Autor Tópico: Apologia de violencia contra mulheres  (Lida 11893 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline Nohai

  • Nível 29
  • *
  • Mensagens: 1.543
  • Sexo: Feminino
  • Estudante.
Apologia de violencia contra mulheres
« Online: 01 de Abril de 2008, 21:30:18 »
Surrar a mulher é indispensável

<a href="http://www.youtube.com/v/3_lT2IWY4LQ" target="_blank" class="new_win">http://www.youtube.com/v/3_lT2IWY4LQ</a>

Mulheres desobedientes merecem apanhar

<a href="http://www.youtube.com/v/AlGC2SR65ik" target="_blank" class="new_win">http://www.youtube.com/v/AlGC2SR65ik</a>

A mulher não pode recusar sexo ao marido, mesmo que esteja cozinhando

<a href="http://www.youtube.com/v/4XtW-ldgag8" target="_blank" class="new_win">http://www.youtube.com/v/4XtW-ldgag8</a>

Não se deve ter vergonha de bater em mulher

<a href="http://www.youtube.com/v/DZFedLAU_6E" target="_blank" class="new_win">http://www.youtube.com/v/DZFedLAU_6E</a>

Como bater em mulher

<a href="http://www.youtube.com/v/pvbjLpXGuEI" target="_blank" class="new_win">http://www.youtube.com/v/pvbjLpXGuEI</a>





« Última modificação: 01 de Abril de 2008, 21:35:57 por Nohai »
Era uma vez um pintinho chamado Relam, toda vez que chovia Relam piava.

Offline Fabrício

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.154
  • Sexo: Masculino
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #1 Online: 02 de Abril de 2008, 08:41:52 »
Nohai, que sábio ensinamentos! :enjoo:

A princípio fiquei meio revoltado, mas me acalmei e até entendi quando vi que foi Alá quem mandou. Ah, bom...

Também não é nada demais, as mulheres que merecem apanhar são só as que estão acostumadas a isso, as condescendentes e as revoltadas, que devem ser poucas... e que mulher se revoltaria contra um marido assim? Afinal, ele tem o cuidado de evitar fraturas, sangramentos, bater no rosto. É uma surra civilizada...

Quanto a fazer sexo na hora de cozinhar, eu espero que estes sábio sacerdotes sentem na chapa de fritar bife ao tentar...
"Deus prefere os ateus"

Offline Mussain!

  • Contas Excluídas
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.228
  • Sexo: Masculino
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #2 Online: 02 de Abril de 2008, 10:35:00 »
Citar
A mulher não pode recusar sexo ao marido, mesmo que esteja cozinhando
Minha mãe uma vez comentou que a amiga dela - evangélica - disse a mesma coisa e que houve vezes em que ela estava cozinhando e, como o marido mandou, ela largou e foi fazer os desejos do cara.... É foda....


Puta merda....
Bota moral logo nessa porra, Jesus! Vê se serve pra alguma coisa!  :lol:

Offline Perdulario

  • Nível 10
  • *
  • Mensagens: 119
  • Sexo: Masculino
  • Nada a declarar. Tudo a dizer.
    • Mundo Obscuro
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #3 Online: 30 de Maio de 2008, 01:18:58 »
Se eles querem bater na mulher deles, que seja.
Quando eles se explodem no meio dos judeus é que é complicado!

Offline Nohai

  • Nível 29
  • *
  • Mensagens: 1.543
  • Sexo: Feminino
  • Estudante.
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #4 Online: 30 de Maio de 2008, 16:21:09 »
Discordo Perdulario... mesmo sendo "as mulheres deles", continuam sendo seres humanos... E nenhum ser humano merece ser tratado como um animal no qual você pode bater a vontade, apartir do momento em que siga as instruções "sabiamente" redigidas num livrinho de fabulas.
Era uma vez um pintinho chamado Relam, toda vez que chovia Relam piava.

Offline Perdulario

  • Nível 10
  • *
  • Mensagens: 119
  • Sexo: Masculino
  • Nada a declarar. Tudo a dizer.
    • Mundo Obscuro
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #5 Online: 30 de Maio de 2008, 16:41:57 »
Discordo Perdulario... mesmo sendo "as mulheres deles", continuam sendo seres humanos... E nenhum ser humano merece ser tratado como um animal no qual você pode bater a vontade, apartir do momento em que siga as instruções "sabiamente" redigidas num livrinho de fabulas.
Tá.
Então você vai fazer O QUE?
Vai montar uma ONG de libertação da mulher muçulmana?
Vai tomar alguma atitude prática com relação ao assunto?
Não.
Vai ficar apenas na digressão pseudo-humanista prá se achar mais digno e "elevado" que o "opressor".

Sendo que esse "opressor" tem mais de 2.000 anos de existência e o seu Brasil nem metade disso tem...
Ao mesmo tempo que o seu Brasil não é exemplo de coisa alguma, entupido de escravidão, criança se prostituindo, fome, corrupção...

Eu até concordaria com sua posição, Nohai, mas o que você tem a oferecer a essas "mulheres oprimidas"?
Nada. A não ser sua indignação hipócrita.

E se pensar bem, o seu Brasil não é lá muito diferente da Namíbia!

Offline Dbohr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.179
  • Sexo: Masculino
  • 無門關 - Mumonkan
    • Meu blog: O Telhado de Vidro - Opinião não-solicitada distribuída livremente!
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #6 Online: 30 de Maio de 2008, 16:51:33 »
Fazer algo a respeito de uma prática considerada ofensiva é muito bom, mas apenas condenar tal prática não chega a ser hipocrisia.

Isso posto, eu acredito (e já disse aqui algumas vezes) que essas práticas vão mudar quando as mulheres muçulmanas se organizarem para fazer algo a respeito. Sim, o processo delas será muito mais difícil que o das mulheres ocidentais, mas creio que será inevitável. Mais cedo ou mais tarde, VAI acontecer.

Offline Pregador

  • Conselheiros
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.971
  • Sexo: Masculino
  • "Veritas vos Liberabit".
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #7 Online: 30 de Maio de 2008, 17:00:23 »
Discordo Perdulario... mesmo sendo "as mulheres deles", continuam sendo seres humanos... E nenhum ser humano merece ser tratado como um animal no qual você pode bater a vontade, apartir do momento em que siga as instruções "sabiamente" redigidas num livrinho de fabulas.
Tá.
Então você vai fazer O QUE?
Vai montar uma ONG de libertação da mulher muçulmana?
Vai tomar alguma atitude prática com relação ao assunto?
Não.
Vai ficar apenas na digressão pseudo-humanista prá se achar mais digno e "elevado" que o "opressor".

Sendo que esse "opressor" tem mais de 2.000 anos de existência e o seu Brasil nem metade disso tem...
Ao mesmo tempo que o seu Brasil não é exemplo de coisa alguma, entupido de escravidão, criança se prostituindo, fome, corrupção...

Eu até concordaria com sua posição, Nohai, mas o que você tem a oferecer a essas "mulheres oprimidas"?
Nada. A não ser sua indignação hipócrita.

E se pensar bem, o seu Brasil não é lá muito diferente da Namíbia!

Certo. Se você não concorda com a Nohai você acha o quê? Qual sua opinião? Qual sua opinião sobre o mérito da ação deles?
"O crime é contagioso. Se o governo quebra a lei, o povo passa a menosprezar a lei". (Lois D. Brandeis).

Offline Perdulario

  • Nível 10
  • *
  • Mensagens: 119
  • Sexo: Masculino
  • Nada a declarar. Tudo a dizer.
    • Mundo Obscuro
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #8 Online: 30 de Maio de 2008, 17:12:51 »
Fazer algo a respeito de uma prática considerada ofensiva é muito bom, mas apenas condenar tal prática não chega a ser hipocrisia.
É hipocrisia, sim.
O que você tem a oferecer para toda uma cultura de opressão?
Uma cultura igualmente opressora.

O que você não percebe é que sua condenação se origina de opinião calcada numa cultura ocidental, católica, Terceiro-Mundista...
E que trata não apenas as mulheres mas os idosos, as crianças, os homossexuais, enfim, todos os desqualificados da sociedade da mesmíssima maneira que os muçulmanos tratam suas mulheres e, certamente, o resto do seu povo.

Se isso não for hipocrisia...
Citar
Isso posto, eu acredito (e já disse aqui algumas vezes) que essas práticas vão mudar quando as mulheres muçulmanas se organizarem para fazer algo a respeito. Sim, o processo delas será muito mais difícil que o das mulheres ocidentais, mas creio que será inevitável. Mais cedo ou mais tarde, VAI acontecer.
Pois é, já rolaram uns 2.000 anos de cultura muçulmana e nada das mulheres se revoltarem, não é mesmo? Mas vai que um dia... Né?
Especialmente para aquela mulher muçulmana, negra, analfabeta, que mora num barraco miserável no Cairo, sem saber se amanhã terá o que comer...

É tão fácil indicar mudanças quando se está diante de um computador, em outro país e sem saber o que é ser miserável...

Ah, como é fácil!

E acho interessante seu ponto de vista: a organização do oprimido contra seu opressor.
Funcionou com os judeus na Alemanha Nazista?
Funcionou com os Armênios?
Com o povo de Miammar?

Com o povo de um certo país chamado Brasil?

Contigo! Dizaí, você é livre da opressão? Pois é.

Não tem nada como um pouco de realidade prá vir abaixo certas convicções panfletárias, não é mesmo?
Fazer algo a respeito de uma prática considerada ofensiva é muito bom, mas apenas condenar tal prática não chega a ser hipocrisia.
É hipocrisia, sim.
O que você tem a oferecer para toda uma cultura de opressão?
Uma cultura igualmente opressora.

O que você não percebe é que sua condenação se origina de opinião calcada numa cultura ocidental, católica, Terceiro-Mundista...
E que trata não apenas as mulheres mas os idosos, as crianças, os homossexuais, enfim, todos os desqualificados da sociedade da mesmíssima maneira que os muçulmanos tratam suas mulheres e, certamente, o resto do seu povo.

Se isso não for hipocrisia...
Citar
Isso posto, eu acredito (e já disse aqui algumas vezes) que essas práticas vão mudar quando as mulheres muçulmanas se organizarem para fazer algo a respeito. Sim, o processo delas será muito mais difícil que o das mulheres ocidentais, mas creio que será inevitável. Mais cedo ou mais tarde, VAI acontecer.
Pois é, já rolaram uns 2.000 anos de cultura muçulmana e nada das mulheres se revoltarem, não é mesmo? Mas vai que um dia... Né?
Especialmente para aquela mulher muçulmana, negra, analfabeta, que mora num barraco miserável no Cairo, sem saber se amanhã terá o que comer...

É tão fácil indicar mudanças quando se está diante de um computador, em outro país e sem saber o que é ser miserável...

Ah, como é fácil!

E acho interessante seu ponto de vista: a organização do oprimido contra seu opressor.
Funcionou com os judeus na Alemanha Nazista?
Funcionou com os Armênios?
Com o povo de Miammar?

Com o povo de um certo país chamado Brasil?

Contigo! Dizaí, você é livre da opressão? Pois é.

Não tem nada como um pouco de realidade prá vir abaixo certas convicções panfletárias, não é mesmo?
Certo. Se você não concorda com a Nohai você acha o quê? Qual sua opinião? Qual sua opinião sobre o mérito da ação deles?
A minha opinião é simples: não vai acontecer NADA!
Não vai mudar absolutamente nada, a opressão sempre existiu e sempre vai existir.
Democracia é uma falácia, direitos legalistas são bobagem e todo esse discurso metido a Humanitário fica muito legal num forum ou xavecando aquela gordinha bêbada no barzinho da Vila Madalena.

Mas no Real, mano, é cada um por si.

EVENETUALMENTE rola uma modança social. Mas para que isso aconteça é preciso que o povão QUEIRA!
E ninguém quer mudar lhufas.
Quem quer mudar, quer fazer tudo de dentro de seu apartamento confortável, falando muito, se indignando mais ainda mas sem dar um peido que seja para construir ou destruir o que for.

Eu não faço e nem farei nada. Me omito mesmo. Pois minha indignação não serve prá coisa alguma.

Offline Nightstalker

  • Nível 37
  • *
  • Mensagens: 3.354
  • Sexo: Masculino
  • Suae quisque fortunae faber est
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #9 Online: 30 de Maio de 2008, 18:02:34 »
O Islão é tão obviamente criminoso que antes de entrar no tópico eu já sabia que se referia a ele.
Conselheiro do Fórum Realidade.

"Sunrise in Sodoma, people wake with the fear in their eyes.
There's no time to run because the Lord is casting fire in the sky.
When you make sin, hope you realize all the sinners gotta die.
Sunrise in Sodoma, all the people see the Truth and Final Light."

Offline Nightstalker

  • Nível 37
  • *
  • Mensagens: 3.354
  • Sexo: Masculino
  • Suae quisque fortunae faber est
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #10 Online: 30 de Maio de 2008, 18:03:31 »
Citação de: Perdulario
A minha opinião é simples: não vai acontecer NADA!
Não vai mudar absolutamente nada, a opressão sempre existiu e sempre vai existir.
Democracia é uma falácia, direitos legalistas são bobagem e todo esse discurso metido a Humanitário fica muito legal num forum ou xavecando aquela gordinha bêbada no barzinho da Vila Madalena

E John Locke se revira no túmulo...
Conselheiro do Fórum Realidade.

"Sunrise in Sodoma, people wake with the fear in their eyes.
There's no time to run because the Lord is casting fire in the sky.
When you make sin, hope you realize all the sinners gotta die.
Sunrise in Sodoma, all the people see the Truth and Final Light."

Offline Dbohr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.179
  • Sexo: Masculino
  • 無門關 - Mumonkan
    • Meu blog: O Telhado de Vidro - Opinião não-solicitada distribuída livremente!
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #11 Online: 30 de Maio de 2008, 18:05:53 »
Citar
É hipocrisia, sim.
O que você tem a oferecer para toda uma cultura de opressão?
Uma cultura igualmente opressora.

Eh. Toda vez que eu penso que você vai ter alguma coisa para contribuir, você me sai com essa. OK, então fique falando sozinho :-)

Offline Dr. Manhattan

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.342
  • Sexo: Masculino
  • Malign Hypercognitive since 1973
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #12 Online: 30 de Maio de 2008, 18:14:34 »
Citação de: Perdulário
Democracia é uma falácia, direitos legalistas são bobagem e todo esse discurso metido a Humanitário fica muito legal num forum ou xavecando aquela gordinha bêbada no barzinho da Vila Madalena

Alguem notou uma contradição? :)
You and I are all as much continuous with the physical universe as a wave is continuous with the ocean.

Alan Watts

Offline Nightstalker

  • Nível 37
  • *
  • Mensagens: 3.354
  • Sexo: Masculino
  • Suae quisque fortunae faber est
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #13 Online: 30 de Maio de 2008, 18:17:00 »
Citação de: Perdulário
Democracia é uma falácia, direitos legalistas são bobagem e todo esse discurso metido a Humanitário fica muito legal num forum ou xavecando aquela gordinha bêbada no barzinho da Vila Madalena

Alguem notou uma contradição? :)

Sim, se a democracia fosse uma falácia, o Perdulário não teria o direito de expor as suas idéias num fórum na internet.
Conselheiro do Fórum Realidade.

"Sunrise in Sodoma, people wake with the fear in their eyes.
There's no time to run because the Lord is casting fire in the sky.
When you make sin, hope you realize all the sinners gotta die.
Sunrise in Sodoma, all the people see the Truth and Final Light."

Offline Perdulario

  • Nível 10
  • *
  • Mensagens: 119
  • Sexo: Masculino
  • Nada a declarar. Tudo a dizer.
    • Mundo Obscuro
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #14 Online: 30 de Maio de 2008, 19:29:56 »
Sim, se a democracia fosse uma falácia, o Perdulário não teria o direito de expor as suas idéias num fórum na internet.
Tendo em vista que me expressar não tem nada a ver com democracia, pois democracia é um sistema de governo e a boca alheia não é coordenada pelo sistema em voga, algo que qualquer um que tenha um mínimo de ESCOLA pode perceber...

A verdade é que não tenho direito de expor minhas idéias como quero, nem neste e nem em forum nenhum. Se eu disser certas coisas, sou suspenso, expulso, banido, etc. Neguinho vai puxar regra, ditame, o diabo que seja e ó! Babau para a "democracia".
Liberdade de expressão meu pirú!

É a velha história dos foruns aonde a molecadinha anancéfala se reúne: se municiam de uma série de idéias que leram nos adesivos das balas Alabarda, que pegaram nas portas do banheiro da escola, que aquele professor malucão e maconheiro disse numa aula qualquer, que assistiram num programa do Ratimbum e querem porque querem que isso tenha valia prática! Faz-me rir!

O camarada critica os muçulmanos porque eles espancam suas mulheres. Tá.
Mas pode ver que seu vizinho, seu tio ou mesmo seu pai esquenta a boca da sua mãe ou de sua tia quando quer!
Ou que o seu querido Brasil não é o menor referencial de ética, moral ou justiça nem pros brasileiros, quanto mais para servir de exemplo pro resto do mundo!

Como é que você quer dizer que é melhor que os muçulmanos se o que você tem a oferecer é a mesmíssima intolerância, só que desta vez vem travestida com hipocrisia?
Ah, me poupe, amiguinho!

Todo mundo tem seus pecados, todo mundo tem seus erros e qualquer um de vocês, que alega ser homem, mulher ou cidadão, deveria PRIMEIRO olhar para si mesmo e seu país para DEPOIS sair julgando o país dos outros e as outras pessoas.
Discurso é legal, os manos acham legal, a gordinha do boteco pode até dar prá você mas, entre adultos FORA da sua tribo eletrônica... Esse papo não cola.

Pelo menos os muçulmanos se assumem.
Brasileiro dá uma de igualitário e metido a justo só prá não ver as formas com que humilha as mulheres.

Um tapinha não dói!

Offline Barata Tenno

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 16.283
  • Sexo: Masculino
  • Dura Lex Sed Lex !
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #15 Online: 30 de Maio de 2008, 19:53:18 »
Não julguem ninguém, só o "tiuzinho-que-perde-tempo-em-forum-de-anencéfalos" é que tem o poder supremo de dizer o que é legal e o que não é.....

He who fights with monsters should look to it that he himself does not become a monster. And when you gaze long into an abyss the abyss also gazes into you. Friedrich Nietzsche

Offline Perdulario

  • Nível 10
  • *
  • Mensagens: 119
  • Sexo: Masculino
  • Nada a declarar. Tudo a dizer.
    • Mundo Obscuro
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #16 Online: 30 de Maio de 2008, 20:07:47 »
Isso mesmo. Só eu posso. Você não.

E não vem me chamando de tiozinho que a tua hora de ficar velho também vai chegar, viu?

Offline Barata Tenno

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 16.283
  • Sexo: Masculino
  • Dura Lex Sed Lex !
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #17 Online: 30 de Maio de 2008, 20:45:02 »
Isso mesmo. Só eu posso. Você não.

E não vem me chamando de tiozinho que a tua hora de ficar velho também vai chegar, viu?

E vc vai continuar sendo um tiuzinho pra mim...... :)
He who fights with monsters should look to it that he himself does not become a monster. And when you gaze long into an abyss the abyss also gazes into you. Friedrich Nietzsche

Offline FxF

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.720
  • Sexo: Masculino
  • Yohohoho!
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #18 Online: 30 de Maio de 2008, 21:06:40 »
É a velha história dos foruns aonde a molecadinha anancéfala se reúne: se municiam de uma série de idéias que leram nos adesivos das balas Alabarda, que pegaram nas portas do banheiro da escola, que aquele professor malucão e maconheiro disse numa aula qualquer, que assistiram num programa do Ratimbum e querem porque querem que isso tenha valia prática! Faz-me rir!
Está falando sobre o esquerdismo?
Como é que você quer dizer que é melhor que os muçulmanos se o que você tem a oferecer é a mesmíssima intolerância, só que desta vez vem travestida com hipocrisia?
Ah, me poupe, amiguinho!
E isso é de vários pontos de vista verdade.

Offline Adriano

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.672
  • Sexo: Masculino
  • Ativismo quântico
    • Filosofia ateísta
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #19 Online: 30 de Maio de 2008, 21:12:24 »
Como é que você quer dizer que é melhor que os muçulmanos se o que você tem a oferecer é a mesmíssima intolerância, só que desta vez vem travestida com hipocrisia?
Ah, me poupe, amiguinho!
E isso é de vários pontos de vista verdade.
Também acho. Ainda mais considerando a argumentação do Dbhor, que é melhor elaborada, no sentido de não ser agressiva, porém com o mesmo conteúdo.

O que entendi do exposto é que a crítica do Islão como religião violenta pode não proceder, até mesmo por ter muitas atividade contrárias a isto na mesma comunidade religiosa. Sem contar com a questão da soberania de um estado praticamente teocrático.
Princípio da descrença.        Nem o idealismo de Goswami e nem o relativismo de Vieira. Realismo monista.

Offline Tupac

  • Nível 39
  • *
  • Mensagens: 3.902
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #20 Online: 30 de Maio de 2008, 21:19:30 »
Citar
Todo mundo tem seus pecados, todo mundo tem seus erros e qualquer um de vocês, que alega ser homem, mulher ou cidadão, deveria PRIMEIRO olhar para si mesmo e seu país para DEPOIS sair julgando o país dos outros e as outras pessoas.

E o que você faz de util?
"O primeiro pecado da humanidade foi a fé; a primeira virtude foi a dúvida."
 - Carl Sagan

"O que é afirmado sem argumentos, pode ser descartado sem argumentos." - Navalha de Hitchens

Offline Oceanos

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.924
  • Sexo: Masculino
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #21 Online: 30 de Maio de 2008, 21:32:20 »
Moderem os ad hominens, por favor. Não queremos que isso aqui vire um campo de batalha, não é?

Offline Moro

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.984
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #22 Online: 30 de Maio de 2008, 22:05:22 »
Eu não concordo com afirmações do tipo:
"Nossa sociedade é opressora então não podemos dar lições de morais aos outros", por uma simples questão: Não há sociedades perfeitas, o que não quer dizer que morar em Paris, com sua opressão, seja igual a morar em Cabul.

Acho que essas discussões de opressão tem que ser discutidas no mérito específico que são colocadas: Estamos falando de bater na mulher. A cultura ocidental não permite (principalmente nos países de primeiro mundo), dão direitos iguais a mulher, então SIM, podemos falar que a referida sociedade de 2000 anos é mais opressora nesse sentido.

E não concordo com relativismos: É cultural, etc. Qualquer programa de televisão mostra o que as mulheres tem a dizer sobre isso quando tem oportunidade. (Por exemplo o History Channel mostrou a história das cabeleireiras de cabul, e elas desceram a lenha nessa suposta cultura. Para quem bate é bom...)

Para falarmos sobre opressão e outras questões temos que ser específicos: À mulher, opressão no trabalho, etc.. e comparar caso a caso. Quer comparar a nossa com a deles, cite o exemplo específico.

editado: e um dos vídeos, ao afirmar que "não devemos ter vergonha" das nações ocidentais mostra que eles sim tem que se explicar, por causa da pressão de pessoas que acham que podem fazer algo, como aquela mulher que ia ser apedrejada por ser estuprada e sociedades de direitos humanos pressionaram e reverteram a punição (alguém lembra do caso??). A situação tende a mudar quando as mulheres tiverem oportunidades de se tornarem independentes, espero que isso aconteça rápido!!
« Última modificação: 30 de Maio de 2008, 22:12:16 por Agnostico »
“If an ideology is peaceful, we will see its extremists and literalists as the most peaceful people on earth, that's called common sense.”

Faisal Saeed Al Mutar


"To claim that someone is not motivated by what they say is motivating them, means you know what motivates them better than they do."

Peter Boghossian

Sacred cows make the best hamburgers

I'm not convinced that faith can move mountains, but I've seen what it can do to skyscrapers."  --William Gascoyne

Offline Mussain!

  • Contas Excluídas
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.228
  • Sexo: Masculino
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #23 Online: 30 de Maio de 2008, 22:13:22 »
Citar
A verdade é que não tenho direito de expor minhas idéias como quero, nem neste e nem em forum nenhum. Se eu disser certas coisas, sou suspenso, expulso, banido, etc. Neguinho vai puxar regra, ditame, o diabo que seja e ó! Babau para a "democracia".
Liberdade de expressão meu pirú!´
Ofender alguém só porque vc quer ofender é liberdade de expressão? Sei lá, seu fosse eu falando com sua esposa, por exemplo, que ela não tem uma vagina e sim um isopor, as coisas teriam sua relatividade, não....? :girl-kiss:


Não julguem ninguém, só o "tiuzinho-que-perde-tempo-em-forum-de-anencéfalos" é que tem o poder supremo de dizer o que é legal e o que não é.....




É incrível como ele fala tanto daqui, mas, mesmo depois de suspenso, voltou.... Esse fórum é mesmo adorável...... :lol:

Offline Perdulario

  • Nível 10
  • *
  • Mensagens: 119
  • Sexo: Masculino
  • Nada a declarar. Tudo a dizer.
    • Mundo Obscuro
Re: Apologia de violencia contra mulheres
« Resposta #24 Online: 30 de Maio de 2008, 22:49:46 »
E vc vai continuar sendo um tiuzinho pra mim...... :)
E você será "tiuzinho" para alguém e que vai zoar com sua cara e te chamar de velho, etc, etc, ad nauseum, perpetuando-se a imbecilidade, pelos séculos dos séculos, amém.
O teu tá guardado "subrinhu".
E o que você faz de util?
Cuido de minha vida. Coisa que, aliás, muita gente aí deveria estar fazendo, não é mesmo?
Acho que essas discussões de opressão tem que ser discutidas no mérito específico que são colocadas: Estamos falando de bater na mulher. A cultura ocidental não permite (principalmente nos países de primeiro mundo), dão direitos iguais a mulher, então SIM, podemos falar que a referida sociedade de 2000 anos é mais opressora nesse sentido.
De novo velha mania de relativizar tudo.
"Ah, mas assim pode, assim não pode, cultura ocidental disso, quer dizer e coisa e tal..."

Bater em mulher é condenável?
Ora, e quantas coisas condenáveis você faz e nem por isso fica aí se punindo por isso?

Quais são os valores supremos que estão sendo aplicados? Valores brancos, classe-média, burgueses, criados pela mídia, passados adiante pelos papagaios...

Mas qual é a SUA opinião?
Ela não existe. Porque ela foi cunhada no ramerrão condenatório que todo mundo solta por aí...
Ao mesmo tempo que seu pai pica a mão na cara da sua mãe, seu vizinho espanca sua vizinha, seu tio soca a boca da sua tia...
Aí você acha os muçulmanos "execráveis" quando aí, do teu lado, NO SEU PAÍS, rola a mesma coisa desde sempre.

Ah, mas aqui temos leis!
Leis igualmente hipócritas que não resolvem pitomba nenhuma!
E o errado sou eu!
Citar
E não concordo com relativismos: É cultural, etc. Qualquer programa de televisão mostra o que as mulheres tem a dizer sobre isso quando tem oportunidade. (Por exemplo o History Channel mostrou a história das cabeleireiras de cabul, e elas desceram a lenha nessa suposta cultura. Para quem bate é bom...)
Prá quem apanha também, sabia disso?
Tem muita mulher que curte levar na cara.

Ah, se eu te contasse o que vi...
Citar
Para falarmos sobre opressão e outras questões temos que ser específicos: À mulher, opressão no trabalho, etc.. e comparar caso a caso. Quer comparar a nossa com a deles, cite o exemplo específico.
Que exemplo específico que nada, rapá!
Brasileiro espanca a mulher, estadunidense espanca a mulher, francês, japonês, argentino, enfim, aonde há um homem e uma mulher, ela leva bofete!

Há exageros que devem ser combatidos mas o que eu martelo é simples: antes de condenar os muçulmanos, que tal olhar para sua própria sociedade?

Melhor: OLHE PARA SI MESMO! Para sua família, seus amigos, seus vizinhos.
Se você disser que é melhor que os muçulmanos, cara, então você é igual a eles porque eles querem separar a humanidade entre "eles" e "nós".
Você faz a mesma coisa.
[/quote]editado: e um dos vídeos, ao afirmar que "não devemos ter vergonha" das nações ocidentais mostra que eles sim tem que se explicar, por causa da pressão de pessoas que acham que podem fazer algo, como aquela mulher que ia ser apedrejada por ser estuprada e sociedades de direitos humanos pressionaram e reverteram a punição (alguém lembra do caso??). A situação tende a mudar quando as mulheres tiverem oportunidades de se tornarem independentes, espero que isso aconteça rápido!!
[/quote]Eu quero ver QUEM é homem de ir lá e pedir explicações pros muçulmanos sobre o que eles fazem!
O cara vai puxar a cimitarra e o couro come!

E de novo: antes de condenar os caras, você deveria PRIMEIRO arrumar sua sociedade, deveria ajudar  compreender seus semelhantes e dar uma olhada legal na sua cabeça.

Você faz isso? Nem morrrrta!

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!