SP e do DF) tinha conhecimento do cartel?
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Price em 13 de Agosto de 2013, 12:50:24
Não mesmo, principalmente quando lemos na sua fonte frases como: "Na origem, 'média' é um conceito puramente matemático."

E não é?

Se for para ficar com estas perguntas idiotas faça o favor de não me quotar mais.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Diegojaf em 13 de Agosto de 2013, 13:17:09
Pode até acontecer, mas não necessariamente. Além disso, funcionário público não é funcionário do partido (pode até fazer parte de um partido da oposição).

Funcionário público, não. Mas chefe de funcionário público, sim, já que são cargos exercidos em confiança.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Derfel em 13 de Agosto de 2013, 14:18:34
Não mesmo, principalmente quando lemos na sua fonte frases como: "Na origem, 'média' é um conceito puramente matemático."

E não é?

Se for para ficar com estas perguntas idiotas faça o favor de não me quotar mais.
Ok. Presumo então que desconhece. Média é um conceito matemático que pode ser emprestado, com algumas adaptações, a outras áreas do conhecimento,  como a socioogia em questão.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Derfel em 13 de Agosto de 2013, 14:21:18
Pode até acontecer, mas não necessariamente. Além disso, funcionário público não é funcionário do partido (pode até fazer parte de um partido da oposição).

Funcionário público, não. Mas chefe de funcionário público, sim, já que são cargos exercidos em confiança.

Concordo. O chefe estava participando do esquema? Havia um esquema envolvendo parcela do governo com as empresas? Ou foi um acordo interno para fraudar a licitação?
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: DDV em 13 de Agosto de 2013, 14:23:27
Porém, considero que apenas considerar o valor econômico como classificação do que seria classe média meio deficiente. Existem questões como anos de estudo, visão de mundo, tipo de consumo, valores culturais... e por aí vai.

 :o
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Arcanjo Lúcifer em 13 de Agosto de 2013, 14:23:48
Pode até acontecer, mas não necessariamente. Além disso, funcionário público não é funcionário do partido (pode até fazer parte de um partido da oposição).

Algumas perguntas devem ser respondidas (tanto no caso de SP quanto no DF):

As empresas de metrô tinham conhecimento prévio do cartel?
O governo (de SP e do DF) tinha conhecimento do cartel?

Funcionários nomeados para diretoria de estatais não são do partido ou indicados pelos partidos, não são os tais "cargos de confiança"?

Ou funcionários da diretoria dessas empresas chegam ao cargo por concurso?

Petrobrás, metrô....são todos concursados?



Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Derfel em 13 de Agosto de 2013, 14:31:31
E estavam envolvidos? Pelo que vi fala-se em cartel.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Derfel em 13 de Agosto de 2013, 14:33:33
Porém, considero que apenas considerar o valor econômico como classificação do que seria classe média meio deficiente. Existem questões como anos de estudo, visão de mundo, tipo de consumo, valores culturais... e por aí vai.

 :o
É um pouco complicado de entender mesmo. Você deixa de considerar uma classificação unidimensional para uma multidimensional, o que torna mais complexa a classificação.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Arcanjo Lúcifer em 13 de Agosto de 2013, 14:37:11
E estavam envolvidos? Pelo que vi fala-se em cartel.

Não me passa pela cabeça que um cartel se instale e fraude licitações em contratos sem a conivência da diretoria de uma empresa.

Ou será mesmo que esses contratos do tipo "estádio da Copa do Mundo" tenha um orçamento original de X valor que durante a construção aumenta mais de 100% sem que ninguém perceba nada errado?

O PAN aumentou quatro vezes o valor original, não foi?

Então, é possível que uma empresa privada aceite pagar 4x o valor original por um contrato sem que ninguém perceba algo nisso?

Derfel, cartel só se instala se o governo permitir.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: DDV em 13 de Agosto de 2013, 14:37:35
Porém, considero que apenas considerar o valor econômico como classificação do que seria classe média meio deficiente. Existem questões como anos de estudo, visão de mundo, tipo de consumo, valores culturais... e por aí vai.

 :o
É um pouco complicado de entender mesmo. Você deixa de considerar uma classificação unidimensional para uma multidimensional, o que torna mais complexa a classificação.

A não ser que você explique os motivos, parece-me um nonsense total. Um rico poderia ser classificado como pobre só pela "visão de mundo" e vice-versa.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Diegojaf em 13 de Agosto de 2013, 14:39:16
Pode até acontecer, mas não necessariamente. Além disso, funcionário público não é funcionário do partido (pode até fazer parte de um partido da oposição).

Funcionário público, não. Mas chefe de funcionário público, sim, já que são cargos exercidos em confiança.

Concordo. O chefe estava participando do esquema? Havia um esquema envolvendo parcela do governo com as empresas? Ou foi um acordo interno para fraudar a licitação?

Responsabilização penal ocorre tanto no caso de ação quanto de omissão. Se a omissão do chefe deu causa a um prejuízo, ele deve responder na medida da culpabilidade dele.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Price em 13 de Agosto de 2013, 14:47:40
Não mesmo, principalmente quando lemos na sua fonte frases como: "Na origem, 'média' é um conceito puramente matemático."

E não é?

Se for para ficar com estas perguntas idiotas faça o favor de não me quotar mais.
Ok. Presumo então que desconhece. Média é um conceito matemático que pode ser emprestado, com algumas adaptações, a outras áreas do conhecimento,  como a socioogia em questão.

O conceito de classé média não surgiu da matemática. Presumo que desconheça.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Derfel em 13 de Agosto de 2013, 19:50:02
Não mesmo, principalmente quando lemos na sua fonte frases como: "Na origem, 'média' é um conceito puramente matemático."

E não é?

Se for para ficar com estas perguntas idiotas faça o favor de não me quotar mais.
Ok. Presumo então que desconhece. Média é um conceito matemático que pode ser emprestado, com algumas adaptações, a outras áreas do conhecimento,  como a socioogia em questão.

O conceito de classé média não surgiu da matemática. Presumo que desconheça.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Derfel em 13 de Agosto de 2013, 19:55:50
Porém, considero que apenas considerar o valor econômico como classificação do que seria classe média meio deficiente. Existem questões como anos de estudo, visão de mundo, tipo de consumo, valores culturais... e por aí vai.

 :o
É um pouco complicado de entender mesmo. Você deixa de considerar uma classificação unidimensional para uma multidimensional, o que torna mais complexa a classificação.

A não ser que você explique os motivos, parece-me um nonsense total. Um rico poderia ser classificado como pobre só pela "visão de mundo" e vice-versa.
Você ainda está pensando de uma forma unidimensional. No caso tem mais a ver com  as esferas que as pessoas transitam e seus espaços de tal forma que poderia ser identificado como tal independente do país em que se encontra. Aqui tem um material interessante: http://www.luis.blog.br/classes-sociais-a-b-c-d-e-f-ou-classes-alta-media-e-baixa.aspx
e http://pt.m.wikipedia.org/wiki/Classe_social
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Moro em 13 de Agosto de 2013, 20:24:36
já mostrei com diversos dados em um tópico que inclusive em distribuição de renda o desempenho do petismo é ruim quando comparado a seus pares.  Basicamente uma década de oportunidades de ouro perdida.

Demonstrou mal pelo jeito, o Brasil não foi o melhor, nem o pior, e a desigualdade e o crescimento foram consistentes para alguém querer insinuar de algum modo que foram ruins.

http://www.ihu.unisinos.br/noticias/515525-o-crescimento-e-a-distribuicao-progressiva-na-america-latina

http://dssbr.org/site/2012/11/diminuicao-das-desigualdades-de-renda-na-america-latina-nos-anos-2000/


 :histeria: :histeria: :histeria: :histeria:

vou lembra-lo nos próximos posts que sua informação da unisinos é apenas um auto-engano de quem quer acreditar que seu ídolo não faria algo menos que medíocre (ao menos já aceitou que é medíocre)

Seguinte fica com o relatório do Banco Mundial então, que pasmem, foi uma de suas "fontes":

http://www-wds.worldbank.org/servlet/WDSContentServer/WDSP/IB/2012/10/23/000158349_20121023093211/Rendered/PDF/wps6248.pdf

Já que está se agarrando tanto em gráficos, esses dois também são do BM.

(http://dssbr.org/site/wp-content/uploads/2012/11/Figura-11-600x276.png)

(http://dssbr.org/site/wp-content/uploads/2012/11/Figura-2-600x316.png)

e?
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Price em 13 de Agosto de 2013, 23:15:31
Não mesmo, principalmente quando lemos na sua fonte frases como: "Na origem, 'média' é um conceito puramente matemático."

E não é?

Se for para ficar com estas perguntas idiotas faça o favor de não me quotar mais.
Ok. Presumo então que desconhece. Média é um conceito matemático que pode ser emprestado, com algumas adaptações, a outras áreas do conhecimento,  como a socioogia em questão.

O conceito de classé média não surgiu da matemática. Presumo que desconheça.

Adaptação medíocre, que limita a análise do exato modo que falei anteriormente.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Derfel em 14 de Agosto de 2013, 07:16:22
Não mesmo, principalmente quando lemos na sua fonte frases como: "Na origem, 'média' é um conceito puramente matemático."

E não é?

Se for para ficar com estas perguntas idiotas faça o favor de não me quotar mais.
Ok. Presumo então que desconhece. Média é um conceito matemático que pode ser emprestado, com algumas adaptações, a outras áreas do conhecimento,  como a socioogia em questão.

O conceito de classé média não surgiu da matemática. Presumo que desconheça.

Adaptação medíocre, que limita a análise do exato modo que falei anteriormente.

Talvez... mas não é uma adaptação minha, mas do Thomas Gisborne. Talvez ele devesse ter utilizado outro termo.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Price em 14 de Agosto de 2013, 09:40:35
Não mesmo, principalmente quando lemos na sua fonte frases como: "Na origem, 'média' é um conceito puramente matemático."

E não é?

Se for para ficar com estas perguntas idiotas faça o favor de não me quotar mais.
Ok. Presumo então que desconhece. Média é um conceito matemático que pode ser emprestado, com algumas adaptações, a outras áreas do conhecimento,  como a socioogia em questão.

O conceito de classé média não surgiu da matemática. Presumo que desconheça.

Adaptação medíocre, que limita a análise do exato modo que falei anteriormente.

Talvez... mas não é uma adaptação minha, mas do Thomas Gisborne. Talvez ele devesse ter utilizado outro termo.

Então demonstre onde ele fala de uma average class delimitada por critérios matemáticos ao invés de uma middle class delimitada por condições sociais diversas, também a justificativa de alterar conceito original de middle class de Bradshaw.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Derfel em 14 de Agosto de 2013, 09:55:53
Não preciso, você acaba de fazer.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Price em 14 de Agosto de 2013, 10:23:23
Aparentemente você está tentando imitar o cientista não agregando nada à discussão.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Barata Tenno em 14 de Agosto de 2013, 14:06:59
Não mesmo, principalmente quando lemos na sua fonte frases como: "Na origem, 'média' é um conceito puramente matemático."

E não é?

Se for para ficar com estas perguntas idiotas faça o favor de não me quotar mais.


Cartão amarelo por atitude descortês. Forista banido.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Derfel em 14 de Agosto de 2013, 17:13:02
Aparentemente você está tentando imitar o cientista não agregando nada à discussão.

O ponto que queria chegar era a sua desqualificação de um artigo com base em uma frase que, a rigor, está correta.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Buckaroo Banzai em 16 de Agosto de 2013, 13:32:58
Sério que o Price foi banido por isso?
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Gaúcho em 16 de Agosto de 2013, 14:24:24
16,6% por isso.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Fabrício em 16 de Agosto de 2013, 14:31:50
16,6% por isso.

 :lol:
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: -Huxley- em 03 de Janeiro de 2017, 00:58:03
Como os fatos vem demonstrando, economicamente, Lula foi apenas uma Dilma que deu sorte. Vejam o que Lula teria feito com o Brasil se tivesse um terceiro mandato oficial ou extra-oficial (ministro de Dilma):

A RECEITA DE LULA PARA AFUNDAR O PAÍS
Brasil 01.01.17 17:15

Num encontro com os seus acólitos, Lula deu a sua receita para afundar de vez o país: dar calote, meter a mão nas reservas, afrouxar o controle da inflação -- e "investir em infra-estrutura". Ou seja, dar mais dinheiro às empreiteiras.

Ele também fala com menosprezo da Justiça e das ações que move contra Sérgio Moro e Deltan Dallagnol.

As legendas não são nossas, mas do vídeo original publicado na conta da Rede Brasil.NET no YouTube:


Fonte: http://www.oantagonista.com/posts/a-receita-de-lula-para-afundar-o-pais
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: Arcanjo Lúcifer em 03 de Janeiro de 2017, 06:44:16
E o que se pode esperar desse verme? Vou dizer que ele sabe perfeitamente qual será  o resultado do que propôs mas quer quebrar o país, não é acaso.

É intencional.
Título: Re:Brasil deixado para trás pelo resto da Periferia na Era Lula/PT
Enviado por: -Huxley- em 10 de Setembro de 2017, 12:17:52
Essa notícia pode até não conter previsões precisas, mas é um alerta para aqueles que acreditam falsamente que os estragos do PT deveriam ser contabilizados apenas com os dados socioeconômicos dos seus anos no poder.

Citar
Mais 13 anos para desfazer 13 anos de estrago do PT

Brasil  10.09.17 11:36

Um estudo do banco Credit Suisse identificou que o ajuste fiscal lento e gradual das contas públicas vai comprometer o potencial de crescimento do Brasil, informa a Folha.

“Pela projeção da instituição, ao longo dos próximos 13 anos, período em que a preocupação do governo será sair do vermelho e voltar a poupar, a economia vai avançar apenas 2% ao ano, em média.

É uma taxa muito medíocre para o potencial do Brasil. Equivale a menos da metade da taxa prevista para os países emergentes, que está perto de 5%. Fica aquém até da projeção para a média de crescimento econômico global, que é próxima de 3%.”

Em resumo: o Brasil precisa de 13 anos para desfazer os 13 anos de estrago dos governos do PT.

Fonte: https://www.oantagonista.com/brasil/mais-13-anos-para-desfazer-13-anos-de-estrago-pt/