Forum Clube Cetico

Discussões => Ateísmo e Agnosticismo => Tópico iniciado por: Johnny Cash em 16 de Novembro de 2015, 15:16:24

Título: Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Johnny Cash em 16 de Novembro de 2015, 15:16:24
Num estudo conduzido pela universidade de Helsinki, uma amostra ridiculamente pequena de indivíduos declarados ateus e outra declarada religiosa, foi monitorada ao dizer, em alto e bom som, sentenças dividas em 3 categorias. Parte dessas eram desafios a Deus a fazer coisas terríveis.

Repitam, de forma convincente e alta:

Eu desafio Deus a arruinar minha vida.
Eu desafio Deus a fazer minha casa pegar fogo.
Eu desafio Deus a fazer todos os meus amigos se virarem contra mim.

O pessoal que repetiu essas frases aumentou consideravelmente os níveis de transpiração e outros sinais de "nervosismo". Ao passo em que, substituindo Deus por coisas mais amenas, como "meus amigos", os níveis de stress diminuiam relativamente.

E aí? Vocês também tremem na base ou estão confiantes?





We examined whether atheists exhibit evidence of emotional arousal when they dare God to cause harm to themselves and their intimates. In Study 1, the participants (16 atheists, 13 religious individuals) read aloud 36 statements of three different types: God, offensive, and neutral. In Study 2 (N = 19 atheists), 10 new stimulus statements were included in which atheists wished for negative events to occur. The atheists did not think the God statements were as unpleasant as the religious participants did in their verbal reports. However, the skin conductance level showed that asking God to do awful things was equally stressful to atheists as it was to religious people and that atheists were more affected by God statements than by wish or offensive statements. The results imply that atheists' attitudes toward God are ambivalent in that their explicit beliefs conflict with their affective response.

http://www.tandfonline.com/doi/abs/10.1080/10508619.2013.771991
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Brienne of Tarth em 16 de Novembro de 2015, 15:29:47
Esse "desafio" me lembrou aquela história: "feminista até casar, comunista até ficar rico, ateu até o avião cair"  :biglol:

Mas concordo em partes: pessoas mais velhas, que passaram muito tempo crendo podem ter esse tipo de temor, mas os mais jovens não penso que tenham, pois são iconoclastas por excelência, e a nova geração está beeeem anestesiada de horrores para temer algo tão imaterial quanto "Deus".

Eu não vejo nenhuma vantagem nesse estudo, ou ainda uma utilidade, mas me lembro quando meu marido teve toxoplasmose, ficou 3 dias na UTI em estado grave, eu chorei as 3 noites, em nenhum momento pensei em barganhar com deuses ou santos pela recuperação dele, passei a encarar a realidade com mais estoicismo, acho.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 16 de Novembro de 2015, 15:51:41
Eu não faria tais "desafios" a quem quer que seja. Pesquisa idiota. Na prática não é diferente de dizer: "Eu quero ficar cego" ainda que se proponha como se fosse apenas uma verbalização qualquer... Ainda que não existam deuses, existe o princípio da prudência com o que se desconhece.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Lorentz em 16 de Novembro de 2015, 16:35:45
Eu fico nervoso e já tinha percebido isso.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Gaúcho em 16 de Novembro de 2015, 17:03:01
Não faz sentido ficar nervoso. É como repetir "eu desafio papai noel a fazer tal coisa".
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Lorentz em 16 de Novembro de 2015, 17:06:50
Não faz sentido ficar nervoso. É como repetir "eu desafio papai noel a fazer tal coisa".

A mente humana não faz sentido, este é o problema.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Brienne of Tarth em 16 de Novembro de 2015, 17:19:02
"O pensamento humano é tão primitivo que é considerado uma doença para algumas espécies alienígenas" (Agente K, MIB) :twisted:
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Rhyan em 16 de Novembro de 2015, 17:20:45
Falaram pra quem? Estavam sozinhos?
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: El Elyon em 16 de Novembro de 2015, 19:09:11
Isso não tem nada de estranho ou incomum, a menos que alguém acredite que exista alguma diferença substancial entre mecanismos psicológicos em ateus e não-ateus ou que ateus são imunes a crença socialmente disseminada em grandes sociedades que Deus é um "policial moral divino". Em larga medida, o que essa pesquisa concorda é o que tem sido divulgado em livros como Theological Incorrectness ou Big Gofs (http://www.religiousstudiesproject.com/2014/03/05/an-outline-of-norenzayans-big-gods-by-michael-doane/), que existem influências cognitivas específicas quanto a crença em divindades e que essa influência se aplica de maneira similar na maioria das pessoas de uma sociedade, seja lá qual for sua crença declarada (a menos em casos peculiares, como indivíduos no espectro autista, por exemplo).
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Gigaview em 16 de Novembro de 2015, 19:47:06
Mesmo ateu ainda rezo o terço todas as noites antes de dormir. Pronto, confessei.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Pedro Reis em 16 de Novembro de 2015, 20:39:16
Olha, ninguém é filho de chocadeira.

Todos nós somos formatados pelo ambiente sócio-cultural em que fomos criados. Certas
influências já estão profundamente instaladas antes mesmo do indivíduo tentar conscientemente formar opinião sobre elas. E frequentemente a análise racional contraria o que já está arraigado, mas isto não apaga automaticamente como uma borracha o que já está impresso no inconsciente.

Se fosse assim para todo processo de psicoanálise bastaria uma única sessão. Para o desespero financeiro dos psicanalistas.

Uma coisa é a pessoa ter uma visão ou entendimento racional sobre uma determinada questão, outra é achar que a nossa parcela racional - apenas uma pequena parte de tudo que somos - está no controle de todos os processos do ser.

As milhões de pessoas que sofrem terrivelmente com síndrome de pânico, ou aquelas que não conseguem usar um elevador ( fobias muito comuns ) entendem tão bem quanto qualquer outra que estes medos não se justificam. Experimente exibir estatísticas sobre segurança aérea para o passageiro suando frio ao seu lado, para ver se funciona.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Pedro Reis em 16 de Novembro de 2015, 22:20:48
Isso não tem nada de estranho ou incomum, a menos que alguém acredite que [...] ateus são imunes a crença socialmente disseminada em grandes sociedades [...]

Há um caso, entre inúmeros, que ilustra como crenças culturalmente arraigadas podem agir poderosamente - e de formas ainda não bem compreendidas - sobre indivíduos.

No início da década de 30, quando o esporte começou a se tornar um interesse de massa mas  ainda perseguia o ideal de ser puramente amador, a Ciência tentava responder uma difícil pergunta: qual seria o limite físico do homem?

Quanto peso, por mais bem treinado, um atleta poderia levantar? Quão rápido poderia um homem correr?

De alguma forma chegou-se a um consenso entre especialistas de que o tempo de 4 minutos era o limite humano, a marca instransponível, para a prova de 1 milha. Os fisiologistas garantiam saber que nenhum ser humano bateria esta marca, e que se o fizesse morreria. Era um limite fisiológico.

O treinador da Universidade da Califórnia em 1935, Brutus Hamilton, era ainda mais detalhista ao dizer que "Ninguém pode correr uma milha em menos de 4:01.66."

Todo o meio esportivo e científico acreditava então.

Foi quando surgiu um estudante de medicina de Oxford, que era também um atleta, e resolveu desafiar este limite. Seu nome era Roger Bannister.

Tendo as excelentes instalações esportivas da universidade à sua disposição, e também os laboratórios, Bannister foi um pioneiro no desenvolvimento do treinamento científico no atletismo. Claro, usando a si mesmo como cobaia.

Treinava na esteira do laboratório, experimentava diferentes métodos de treinamento e registrava meticulosamente as respostas fisiológicas de seu organismo.

Tudo feito no mais absoluto segredo. E não por medo de ser imitado por seus adversários,
mas porque, para a mentalidade da época, que valorizava o ideal Coubertain e a pureza do amadorismo, não eram bem vistos os atletas que obtinham resultados através do máximo esforço de preparação. O grande atleta seria alguém naturalmente dotado de forma especial.

É importante saber que seus métodos eram desconhecidos porque em 6 de maio de 1954, na própria pista de Oxford, Bannister finalmente baixou a "impossivel marca" cruzando a linha em 3 min, 59seg e 04dec.

Não morreu mas seu batimento levou 3 horas para voltar ao normal e sua visão ficou borrada. Ele quase desmaiou ao completar a prova, apesar de ter contado com a ajuda de coelhos, e de corredores de apoio que ajudavam a cortar a resistência do vento.

A notícia do feito histórico correu o mundo como seria de se esperar.

Até aqui é só a história de mais um recorde quebrado, mas a parte interessante é que apenas 45 dias depois o australiano John Landy quebrou o recorde de Bannister sem a menor dificuldade e cruzou a chegada sorrindo. E sem usar coelhos!

Quase imediatamente já havia vários corredores atingindo marcas abaixo dos impossiveis 4 minutos sem que tivessem feito o tipo de preparação cientifica de Bannister. Já em 57 o recorde não era mais de Landy ou Roger Bannister, mas de um outro inglês.

Ou seja, ao que parece o tipo de treinamento inovador de Roger Bannister não foi relevante. O que impedia os especialistas de ponta de alcançarem a marca era simplesmente um bloqueio inconsciente devido a crença difundida e arraigada da impossibilidade do feito.

https://en.wikipedia.org/wiki/Mile_run_world_record_progression

https://en.wikipedia.org/wiki/Roger_Bannister
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 16 de Novembro de 2015, 22:32:37
Citar
Ou seja, ao que parece o tipo de treinamento inovador de Roger Bannister não foi relevante. O que impedia os especialistas de ponta de alcançarem a marca era simplesmente um bloqueio inconsciente devido a crença difundida e arraigada da impossibilidade do feito.

Ou então pode ser um comportamento de turba dos que não quereriam parecer diferentes a ponto de serem "pontos fora da curva".
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Pedro Reis em 16 de Novembro de 2015, 23:45:14
Ainda sobre isso:

Me lembrei de ter lido uma vez uma entrevista do Ruy Castro dizendo que ele tinha muita vontade de escrever a biografia de um tio que teria sido uma figura fascinante.

Segundo ele este tio, certa feita, de porre, subiu um morro durante uma tempestade vestindo uma capa vermelha e fumando um charutão. E berrava, desafiando: " E aí Deus, quero ver se existe mesmo! Faz um raio cair na minha cabeça!"

Morreu.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Fabrício em 17 de Novembro de 2015, 07:39:29
Ainda sobre isso:

Me lembrei de ter lido uma vez uma entrevista do Ruy Castro dizendo que ele tinha muita vontade de escrever a biografia de um tio que teria sido uma figura fascinante.

Segundo ele este tio, certa feita, de porre, subiu um morro durante uma tempestade vestindo uma capa vermelha e fumando um charutão. E berrava, desafiando: " E aí Deus, quero ver se existe mesmo! Faz um raio cair na minha cabeça!"

Morreu.

Um raio caiu nele?  :susto:
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 17 de Novembro de 2015, 08:37:02
Esse "desafio" me lembrou aquela história: "feminista até casar, comunista até ficar rico, ateu até o avião cair"  :biglol:

Mas concordo em partes: pessoas mais velhas, que passaram muito tempo crendo podem ter esse tipo de temor, mas os mais jovens não penso que tenham, pois são iconoclastas por excelência, e a nova geração está beeeem anestesiada de horrores para temer algo tão imaterial quanto "Deus".

Eu não vejo nenhuma vantagem nesse estudo, ou ainda uma utilidade, mas me lembro quando meu marido teve toxoplasmose, ficou 3 dias na UTI em estado grave, eu chorei as 3 noites, em nenhum momento pensei em barganhar com deuses ou santos pela recuperação dele, passei a encarar a realidade com mais estoicismo, acho.

talvez quando estiver chegando a sua hora, fique mais sensível a fé!
pois existe a teoria e a pratica.
alem do mais pedir ajuda , orientação é sinal de humildade e não de barganha.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 17 de Novembro de 2015, 08:44:54
Eu não faria tais "desafios" a quem quer que seja. Pesquisa idiota. Na prática não é diferente de dizer: "Eu quero ficar cego" ainda que se proponha como se fosse apenas uma verbalização qualquer... Ainda que não existam deuses, existe o princípio da prudência com o que se desconhece.
Sensato.
mas, é lógico que um bom Pai não vai se submeter a chantagem de crianças mimadas, porem exstem outras crianças fanáticas capazes de matar torcedores do outro time.
uma vez quase fui agredido por um irmão mais exaltado em uma igreja evangélica , apenas por ter dito que Deus estava presente até nos presídios.
digamos que fantasmas fanáticos religiosos andam cá assombrar, talvez eles se sintam os desafiados a provarem que não se deve ofender a Deus, estes sim podem começar a perseguir os que julgam ser os"blasfemadores", neste caso é bom ter muitos amigos tambem fantasmas do bem porque estes agirão como seu anjo da guarda. :quase-anjo: :diabo:
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 17 de Novembro de 2015, 08:49:46
Eu fico nervoso e já tinha percebido isso.
e por qual motivo faz tal coisa ?
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 17 de Novembro de 2015, 08:56:38
Não faz sentido ficar nervoso. É como repetir "eu desafio papai noel a fazer tal coisa".
ah é ?
neste caso proponho outro desafio ao invés de voce querer impor o que Deus deva fazer com voce, seja mais humilde peça a ele que te dê o que esta precisando moralmente.
mas, se achar-se completo neste sentido , então não ha necessidade de aprender mais nada.
a logica de Deus funciona assim ele não da o que voce deseja e sim na hora certa o que voce mais precisa, seja doce ou amargo o remédio sempre é o seu necessário.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 17 de Novembro de 2015, 08:58:28
"O pensamento humano é tão primitivo que é considerado uma doença para algumas espécies alienígenas" (Agente K, MIB) :twisted:
a meditação tem a função de controlar os maus pensamentos
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 17 de Novembro de 2015, 09:03:36
Mesmo ateu ainda rezo o terço todas as noites antes de dormir. Pronto, confessei.

ok:

(https://encrypted-tbn1.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcSaLDbUDYsm9FokHC3oEByN2TYCk1SC1v2iibpoa4GzGkvvIj8i)
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 17 de Novembro de 2015, 09:10:13
Olha, ninguém é filho de chocadeira.

Todos nós somos formatados pelo ambiente sócio-cultural em que fomos criados. Certas
influências já estão profundamente instaladas antes mesmo do indivíduo tentar conscientemente formar opinião sobre elas. E frequentemente a análise racional contraria o que já está arraigado, mas isto não apaga automaticamente como uma borracha o que já está impresso no inconsciente.

traduzindo: "a maioria do dos ateus são de ex-crentes"


Citar
Uma coisa é a pessoa ter uma visão ou entendimento racional sobre uma determinada questão, outra é achar que a nossa parcela racional - apenas uma pequena parte de tudo que somos - está no controle de todos os processos do ser.

(https://encrypted-tbn2.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcSCXythhjUeSoOhaa8zwHbeXLoujGDI9jQ95l2WWiithuaZ4mV_)

Citar
As milhões de pessoas que sofrem terrivelmente com síndrome de pânico, ou aquelas que não conseguem usar um elevador ( fobias muito comuns ) entendem tão bem quanto qualquer outra que estes medos não se justificam. Experimente exibir estatísticas sobre segurança aérea para o passageiro suando frio ao seu lado, para ver se funciona.

vidas passadas ?

assistam "alem do tempo" 18:15hs
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 17 de Novembro de 2015, 10:59:53
Eles compararam com os mesmos desafios dirigidos a Zeus/extraterrestres/fantasmas/duendes?

Talvez só imaginar a situação indesejada já afete significativamente, independentemente de duvidarem totalmente da eficácia do desafio (mas deve ser ajudado se o mecanismo não for algo muito caricatural para a pessoa).

As pessoas talvez tenham algum medo de armas sabidamente descarregadas e coisas assim, também, com alguma relutância a praticarem roleta russa totalmente sem balas, ou "atirarem" contra outros, e etc.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Johnny Cash em 17 de Novembro de 2015, 11:06:23
Não, mas eu acredito que o efeito de stress ainda seria menor, pelo menos pra amostra selecionada que acredito tenha formação cristã, mesmo que longínqua.

Pra mim, por exemplo, o efeito é diferente. Certamente fico mais nervoso nos exemplos com "Deus" do que com duendes ou ETs, embora provavelmente ficaria algo nervoso também com "Fantasmas", principalmente dependendo do ambiente em que fosse executado o experimento.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 17 de Novembro de 2015, 11:12:54
Me pergunto também sobre desafios dirigidos a "Adolf Hitler" e à menina cabeluda de "o chamado". Provavelmente o primeiro deve afetar mais a judeus e o segundo a quem tenha se impressionado com o filme.

Também deve ser interessante ver se há diferença entre desafiar nominalmente "Jeová" e ao mais vago/genérico "Deus". Talvez até ao "Universo".

Acho que desafios a "Jeová"/"Javé" e talvez até ao "Senhor" devem ter um efeito mais fraco do que a "Deus" e talvez até ao "Universo", mesmo não se tratando de "ateus pan[en]teístas".
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Fabrício em 17 de Novembro de 2015, 12:13:56
Quero ver quem teria coragem de usar "Chuck Norris".  :medo:
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 17 de Novembro de 2015, 14:03:21
Quanto mais as pessoas tiverem riqueza de conceitos e seus significados possivelmente serão mais recalcitrantes em fazerem declarações espúrias.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 17 de Novembro de 2015, 20:59:00
Quero ver quem teria coragem de usar "Chuck Norris".  :medo:

Ou mesmo a loira-morena. Quais são outros daqueles seres de lendas urbanas escolares, de se invocar dizendo o nome três vezes, olhando para o espelho?
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Fabrício em 17 de Novembro de 2015, 21:09:26
Quero ver quem teria coragem de usar "Chuck Norris".  :medo:

Ou mesmo a loira-morena. Quais são outros daqueles seres de lendas urbanas escolares, de se invocar dizendo o nome três vezes, olhando para o espelho?

A Mulher de Branco, Loira do Banheiro, Mulher do Algodão, e similares  :lol:.

Aqui no ES tinha um tal de Pé de Bode também.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 17 de Novembro de 2015, 21:56:37
Praticamente só mulheres, que cultura misógina.


Mais sugestões de controle: pais desafiarem ao homem do saco a levarem seus filhos. Especialmente quem via muito Chaves. E irmãs desafiarem ao rei dos duendes a levar seus irmãozinhos bebês.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Pedro Reis em 18 de Novembro de 2015, 00:36:52

Um raio caiu nele?  :susto:

Fulminante.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Fabrício em 18 de Novembro de 2015, 07:31:22

Um raio caiu nele?  :susto:

Fulminante.

E agora, ateus?
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Skorpios em 18 de Novembro de 2015, 07:59:23
Tenho que confessar. Desafiei deus a fazer uma coisa terrível e ele nos deu o PT. :hihi:
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Gigaview em 18 de Novembro de 2015, 13:01:50
Tenho que confessar. Desafiei deus a fazer uma coisa terrível e ele nos deu o PT. :hihi:

Pô, sacanagem Skorpios.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Geotecton em 18 de Novembro de 2015, 17:03:48
Um raio caiu nele?  :susto:
Fulminante.
E agora, ateus?

Não subam em colinas nos dias de chuva.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Geotecton em 18 de Novembro de 2015, 17:04:45
Tenho que confessar. Desafiei deus a fazer uma coisa terrível e ele nos deu o PT. :hihi:

Maldade insuperável.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Gaúcho em 18 de Novembro de 2015, 17:51:05
Skorpios não sabe brincar.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: 3libras em 23 de Dezembro de 2015, 01:06:50
Olha, ninguém é filho de chocadeira.

Todos nós somos formatados pelo ambiente sócio-cultural em que fomos criados. Certas
influências já estão profundamente instaladas antes mesmo do indivíduo tentar conscientemente formar opinião sobre elas. E frequentemente a análise racional contraria o que já está arraigado, mas isto não apaga automaticamente como uma borracha o que já está impresso no inconsciente.

Se fosse assim para todo processo de psicoanálise bastaria uma única sessão. Para o desespero financeiro dos psicanalistas.

Uma coisa é a pessoa ter uma visão ou entendimento racional sobre uma determinada questão, outra é achar que a nossa parcela racional - apenas uma pequena parte de tudo que somos - está no controle de todos os processos do ser.

As milhões de pessoas que sofrem terrivelmente com síndrome de pânico, ou aquelas que não conseguem usar um elevador ( fobias muito comuns ) entendem tão bem quanto qualquer outra que estes medos não se justificam. Experimente exibir estatísticas sobre segurança aérea para o passageiro suando frio ao seu lado, para ver se funciona.

Isso. basicamente.

também tenho o medo e acho que todo ateu tem, pelo menos apreensão.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Spencer em 23 de Dezembro de 2015, 02:11:01
È meu primeiro post e não estou certo se o questionamento é adequado.
Deveria fazê-lo em uma enciclopédia ou dicionário, mas os conceitos poderiam não ser tão atuais... afinal tudo muda, constantemente:
li muitas mensagens e me pareceu que o ateísmo está mais presente nos debates que o ceticismo.
Po favor, qual a diferença, aqui no fórum, entre o ateísmo e o ceticismo?
Spencer
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 23 de Dezembro de 2015, 02:24:36
O ateísmo é uma abstração do ceticismo.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 23 de Dezembro de 2015, 02:48:27
"Ateísmo" é crer que deuses são apenas superstições, folclore popular, apenas com um ranking muito mais elevado de valorização social.

"Ceticismo" seria "ter certeza de que é impossível ter certeza". Mas na prática cotidiana é mais acreditar na inveracidade de coisas como discos-voadores, seqüestros por extraterrestres, fantasmas, duendes, astrologia, e na maior parte do tempo, deuses também. Tendo comumente se dedicado a algum grau de "estudo" em alguns desses assuntos, inclusive ou principalmente material já produzido por outros céticos.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Skeptikós em 24 de Dezembro de 2015, 15:09:49
Não li a metodologia nem os detalhes do estudo, mas considerando que estejam de acordo com a boa ciência, isso só prova que os "ateus" examinados no estudo não excluem por completo a possibilidade da existência de um Deus capaz de punir aqueles que o desafiam.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Skeptikós em 24 de Dezembro de 2015, 15:26:22
È meu primeiro post e não estou certo se o questionamento é adequado.
Deveria fazê-lo em uma enciclopédia ou dicionário, mas os conceitos poderiam não ser tão atuais... afinal tudo muda, constantemente:
li muitas mensagens e me pareceu que o ateísmo está mais presente nos debates que o ceticismo.
Po favor, qual a diferença, aqui no fórum, entre o ateísmo e o ceticismo?
Spencer
Aqui há muitos ateus, mas poucos (ou nenhum) céticos (pelo menos, não no sentido original da palavra). As pessoas aqui (em geral) entendem o ceticismo como a prática de negar tudo aquilo que seja explicado através de paranormalidade, sobrenaturalidade, mistiticismo, e/ou qualquer coisa que simplesmente fuja as explicações naturais e/ou cientificamente estabelecidas (como a ufologia, por exemplo). Estão mais para cientificistas do que para céticos.

Cético no entanto, é aquele que questiona e investiga, mas sem assentir a esta ou aquela posição, mantendo por tanto uma postura de neutralidade e dúvida permanente enquanto avança em sua investigação. Eu não me lembro de ninguém assim por aqui em relação a tudo que investiga, mas talvez alguns poucos em relação a alguns assuntos específicos. Todo aquele que em relação a um assunto qualquer toma uma posição de negação ao invés de neutralidade, e ainda sim se chama de cético, é na verdade um pseudo-cético.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 24 de Dezembro de 2015, 15:33:02
Num estudo conduzido pela universidade de Helsinki, uma amostra ridiculamente pequena de indivíduos declarados ateus e outra declarada religiosa, foi monitorada ao dizer, em alto e bom som, sentenças dividas em 3 categorias. Parte dessas eram desafios a Deus a fazer coisas terríveis.

Repitam, de forma convincente e alta:

Eu desafio Deus a arruinar minha vida.
Eu desafio Deus a fazer minha casa pegar fogo.
Eu desafio Deus a fazer todos os meus amigos se virarem contra mim.

O pessoal que repetiu essas frases aumentou consideravelmente os níveis de transpiração e outros sinais de "nervosismo". Ao passo em que, substituindo Deus por coisas mais amenas, como "meus amigos", os níveis de stress diminuiam relativamente.

E aí? Vocês também tremem na base ou estão confiantes?



Acho que não fazer desafios a algo que não se sabe  o que é(Perguntem a alguém aleatoriamente se teria coragem de ingerir monóxido de di-hidrogênio (http://www.educacaopublica.rj.gov.br/suavoz/0008.html)), do que se trata, como "Deus", em nada depõe contra os ateus, muito pelo contrário, apenas reafirma o fato de que não se pode definir o que não há.

Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Geotecton em 24 de Dezembro de 2015, 18:16:48
Não li a metodologia nem os detalhes do estudo, mas considerando que estejam de acordo com a boa ciência, isso só prova que os "ateus" examinados no estudo não excluem por completo a possibilidade da existência de um Deus capaz de punir aqueles que o desafiam.

Depende.

Uma situação é você desafiar um deus sentado confortavelmente no sofá de sua casa. Duvido que um ateu não lance um desafio deste tipo.

Outra situação é aquela descrita por um forista de uma pessoa que subiu em um local alto, em um dia que se preparava uma tempestade com forte atividade elétrica, bradando contra deus (seja ele qual for) e tomou uma descarga que o matou. Foi um 'desafio' idiota porque a probabilidade dele ser acertado por um raio era elevada, bradasse ele contra um deus ou contra o Mickey Mouse.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 24 de Dezembro de 2015, 18:30:07
Esse caso, se verídico, compete em nível de coincidência/azar, com aquele meio "na outra direção", do cara que acho que sobrevive a uma queda de um prédio, vai a uma igreja rezar em agradecimento, e é morto pela estátua de uma santa que cai sobre ele.

(Postaram a notícia por aqui)
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Skeptikós em 24 de Dezembro de 2015, 20:01:38
Não li a metodologia nem os detalhes do estudo, mas considerando que estejam de acordo com a boa ciência, isso só prova que os "ateus" examinados no estudo não excluem por completo a possibilidade da existência de um Deus capaz de punir aqueles que o desafiam.

Depende.

Uma situação é você desafiar um deus sentado confortavelmente no sofá de sua casa. Duvido que um ateu não lance um desafio deste tipo.

Outra situação é aquela descrita por um forista de uma pessoa que subiu em um local alto, em um dia que se preparava uma tempestade com forte atividade elétrica, bradando contra deus (seja ele qual for) e tomou uma descarga que o matou. Foi um 'desafio' idiota porque a probabilidade dele ser acertado por um raio era elevada, bradasse ele contra um deus ou contra o Mickey Mouse.
Me parece que as "cobaias" do estudo estavam num ambiente relativamente seguro, e ainda sim ficaram nervosas ao fazer o desafio. E se como dito por mim, se tudo tiver sido feito de acordo com a boa ciência, isso só prova que as pessoas supostamente ateias que participaram do estudo, não excluiam por completo a possibilidade de existir um deus capaz de atender a seus desafios.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 25 de Dezembro de 2015, 00:31:20
Se for esse o caso, deve haver então uma variação entre ateus possivelmente previsível durante alguma entrevista, e ser ainda mais forte o efeito com "agnósticos" do tipo "em cima do muro".

Além de também não se ter efeito algum em situaçõse que usarem como "controle", como desafiar a uma cadeira, a um pingüim, ao Obama, etc.



Também seria curioso testar longitudinalmente crianças convertidas ao apapainoelismo, desde a conversão recente até anos mais tarde.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Eremita em 26 de Dezembro de 2015, 16:23:56
Claro que não tenho medo. Por que é que ficaria?

Posso não ter argumentação para dizer que nenhum tipo de gnomo, centauro ou deus existe... mas na prática, tô tão pouco me fodendo para os mesmos que não os vejo afetando minha vida.

Inclusive, eu desafio Jesus e Maomé a virem tomar uma cerveja comigo. EU DESAFIO!
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Gigaview em 26 de Dezembro de 2015, 16:41:43
Maomé não bebe e Jesus só bebe vinho de fabricação própria. Tente um orixá, eles bebem até água de bateria.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: FredLC em 27 de Dezembro de 2015, 09:04:11
Hmmm. Talvez uma pontada de ansiedade em um nível muito visceral, mas isso nunca me fez pensar duas vezes pra fazer nada, nem ter qualquer dúvida sobre qualquer convicção.

Tipo aos 3:32 deste vídeo: https://m.youtube.com/watch?v=z9k9CIRWKRM (https://m.youtube.com/watch?v=z9k9CIRWKRM)
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 27 de Dezembro de 2015, 10:43:01
Hmmm. Talvez uma pontada de ansiedade em um nível muito visceral, mas isso nunca me fez pensar duas vezes pra fazer nada, nem ter qualquer dúvida sobre qualquer convicção.

Tipo aos 3:32 deste vídeo
: https://m.youtube.com/watch?v=z9k9CIRWKRM (https://m.youtube.com/watch?v=z9k9CIRWKRM)
Esse tipo de convicção do cara do vídeo de ficar se auto apontando e dançando saltitante enquanto faz provocações, é da mesma natureza de uma crença de um religioso abrindo os braços para o céu numa igreja e rezando de olhos fechados enquanto pende o corpo de um lado pro outro.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 27 de Dezembro de 2015, 14:43:27
Hmmm. Talvez uma pontada de ansiedade em um nível muito visceral, mas isso nunca me fez pensar duas vezes pra fazer nada, nem ter qualquer dúvida sobre qualquer convicção.

Tipo aos 3:32 deste vídeo: https://m.youtube.com/watch?v=z9k9CIRWKRM (https://m.youtube.com/watch?v=z9k9CIRWKRM)

Não sabia que o Hitchens tinha um livro chamado "the missionary position" :histeria:
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: FredLC em 27 de Dezembro de 2015, 16:32:47
Esse tipo de convicção do cara do vídeo de ficar se auto apontando e dançando saltitante enquanto faz provocações, é da mesma natureza de uma crença de um religioso abrindo os braços para o céu numa igreja e rezando de olhos fechados enquanto pende o corpo de um lado pro outro.

Com a significativa diferença de que os dois estão em um show de comédia, enquanto o rezador está falando sério.  :hihi:

Obs.: Como você não conhece a dupla, sugiro ver os números de mágica deles, e principalmente o show "bullshit", de onde saiu esse clipe. Penn e Teller estão entre os artistas mais divertidos e originais da atualidade.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: FredLC em 27 de Dezembro de 2015, 16:37:45
Não sabia que o Hitchens tinha um livro chamado "the missionary position" :histeria:

Tremendo Hitchslap só com o título. Mas esse eu não li ainda.

Lerei algum dia.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 27 de Dezembro de 2015, 16:55:41
Esse tipo de convicção do cara do vídeo de ficar se auto apontando e dançando saltitante enquanto faz provocações, é da mesma natureza de uma crença de um religioso abrindo os braços para o céu numa igreja e rezando de olhos fechados enquanto pende o corpo de um lado pro outro.

Com a significativa diferença de que os dois estão em um show de comédia, enquanto o rezador está falando sério.  :hihi:

Obs.: Como você não conhece a dupla, sugiro ver os números de mágica deles, e principalmente o show "bullshit", de onde saiu esse clipe. Penn e Teller estão entre os artistas mais divertidos e originais da atualidade.
Bom, isso muda tudo naaah...
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: FredLC em 29 de Dezembro de 2015, 06:15:39
Seria ótimo se os crentes malucos estivessem só zoando.

Se não estão, então sua comparação nào faz muito sentido.

Mas pense o que quiser. País livre.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Gaúcho em 29 de Dezembro de 2015, 10:05:11
Olha, ninguém é filho de chocadeira.

Todos nós somos formatados pelo ambiente sócio-cultural em que fomos criados. Certas
influências já estão profundamente instaladas antes mesmo do indivíduo tentar conscientemente formar opinião sobre elas. E frequentemente a análise racional contraria o que já está arraigado, mas isto não apaga automaticamente como uma borracha o que já está impresso no inconsciente.

Se fosse assim para todo processo de psicoanálise bastaria uma única sessão. Para o desespero financeiro dos psicanalistas.

Uma coisa é a pessoa ter uma visão ou entendimento racional sobre uma determinada questão, outra é achar que a nossa parcela racional - apenas uma pequena parte de tudo que somos - está no controle de todos os processos do ser.

As milhões de pessoas que sofrem terrivelmente com síndrome de pânico, ou aquelas que não conseguem usar um elevador ( fobias muito comuns ) entendem tão bem quanto qualquer outra que estes medos não se justificam. Experimente exibir estatísticas sobre segurança aérea para o passageiro suando frio ao seu lado, para ver se funciona.

Isso. basicamente.

também tenho o medo e acho que todo ateu tem, pelo menos apreensão.

Como eu escrevi antes, não. Deus, pra mim, tem o mesmo status do papai noel. Eu vou pegar um avião, hoje. Desafio deus a derrubar a bagaça. Desafio deus a matar pessoas que eu gosto. Desafio deus a foder minha vida. Pronto. Ou só vale falando? Deus tem acesso à internet? Posso gravar um áudio, talvez.

É besteira dizer que todo ateu tem medo de desafiar papai noel, fale por você.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 29 de Dezembro de 2015, 14:59:41
Olha, ninguém é filho de chocadeira.

Todos nós somos formatados pelo ambiente sócio-cultural em que fomos criados. Certas
influências já estão profundamente instaladas antes mesmo do indivíduo tentar conscientemente formar opinião sobre elas. E frequentemente a análise racional contraria o que já está arraigado, mas isto não apaga automaticamente como uma borracha o que já está impresso no inconsciente.

Se fosse assim para todo processo de psicoanálise bastaria uma única sessão. Para o desespero financeiro dos psicanalistas.

Uma coisa é a pessoa ter uma visão ou entendimento racional sobre uma determinada questão, outra é achar que a nossa parcela racional - apenas uma pequena parte de tudo que somos - está no controle de todos os processos do ser.

As milhões de pessoas que sofrem terrivelmente com síndrome de pânico, ou aquelas que não conseguem usar um elevador ( fobias muito comuns ) entendem tão bem quanto qualquer outra que estes medos não se justificam. Experimente exibir estatísticas sobre segurança aérea para o passageiro suando frio ao seu lado, para ver se funciona.

Isso. basicamente.

também tenho o medo e acho que todo ateu tem, pelo menos apreensão.

Como eu escrevi antes, não. Deus, pra mim, tem o mesmo status do papai noel. Eu vou pegar um avião, hoje. Desafio deus a derrubar a bagaça. Desafio deus a matar pessoas que eu gosto. Desafio deus a foder minha vida. Pronto. Ou só vale falando? Deus tem acesso à internet? Posso gravar um áudio, talvez.

É besteira dizer que todo ateu tem medo de desafiar papai noel, fale por você.

Bom! se crê que Deus é também homem, sua crença não esta totalmente errada ,mais um pouco  e ja  estará  crendo também no espirito santo , na  trindade divina. :biglol:
se o objetivo em desafiar o Pai é provar que ele não te ouve, tente fazer algo mais inteligente, mais maduro do que   "Se Deus for homem cospe aqui"
Deus sabe que todas pessoas irão morrer.
Deus  também ama as mesmas pessoas que voce incluindo voce, então por que iria desejar prejudicar suas vidas ?
Só por que um maluco inconsequente estaria tentando o ridicularizar?
Voce ja tentou convencer uma formiga que voce existe ?   ::)



Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: FredLC em 29 de Dezembro de 2015, 15:35:20
Voce ja tentou convencer uma formiga que voce existe ?

Eu adoro estes comentários? :D

Qual é a sua tese? Que qual homens são incapazes de convencer formigas, deus é incapaz de convencer homens?  :P
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 29 de Dezembro de 2015, 16:18:14
Voce ja tentou convencer uma formiga que voce existe ?

Eu adoro estes comentários? :D

Qual é a sua tese? Que qual homens são incapazes de convencer formigas, deus é incapaz de convencer homens?  :P
formiga é ateu de homem
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 29 de Dezembro de 2015, 16:21:46
Seria ótimo se os crentes malucos estivessem só zoando.

Se não estão, então sua comparação nào faz muito sentido.

Mas pense o que quiser. País livre.
É simples. Não faz sentido fazer desafios a algo que não há.

Você só faz desafios para o que(acha que) conhece por que desdenha daquilo(como alguém pode desdenhar de algo que não há?), ou não faz os tais desafios, por que teme aquilo. São opostos da mesma natureza.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 29 de Dezembro de 2015, 16:22:43
Voce ja tentou convencer uma formiga que voce existe ?

Eu adoro estes comentários? :D

Qual é a sua tese? Que qual homens são incapazes de convencer formigas, deus é incapaz de convencer homens?  :P
formiga é ateu de homem
Como você sabe?
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: FredLC em 29 de Dezembro de 2015, 16:34:11
formiga é ateu de homem

Não vou nem entrar no mérito de não sabermos o que formigas pensam, se alguma coisa. Vamos presumir que formigas são ahumanas (não atéias, já que theos significa deus)

Repito: a sua tese é que, como homens são incapazes de provar si mesmos para formigas, deus é incapaz de provar a si mesmo aos homens?

Se não for isso, o que é? Ainda estou tentando entender aonde você está querendo chegar com a comparação.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 29 de Dezembro de 2015, 16:37:38
formiga é ateu de homem

Não vou nem entrar no mérito de não sabermos o que formigas pensam, se alguma coisa. Vamos presumir que formigas são ahumanas (não atéias, já que theos significa deus)

Repito: a sua tese é que, como homens são incapazes de provar si mesmos para formigas, deus é incapaz de provar a si mesmo aos homens?

Se não for isso, o que é? Ainda estou tentando entender aonde você está querendo chegar com a comparação.
Seu quote foi equivocado. Não fui eu o autor da afirmação.

Mas é quase isso o que você escreveu que eu também diria. Um ser formiga só poderia ser ateu do homem se fosse "Deus" um homem(e vice versa). E mesmo que fosse um eufemismo, seria um eufemismo equivocado, uma vez que uma formiga tem uma consciência mínima, ou seja, ela tem sensores que provém a ela alguma acuidade do que a cerca, inclusive do homem, ainda que a nível formigal. E o homem a despeito de todos os sensores disponíveis, não percebe, portanto, é ateu de "Deus" que não há.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: FredLC em 29 de Dezembro de 2015, 16:38:28
Você só faz desafios para o que(acha que) conhece por que desdenha daquilo(como alguém pode desdenhar de algo que não há?), ou não faz os tais desafios, por que teme aquilo. São opostos da mesma natureza.

Exceto por brincadeira? Toda brincadeira, toda piada, é um exercício de exagero ou de absurdo. A piada do Teller é uma demonstração de um absurdo.

Se ele estivesse fazendo aquilo para provar que ele pode, e não para fazer uma piada, seu argumento faria sentido. Mas não. Aquilo é uma performance, pertinente ao tópico de se ateus ficam necessariamente nervosos em fazer (algo como) aquilo. Óbvio que nem todo mundo fica, ou ele não brincaria a respeito.

A idéia não é diferente de quando um ateu louva o monstro de espaguete.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: FredLC em 29 de Dezembro de 2015, 16:40:02
Seu quote foi equivocado. Não fui eu o autor da afirmação.

Sorry.

Eu tento limpar um pouco a lista de quotes, e saiu um erro na formatação. A mensagem foi dirigida ao Criaturo.

Já editei.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 29 de Dezembro de 2015, 16:50:40
Você só faz desafios para o que(acha que) conhece por que desdenha daquilo(como alguém pode desdenhar de algo que não há?), ou não faz os tais desafios, por que teme aquilo. São opostos da mesma natureza.

Exceto por brincadeira? Toda brincadeira, toda piada, é um exercício de exagero ou de absurdo. A piada do Teller é uma demonstração de um absurdo.

Se ele estivesse fazendo aquilo para provar que ele pode, e não para fazer uma piada, seu argumento faria sentido. Mas não. Aquilo é uma performance, pertinente ao tópico de se ateus ficam necessariamente nervosos em fazer (algo como) aquilo. Óbvio que nem todo mundo fica, ou ele não brincaria a respeito.
Psicopatas não ficariam nevosos, creio eu, nem pessoas com ódio, porque o ódio imbui, predispõe as pessoas a fazerem coisas que não fariam normalmente.


A idéia não é diferente de quando um ateu louva o monstro de espaguete.
É claro que um ateu não faria isso. Quem louva o Mostro do Espaguete é um pastafariano!
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: FredLC em 29 de Dezembro de 2015, 17:18:57
Hehehe. Ódio o caminho para o lado negro é.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Gaúcho em 29 de Dezembro de 2015, 17:46:32
Olha, ninguém é filho de chocadeira.

Todos nós somos formatados pelo ambiente sócio-cultural em que fomos criados. Certas
influências já estão profundamente instaladas antes mesmo do indivíduo tentar conscientemente formar opinião sobre elas. E frequentemente a análise racional contraria o que já está arraigado, mas isto não apaga automaticamente como uma borracha o que já está impresso no inconsciente.

Se fosse assim para todo processo de psicoanálise bastaria uma única sessão. Para o desespero financeiro dos psicanalistas.

Uma coisa é a pessoa ter uma visão ou entendimento racional sobre uma determinada questão, outra é achar que a nossa parcela racional - apenas uma pequena parte de tudo que somos - está no controle de todos os processos do ser.

As milhões de pessoas que sofrem terrivelmente com síndrome de pânico, ou aquelas que não conseguem usar um elevador ( fobias muito comuns ) entendem tão bem quanto qualquer outra que estes medos não se justificam. Experimente exibir estatísticas sobre segurança aérea para o passageiro suando frio ao seu lado, para ver se funciona.

Isso. basicamente.

também tenho o medo e acho que todo ateu tem, pelo menos apreensão.

Como eu escrevi antes, não. Deus, pra mim, tem o mesmo status do papai noel. Eu vou pegar um avião, hoje. Desafio deus a derrubar a bagaça. Desafio deus a matar pessoas que eu gosto. Desafio deus a foder minha vida. Pronto. Ou só vale falando? Deus tem acesso à internet? Posso gravar um áudio, talvez.

É besteira dizer que todo ateu tem medo de desafiar papai noel, fale por você.

Bom! se crê que Deus é também homem, sua crença não esta totalmente errada ,mais um pouco  e ja  estará  crendo também no espirito santo , na  trindade divina. :biglol:
se o objetivo em desafiar o Pai é provar que ele não te ouve, tente fazer algo mais inteligente, mais maduro do que   "Se Deus for homem cospe aqui"
Deus sabe que todas pessoas irão morrer.
Deus  também ama as mesmas pessoas que voce incluindo voce, então por que iria desejar prejudicar suas vidas ?
Só por que um maluco inconsequente estaria tentando o ridicularizar?
Voce ja tentou convencer uma formiga que voce existe ?   ::)

Já passei da fase de discutir essas besteiras. Só queria lembrar que a questão não é provar nada, só demonstrar que ateus podem "desafiar um ser imaginário a fazer coisas terríveis", conforme o enunciado do tópico.

Falando nisso, o avião não caiu. :lol:
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 30 de Dezembro de 2015, 07:12:03
Voce ja tentou convencer uma formiga que voce existe ?

Eu adoro estes comentários? :D

Qual é a sua tese? Que qual homens são incapazes de convencer formigas, deus é incapaz de convencer homens?  :P
formiga é ateu de homem
Como você sabe?

mesmo quando sente a  nossa presença ela continua ignorando a nossa existência!
mais ignorante que as formigas são os vermes que vivem dentro de nós e tambem ignoram a nossa existência.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 30 de Dezembro de 2015, 07:50:16
Voce ja tentou convencer uma formiga que voce existe ?

Eu adoro estes comentários? :D

Qual é a sua tese? Que qual homens são incapazes de convencer formigas, deus é incapaz de convencer homens?  :P
formiga é ateu de homem
Como você sabe?

mesmo quando sente a  nossa presença ela continua ignorando a nossa existência!
Pense bem no que acabas de afirmar. Como é que um ser cujos sentidos sentem, percebem a existência de algo, ignoram esse algo? Como é que você pondo a mão numa chapa quente ignora que a chapa tá quente? Ou você tá falando de uma formiga pérfida "ignorando" o homem?

Ignorar a existência de algo não significa que esse algo passe a ser inexistente como sugeres que seja o caso com uma formiga em relação à existência do homem.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 30 de Dezembro de 2015, 08:18:28
formiga é ateu de homem

Não vou nem entrar no mérito de não sabermos o que formigas pensam, se alguma coisa. Vamos presumir que formigas são ahumanas (não atéias, já que theos significa deus)

Repito: a sua tese é que, como homens são incapazes de provar si mesmos para formigas, deus é incapaz de provar a si mesmo aos homens?

Se não for isso, o que é? Ainda estou tentando entender aonde você está querendo chegar com a comparação.
voce tem capacidade de se apresentar a uma formiga, mesmo assim ela continuará ignorando sua existência!
então voce não se da a esse trabalho desnecessariamente e a vida continua. (segundo Chico Xavier)  :hihi:
segue o jogo.......
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 30 de Dezembro de 2015, 08:28:56
formiga é ateu de homem

Não vou nem entrar no mérito de não sabermos o que formigas pensam, se alguma coisa. Vamos presumir que formigas são ahumanas (não atéias, já que theos significa deus)

Repito: a sua tese é que, como homens são incapazes de provar si mesmos para formigas, deus é incapaz de provar a si mesmo aos homens?

Se não for isso, o que é? Ainda estou tentando entender aonde você está querendo chegar com a comparação.
Seu quote foi equivocado. Não fui eu o autor da afirmação.

Mas é quase isso o que você escreveu que eu também diria. Um ser formiga só poderia ser ateu do homem se fosse "Deus" um homem(e vice versa). E mesmo que fosse um eufemismo, seria um eufemismo equivocado, uma vez que uma formiga tem uma consciência mínima, ou seja, ela tem sensores que provém a ela alguma acuidade do que a cerca, inclusive do homem, ainda que a nível formigal. E o homem a despeito de todos os sensores disponíveis, não percebe, portanto, é ateu de "Deus" que não há.

de fato a formiga percebe nossa presença e algumas vezes chega até desviar ,mesmo assim devido a distancia que separa nossas consciências somos quase deuses em relação a elas, podemos manipular a vida delas mas,  disse quase Deus porque só não podemos dar vida a elas, com tudo elas ainda ignoram a nossa existência assim   igualmente alguns ainda ignoram a existência Deus.
quanto aos limites dos sentidos isso só prova que a existência vai muito alem deles.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 30 de Dezembro de 2015, 08:42:54
Você só faz desafios para o que(acha que) conhece por que desdenha daquilo(como alguém pode desdenhar de algo que não há?), ou não faz os tais desafios, por que teme aquilo. São opostos da mesma natureza.

Exceto por brincadeira? Toda brincadeira, toda piada, é um exercício de exagero ou de absurdo. A piada do Teller é uma demonstração de um absurdo.

Se ele estivesse fazendo aquilo para provar que ele pode, e não para fazer uma piada, seu argumento faria sentido. Mas não. Aquilo é uma performance, pertinente ao tópico de se ateus ficam necessariamente nervosos em fazer (algo como) aquilo. Óbvio que nem todo mundo fica, ou ele não brincaria a respeito.

A idéia não é diferente de quando um ateu louva o monstro de espaguete.

esse é um teste de fé para ateus do tipo prove sua crença desafiando um ser inexistente, concordo como Sérgio isso não faz o menor sentido a não ser evidenciar  duvidas de supostos ateus.

Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 30 de Dezembro de 2015, 09:04:47
Olha, ninguém é filho de chocadeira.

Todos nós somos formatados pelo ambiente sócio-cultural em que fomos criados. Certas
influências já estão profundamente instaladas antes mesmo do indivíduo tentar conscientemente formar opinião sobre elas. E frequentemente a análise racional contraria o que já está arraigado, mas isto não apaga automaticamente como uma borracha o que já está impresso no inconsciente.

Se fosse assim para todo processo de psicoanálise bastaria uma única sessão. Para o desespero financeiro dos psicanalistas.

Uma coisa é a pessoa ter uma visão ou entendimento racional sobre uma determinada questão, outra é achar que a nossa parcela racional - apenas uma pequena parte de tudo que somos - está no controle de todos os processos do ser.

As milhões de pessoas que sofrem terrivelmente com síndrome de pânico, ou aquelas que não conseguem usar um elevador ( fobias muito comuns ) entendem tão bem quanto qualquer outra que estes medos não se justificam. Experimente exibir estatísticas sobre segurança aérea para o passageiro suando frio ao seu lado, para ver se funciona.

Isso. basicamente.

também tenho o medo e acho que todo ateu tem, pelo menos apreensão.

Como eu escrevi antes, não. Deus, pra mim, tem o mesmo status do papai noel. Eu vou pegar um avião, hoje. Desafio deus a derrubar a bagaça. Desafio deus a matar pessoas que eu gosto. Desafio deus a foder minha vida. Pronto. Ou só vale falando? Deus tem acesso à internet? Posso gravar um áudio, talvez.

É besteira dizer que todo ateu tem medo de desafiar papai noel, fale por você.

Bom! se crê que Deus é também homem, sua crença não esta totalmente errada ,mais um pouco  e ja  estará  crendo também no espirito santo , na  trindade divina. :biglol:
se o objetivo em desafiar o Pai é provar que ele não te ouve, tente fazer algo mais inteligente, mais maduro do que   "Se Deus for homem cospe aqui"
Deus sabe que todas pessoas irão morrer.
Deus  também ama as mesmas pessoas que voce incluindo voce, então por que iria desejar prejudicar suas vidas ?
Só por que um maluco inconsequente estaria tentando o ridicularizar?
Voce ja tentou convencer uma formiga que voce existe ?   ::)

Já passei da fase de discutir essas besteiras. Só queria lembrar que a questão não é provar nada, só demonstrar que ateus podem "desafiar um ser imaginário a fazer coisas terríveis", conforme o enunciado do tópico.

Falando nisso, o avião não caiu. :lol:
Graças a Deus!  :biglol:
e por que ateus precisam evidenciar o óbvio ?
Se os deuses  atendem os pedidos , foi pura coincidência se não é porque não existem , é assim que ateus querem manter suas razões ?
Posso te garantir que Deus ou os deuses, anjos da guarda atenderam um pedido meu na hora, no entanto, só posso dizer que pedi para aprender uma grande lição de moral! :vergonha:
Deus só atende  necessidades reais, ha de alguns é continuar sendo descrentes.

(http://3.bp.blogspot.com/-yfMXs3DEc6g/TgywKdRMteI/AAAAAAAAHYo/W9W_JHGuJkk/s1600/MPASTONOVAFASE2.jpg)
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: FredLC em 30 de Dezembro de 2015, 09:11:30
voce tem capacidade de se apresentar a uma formiga, mesmo assim ela continuará ignorando sua existência!
então voce não se da a esse trabalho desnecessariamente e a vida continua. (segundo Chico Xavier)  :hihi:
segue o jogo.......

Olha lá; sem evasivas.

Se eu quiser me apresentar a uma formiga, eu posso, mesmo que ainda assim eu seja incapaz de fazer ela me conhecer.

Se Deus quiser se apresentar a mim, ele pode, mas então, só há duas opções; ou ele não quer se apresentar a mim, ou é incapaz de fazer-se reconhecer.

Uma opção é incompatível com o proselitismo, a outra é incompatível com a omnipotência.

Qualquer seja a opção, sua comparação não faz sentido.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: FredLC em 30 de Dezembro de 2015, 09:14:55
esse é um teste de fé para ateus do tipo prove sua crença desafiando um ser inexistente, concordo como Sérgio isso não faz o menor sentido a não ser evidenciar  duvidas de supostos ateus.

Isso é tão teste de fé quanto o desafio de não passar debaixo de escada. Será que se o Teller tivesse posto dez escadas em fila, seria um teste? Medo de que uma escada só seria pouco convincente?

Arrrgh, ficar explicando piada é um saco. Mas repito: país livre.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 30 de Dezembro de 2015, 09:21:56
Voce ja tentou convencer uma formiga que voce existe ?

Eu adoro estes comentários? :D

Qual é a sua tese? Que qual homens são incapazes de convencer formigas, deus é incapaz de convencer homens?  :P
formiga é ateu de homem
Como você sabe?

mesmo quando sente a  nossa presença ela continua ignorando a nossa existência!
Pense bem no que acabas de afirmar. Como é que um ser cujos sentidos sentem, percebem a existência de algo, ignoram esse algo? Como é que você pondo a mão numa chapa quente ignora que a chapa tá quente? Ou você tá falando de uma formiga pérfida "ignorando" o homem?

Ignorar a existência de algo não significa que esse algo passe a ser inexistente como sugeres que seja o caso com uma formiga em relação à existência do homem.


sentir  algo não significa ter consciência total  da sua existência, isto acontece com homem em relação a Deus e a formiga em relação ao homem.
um gira-sol percebe a presença do sol sem ter  consciência do que seja o sol, da mesma forma que percebemos , sentimos que estamos vivos porem não temos consciência de que , ou o que , ou quem  seja a vida!
se todas consciências ignorarem algo, este algo deixara de ser existente.
Assim se todas consciências fossem de "formigas" Deus deixaria de existir ja que tambem seria uma formiga.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 30 de Dezembro de 2015, 09:26:31
voce tem capacidade de se apresentar a uma formiga, mesmo assim ela continuará ignorando sua existência!
então voce não se da a esse trabalho desnecessariamente e a vida continua. (segundo Chico Xavier)  :hihi:
segue o jogo.......

Olha lá; sem evasivas.

Se eu quiser me apresentar a uma formiga, eu posso, mesmo que ainda assim eu seja incapaz de fazer ela me conhecer.

Se Deus quiser se apresentar a mim, ele pode, mas então, só há duas opções; ou ele não quer se apresentar a mim, ou é incapaz de fazer-se reconhecer.

Uma opção é incompatível com o proselitismo, a outra é incompatível com a omnipotência.

Qualquer seja a opção, sua comparação não faz sentido.
ficamos assim não faz nenhum sentido você tentar se apresentar a um cérebro de formiga e Deus tentar se apresentar a um cérebro de homem.
A formiga esta para o homem assim como o homem esta para Deus.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Geotecton em 30 de Dezembro de 2015, 09:34:56
voce tem capacidade de se apresentar a uma formiga, mesmo assim ela continuará ignorando sua existência!
então voce não se da a esse trabalho desnecessariamente e a vida continua. (segundo Chico Xavier)  :hihi:
segue o jogo.......

Olha lá; sem evasivas.

Se eu quiser me apresentar a uma formiga, eu posso, mesmo que ainda assim eu seja incapaz de fazer ela me conhecer.

Se Deus quiser se apresentar a mim, ele pode, mas então, só há duas opções; ou ele não quer se apresentar a mim, ou é incapaz de fazer-se reconhecer.

Uma opção é incompatível com o proselitismo, a outra é incompatível com a omnipotência.

Qualquer seja a opção, sua comparação não faz sentido.
ficamos assim não faz nenhum sentido você tentar se apresentar a um cérebro de formiga e Deus tentar se apresentar a um cérebro de homem.
A formiga esta para o homem assim como o homem esta para Deus.

Dos três, dois são observáveis e palpáveis. O homem e a formiga.

O outro é apenas um desejo que 'habita' a imaginação.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 30 de Dezembro de 2015, 09:52:36
voce tem capacidade de se apresentar a uma formiga, mesmo assim ela continuará ignorando sua existência!
então voce não se da a esse trabalho desnecessariamente e a vida continua. (segundo Chico Xavier)  :hihi:
segue o jogo.......

Olha lá; sem evasivas.

Se eu quiser me apresentar a uma formiga, eu posso, mesmo que ainda assim eu seja incapaz de fazer ela me conhecer.

Se Deus quiser se apresentar a mim, ele pode, mas então, só há duas opções; ou ele não quer se apresentar a mim, ou é incapaz de fazer-se reconhecer.

Uma opção é incompatível com o proselitismo, a outra é incompatível com a omnipotência.

Qualquer seja a opção, sua comparação não faz sentido.
ficamos assim não faz nenhum sentido você tentar se apresentar a um cérebro de formiga e Deus tentar se apresentar a um cérebro de homem.
A formiga esta para o homem assim como o homem esta para Deus.

Dos três, dois são observáveis e palpáveis. O homem e a formiga.

O outro é apenas um desejo que 'habita' a imaginação.

Toméismo ?
neste caso a existência é limitada pelos seus sentidos ?
e se eu olhar os dois e conseguir ver os três sou esquizofrênico  ou um superdotado ?
se habita algum lugar não pode ser considerado inexistente.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Geotecton em 30 de Dezembro de 2015, 10:17:02
voce tem capacidade de se apresentar a uma formiga, mesmo assim ela continuará ignorando sua existência!
então voce não se da a esse trabalho desnecessariamente e a vida continua. (segundo Chico Xavier)  :hihi:
segue o jogo.......

Olha lá; sem evasivas.

Se eu quiser me apresentar a uma formiga, eu posso, mesmo que ainda assim eu seja incapaz de fazer ela me conhecer.

Se Deus quiser se apresentar a mim, ele pode, mas então, só há duas opções; ou ele não quer se apresentar a mim, ou é incapaz de fazer-se reconhecer.

Uma opção é incompatível com o proselitismo, a outra é incompatível com a omnipotência.

Qualquer seja a opção, sua comparação não faz sentido.
ficamos assim não faz nenhum sentido você tentar se apresentar a um cérebro de formiga e Deus tentar se apresentar a um cérebro de homem.
A formiga esta para o homem assim como o homem esta para Deus.

Dos três, dois são observáveis e palpáveis. O homem e a formiga.

O outro é apenas um desejo que 'habita' a imaginação.

Toméismo ?
neste caso a existência é limitada pelos seus sentidos ?
e se eu olhar os dois e conseguir ver os três sou esquizofrênico  ou um superdotado ?
se habita algum lugar não pode ser considerado inexistente.

Se você assim o diz...
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 30 de Dezembro de 2015, 12:35:46
ficamos assim não faz nenhum sentido você tentar se apresentar a um cérebro de formiga e Deus tentar se apresentar a um cérebro de homem.
A formiga esta para o homem assim como o homem esta para Deus.

Na verdade, até mesmo as formigas algumas vezes são mais capazes do que os homens em enxergar aquilo que aqueles que negam o que ouvem em seus corações se recusam a ver:

(https://www.livrarialoyola.com.br/images/produtosg/9788515363230.jpg)



Mas mesmo dentre as formigas há aquelas que acreditam em deuses errados, umbanda, e até divindades originais das formigas, como a formiga-rainha-deusa e o deus-mau sapo, cujo estômago habitam os espíritos das formigas más, onde são digeridas por toda a semestralidade.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: homemcinza em 30 de Dezembro de 2015, 12:38:49
Olha, ninguém é filho de chocadeira.

Todos nós somos formatados pelo ambiente sócio-cultural em que fomos criados. Certas
influências já estão profundamente instaladas antes mesmo do indivíduo tentar conscientemente formar opinião sobre elas. E frequentemente a análise racional contraria o que já está arraigado, mas isto não apaga automaticamente como uma borracha o que já está impresso no inconsciente.

Se fosse assim para todo processo de psicoanálise bastaria uma única sessão. Para o desespero financeiro dos psicanalistas.

Uma coisa é a pessoa ter uma visão ou entendimento racional sobre uma determinada questão, outra é achar que a nossa parcela racional - apenas uma pequena parte de tudo que somos - está no controle de todos os processos do ser.

As milhões de pessoas que sofrem terrivelmente com síndrome de pânico, ou aquelas que não conseguem usar um elevador ( fobias muito comuns ) entendem tão bem quanto qualquer outra que estes medos não se justificam. Experimente exibir estatísticas sobre segurança aérea para o passageiro suando frio ao seu lado, para ver se funciona.

Isso. basicamente.

também tenho o medo e acho que todo ateu tem, pelo menos apreensão.

Como eu escrevi antes, não. Deus, pra mim, tem o mesmo status do papai noel. Eu vou pegar um avião, hoje. Desafio deus a derrubar a bagaça. Desafio deus a matar pessoas que eu gosto. Desafio deus a foder minha vida. Pronto. Ou só vale falando? Deus tem acesso à internet? Posso gravar um áudio, talvez.

É besteira dizer que todo ateu tem medo de desafiar papai noel, fale por você.

Bom! se crê que Deus é também homem, sua crença não esta totalmente errada ,mais um pouco  e ja  estará  crendo também no espirito santo , na  trindade divina. :biglol:
se o objetivo em desafiar o Pai é provar que ele não te ouve, tente fazer algo mais inteligente, mais maduro do que   "Se Deus for homem cospe aqui"
Deus sabe que todas pessoas irão morrer.
Deus  também ama as mesmas pessoas que voce incluindo voce, então por que iria desejar prejudicar suas vidas ?
Só por que um maluco inconsequente estaria tentando o ridicularizar?
Voce ja tentou convencer uma formiga que voce existe ?   ::)

Já passei da fase de discutir essas besteiras. Só queria lembrar que a questão não é provar nada, só demonstrar que ateus podem "desafiar um ser imaginário a fazer coisas terríveis", conforme o enunciado do tópico.

Falando nisso, o avião não caiu. :lol:
Graças a Deus!  :biglol:
e por que ateus precisam evidenciar o óbvio ?
Se os deuses  atendem os pedidos , foi pura coincidência se não é porque não existem , é assim que ateus querem manter suas razões ?
Posso te garantir que Deus ou os deuses, anjos da guarda atenderam um pedido meu na hora, no entanto, só posso dizer que pedi para aprender uma grande lição de moral! :vergonha:
Deus só atende  necessidades reais, ha de alguns é continuar sendo descrentes.

(http://3.bp.blogspot.com/-yfMXs3DEc6g/TgywKdRMteI/AAAAAAAAHYo/W9W_JHGuJkk/s1600/MPASTONOVAFASE2.jpg)

Tambem sempre achei que as milhares de pessoas morrendo de fome no mundo todo ano não fosse uma necessidade real. Tamo junto! :ok:
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 30 de Dezembro de 2015, 12:43:26
"Obrigado, Deus, por me ajudar a achar as chaves do carro"

"Obrigado, Deus, por fazer o Corínthians ganhar do Palmeiras"

Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 30 de Dezembro de 2015, 14:08:49
ficamos assim não faz nenhum sentido você tentar se apresentar a um cérebro de formiga e Deus tentar se apresentar a um cérebro de homem.
A formiga esta para o homem assim como o homem esta para Deus.

Na verdade, até mesmo as formigas algumas vezes são mais capazes do que os homens em enxergar aquilo que aqueles que negam o que ouvem em seus corações se recusam a ver:
Mas mesmo dentre as formigas há aquelas que acreditam em deuses errados, umbanda, e até divindades originais das formigas, como a formiga-rainha-deusa e o deus-mau sapo, cujo estômago habitam os espíritos das formigas más, onde são digeridas por toda a semestralidade.

ninguém pode negar o enorme senso de direção das formigas alem de uma memória privilégiada, e uma forma de comunicação entre elas.
eu chamo isso de inteligencia alheia a vontade humana e voce ? obra do acaso?

Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 30 de Dezembro de 2015, 14:13:53

Tambem sempre achei que as milhares de pessoas morrendo de fome no mundo todo ano não fosse uma necessidade real. Tamo junto! :ok:

achou um erro, pois é lógico que a morte para sustentar a vida é uma necessidade!
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 30 de Dezembro de 2015, 14:16:36
"Obrigado, Deus, por me ajudar a achar as chaves do carro"

"Obrigado, Deus, por fazer o Corínthians ganhar do Palmeiras"

muito obrigado por ser mais um  adepto da "seicho-no-ie" ? muito obrigado...muito obrigado..... :biglol:
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 30 de Dezembro de 2015, 16:54:16
Voce ja tentou convencer uma formiga que voce existe ?

Eu adoro estes comentários? :D

Qual é a sua tese? Que qual homens são incapazes de convencer formigas, deus é incapaz de convencer homens?  :P
formiga é ateu de homem
Como você sabe?

mesmo quando sente a  nossa presença ela continua ignorando a nossa existência!
Pense bem no que acabas de afirmar. Como é que um ser cujos sentidos sentem, percebem a existência de algo, ignoram esse algo? Como é que você pondo a mão numa chapa quente ignora que a chapa tá quente? Ou você tá falando de uma formiga pérfida "ignorando" o homem?

Ignorar a existência de algo não significa que esse algo passe a ser inexistente como sugeres que seja o caso com uma formiga em relação à existência do homem.


sentir  algo não significa ter consciência total  da sua existência, isto acontece com homem em relação a Deus e a formiga em relação ao homem.

A consciência que existe, a consciência que você tem,  é sempre a sua consciência total. Consciência nada mais é do que a ciência de algo(compartilhada com alguém). A ciência que você tem de algo é a sua capacidade de apreender a realidade, e quando mais alguém compartilha da sua ciência de algo, daquilo que você apreende da realidade, você e alguém mais que estão cientes do mesmo fato passam a ter uma consciência desse fato.

Uma pessoa pode com os seus sentidos perceber uma pedra, tornando-se ciente da existência da pedra, depois essa pessoa define pedra para mais alguém dizendo do que se trata "pedra" para ela, e obviamente a outra pessoa vai confirmar a existência da pedra, então, havendo duas pessoas cientes da pedra, haverão duas pessoas conscientes da existência de algo chamado pedra. "Deus" não funciona por que "Deus" por não existir, não pode ser apreendido, percebido por duas ou mais pessoas.


Se seus sentidos te propiciam perceber o calor de uma chapa quente, essa é a consciência total que você tem da chapa quente. Se seus sentidos te propiciarem perceber a existência de "Deus", "Deus" existe, caso contrário, não. Não é o caso da formiga em relação ao homem, os sensores de uma formiga a propiciam perceber, estar ciente da presença,  da existência do homem.

um gira-sol percebe a presença do sol sem ter  consciência do que seja o sol, da mesma forma que percebemos , sentimos que estamos vivos porem não temos consciência de que , ou o que , ou quem  seja a vida!
Um gira sol percebe, tem ciência da presença do sol, mas não consciência, pois um gira sol não transmite a ciência dele da existência do sol para alguém.

se todas consciências ignorarem algo, este algo deixara de ser existente.
Isso é um absurdo, se todas as consciências ignorarem algo esse algo apenas será ignorado por todas as consciências.

Assim se todas consciências fossem de "formigas" Deus deixaria de existir ja que tambem seria uma formiga.
Mas que maluquice. Deus deixaria de existir por que ia ser uma formiga???
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 30 de Dezembro de 2015, 17:20:42
Você só faz desafios para o que(acha que) conhece por que desdenha daquilo(como alguém pode desdenhar de algo que não há?), ou não faz os tais desafios, por que teme aquilo. São opostos da mesma natureza.

Exceto por brincadeira? Toda brincadeira, toda piada, é um exercício de exagero ou de absurdo. A piada do Teller é uma demonstração de um absurdo.

Se ele estivesse fazendo aquilo para provar que ele pode, e não para fazer uma piada, seu argumento faria sentido. Mas não. Aquilo é uma performance, pertinente ao tópico de se ateus ficam necessariamente nervosos em fazer (algo como) aquilo. Óbvio que nem todo mundo fica, ou ele não brincaria a respeito.

A idéia não é diferente de quando um ateu louva o monstro de espaguete.

esse é um teste de fé para ateus do tipo prove sua crença desafiando um ser inexistente, concordo como Sérgio isso não faz o menor sentido a não ser evidenciar  duvidas de supostos ateus.
Não estou dizendo que os ateus tem dúvidas sobre suas próprias realidades de ateus, como se essas dúvidas levassem a alguma confirmação de que não fossem tão ateus assim, evidenciando a falácia do Deus das lacunas.

Um ateu que fosse desafiado a ultrapassar uma linha só pra provar que ele não acredita em deuses pode não ultrapassar essa linha por N motivos, mas que de modo algum redundam em alguma dúvida em relação à sua realidade(de ateus). Não é por que um ateu(mesmo um que nunca ouviu falar em eletricidade) não vai tocar em um fio desencapado para provar sua ateismosidade que isso significa que ele não o faça por alguma dúvida deusesca.

Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 31 de Dezembro de 2015, 01:07:03


Uma pessoa pode com os seus sentidos perceber uma pedra, tornando-se ciente da existência da pedra, depois essa pessoa define pedra para mais alguém dizendo do que se trata "pedra" para ela, e obviamente a outra pessoa vai confirmar a existência da pedra, então, havendo duas pessoas cientes da pedra, haverão duas pessoas conscientes da existência de algo chamado pedra. "Deus" não funciona por que "Deus" por não existir, não pode ser apreendido, percebido por duas ou mais pessoas.

Inclusive, sempre que eu leio essa passagem bíblica eu acho que é uma pegadinha,

Citar
Porque, onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, aí estou eu no meio deles.
Mateus 18;20
Tá meio que sugerido nas entrelinhas que Jesus é ateu já que não pode haver algo que dois ou mais não percebam.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 04 de Janeiro de 2016, 11:27:47

sentir  algo não significa ter consciência total  da sua existência, isto acontece com homem em relação a Deus e a formiga em relação ao homem.

A consciência que existe, a consciência que você tem,  é sempre a sua consciência total. Consciência nada mais é do que a ciência de algo(compartilhada com alguém). A ciência que você tem de algo é a sua capacidade de apreender a realidade, e quando mais alguém compartilha da sua ciência de algo, daquilo que você apreende da realidade, você e alguém mais que estão cientes do mesmo fato passam a ter uma consciência desse fato.

e que tal se a nossa ciência for parte da consciência de Deus ?
do ponto de vista material isso implica que antes da do nascimento não ha consciência nenhuma pre ciência ?
discordo pois ja nascemos procurando pelos seios maternos, ja temos a a ciência que ali encontraremos o alimento necessário para manter nossas vidas, que devemo comprimir e sugar, ou seja ja  nascemos compartilhando dessa ciência divina.
 
Citar
Uma pessoa pode com os seus sentidos perceber uma pedra, tornando-se ciente da existência da pedra, depois essa pessoa define pedra para mais alguém dizendo do que se trata "pedra" para ela, e obviamente a outra pessoa vai confirmar a existência da pedra, então, havendo duas pessoas cientes da pedra, haverão duas pessoas conscientes da existência de algo chamado pedra. "Deus" não funciona por que "Deus" por não existir, não pode ser apreendido, percebido por duas ou mais pessoas.

ha...ha...ha...ha...ha...ha...ha
fale apenas por si mesmo, pois sua realidade é diferente dos sentimentos que criam minha realidade ou  ciência.
sentimentos são realidades pessoais não compartilhadas que apenas podem ser imaginadas  do tipo "sinto muito a sua perda ou dor "
percepção é a menor ciência da existência , podemos perceber a existência Deus porem é impossível ter ciência absoluta da sua existência.
mas o fato de voce não conseguir percebe-o só torna Deus inexistente para a sua falta de consciência dele, da mesma forma que a falta de ciência de Ets os tornam inexistentes para mim, os inserindo no mundo das possibilidades lógicas.

Citar
Se seus sentidos te propiciam perceber o calor de uma chapa quente, essa é a consciência total que você tem da chapa quente. Se seus sentidos te propiciarem perceber a existência de "Deus", "Deus" existe, caso contrário, não. Não é o caso da formiga em relação ao homem, os sensores de uma formiga a propiciam perceber, estar ciente da presença,  da existência do homem.

sensores fisicos limitados não podem determinar os limites da existência.
ou se preferir os sentidos limitados  podem limitar nossa ciência ,mas não as existências.
Citar
Isso é um absurdo, se todas as consciências ignorarem algo esse algo apenas será ignorado por todas as consciências.
segundo seu conceito: " consciência é uma mesma ciência compartilhada"
Se todos ignoram algo, não ha ciência de algo nem, consciência desse algo.
Assim voce só poderá querer afirmar que esse algo "existe" apelando pela fé em detrimento da ciência.

ha....ha...ha...ha..ha..ha...ha....... :biglol:


Citar
Assim se todas consciências fossem de "formigas" Deus deixaria de existir ja que tambem seria uma formiga.
Mas que maluquice. Deus deixaria de existir por que ia ser uma formiga???


dentro da comparação de que cérebros de  formigas ignoram a existência divina, sendo todos formigas incluindo Deus, não haverá mais ciência da existência Deus.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 04 de Janeiro de 2016, 15:20:11

sentir  algo não significa ter consciência total  da sua existência, isto acontece com homem em relação a Deus e a formiga em relação ao homem.

A consciência que existe, a consciência que você tem,  é sempre a sua consciência total. Consciência nada mais é do que a ciência de algo(compartilhada com alguém). A ciência que você tem de algo é a sua capacidade de apreender a realidade, e quando mais alguém compartilha da sua ciência de algo, daquilo que você apreende da realidade, você e alguém mais que estão cientes do mesmo fato passam a ter uma consciência desse fato.

e que tal se a nossa ciência for parte da consciência de Deus ?
Primeiro era preciso saber o que é "Deus" e do que se trata, e para que serve, e só depois saber se tal afirmação tem alguma utilidade, se é precípua. Você se lembra disso aquí? http://clubecetico.org/forum/index.php?topic=28862.msg865469#msg865469 (http://clubecetico.org/forum/index.php?topic=28862.msg865469#msg865469)


do ponto de vista material isso implica que antes da do nascimento não ha consciência nenhuma pre ciência ?
discordo pois ja nascemos procurando pelos seios maternos, ja temos a a ciência que ali encontraremos o alimento necessário para manter nossas vidas, que devemo comprimir e sugar, ou seja ja  nascemos compartilhando dessa ciência divina.

Com relação a questão do neném procurar os seios, ele não o faz nem conscientemente nem tendo (presumivelmente) ciência do que faz, no começo, só bem depois ele passa a perceber, a ter ciência do que faz. No começo, um neném procurando os seios para mamar e o ato de sugar são só  atos instintivos.
 
Citar
Uma pessoa pode com os seus sentidos perceber uma pedra, tornando-se ciente da existência da pedra, depois essa pessoa define pedra para mais alguém dizendo do que se trata "pedra" para ela, e obviamente a outra pessoa vai confirmar a existência da pedra, então, havendo duas pessoas cientes da pedra, haverão duas pessoas conscientes da existência de algo chamado pedra. "Deus" não funciona por que "Deus" por não existir, não pode ser apreendido, percebido por duas ou mais pessoas.

ha...ha...ha...ha...ha...ha...ha
fale apenas por si mesmo, pois sua realidade é diferente dos sentimentos que criam minha realidade ou  ciência.
sentimentos são realidades pessoais não compartilhadas que apenas podem ser imaginadas  do tipo "sinto muito a sua perda ou dor "
percepção é a menor ciência da existência , podemos perceber a existência Deus porem é impossível ter ciência absoluta da sua existência.
Finalmente você admitiu que "Deus" é só uma viajada legal na maionese.

mas o fato de voce não conseguir percebe-o só torna Deus inexistente para a sua falta de consciência dele,

Não é "falta" de consciência pois ou há consciência ou não há. Toda consciência que você tem é máxima, total. Tal qual a gravidez, a consciência ou há ou não há.

"Deus" é uma suposição que não pode fazer parte da consciência(no máximo, uma suposição de alguém) de ninguém pois para isso ocorrer é preciso uma pessoa que ache que X é "Deus" e outra que confirme que aquele X é "Deus", tal qual no exemplo da pedra. Veja bem, uma pedra, ou uma agulha, ou um relógio é sempre uma pedra ou uma agulha ou um relógio tanto para Fulano como para Beltrano. Com (a ideia do que seja) "Deus" isso não acontece.

Citar
Se seus sentidos te propiciam perceber o calor de uma chapa quente, essa é a consciência total que você tem da chapa quente. Se seus sentidos te propiciarem perceber a existência de "Deus", "Deus" existe, caso contrário, não. Não é o caso da formiga em relação ao homem, os sensores de uma formiga a propiciam perceber, estar ciente da presença,  da existência do homem.

sensores fisicos limitados não podem determinar os limites da existência.
"Sensores físicos" é uma redundância. Os sentidos são o que a pessoa é, o que delimita sua existência. É à partir dos sensores que o "eu", a funcionalidade de alguém ocorre.


Isso é um absurdo, se todas as consciências ignorarem algo esse algo apenas será ignorado por todas as consciências.

segundo seu conceito: " consciência é uma mesma ciência compartilhada"
Se todos ignoram algo, não ha ciência de algo nem, consciência desse algo.
Assim voce só poderá querer afirmar que esse algo "existe" apelando pela fé em detrimento da ciência.

ha....ha...ha...ha..ha..ha...ha....... :biglol:
Sim!*

hahahahahahahahahahahhahahahahahahahhahah!!!!

E digo mais: hahahahahahhahahahahahahhahahahah

*Ou demonstrar cabalmente a existência desse algo para outrem, como aliás ocorreu com os estudos conduzidos por cientistas como Henri Becquerel, Marie Curie e Konrad Roentgen com relação à radioatividade. Imagine pessoas adoecendo e morrendo por usar relógios e supositórios feito de materiais radioativos por ignorar a realidade dos fatos, só obtida posteriomente através de muita ciência...

Citar
Assim se todas consciências fossem de "formigas" Deus deixaria de existir ja que tambem seria uma formiga.
Mas que maluquice. Deus deixaria de existir por que ia ser uma formiga???


dentro da comparação de que cérebros de  formigas ignoram a existência divina, sendo todos formigas incluindo Deus, não haverá mais ciência da existência Deus.

Cérebros de qualquer criatura ignoram o que não há. Simples assim.

Se "Deus"(algo que não há) é uma formiga(algo que há) não há nada mais a esclarecer. "Deus" na verdade é uma formiga, e pronto!
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Agnoscetico em 05 de Janeiro de 2016, 02:46:13
Desafios:

1) Criar vários navios e dar nome de Titanics (1, 2, 3, etc.) dizer Nem deus afunda os Titanics , mas antes tomar cuidado que condições metereologicas estejam boas, não haja icebergs, rochedos e que o capitão esteja atento (e nao cometa o erro do Titanic "1") pra nao dar margem pro azar e abrir espaço pra que superstição ganhe mais reputação.
Se cada um deles afundar estaria aberta a possibilidade de existencia de deus (na cabeça dos credulos) e apenas coincidencia (na cabeça dos ceticos). Mas ia ser um bom teste, pra acabar esse mito de que Deus afundou Titanic.

2) Cometer o pecado imperdoavel (Blasfemia conta espirito santo - Mateus 12:32 - ver abaixo), que mostraria pro descrente convicto que ele não tem medo de ir pro inferno pois nao acredita em tal coisa

Mateus 12:32

Todo o que tiver falado contra o Filho do Homem será perdoado. Se, porém, falar contra o Espírito Santo, não alcançará perdão nem neste século nem no século vindouro.



Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 05 de Janeiro de 2016, 07:13:20
Quando eu tiver uma graninha extra eu tento fazer o desafio 1. ::)

O irmão gêmeo mais longevo do Titanic se aposentou em 1935 por altos custos operacionais. O outro durou um pouco mais que o Titanic, tendo sido destruído por uma mina marítma.

https://en.wikipedia.org/wiki/Olympic-class_ocean_liner

Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Gigaview em 05 de Janeiro de 2016, 08:32:32
Engraçado que todos esses desafios desafiam a maldade divina. Se Deus existe e é bom, é lógico que jamais aceitaria um desafio desses apesar da péssima reputação bíblica. Também é engraçado tratar o criador do universo como um otário que precisa convencer alguém. Os céticos confundem evidências fantásticas com show de mágica, querem desafiar Deus apenas por divertimento porque no fundo já sabem que ele existe.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 05 de Janeiro de 2016, 08:35:42
Como contestação ao seu argumento, alguns ingenuamente então "desafiariam" Deus a acabar com a fome e todos os problemas na África e no mundo. Novamente confundindo Deus com um otário facilmente tapeado a fazer algo para convencer a alguém, mudando dramaticamente o seu propósito, que era o de dar o homem a total responsabilidade pelo seu livre-arbítrio.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 05 de Janeiro de 2016, 10:56:24
Engraçado que todos esses desafios desafiam a maldade divina. Se Deus existe e é bom, é lógico que jamais aceitaria um desafio desses apesar da péssima reputação bíblica. Também é engraçado tratar o criador do universo como um otário que precisa convencer alguém. Os céticos confundem evidências fantásticas com show de mágica, querem desafiar Deus apenas por divertimento porque no fundo já sabem que ele existe.
Os homens que não desafiam um deus ruim não o fazem por que esse "deus ruim" nada mais é do que a implacável entropia divinizada. É apenas a lei da causa e efeito.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Agnoscetico em 05 de Janeiro de 2016, 13:07:43
Citação de: Gigaview
Engraçado que todos esses desafios desafiam a maldade divina. Se Deus existe e é bom, é lógico que jamais aceitaria um desafio desses apesar da péssima reputação bíblica. Também é engraçado tratar o criador do universo como um otário que precisa convencer alguém. Os céticos confundem evidências fantásticas com show de mágica, querem desafiar Deus apenas por divertimento porque no fundo já sabem que ele existe.

Mas so pq um cara disse Nem deus afunda Titanic ai qdo o mesmo afundou, atribuiram castigo de deus, usando talvez o argumento de (Galatas 6:7)

Não vos enganeis: de Deus não se zomba. O que o homem semeia, isso mesmo colherá.

Sobre deus judaico-cristao ser bom, há controversias:

Isaias 45:7

formei a luz e criei as trevas, busco a felicidade e suscito a infelicidade. Sou eu o Senhor, que faço todas essas coisas.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 05 de Janeiro de 2016, 16:02:07

Primeiro era preciso saber o que é "Deus" e do que se trata, e para que serve, e só depois saber se tal afirmação tem alguma utilidade, se é precípua. Você se lembra disso aquí? http://clubecetico.org/forum/index.php?topic=28862.msg865469#msg865469 (http://clubecetico.org/forum/index.php?topic=28862.msg865469#msg865469)

Sim este espantalho criaturus dogmaticos ficou muito engraçado  :biglol:

Citar
Com relação a questão do neném procurar os seios, ele não o faz nem conscientemente nem tendo (presumivelmente) ciência do que faz, no começo, só bem depois ele passa a perceber, a ter ciência do que faz. No começo, um neném procurando os seios para mamar e o ato de sugar são só  atos instintivos.

exato! se o recém nascido  seguem uma lógica de sobrevivência  açheia a sua vontade , então essa lógica só pode fazer parte de uma vontade que lhe és superior, vai dizer que o seu coração bate pela sua vontade ?
 
Citar
Uma pessoa pode com os seus sentidos perceber uma pedra, tornando-se ciente da existência da pedra, depois essa pessoa define pedra para mais alguém dizendo do que se trata "pedra" para ela, e obviamente a outra pessoa vai confirmar a existência da pedra, então, havendo duas pessoas cientes da pedra, haverão duas pessoas conscientes da existência de algo chamado pedra. "Deus" não funciona por que "Deus" por não existir, não pode ser apreendido, percebido por duas ou mais pessoas.


ha...ha...ha...ha...ha...ha...ha
fale apenas por si mesmo, pois sua realidade é diferente dos sentimentos que criam minha realidade ou  ciência.
sentimentos são realidades pessoais não compartilhadas que apenas podem ser imaginadas  do tipo "sinto muito a sua perda ou dor "
percepção é a menor ciência da existência , podemos perceber a existência Deus porem é impossível ter ciência absoluta da sua existência.
Citar
Finalmente você admitiu que "Deus" é só uma viajada legal na maionese.
disse que as a suas limitações perceptivas não determinam inexistência absolutas apenas relativas a sua ciência.



Citar
Não é "falta" de consciência pois ou há consciência ou não há. Toda consciência que você tem é máxima, total. Tal qual a gravidez, a consciência ou há ou não há.
tão absoluta quanto um peixe tentando achar os limites do oceano,mas nós ja temos consciência deses limites, mas os peixes não!

Citar
"Deus" é uma suposição que não pode fazer parte da consciência(no máximo, uma suposição de alguém) de ninguém pois para isso ocorrer é preciso uma pessoa que ache que X é "Deus" e outra que confirme que aquele X é "Deus", tal qual no exemplo da pedra. Veja bem, uma pedra, ou uma agulha, ou um relógio é sempre uma pedra ou uma agulha ou um relógio tanto para Fulano como para Beltrano. Com (a ideia do que seja) "Deus" isso não acontece.
na pre historia ja haviam bactérias ? havia ciência  e consciência desta existência ?
digamos que tenha visto um disco voador e voce não , então ele existe para minha ciência e não para sua.
Que Deus seja um ser manifestando inteligencia através em  toda sua forma de existência mas, que não necessita  cobrar direitos autorais.

Citar
Os sentidos são o que a pessoa é, o que delimita sua existência. É à partir dos sensores que o "eu", a funcionalidade de alguém ocorre.
não é bem assim, é observável existir uma personalidade pre definida em todo recém nascido em pouco tempo podemos observar temperamentos , hábitos e mais um pouco o caráter.
tambem é notório haver traços de personalidades em filhotes de animais.
então a formação de caráter, da personalidade antecede ao nascimento não sendo apenas  fruto da aquisição de ciência adquirida pós parto.


Citar
Isso é um absurdo, se todas as consciências ignorarem algo esse algo apenas será ignorado por todas as consciências.

segundo seu conceito: " consciência é uma mesma ciência compartilhada"
Se todos ignoram algo, não ha ciência de algo nem, consciência desse algo.
Assim voce só poderá querer afirmar que esse algo "existe" apelando pela fé em detrimento da ciência.

Citar
ha....ha...ha...ha..ha..ha...ha....... :biglol:
Sim!*

hahahahahahahahahahahhahahahahahahahhahah!!!!

E digo mais: hahahahahahhahahahahahahhahahahah

*Ou demonstrar cabalmente a existência desse algo para outrem, como aliás ocorreu com os estudos conduzidos por cientistas como Henri Becquerel, Marie Curie e Konrad Roentgen com relação à radioatividade. Imagine pessoas adoecendo e morrendo por usar relógios e supositórios feito de materiais radioativos por ignorar a realidade dos fatos, só obtida posteriomente através de muita ciência...

Se depende-se apenas da consciência de ateus para existir , de fato Deus não existiria ,mas ele só depende da própria ciência para poder existir, e da consciência de alguns crentes.
no entanto o raciocínio de que se não houver nenhuma consciência não haverá existências é correto.



Assim se todas consciências fossem de "formigas" Deus deixaria de existir ja que tambem seria uma formiga.
Citar
Mas que maluquice. Deus deixaria de existir por que ia ser uma formiga???


dentro da comparação de que cérebros de  formigas ignoram a existência divina, sendo todos formigas incluindo Deus, não haverá mais ciência da existência Deus.

Citar
Cérebros de qualquer criatura ignoram o que não há. Simples assim.
entendi a sua falta de percepção é que define as inexistência.

Citar
Se "Deus"(algo que não há) é uma formiga(algo que há) não há nada mais a esclarecer. "Deus" na verdade é uma formiga, e pronto!
se todos possuíssem cérebros de formigas a ciência das existências estariam muito limitada
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 05 de Janeiro de 2016, 19:45:40

Citar
Com relação a questão do neném procurar os seios, ele não o faz nem conscientemente nem tendo (presumivelmente) ciência do que faz, no começo, só bem depois ele passa a perceber, a ter ciência do que faz. No começo, um neném procurando os seios para mamar e o ato de sugar são só  atos instintivos.

exato! se o recém nascido  seguem uma lógica de sobrevivência  açheia a sua vontade , então essa lógica só pode fazer parte de uma vontade que lhe és superior, vai dizer que o seu coração bate pela sua vontade ?
Se algo sujeita a minha vontade de tal modo que me seja superior, esse mesmo algo também te sujeita, de tal modo que sendo você um sujeitado, tudo o que você é, inclusive o que lhe sai da boca, é inferior. Faça-me o favor, meu jovem!


 

Citar
Não é "falta" de consciência pois ou há consciência ou não há. Toda consciência que você tem é máxima, total. Tal qual a gravidez, a consciência ou há ou não há.
tão absoluta quanto um peixe tentando achar os limites do oceano,mas nós ja temos consciência deses limites, mas os peixes não!
E as almofadas de veludo não são drops de menta, mas, e daí?



Citar
Os sentidos são o que a pessoa é, o que delimita sua existência. É à partir dos sensores que o "eu", a funcionalidade de alguém ocorre.
não é bem assim, é observável existir uma personalidade pre definida em todo recém nascido em pouco tempo podemos observar temperamentos , hábitos e mais um pouco o caráter.
tambem é notório haver traços de personalidades em filhotes de animais.
então a formação de caráter, da personalidade antecede ao nascimento não sendo apenas  fruto da aquisição de ciência adquirida pós parto.
O que você vê não é nem a ciência nem a consciência de nada, só características funcionais.


Citar
Isso é um absurdo, se todas as consciências ignorarem algo esse algo apenas será ignorado por todas as consciências.

segundo seu conceito: " consciência é uma mesma ciência compartilhada"
Se todos ignoram algo, não ha ciência de algo nem, consciência desse algo.
Assim voce só poderá querer afirmar que esse algo "existe" apelando pela fé em detrimento da ciência.

Citar
ha....ha...ha...ha..ha..ha...ha....... :biglol:
Sim!*

hahahahahahahahahahahhahahahahahahahhahah!!!!

E digo mais: hahahahahahhahahahahahahhahahahah

*Ou demonstrar cabalmente a existência desse algo para outrem, como aliás ocorreu com os estudos conduzidos por cientistas como Henri Becquerel, Marie Curie e Konrad Roentgen com relação à radioatividade. Imagine pessoas adoecendo e morrendo por usar relógios e supositórios feito de materiais radioativos por ignorar a realidade dos fatos, só obtida posteriomente através de muita ciência...

Se depende-se apenas da consciência de ateus para existir , de fato Deus não existiria ,mas ele só depende da própria ciência para poder existir, e da consciência de alguns crentes.
no entanto o raciocínio de que se não houver nenhuma consciência não haverá existências é correto.
Não, não está correto. Eu acabei de citar o caso da radioatividade existindo antes das pessoas terem consciência dela.



Citar
Cérebros de qualquer criatura ignoram o que não há. Simples assim.
entendi a sua falta de percepção é que define as inexistência.

Sim meu caro, se minha percepção, se meus sentidos, percebem algo, é por que há algo, logo, se meus sentidos não percebem algo é porque logicamente não há um algo. Porém, não há algo que defina uma inexistência ou, não existência, apenas a falta dela.

Citar
Se "Deus"(algo que não há) é uma formiga(algo que há) não há nada mais a esclarecer. "Deus" na verdade é uma formiga, e pronto!
se todos possuíssem cérebros de formigas a ciência das existências estariam muito limitada
Ciência das existências??? Estariam muito limitadas? Como assim? Não entendi.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 06 de Janeiro de 2016, 07:55:28

Se algo sujeita a minha vontade de tal modo que me seja superior, esse mesmo algo também te sujeita, de tal modo que sendo você um sujeitado, tudo o que você é, inclusive o que lhe sai da boca, é inferior. Faça-me o favor, meu jovem!
Pois não!  :hihi:
dentro do Todo , todas as parte que o compõe possuem igual  importância, no entanto as maiores sobre julgam as menores.



Citar
Não é "falta" de consciência pois ou há consciência ou não há. Toda consciência que você tem é máxima, total. Tal qual a gravidez, a consciência ou há ou não há.
tão absoluta quanto um peixe tentando achar os limites do oceano,mas nós ja temos consciência deses limites, mas os peixes não!
Citar
E as almofadas de veludo não são drops de menta, mas, e daí?
ciência pode ser parcial, relativa a evolução do ser.


Citar
O que você vê não é nem a ciência nem a consciência de nada, só características funcionais.
o que eu vejo são ondas luminosas, o que eu observo é que os animais ja nascem com uma personalidade e ciência pre definida, que não são frutos da ciência pós parto.[/quote]



Se depende-se apenas da consciência de ateus para existir , de fato Deus não existiria ,mas ele só depende da própria ciência para poder existir, e da consciência de alguns crentes.
no entanto o raciocínio de que se não houver nenhuma consciência não haverá existências é correto.
Citar
Não, não está correto. Eu acabei de citar o caso da radioatividade existindo antes das pessoas terem consciência dela.
sim por isso afirmo que ela antes ela ja existia para a ciência Deus.
o argumento é que para haver consciência é necessário haver no minimo uma ciência e sem nenhuma ciência não pode haver existência, assim o que não existe pela ciência humana, existe pela ciência de Deus.


Citar
Sim meu caro, se minha percepção, se meus sentidos, percebem algo, é por que há algo, logo, se meus sentidos não percebem algo é porque logicamente não há um algo. Porém, não há algo que defina uma inexistência ou, não existência, apenas a falta dela.

quer dizer que sons acima de 20khz e luz infravermelho não existem? não existem só para os seus sentido limitados, ou seja são eles que tornam a ciência humana limitada.

Citar
Ciência das existências??? Estariam muito limitadas? Como assim? Não entendi.

 a ciência é relativa a evolução dos seres e inicia-se a partir da percepção depois evolui para imaginação e processos cognitivos, interpretação subjetivas.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 06 de Janeiro de 2016, 10:10:22

Se algo sujeita a minha vontade de tal modo que me seja superior, esse mesmo algo também te sujeita, de tal modo que sendo você um sujeitado, tudo o que você é, inclusive o que lhe sai da boca, é inferior. Faça-me o favor, meu jovem!
Pois não!  :hihi:
dentro do Todo , todas as parte que o compõe possuem igual  importância, no entanto as maiores sobre julgam as menores.
Quando a coisa degringola para papo furado(reteté) você fica que nem pinto no lixo, né?


Citar
Sim meu caro, se minha percepção, se meus sentidos, percebem algo, é por que há algo, logo, se meus sentidos não percebem algo é porque logicamente não há um algo. Porém, não há algo que defina uma inexistência ou, não existência, apenas a falta dela.

quer dizer que sons acima de 20khz e luz infravermelho não existem? não existem só para os seus sentido limitados, ou seja são eles que tornam a ciência humana limitada.

Se você está dizendo que algo existe e tem como demonstrar isso, certamente eu vou ser capaz de perceber.

Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 06 de Janeiro de 2016, 13:20:48
neste caso então não existe luz para um deficiente visual, nem som para um auditivo ?
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 06 de Janeiro de 2016, 13:36:25
A perceção de Jeová se dá pelo sexto sentido, a glândula pineal, ou terceiro olho -- atrofiado na maioria das pessoas. A sua enervação passa próximo ao coração, e por isso comumente as pessoas se falam de "escutar seu coração" nesse sentido, não se trata de ouvir os batimentos cardíacos.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 06 de Janeiro de 2016, 15:40:10
o problema é que temos  um terceiro olho que ainda é "cego" :histeria:
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 06 de Janeiro de 2016, 18:10:51
neste caso então não existe luz para um deficiente visual, nem som para um auditivo ?
Você já viu algum teimando que não?
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 06 de Janeiro de 2016, 18:30:38
Eu não lembro agora, mas é uma possibilidade, talvez requerendo algo menos neurologicamente dramático do que aqueles casos de pessoas que, mesmo cegas, "acreditam" que podem ver/tem alucinações confabulatórias visuais.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 06 de Janeiro de 2016, 19:34:15
O que está em jogo é a ideia de que o que existe é perceptível, portanto rastreável, que o que existe pode ser demonstrado.

É um fato haverem sentidos e estes serem o modo como se apreende a realidade, e que a privação de um ou mais  sentidos redundar em menor percepção da realidade.  Se X é deficiente de um ou mais sentidos,  sua percepção da realidade obviamente será diminuída, e não havendo a presença de nenhum sentido em X, a apreensão dele da realidade será nula. Se X já é deficiente de algum sentido implica que a apreensão dele da realidade é deficitária.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 06 de Janeiro de 2016, 19:50:09
O Criaturo supõe que haja um sexto sentido que permita perceber a Jeová, e os outros sejam "cegos" a esse sentido, como animais que, vendados desde o nascimento, nunca desenvolvem a visão após passado um período crítico para isso. Nesse caso as vendas devem ser o ateísmo, a imoralidade, o cientificismo.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 06 de Janeiro de 2016, 20:05:00
Se só ele tem o sentido que ele supõe ter, ele tem no máximo, ciência do que percebe. Se alguém mais além dele tem tal sentido, ambos poderão chegar a um termo, a um consenso sobre aquilo, tornando-se conscientes daquilo que percebem, tendo consciência "daquilo", definindo do mesmo modo aquilo que percebem, e então serão uma categoria à parte de humanos. Mas o fato é que não chegam a esse termo, a esse consenso, pois o que cada um acha que percebe é desde de ligeiramente diferente a extremamente diferente do que definem.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Gigaview em 06 de Janeiro de 2016, 20:22:43
Testes feitos com LSD e mescalina indicam que cegos de nascença (ou que perderam a visão após 2 anos de idade) não manifestam alucinações "visuais", mas podem manifestar alucinações auditivas. Alucinações visuais nesses casos só seriam possíveis a partir de uma percepção extrasensorial, que no caso não atua. O que o Sergiomgbr disse mostra que não existe uma realidade definida extrasensorialmente e consequentemente tudo que se fala de experiências astrais compartilhadas, ou qualquer coisa do gênero é puro bullshit. Concordo com ele.

http://mindhacks.com/2009/11/18/do-blind-people-hallucinate-on-lsd/
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 06 de Janeiro de 2016, 20:58:02
Interessante isso. Fico curioso sobre o que experienciariam, se algo, com estimulação magnética transcraniana que induz a percepção/visão de fosfenos em pessoas normais.*


As experiências astrais compartilhadas, no entanto, podem se dar em 99,999% dos casos com pessoas que habitam corpos materiais de universos paralelos no multiverso (uma das teorias mais aceitas pela ciência atualmente para explicar o universo).






* Muito bacana e curioso:

http://biomed.brown.edu/Courses/BI108/2006-108websites/group03retinalimplants/dobell.htm

(http://biomed.brown.edu/Courses/BI108/2006-108websites/group03retinalimplants/images/dobell_clip_image002_0000.jpg)

Citar
The Dobelle implant uses a digital video camera mounted on a pair of glasses as an input source for imaging. It sends this signal to a computer which processes this information and outputs this to the visual cortex in the back of the head. This causes the patient to see a pattern of phosphenes, or flashes of light.

Já tinha ouvido falar de algo parecido, mas a "visão" era algo tátil na barriga. Ou até sonoro, se não me engano.

Isso inclusive reacende o velho debate do RéV: "você é a favor de CEGO poder dirigir?"

http://biomed.brown.edu/Courses/BI108/2006-108websites/group03retinalimplants/multimedia/driving_long.wmv

Citar

    Who is it for?

    The device has been tested on people with both early and late-blindness and not all of them reported positive results; one of the patients, blind from age 5 to 68, did not see phosphenes from the device. For patients who are blind from birth, the device should be implanted early because cortical development might diverge with age.

    The device should not be used in patients who suffer from other neurological problems, such as brain damage or chronic infections.

Parece que não conseguiram ainda induzir fosfenos em pessoas cegas desde o nascimento. Seria interessante ver o que resultaria do uso continuado desse dispositivo nesses casos, mesmo que inicialmente não dê em nada. Se está vindo um estímulo ambiental correlato à informação visual, o cérebro deve ser capaz de aprender a usar isso, ainda que talvez não da mesma forma que faz quando recebe um sinal já "especializado" disso.


Encontrei uma fonte dizendo terem conseguido produzir fosfenos em pessoas congenitamente cegas, mas só através de estímulo dos olhos mesmo, talvez reforçando ser uma especialização "aprendida" da área cerebral que os produz se estimulada magneticamente, e não uma especialização inata.

https://books.google.com.br/books?id=cuFZt4NK3DEC&pg=PT53
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Gigaview em 06 de Janeiro de 2016, 21:38:43
No multiverso pode tudo porque teoricamente ele acomoda (em universos diferentes) todas as possibilidades.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Johnny Cash em 06 de Janeiro de 2016, 22:51:18
No multiverso pode tudo porque teoricamente ele acomoda (em universos diferentes) todas as possibilidades.

Modo endless bla-bla-bla: Bom, se ele acomoda todas as possibilidades, acomoda inclusive a possibilidade de não poder nada, inclusive a de algo que venha a destruir todos os outros ou até mesmo que já tenha destruído.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 07 de Janeiro de 2016, 14:49:32
neste caso então não existe luz para um deficiente visual, nem som para um auditivo ?
Você já viu algum teimando que não?
teríamos que estudar um de nascença, gostaria de saber se eles sonham com imagens ?
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 07 de Janeiro de 2016, 14:55:22
O que está em jogo é a ideia de que o que existe é perceptível, portanto rastreável, que o que existe pode ser demonstrado.

É um fato haverem sentidos e estes serem o modo como se apreende a realidade, e que a privação de um ou mais  sentidos redundar em menor percepção da realidade.  Se X é deficiente de um ou mais sentidos,  sua percepção da realidade obviamente será diminuída, e não havendo a presença de nenhum sentido em X, a apreensão dele da realidade será nula. Se X já é deficiente de algum sentido implica que a apreensão dele da realidade é deficitária.
eis ai a questão, mesmo se  não houver nenhum sentido ainda assim mesmo ainda haverá consciência?
eu creio que sim, ja que a ciência do instinto é pre parto.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 07 de Janeiro de 2016, 15:03:00
O Criaturo supõe que haja um sexto sentido que permita perceber a Jeová, e os outros sejam "cegos" a esse sentido, como animais que, vendados desde o nascimento, nunca desenvolvem a visão após passado um período crítico para isso. Nesse caso as vendas devem ser o ateísmo, a imoralidade, o cientificismo.
de fato o sentido da intuição comprovada fortifica a crença em inteligências fora da matéria e quando praticada pode desenvolver-se,mas para isso é necessário acreditar nela.
mas como ja foi comentado, se a previsão da queda do avião se confirma o cético dirá que foi coincidência, se não é porque foi falsa.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 07 de Janeiro de 2016, 15:10:17
Se só ele tem o sentido que ele supõe ter, ele tem no máximo, ciência do que percebe. Se alguém mais além dele tem tal sentido, ambos poderão chegar a um termo, a um consenso sobre aquilo, tornando-se conscientes daquilo que percebem, tendo consciência "daquilo", definindo do mesmo modo aquilo que percebem, e então serão uma categoria à parte de humanos. Mas o fato é que não chegam a esse termo, a esse consenso, pois o que cada um acha que percebe é desde de ligeiramente diferente a extremamente diferente do que definem.
apesar de vivenciarmos experiências diferentes muitos crentes reconhecem haver telepatia, previsão do futuro e algum tipo de comunicação com mortos.
e o fato de não poderem repetir o fenômeno a bel prazer da sua ciência, não implica que sejam falsos e que sim nossa ciência é limitada  por sentidos imperfeitos.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 07 de Janeiro de 2016, 15:13:38
Testes feitos com LSD e mescalina indicam que cegos de nascença (ou que perderam a visão após 2 anos de idade) não manifestam alucinações "visuais", mas podem manifestar alucinações auditivas. Alucinações visuais nesses casos só seriam possíveis a partir de uma percepção extrasensorial, que no caso não atua. O que o Sergiomgbr disse mostra que não existe uma realidade definida extrasensorialmente e consequentemente tudo que se fala de experiências astrais compartilhadas, ou qualquer coisa do gênero é puro bullshit. Concordo com ele.

http://mindhacks.com/2009/11/18/do-blind-people-hallucinate-on-lsd/

então crê que o personagem humano seja apenas fruto dos seus sentindo e interpretações subjetivas ?
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 07 de Janeiro de 2016, 16:47:51
O que está em jogo é a ideia de que o que existe é perceptível, portanto rastreável, que o que existe pode ser demonstrado.

É um fato haverem sentidos e estes serem o modo como se apreende a realidade, e que a privação de um ou mais  sentidos redundar em menor percepção da realidade.  Se X é deficiente de um ou mais sentidos,  sua percepção da realidade obviamente será diminuída, e não havendo a presença de nenhum sentido em X, a apreensão dele da realidade será nula. Se X já é deficiente de algum sentido implica que a apreensão dele da realidade é deficitária.
eis ai a questão, mesmo se  não houver nenhum sentido ainda assim mesmo ainda haverá consciência?
eu creio que sim, ja que a ciência do instinto é pre parto.
É claro que você crê, tudo que você demonstra é que unicamente crê.

Se não houver um input de dados iniciais captados pelos sentidos não há nada. E esse input se dá no momento em que ambos, sentidos(sensores) e o sistema cognitivo começam a ser funcionais.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 07 de Janeiro de 2016, 16:56:45
Se só ele tem o sentido que ele supõe ter, ele tem no máximo, ciência do que percebe. Se alguém mais além dele tem tal sentido, ambos poderão chegar a um termo, a um consenso sobre aquilo, tornando-se conscientes daquilo que percebem, tendo consciência "daquilo", definindo do mesmo modo aquilo que percebem, e então serão uma categoria à parte de humanos. Mas o fato é que não chegam a esse termo, a esse consenso, pois o que cada um acha que percebe é desde de ligeiramente diferente a extremamente diferente do que definem.
apesar de vivenciarmos experiências diferentes muitos crentes reconhecem haver telepatia, previsão do futuro e algum tipo de comunicação com mortos.
e o fato de não poderem repetir o fenômeno a bel prazer da sua ciência, não implica que sejam falsos e que sim nossa ciência é limitada  por sentidos imperfeitos.
Não existe nossa ciência, e sim Ciência, e quem contribui para a expansão dela ou não, e não são os crentes que só creem.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 07 de Janeiro de 2016, 20:54:40
O que está em jogo é a ideia de que o que existe é perceptível, portanto rastreável, que o que existe pode ser demonstrado.

É um fato haverem sentidos e estes serem o modo como se apreende a realidade, e que a privação de um ou mais  sentidos redundar em menor percepção da realidade.  Se X é deficiente de um ou mais sentidos,  sua percepção da realidade obviamente será diminuída, e não havendo a presença de nenhum sentido em X, a apreensão dele da realidade será nula. Se X já é deficiente de algum sentido implica que a apreensão dele da realidade é deficitária.
eis ai a questão, mesmo se  não houver nenhum sentido ainda assim mesmo ainda haverá consciência?
eu creio que sim, ja que a ciência do instinto é pre parto.


Seria consciência do que?
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Gigaview em 07 de Janeiro de 2016, 22:15:40
Testes feitos com LSD e mescalina indicam que cegos de nascença (ou que perderam a visão após 2 anos de idade) não manifestam alucinações "visuais", mas podem manifestar alucinações auditivas. Alucinações visuais nesses casos só seriam possíveis a partir de uma percepção extrasensorial, que no caso não atua. O que o Sergiomgbr disse mostra que não existe uma realidade definida extrasensorialmente e consequentemente tudo que se fala de experiências astrais compartilhadas, ou qualquer coisa do gênero é puro bullshit. Concordo com ele.

http://mindhacks.com/2009/11/18/do-blind-people-hallucinate-on-lsd/

então crê que o personagem humano seja apenas fruto dos seus sentindo e interpretações subjetivas ?

Não existe evidência do contrário. O cérebro lida com informação sensorial. Não existe evidência que informação sensorial possa ser herdada nem adquirida através de meios que não sejam os sentidos conhecidos. Cegos de nascença não passam no teste de regressão de vidas passadas nem surdos conseguem descrever sons e línguas de outras encarnações. Nesses casos o cérebro é incapaz de inventar aquilo que não conhece. Tudo depende do cérebro e dos sentidos. Não existe evidência de uma consciência extracorporal, que não depende do cérebro e tudo que sentimos e pensamos é resultado da atividade cerebral.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Gigaview em 07 de Janeiro de 2016, 23:02:15
Se só ele tem o sentido que ele supõe ter, ele tem no máximo, ciência do que percebe. Se alguém mais além dele tem tal sentido, ambos poderão chegar a um termo, a um consenso sobre aquilo, tornando-se conscientes daquilo que percebem, tendo consciência "daquilo", definindo do mesmo modo aquilo que percebem, e então serão uma categoria à parte de humanos. Mas o fato é que não chegam a esse termo, a esse consenso, pois o que cada um acha que percebe é desde de ligeiramente diferente a extremamente diferente do que definem.
apesar de vivenciarmos experiências diferentes muitos crentes reconhecem haver telepatia, previsão do futuro e algum tipo de comunicação com mortos.
e o fato de não poderem repetir o fenômeno a bel prazer da sua ciência, não implica que sejam falsos e que sim nossa ciência é limitada  por sentidos imperfeitos.
Não existe nossa ciência, e sim Ciência, e quem contribui para a expansão dela ou não, e não são os crentes que só creem.

Atualmente, os defensores da telepatia lutam por casas decimais de resultados estatísticos de metodologias discutíveis. Apesar de todos os experimentos ao longo de mais de 150 anos, já se sabe que, se acontecer, a prova de sua existência será apenas estatísticas, em outras palavras, a telepatia terá o status de um fenômeno raríssimo, incontrolável e que não possui funcionalidade prática alguma. A idéia de transmitir mensagens e influenciar pensamentos sempre será uma interpretação fantasiosa e completamente inadequada à realidade desse fenômeno. Podemos até dizer que a prova da existência da telepatia, do ponto de vista prático, é absolutamente irrelevante.

Em relação à comunicação com os mortos, não é a Ciência que falha, mas sim os defensores dessa hipótese que nunca conseguiram prova-la. Todos os fenômenos reproduzidos ao bel prazer se revelaram como fraudes e os demais, considerados genuínos, acontecem em situações inapropriadas pela falta de condições e controles para que possam ser, de fato, autenticados pela Ciência. A religião e o misticismo também possuem uma parcela de culpa pela abordagem considerada pseudocientífica pois tentam provar que existe a comunicação com os mortos a partir da aceitação dogmática da existência da alma, da existência de "energias" sutis, de outros planos de existência, etc. A Ciência, por outro lado, não possui idéias pré concebidas e utiliza uma metodologia que questiona todos os aspectos do fenômeno.  Os defensores da vida após a morte se comportam como uma torcida organizada esperando entusiasticamente que suas crenças obtenham o reconhecimento da Ciência.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 08 de Janeiro de 2016, 02:09:14
Seria "praticamente irrelevante" mais ou menos apenas no nível de que confirmar o bósão de Higgs é irrelevante para o cotidiano. Mas seria uma descoberta de peso infinitamente maior para a ciência, se pudesse se ter isso realmente comprovado. Só pelo que representa em termos de mecanismos físicos que nos eram completamente ignorados, seja lá quão irrelevantes sejam no funcionamento de Homo sapiens moderno. Talvez não fosse a mesma coisa com outros seres, e talvez pudesse ser tanto exercitado em humanos, como auxiliado por tecnologia, como até talvez dar toda uma nova área de exploração tecnológica e científica que até então não se imaginava existir.

Mas o "se pudesse ter isso realmente comprovado" é a parte mais crítica. Teria que de alguma forma se conseguir obter algo estatisticamente significante de um fenômeno que corriqueiramente é essencialmente desprezível. Sem uma metodologia sólida para isso, não dá para levar a sério tentativas mais rudimentares de detectar algo tão radicalmente revolucionário, diferente de tudo que se conhece como real.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 08 de Janeiro de 2016, 08:13:03
O que está em jogo é a ideia de que o que existe é perceptível, portanto rastreável, que o que existe pode ser demonstrado.

É um fato haverem sentidos e estes serem o modo como se apreende a realidade, e que a privação de um ou mais  sentidos redundar em menor percepção da realidade.  Se X é deficiente de um ou mais sentidos,  sua percepção da realidade obviamente será diminuída, e não havendo a presença de nenhum sentido em X, a apreensão dele da realidade será nula. Se X já é deficiente de algum sentido implica que a apreensão dele da realidade é deficitária.
eis ai a questão, mesmo se  não houver nenhum sentido ainda assim mesmo ainda haverá consciência?
eu creio que sim, ja que a ciência do instinto é pre parto.
É claro que você crê, tudo que você demonstra é que unicamente crê.

Se não houver um input de dados iniciais captados pelos sentidos não há nada. E esse input se dá no momento em que ambos, sentidos(sensores) e o sistema cognitivo começam a ser funcionais.
neste caso a fé é comprovada pela ciência do instinto ou seja existe um conhecimento antes do nascimento.
este argumento derruba esta sua teoria. ::)
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 08 de Janeiro de 2016, 08:17:03
O que está em jogo é a ideia de que o que existe é perceptível, portanto rastreável, que o que existe pode ser demonstrado.

É um fato haverem sentidos e estes serem o modo como se apreende a realidade, e que a privação de um ou mais  sentidos redundar em menor percepção da realidade.  Se X é deficiente de um ou mais sentidos,  sua percepção da realidade obviamente será diminuída, e não havendo a presença de nenhum sentido em X, a apreensão dele da realidade será nula. Se X já é deficiente de algum sentido implica que a apreensão dele da realidade é deficitária.
eis ai a questão, mesmo se  não houver nenhum sentido ainda assim mesmo ainda haverá consciência?
eu creio que sim, ja que a ciência do instinto é pre parto.


Seria consciência do que?
da existência de si mesmo.
mais ou menos como a de um autista, ou a percepção da planta em sentir-se viva.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 08 de Janeiro de 2016, 08:30:54
Testes feitos com LSD e mescalina indicam que cegos de nascença (ou que perderam a visão após 2 anos de idade) não manifestam alucinações "visuais", mas podem manifestar alucinações auditivas. Alucinações visuais nesses casos só seriam possíveis a partir de uma percepção extrasensorial, que no caso não atua. O que o Sergiomgbr disse mostra que não existe uma realidade definida extrasensorialmente e consequentemente tudo que se fala de experiências astrais compartilhadas, ou qualquer coisa do gênero é puro bullshit. Concordo com ele.

http://mindhacks.com/2009/11/18/do-blind-people-hallucinate-on-lsd/

então crê que o personagem humano seja apenas fruto dos seus sentindo e interpretações subjetivas ?

Não existe evidência do contrário. O cérebro lida com informação sensorial. Não existe evidência que informação sensorial possa ser herdada nem adquirida através de meios que não sejam os sentidos conhecidos. Cegos de nascença não passam no teste de regressão de vidas passadas nem surdos conseguem descrever sons e línguas de outras encarnações. Nesses casos o cérebro é incapaz de inventar aquilo que não conhece. Tudo depende do cérebro e dos sentidos. Não existe evidência de uma consciência extracorporal, que não depende do cérebro e tudo que sentimos e pensamos é resultado da atividade cerebral.

fontes ?

como disse gostaria muito de poder entrevistar um cego de nascença para poder tirar esse tipo de duvidas.
mas e o instinto por exemplo de onde vem a ciência do pássaro construindo o ninho?
o filhote procurando alimento nos seios maternos, sugando e comprimindo os mamilos ?
de fato é notório a capacidade do cérebro poder criar ilusões e até provocar sensações no corpo fisico isto pode ser facilmente comprovado através de hipnose.
no entanto não podemos negar  sonhos premunitórios , também os que revelam fatos ocultos ao cérebro, que não fazem parte da sua memória.
Tudo indica que  ha um reset nato no ser,mas e os traços de personalidades natos ?
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 08 de Janeiro de 2016, 10:54:17
O que está em jogo é a ideia de que o que existe é perceptível, portanto rastreável, que o que existe pode ser demonstrado.

É um fato haverem sentidos e estes serem o modo como se apreende a realidade, e que a privação de um ou mais  sentidos redundar em menor percepção da realidade.  Se X é deficiente de um ou mais sentidos,  sua percepção da realidade obviamente será diminuída, e não havendo a presença de nenhum sentido em X, a apreensão dele da realidade será nula. Se X já é deficiente de algum sentido implica que a apreensão dele da realidade é deficitária.
eis ai a questão, mesmo se  não houver nenhum sentido ainda assim mesmo ainda haverá consciência?
eu creio que sim, ja que a ciência do instinto é pre parto.
É claro que você crê, tudo que você demonstra é que unicamente crê.

Se não houver um input de dados iniciais captados pelos sentidos não há nada. E esse input se dá no momento em que ambos, sentidos(sensores) e o sistema cognitivo começam a ser funcionais.
neste caso a fé é comprovada pela ciência do instinto ou seja existe um conhecimento antes do nascimento.
este argumento derruba esta sua teoria. ::)
Não existe "ciência do instinto" e sim a ciência que há do fato de haver o instinto. O instinto não é ciência de nada, é só  funcionalidade. O fato de a água, por exemplo,escorrer pra baixo não "tendo aprendido com ninguém" a "escorrer pra baixo", quando bem poderia escorrer pra cima ou nem escorrer, não é "ciência da água", o que há é a ciência de que a água escorre pra baixo, ou seja, "escorrer pra baixo" é só uma funcionalidade da água.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Gigaview em 08 de Janeiro de 2016, 21:40:07
Testes feitos com LSD e mescalina indicam que cegos de nascença (ou que perderam a visão após 2 anos de idade) não manifestam alucinações "visuais", mas podem manifestar alucinações auditivas. Alucinações visuais nesses casos só seriam possíveis a partir de uma percepção extrasensorial, que no caso não atua. O que o Sergiomgbr disse mostra que não existe uma realidade definida extrasensorialmente e consequentemente tudo que se fala de experiências astrais compartilhadas, ou qualquer coisa do gênero é puro bullshit. Concordo com ele.

http://mindhacks.com/2009/11/18/do-blind-people-hallucinate-on-lsd/

então crê que o personagem humano seja apenas fruto dos seus sentindo e interpretações subjetivas ?

Não existe evidência do contrário. O cérebro lida com informação sensorial. Não existe evidência que informação sensorial possa ser herdada nem adquirida através de meios que não sejam os sentidos conhecidos. Cegos de nascença não passam no teste de regressão de vidas passadas nem surdos conseguem descrever sons e línguas de outras encarnações. Nesses casos o cérebro é incapaz de inventar aquilo que não conhece. Tudo depende do cérebro e dos sentidos. Não existe evidência de uma consciência extracorporal, que não depende do cérebro e tudo que sentimos e pensamos é resultado da atividade cerebral.

fontes ?

como disse gostaria muito de poder entrevistar um cego de nascença para poder tirar esse tipo de duvidas.
mas e o instinto por exemplo de onde vem a ciência do pássaro construindo o ninho?
o filhote procurando alimento nos seios maternos, sugando e comprimindo os mamilos ?
de fato é notório a capacidade do cérebro poder criar ilusões e até provocar sensações no corpo fisico isto pode ser facilmente comprovado através de hipnose.
no entanto não podemos negar  sonhos premunitórios , também os que revelam fatos ocultos ao cérebro, que não fazem parte da sua memória.
Tudo indica que  ha um reset nato no ser,mas e os traços de personalidades natos ?


Aqui estão as fontes. Porém uma observação.

A Ciência (ainda) não reconhece a reencarnação como um fenômeno autêntico, no máximo considera os relatos de reencarnação como manifestação criativa da mente, tal como acontece num sonho. Apesar de reconhecida pela Ciência, a hipnose carece de mecanismos de controle que possam diferenciar o que é fato do que é invenção nos relatos dos hipnotizados. Portanto, a regressões de vidas passadas é uma técnica questionável e nada confiável. Na minha abordagem, coloco os relatos de regressão no mesmo nível da atividade onírica.

A abordagem do instinto merece um tópico.

Citar
Three careful sleep laboratory studies (Amadeo & Gomez, 1966; Berger, Olley, & Oswald, 1962; Kerr, Foulkes, & Schmidt, 1982) and at least one rigorous study of home dream reports (Hurovitz, Dunn, Domhoff, & Fiss, 1999) have shown that congenitally blind dreamers and those who became blind in infancy do not have visual imagery in their dreams, whereas those blinded in adolescence or young adulthood often retain visual mental imagery in their waking life and in their dreams. These controlled experiments confirm what has been reported in a number of earlier self-report studies reviewed by Kirtley (1975), who concluded on the basis of his extensive appraisal that individuals blinded before the age of about 5 report no visual imagery in dreams as adults, whereas those blinded after about the age of 7 are likely to retain visual imagery in dreaming.

...


http://www2.ucsc.edu/dreams/Library/kerr_2004.html[/quote]

Citar
Citar
There are no visual images in the dreams of those born without any ability to experience visual imagery in waking life.
http://www2.ucsc.edu/dreams/Library/hurovitz_1999a.html

Citar
Citar
In conclusion, then, there is no good reason to believe that dreams have any relation to any type of paranormal phenomenon.

http://www2.ucsc.edu/dreams/Library/domhoff_2000c.html

(http://Deficientes visuais e auditivos, como todas as pessoas em geral, não estão imunes às influências de falsas memórias, como acontece nas regressões de "vidas passadas". O link abaixo esclarece a questão das falsas memórias na hipnose.

http://www.fmsfonline.org/links/pendergrastbelieve.html)
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 08 de Janeiro de 2016, 22:00:17
O que está em jogo é a ideia de que o que existe é perceptível, portanto rastreável, que o que existe pode ser demonstrado.

É um fato haverem sentidos e estes serem o modo como se apreende a realidade, e que a privação de um ou mais  sentidos redundar em menor percepção da realidade.  Se X é deficiente de um ou mais sentidos,  sua percepção da realidade obviamente será diminuída, e não havendo a presença de nenhum sentido em X, a apreensão dele da realidade será nula. Se X já é deficiente de algum sentido implica que a apreensão dele da realidade é deficitária.
eis ai a questão, mesmo se  não houver nenhum sentido ainda assim mesmo ainda haverá consciência?
eu creio que sim, ja que a ciência do instinto é pre parto.


Seria consciência do que?
da existência de si mesmo.
mais ou menos como a de um autista, ou a percepção da planta em sentir-se viva.

Autistas têm sentidos; plantas não têm "sentidos" que se comparam signficativamente aos dos animais e pessoas, autistas ou não.

A "consciência de si mesmo" muito provavelmente não é inata e independente dos sentidos, mas é desenvolvida ao longo da experiência. A consciência do ambiente, através dos sentidos, é muito provavelmente (difícil não dizer "inevitavelmente") um pré-requisito.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 11 de Janeiro de 2016, 10:10:38

Em relação à comunicação com os mortos, não é a Ciência que falha, mas sim os defensores dessa hipótese que nunca conseguiram prova-la. Todos os fenômenos reproduzidos ao bel prazer se revelaram como fraudes e os demais, considerados genuínos, acontecem em situações inapropriadas pela falta de condições e controles para que possam ser, de fato, autenticados pela Ciência. A religião e o misticismo também possuem uma parcela de culpa pela abordagem considerada pseudocientífica pois tentam provar que existe a comunicação com os mortos a partir da aceitação dogmática da existência da alma, da existência de "energias" sutis, de outros planos de existência, etc. A Ciência, por outro lado, não possui idéias pré concebidas e utiliza uma metodologia que questiona todos os aspectos do fenômeno.  Os defensores da vida após a morte se comportam como uma torcida organizada esperando entusiasticamente que suas crenças obtenham o reconhecimento da Ciência.

não fazer parte da ciência humana não significa ser inexistente e se existe tem sua importância ignorada.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 11 de Janeiro de 2016, 10:30:26

Não existe "ciência do instinto" e sim a ciência que há do fato de haver o instinto. O instinto não é ciência de nada, é só  funcionalidade. O fato de a água, por exemplo,escorrer pra baixo não "tendo aprendido com ninguém" a "escorrer pra baixo", quando bem poderia escorrer pra cima ou nem escorrer, não é "ciência da água", o que há é a ciência de que a água escorre pra baixo, ou seja, "escorrer pra baixo" é só uma funcionalidade da água.
existem inteligencia  apenas mecânica desprovida de vontade, imaginação, interpretação e decisão, é dessa forma que o seu corpo mantêm-se vivo naturalmente,  independente da sua vontade esta inteligência só pode ser externa a sua razão.
mas o instinto animal vai muito alem da  mecânica pura , pois ha nele uma inteligência  que contraria a razão do ego humano, como por exemplo os pais dar preferencia por alimentar os filhotes , ou então tentar defende-los do ataque  outros animais bem maiores.
que tal essa engenharia:
(https://encrypted-tbn1.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcTpQLq8JXGMMZlXGaFR00ehB5oRq1zDcOliveFv9kXHw4ucrEdX)(https://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcTAafvM7k9fkPfkbVI3pievy0K8O2YAEIsyk9Nz6UG51wa65REmwg)
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 11 de Janeiro de 2016, 10:39:17

A abordagem do instinto merece um tópico.

o fato dos cegos de nascença não sonharem tambem merece maiores reflexões

neste casos ja foi comprovado que tambem não podem fazer regressões ?
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 11 de Janeiro de 2016, 10:53:12

Autistas têm sentidos; plantas não têm "sentidos" que se comparam signficativamente aos dos animais e pessoas, autistas ou não.

A "consciência de si mesmo" muito provavelmente não é inata e independente dos sentidos, mas é desenvolvida ao longo da experiência. A consciência do ambiente, através dos sentidos, é muito provavelmente (difícil não dizer "inevitavelmente") um pré-requisito.

muito provavelmente as plantas percebam  estarem vivas e tambem sintam quando estão morrendo, ja que este é o objetivo de haver existências.
entendo a vida assim iniciando se a partir do seres puramente mecânicos evoluindo para os seres com vontade própria providos com uma  memória eterna, toda vez que o ser requer um equipamento mais complexo, este novo corpo é formado com uma memória vazia que no nascimento vai acumulando nova ciência e quando necessário referencias de experiências passadas ela busca na memoria eterna tais informações.

Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 11 de Janeiro de 2016, 11:09:44
"Percepção" das plantas é mecanicamente diferente da percepção animal, algo como a percepção de uma ratoeira de algo comendo a isca é diferente da percepção do computador da digitação de teclas em seu teclado, e essa por sua vez da nossa percepção animal. Tem elementos em comum a todas, mas também diferenças de complexidade que não permitem falar de tudo como se fosse a mesma coisa.

Quanto a segunda afirmação, bem, ainda não se tem qualquer indício de memórias extra-cerebrais herdadas sem ser através de transmissão cultural ordinária.







A abordagem do instinto merece um tópico.

o fato dos cegos de nascença não sonharem tambem merece maiores reflexões

Eles não teriam sonhos visuais.

Acho que existe a possibilidade deles terem "visões" e serem meio iconscientes disso. Algo análogo a sinestesia, só que sem a visão "de verdade" como fundo. Em vez disso, talvez sua orientação auditiva, tátil e olfativas, mais exigidas por esforço adicional, talvez criem o que, se pudéssemso "ver com o cérebro de um cego", seriam "imagens", embora não tenham grande probabilidade de se parecer significativamente com as imagens que nós fazemos a partir dos olhos. Mais como "símbolos" que ajudam em orientação. Me pergunto como eles poderiam, especialmente se cegos de nascença, comunicar eventuais instâncias desse fenômeno hipotético. 



Citar
neste casos ja foi comprovado que tambem não podem fazer regressões ?

Certamente eles não podem "assistir filmes que crêem ser de suas vidas passadas". Eles talvez sejam convencidos de estarem revivendo "fitas" de áudio, tato, e olfato, do que confabularem como "vida passada".
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Johnny Cash em 11 de Janeiro de 2016, 11:21:08

o fato dos cegos de nascença não sonharem também merece maiores reflexões


Putz. De onde saiu isso?

É óbvio que cegos (de nascença) sonham, isso é amplamente reportado e diversos estudos ja foram feitos sobre o tema.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 11 de Janeiro de 2016, 12:53:02
Não existe "ciência do instinto" e sim a ciência que há do fato de haver o instinto. O instinto não é ciência de nada, é só  funcionalidade. O fato de a água, por exemplo,escorrer pra baixo não "tendo aprendido com ninguém" a "escorrer pra baixo", quando bem poderia escorrer pra cima ou nem escorrer, não é "ciência da água", o que há é a ciência de que a água escorre pra baixo, ou seja, "escorrer pra baixo" é só uma funcionalidade da água.

https://en.wikipedia.org/wiki/Ethology
https://en.wikipedia.org/wiki/Comparative_psychology
https://en.wikipedia.org/wiki/Fluid_mechanics
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Sergiomgbr em 12 de Janeiro de 2016, 14:42:33
Não existe "ciência do instinto" e sim a ciência que há do fato de haver o instinto. O instinto não é ciência de nada, é só  funcionalidade. O fato de a água, por exemplo,escorrer pra baixo não "tendo aprendido com ninguém" a "escorrer pra baixo", quando bem poderia escorrer pra cima ou nem escorrer, não é "ciência da água", o que há é a ciência de que a água escorre pra baixo, ou seja, "escorrer pra baixo" é só uma funcionalidade da água.

https://en.wikipedia.org/wiki/Ethology
https://en.wikipedia.org/wiki/Comparative_psychology
https://en.wikipedia.org/wiki/Fluid_mechanics
Sensacionalmente intangível.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 14 de Janeiro de 2016, 07:34:17
Se todo conhecimento é aposteriori ao nascimento como maioria do animais ja nascem sabendo transar ?
este pre conhecimento instintivo cultural seria  passado via memoria genéticas ?
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Lorentz em 14 de Janeiro de 2016, 08:40:25
Se todo conhecimento é aposteriori ao nascimento como maioria do animais ja nascem sabendo transar ?
este pre conhecimento instintivo cultural seria  passado via memoria genéticas ?

Não se trata de um aprendizado racional, mas de um instinto. Ainda assim, os animais treinam várias habilidades desde a infância que ganharam com o instinto. O instinto guia, mas o animal precisa treinar as habilidades.

As brincadeiras entre os filhotes ajudam nisso.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 14 de Janeiro de 2016, 12:48:10
Se todo conhecimento é aposteriori ao nascimento como maioria do animais ja nascem sabendo transar ?
este pre conhecimento instintivo cultural seria  passado via memoria genéticas ?

Não se trata de um aprendizado racional, mas de um instinto. Ainda assim, os animais treinam várias habilidades desde a infância que ganharam com o instinto. O instinto guia, mas o animal precisa treinar as habilidades.

As brincadeiras entre os filhotes ajudam nisso.
não questiono o aprender com a experiência e sim o nascer sabendo, por exemplo fazer um ninho ?
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Brienne of Tarth em 14 de Janeiro de 2016, 14:11:51
A Seleção Natural e a Evolução moldaram os instintos, Criaturo, a Terra onde habitamos já passou por milhões de anos de experimentação, tentativa e erro; é assim que se aprimoraram a capacidade de mimetismo de alguns animais (o camaleão, por exemplo), ou o pescoço da girafa, onde a SN, cuidadosamente, separou aqueles de pescoço maior, através da capacidade de viver o suficiente para transmitir seus genes aos seus descendentes.

E mesmo o João-de-Barro levou milhares de anos aprimorando sua técnica, assim como os demais seres vivos do nosso planeta, não foi do dia para a noite.

"Não há a necessidade em acreditar em fadas para se admirar um belo jardim"
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 14 de Janeiro de 2016, 14:21:16
Se todo conhecimento é aposteriori ao nascimento como maioria do animais ja nascem sabendo transar ?
este pre conhecimento instintivo cultural seria  passado via memoria genéticas ?

Não se trata de um aprendizado racional, mas de um instinto. Ainda assim, os animais treinam várias habilidades desde a infância que ganharam com o instinto. O instinto guia, mas o animal precisa treinar as habilidades.

As brincadeiras entre os filhotes ajudam nisso.
não questiono o aprender com a experiência e sim o nascer sabendo, por exemplo fazer um ninho ?

Acho que geralmente se supõe serem uma "cadeia de reflexos", tão mais puramente reflexivos quanto mais simples for o sistema nervoso do animal, e gradualmente mais "impulsivos" (como fome) conforme o sistema é mais complexo.

A diferença de gradação deve ser algo como estímulos não desencadeando uma reação já diretamente para uma atividade muscular/corporal rígida, mas para oura parte do sistema nervoso/cérebro, e essa para outra, assim por diante, até chegar na "vontade" de agir (ou constituindo isso) e daí para a coordenação motora. Aí vai abrindo espaço para maior papel de aprendizado e "supervisão" do próprio comportamento.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 14 de Janeiro de 2016, 15:59:59
A Seleção Natural e a Evolução moldaram os instintos, Criaturo, a Terra onde habitamos já passou por milhões de anos de experimentação, tentativa e erro; é assim que se aprimoraram a capacidade de mimetismo de alguns animais (o camaleão, por exemplo), ou o pescoço da girafa, onde a SN, cuidadosamente, separou aqueles de pescoço maior, através da capacidade de viver o suficiente para transmitir seus genes aos seus descendentes.

E mesmo o João-de-Barro levou milhares de anos aprimorando sua técnica, assim como os demais seres vivos do nosso planeta, não foi do dia para a noite.

"Não há a necessidade em acreditar em fadas para se admirar um belo jardim"

a questão é como é transmitido essa cultura, reencarnação ?
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Terráqueo em 14 de Janeiro de 2016, 16:03:29
a questão é como é transmitido essa cultura, reencarnação ?

Acho que a intimidade de alguns organismos (como os humanos) não vem ao caso... ::)
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 14 de Janeiro de 2016, 16:06:02
Se todo conhecimento é aposteriori ao nascimento como maioria do animais ja nascem sabendo transar ?
este pre conhecimento instintivo cultural seria  passado via memoria genéticas ?

Não se trata de um aprendizado racional, mas de um instinto. Ainda assim, os animais treinam várias habilidades desde a infância que ganharam com o instinto. O instinto guia, mas o animal precisa treinar as habilidades.

As brincadeiras entre os filhotes ajudam nisso.
não questiono o aprender com a experiência e sim o nascer sabendo, por exemplo fazer um ninho ?

Acho que geralmente se supõe serem uma "cadeia de reflexos", tão mais puramente reflexivos quanto mais simples for o sistema nervoso do animal, e gradualmente mais "impulsivos" (como fome) conforme o sistema é mais complexo.

A diferença de gradação deve ser algo como estímulos não desencadeando uma reação já diretamente para uma atividade muscular/corporal rígida, mas para oura parte do sistema nervoso/cérebro, e essa para outra, assim por diante, até chegar na "vontade" de agir (ou constituindo isso) e daí para a coordenação motora. Aí vai abrindo espaço para maior papel de aprendizado e "supervisão" do próprio comportamento.

uma explicação simples para um conhecimento nato de  um ninho de joão de barros tão complexo  , alias o que ele consegue  fazer  só com o bico , o homem não consegue fazer apenas utilizando as mãos.
Não estou questionando a evolução e sim o nascer sabendo ?
Se é transmissão de cultura onde fica armazenada e como seria feita essa transmissão de memória ?
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 14 de Janeiro de 2016, 16:07:17
a questão é como é transmitido essa cultura, reencarnação ?

Acho que a intimidade de alguns organismos (como os humanos) não vem ao caso... ::)
SDS Terráqueo

não entendi ?

Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Terráqueo em 14 de Janeiro de 2016, 16:14:17
a questão é como é transmitido essa cultura, reencarnação ?

Acho que a intimidade de alguns organismos (como os humanos) não vem ao caso... ::)
SDS Terráqueo

não entendi ?

Reprodução.
Assim ocorre transmissão de genes, aqueles organismos (em uma determinada população) que sofreram mutações vantajosas (ou neutras em alguns casos) passam tais características a frente, os que sofreram mutações deletérias tendem a morrer. :caveira:
Por exemplo: em outros primatas (e até em algumas etnias humanas), normalmente filhotes aleijados são mortos/abandonados pela própria mãe.
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 14 de Janeiro de 2016, 16:58:25
uma explicação simples para um conhecimento nato de  um ninho de joão de barros tão complexo  , alias o que ele consegue  fazer  só com o bico , o homem não consegue fazer apenas utilizando as mãos.

... acho que as pessoas conseguem sim esculpir coisas bem mais sofisticadas do que ninhos de joãos-de-barro, pelo que me lembro...


Citar
Não estou questionando a evolução e sim o nascer sabendo ?
Se é transmissão de cultura onde fica armazenada e como seria feita essa transmissão de memória ?

Instintos não são "cultura" na maior parte. Fica armazenada na arquitetura do cérebro, e é transmitida pela genética/reprodução. Uma arquitetura inata de reflexos "enfileirados", um desengatando o outro numa seqüência. Como um "programa" de um robô/computador (feito de combinações/seqüências de "programas" menores, como o de andar, apanhar uma presa, mastigar), só que em circuitos em células nervosas em vez de silício. Em organismos mais simples, esses programas rodam mais "sozinhos", e conforme os cérebros se tornam mais complexos, tem outros programas interagindo uns com os outros, e variáveis de aprendizado.

Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 15 de Janeiro de 2016, 07:14:55
a questão é como é transmitido essa cultura, reencarnação ?

Acho que a intimidade de alguns organismos (como os humanos) não vem ao caso... ::)
SDS Terráqueo

não entendi ?

Reprodução.
Assim ocorre transmissão de genes, aqueles organismos (em uma determinada população) que sofreram mutações vantajosas (ou neutras em alguns casos) passam tais características a frente, os que sofreram mutações deletérias tendem a morrer. :caveira:
Por exemplo: em outros primatas (e até em algumas etnias humanas), normalmente filhotes aleijados são mortos/abandonados pela própria mãe.

mas características físicas tudo bem são transmissões genéticas mas, a questão é como são transmitidos os conhecimentos culturais?
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 15 de Janeiro de 2016, 07:36:28
Esses "conhecimentos" inatos estão na arquitetura do sistema nervoso, que é construído pelos genes.

Se não fosse assim, os animais nasceriam em "estado vegetativo", e teriam que aprender absolutamente "tudo", ao mesmo tempo em que isso seria impossível, pois a própria reação nervosa necessária para o aprendizado tem que ser em última instância inata.


Talvez ajude pensar na evolução de sistemas nervosos inicialmente simples, gradualmente se tornando mais complexos conforme você "sobe" nos galhos da árvore genealógica de complexidade animal.

(http://www.bio.miami.edu/dana/pix/animalphylogeny.jpg)
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 15 de Janeiro de 2016, 07:56:18

... acho que as pessoas conseguem sim esculpir coisas bem mais sofisticadas do que ninhos de joãos-de-barro, pelo que me lembro...
tai uma coisa que eu gostaria de ver um ser humano conseguir fazer um ninho de joão de barro  uma casa impermeável apenas usando barro e as mãos, a historia nos mostra que essa técnica não é tão fácil, ja que não foi adotada por nenhum ser humano, alem do que talvez este passaro use a propria saliva para  deixar o barro no ponto certo.

Citar
Instintos não são "cultura" na maior parte. Fica armazenada na arquitetura do cérebro, e é transmitida pela genética/reprodução. Uma arquitetura inata de reflexos "enfileirados", um desengatando o outro numa seqüência. Como um "programa" de um robô/computador (feito de combinações/seqüências de "programas" menores, como o de andar, apanhar uma presa, mastigar), só que em circuitos em células nervosas em vez de silício. Em organismos mais simples, esses programas rodam mais "sozinhos", e conforme os cérebros se tornam mais complexos, tem outros programas interagindo uns com os outros, e variáveis de aprendizado.
permanece a questão este conhecimento no principio do primeiro pássaro foi a priori ou a posteriori?
se foi a priori a sua primeira formação desse conhecimento teria vindo de onde ?
Se foi a posteriori ou seja  em algum momento da evolução, um dos pássaros aprendeu a fazer o ninho e passou isso geneticamente para ao filho, fica difícil compreender como conseguiu sobreviver antes sem ter um necessário abrigo.
alem do mais como um cérebro de passarinho consegue transmitir geneticamente  uma tecnologia tão complexa "abrigo em forma de esfera" , enquanto cérebros humanos tão complexos não conseguem transmitir geneticamente  conhecimentos bem mais  básicos.
resumindo:
Cérebros simples conseguem  transmitir  conhecimento complexos   por memoria genética,  ao passo que cérebros de humanos complexos não conseguem transmitir conhecimentos simples  geneticamente ?
ao meu ver ha uma falha neste tipo de raciocínio !

Tambem ja foi cogitado que todo conhecimento ou ciência humana seria pós parto ( a posteriori) tendo como um bom argumento que crianças crianças por lobos se comportam como lobos, ok!
a questão que surge é por que animais ditos inferiores conseguem trans missão de conhecimento via genética e humanos complexos não ?
 

certas coisas são inexplicáveis como por exemplo de onde viemos e a quanto tempo existimos neste planeta ?
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 15 de Janeiro de 2016, 08:19:16
Esses "conhecimentos" inatos estão na arquitetura do sistema nervoso, que é construído pelos genes.

Se não fosse assim, os animais nasceriam em "estado vegetativo", e teriam que aprender absolutamente "tudo", ao mesmo tempo em que isso seria impossível, pois a própria reação nervosa necessária para o aprendizado tem que ser em última instância inata.
então defende que alguns conhecimentos humanos são anteriores ao nascimento ?

Citar
Talvez ajude pensar na evolução de sistemas nervosos inicialmente simples, gradualmente se tornando mais complexos conforme você "sobe" nos galhos da árvore genealógica de complexidade animal.


não questiono  a  mecânica da vida  onde o  sistema nervoso autônomo é imprescindível para manter o coração pulsando, questiono uma maquina que consegue aprender e repassar conhecimentos culturais geneticamente ?
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Buckaroo Banzai em 15 de Janeiro de 2016, 08:54:00
Normalmente não se rotula reflexos ou tendências instintivas de "conhecimentos", feita essa ressalva, sim. Existem coisas como que se você afundar um bebê na água ele vai prender a respiração, sem nunca ter sido ensinado que precisasse fazer isso. Ou a pancada no joelho que faz levantar a perna. E todo o repertório de coisas que o sistema nervoso autônomo faz e que você nem tem consciência de estar fazendo, de batimentos cardíacos à digestão.



não questiono  a  mecânica da vida  onde o  sistema nervoso autônomo é imprescindível para manter o coração pulsando, questiono uma maquina que consegue aprender e repassar conhecimentos culturais geneticamente ?

Você está misturando as coisas. O cultural ou aprendido não é passado geneticamente; apenas reflexos e tendências instintivas. A cultura e aprendizado aperfeiçoa a prática dos comportamentos, mas não são passados geneticamente.

Os instintos e reflexos são programas mais ou menos rígidos no sistema nervoso, moldados pelas diferenças de sobrevivência e reprodução de variações hereditárias ao longo das gerações (ou, mutação e seleção natural).

Um pequeno verme que, pela arquitetura inata de seu sistema nervoso, reflexivamente começa a fugir ante a um estímulo que pode representar a ameaça de um predador pode deixar mais descendentes do que um outro que instintivamente apenas ficasse imóvel (ou conseguir deixar descendentes em novos territórios com predadores diferentes). E os descendentes desses "vermes que fogem" que tenham uma diferença reflexiva que os faça mudar brusca e aleatoriamente de direção durante a fuga, poderão por sua vez deixar mais descendentes do que aqueles que tem apenas um padrão mais simples e previsível de fuga.

Assim algumas linhagens de animais vão gradualmente aumentando um repertório de respostas automáticas, reflexivas, que lhes permite sobreviver e se reproduzir onde/como animais com comportamentos mais simples não conseguem. E isso vai tendo efeitos de "corrida armamentista" para repertórios maiores e mais complexos de reflexos, que vão eventualmente incluir aprendizado individual.

Esse tipo de evolução, lapidando o comportamento através de mudanças/regulações do sistema nervoso, acontece até em organismos que nem são os donos do sistema nervoso em questão, mas que parasitam a animais e acabam controlando o comportamento deles, mesmo que o parasita em si seja um fungo, que não tem ele mesmo sistema nervoso algum, vontade, cultura, nada. Só "química" e reprodução, hereditariedade. 

http://www.bbc.com/portuguese/noticias/2015/11/151112_vert_earth_parasitas_ml
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 02 de Fevereiro de 2016, 07:35:11
OK! existe uma evolução mecânica nos seres e aprendizado cultural que não são repassados geneticamente.
Disso podemos concluir que  seres mais complexos como os humanos são o resultado da evolução mecânica de formas de vidas mais simples como bactérias ?
Se sim, então por qual razão a evolução mecânica teria cessado ?
A evolução da semente a arvore é casual ou teria sido programada?
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Brienne of Tarth em 02 de Fevereiro de 2016, 11:58:32
Se sim, então por qual razão a evolução mecânica teria cessado ?

Cessado? Como assim? Essa epidemia de zika vírus é uma prova cabal da evolução, e observável.

A evolução da semente a arvore é casual ou teria sido programada?

Evolução da semente à árvore, é isso que quer dizer? Então segundo o seu critério, evoluímos de bebês a adultos?

E lá vem o DI novamente...

Leia um pouco disso, Criaturo, pode ajudar a entender melhor...O site não é ateu, mas cético.

Evolução e Criacionismo

 (http://ceticismo.net/ciencia-tecnologia/evolucao-vs-criacionismo/[/url)
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 03 de Fevereiro de 2016, 11:12:16
Se sim, então por qual razão a evolução mecânica teria cessado ?

Cessado? Como assim? Essa epidemia de zika vírus é uma prova cabal da evolução, e observável.

considerando que o homem seja o resultado da evolução mecânica de uma bactéria, por que esta evolução não continua?
Da mesma forma que se o pescoço foi aumentado em uma girafa em relação ao seu antecessor,, então por que não continuou haver evolução mecânica na girafa ?
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Criaturo em 03 de Fevereiro de 2016, 11:17:00


A evolução da semente a arvore é casual ou teria sido programada?

Evolução da semente à árvore, é isso que quer dizer? Então segundo o seu critério, evoluímos de bebês a adultos?

[/quote]

entendo como evolução  adquirir novas características
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Brienne of Tarth em 03 de Fevereiro de 2016, 11:17:31
por que não continuou haver evolução mecânica na girafa ?

Você não leu nada do texto que eu linkei, não é? Se tivesse lido, não estaria fazendo uma pergunta tão boba. :umm:
Título: Re:Vocês ficam "nervosos" ao desafiar Deus a fazer coisas terríveis?
Enviado por: Brienne of Tarth em 03 de Fevereiro de 2016, 11:18:38
entendo como evolução  adquirir novas características

Errado. Podem ser perdidas, também.