Forum Clube Cetico

Discussões => Ceticismo => Tópico iniciado por: Tarcísio em 13 de Julho de 2006, 12:14:15

Título: Ceticismo...
Enviado por: Tarcísio em 13 de Julho de 2006, 12:14:15
Citação de: Wikipedia
Ceticismo filosófico

O ceticismo filosófico é uma postura filosófica em que pessoas escolhem examinar de forma crítica se o conhecimento e percepção que possuem são realmente verdadeiros, e se alguém pode ou não dizer se possui o conhecimento absolutamente verdadeiro;

Originou-se a partir da filosofia grega. Uma de suas primeiras propostas foi feita por Pyrrho de Elis (360-275 a.C.), que viajou até a Índia e lá estudou, e propôs a adoção do ceticismo "prático". Subseqüentemente, na "Nova Academia", Arcesilaos (315-241 a.C.) e Carneades (213-129 a.C.) desenvolveram mais perspectivas teóricas, que refutavam concepções absolutas de verdade e mentira. Carneades criticou as visões dos Dogmatistas, especialmente os defensores do Estoicismo, alegando que a certeza absoluta do conhecimento é impossível. Sextus Empiricus (d.C. 200), a maior autoridade do ceticismo grego, desenvolveu ainda mais a corrente, incorporando aspectos do empirismo em sua base para afirmar o conhecimento.

Citação de: Wikipedia
Ceticismo científico

O ceticismo científico é uma postura científica e prática, em que alguém questiona a veracidade de uma alegação, e procura prová-la ou desaprová-la usando o método científico.

O ceticismo científico tem relação com ceticismo filosófico, mas eles não são identicos. Muitos cientistas e doutores que são céticos quanto às demonstrações paranormais não são adeptos do ceticismo filosófico clássico. Quando críticos de controvérsias científicas ou paranormalidades são ditos céticos, isto se refere apenas à postura cética científica adotada.

O termo cético é usado atualmente para se referir a uma pessoa que tem uma posição crítica em determinada situação, geralmente por empregar princípios do pensamento crítico e métodos científicos (ou seja, ceticismo científico) para verificar a validade de idéias. Os céticos vêem a evidência empírica como importante, já que ela provê provavelmente o melhor modo de se determinar a validade de uma idéia.

Apesar de o ceticismo envolver o uso do método científico e do pensamento crítico, isto não necessariamente significa que os céticos usem estas ferramentas constantemente ou simplesmente achem que existe evidência de sua crença.

Os céticos são freqüentemente confundidos com, ou até mesmo apontados como, cínicos. Porém, o criticismo cético válido (em oposição a arbitrárias ou subjetivas dúvidas sobre uma idéia) origina-se de um objetivo e metodológico exame que geralmente é consenso entre os céticos. Note também que o cinismo é geralmente tido como um ponto de vista que mantém uma atitude negativa desnecessária acerca dos motivos humanos e da sinceridade. Apesar de as duas posições não serem exclusivas mutuamente e céticos também poderem ser cínicos, cada um deles representa uma afirmação fundamentalmente diferente sobre a natureza do mundo.

Os céticos científicos constantemente recebem também, acusações de terem a "mente fechada" ou de inibirem o progresso científico devido a suas exigências de evidências materiais. Contudo, tais críticas são, em sua maioria, provenientes de adeptos de disciplinas denominadas pseudociência, paranormalidade e espiritualismo, cujas visões não são adotadas ou suportadas pela ciência convencional. Segundo Carl Sagan, cético e astrônomo, "você deve manter sua mente aberta, mas não tão aberta que o cérebro caia".

Um en:debunker é um cético que combate idéias falsas e não-científicas. Alguns dos mais famosos são: James Randi, Basava Premanand, Penn and Teller e Harry Houdini. Muitos debunkers se tornam controversos, porque eles costumam exprimir opiniões contundentes e tendem a comentar sobre assuntos que possuem o potencial de ofender valores pessoais, como religião e crenças em geral.

Críticos dos debunkers dizem que suas conclusões estão cheias de interesse próprio e que são cruzados e crentes com uma necessidade de certeza e estabilidade. Entretanto, chamados por eles a comprovar cientificamente suas teorias e alegações, a grande maioria dos críticos os evita.

Temos essas duas definições de ceticismo. Temos ambos no clube cético. Mas quem é quem aqui?

Como você se define, cético filosófico ou científico?

( A idéia era uma enquete, mas só agora percebi que o forum não possui esse recurso, ou pelomenos, não está na cara como usá-lo )
Título: Ceticismo Filosófico ou Ceticismo Científico? Qual é o seu?
Enviado por: Luis Dantas em 13 de Julho de 2006, 16:27:35

Atualização: como essa é a intenção declarada do Tarcísio, estou transformando o tópico em enquete.  Luis Dantas.
Título: Re: Ceticismo...
Enviado por: Luis Dantas em 13 de Julho de 2006, 17:44:30
Ambos. 
Título: Re: Ceticismo...
Enviado por: HSette em 13 de Julho de 2006, 17:56:07
Ambos. 

Também. Ambos se correlacionam.
Título: Re: Ceticismo...
Enviado por: Tarcísio em 13 de Julho de 2006, 19:22:51
Como é ser cético científico e filosófico? Como saber o que ignorar, o que definir, quando considerar possibilidades e quando disconsiderar?
Título: Re: Ceticismo...
Enviado por: Oceanos em 13 de Julho de 2006, 19:54:29
Eu não gosto muito de pensar de uma forma maniqueísta em casos como esse, eu acho que o conhecimento humano funciona para o ambiente que é proposto, e isso já está de bom tamanho. Não é questão de ser verdadeiro ou falso, é questão de que "funciona nesta realidade".

Não é bem um ceticismo filosófico, mas também não é o oposto dele.

Acho que deu pra entender.. :D

Então voto só em Ceticismo Científico.
Título: Re: Ceticismo...
Enviado por: Stéfano em 13 de Julho de 2006, 20:43:00
Ambos. O ceticismo científico é o ceticismo filosófico "armado" com a ciência.
Título: Re: Ceticismo...
Enviado por: HSette em 13 de Julho de 2006, 20:43:47
Também não vejo dicotomia, ou melhor, incompatibilidade entre ambos.
Vejo o ceticismo filosófico como uma baliza, ao refutar visões absolutas. E nesse ponto penso que reforça e incentiva o desenvolvimento científico.
Título: Re: Ceticismo...
Enviado por: Vendetta em 15 de Julho de 2006, 02:22:01
Ambos também
Título: Re: Ceticismo...
Enviado por: Barata Tenno em 15 de Julho de 2006, 07:30:57
Tb votei ambos...
Título: Re: Ceticismo...
Enviado por: blue pill em 15 de Julho de 2006, 21:39:50
Eu votei na (nao entendi a diferença)
Agora que li as duas definiçôes vou comentar o que eu acho.

Um cético tem que ser filosófico e científico, se for ou só um, ou só outro, no meu vocabulario nao se chama cético.
Título: Re: Ceticismo...
Enviado por: Gil em 16 de Julho de 2006, 19:41:10
Eu votei na (nao entendi a diferença)
Agora que li as duas definiçôes vou comentar o que eu acho.

Um cético tem que ser filosófico e científico, se for ou só um, ou só outro, no meu vocabulario nao se chama cético.

Como não? O Ceticismo Filosófico é o ceticismo mais amplo, ele não é limitado, só não é prático.
Título: Re: Ceticismo...
Enviado por: Pug2 em 09 de Agosto de 2006, 06:30:39
Ambos, porêm penso que estarei mais para o filosófico
Título: Re: Ceticismo…
Enviado por: Adriano em 18 de Março de 2007, 23:50:48
Estou achando que não sou cético!
Título: Re: Ceticismo…
Enviado por: Raphael em 19 de Março de 2007, 02:32:53
Estou achando que não sou cético!

Não se deixe o lado da força negra pegar você. :lol:

Votei ambos, não creio que tenha que explicar o porque.

Abraços.
Título: Re: Ceticismo…
Enviado por: Tarcísio em 19 de Março de 2007, 12:54:03
Eu acho que meu ceticismo filosófico evoluiu pra uma "master crença".

Como é ser cético científico e filosófico? Como saber o que ignorar, o que definir, quando considerar possibilidades e quando disconsiderar?

Ninguém respondeu :/
Título: Re: Ceticismo…
Enviado por: FxF em 19 de Março de 2007, 13:21:50
Diria que Ambos (Filosófico e Científico), se bem entendi o que quer dizer.
Título: Re: Ceticismo…
Enviado por: Raphael em 19 de Março de 2007, 23:52:07
Olá Tarcisio. Vou te responder, foi mal, não vi as perguntas no tópico. :ok:

Citar
Como é ser cético científico e filosófico?

Bem, temos três conceitos aí. O Cético, o científico e o filosófico. Acredito que cético seja aquele que está sempre com a dúvida ao seu lado, o cientista, aquele que pesquisa e utiliza de meios "universais" de verdade para mostrar suas descobertas e o filosófico(acho eu que é o único que não se encaixa muito bem na questão)é aquele que pensa, propriamente dito. Visto que, tenho um conceito de filosofia que é a arte que ensina a pensar, pra mim a filosofia não se encaixa em conceitos religiosos muito menos científicos.

Bem, acho que no final das contas, todos se entrelaçam, todos se intercomunicam, acho que para ser cientista, tem que ser cético e que automaticamente se é filósofo.

Citar
Como saber o que ignorar, o que definir, quando considerar possibilidades e quando disconsiderar?

Aí depende muito. Muitos cientistas tentam incansávelmente encontrar um conceito em suas práticas para definir a verdade. Acho que o verdadeiro cientísta é aquele que se compromete para com a verdade sem seguir por meios superticiosos. Se encaixando sempre em uma visão mais objetiva do que subjetiva.

Bem, é isso. Espero que tenha ajudado.

Abraços.
Título: Re: Ceticismo…
Enviado por: Copelli em 21 de Março de 2007, 13:27:45
Respondi ambos também.

Como disseram ai acho que ambos estão completamente relacionados. Não acho que um cético científico abra completamente a mão da filosofia cética assim como o cético filosófico não vai abrir mão dos recursos da ciencia.
Título: Re: Ceticismo…
Enviado por: PauloCesar em 21 de Março de 2007, 17:02:26
Ambos... se der, depois desenvolvo mais...
Título: Re: Ceticismo…
Enviado por: Adriano em 25 de Março de 2007, 15:08:12
Além do ceticismo científico e filosófico, é importante o ceticísmo religioso.
Título: Re: Ceticismo…
Enviado por: Luis Dantas em 25 de Março de 2007, 15:13:19
Ceticismo religioso?  Eis um conceito que vai precisar ser bem definido.  Ainda se fosse religiosidade cética...
Título: Re: Ceticismo…
Enviado por: Adriano em 25 de Março de 2007, 15:36:23
Ceticismo religioso?  Eis um conceito que vai precisar ser bem definido.  Ainda se fosse religiosidade cética…
E o que seria religiosidade cética? Apenas um ponto para se iniciar a definir o ceticismo religioso.
Título: Re: Ceticismo…
Enviado por: Discípulo da Razão em 25 de Março de 2007, 16:23:56
Adriano,

Mesmo aguardando a definição deste conceito que propôs, gostaria de saber como propor um "ceticismo religioso" e um "ateísmo dogmático" ao mesmo tempo. Pergunto por ainda não saber se possuem alguma relação.
Título: Re: Ceticismo…
Enviado por: Luis Dantas em 25 de Março de 2007, 16:43:13
Ceticismo religioso?  Eis um conceito que vai precisar ser bem definido.  Ainda se fosse religiosidade cética…
E o que seria religiosidade cética? Apenas um ponto para se iniciar a definir o ceticismo religioso.

Seria uma dedicação a algum tipo de atividade ou disciplina ligada ao cultivo de valores morais e à transmissão dos mesmos para outras pessoas (religião) conciliada com uma atitude de desconfiança diante de alegações sobrenaturais e cautela com as expectativas (ceticismo).
Título: Re: Ceticismo…
Enviado por: Adriano em 25 de Março de 2007, 16:43:58
O ateísmo dogmático é em relação a minha crença, a minha fé na inexistência de deus.
O ceticismo religioso é o que vejo nas ciências da religião, uma abordagem em primeira instância descritiva, sem a emissão de julgamento moral, em busca da imparcialidade. Uma das maneiras é buscar a descrição interna de cada religião e as diversas visões a respeito da mesma, além de usar a interdisciplinariedade de diversas ciências.
Enfim é a abordagem ciêntífica das religião, algo que as próprias religiões estão fazendo em seus centros de estudo, nas suas universidades.
A minha proposta de ateísmo religoso é fundamentada na utilização das ciências da religião.
 
Título: Re: Ceticismo…
Enviado por: Luis Dantas em 25 de Março de 2007, 16:46:42
Por que chamar um estudo descritivo, científico e supostamente imparcial de "ceticismo religioso"?
Título: Re: Ceticismo…
Enviado por: Adriano em 25 de Março de 2007, 16:47:26
Ceticismo religioso?  Eis um conceito que vai precisar ser bem definido.  Ainda se fosse religiosidade cética…
E o que seria religiosidade cética? Apenas um ponto para se iniciar a definir o ceticismo religioso.

Seria uma dedicação a algum tipo de atividade ou disciplina ligada ao cultivo de valores morais e à transmissão dos mesmos para outras pessoas (religião) conciliada com uma atitude de desconfiança diante de alegações sobrenaturais e cautela com as expectativas (ceticismo).
A idéia é a mesma, mas entendo que ceticismo religioso pode dar uma conotação diferente, como a de cético fanático ou extremo.
Título: Re: Ceticismo…
Enviado por: Adriano em 25 de Março de 2007, 16:48:05
Por que chamar um estudo descritivo, científico e supostamente imparcial de "ceticismo religioso"?
Problemas semânticos.
Título: Re: Ceticismo…
Enviado por: Luis Dantas em 25 de Março de 2007, 16:48:57
Ué, você está querendo se apresentar como cético "fanático ou extremo"?!
Título: Re: Ceticismo…
Enviado por: Adriano em 25 de Março de 2007, 17:05:28
É claro que não, por isso disse que o termo ceticismo relisioso pode soar mau, e tem razão no uso da relisiogidade cética.
Título: Re: Ceticismo…
Enviado por: Adriano em 07 de Abril de 2007, 14:42:31
Na entrevista do Daniel no Orkut (http://clubecetico.org/forum/index.php/topic,10931.0.html) ele responte uma pergunta sobre o ceticismo filosófico e o diferencia do ciêntífico, abordando um como clássico e outro como moderno respectivamente.

Citar
Daniel, te consideras Piorrinistas?

[Para benefício de quem não conhece a área, pirronismo é uma das duas linhas importantes do ceticismo clássico ou filosófico, do qual deriva sua variante moderna, o ceticismo científico.

http://plato.stanford.edu/entries/skepticism-ancient/ ]

Não sei se entendo o suficiente de ceticismo clássico para responder, mas acho que não. O ceticismo moderno é um enorme avanço sobre o clássico, pois incorpora novas ferramentas como o pensamento científico que resolvem problemas antigos e permitem uma visão melhor dos problemas que eles se propõem a enfrentar.

O ceticismo clássico tem o grande mérito de recohecer a falibilidade do conhecimento, mas não possui nenhuma ferramenta para lidar com isso. Como muita gente ainda hoje, ele vê em preto e branco, e põe no mesmo saco de imprestáveis tudo que não são as provas dedutivas incontestáveis. Já o ceticismo científico dá gradações à confiabilidade do conhecimento e, ao se restringir aos fenômenos naturais, pode utilizar a experimentação como guia e como "prova".

Em suma, o ceticismo moderno resolve mais problemas e melhor. Não dá pra ser pirronista assim.
Título: Re: Ceticismo…
Enviado por: Adriano em 03 de Maio de 2007, 12:13:31
.
Título: Re: Ceticismo…
Enviado por: Jeanioz em 03 de Maio de 2007, 13:46:16
Respondendo á pergunta do início do tópico, me considero cético filosófico e científico, pois utilizo ambos em meus questionamentos.
Título: Re:Ceticismo...
Enviado por: Sergiomgbr em 13 de Novembro de 2018, 00:05:52
Não sou cético, nio sentido estrito pois o meu universo é maior. Mas costume estar cético ou ter postura cetical, numa dicotomia com modismos ou sensos comuns. Essa coisa de ceticismo filosófico ou científico, por exemplo, é algo pra se aplicar o ceticismo. Uma postura cética é científica por demanda. Um religioso cético com sua fé, seria auto excludente.



Título: Re:Ceticismo...
Enviado por: Skeptikós em 16 de Novembro de 2018, 15:08:05
Pra quem tem interesse em conhecer as bases do ceticismo filosófico, bem como a maneira como o ceticismo lida com as principais críticas a ele feitas, o sucinto livro de Smith é excelente:

(https://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q=tbn%3AANd9GcQ9X9F7KU6bxioowp_e5y8ZfgUi_8oU57z7UaRvoJN-pn_zeEfM)
Título: Re:Ceticismo...
Enviado por: Zero em 17 de Novembro de 2018, 13:27:40
Pra quem tem interesse em conhecer as bases do ceticismo filosófico, bem como a maneira como o ceticismo lida com as principais críticas a ele feitas, o sucinto livro de Smith é excelente:

(https://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q=tbn%3AANd9GcQ9X9F7KU6bxioowp_e5y8ZfgUi_8oU57z7UaRvoJN-pn_zeEfM)

Ótima recomendação!

Mais um para a lista.
Título: Re:Ceticismo...
Enviado por: Sergiomgbr em 17 de Novembro de 2018, 13:47:31
Um livro que tem como título e proposta de investigação, "Ceticismo Filosófico" é bem uma declaração do tipo,  "este produto contem maionese para viagem".