Autor Tópico: Experiências científicas caseiras  (Lida 90706 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline uiliníli

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 18.108
  • Sexo: Masculino
Experiências científicas caseiras
« Online: 10 de Outubro de 2008, 22:40:58 »
Aos saudosos do Mundo de Beakman, um tópico para experiências científicas simples, daquelas que podem ser feitas em casa (com a supervisão de um adulto, claro!). Se possível postem vídeos e as explicações para os fenômenos! Para começar uma beeem simples:

Implodindo uma latinha

<a href="http://www.youtube.com/v/7A9Q_8z5Edo&amp;hl=pt-br&amp;fs=1" target="_blank" class="new_win">http://www.youtube.com/v/7A9Q_8z5Edo&amp;hl=pt-br&amp;fs=1</a>

O segredo é colocar água para ferver dentro da latinha, só um pouco já basta. Em uma lata aberta, a pressão interna é igual à externa. Durante a fervura, água líquida se transforma em vapor, mas a pressão do ar dentro da lata continua igual à atmosferica, pois há ar quente e vapor escapando para fora. Quando você mergulha subitamente a lata em água gelada, com o furo para baixo, o vapor se condensa e forma-se vácuo no interior dela, daí pela pressão do lado de fora ser maior do que a do lado de dentro a lata "implode".

Offline Pregador

  • Conselheiros
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.671
  • Sexo: Masculino
  • "Veritas vos Liberabit".
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #1 Online: 13 de Outubro de 2008, 10:23:45 »
Alguém sabe como fabricar vidro de açucar? Passou no Beakman uma vez, mas eu não lembro mais...
"O crime é contagioso. Se o governo quebra a lei, o povo passa a menosprezar a lei". (Lois D. Brandeis).

Offline SnowRaptor

  • Webmaster
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 16.774
  • Sexo: Masculino
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #2 Online: 13 de Outubro de 2008, 11:42:41 »
Põe açúcar na forma, manda pro forno e depois deixa esfriar.
Elton Carvalho

Antes de me apresentar sua teoria científica revolucionária, clique AQUI

“Na fase inicial do processo [...] o cientista trabalha através da
imaginação, assim como o artista. Somente depois, quando testes
críticos e experimentação entram em jogo, é que a ciência diverge da
arte.”

-- François Jacob, 1997

Offline Pregador

  • Conselheiros
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.671
  • Sexo: Masculino
  • "Veritas vos Liberabit".
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #3 Online: 13 de Outubro de 2008, 14:18:24 »
Põe açúcar na forma, manda pro forno e depois deixa esfriar.

Só isso? Não precisa água? de mais nada? Quanto tempo de forno?
"O crime é contagioso. Se o governo quebra a lei, o povo passa a menosprezar a lei". (Lois D. Brandeis).

Offline SnowRaptor

  • Webmaster
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 16.774
  • Sexo: Masculino
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #4 Online: 13 de Outubro de 2008, 14:19:41 »
Sei lá. Essa foi a aproximação de ordem zero. Se não der certo, a gente vai iterando.
Elton Carvalho

Antes de me apresentar sua teoria científica revolucionária, clique AQUI

“Na fase inicial do processo [...] o cientista trabalha através da
imaginação, assim como o artista. Somente depois, quando testes
críticos e experimentação entram em jogo, é que a ciência diverge da
arte.”

-- François Jacob, 1997

Offline Pregador

  • Conselheiros
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.671
  • Sexo: Masculino
  • "Veritas vos Liberabit".
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #5 Online: 13 de Outubro de 2008, 15:10:06 »
Sei lá. Essa foi a aproximação de ordem zero. Se não der certo, a gente vai iterando.


 |(
"O crime é contagioso. Se o governo quebra a lei, o povo passa a menosprezar a lei". (Lois D. Brandeis).

Offline Andre

  • Nível 39
  • *
  • Mensagens: 4.072
  • Sexo: Masculino
    • Aletéia
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #6 Online: 13 de Outubro de 2008, 15:21:02 »
Não sei não... Acho que isso vai virar caramelo.
Se Jesus era judeu, então por que ele tinha um nome porto-riquenho?

Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.683
  • Sexo: Masculino
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #7 Online: 13 de Outubro de 2008, 15:27:33 »
http://fisicomaluco.com/experimentos/2008/05/01/como-fazer-vidro-de-mentira-semelhante-aos-utilizados-em-filmes-vidros-de-acucar/

FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA:

Antigamente era necessário produzir vidros de mentira para que nos filmes os atores não fossem cortados por esses materiais caso tivessem que quebrá-los. Atualmente com os efeitos especiais isso ficou meio de lado, mas não deixa de ser intrigante esse material conhecido como “vidro de mentirinha”.

METODOLOGIA:
MATERIAL:

- Manteiga
- Assadeira
- Açúcar
- Panela

PROCEDIMENTO:

Você produzirá um material translúcido e de cor amarronzada. Veja como:

Unte com manteiga uma assadeira e deixe-a no refrigerador esfriar. Pegue um copo (250 ml) de açúcar e coloque-o numa panela. Com o fogo baixo, derreta o açúcar, não esquecendo de mexer constantemente até estar fundido.
Ponha o açúcar fundido na assadeira e leve-a de volta ao refrigerador o mais rápido que puder. Deixe esfriar. E pronto.

CONCLUSÃO:

Através dessa simples técnica conseguimos produzir um material translúcido semelhante ao vidro e feito de açúcar. Esse material era usado em filmes quando o vidro comum oferecia risco à saúde do ator.

Categories: Como fazer vidro de açúcar.

Offline Pregador

  • Conselheiros
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.671
  • Sexo: Masculino
  • "Veritas vos Liberabit".
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #8 Online: 13 de Outubro de 2008, 15:33:37 »
Legal...mas esse vidro derrete não?
"O crime é contagioso. Se o governo quebra a lei, o povo passa a menosprezar a lei". (Lois D. Brandeis).

Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.683
  • Sexo: Masculino
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #9 Online: 13 de Outubro de 2008, 15:34:34 »
Acho que sim, não deve resistir a calor ou água.

Offline Südenbauer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.228
  • Sexo: Masculino
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #10 Online: 15 de Outubro de 2008, 14:55:05 »
Eu não sei o nome da brincadeira, mas eu fiz uma lata que vai e volta. Tu cruza algum fio elástico por dentro dela e coloca algo no meio da interseção para fazer peso (eu usei chumbada de pesca). Daí a medida que tu jogar a lata para ela rolar no chão o elástico vai enrolando-se e quando ela parar, o elástico irá começar a desenrolar-se e a lata voltará exatamente de onde tu a largou (só funciona para superfícies regulares).

Edit: Chamam de latinha obediente:
http://www.feiradeciencias.com.br/sala02/02_PC_04.asp

Ou lata vai e vem:
http://www.youtube.com/watch?v=ZZFaiU_8LwQ
<a href="http://www.youtube.com/v/ZZFaiU_8LwQ&amp;hl=pt-br&amp;fs=1" target="_blank" class="new_win">http://www.youtube.com/v/ZZFaiU_8LwQ&amp;hl=pt-br&amp;fs=1</a>
« Última modificação: 15 de Outubro de 2008, 15:07:46 por Dr. Merkwürdigliebe »

Offline Polaco Carcamano

  • Nível 37
  • *
  • Mensagens: 3.566
  • Sexo: Masculino
  • Apelidos antigos: Eremita e Kajsar.
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #11 Online: 16 de Outubro de 2008, 18:01:25 »
Não sei não... Acho que isso vai virar caramelo.
Vidro de açúcar é caramelo, rsrsrs.

Mas eu adicionaria um pouco, só um pouquinho, de água. Pro caso da temperatura acabar ficando maior do que devia - daí a água evapora antes do açúcar começar a escurecer.

Ah, sacarose se funde a 170ºC; acho que tacar o forno no médio (180º) seria o ideal, mais que isso você faz vidro fumê :P



E aproveitando a deixa... experiências que eu já fiz, e deram certo:

Como fazer hidrogênio em casa
Materiais:
Alumínio. Pode ser de qualquer origem: latinha velha, pedaço de antena podre, papel alumínio... só não sugiro o último por ficar meio caro.
Hidróxido de sódio (TCC "soda cáustica"). O que eu uso é aquele de fazer sabão, em lentilhas; mas Diabo Verde serve. Tem gente que substitui por bicarbonato, mas demora muito e você tem que gastar bicarbonato demais.
Água. Qualidade torneiral, mesmo.
Garrafa. Tem que ser de vidro, garrafa PET tem o risco de derreter se esquenta demais.
Balões. É, bexiguinha cretina de aniversário. Opcional, mas se você quiser guardar o hidrogênio, é o modo mais legal :biglol:

Procedimento:
Dissolva 2 colheres de sopa de soda cáustica em 1 xícara de água e taque na garrafa. Daí, pique/corte/moa o alumínio em pedaços que passem na boca da garrafa, espere reagir, vai começar a formar bolhas neles. Se você for guardar o hidrogênio num balão, é só encaixar o balão na garrafa e esperar encher, mas antes veja se a boca não tá suja de soda.

Cuidados necessários:
Soda queima e eu tô falando sério. Quente, queima mais ainda. Se você por acaso encostar a soda na mão, sólida ou já dissolvida, lave em água corrente. Sem desespero. Se quiser se garantir que não há soda na sua mão, esfregue as mãos com duas ou três gotas de vinagre/suco de limão que dá cabo.

Colocar pouca soda faz a reação ficar lenta. Colocar soda demais faz a garrafa esquentar demais, o que além de ser perigoso "contamina" o hidrogênio com vapor d'água. Caso você veja que a reação tá indo lenta demais ou rápida demais, é só tacar mais água/soda.

Coisas legais pra se fazer com hidrogênio
A mais óbvia e mais retardada é você encher o balão e ficar "ooooh ele flutua!".

Outra é usar pra limpar prata, dá um pouco de trabalho mas vale a pena (não agride a prata e ela fica limpinha).

Outra é, seguindo os moldes dos sábios Beavis e Butt-Head: "burn, burn burn!!! Fire!!!!". Hidrogênio dá uma explosão barulhenta e razoavelmente segura, desde que não fique sob pressão.
[Em off, certa vez eu coloquei um balão de H2 na janela do quarto da minha irmã, pelo lado de fora, enquanto ela tava estudando. Coloquei um "pavio" de jornal, acendi e corri pra ela não me ver. Nunca ouvi um grito de susto maior do que aquele... :biglol: ]



Moderadores, posso tacar receita de pólvora caseira aqui? rs



Cristais artificiais
Materiais:
Sais. Quase qualquer sal serve, mas alguns são mais fáceis e interessantes que outros. Sal de cozinha quase nunca dá certo (pena, porque fica bonito). Permanganato, idem. Dicromato é tóxico, nem tentem. Sugiro sulfato de cobre, sulfato de zinco e alúmen: fáceis de arrumar, bonitos e sem complicações. Não precisa ser puro, aliás, cristalização é ótimo modo de purificação.

Fio de nylon. Daqueles de pesca. É o ideal porque não "incentiva" mais cristais a nascerem pelo fio.
Água. Torneiral.
Copo. Idealmente, um copo baixo e largo, mas qualquer copo serve.
Tampa de plástico. Só para o caso de você precisar fazer as "sementes", explico abaixo.
Lápis. Ou caneta velha. Ou graveto. Ou qualquer coisa com formato parecido.

Procedimento:
Primeiro, você vai precisar de um cristalzinho qualquer do sal que você quer fazer o cristalzão. Esse cristalzinho é chamado de semente. Se tiver mais ou menos 1/2cm tá ótimo, mas pode ser menor. Dê uma olhada no reagente se você não acha alguns. Se achar, pule a etapa abaixo.

Se precisar fazer, dissolva o máximo de sal que você conseguir em ~5mL de água, taque a solução numa tampa de plástico e deixe secando. Depois de algumas horas (a ~20°C), vão começar a aparecer cristaisinhos minúsculos na tampinha. Se formarem muitos, tire alguns e deixe só meia dúzia. Depois de dois dias, separe os maiores para usar como sementes.

Pegue o fio de nylon, corte uns 25cm, amarre com cuidado uma das pontas na semente, e outra no lápis/caneta/graveto/etc.. Separe.

Agora, pegue uns 150mL de água e dissolva o máximo possível do sal que você deseja nela. Se você não tá a fim de esperar muito, esquente LEVEMENTE a água, e fique mexendo. Você vai notar que a partir de certo ponto, você não consegue mais dissolver o sal nela.

Separe só o líquido saturado de sal, sem o corpo de fundo (sal não dissolvido) e taque num copo. Cuidadosamente, deixe a semente suspensa no meio do líquido, sem encostar no fundo, na borda ou na lateral. Deixe isso tudo num lugar aonde não pegue sol direto, muito pó, ou que não sofra muita vibração. Depois de umas duas semanas, o cristal já vai estar grande, dependendo da temperatura ambiente; mas se quiser deixar mais, ou menos tempo, é a sua escolha.



Coloco mais experiências aqui com o tempo.
« Última modificação: 16 de Outubro de 2008, 18:27:38 por Eremita »
O passado está escrito nas colunas de um edifício, ou na geleira onde um mamute foi morrer.
O tempo engana aqueles que pensam que sabem demais, que juram que pensam.
Existem também aqueles que juram sem saber.

Nenhum de Nós

Offline Andre

  • Nível 39
  • *
  • Mensagens: 4.072
  • Sexo: Masculino
    • Aletéia
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #12 Online: 16 de Outubro de 2008, 18:22:21 »
Como faz para limpar prata com hidrogênio?

Uma vez um professor falou como fazer algo relativamente parecido com isso que você falou: colocar bicabornato de sódio em água, e enrolar a prata em papel aluminio e fazer furos pra água entrar. Aí colocar a prata na água e colocar pra esquentar. Só que quando eu fiz isso, a prata ficou ainda mais preta. :?
Se Jesus era judeu, então por que ele tinha um nome porto-riquenho?

Offline Polaco Carcamano

  • Nível 37
  • *
  • Mensagens: 3.566
  • Sexo: Masculino
  • Apelidos antigos: Eremita e Kajsar.
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #13 Online: 16 de Outubro de 2008, 18:29:35 »
Como faz para limpar prata com hidrogênio?

Uma vez um professor falou como fazer algo relativamente parecido com isso que você falou: colocar bicabornato de sódio em água, e enrolar a prata em papel aluminio e fazer furos pra água entrar. Aí colocar a prata na água e colocar pra esquentar. Só que quando eu fiz isso, a prata ficou ainda mais preta. :?
Peraí que eu vou ter que fazer diagraminha :P

EDIT: o diagrama by Kolourpaint ficou uma m.

É assim, você tem que fazer o hidrogênio ficar em contato com a prata por algum tempo. Basta você colocar a prataria dentro de um recipiente qualquer na pia (sem água dentro), colocar uma vasilha grande em cima, virada pra baixo, deixar a pia encher com um pouco dágua (pro hidrogênio não escapar), e direcionar uma mangueirinha com o hidrogênio pra lá dentro. Ah, a prata deve ficar seca dentro disso tudo.

Se achar muito complicado, faz o esquema do papel alumínio mesmo :P só que tem que ter bastaaaaante água, o preto que ficou é por causa do resíduo da reação bicarbonato+alumínio.
« Última modificação: 16 de Outubro de 2008, 18:42:56 por Eremita »
O passado está escrito nas colunas de um edifício, ou na geleira onde um mamute foi morrer.
O tempo engana aqueles que pensam que sabem demais, que juram que pensam.
Existem também aqueles que juram sem saber.

Nenhum de Nós

Offline uiliníli

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 18.108
  • Sexo: Masculino
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #14 Online: 22 de Dezembro de 2008, 00:21:26 »
Como fazer gelo quente:

<a href="http://www.youtube.com/v/aC-KOYQsIvU&amp;hl=pt-br&amp;fs=1" target="_blank" class="new_win">http://www.youtube.com/v/aC-KOYQsIvU&amp;hl=pt-br&amp;fs=1</a>

Offline Contini

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.610
  • Sexo: Masculino
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #15 Online: 22 de Dezembro de 2008, 11:14:08 »
"A idade não diminui a decepção que a gente sente quando o sorvete cai da casquinha"  - anonimo

"Eu não tenho medo de morrer, só não quero estar lá quando isso acontecer"  - Wood Allen

    “O escopo da ciência é limitado? Sim, sem dúvida: limitado a tratar daquilo que existe, não daquilo que gostaríamos que existisse.” - André Cancian

Offline Nyx

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.740
  • Sexo: Feminino
  • nyx
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #16 Online: 22 de Dezembro de 2008, 12:36:36 »
 :|
« Última modificação: 22 de Dezembro de 2008, 17:29:01 por Lela »
www.bemviveronline.com

o/ o site do Thuuuuuuupac, dêeem uma força aí.

Offline Nyx

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.740
  • Sexo: Feminino
  • nyx
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #17 Online: 22 de Dezembro de 2008, 12:36:55 »
:P E quero a receita da pólvora.
www.bemviveronline.com

o/ o site do Thuuuuuuupac, dêeem uma força aí.

Offline JJ

  • Nível 31
  • *
  • Mensagens: 1.981
  • Sexo: Masculino
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #18 Online: 22 de Dezembro de 2008, 13:07:27 »
:P E quero a receita da pólvora.



Também quero a receita da pólvora !   ::)

Offline Ricardo RCB.

  • Nível 32
  • *
  • Mensagens: 2.226
  • Sexo: Masculino
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #19 Online: 22 de Dezembro de 2008, 13:11:24 »
:P E quero a receita da pólvora.

:P E quero a receita da pólvora.

Também quero a receita da pólvora !   ::)

Está em inglês : http://www.instructables.com/id/Gunpowder/

Funciona? Não sei. Espero que não.  :)
“The only place where success comes before work is in the dictionary.”

Donald Kendall

Offline Luis Dantas

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 15.195
  • Sexo: Masculino
  • Morituri Delendi
    • DantasWiki
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #20 Online: 22 de Dezembro de 2008, 13:28:10 »
Ao que parece é genuína.  Só tem dois problemas: conseguir o nitrato de potássio e garantir a segurança do usuário.

Wiki experimental | http://luisdantas.zip.net
The stanza uttered by a teacher is reborn in the scholar who repeats the word

Em 18 de janeiro de 2010, ainda não vejo motivo para postar aqui. Estou nos fóruns Ateus do Brasil, Realidade, RV.  Se a Moderação reconquistar meu respeito, eu volto.  Questão de coerência.

Offline Angelo Melo

  • Administradores
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.641
  • Sexo: Masculino
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #21 Online: 22 de Dezembro de 2008, 14:25:14 »
Alguém sabe como fabricar vidro de açucar? Passou no Beakman uma vez, mas eu não lembro mais...
A fórmula do Beakman:

1 xícara de açúcar
½ xícara de água
4 colheres de sopa de xarope de milho (karo)
Óleo de cozinha para untar
Assadeira redonda ou um prato ligeiramente fundo e grande.


Ferva a água em uma panela. Adicione o açúcar e o xarope de milho, mexendo bem até ficar dissolver, tampe e espere ferver novamente. Destampe e aumente o fogo. Enquanto isso, unte a assadeira com o óleo. Retire depressa do fogo e coloque a mistura na assadeira. Leve para gelar, por no mínimo uma hora.
Não tomareis o sagrado nome da termodinâmica em vão, principalmente se você não tem a mínima idéia do que está falando.

Offline Angelo Melo

  • Administradores
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.641
  • Sexo: Masculino
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #22 Online: 22 de Dezembro de 2008, 14:39:18 »
Ao que parece é genuína.  Só tem dois problemas: conseguir o nitrato de potássio e garantir a segurança do usuário.
A fórmula é genuína, é a chamada "pólvora negra". Nitrato de potássio não é tão difícil de conseguir se você souber para que é usado...

Garantir a segurança do usuário é a parte mais difícil. Sempre tem uns cabeça-de-vento que baixam uns "manuais" na internet e tentam fazer explosivos até mais perigosos e em grande quantidade.
Não tomareis o sagrado nome da termodinâmica em vão, principalmente se você não tem a mínima idéia do que está falando.

Offline Contini

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.610
  • Sexo: Masculino
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #23 Online: 22 de Dezembro de 2008, 16:17:52 »
Ao que parece é genuína.  Só tem dois problemas: conseguir o nitrato de potássio e garantir a segurança do usuário.
A fórmula é genuína, é a chamada "pólvora negra". Nitrato de potássio não é tão difícil de conseguir se você souber para que é usado...

Garantir a segurança do usuário é a parte mais difícil. Sempre tem uns cabeça-de-vento que baixam uns "manuais" na internet e tentam fazer explosivos até mais perigosos e em grande quantidade.

nitratos...fertilizante?!
"A idade não diminui a decepção que a gente sente quando o sorvete cai da casquinha"  - anonimo

"Eu não tenho medo de morrer, só não quero estar lá quando isso acontecer"  - Wood Allen

    “O escopo da ciência é limitado? Sim, sem dúvida: limitado a tratar daquilo que existe, não daquilo que gostaríamos que existisse.” - André Cancian

Offline Fabulous

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 6.425
Re: Experiências científicas caseiras
« Resposta #24 Online: 22 de Dezembro de 2008, 16:24:08 »
Ao que parece é genuína.  Só tem dois problemas: conseguir o nitrato de potássio e garantir a segurança do usuário.
A fórmula é genuína, é a chamada "pólvora negra". Nitrato de potássio não é tão difícil de conseguir se você souber para que é usado...

Garantir a segurança do usuário é a parte mais difícil. Sempre tem uns cabeça-de-vento que baixam uns "manuais" na internet e tentam fazer explosivos até mais perigosos e em grande quantidade.

nitratos...fertilizante?!

É fácil comprar nitrato para fazer dinamite.

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!