Forum Clube Cetico

Discussões => Ciência, Tecnologia e Saúde => Tópico iniciado por: Arquimedes em 17 de Setembro de 2006, 00:50:02

Título: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Arquimedes em 17 de Setembro de 2006, 00:50:02
Olá amigos,

Aqui estão algumas características dos superdotados, veja se você se encaixa no perfil?

Traços Caraterísticos
dos Superdotados

 
--------------------------------------------------------------------------------
   
  Aspectos Próprios dos Superdotados
Uma implicação direta da própria superdotação intelectual é a de que os superdotados, por definição, interagem com o mundo de um modo significativamente diferente do modo como o fazem as demais pessoas. Em outras palavras, seus pontos de vista, modos de agir e reações aos acontecimentos apresentam peculiaridades que podem ser previstas, observadas e identificadas.

Hipersensibilidade

Segundo Rosenberg (1973), uma das principais conseqüências de uma inteligência supercapaz na personalidade seria uma maior sensibilidade ao mundo exterior, pois, o superdotado consegue perceber mais do meio-ambiente do que a maioria das pessoas. Assim sendo, este tipo de pessoa tende a ser visto como exagerado ou excessivamente sensível. Diz ele que o superdotado é mais receptivo aos estados emocionais, à alegria e à dor, tantos seus como alheios, e mais afetado por carências, injustiças e frustrações. Suas dúvidas e convicções são mais intensamente experienciadas, adquirindo, para ele, valor de metas vitais.

Inconformismo

Scheier (1965), citado em Novaes (1979), escrevem que o superdotado possui inteligência, imaginação, audácia e uma certa auto-suficiência interior, traços que entram em oposição às atitudes mais usuais de dependência ou imitação.

Torrance (1969) observa que o superdotado tende a apresentar o problema fundamental de enfrentar as conseqüências da sua divergência para com a maioria, traço esse que leva a dificuldades diversas relacionadas a como lidar com as pressões sociais de se ser diferente, ainda que tal diferença se dê no contexto de uma habilidade maior. O problema fundamental do indivíduo criativo consiste em aprender a enfrentar a desconformidade que resulta da sua divergência. Isto leva a dificuldades diversas relacionadas a como lidar com as pressões sociais sendo-se uma pessoa fortemente original e quase que compulsivamente inovadora.

Stein (1975) afirma que um dos componentes fundamentais do ato criativo é a independência e, por este motivo, o indivíduo excepcionalmente criativo apresenta forte senso de liberdade para com os seus atos; ele não admite relações de dependência para com os outros.

Comportamentos Típicos

Observações de Educadores

Ogilvie (1973) num estudo com 370 educadores ingleses, conseguiu compilar um conjunto de traços de comportamento e personalidade que certamente englobam, senão todos, ao menos boa parte dos traços que caracterizam o tipo superdotado, sendo suas conclusões repetidas por diversos pesquisadores posteriores.

  Traços Típicos de Criança e Adolescentes Superdotados Segundo 370 Educadores Ingleses Segundo Ogilvie (1973)   
  1) Demonstra iniciativa extraordinária: obstinação.

2) Intensa curiosidade, por vezes apenas em uma direção.

3) Sonha acordado quando entediado: possívelmente é do tipo que costuma executar atividades vãs ou inúteis e não se incomoda com tarefas mundanas.

4) Comportamento divergente ou mesmo deliquente: espírito independente.

5) Formas de expressão altamente imaginativas.
6) Exasperação em face a restrições impostas.

7) Desdenho por adultos com menos capacidade: temperamento insolente e arrogante.

8) Responsabilidade e confiabilidade acima da média.

9) Capacidade de racionalizar acerca da falta de desempenho ou realizações.

10) Senso de humor altamente desenvolvido.

11) Conversa vivaz e estimulante: não é bom em sempre anotar tudo por escrito.

12) Capacidade de ser absorvido pelo trabalho durante horas.

13) Indícios de habilidade musical.

14) Excepcional velocidade de pensamento.

15) Excepcional profundidade de pensamento, a qual se manifesta inter alia na sua capacidade de:

a) organizar coisas;
b) fazer uso de muitas palavras diferentes para expressar nuances de significados;
c) efetuar e compreender análises;
d) dar atenção a detalhes relevantes.

16) Não encontra necessidade para trabalhar na abordagem prática; pula logo para o abstrato.

17) Acha necessário ouvir apenas uma pequena parte da explanação; retrair-se-á se compelido a ouvir mais.

18) Seus interesses por vezes podem parecer exageradamente precoces ou não saudáveis.

19) Pode ser difícil e cansativo responder a suas perguntas: faz muitas perguntas dos tipos "poderia" e "talvez".

20) Atitude mandona ou altiva - formas de defesa por sentir-se inferior em (digamos) jogos esportivos ou trabalhos manuais.

21) Medo do fracasso - detesta se perceber como estando errado ou inadequado.

22) Dissatisfação com seus própios esforços e desdenho pela aprovação de trabalho de padrão o qual eles mesmos percebem ser ordinário.

23) Perfeccionismo; velocidade mental mais rápida do que as capacidades físicas permitem agir.

24) Impaciência (por vezes difícil de controlar), intolerância, perniciosidade.

25) Menos conformismo (nem sempre se dá bem); optará por sair fora.

26) Relações tensas com outras crianças, por vezes.

27) Sensibilidade e comportamento altamente engajado.

28) Grande percepção de interjeições verbais cômicas com palavras de duplo sentido.

29) Preferência generalizada por dividir suas idéias com crianças mais velhas.

30) Tendência a dirigir os outros em brincadeiras e grupos de trabalho.

31) Espírito alerta; frequentemente é observador demais (a ponto de deixar pouco à vontade).

32) Boa memória, frequentemente, mas nem sempre para "fatos" e sim para o modo como as coisas funcionam ou como estão relacionadas entre si; geralmente esquece-se de assuntos "menores".

33) Hábil em colecionar ("besteiras" ou lixo às vezes).

34) Humildade quanto ao seu desempenho; não está necessáriamente ansioso por brilhar.

35) Inclinação, por vezes, a ser egocêntrico ou agressivo; busca atenção.

36) Falta de entusiasmo para atividades ou brincadeiras em grupo.

37) Parece não precisar de grande quantidade de sono.

38) Alto desempenho em determinada(s) área(s).
   

Características dos Indivíduos Criativos

Vidal (1973), citado em Stein (1975), admite uma série da características que, segundo ele, diferenciam as pessoas altamente criativas das demais pessoas da população em geral.

  Traços Típicos dos Indivíduos Criativos Segundo Vidal (1973)   
  Percepção intuitiva aberta e não julgadora. Procura conhecer e assimilar a totalidade de sua experiência.
Funcionamento intelectual caracterizado pela maleabilidade cognitiva e pela facilidade ideativa.
Formação acidental de conceitos. Aptidão para formar, reter e utilizar associaçòes afastadas que leva a uma aprendizagem criativa e acidental, independente da inteligência verbal.
Curiosidade aliada a um alto nível de inteligência.
Grande extensão de interesses, o que constitui grande número de motivações.
Senso de humor. Faz descobertas com implicação humorística de algo que sempre existiu, mas que estava oculto ao olhar por força do hábito.
Grande sensibilidade estética. A maleabilidade da atividade estética permite ao indivíduo o prazer no exercício da exploração das possibilidades.
Bons resultados em testes de percepção extra-sensorial, pois, esta parece corresponder a um tipo de atenção aberta e global não obnubilada pela estruturação e análise.
Empatia. Uma comunhão afetiva, talvez resultante de sua sensibilidade perceptiva global, pela qual se identifica com outro ser e se experimenta seus sentimentos.
Fortes interesses simbólicos, ou seja, pela relação associativa entre símbolo e objeto.
Gosto pelo risco. Espírito aventureiro e empreendedor sustentado por um alto nível de aspiração.
Personalidade complexa, capaz de lidar com um mesmo assunto em diferentes níveis, planos e tonalidades.
Uma boa opinião a seu próprio respeito, considerando-se especial. Busca a si mesmo e é autoconfiante. Simultâneamente, sua concepção, consciência e aceitação de si são realistas e compreensivas.
Tenta adaptar o ambiente a si, modificando-o num sentido que o satisfaça, dominando-o.
Autonomia e individualismo. Tem códigos éticos pessoais, menos convencionais e menos morais que os dos outros.
Pouca tensão interior, pouca angústia subjetiva, devido a sua tendência a procurar o movimento e a mudança do meio.
Tolera particularmente bem a desordem, o irracional, a tensão criada pelos valores opostos, as idéias perturbadoras, os riscos.
Comportamento aparentemente agressivo e dominador, por causa de sua presença social, segurança, energia e necessidade de eficácia.
   

Kneller (1976), citado em Novaes (1979), também assinala uma lista interessante de traços característicos dos sujeitos criativos, não muito diferente daquela de Vidal (1973), como se pode ver a seguir.

  Traços Típicos dos Indivíduos Criativos Segundo Kneller (1976)   
  Receptividade à estimulação ambiental.
Capacidade de imersão interna.
Capacidade de imaginação e julgamento.
Curiosidade e espírito inquisidor.
Uso adequado e proveitoso dos erros.
Amplitude e fertilidade de abordagens.
Submissão à própria criação; o produto criado ganha vida por si mesmo.
Fluência.
Flexibilidade.
Originalidade.
Capacidade de elaboração.
Persistência e dedicação.
Malabarismo intelectual.
Humor.
Inconformismo.
Autoconfiança.
   

Comentários Finais

Diversos especialistas concordam que os superdotados apresentam peculiaridades psicológicas e comportamentais substancialmente diferentes daquelas da população em geral. Trata-se de um fato com implicações importantes tanto para a identificação quanto para a interação com esse tipo de indivíduo.
   
 
--------------------------------------------------------------------------------
   
 


   
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Dobrado em 17 de Setembro de 2006, 05:16:08
Hipersensibilidade (...)

Emocore's são super dotados?  :histeria: Ok, foi péssimo! :P
Ok, eu sempre fui "exagerado" (como diria Cazuza), mas acho que todo jovem é, não? Aquela coisa de "droga, minha vida acabou". Acho que isso é normal.
A única coisa em mim que eu acho anormal é o desapego a minha familia, já que ela nunca foi muito unida, eu mesmo nunca fui ligado a ela. Quando meus avós morreram eu chorei, etc. Era algo "normal", afinal, não conhecia eles direito. Quando minha mãe voltou para o Brasil eu também não senti falta nem nada.



Citar
Inconformismo
Scheier (1965) (...)


Essa eu não entendi...  :vergonha:

Citar
Torrance (1969) (...)

Bom, desde pequeno eu sempre fui diferente, na verdade, sempre quis ser diferente. Mas isso não em atrapalha, não deixo de fazer as coisas que eu acho legal, porque alguém também faz. Também não faço tudo pra ser diferente, apenas gosto de ser diferente. Sem, digamos, fazer algo que atrapalhe na minha vida apenas para ser diferente.
As vezes isso atrapalha, quando eu quero conversar com alguém que me "entenda", porém eu sei que não são todos que vão me ouvir.

Citar
Stein (1975) (...)

Não sei se é exatamente o que eu entendi, mas eu nunca gostei de me "ligar" em alguém. Namoros, etc. Das satisfação das coisas que eu faço, porque faço, como faço, etc. "O lar de um pássaro não é o ninho, sim o ar".
Por isso que até hoje, com 18 anos, nenhum namoro deu certo! XD

Citar
Comportamentos Típicos

1) Demonstra iniciativa extraordinária: obstinação.

Iniciativa eu só tenho com o que eu realmente quero. Minha irmã já me disse um dia, que se ela pergunta algo e eu digo "ah, vou ver" é praticamente um não, pois se eu quero eu aceito na hora.

Citar
2) Intensa curiosidade, por vezes apenas em uma direção.
Bom, curioso todo mundo é, não? :D Normalmente só consigo me ligar em uma coisa de cada vez. Se eu tiver estudanto informática não consigo me concentrar em outra coisa, por exemplo, biologia.

Citar
3) Sonha acordado quando entediado: possívelmente é do tipo que costuma executar atividades vãs ou inúteis e não se incomoda com tarefas mundanas.
É, normalmente eu fico inventando centenas de histórias e personagens quando estou entediado.

Citar
4) Comportamento divergente ou mesmo deliquente: espírito independente.
Nunca fui o filho exemplar, sempre me meti em confusões, nada sério a ponto de juntar policia, etc. Mas nunca fui um bom menino!  :biglol:


Citar
5) Formas de expressão altamente imaginativas.
6) Exasperação em face a restrições impostas.
Não entendi muito bem, nem vou me atrever a responder!  :hihi:

Citar
7) Desdenho por adultos com menos capacidade: temperamento insolente e arrogante.
Ah isso é mesmo, as vezes sou bastante antipático. Odeio principalmente aquelas conversas cheia de "foi provado cientificamente". Durante muito tempo eu pensava que todo adulto obrigatóriamente tinha que ser mais inteligente que eu. Mas normalmente os meus interesses, não era os mesmos deles. Isso me irritava.

Citar
8) Responsabilidade e confiabilidade acima da média.

Muita gente confia em mim, mas não sou nem um pouco responsável.

Citar
9) Capacidade de racionalizar acerca da falta de desempenho ou realizações.
Também não entendi!  :hihi:

Citar
10) Senso de humor altamente desenvolvido.

Algumas pessoas me acham engraçado!  :D

Citar
11) Conversa vivaz e estimulante: não é bom em sempre anotar tudo por escrito.
Adoro conversar com pessoas, ainda mais pessoas estranhas. E realmente nunca lembro de anotar nada.

Citar
12) Capacidade de ser absorvido pelo trabalho durante horas.
Se for algo do meu interesse, é claro.

Citar
13) Indícios de habilidade musical.
Bom, já compus algumas músicas, nada extraordinário.

Citar
14) Excepcional velocidade de pensamento.
Normalmente eu penso demais e esqueço logo depois. Uma psicicóloga disse que eu sou gago por esse motivo.

Citar
15) Excepcional profundidade de pensamento, a qual se manifesta inter alia na sua capacidade de:

a) organizar coisas;
b) fazer uso de muitas palavras diferentes para expressar nuances de significados;
c) efetuar e compreender análises;
d) dar atenção a detalhes relevantes.
A) Digamos que eu vivo em uma bagunça, mas eu sei onde tudo esta.
B) Adoro ler e falar, normalmente falo coisas que algumas pessoas não sabem. E muitas vezes quando alguém não sabe o significado de algo, vem me perguntar.
C) Hm, isso eu já não sei! :P
D) Sempre presto atenção em pequenos detalhes, roupas, gestos, lugares, etc.


Citar
16) Não encontra necessidade para trabalhar na abordagem prática; pula logo para o abstrato.

Sempre fui de usar mais a imaginação, etc.

Citar
17) Acha necessário ouvir apenas uma pequena parte da explanação; retrair-se-á se compelido a ouvir mais.

Ahm, sei lá! :P

Citar
18) Seus interesses por vezes podem parecer exageradamente precoces ou não saudáveis.
Talvez sim, aos 13 anos eu já queria pesquisar porque as drogas faziam mal, não entendi aquelas campanhas na TV!  :hihi:

Citar
19) Pode ser difícil e cansativo responder a suas perguntas: faz muitas perguntas dos tipos "poderia" e "talvez".

Já faz bastante tempo que eu não perto nada muito complicado pra alguém, normalmente eu prefiro pesquisar.

Citar
20) Atitude mandona ou altiva - formas de defesa por sentir-se inferior em (digamos) jogos esportivos ou trabalhos manuais.

É, sempre gostei de organizar as coisas, pra tentar fazer nada dar errado.
E bom, ninguém gosta de ser o último.

Citar
21) Medo do fracasso - detesta se perceber como estando errado ou inadequado.

É tenho fobia de falar algo errado, me complicar, etc.
Antigamente tinha medo que as coisas desse errado, por exemplo.
Marcava um encontro com 2 pessoas, uma as 13horas e outra as 16horas. Se as das 13horas não vinha, já imaginava que a das 16horas não iria vir também, que iria chover e outras catastrofes.

Citar
22) Dissatisfação com seus própios esforços e desdenho pela aprovação de trabalho de padrão o qual eles mesmos percebem ser ordinário.

Nunca fico satisfeito com nada do que eu faço. Sempre que dizem, "Ficou ótimo", "Nossa, foi você que fez?". Pra mim soa meio falsidade, porque eu acho que sempre pode ficar melhor e eu não fui capaz disso.

Citar
23) Perfeccionismo; velocidade mental mais rápida do que as capacidades físicas permitem agir.

É, isso sempre acontece comigo.

Citar
24) Impaciência (por vezes difícil de controlar), intolerância, perniciosidade.

Odeio esperar!  :hihi:

Citar
25) Menos conformismo (nem sempre se dá bem); optará por sair fora.

Esse eu não sei! :D

Citar
26) Relações tensas com outras crianças, por vezes.

Sempre tive amigos, etc. Mas sempre procurei agir que nem eles.

Citar
27) Sensibilidade e comportamento altamente engajado.

O que é engajado? :D (deêm um desconto, são 8 anos de japão! :D)

Citar
28) Grande percepção de interjeições verbais cômicas com palavras de duplo sentido.

Sarcasmo e ironia? Bom, gosto bastante! :D

Citar
29) Preferência generalizada por dividir suas idéias com crianças mais velhas.

Eu cresci no meio de pessoas mais velhas, só tive contado com alguém da minha idade lá pelos 8 ou 9 anos.

Citar
30) Tendência a dirigir os outros em brincadeiras e grupos de trabalho.

Sempre fui mandão!  :hihi:

Citar
31) Espírito alerta; frequentemente é observador demais (a ponto de deixar pouco à vontade).

Observação é tudo! Muitas vezes prefiro observar que perguntar.

Citar
32) Boa memória, frequentemente, mas nem sempre para "fatos" e sim para o modo como as coisas funcionam ou como estão relacionadas entre si; geralmente esquece-se de assuntos "menores".

Eu tenho uma ótima memória, porém sou péssimo em datas. Sempre ligo coisa tipo, "Ah, eu fui nessa praia com tal pessoa. Na época que ela namorava."

Citar
33) Hábil em colecionar ("besteiras" ou lixo às vezes).

Sempre quis colecionar algo, nunca consegui!  :birra:

Citar
34) Humildade quanto ao seu desempenho; não está necessáriamente ansioso por brilhar.

Eu não me sinto a vontade com elogios, porém sempre tento me sair bem.

Citar
35) Inclinação, por vezes, a ser egocêntrico ou agressivo; busca atenção.

Sou bastante carente mesmo, não gosto de me sentir sozinho. Mesmo sendo contraditório comigo mesmo, prefiro ficar sozinho.

Citar
36) Falta de entusiasmo para atividades ou brincadeiras em grupo.
Sempre gostei de atividades em grupo, ficar entre pessoas. Me comunicar, etc. Nem tanto pela atividade, sim pelas companhias.


Citar
37) Parece não precisar de grande quantidade de sono.

Só durmo se não tiver jeito ou estiver muito entediado. Normalmente passo o dia inteiro com sono por não dormir muito.

Citar
38) Alto desempenho em determinada(s) área(s).

Não acho que tenho alto desempenho em nada.  :/
   

Bem, muitas coisas parecem comigo, porém não sou superdotado (pelo menos acho que não! :D ).
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Diegojaf em 17 de Setembro de 2006, 08:17:52
Ops... achei que era outro tipo de superdotado...

Pra esse tipo tudo que é preciso é uma régua...:lol:
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: CoqueiroVermelho em 17 de Setembro de 2006, 08:20:08
 :histeria: :histeria: :histeria:
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Gil em 17 de Setembro de 2006, 10:16:52
Citar
Torrance (1969) observa que o superdotado tende a apresentar o problema fundamental de enfrentar as conseqüências da sua divergência para com a maioria, traço esse que leva a dificuldades diversas relacionadas a como lidar com as pressões sociais de se ser diferente, ainda que tal diferença se dê no contexto de uma habilidade maior. O problema fundamental do indivíduo criativo consiste em aprender a enfrentar a desconformidade que resulta da sua divergência. Isto leva a dificuldades diversas relacionadas a como lidar com as pressões sociais sendo-se uma pessoa fortemente original e quase que compulsivamente inovadora.
Citar
Empatia. Uma comunhão afetiva, talvez resultante de sua sensibilidade perceptiva global, pela qual se identifica com outro ser e se experimenta seus sentimentos.

Ta certo que não são características obrigatórias a cada tipo, mas soa absurdamente contráditório.

Citar
Tolera particularmente bem a desordem, o irracional, a tensão criada pelos valores opostos, as idéias perturbadoras, os riscos.
Pouca tensão interior, pouca angústia subjetiva, devido a sua tendência a procurar o movimento e a mudança do meio.
Citar
Inconformismo.

Agora ambas as análises referindo-se ao tipo criativo se contradizem.

Citar
Autonomia e individualismo. Tem códigos éticos pessoais, menos convencionais e menos morais que os dos outros.

Menos moral? haha!
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Oceanos em 17 de Setembro de 2006, 11:46:48
Difícil falar, achei o texto meio vago; grande parte dos tópicos eu responderia com "sim", o problema é saber o quanto é "muito", "altamente", "boa", "hábil", etc... Algumas coisas também parecem estar mais relacioadas à pessoas anti-sociais do que gente superdotada.

Citar
37) Parece não precisar de grande quantidade de sono.
Isso oficialmente me tira a característica de superdotado. :D

Arquimedes, foi você que escreveu o texto? ;)
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Arquimedes em 17 de Setembro de 2006, 11:53:39
Não Oceanos, eu trouxe de um site especializado em superdotados!
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Oceanos em 17 de Setembro de 2006, 11:58:38
Que tal por as fontes, então? ;)
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Arquimedes em 17 de Setembro de 2006, 12:09:33
Oceanos, abaixo está a fonte e você poderá saber mais sobre o universo das pessoas superdotadas!

www.vademecum.com.br/sapiens


Desculpe eu não por o link direto, estou aprendendo ainda a mexer nisso aqui, já se vê que eu não sou superdotado!
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Arquimedes em 17 de Setembro de 2006, 12:10:33
Desculpe Oceanos, eu consegui por o link, acho que não sou tão burro assim! :oba:
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Diegojaf em 17 de Setembro de 2006, 15:46:21
http://www.caiuaficha.com.br/testeqi/oqueeqi.html

Teste de Q.I. online...

Não sei se funciona, mas o meu ficou em 128 (45 acertos) e fez muito bem pra minha auto estima... :lol:
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Alenônimo em 17 de Setembro de 2006, 18:23:32
Esse texto trata de "superdotados" ou de pessoas com DDA? Não vi muita diferença.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: rizk em 18 de Setembro de 2006, 01:07:19
Hoje em dia está na moda ser autista, todos os grandes cientistas foram autistas, blablabla. Pode muito bem estar falando sobre dda, até onde eu sei.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Dobrado em 18 de Setembro de 2006, 04:51:31
Hoje em dia está na moda ser autista, todos os grandes cientistas foram autistas, blablabla. Pode muito bem estar falando sobre dda, até onde eu sei.

A moda hoje em dia é ser bissexual! :P
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Guinevere em 18 de Setembro de 2006, 09:00:51
vade reeeetro!!!

Eu não adéro a moda nenhuma. Pra mim só mulher, mesmo!

A propósito do tópico... Porque a gente nunca acha crianças superdotadas por aí? Por que não tem uma no fórum, por exemplo?


(desconfiômetro funcionando)

Hã... será que é porque somos burros demais...?

Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Nina em 18 de Setembro de 2006, 09:58:50
Na prática, conseguiríamos identificar uma criança super dotada?
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Guinevere em 18 de Setembro de 2006, 10:04:27
Ué... ela poderia dizer a idade e a gente veria se o papo é "inteligente" (entre aspas)
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Nina em 18 de Setembro de 2006, 10:08:06
Mas aí poderia apenas ser informada...
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Barata Tenno em 18 de Setembro de 2006, 10:08:45
vade reeeetro!!!

Eu não adéro a moda nenhuma. Pra mim só mulher, mesmo!


Ahhh Oceanos..... Eu sabia......
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Guinevere em 18 de Setembro de 2006, 10:23:40
Bom, se fosse uma falsa superdê, a gente saberia se falasse alguma besteira...
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: L. Duran em 18 de Setembro de 2006, 10:33:07
Precisa ter mais de quantos centímetros pra ser superdotado?
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: L. Duran em 18 de Setembro de 2006, 10:38:13
Hoje em dia está na moda ser autista, todos os grandes cientistas foram autistas, blablabla. Pode muito bem estar falando sobre dda, até onde eu sei.

O que é um absurdo já que cerca de 50% dos portadores do distúrbio têm quociente de inteligência (QI) inferior a 50; 70%, menor que 70; e 95%, abaixo de 100.

São raríssimos os casos de autistas com genialidade. E na verdade, isso está associado ao interesse restrito a um determinado assunto e ao isolamento, que leva o autista a ser um profundo conhecedor desse assunto, mas com mínima interação social.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Gil em 18 de Setembro de 2006, 20:45:07
Mas aí poderia apenas ser informada...

A informação por si só dá a pessoa a capacidade de trabalhar com está informação?
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Tarcísio em 19 de Setembro de 2006, 18:39:07
Mas aí poderia apenas ser informada...

A informação por si só dá a pessoa a capacidade de trabalhar com está informação?

Seria, a inteligência, apenas prática? ;)
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Felipp Jarbas em 19 de Setembro de 2006, 21:03:41
http://www.caiuaficha.com.br/testeqi/oqueeqi.html

Teste de Q.I. online...

Não sei se funciona, mas o meu ficou em 128 (45 acertos) e fez muito bem pra minha auto estima... :lol:

  Não consegui ver meu resultado pois na tabela tem um link pra anunciantes bem em cima da coluna dos resultados.Tive 49 acertos.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Rodion em 19 de Setembro de 2006, 22:01:45
eu odeio a mensa e semelhantes. isso é de dar no saco.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Oceanos em 19 de Setembro de 2006, 22:02:54
Idem.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Fabulous em 13 de Outubro de 2006, 21:06:46
Essa pesquisa, percebe-se que é voltada para crianças, entretando ela também serve para adultos?
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Oceanos em 14 de Outubro de 2006, 02:32:24
Eu não sou entendido do assunto, mas supono que essa pesquisa não passe de achismo do autor, pelos mesmos motivos que todos citaram no decorrer do tópico.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: VeganX em 17 de Outubro de 2006, 19:11:45
Sou mais um a que vota no "achismo" do autor...

Há algum tempo atrás, eu fiz um teste de personalidade na internet e dá pra dizer que isso é uns 80% da descrição de um INFP, que foi o meu resultado.

Acho que estou muito longe de ter sido super dotado na infância.  :biglol:
Título: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Eu em 14 de Março de 2008, 23:05:28
Idéias Errôneas Acerca
dos Superdotados

 
--------------------------------------------------------------------------------
   
  A Superdotação é sinônimo de genialidade
O gênio é aquele que não apenas possui um talento relevante como também o utiliza de forma produtiva, gerando obras de valor. A superdotação intelectual, portanto, não pode ser tratada como sinônimo de genialidade, pois indica apenas um dado tipo de capacidade mental, enquanto que a genialidade resulta de uma combinação de intelecto, condições sócio-econômico-culturais, motivação e trabalho duro. Obviamente, seria mais do que desejável que superdotação e genialidade andassem sempre de mãos dadas, mas, infelizmente, isso nem sempre se verifica.



A boa dotação intelectual é condição suficiente para a alta produtividade na vida

A inserção de uma pessoa dentro de uma sociedade como indivíduo integrado e útil é um processo complexo que não depende exclusivamente da inteligência, mas também de fatores emocionais, motivacionais, econômicos, sociais, etc. Não é muito difícil encontrar pessoas de inteligência mediana que são bem mais produtivas do que algumas pessoas extremamente inteligentes devido à influência de variáveis não-cognitivas.



A criança superdotada continuará a demonstrar habilidade intelectual superior independentemente das condições ambientais

É bastante disseminada a noção de que, embora possam sofrer revezes ao longo de sua vida que tendam a impedir-lhes de expressar plenamente o seu talento, os superdotados sempre superarão todas as adversidades. Ocorre, porém, que, infelizmente, pesquisas tem mostrado que crianças submetidas a um meio extremamente hostil freqüentemente desenvolvem bloqueios, medos, recalques e traumas que as deixam quase que completa e permanentemente incapazes de apresentar quaisquer indícios de capacidade mental superior ou até mesmo de desenvolver trabalho intelectual aceitável a nível mediano.



Não se deve informar à criança ou ao jovem acerca de suas habilidades superiores

Esta noção surge da hipótese de que se uma criança ou adolescente for informado de que é superdotado ficará orgulhoso e, conseqüentemente, preguiçoso e pedante. Ocorre, porém, que o superdotado, até por efetivamente ser superdotado, logo percebe a si mesmo como diferente dos demais, e os demais também logo o identificam como diferente. Caso não seja adequadamente informado acerca dos seus talentos e suas implicações, ele tenderá a perceber-se como inferior, "esquisito" e anormal, o que levaria a problemas bem piores do que os do orgulho. Shakespeare sintetizou este pensamento numa única frase:

A auto-estima não é um pecado tão vil quanto a autodepreciação.
William Shakespeare (Henry V)

A conversa franca e explicativa com o superdotado acerca de suas capacidades e talentos e da influência destes na sua vida é o melhor modo de evitar tanto o problema do complexo de inferioridade quanto o da soberba presunçosa.



Não se deve comunicar à família que um dos seus membros é superdotado

Esta noção advém da idéia de que a família poderia exibir o superdotado e/ou exigir demais dele. São medos legítimos e válidos, porém é ético e necessário que os familiares, em especial os pais ou responsáveis, tomem conhecimento das habilidades dos seus filhos. Trata-se de um imperativo ético porque um educador ou psicólogo tem o dever de dividir com seu paciente e/ou seus responsáveis tudo o que puder averiguar acerca deste. É algo necessário porque existem necessidades específicas dos superdotados que precisam ser informadas para que possam ser supridas. Basta que também se alerte sobre os perigos da exibição ou exigência excessiva.

De um modo geral, os principais cuidados que pais de superdotados devem ter com a educação de seus filhos são aqueles que também deveriam ser tomados pelos pais de crianças normais, havendo apenas alguns aspectos aos quais os excepcionalmente bem-dotados são mais sensíveis.



A criança superdotada necessáriamente terá um bom rendimento na escola

É verdade que a superdotação intelectual poderá favorecer o rendimento escolar, dada a maior facilidade em lidar com o conhecimento do tipo formal. Contudo, isso não é o suficiente para garantir o sucesso acadêmico, tendo em vista que este último depende de múltiplos fatores e e não apenas da aptidão individual. Uma criança intelectualmente superior imersa num ambiente condicionado e preparado para crianças medianas provavelmente sofrerá pressões que tenderão a lhe prejudicar o rendimento escolar.



Os testes de inteligência não são adaptados à nossa realidade brasileira e, por isso, pouca utilidade tem para a identificação do superdotado

Este argumento costuma ser proferido por "profissionais" de psicologia que não tem boa formação em matemática e estatística, dois dos conhecimentos essenciais para se compreender os resultados de testes de inteligência. É verdade que a maior parte dos testes aplicados no Brasil sofrem de forte viés cultural que lhes prejudica a aplicação, e também que os grupos de padronização usados são limitados em alcance e quantidade, no entanto isso não significa que precisamos abandonar os testes, significa apenas que devemos tomar cuidados essenciais ao interpretá-los.

Obviamente necessitamos de testes adaptados à nossa realidade, no entanto não podemos permanecer totalmente isentos de instrumentos objetivos enquanto aguardamos que surjam exames mais adequados.



Todo o superdotado é franzino e tem um pouco de loucura

O esterótipo do superdotado como um indivíduo pálido e frágil não poderia estar mais distante do fenômeno observado. Diversos estudos tem demonstrado não haver qualquer diferença significativa no biotipo dos superdotados em relação ao dos demais indivíduos. É possível que esta idéia tenha sido assimilada devido ao fato de que muitas crianças excepcionalmente bem dotadas costumam estar adiantadas em uma ou duas séries escolares em relação aos colegas de mesma idade, o que as faz parecerem menores do que as outras por serem comparadas com crianças um ou dois anos mais velhas.

Já a noção do superdotado ser "meio louco" tem algum fundamento. Não há qualquer relação entre superdotação e a insanidade mental própriamente dita, todavia, o indivíduo de excepcional capacidade intelectual experimenta dificuldades de socialização por ser um indivíduo diferente dos demais. Assim, dificuldades de relacionamento e de compreensão podem levar a um retraimento e isolamento por parte do superdotado, e a preconceitos por parte da sociedade. Assim, o indivíduo supercapaz é propenso a desenvolver certos comportamentos excêntricos ou anticonvencionais.

Em todo o mundo existe um misto de admiração e medo em relação à figura do ser excepcionalmente muito inteligente. Na melhor das hipóteses, cria-se o estereótipo do "cientista maluco", um indivíduo excêntrico, desajeitado, misantropo, e mentalmente desequilibrado. Na pior das hipóteses, temos os "gênios do mal", ou seja, vilões como os personagens de Brainiac, Doutor Silvana e Lex Luthor, os quais são descritos como "cérebros brilhantes" ou "gênios criativos" com gana de poder e total ausência de preceitos éticos.



O superdotado é um fenômeno muito raro, sendo poucas as crianças e jovens de nossas escolas que podem ser de fato considerados superdotados

Talvez esta seja a maior de todas as falácias em relação aos superdotados. Utilizando-se o critério do resultado em testes de inteligência válidos e fidedignos, espera-se que cerca de 5% ou uma em cada 20 das pessoas da sociedade em geral apresentem a superdotação em inteligência ou em criatividade. Caso seja utilizado o critério de inteligência e/ou criatividade, este número sobe para 10% ou uma em cada 10 pessoas. Buscando nas classes sociais mais altas, esta proporção, devido à inluência do favorecimento educacional, médico e nutricional, tende a aumentar ainda mais.

Na prática, de um colégio que juntasse 400 crianças de todas as classes sociais, poderíamos esperar cerca de 40 alunos de intelecto excepcional. Estes alunos poderiam, por exemplo, compor uma turma especial dentro de um colégio.

De acordo com o CEPA, o percentual de superdotados em inteligência nas universidades brasileiras chega a 20% (um em cada cinco). Tal índice cria uma expectativa de haverem cerca de dois a três mil alunos de inteligência superior em uma única universade do tamanho da Universidade Federal de Pernambuco. Considerando-se proporção semelhante para a criatividade, poderíamos esperar uma proporção de até 35% (aproximadamente um em cada três) de alunos intelectualmente privilegiados, ou seja, em torno de 5.000 alunos.

A falsa noção de que o superdotado é um fenômeno raro pode ser bastante prejudicial tendo em vista que ele ela à conclusão de que os gastos com o estudo, a identificação e a educação especial de superdotados devem ser igualmente esparsos. Com a conscientização de que cerca de 20% dos jovens deste país apresentam superdotação intelectual, e que um percentual ainda maior apresenta talento excepcional em ciências, drama, música, artes visuais e psicomotricidade, talvez um investimento maior em termos de tempo e dinheiro possa ser realizado.

 



http://www.vademecum.com.br/sapiens/erroneas.htm
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Alenônimo em 15 de Março de 2008, 12:04:41
Eu sou super dotado mas não sou um gênio então.
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Luis Dantas em 15 de Março de 2008, 20:24:38
Muito bom o texto.
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Adriano em 15 de Março de 2008, 22:07:37
De acordo com o CEPA, o percentual de superdotados em inteligência nas universidades brasileiras chega a 20% (um em cada cinco). Tal índice cria uma expectativa de haverem cerca de dois a três mil alunos de inteligência superior em uma única universade do tamanho da Universidade Federal de Pernambuco. Considerando-se proporção semelhante para a criatividade, poderíamos esperar uma proporção de até 35% (aproximadamente um em cada três) de alunos intelectualmente privilegiados, ou seja, em torno de 5.000 alunos.

A falsa noção de que o superdotado é um fenômeno raro pode ser bastante prejudicial tendo em vista que ele ela à conclusão de que os gastos com o estudo, a identificação e a educação especial de superdotados devem ser igualmente esparsos. Com a conscientização de que cerca de 20% dos jovens deste país apresentam superdotação intelectual, e que um percentual ainda maior apresenta talento excepcional em ciências, drama, música, artes visuais e psicomotricidade, talvez um investimento maior em termos de tempo e dinheiro possa ser realizado.

http://www.vademecum.com.br/sapiens/erroneas.htm


Vinte por cento é um porcentual bem alto, não imaginava tando.

Já conhecia esse site, é muito bom, mas a instituição é muito fechada, é para quem tem boas origens. Nesse aspecto o CC traz mais vantagens, tem mais pessoas superdotadas num ambiente de mais fácil acesso.

Eu sou super dotado mas não sou um gênio então.

Já a noção do superdotado ser "meio louco" tem algum fundamento. Não há qualquer relação entre superdotação e a insanidade mental própriamente dita, todavia, o indivíduo de excepcional capacidade intelectual experimenta dificuldades de socialização por ser um indivíduo diferente dos demais. Assim, dificuldades de relacionamento e de compreensão podem levar a um retraimento e isolamento por parte do superdotado, e a preconceitos por parte da sociedade. Assim, o indivíduo supercapaz é propenso a desenvolver certos comportamentos excêntricos ou anticonvencionais.

"É nóis"  :biglol:
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Narkus em 15 de Março de 2008, 22:21:44
interessante...

A exclusão social é o maior dos problemas...

A sociedade impõe algumas pressões. Você se sente pressionado a mudar seu estilo de vida para não se parecer tão diferente dos demais. Começa a se preocupar em não tirar notas muito altas, não se mostrar tão sábio sobre alguns assuntos e procura se entreter mais nas "bobagens da moda". Ou seja, começa a querer beber, fumar e entender um pouco mais de futebol e bandas xexelentas que povão curte.

Não acho que os superdotados sejam loucos ou anti-éticos. Eu até acho que a noção de ética de um superdotado pode ser muito superior a da maioria que apenas "segue" as pregações convencionais de ética de sua época, sem questionar.

O problema é que um superdotado não possui necessariamente maturidade. Acredito que a maturidade é um processo biológico que condiciona o ser a se preparar de forma instintivamente mais eficiente em prol de sua sobrevivência e propagação dos genes. Eu acredito que pessoas burras normalmente amadureçam mais cedo do que as mais inteligentes. Mas valorizo a maturidade também, estou em busca dela inclusive.
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Adriano em 15 de Março de 2008, 22:33:08
A maturidade emocional é realmente muito importante e algo que está sendo muito exigido no mercado de trabalho. Estão buscando mais o perfil de pessoa com habilidade social, interativa, já que as questões teóricas podem ser aprendidas com mais facilidade.
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Luis Dantas em 15 de Março de 2008, 22:49:36
Na época em que eu lia mais artigos da Sigma Society, uma coisa ficou na minha cabeça: uma diferença de mais de 20 ou 30 pontos de QI tende a tornar difíceis as interações profissionais.

Em outras palavras, um líder não deve ser muito menos competente que seus subordinados, mas também não deve ser muito mais competente.

Os motivos são algo interessante de se analisar e especular; penso que além dos mais óbvios e emocionais (inveja, sentimento de inferioridade) há também uma questão de linguagem em comum e de capacidade de abstração.  Já vi um novelista da Globo (não lembro qual) comentar em uma entrevista que os mais humildes literalmente não conseguiam entender do que uma certa novela sua tratava.

Isso sugere que o "middle management", os "sargentos", são de fato uma figura necessária para a boa administração de uma iniciativa ou empreendimento.

Claro, essa é uma visão um tanto elitista da realidade (no sentido técnico, não no político ou sócio-econômico), mas pessoalmente eu acredito que o elitismo tem o seu lugar e é em algum sentido necessário.
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Adriano em 15 de Março de 2008, 22:52:52
Tem tudo a ver com o conceito da dinâmica da espiral de Ken Wilber, penso eu.
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Luis Dantas em 15 de Março de 2008, 23:01:20
Concordo :)  só lembrando que Wilber USA a linguagem e os conceitos da Dinâmica de Espiral, mas não foi quem os criou.
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Alenônimo em 16 de Março de 2008, 01:32:42
Faz sentido. Eu tenho uma certa diferença de inteligência com as pessoas que "fazem parte do meu círculo social". Eu tenho a tendência a ser bem mais inteligente e isso acaba me custando muitos pontos sociais.

Muita gente não entende minhas piadas na vida real. Não como aqui onde eu acabei de ler uma referência à piada mortal do Monty Python em um tópico aí (Com uma frase em alemão e vários usuários pedindo para não traduzir por terem medo de morrer).

Mas o que me fez sofrer mais com essa situação desde pequeno é que eu me recuso a baixar meu nível só para agradar as pessoas. Eu sou inteligente, tiro notas altas e não poria em risco meu futuro educacional só porque a maioria das pessoas tem alto estima e inteligência medianas. Aliás, não é por ser mais ou menos assim que muitos de nós somos céticos? Não nos recusamos a "permitir" que a religião e a pseudociência tenham passe livre em nossas vidas, por saber que são atraso de vida?

Posso não ser um gênio. Posso nem ser tão super dotado assim. Mas e daí? Preciso mudar a mim mesmo só porque as pessoas tem inveja dos inteligentes? Que culpa eu tenho que eu não preciso estudar para passar em concursos públicos? Se tivessem um mínimo de inteligência, saberiam apreciar ao ver alguém inteligente. Se acotovelariam para fazer amizades com os nerds. Tentariam ser como eles ao invés de tentarem dar rasteira.

Depois que falam que o povão só gosta de assistir novela mexicana, ver futebol, assistir ao Ratinho e encherem a cara, acham ruim!
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Narkus em 16 de Março de 2008, 02:39:06
Faz sentido. Eu tenho uma certa diferença de inteligência com as pessoas que "fazem parte do meu círculo social". Eu tenho a tendência a ser bem mais inteligente e isso acaba me custando muitos pontos sociais.

Muita gente não entende minhas piadas na vida real. Não como aqui onde eu acabei de ler uma referência à piada mortal do Monty Python em um tópico aí (Com uma frase em alemão e vários usuários pedindo para não traduzir por terem medo de morrer).

Mas o que me fez sofrer mais com essa situação desde pequeno é que eu me recuso a baixar meu nível só para agradar as pessoas. Eu sou inteligente, tiro notas altas e não poria em risco meu futuro educacional só porque a maioria das pessoas tem alto estima e inteligência medianas. Aliás, não é por ser mais ou menos assim que muitos de nós somos céticos? Não nos recusamos a "permitir" que a religião e a pseudociência tenham passe livre em nossas vidas, por saber que são atraso de vida?

Posso não ser um gênio. Posso nem ser tão super dotado assim. Mas e daí? Preciso mudar a mim mesmo só porque as pessoas tem inveja dos inteligentes? Que culpa eu tenho que eu não preciso estudar para passar em concursos públicos? Se tivessem um mínimo de inteligência, saberiam apreciar ao ver alguém inteligente. Se acotovelariam para fazer amizades com os nerds. Tentariam ser como eles ao invés de tentarem dar rasteira.

Depois que falam que o povão só gosta de assistir novela mexicana, ver futebol, assistir ao Ratinho e encherem a cara, acham ruim!
Bom... Te garanto que estudando uns 3 anos no ginásio em colégio público, com alguns marginais o fariam pensar 2x antes de querer que os outros tenham certeza de que és tão inteligente.

Não é tão simples assim... "Sou inteligente e pronto!" O buraco é mais embaixo, você se torna cobiçado e invejado ao mesmo tempo. Nem sempre é fácil segurar esta barra. Ter me tornado "aluno comum" em uma etapa da minha vida me ajudou bastante.

Ás vezes é um risco se dar ao luxo de admitir ser diferente. Pior ainda é mostrar soberba, aí o pau come!
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Luis Dantas em 16 de Março de 2008, 04:52:12
Por outro lado, Alê tem toda a razão quando conclui que mudar só para atender à expectativa alheia é uma canona furada.
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Laura Demarchi em 17 de Março de 2008, 13:35:29
Eu não sou superdotada, mas sinto que quando falo muito do que gosto, e isto tem a ver com lâmbidas, alfas e gamas, as pessoas ficam apáticas para comigo. Se não mudo, fico sozinha. Não tenho outra canoa, a não ser esta minha furada :(

beijo
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Dr. Manhattan em 17 de Março de 2008, 14:01:33
Por outro lado, Alê tem toda a razão quando conclui que mudar só para atender à expectativa alheia é uma canona furada.

Concordo em parte. A pessoa não deve tentar mudar seus gostos ou alterar suas inclinações apenas para se entrosar [1]
Em todo ambiente social, quer queiramos ou não, acabamos assumindo um personagem. Raramente mostramos
a nossa verdadeira face (se é que ela existe, mas aí são outros quinhentos). Quando duas amigas se encontram na rua elas aumentam
a altura de sua voz e se tocam, para demonstrar e fortalecer a intimidade. Quando dois amigos se encontram, fazem o contrário:
falam num tom mais grave ("Diga lá, mêrmão! E aí, cara!") e trocam murrinhos falsos ou apertam as mãos (para mostrar que estão
desarmados). É assim com todo mundo. Daí, não perdemos muito se tentamos criar uma imagem menos... exótica.

Ainda criança descobri que, entre meus colegas de colégio, eu estava constantemente assumindo o papel do "chato" - sempre levantava
a mão primeiro na aula e dava pitacos sobre todo e qualquer assunto. Até que um dia resolvi me restringir mais. Literalmente comecei a contar
minhas palavras durante as aulas (principalmente as de ciências). Afinal de contas, pra que mostrar para todos que eu sabia uma coisa,
se eu realmente sabia? O que eu tinha a ganhar com isso? [2]

Funcionou às mil maravilhas. Até hoje aplico isso, principalmente quando algum colega começa a falar besteiras na mesa do
almoço [3] :neutral:




[1] Abro uma excessão aos que possuem inclinções homicidas...
[2] Uma consequência inusitada dessa estratégia foi uma pergunta preocupada de minha professora de ciências: "Você está doente, hoje?"
[3] Exemplo colega A., num tom peremptório: "Só que Hitler mal teve tempo de fabricar alguns foguetes V1 pra lançar na Inglaterra e..."

D.M. (pensando): "Não, os foguetes eram os V2, movidos a álcool e oxigênio líquido, os nazistas fabricaram milhares deles,
e lançaram centenas em Londres, Antuérpia e outras cidades européias. Os V1 eram misseis que usava um motor de jato pulsado e etc..."

D.M. (falando):"Ahn... eu tenho a impressão que foram mais que alguns..."
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Emilson em 18 de Março de 2008, 10:29:07
Temos que lembrar que a superdotação intelectual (ou acadêmica) é só um tipo de superdotação. Existe a superdotação para esportes (ou habilidades motoras em geral) e a superdotação para artes também. Por exemplo, o Ronaldinho Gaúcho e o desenhista Laerte são superdotados nos seus respectivos campos de atuação.
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Emilson em 18 de Março de 2008, 10:49:23
Citação de: Narkus
"O problema é que um superdotado não possui necessariamente maturidade. Acredito que a maturidade é um processo biológico que condiciona o ser a se preparar de forma instintivamente mais eficiente em prol de sua sobrevivência e propagação dos genes."

Vide o caso do garoto porto-alegrense superdotado que se matou em julho do ano passado, aos 16 anos!
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Pregador em 18 de Março de 2008, 14:07:00
Temos que lembrar que a superdotação intelectual (ou acadêmica) é só um tipo de superdotação. Existe a superdotação para esportes (ou habilidades motoras em geral) e a superdotação para artes também. Por exemplo, o Ronaldinho Gaúcho e o desenhista Laerte são superdotados nos seus respectivos campos de atuação.

Eu torço o nariz para chamar excelente coordenação motora de inteligência, como vejo em alguns livros... mas...  :?
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Nohai em 18 de Março de 2008, 18:43:02
Faz sentido. Eu tenho uma certa diferença de inteligência com as pessoas que "fazem parte do meu círculo social". Eu tenho a tendência a ser bem mais inteligente e isso acaba me custando muitos pontos sociais.

Concordo plenamente nesse ponto Alenônimo, a situação piora mais quando, por exemplo, se nasce numa familia como a minha. Ao contrario do que diz o texto sobre exigir o exibir o superdotado, a minha familia costuma me deixar de lado por que essa caracteristica só se deu em mim. :) :(
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Dodo em 18 de Março de 2008, 19:09:21
Por mais imbecil e brincalhão que eu pareça através de alguns posts, desenvolvi essa característica para ser "aceito" no meio em que cresci, aí inclusos família e escola. Fiz tudo isso para não parecer maluco, só que foi uma péssima idéia, pessoas menos capacitadas intelectualmente do que eu galgaram posições muito melhores do que as que ocupo atualmente, enquanto eu entrei em conflito comigo mesmo e paguei o preço por isso.

Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Diegojaf em 18 de Março de 2008, 19:10:24
Sinto tanta modéstia emanando deste tópico... :lol:
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Pregador em 18 de Março de 2008, 19:11:27
Sinto tanta modéstia emanando deste tópico... :lol:

Verdade...

Sócrates ficaria assombrado...
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Dodo em 18 de Março de 2008, 19:13:48
Sinto tanta modéstia emanando deste tópico... :lol:

Verdade...

Sócrates ficaria assombrado...

Sobrinhos... sobrinhos...   :hihi: :hihi: :hihi:
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Luis Dantas em 18 de Março de 2008, 19:16:04
Fiz tudo isso para não parecer maluco, só que foi uma péssima idéia, pessoas menos capacitadas intelectualmente do que eu galgaram posições muito melhores do que as que ocupo atualmente, enquanto eu entrei em conflito comigo mesmo e paguei o preço por isso.

Não tenho certeza de que isso poderia ser evitado, sabe.
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Adriano em 18 de Março de 2008, 19:16:56
Sinto tanta modéstia emanando deste tópico... :lol:

Verdade...

Sócrates ficaria assombrado...
Nem evoque o coitado! Foi condenado a morte pelo estado por não aceitar seus deuses. Poderíamos dizer que é um caso de ateísmo, de não acreditar dos deuses impostos pela sociedade de seu tempo.
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Diegojaf em 18 de Março de 2008, 19:18:47
Sinto tanta modéstia emanando deste tópico... :lol:

Verdade...

Sócrates ficaria assombrado...

Sobrinhos... sobrinhos...   :hihi: :hihi: :hihi:

Ahn??
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Dodo em 18 de Março de 2008, 19:25:21
Sinto tanta modéstia emanando deste tópico... :lol:

Verdade...

Sócrates ficaria assombrado...

Sobrinhos... sobrinhos...   :hihi: :hihi: :hihi:

Ahn??

Brincadeira, só to zoando com o tratamento carinhoso que o Perdulário dispensava a alguns foristas.
Sou eu mesmo, o Dodo.

Tá ... foi sem graça eu sei.
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Diegojaf em 18 de Março de 2008, 19:34:32
Ahnnnn tá... :P
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Dodo em 18 de Março de 2008, 19:47:21
Fiz tudo isso para não parecer maluco, só que foi uma péssima idéia, pessoas menos capacitadas intelectualmente do que eu galgaram posições muito melhores do que as que ocupo atualmente, enquanto eu entrei em conflito comigo mesmo e paguei o preço por isso.

Não tenho certeza de que isso poderia ser evitado, sabe.

Isso é verdade, ainda mais se você não é muito bom em traçar objetivos. :? :? :?
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Emilson em 18 de Março de 2008, 23:09:38
Temos que lembrar que a superdotação intelectual (ou acadêmica) é só um tipo de superdotação. Existe a superdotação para esportes (ou habilidades motoras em geral) e a superdotação para artes também. Por exemplo, o Ronaldinho Gaúcho e o desenhista Laerte são superdotados nos seus respectivos campos de atuação.

Eu torço o nariz para chamar excelente coordenação motora de inteligência, como vejo em alguns livros... mas...  :?

Puro preconceito seu. Engraçado que a maioria ache que só é inteligente aquele que tem facilidade em usar raciocínio lógico-dedutivo, normalmente associado a uma excelente memória, etc. Ora, altas habilidades motoras só acontecem porque o indivíduo usa o cérebro de maneira "eficiente" para executar os movimentos. Existe a coordenação "perfeita" entre pensamento e movimento corporal. Isso pode ser aprendido e aperfeiçoado, mas os indivíduos que se destacam em esportes normalmente nasceram com um potencial bem maior em relação à média. Acho perfeitamente justo chamá-los de superdotados. Assim como acho justo chamar de superdotado quem tem facilidade muito acima da média para desenhar ou para a música.

(Falando em coordenação motora, certa vez quis aprender a fazer malabaris com 3 bolinhas. Aprendi em cerca de 1 hora de prática. Aí pensei: "puts, esse negócio é fácil". Daí sempre que dá tento ensinar outras pessoas porque fazer de vez em quando até que é divertido. Sabem quantas pessoas conseguiram aprender? Nenhuma! Bom, vai ver que sou um péssimo professor de malarabis com 3 bolinhas...:-))
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Pregador em 18 de Março de 2008, 23:48:09
Temos que lembrar que a superdotação intelectual (ou acadêmica) é só um tipo de superdotação. Existe a superdotação para esportes (ou habilidades motoras em geral) e a superdotação para artes também. Por exemplo, o Ronaldinho Gaúcho e o desenhista Laerte são superdotados nos seus respectivos campos de atuação.

Eu torço o nariz para chamar excelente coordenação motora de inteligência, como vejo em alguns livros... mas...  :?

Puro preconceito seu. Engraçado que a maioria ache que só é inteligente aquele que tem facilidade em usar raciocínio lógico-dedutivo, normalmente associado a uma excelente memória, etc. Ora, altas habilidades motoras só acontecem porque o indivíduo usa o cérebro de maneira "eficiente" para executar os movimentos. Existe a coordenação "perfeita" entre pensamento e movimento corporal. Isso pode ser aprendido e aperfeiçoado, mas os indivíduos que se destacam em esportes normalmente nasceram com um potencial bem maior em relação à média. Acho perfeitamente justo chamá-los de superdotados. Assim como acho justo chamar de superdotado quem tem facilidade muito acima da média para desenhar ou para a música.

(Falando em coordenação motora, certa vez quis aprender a fazer malabaris com 3 bolinhas. Aprendi em cerca de 1 hora de prática. Aí pensei: "puts, esse negócio é fácil". Daí sempre que dá tento ensinar outras pessoas porque fazer de vez em quando até que é divertido. Sabem quantas pessoas conseguiram aprender? Nenhuma! Bom, vai ver que sou um péssimo professor de malarabis com 3 bolinhas...:-))

É pode ser..., talvez. Mas não vou chamá-lo de superdotado por causa das bolinhas não, nem vem.  :hihi:
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Emilson em 19 de Março de 2008, 15:01:37
Citação de: Amenemés
É pode ser..., talvez. Mas não vou chamá-lo de superdotado por causa das bolinhas não, nem vem.  :hihi:

 :lol: Relaxa.
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Gil em 19 de Março de 2008, 16:07:14
Não entendi nada, super dotado não seria fora do normal, algo raro? Como posso dizer que 20% dos estudantes das universidades brasileiras são super dotados?
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Adriano em 19 de Março de 2008, 19:39:14
Não entendi nada, super dotado não seria fora do normal, algo raro? Como posso dizer que 20% dos estudantes das universidades brasileiras são super dotados?
Infelizmente em nossa sociedade só o fato se estar em uma universidade já é uma situação fora do normal, isso estatisticamente. Daí os que se destacam entre os acadêmicos já são exceção da exceção.
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Alenônimo em 19 de Março de 2008, 19:55:59
Não entendi nada, super dotado não seria fora do normal, algo raro? Como posso dizer que 20% dos estudantes das universidades brasileiras são super dotados?
Infelizmente em nossa sociedade só o fato se estar em uma universidade já é uma situação fora do normal, isso estatisticamente.
Se um analfabeto passa em 9º na Estácio de Sá, então isso não é verdade…
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Luis Dantas em 19 de Março de 2008, 21:14:54
Gil, superdotacao nao eh essa raridade que voce supoe; estatisticamente cerca de 10 porcento dos jovens de qualquer cultura sao superdotados.

O que caracteriza superdotacao eh um certo tipo de atitude e capacidade, nao alguma raridade verdadeira.

Quanto a faculdades, elas deveriam mesmo ter 20 por cento e ateh muito mais de superdotados; no Brasil nem tanto, mas no mundo elas SAO centros de excelencia, afinal de contas.
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Adriano em 20 de Março de 2008, 04:04:48
Não entendi nada, super dotado não seria fora do normal, algo raro? Como posso dizer que 20% dos estudantes das universidades brasileiras são super dotados?
Infelizmente em nossa sociedade só o fato se estar em uma universidade já é uma situação fora do normal, isso estatisticamente.
Se um analfabeto passa em 9º na Estácio de Sá, então isso não é verdade…
Estatisticamente existe a margem de erro também. E podemos considerar as universidades com maior qualidade, que são as públicas e algumas particulares. Existe um grande probrema no setor privado, com a banalização do ensino superior, este deve ser considerado a parte e não invalidar a análise.

Assim como existem pessoas muito inteligentes e que não tem formação superior. Por exemplo, tem os superdotados de capacidade empreenderoristica, faro para negócios. Estes indivíduos tem alta capacidade de percepção de sinais do mercado, sabendo interagir bem neste meio, amealhando uma boa condição financeira. Mas também são excessões.
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Gil em 21 de Março de 2008, 01:17:02
Gil, superdotacao nao eh essa raridade que voce supoe; estatisticamente cerca de 10 porcento dos jovens de qualquer cultura sao superdotados.

O que caracteriza superdotacao eh um certo tipo de atitude e capacidade, nao alguma raridade verdadeira.

Quanto a faculdades, elas deveriam mesmo ter 20 por cento e ateh muito mais de superdotados; no Brasil nem tanto, mas no mundo elas SAO centros de excelencia, afinal de contas.

Obrigado pelo esclarecimento!
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Narkus em 21 de Março de 2008, 02:33:33
Na parte de raciocínio lógico eu era superdotado (digo "era", porque acho que já não sou mais o mesmo :/)

Eu sempre detestei aqueles CDF que tiravam 10 nas outras matérias mas iam pior do que eu em matemática e física. É óbvio que eu os achava mais burros do que eu, afinal, eu não estudava nem 1/10 do que eles estudavam. kkkkkkkkkkkk

Uma coisa é ser sabidinho, outra é ser inteligente.
A verdade é que o sabidinho acha que é inteligente e o inteligente SABE que não é sabidinho :)

Diz ae, quem nunca pensou assim? :diabo:
Título: Re: Idéias Errôneas Acerca dos Superdotados
Enviado por: Prometeu em 28 de Março de 2008, 21:31:57
A verdade é que quem estuda e é disciplinado se dá bem, o resto se fode
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Unknown em 28 de Setembro de 2010, 15:49:39
Superdotados: uma minoria invisível

Eles representam apenas 0,01% dos estudantes. Por causa disso, há muitas escolas e famílias despreparadas para lidar com os jovens

“Ninguém no mundo me entende”. A afirmação de Elivelton Pêgo de Macêdo, de 14 anos, poderia ser facilmente interpretada como uma crise normal da idade. Mas o estudante da 8ª série do ensino fundamental não é um adolescente qualquer. As palavras de Elivelton refletem a realidade de quem faz parte de uma minoria ainda estereotipada ou até invisível para os brasileiros.

(http://i0.ig.com/fw/e4/v4/jq/e4v4jq4n1veh79vi4t6v39gmv.jpg)
Elivelton Macêdo não se sente compreendido por ninguém. Depois de entrar no atendimento para superdotados do DF, se sente mais livre e contente

Elivelton é um dos 5.600 estudantes do País identificados como superdotados. Está longe de qualquer estereótipo de gênio: não usa óculos, não estuda o tempo todo, não pensa em ser cientista e muito menos vive isolado. Elivelton é falante, adora escrever, desenhar, atuar. Mas fazer parte de uma parcela tão pequena da população significa, muitas vezes, sentir-se só mesmo com muita gente ao redor.

A habilidade de raciocínio e a capacidade de aprendizagem acima da média se tornaram fontes de incompreensão. Elivelton era confundido com uma pessoa desinteressada. Como gosta de coisas distintas e aprende rápido, logo se entedia. Problema para professores e para a família, já que ele precisa de desafios constantes para se manter focado. Há dois anos, porém, ele garante que a vida melhorou.

Elivelton mora no Varjão, comunidade de baixa renda do Distrito Federal. No início de 2008, uma professora de português percebeu que o menino quieto possuía uma criatividade fora do comum. Encaminhou o adolescente ao serviço que atende crianças com altas habilidades no Distrito Federal, que existe há 34 anos. Livre para estudar o que o interessa e animado com a convivência com jovens como ele, se sente mais feliz.

Leia também: Como identificar uma criança superdotada (http://delas.ig.com.br/filhos/criancas+prodigio+precisam+de+atencao/n1237785809298.html)

Nas salas de recursos do Distrito Federal (como são chamados os ambientes que atendem os superdotados), os estudantes se encontram com professores treinados em identificar os talentos, as habilidades e as necessidades de cada um. Quem é encaminhado para uma das salas passa por avaliação. Eles ficam em observação na sala durante alguns dias e também são analisados por psicólogos, a fim de diagnosticar a superdotação.

“Logo em um dos primeiros encontros, entreguei um desafio de matemática para o Elivelton que professores da área levaram uma hora e meia para resolver. Enquanto voltava à mesa para pegar um papel na gaveta, ele disse que havia terminado. Não acreditei. Foram segundos. E estava certo”, conta Leila Branco, professora responsável pela sala de recursos que ele frequenta.

Os encontros com os jovens que são identificados com altas habilidades – que podem tanto ser intelectuais quanto artísticas, por exemplo – acontecem uma ou mais vezes por semana, sempre no horário contrário ao das aulas regulares. Os professores se tornam tutores dos estudantes, os auxiliam a desenvolver projetos e estudar o que mais gostam.

Talentos perdidos

Os superdotados representam apenas 0,01% de todos os alunos matriculados na educação básica, segundo o Censo Escolar 2009. O número, dizem os especialistas, é subestimado. A falta de informação e sensibilidade para identificar as habilidades demonstradas pelas crianças e adolescentes faz com que muitos talentos continuem escondidos por aí. Pior, podem ser prejudicados pela falta de atendimento adequado.

Andrea Azevedo, psicóloga do Atendimento Educacional Especializado, afirma que o diagnóstico não é complicado. Mas é preciso ter sensibilidade para identificá-los corretamente. “Três características precisam andar juntas para que alguém seja identificado como superdotado: habilidade acima da média, alta criatividade e grande envolvimento com as tarefas”, diz.

(http://i0.ig.com/fw/92/lv/ef/92lvef7xo0114hw8r9vt90f76.jpg)
Dângelo dava trabalho para professores e família até suas habilidades serem identificadas: "eu usava minha inteligência para tocar o terror"

Em geral, as crianças com altas habilidades são precoces. Andam cedo, aprendem a ler espontaneamente, têm boa memória, são líderes e criativas. Mas também podem fugir desse padrão. É comum, segundo especialistas, que alunos mais agitados e menos concentrados nas aulas convencionais sejam diagnosticados de forma errônea. Muitos são tratados como hiperativos, quando, na verdade, não são.

Dângelo Saraiva de Souza, 15 anos, não dava sossego para os pais ou professores. No programa desde abril de 2008, o estudante chegou a ser reprovado na 3ª série do ensino fundamental. “Eu usava minha inteligência para tocar o terror”, brinca o jovem. Depois do convite para participar dos projetos na sala de recursos, tudo mudou.

“Achava tudo chato. Hoje, amo ler e escrever. Faço um jornalzinho na minha escola, vou além dos conhecimentos que recebo em sala de aula”, afirma Dângelo. A liberdade para estudar o que dá vontade é muito valorizada pelos estudantes. “É muito legal poder escolher o que queremos estudar”, garante Maiara Xavier, 13 anos.

Dificuldades práticas

Leila Branco, responsável pela sala de recursos do Centro de Ensino Fundamental 1 do Lago Norte, lamenta as dificuldades que enfrentam para realizar o trabalho com os alunos. Além do espaço físico insuficiente, faltam materiais (como computadores e internet) e transporte. “Não tenho condições de levar esses meninos para museus, laboratórios nas universidades ou exposições, por exemplo”, diz.

A professora acredita que o ideal seria ter uma sala de recursos em cada colégio. Hoje, há 47 salas em todo o DF e 1.207 estudantes participam do programa. “Despertaria a curiosidade de outras crianças. Acreditamos que a quantidade de alunos que poderiam ser atendidos é muito maior do que a que atendemos hoje”, defende Leila.

Délcio Batalha, gerente de Educação Especial da Secretaria de Educação do DF, acredita que o número poderia ser multiplicado por dez. “É preciso quebrar estereótipos ainda. Um superdotado não é um gênio. Isso facilitaria a identificação também”, defende.

CARACTERÍSTICAS DE UM SUPERDOTADO:
- Habilidade acima da média
- Alta criatividade
- Grande envolvimento com as tarefas
- São persistentes e perfeccionistas;
- Não gostam de rotina;
- Investem tempo e atenção no que gostam;
- Demonstram liderança e iniciativa;
- Detém habilidade excepcional para talentos específicos como esportes, música, artes, dança ou informática.

http://ultimosegundo.ig.com.br/educacao/superdotados+uma+minoria+invisivel/n1237785575247.html
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: HeadLikeAHole em 28 de Setembro de 2010, 17:46:03
Acabei de provar minha não-super-dotação: tentei matar o avatar do oceanos!  :|
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Geotecton em 28 de Setembro de 2010, 19:41:30
Quando tem mais de 40 cm é superdotado? :biglol:
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Luiz F. em 01 de Outubro de 2010, 22:06:00
http://www.caiuaficha.com.br/testeqi/oqueeqi.html

Teste de Q.I. online...

Não sei se funciona, mas o meu ficou em 128 (45 acertos) e fez muito bem pra minha auto estima... :lol:

Também fiz 45 acertos o que me faz superdotado(+de 126 pontos) :contrato:
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Moro em 01 de Outubro de 2010, 22:37:46
Interessante o texto mas realmente tem afirmações um tanto excludentes quanto ao perfil.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: _tiago em 02 de Outubro de 2010, 10:06:30
Quando tem mais de 40 cm é superdotado? :biglol:

Isso é rendido!
20cm é bem dotado!
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Lion em 04 de Outubro de 2010, 10:43:07
Inicialmente pensei se tratar de outro tipo de superdotado...    :P
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: calvino em 04 de Outubro de 2010, 11:07:25
Inicialmente pensei se tratar de outro tipo de superdotado...    :P

Para de sonhar Lion...
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Dr. Manhattan em 04 de Outubro de 2010, 12:16:37
Eu já sabia que sou superdotado. Fora isso, também dizem que sou inteligente...
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Lion em 05 de Outubro de 2010, 18:07:12
Inicialmente pensei se tratar de outro tipo de superdotado...    :P

Para de sonhar Lion...

No meu caso não é sonho é uma realidade....  :hihi:
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: calvino em 06 de Outubro de 2010, 00:18:28
Ia fazer uma piada, mas a conversa está se enveredando por caminhos estranhos... :P
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Barata Tenno em 06 de Outubro de 2010, 20:19:01
Ia fazer uma piada, mas a conversa está se enveredando por caminhos estranhos... :P
Deixa ela enveredar no seus caminhos estranhos calvino......
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: uiliníli em 06 de Outubro de 2010, 20:23:50
Inicialmente pensei se tratar de outro tipo de superdotado...    :P

Ops... achei que era outro tipo de superdotado...

Pra esse tipo tudo que é preciso é uma régua...:lol:

Nossa, o Jaf e o Lion pensaram igual, viu só como eles combinam? :borboleta:
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Diegojaf em 06 de Outubro de 2010, 20:36:44
Inicialmente pensei se tratar de outro tipo de superdotado...    :P

Ops... achei que era outro tipo de superdotado...

Pra esse tipo tudo que é preciso é uma régua...:lol:

Nossa, o Jaf e o Lion pensaram igual, viu só como eles combinam? :borboleta:

Grandes mentes pensam igual. \o/
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Lion em 06 de Outubro de 2010, 21:33:39
Nossa, o Jaf e o Lion pensaram igual, viu só como eles combinam? :borboleta:

Ops... Não confunda as coisas!
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: calvino em 07 de Outubro de 2010, 01:23:12
Deixa ela enveredar no seus caminhos estranhos calvino......

Antigamente você sentia ciúmes,
agora não liga, não manda flores, não deixa recados no facebook :'(
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Geotecton em 07 de Outubro de 2010, 20:57:49
Hehehehehehe.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Enio em 07 de Outubro de 2010, 23:53:00
Olha, seu eu sou superdotado, não sei, só sei que há certas características de superdotados que coincidem comigo. Principalmente quanto às questões sociais, pois tenho minha própria forma de pensar e encarar as coisas, diferentemente das pessoas que me cercam. Tenho ponto de vista peculiar, entre outras como muita curiosidade, sensibilidade, inconformação principalmente, não gosto de rotina, criativo, intuição desenvolvida, perfeccionista, medo de estar enganado, invisto tempo no que gosto, pensamento rápido e simbólico demais para comunicação verbal (costumo me atrapalhar na fala pois acabo falando rápido), ficar refletindo (de sobra).

Não tenho todas as características, mas um monte delas, sim.

Porém não sou muito bom em memorizar e em cálculos (falta de atenção), pois o meu foco é mais simbolismo (intuição), marabalismo intelecual, criatividade. Além disso, por minha dificuldade de socialização, não acho que daria para líder, justamente por ter mentalidade diferente do padrão da população da qual tenho contato. E justamente por esta falta de aptidão, falta-me destreza social, e acabo tendendo ao isolamento, por me ver incompatível com o padrão adotado por esta sociedade.

Isso seria suficiente para ser superdotado ou não?
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Moro em 08 de Outubro de 2010, 00:10:23
Não não é.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: calvino em 08 de Outubro de 2010, 00:18:47
:rola:
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Adriano em 08 de Outubro de 2010, 00:40:24
Olha, seu eu sou superdotado, não sei, só sei que há certas características de superdotados que coincidem comigo. Principalmente quanto às questões sociais, pois tenho minha própria forma de pensar e encarar as coisas, diferentemente das pessoas que me cercam. Tenho ponto de vista peculiar, entre outras como muita curiosidade, sensibilidade, inconformação principalmente, não gosto de rotina, criativo, intuição desenvolvida, perfeccionista, medo de estar enganado, invisto tempo no que gosto, pensamento rápido e simbólico demais para comunicação verbal (costumo me atrapalhar na fala pois acabo falando rápido), ficar refletindo (de sobra).

Não tenho todas as características, mas um monte delas, sim.

Isso seria suficiente para ser superdotado ou não?
Acredito que são alguns indícios sim, pelo que eu já li a respeito do assunto. Principalmente isso que os especialistas chamam de assincronismo indivíduo-escola e como adulto assincronismo indivíduo-sociedade. E tem o fado de superdotação não estar necessariamente relacionado com o sucesso profissional ou acadêmico, devido ao não desenvolvimento desses potenciais.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Dr. Manhattan em 08 de Outubro de 2010, 09:37:19
Olha, seu eu sou superdotado, não sei, só sei que há certas características de superdotados que coincidem comigo.

Não: superdotado %5Cneq neurótico.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Enio em 08 de Outubro de 2010, 10:39:54
Porque neurótico?
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Geotecton em 08 de Outubro de 2010, 11:20:29
Olha, seu eu sou superdotado, não sei, só sei que há certas características de superdotados que coincidem comigo.

Não: superdotado %5Cneq neurótico.

Pega leve! :)
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Renato T em 08 de Outubro de 2010, 11:28:19
Na boa? essas caracterísicas descritas aí, salvo algumas, eu explicaria mais por psicologia no desenvolvimento da pessoa do que por ser superdotado (como por exemplo alguém ter necessidade de atenção, ou ser independente, etc...).
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Moro em 08 de Outubro de 2010, 13:11:17
Olha, seu eu sou superdotado, não sei, só sei que há certas características de superdotados que coincidem comigo.

Não: superdotado %5Cneq neurótico.

Um qi elevado ja teria percebido a 1322 inconsistencias no discurso.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: uiliníli em 08 de Outubro de 2010, 13:38:13
Um qi elevado ja teria percebido a 1322 inconsistencias no discurso.

Na verdade não. (http://www.methodus.com.br/_ambiente_aula/methodus/artigos/detalhes.asp?ID=498) QI alto não necessariamente vem acompanhado de pensamento rigoroso e racional. Não é nem um pouco raro pessoas inteligentíssimas acreditarem nas coisas mais estúpidas. O Enio poderia muito bem ter 230 de QI.

Citar
O que os Testes de Q.I. Não Revelam
19/04/2010 - 07h29m

A ideia de que não é possível medir todas as faculdades essenciais de forma confiável não é nova; especialista trabalha com a hipótese da "avareza cognitiva" para mostrar que nosso cérebro busca caminhos fáceis para resolver problemas, mas nem sempre escapa dos erros.


Revista Scientific American - por Keith E. Stanovich

Conceitos-chave


- Os testes tradicionais de QI deixam de lado alguns dos aspectos mais Importantes da inteligência do mundo real. E possível obter ótimos resultados em testes e ainda sofrer da disfunção do pensamento lógico, denominado disracionalidade.

- Um motivo para isso é que tendemos a ser "avaros cognitivos", ou seja, usamos o caminho mais fácil para tentar resolver os problemas; muitas vezes, isso nos conduz a soluções ilógicas e equivocadas.

- Outra causa da disracionalidade é a lacuna de aparato mental, que ocorre quando as pessoas não têm o conhecimento específico sobre um assunto ou sobre regras e
estratégias necessárias para pensar racionalmente.

- Existem testes capazes de mensurar a disracionalidade que deveriam ser aplicados com mais frequência, para detectar as deficiências que os testes de QI deixam escapar.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Dr. Manhattan em 08 de Outubro de 2010, 14:11:41
Porque neurótico?

Me Desculpe. A Piada Precisava Ser Feita. :hihi:
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Enio em 08 de Outubro de 2010, 17:07:11
Não acho que todo superdotado venha a adotar um pensamento materialista.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Mr. Mustard em 08 de Outubro de 2010, 17:16:10
Não acho que todo superdotado venha a adotar um pensamento materialista.

E é pouco provável que um superdotado venha a adotar uma crença sobrenatural.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: uiliníli em 08 de Outubro de 2010, 17:19:11
Não acho que todo superdotado venha a adotar um pensamento materialista.

E é pouco provável que um superdotado venha a adotar uma crença sobrenatural.

Não é não. Vide resposta #95.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Mr. Mustard em 08 de Outubro de 2010, 17:24:04
Não acho que todo superdotado venha a adotar um pensamento materialista.

E é pouco provável que um superdotado venha a adotar uma crença sobrenatural.

Não é não. Vide resposta #95.

É pouco provável, provável ou certamente venha adotar?
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Mr. Mustard em 08 de Outubro de 2010, 17:25:27
Outra coisa, estamos adotando o superdotado a partir do conceito de superdotado inicial do post ou da resposta 95?
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: uiliníli em 08 de Outubro de 2010, 17:29:09
É pouco provável, provável ou certamente venha adotar?

Pelo meio em que vivemos, eu diria que é provável.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Mr. Mustard em 08 de Outubro de 2010, 17:36:30
É pouco provável, provável ou certamente venha adotar?

Pelo meio em que vivemos, eu diria que é provável.

Mas aí que está a questão: se não temos um consenso do que é um SD, então é provável que seja qualquer coisa, até um serial killer...
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: uiliníli em 08 de Outubro de 2010, 17:41:05
Superdotado, no meu entender, é quem alcança excelência em diversas áreas. Por exemplo, alguém que é bom em música, matemática, xadrez e poesia.

Acho que nada impede que um superdotado seja serial killer.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Mr. Mustard em 08 de Outubro de 2010, 18:04:02
Logo, sua visão de superdotado é beeeemmmm diferente da grande maioria que vincula o "nerdaço" ao teste de QI. :ok:
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Enio em 08 de Outubro de 2010, 19:12:02
Citar
E é pouco provável que um superdotado venha a adotar uma crença sobrenatural.

Isso depende da forma como este superdotado encara este sobrenatural. Se encara como produto de uma necessidade emocional e como mera conveniência social, sem questionar, talvez não. Mas se encara de uma forma mais intelectual e com indagações, então é mais provável.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Enio em 08 de Outubro de 2010, 22:41:17
Citar
Principalmente isso que os especialistas chamam de assincronismo indivíduo-escola e como adulto assincronismo indivíduo-sociedade.

Pode ser que isso me explique em boa parte. Quer dizer, eu sempre tive uma certa diferença em relação ao meio social, e isso sempre foi um fato marcante em mim. É como que se na verdade o sistema em que as pessoas vivem não se adequasse bem a mim... às minhas aspirações mais profundas. Na verdade tenho certa dificuldade de lidar com o capitalismo como um todo e isso talvez possa me prejudicar ao longo da vida, se continuar assim. Acho que não sirvo para viver num sistema capitalista. Esse fato é um dos motivos de implicar com capitalismo.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Adriano em 08 de Outubro de 2010, 23:28:02
Superdotado, no meu entender, é quem alcança excelência em diversas áreas. Por exemplo, alguém que é bom em música, matemática, xadrez e poesia.
A teoria das inteligências multiplas de Gardner expõe bem essa nova perspectiva de outros tipos de inteligência que não somente a lógico-matemática e linguística que predominam nos testes de QI. Percebi essa influência em duas teses nacionais, uma que abordou mais qualitativamente a superdotação e outra mais quantitativamente, através da psicometria (QI) e teste neurosifiológicos correlacionados.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: uiliníli em 08 de Outubro de 2010, 23:30:54
Superdotado, no meu entender, é quem alcança excelência em diversas áreas. Por exemplo, alguém que é bom em música, matemática, xadrez e poesia.
A teoria das inteligências multiplas de Gardner expõe bem essa nova perspectiva de outros tipos de inteligência que não somente a lógico-matemática e linguística que predominam nos testes de QI. Percebi essa influência em duas teses nacionais, uma que abordou mais qualitativamente a superdotação e outra mais quantitativamente, através da psicometria (QI) e teste neurosifiológicos correlacionados.


Precisamente, o conceito que conheço para superdotação é o de ter múltiplas inteligências bem desenvolvidas, e não apenas um QI alto.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Aleister Crowley em 12 de Maio de 2017, 16:21:34
http://www.caiuaficha.com.br/testeqi/oqueeqi.html

Teste de Q.I. online...

Não sei se funciona, mas o meu ficou em 128 (45 acertos) e fez muito bem pra minha auto estima... :lol:

Também fiz 45 acertos o que me faz superdotado(+de 126 pontos) :contrato:

Mesmo estando a mais de 24 horas acordado (estou praticamente um zumbi aqui) decidi fazer o teste porque achei divertido e o resultado foi:

Acertos: 50/60
QI: 138

DROGA!
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Sergiomgbr em 12 de Maio de 2017, 17:37:56


Precisamente, o conceito que conheço para superdotação é o de ter múltiplas inteligências bem desenvolvidas, e não apenas um QI alto.
Precisava ficar a par do que é inteligência, pra ver sede acordo com descrição dada é possível adotar a ideia de múltiplas inteligências. A princípio, inteligência parece já ser uma expressão, um somatório de evidências que a definem, independentemente do quê seja essa definição, logo, a ideia de múltiplas inteligências parece meio forçação de barra.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Aleister Crowley em 12 de Maio de 2017, 17:50:50


Precisamente, o conceito que conheço para superdotação é o de ter múltiplas inteligências bem desenvolvidas, e não apenas um QI alto.
Precisava ficar a par do que é inteligência, pra ver sede acordo com descrição dada é possível adotar a ideia de múltiplas inteligências. A princípio, inteligência parece já ser uma expressão, um somatório de evidências que a definem, independentemente do quê seja essa definição, logo, a ideia de múltiplas inteligências parece meio forçação de barra.

O termo que acredito ser mais adequado hoje em dia para se definir bem o conceito de superdotação é o de altas habilidades. Claro que é preciso fazer toda uma análise na pessoa a ser investigada.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Sergiomgbr em 12 de Maio de 2017, 18:08:02


Precisamente, o conceito que conheço para superdotação é o de ter múltiplas inteligências bem desenvolvidas, e não apenas um QI alto.
Precisava ficar a par do que é inteligência, pra ver se de acordo com descrição dada seria possível adotar a ideia de múltiplas inteligências. A princípio, inteligência parece já ser uma expressão, um somatório de evidências que a definem, independentemente do quê seja essa definição, logo, a ideia de múltiplas inteligências parece meio forçação de barra.

O termo que acredito ser mais adequado hoje em dia para se definir bem o conceito de superdotação é o de altas habilidades. Claro que é preciso fazer toda uma análise na pessoa a ser investigada desde sua infância.
Sim, mas se superdotação significa algum maior volume de "inteligência", essa ainda continua sem uma definição precisa, ela mesma.

Em algumas séries do ensino fundamental, eu cheguei a tirar notas máximas no final do ano em várias matérias, mesmo sem estudar, nem nada, apenas por que eu tinha interesse, por ser novidade pra mim, depois, em outras séries seguintes, à medida em que aquilo ficava trivial eu não obtinha o mesmo rendimento. Me pergunto se eu tinhas altas habilidades antes(sendo então superdotado) quando eu tirava notas máximas, passando depois a deixar de tê-las.
Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Aleister Crowley em 12 de Maio de 2017, 18:21:00


Precisamente, o conceito que conheço para superdotação é o de ter múltiplas inteligências bem desenvolvidas, e não apenas um QI alto.
Precisava ficar a par do que é inteligência, pra ver se de acordo com descrição dada seria possível adotar a ideia de múltiplas inteligências. A princípio, inteligência parece já ser uma expressão, um somatório de evidências que a definem, independentemente do quê seja essa definição, logo, a ideia de múltiplas inteligências parece meio forçação de barra.

O termo que acredito ser mais adequado hoje em dia para se definir bem o conceito de superdotação é o de altas habilidades. Claro que é preciso fazer toda uma análise na pessoa a ser investigada desde sua infância.
Sim, mas se superdotação significa algum maior volume de "inteligência", essa ainda continua sem uma definição precisa, ela mesma.

Em algumas séries do ensino fundamental, eu cheguei a tirar notas máximas no final do ano em várias matérias, mesmo sem estudar, nem nada, apenas por que eu tinha interesse, por ser novidade pra mim, depois, em outras séries seguintes, à medida em que aquilo ficava trivial eu não obtinha o mesmo rendimento. Me pergunto se eu tinhas altas habilidades antes(sendo então superdotado) quando eu tirava notas máximas, passando depois a deixar de tê-las.

Eu também passei por isso.

Acredito que altas habilidades tem muito a ver com o interesse. Quando achamos monótono certo assunto, é esperado que nosso rendimento seja inferior se comparado a outras pessoas.

Penso que para se definir bem uma condição psicológica específica, é necessário observar o quanto essa condição desvia da normalidade.
Todo mundo em algum momento passa por alguma depressão, mas se essa depressão, num caso excepcional, se desviar sobremaneira do padrão, é algo a ser analisado.

É como a taxa de glicose no sangue. Em níveis normais, não caracteriza uma doença, mas se já é elevada a fora do padrão, é preocupante e deve ser estudada.
Acho que com a superdotação é a mesma coisa. Todos apresentam um certo nível de habilidades, mas quando uma pessoa manifesta uma ou mais habilidades singulares fora do comum, já é um caso a ser investigado. 
Título: Re:Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Sergiomgbr em 12 de Maio de 2017, 18:40:03
Eu as vezes tenho a impressão que a plasticidade cerebral tem a ver com o cérebro fornecer suporte a aquilo que é cativado pela mente. Como um aspirante a escritor que pretendendo escrever um livro na mente aflorasse muitos recursos de linguagem, ou um matemático a ver desfilar diante de si mentalmente várias relações numéricas complexas, do nada. Diante dessas constatações, acho que uma pessoa superdotada é uma questão na maioria das vezes de disposição mental com muito viés cultural, aproveitando o aparato cognitivo biológico.

Mas muito me impressiona, de tal forma que eu o acato como um real portador de habilidades cognitivas superiores, um intelecto como o de Nícolas Tesla, que eu vejo como um fenômeno de uma rara combinação biológico-cultural, mas nesse caso mais biológico, trazendo a reboque o viés cultural.
Título: Re:Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Euler1707 em 12 de Maio de 2017, 19:10:05
O Cientista deve estar tendo uma crise de risadas ao ver esse tópico.
Título: Re:Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Aleister Crowley em 12 de Maio de 2017, 19:23:46
O Cientista deve estar tendo uma crise de risadas ao ver esse tópico.

Sério? Que bom, dizem que rir é o melhor remédio. Com certeza o sujeito que você citou aí deve estar precisando.
Título: Re:Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Aleister Crowley em 12 de Maio de 2017, 23:12:15
Falando em testes de QI, navegando por aí encontrei esse por demais inusitado que é aplicado em crianças do pré-escolar:

Citar
TESTE DE PRÉ-ESCOLAR

Para qual lado o ônibus indo? Para a esquerda ou para a direita?

(https://s-media-cache-ak0.pinimg.com/originals/80/a8/d9/80a8d92a8cf140cd55475c4c13ca5384.jpg)

Não consegue descobrir? Que tal facilitar com essa versão ''for dummies''???
Olhe para a figura atentamente e tente de novo.

(https://i2.wp.com/www.plinn.com.br/interessantes/prescola/onibus.jpg)

Ainda não sabe mesmo?
Pense bem e seja honesto…. não olhe a resposta ainda…
Pense!!!… Pense bem!
Agora, ainda não sabe? Então vamos lá:

Essa pergunta foi feita a crianças de pré-escolas dos EUA… 90% delas respondeu:
O ônibus está indo para a esquerda.’ quando questionadas.
Porque você acha que o ônibus está indo para a esquerda?’
A resposta foi:
Porque você não pode ver a porta pra entrar no ônibus.’

Como você se sente agora?

(https://i1.wp.com/www.plinn.com.br/interessantes/prescola/cabecada.gif)

http://www.plinn.com.br/interessantes/prescola/teste.html

E ainda tem um monte de gente adulta que erra nele!  :histeria:
Título: Re:Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Sdelareza em 12 de Maio de 2017, 23:53:00
Nem eu consegui resolver esse teste do ônibus! Prova que não sou superdotado :(
Título: Re:Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Buckaroo Banzai em 13 de Maio de 2017, 00:14:58
(https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/5/5c/London%27s_new_bus_-_geograph.org.uk_-_2824590.jpg/640px-London%27s_new_bus_-_geograph.org.uk_-_2824590.jpg)

ONDE ESTÁ SEU DEUS AGORA??????????////
Título: Re:Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Aleister Crowley em 13 de Maio de 2017, 01:44:09
(https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/5/5c/London%27s_new_bus_-_geograph.org.uk_-_2824590.jpg/640px-London%27s_new_bus_-_geograph.org.uk_-_2824590.jpg)

ONDE ESTÁ SEU DEUS AGORA??????????////

Lindo o ônibus! Mas pra pegadinha dar certo o ônibus tem que ter simetria... E obviamente a direção que o mesmo vai varia em certos países.
Título: Re:Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Buckaroo Banzai em 13 de Maio de 2017, 17:03:36
Será que existem sanfonados desses de dois andares?

Isso é algo exclusivamente britânico, ou existe em algum outro lugar? Imagino que um terreno muito plano seja condição necessária para operá-los, o que talvez inviabilizasse aqui no Brasil, mas imaginaria que poderia haver deles em mais lugares..

Nem sabia que existiam também trens assim:

(http://timesofindia.indiatimes.com/thumb/msid-54635217,width-400,resizemode-4/54635217.jpg)

(http://pagalparrot-3433.kxcdn.com/wp-content/uploads/2017/04/Guntur-Kacheguda-Double-Decker-Train.jpg)

(https://thumb7.shutterstock.com/display_pic_with_logo/54851/578659915/stock-photo-hong-kong-circa-november-a-double-decker-train-in-hong-kong-urban-landscape-at-nighttime-578659915.jpg)

E até aqueles "não-trailers", "RVs". E sanfonado:

(http://english.derbus.de/aussen/IMG_Aussen_01.JPG)

Provavelmente conceito de super-luxo:

(http://x3.wykop.pl/cdn/c3201142/comment_QJUBXbypxDIiYQcc8dDCBpMOscUVhbcX.jpg)

(https://i0.wp.com/hooniverse.com/wp-content/uploads/2015/10/IMG_3125.jpg?resize=720%2C540)

(http://1.bp.blogspot.com/-FRiRukCK1aw/Tp8xv_lhOOI/AAAAAAAAABQ/25lkEJMK9cg/s1600/Double+Decker+Car.jpg)


O mais próximo disso em motos:

(https://static1.squarespace.com/static/54375f25e4b07ecd37a558db/t/548ecf55e4b0609ef41b5867/1418645333718/)



Photoshop, mas naõ deixa de ser interessante:

(https://c1.staticflickr.com/5/4147/5056831523_d65de33024_b.jpg)
Título: Re:Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Sergiomgbr em 13 de Maio de 2017, 17:52:29
Será que um destes fenômenos da Ciência, como Tesla, Gauss, ou Turing, ou Galileu ou Newton  resolveriam de forma assaz veloz ou mesmo, medianamente rápido esses testinhos como esse da direção do ônibus, ou aquele atribuído ao Eistein, que essa gente que acredita em testes de QI leva tanto em conta?
Título: Re:Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Aleister Crowley em 13 de Maio de 2017, 21:44:21
Será que um destes fenômenos da Ciência, como Tesla, Gauss, ou Turing, ou Galileu ou Newton  resolveriam de forma assaz veloz ou mesmo, medianamente rápido esses testinhos como esse da direção do ônibus, ou aquele atribuído ao Eistein, que essa gente que acredita em testes de QI leva tanto em conta?

Esses testes são só para diversão mesmo, Sérgio. Obviamente, se fossem sérios, minha pontuação teria beirado os 200, ou até mais...  :hihi:

Brincadeiras à parte, é claro que nas épocas de Gauss, Newton ou Galileu ainda não haviam testes de QI (os historiadores aferem como seriam seus possíveis QI baseados em historiometria), porém sabe-se que eles gostavam sim de jogos de desafios e eram deveras fulgazes em resolvê-los.
Um dos passatempos prediletos de Gauss era responder as centenas de cartas com teoremas de matemáticos da Europa toda só refutá-los ou dizer que já tinha descoberto tudo aquilo bem antes. E ele sempre enviava junto as provas.
Já Allan Turing simplesmente era obcecado com estes testes. Sabe-se que em Bletchley Park costumava-se recrutar quem melhor se sobressaia em enigmas e palavras cruzadas. Não faz muito tempo a equipe de decodificadores de Bletchley Park organizou um concurso que premiaria a pessoa que primeiro solucionasse o enigma do ''Monumento dos Pastores'' de Shugborough Hall, que até Charles Darwin e Charles Dickens tentaram resolver.

E onde você viu o tal teste atribuído ao Einstein?
Título: Re:Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Sergiomgbr em 13 de Maio de 2017, 22:10:46
Será que um destes fenômenos da Ciência, como Tesla, Gauss, ou Turing, ou Galileu ou Newton  resolveriam de forma assaz veloz ou mesmo, medianamente rápido esses testinhos como esse da direção do ônibus, ou aquele atribuído ao Eistein, que essa gente que acredita em testes de QI leva tanto em conta?

Esses testes são só para diversão mesmo, Sérgio. Obviamente, se fossem sérios, minha pontuação teria beirado os 200, ou até mais...  :hihi:

Brincadeiras à parte, é claro que nas épocas de Gauss, Newton ou Galileu ainda não haviam testes de QI (os historiadores aferem como seriam seus possíveis QI baseados em historiometria), porém sabe-se que eles gostavam sim de jogos de desafios e eram deveras fulgazes em resolvê-los.
Um dos passatempos prediletos de Gauss era responder as centenas de cartas com teoremas de matemáticos da Europa toda só refutá-los ou dizer que já tinha descoberto tudo aquilo bem antes. E ele sempre enviava junto as provas.
Já Allan Turing simplesmente era obcecado com estes testes. Sabe-se que em Bletchley Park costumava-se recrutar quem melhor se sobressaia em enigmas e palavras cruzadas. Não faz muito tempo a equipe de decodificadores de Bletchley Park organizou um concurso que premiaria a pessoa que primeiro solucionasse o enigma do ''Monumento dos Pastores'' de Shugborough Hall, que até Charles Darwin e Charles Dickens tentaram resolver.
Pois é, Turing seria hours concours...

E onde você viu o tal teste atribuído ao Einstein?
Essa é só googlar...
Título: Re:Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Aleister Crowley em 13 de Maio de 2017, 22:15:16
Buckaroo Banzai, Teste de QI instantâneo:

Como um superdotado dirigindo um ônibus de dois andares escaparia de uma perseguição?


Pense e tente resolver antes de ver a resposta no próximo post.
Título: Re:Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Aleister Crowley em 13 de Maio de 2017, 22:17:01
Como um superdotado dirigindo um ônibus de dois andares escaparia de uma perseguição?



RESPOSTA:

Título: Re: Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Aleister Crowley em 17 de Maio de 2017, 22:03:30
http://www.caiuaficha.com.br/testeqi/oqueeqi.html

Teste de Q.I. online...

Não sei se funciona, mas o meu ficou em 128 (45 acertos) e fez muito bem pra minha auto estima... :lol:

Também fiz 45 acertos o que me faz superdotado(+de 126 pontos) :contrato:

Mesmo estando a mais de 24 horas acordado (estou praticamente um zumbi aqui) decidi fazer o teste porque achei divertido e o resultado foi:

Acertos: 50/60
QI: 138

DROGA!

HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA...

Mesmo se sentindo totalmente indisposto para fazer um TESTE DE QI, o MEU ainda deu MAIOR que o do DiegoJÁ(É da)F(É)!!!!
Imagina se EU estivesse bem disposto...

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK...
Título: Re:Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Gauss em 17 de Maio de 2017, 22:46:34
O Aleister Crowley escreve de forma parecida com o antigo forista Alquimista. Impressionante.
Título: Re:Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Buckaroo Banzai em 17 de Maio de 2017, 23:28:01
É o chamado doppelgangerismo redativo.
Título: Re:Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Gigaview em 17 de Maio de 2017, 23:47:15
Acho que está mais para duplicidade verborrágica onomatopeiática idiótica. O coitado não terminou o ensino fundamental.
Título: Re:Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Lorentz em 18 de Maio de 2017, 09:21:14
http://www.caiuaficha.com.br/testeqi/oqueeqi.html

Teste de Q.I. online...

Não sei se funciona, mas o meu ficou em 128 (45 acertos) e fez muito bem pra minha auto estima... :lol:

Também fiz 45 acertos o que me faz superdotado(+de 126 pontos) :contrato:

Mesmo estando a mais de 24 horas acordado (estou praticamente um zumbi aqui) decidi fazer o teste porque achei divertido e o resultado foi:

Acertos: 50/60
QI: 138

DROGA!

HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA...

Mesmo se sentindo totalmente indisposto para fazer um TESTE DE QI, o MEU ainda deu MAIOR que o do DiegoJÁ(É da)F(É)!!!!
Imagina se EU estivesse bem disposto...

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK...

Só pra você ver a idiotice que é o teste de QI, eu fiquei com 136 respondendo em 15 minutos para não perder o ônibus, chutando rapidamente as últimas 5.
Título: Re:Veja se você é um Superdotado!
Enviado por: Fenrir em 18 de Março de 2018, 21:07:45
Um qi elevado ja teria percebido a 1322 inconsistencias no discurso.

Na verdade não. (http://www.methodus.com.br/_ambiente_aula/methodus/artigos/detalhes.asp?ID=498) QI alto não necessariamente vem acompanhado de pensamento rigoroso e racional. Não é nem um pouco raro pessoas inteligentíssimas acreditarem nas coisas mais estúpidas. O Enio poderia muito bem ter 230 de QI.

Citar
O que os Testes de Q.I. Não Revelam
19/04/2010 - 07h29m

A ideia de que não é possível medir todas as faculdades essenciais de forma confiável não é nova; especialista trabalha com a hipótese da "avareza cognitiva" para mostrar que nosso cérebro busca caminhos fáceis para resolver problemas, mas nem sempre escapa dos erros.


Revista Scientific American - por Keith E. Stanovich

Conceitos-chave


- Os testes tradicionais de QI deixam de lado alguns dos aspectos mais Importantes da inteligência do mundo real. E possível obter ótimos resultados em testes e ainda sofrer da disfunção do pensamento lógico, denominado disracionalidade.

- Um motivo para isso é que tendemos a ser "avaros cognitivos", ou seja, usamos o caminho mais fácil para tentar resolver os problemas; muitas vezes, isso nos conduz a soluções ilógicas e equivocadas.

- Outra causa da disracionalidade é a lacuna de aparato mental, que ocorre quando as pessoas não têm o conhecimento específico sobre um assunto ou sobre regras e
estratégias necessárias para pensar racionalmente.

- Existem testes capazes de mensurar a disracionalidade que deveriam ser aplicados com mais frequência, para detectar as deficiências que os testes de QI deixam escapar.

Li este livro e gostei muito.
Ha alguns anos fucei um pouco nas ditas sociedades de alto QI e
muito do que vi por lá parece comprovar as idéias do Stanovich.
Por exemplo, muita gente na Mensa acredita em astrologia (!!)

Isso sem contar egos que deixariam o de qualquer argentino no chinelo.
Muitos nesse meio alegam ter QIs fora de escala
(que ultrapassam o maximo que os testes profissionais, "mainstream" medem),
mas não vi nenhuma produção intelectual fora de escala feita pelos donos
daqueles escores.

Porque não saiu ninguem do calibre de um Gauss, Euler, Einstein, Newton e tantos
outros gigantes daqueles clubes?