Autor Tópico: A pesada mão de Deus  (Lida 6535 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline ronysalles

  • Nível 15
  • *
  • Mensagens: 361
  • Sexo: Masculino
  • livre para aprender.
A pesada mão de Deus
« Online: 22 de Setembro de 2009, 17:31:55 »
Uma das coisas mais repugnantes em relação ao tratamento religioso diz respeito ao “amor dos irmãos na fé”. Quando um desses membros passa por alguma dificuldade da vida, geralmente é abordado com agressões de caráter psicológico: se você está bem, Deus está te abençoando; se for algum infortúnio, Deus está pesando a mão, pois deveria “congregar mais”, “orar mais”, “contribuir mais”...

Passar por momentos difíceis não é boa coisa. Para a maioria dos crédulos é provação, e sendo provação, você tem que aguentar calado e conformado. Enquanto um irmãozinho espera uma mão amiga, uma palavra de ânimo, uma ajuda; ele recebe, ao contrário, uma pressão verbal cruel e infeliz: “Irmão, Deus está pesando a mão sobre você. Você deve está em pecado, busca primeiro o Reino de Deus! Vai orar! Irmão isso não está certo! O diabo está querendo lhe destruir!”...

A própria bíblia diz: “a fé sem obras é morta”. Mas existem aqueles que dizem que não são as obras, e sim a fé. Este último é menos dispendioso, por isso é melhor dizer ao necessitado que ore. 

Numa sociedade onde tantas injustiças são cometidas, como desigualdade social, má distribuição de renda, falta de moradia etc. é difícil viver somente pela fé, como alguns insinuam.

Atribuir o sofrimento do seu próximo a Deus, como se algum deus tivesse interesse em “PESAR” a mão sobre um pobre desgraçado que mal se alimenta, é um tanto apavorante. Que Deus é esse que até na hora da morte prova esse coitado? Isso sem falar que para um Deus onisciente, é meio estranho a ideia de provar; quem testa é porque ainda não sabe o resultado.

A igreja sempre está muito ocupada com seus interesses eclesiásticos para perder tempo com “crentes que não têm fé”. Duas coisas ocorrem aqui: uma é que as instituições religiosas estão sempre dedicadas a angariar dinheiro para seus interesses – convenções, congressos, viagens, compras de equipamento etc., mas raramente estão dispostas a praticar o que realmente os fariam verdadeiros servos de Deus. (humanismo). Quando se trata de ação social, a maioria diz: “vamos orar”, “vamos ler a bíblia”, “vamos congregar mais”.

Ninguém vai negar que muitas pessoas estão sofrendo uma série de problemas. Enquanto o pastor prega com vistas no dízimo, muitos passam fome, desamparo, doença, dívidas etc.

Quando a igreja pretende converter uma pessoa, ela usa palavras belas como: “ah, Deus é maravilhoso”, “Deus é compassivo”, “Deus perdoa”, “Deus tem compaixão”, “Deus te ama...” e muitas outras lindas expressões. Após algum tempo depois da conversão, caso algum de ruim venha a acontecer, Deus muda de cara: “ah irmão, você está afastado”, “irmão, Deus está PESANDO a mão”, “irmão, aguenta firme que isso é uma aprovação...”.

Isso mostra quão grande é a distância entre a fé e os frutos do tão pregado amor de Deus. O verdadeiro altruísmo está muito além de meras palavras. A própria bíblia diz: "Porque o fruto do Espírito está em toda a bondade, e justiça e verdade" (Efésios 5: 9).

Não é porque eu seja agnóstico que terei que rejeitar, por completo, o que a bíblia ensina. É evidente, para mim, que muitas coisas para nada servem; no entanto, muitas são interessantes e ajudam na formação de um bom caráter... Não apenas a bíblia, mas também outros livros sagrados.

“A maior decepção de um crente fervoroso seria, ao chegar no céu, vê um ateu”. ronysalles

Offline batman

  • Nível 01
  • *
  • Mensagens: 11
  • LIVRE PARA PENSAR
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #1 Online: 22 de Setembro de 2009, 19:18:46 »
]Não é porque eu seja agnóstico que terei que rejeitar, por completo, o que a bíblia ensina. É evidente, para mim, que muitas coisas para nada servem; no entanto, muitas são interessantes e ajudam na formação de um bom caráter... Não apenas a bíblia, mas também outros livros sagrados.
Assino em baixo Ronysalles. :ok: :ok:

Offline Fundamentalista

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 200
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #2 Online: 22 de Setembro de 2009, 20:17:19 »
hmm
primeiro, voce esta interpretando mal a biblia, fora do contexto, todas as citaçõs feitas por voce estão fora do contexto correto.

segundo, voce não tem como entender a biblia corretamente, afinal é um humanista
a biblia diz que so pode ser dicernida espiritualmente, pra voce realmente ela nao serve para nada nao passa de no maximo um livro historico mas pra vc acho esta mais provavelmente para uma fabula

terceiro, nao sei que "igreja" voce viu essa opressão que voce citou, testemunhas de jeovah que são assim, nao queria po-los no assunto mas eles nem cristãos por ex são, então nao generalize tudo como se fosse tudo igual, por não são, o proprio ateismo é uma religião, ironica por sinal, porque ela diz não acreditar em sua premissa de existencia, e o metodo cientifico é a favor dos teistas

quarto, voce acha que tem condições de julgar a Deus? quem foi que te disse que voce é o padrão de justica do universo??voce criou o universo?? nao?? porque acha que esta certo?? para mim voce esta completamente errado, agora te pergunto, quem afinal esta certo? eu ou voce?? da onde vem o padrão de justiça do qual voce pesa contra Deus?? e de quem é o padrão de justiça do qual eu estou a favor Dele??

pra julgarmos temos que ter uma metria, tem que fazer comparação com um padrão absoluto
se seguimos todos as mesmas ações intuitivas basicas, é porque existe um padrão, existe uma lei
ela pode ter exceções? sim, mas por isso mesmo é uma lei, porque tem beneficiarios e exclusos

Se existe uma Lei universal que julga a moral
é necessario que exista um legislador para ela, uma lei nao se cria sozinha
sabemos que só uma mente pode legislar algo
estamos debaixo desta mesma lei, e portanto do mesmo criador desta lei
quem poderia criar Leis universais alem do proprio criador do universo o qual tem o titulo de Deus?

se nao fosse assim, eu poderia matar criancinhas, comelas no jantar e ainda estaria sendo absolutamente justo segundo minha propria vontade, segundo o meu proprio padrão, eu poderia achar um carrão pela frente rouba-lo, matar o dono e estuprar as filhas menores dele e queimar sua casa e ainda estaria sendo completamente justo!! inclusive eu poderia achar que voce não tem o direito de expor a sua opinião e arrancar seus braços, e estaria sendo justissimo segundo eu mesmo
então é notavel que existe uma lei universal que nos julga, do qual fazemos metria, ou nada teria sentido nenhum, seriamos como animais racionais, sem nenhuma afinidade por nada a nao ser nos mesmos, se nao fomos nos que criamos essa lei do qual somos julgados, quem criou?


« Última modificação: 22 de Setembro de 2009, 20:27:11 por Fundamentalista »

Offline Luiz Souto

  • Nível 33
  • *
  • Mensagens: 2.356
  • Sexo: Masculino
  • Magia é 90% atitude
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #3 Online: 22 de Setembro de 2009, 22:04:20 »
hmm
primeiro, voce esta interpretando mal a biblia, fora do contexto, todas as citaçõs feitas por voce estão fora do contexto correto.

segundo, voce não tem como entender a biblia corretamente, afinal é um humanista
a biblia diz que so pode ser dicernida espiritualmente, pra voce realmente ela nao serve para nada nao passa de no maximo um livro historico mas pra vc acho esta mais provavelmente para uma fabula
  Traduzindo  : só eu ( ou os da minha igreja/denominação) temos a chave pára a interpretação correta da Bíblia. Todos os demais estão citando  "fora do contexto" ou são desqualificados porque "voce não tem como entender a biblia corretamente".
A postura do Fundamentalista é fugir á discussão racional apelando para uma pretensa interpretação espiritual  cujo método ( santa coincidência Batman!) apenas ele possui entre os que estão debatendo.




quarto, voce acha que tem condições de julgar a Deus? quem foi que te disse que voce é o padrão de justica do universo??voce criou o universo?? nao?? porque acha que esta certo?? para mim voce esta completamente errado, agora te pergunto, quem afinal esta certo? eu ou voce?? da onde vem o padrão de justiça do qual voce pesa contra Deus?? e de quem é o padrão de justiça do qual eu estou a favor Dele??

pra julgarmos temos que ter uma metria, tem que fazer comparação com um padrão absoluto
se seguimos todos as mesmas ações intuitivas basicas, é porque existe um padrão, existe uma lei
ela pode ter exceções? sim, mas por isso mesmo é uma lei, porque tem beneficiarios e exclusos

Se existe uma Lei universal que julga a moral
é necessario que exista um legislador para ela, uma lei nao se cria sozinha
sabemos que só uma mente pode legislar algo
estamos debaixo desta mesma lei, e portanto do mesmo criador desta lei
quem poderia criar Leis universais alem do proprio criador do universo o qual tem o titulo de Deus?


Não existem padrões absolutos de moralidade , nem existem leis universais relativas á moral ou comportameto humano.
Todo ordenamento moral é cultural , ou seja , histórico ( modifica-se com as transformações das sociedades) e heterogêneo ( varia entre sociedades diferentes).
Aliás é por isso que os religiosos são obrigados a  apelar para a "interpretação" quando o relato literal do seu livro sagrado é claramente contrário aos padrões morais que eles professam na atualidade.


se nao fosse assim, eu poderia matar criancinhas, comelas no jantar e ainda estaria sendo absolutamente justo segundo minha propria vontade, segundo o meu proprio padrão, eu poderia achar um carrão pela frente rouba-lo, matar o dono e estuprar as filhas menores dele e queimar sua casa e ainda estaria sendo completamente justo!! inclusive eu poderia achar que voce não tem o direito de expor a sua opinião e arrancar seus braços, e estaria sendo justissimo segundo eu mesmo
então é notavel que existe uma lei universal que nos julga, do qual fazemos metria, ou nada teria sentido nenhum, seriamos como animais racionais, sem nenhuma afinidade por nada a nao ser nos mesmos, se nao fomos nos que criamos essa lei do qual somos julgados, quem criou?

Bobagem.
Comportamentos morais e as leis e  códigos que os delimitam em uma sociedade são uma construção social , portanto coletiva , dos seus membros. O ser humano é um ser social pois sua vida só pode ser concebida dentro de uma sociedade ; a ficção de uma vontade autônoma absoluta é um espantalho que nunca existiu nem existirá na sociedades humamas.
Quanto aos comportamentos moralmente condenáveis ou francamente criminosos pelos nossos padrões morais atuais , mas  moralmente aceitáveis no passado ,  o Velho Testamento está repleto deles
Se não queres que riam de teus argumentos , porque usas argumentos risíveis ?

A liberdade só para os que apóiam o governo,só para os membros de um partido (por mais numeroso que este seja) não é liberdade em absoluto.A liberdade é sempre e exclusivamente liberdade para quem pensa de maneira diferente. - Rosa Luxemburgo

Conheça a seção em português do Marxists Internet Archive

Offline Contini

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.610
  • Sexo: Masculino
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #4 Online: 22 de Setembro de 2009, 22:14:32 »
O fundamentalista exemplifica bem como a religião cristã pode ser hedionda! Quer dizer que sem a figura opressora e cruel do deus cristão sanguinário ameaçando com o inferno o crente soltaria a franga e sairia por aí matando e fazendo outras barbaridades?!
Ops... Então não deu muito certo, pois crentes já fizeram e ainda fazem barbaridades em nome desse deus ridículo!
"A idade não diminui a decepção que a gente sente quando o sorvete cai da casquinha"  - anonimo

"Eu não tenho medo de morrer, só não quero estar lá quando isso acontecer"  - Wood Allen

    “O escopo da ciência é limitado? Sim, sem dúvida: limitado a tratar daquilo que existe, não daquilo que gostaríamos que existisse.” - André Cancian

Offline Contini

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.610
  • Sexo: Masculino
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #5 Online: 22 de Setembro de 2009, 22:15:23 »
Editado... duplicou a mensagem
"A idade não diminui a decepção que a gente sente quando o sorvete cai da casquinha"  - anonimo

"Eu não tenho medo de morrer, só não quero estar lá quando isso acontecer"  - Wood Allen

    “O escopo da ciência é limitado? Sim, sem dúvida: limitado a tratar daquilo que existe, não daquilo que gostaríamos que existisse.” - André Cancian

Offline Mr. Mustard

  • Nível 39
  • *
  • Mensagens: 3.918
  • Sexo: Masculino
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #6 Online: 22 de Setembro de 2009, 22:24:16 »
Eu particularmente não tenho a menor vontade de tentar explicar Deus, mas fico bem decepcionado de saber que minha geração e mais umas 1000 à frente ainda vão colocar a culpa em Deus por tudo e a todos.

Se você fez o bem = Deus
Se você fez o mal = Deus
Se você ganhou na megasena = Deus
Se você se separou da esposa = Deus

Ainda vamos ter que aguentar a religião relacionando Deus a tudo o que acontece na vidas das pessoas... E pior, sem evidência nenhuma.
Já o comentário do Fundamentalista, eu achei de extremo mau gosto e o Luiz Souto respondeu bem a questão.

Offline Fundamentalista

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 200
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #7 Online: 23 de Setembro de 2009, 11:57:17 »
Citar
Traduzindo  : só eu ( ou os da minha igreja/denominação) temos a chave pára a interpretação correta da Bíblia. Todos os demais estão citando  "fora do contexto" ou são desqualificados porque "voce não tem como entender a biblia corretamente".
A postura do Fundamentalista é fugir á discussão racional apelando para uma pretensa interpretação espiritual  cujo método ( santa coincidência Batman!) apenas ele possui entre os que estão debatendo.

voce esta imputando a mim coisas que eu não disse
nao disse que so a minha denominação, nunca foi uma questão de denominações mas de entender a verdade como ela realmente é, alguem pode fazer isso sem nem nunca ter colocado o pé em uma igreja, o proprio texto diz que ele só é dicernivel corretamente quando feito espiritualmente, um dos axiomas da fé cristã é que todo conhecimento vem de Deus, que a biblia é a palavra inerrante Dele

Citar
Não existem padrões absolutos de moralidade , nem existem leis universais relativas á moral ou comportameto humano.
Todo ordenamento moral é cultural , ou seja , histórico ( modifica-se com as transformações das sociedades) e heterogêneo ( varia entre sociedades diferentes).
Aliás é por isso que os religiosos são obrigados a  apelar para a "interpretação" quando o relato literal do seu livro sagrado é claramente contrário aos padrões morais que eles professam na atualidade.

Existem verdades absolutas e verdades absolutas na moral, infelizmente para voce o argumento "Toda verdade é relativa!" e "Não existem absolutos!" é um erro facilmente refutado

A verdade é transcultural. Se alguma coisa é verdadeira, então ela é verdadeira para todas as pessoas, em todos os lugares, em todas as épocas (2 + 2 = 4 para todo o mundo, em todo lugar, o tempo todo).

"Todo mundo conhece certos princípios. Não existe uma terra onde o assassínio seja uma virtude e a gratidão seja um defeito". CS lewis que era ateu, até pensar sobre isso

"o momento em que você diz que um conjunto de idéias morais pode ser melhor que outro, na 'verdade você está mensurando ambos de acordo com um padrão, dizendo que um deles conforma-se melhor a esse padrão do que o outro. Contudo, o padrão que mede duas coisas é, de certo modo, diferente de ambas. Você está, de fato, comparando ambos com alguma moralidade real, admitido que existe uma coisa chamada Certo real, independentemente daquilo que as pessoas pensam, e que as idéias de algumas pessoas aproximam-se mais desse Certo real do que outras. Pense da seguinte maneira: se as suas idéias morais podem ser mais verdadeiras e as dos nazistas menos verdadeiras, então deve haver alguma coisa — alguma moralidade real — para que elas sejam consideradas verdadeiras." cs Lewis

Se a lei moral não existe, então não existe diferença moral entre o comportamento de Madre Teresa e o de Hitler. Do mesmo modo, afirmações como ''Assassinar é um mal", "O racismo é errado" ou "Você não deve abusar de crianças" não possuem significado objetivo. São simplesmente as opiniões de alguém, expostas ao lado de declarações como "O gosto do chocolate é melhor que o da baunilha". De fato, sem a lei moral, termos simples carregados de valor como "bom", "mau", "melhor" e "pior" não teriam significado objetivo quando fossem usados no sentido moral. Mas nós sabemos que possuem significado. Quando dizemos, por exemplo, "A sociedade está melhorando" ou ''A sociedade está piorando", estamos comparando a sociedade a algum padrão moral que está além de nós mesmos. Esse padrão é a lei moral que está escrita em nosso coração.

o relativismo não anda paralelo com a realidade

"Um professor de uma grande universidade do Estado norte-americano de Indiana fez um de seus estudantes relativistas passar pela mesma experiência há não muito tempo. O professor, que estava lecionando um curso de ética, pediu um trabalho de final de semestre a seus alunos. Ele disse que os alunos deveriam escrever sobre qualquer aspecto ético de sua escolha, pedindo apenas que cada qual respaldasse adequadamente sua tese com justificativas e provas autênticas. Um dos alunos, ateu, escreveu de maneira eloqüente sobre a questão do relativismo moral. Ele argumentou da seguinte maneira: "Toda moralidade é relativa; não existe um padrão absoluto de justiça ou retidão; tudo é uma questão de opinião: você gosta de chocolate, eu gosto de baunilha' e assim por diante. Seu trabalho apresentou tanto suas justificativas quanto as provas comprobatórias exigidas. Tinha o tamanho certo, foi concluído na data e entregue numa elegante capa azul. Depois de ler todo o trabalho, o professor escreveu bem na capa: "Nota F; não gosto de capas azuis!". Quando recebeu seu trabalho de volta, o aluno ficou enraivecido. Foi correndo até a sala do professor e protestou: — "Nota F; não gosto de capas azuis!". Isso não é justo! Isso não é certo! Você não avaliou o trabalho pelos seus méritos! Levantando a mão para acalmar o irado aluno, o professor calmamente respondeu: — Espere um minuto. Fique calmo. Eu leio muitos trabalhos. Deixe-me ver ... seu trabalho não foi aquele que dizia que não existe essa coisa de justiça, retidão, correção? — Sim — respondeu o aluno. — Então que história é essa de você vir até aqui e dizer que isso não é justo, que não é certo? — perguntou o professor. — Seu trabalho não argumentou que tudo é uma questão de gosto? Você gosta de chocolate, eu gosto de baunilha? — Sim, essa é a minha idéia. — Então, está tudo certo — respondeu o professor. Eu não gosto de azul. Sua nota é F! De repente, surgiu a lâmpada acima da cabeça do aluno. Ele percebeu que, na realidade, acreditava nos absolutos morais. Acreditava pelo menos na justiça. Além do mais, estava acusando seu professor de injustiça por dar-lhe uma nota F baseando-se apenas na cor da capa. Esse fato simples destruiu toda a sua defesa do relativismo."

Citar
Bobagem.
Comportamentos morais e as leis e  códigos que os delimitam em uma sociedade são uma construção social , portanto coletiva , dos seus membros. O ser humano é um ser social pois sua vida só pode ser concebida dentro de uma sociedade ; a ficção de uma vontade autônoma absoluta é um espantalho que nunca existiu nem existirá na sociedades humamas.
Quanto aos comportamentos moralmente condenáveis ou francamente criminosos pelos nossos padrões morais atuais , mas  moralmente aceitáveis no passado ,  o Velho Testamento está repleto deles

Novamente, como pode dizer que algumas coisas do velho testamento eram certas antes e agora não são??
estão sendo comparadas com o que???
para dizer que algo é ruim voce tem que conhecer ou ao menos ter uma ideia do que é bom
Então posso afirmar que os padrões de hoje que estão errados e que certo era antigamente

"Consideramos que essas Verdades são auto-evidentes, que todos os Homens foram criados iguais, que receberam de seu Criador certos Direitos inalienáveis, dentre os quais, a Vida, a Liberdade e a Busca pela Felicidade. Que, para garantir esses direitos, os Governos são instituídos entre os Homens, derivando seus justos poderes do consenso dos governados" da constituição americana (que esta sendo mudada pelo obama)
interressante que ela diz, "receberam do seu Criador"

o relativismo é um argumento muito fraco, facilmente refutavel pela realidade

Offline Anne

  • Nível 20
  • *
  • Mensagens: 687
  • Sexo: Feminino
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #8 Online: 23 de Setembro de 2009, 12:21:28 »
Desde quando Ateísmo é religião sr. Fundamentalista? :o



Offline pablito

  • Nível 14
  • *
  • Mensagens: 347
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #9 Online: 23 de Setembro de 2009, 13:27:23 »
Citação de: Fundamentalista
o proprio ateismo é uma religião, ironica por sinal, porque ela diz não acreditar em sua premissa de existencia, e o metodo cientifico é a favor dos teistas
Essa afirmação não faz nenhum sentido.


Citação de: Fundamentalista
quarto, voce acha que tem condições de julgar a Deus? quem foi que te disse que voce é o padrão de justica do universo??[...]
pra julgarmos temos que ter uma metria, tem que fazer comparação com um padrão absoluto
se seguimos todos as mesmas ações intuitivas básicas, é porque existe um padrão

Seguindo seu raciocínio, se as pessoas intuitivamente já sabem o que é justiça, essa intuição nos dá a capacidade de perceber a injustiça nas ações de qualquer divindade. Logo, nós podemos, por meio dessa intuição de justiça, avaliar as ações de deus.

Citação de: Fundamentalista
Se existe uma Lei universal que julga a moral
é necessario que exista um legislador para ela, uma lei nao se cria sozinha
SE
Esse é o problema com essa argumentação. Você já percebeu quantas vezes você começa uma frase com “se”? Que toda a sua argumentação depende do “se”?

Citação de: Fundamentalista
se nao fosse assim, eu poderia matar criancinhas, comelas no jantar e ainda estaria sendo absolutamente justo segundo minha propria vontade, segundo o meu proprio padrão, eu poderia achar um carrão pela frente rouba-lo, matar o dono e estuprar as filhas menores dele e queimar sua casa e ainda estaria sendo completamente justo!! inclusive eu poderia achar que voce não tem o direito de expor a sua opinião e arrancar seus braços, e estaria sendo justissimo segundo eu mesmo
Você confessa que só não comete os maiores crimes e abusos apenas porque teme um incerto julgamento pós-morte?
E você acha que isso é moralidade?
Que avaliador de caráter seria Javé se ele acreditasse serem justas pessoas que só não cometem atrocidades por medo?
Onde está o “puro de coração”? Ou ser “puro de coração” significa apenas restringir instintos assassinos por medo?

Citação de: Fundamentalista
seriamos como animais racionais, sem nenhuma afinidade por nada a nao ser nos mesmos,
Peraí, mas se as pessoas só não cometem as atrocidades que você confessou ser capaz de cometer, por medo, elas continuam a ser “animais racionais, sem nenhuma afinidade por nada a nao ser nos mesmos” que se contêm apenas por medo.
E se um julgador onisciente acredita que isso é virtude, ele ou não é onisciente ou é cínico.

Offline pablito

  • Nível 14
  • *
  • Mensagens: 347
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #10 Online: 23 de Setembro de 2009, 13:49:07 »
Citação de: Fundamentalista
a biblia é a palavra inerrante Dele

Se é “inerrante”, porque há tantas distinções entre as denominações cristãs?
Além disso, como explicar que atitudes consideradas moralmente corretas no passado pelos religiosos e espiritualizados intérpretes da bíblia, hoje não o sejam. Como a escravidão, por exemplo? Que hoje nenhum religioso sério é capaz de defender, mas no passado era considerada aceitável.

Citação de: Fundamentalista
A verdade é transcultural. Se alguma coisa é verdadeira, então ela é verdadeira para todas as pessoas, em todos os lugares, em todas as épocas (2 + 2 = 4 para todo o mundo, em todo lugar, o tempo todo).
Uma verdade demonstrável, como a soma de 4 unidades, é fácil, mas e um valor moral, como a escravidão? Ela já foi aceita pelos cristãos. Hoje não o é.
Percebe como a moralidade acaba tendo por fonte a realidade social extra-bíblica?  Só buscando a Bíblia para corroborar os valores já previamente selecionados?

Citação de: Fundamentalista
Esse padrão é a lei moral que está escrita em nosso coração.
Pelas necessidades estruturais da vida em sociedade. Não necessariamente pelas mãos de um legislador invisível e hipócrita, que aceita como corretos e justos apenas assassinos em potencial que se urinam de medo e, apenas por isso, não matam.

Citação de: Fundamentalista
tudo é uma questão de opinião
Reduzir a percepção de que valores são socialmente construídos a frases como “tudo é uma questão de opinião ... eu gosto de chocolate, você de baunilha”, significa má fé ou total incompreensão do significado dessa percepção.
O fato de valores serem construídos socialmente não os torna menos reais ou mais frágeis. Ao contrário, os justifica de um modo muito mais consistente do que “papai do céu mandou” – que só serve para assustar criancinhas.
E uma moral baseada no medo não é moral – não passa de coação, se muito.

Citação de: Fundamentalista
como pode dizer que algumas coisas do velho testamento eram certas antes e agora não são??
Escravidão? Penas físicas? Limpezas étnicas? Massacres por diferenças nas crenças religiosas?

E de que modo o fato dos Founding Fathers e constitucionalistas dos Estados Unidos terem sido teístas prova que javé existe? Se fosse assim, o código de Hammurabi provaria a existência de Tiamate.

Offline Contini

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.610
  • Sexo: Masculino
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #11 Online: 23 de Setembro de 2009, 14:02:24 »
Citar
a biblia é a palavra inerrante Dele
Então voce está em conformidade com a biblia e declara que morcegos são aves, existem unicornios, voce agora está em pecado pois está vestido com mais de um tecido diferente, a escravidão não é imoral se os escravos forem argentinos (de nação diferente)...

Putz, são tantas "verdades" que praticamente já está provada a veracidade da biblia...
"A idade não diminui a decepção que a gente sente quando o sorvete cai da casquinha"  - anonimo

"Eu não tenho medo de morrer, só não quero estar lá quando isso acontecer"  - Wood Allen

    “O escopo da ciência é limitado? Sim, sem dúvida: limitado a tratar daquilo que existe, não daquilo que gostaríamos que existisse.” - André Cancian

Offline Fundamentalista

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 200
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #12 Online: 23 de Setembro de 2009, 17:48:12 »
Citar
Desde quando Ateísmo é religião sr. Fundamentalista?


Desde quando é uma crença, já que não tem suporte do metodo cientifico, desde quando nega sua premissa de existencia portanto não é logica, voce acredita que nao existe um Deus ou deuses, voce nao tem certeza absoluta disso, a partir dai é crença e muita fé, estão no mesmo patamar de qualquer tipo de teista e fabula irracional

no tempo de david hume, a ciencia da epoca ainda acreditava que o universo era eterno e estatico em si mesmo
hoje temos evidencias claras e calculos que mostram na realidade o universo como efeito de uma causa primaria
uma causa inteligente com poder criador

a ciencia indica para um universo teista, pq pessoas que dizem ser razoaveis, ainda creem em fabulas de universos em cascas de noz e geração espontânea?
porque nao são razoaveis coisa alguma e são motivadas pela fé do mesmo jeito que todo mundo

um dos maiores cientistas ateus que viveu Arthur Eddington disse ao provar a veracidade da teoria da relatividade com um eclipse,  "Filosoficamente, a noção de um início da ordem presente da natureza me é repugnante [ ... ] eu preferiria ter encontrado um genuíno buraco" o cara teve que confessar o que descobriu como cosmologo..mesmo que com nojo, nojo de uma descoberta cientifica cabal?? pq?..então ele finaliza

 "o início parece apresentar dificuldades insuperáveis, a não ser que concordemos em olhar para ele como algo francamente sobrenatural"

 como cientista ele relatou o que descobriu, mas parece nao aceitar esse fato
e ele NUNCA aceitou, morreu ateu, a razão dizia uma coisa, mas sua fé o fez jamais abandonar sua crença o levou a nunca mudar de ideia
Fica bem claro o que o ateismo verdadeiramente é  uma religião


Citar
Seguindo seu raciocínio, se as pessoas intuitivamente já sabem o que é justiça, essa intuição nos dá a capacidade de perceber a injustiça nas ações de qualquer divindade. Logo, nós podemos, por meio dessa intuição de justiça, avaliar as ações de deus.

ahahah voce julgar a Deus e como pedir para a muleta julgar o aleijado, por acaso o aleijado precisa dar conta de algo para a muleta??a criação tem condição de julgar o seu Criador? afinal o que vc é e o que voce sabe vem do seu criador, não tente julgar a Deus porque voce não tem condição pra isso


Citar
SE
Esse é o problema com essa argumentação. Você já percebeu quantas vezes você começa uma frase com “se”? Que toda a sua argumentação depende do “se”?

porque eu uso a logica para pensar, voce alem de tudo nao entende de interpretação de texto

Citar
Você confessa que só não comete os maiores crimes e abusos apenas porque teme um incerto julgamento pós-morte?
E você acha que isso é moralidade?
Que avaliador de caráter seria Javé se ele acreditasse serem justas pessoas que só não cometem atrocidades por medo?
Onde está o “puro de coração”? Ou ser “puro de coração” significa apenas restringir instintos assassinos por medo?
Peraí, mas se as pessoas só não cometem as atrocidades que você confessou ser capaz de cometer, por medo, elas continuam a ser “animais racionais, sem nenhuma afinidade por nada a nao ser nos mesmos” que se contêm apenas por medo.
E se um julgador onisciente acredita que isso é virtude, ele ou não é onisciente ou é cínico.

nao tem nada a ver com medo, lei moral é algo que julga uma direção em determinada ação, por isso que existe arrependimento, remorso, todos somos iguais perante uma diretriz moral, seja noção de justiça, o desejo de preservação da propria vida e direitos e deveres, o que evidencia uma lei moral e justamente isso, estar dentro de todos nos as mesmas noções basicas de moral, assim como pesa sobre todos os a gravidade por ex

puro coração??? essa é muita boa, quem aqui nesse forum nunca fez nada de errado??
somos conrronpidos por grana, poder, lascivia, se tem algo que nao somos é puros, corações puros hahaha
o que voce nao entende, porque nao conhece, é que todos que se aproximam de Deus nao é por medo, é por amor e gratidão

Citar
Se é “inerrante”, porque há tantas distinções entre as denominações cristãs?
Além disso, como explicar que atitudes consideradas moralmente corretas no passado pelos religiosos e espiritualizados intérpretes da bíblia, hoje não o sejam. Como a escravidão, por exemplo? Que hoje nenhum religioso sério é capaz de defender, mas no passado era considerada aceitável.

a biblia nao fica citando dogmas, isso é coisa de algumas religiões que se dizem cristãos
se voce esta falando do papa, e seu livro males malificarium,  a inquisição , isso é coisas de catolicos e seus papas, que são antibiblicos, assim como todos seus dogmas, indulgencias etc.. muitos acusam a biblia de N coisas do qual simplesmente nao conhecem direito

Citar
Uma verdade demonstrável, como a soma de 4 unidades, é fácil, mas e um valor moral, como a escravidão? Ela já foi aceita pelos cristãos. Hoje não o é.
Percebe como a moralidade acaba tendo por fonte a realidade social extra-bíblica?  Só buscando a Bíblia para corroborar os valores já previamente selecionados?

Escravidão nunca foi padrão de moral, era um despojo de guerra, no fim de uma dominação ou era escravidão ou morte, o povo de Deus foi um dos que mais fez cagada e foi repreendidos por ele, essa é uma das facetas que da veracidade a Biblia, porque ela relata o que realmente aconteceu, e nao cria fabulas para valorizar seus ex-sacerdotes ou seguidores, mas sim mostra que ate o povo de Deus tem de coração mt duro precisa de arrependimento e transformação

Citar
Pelas necessidades estruturais da vida em sociedade. Não necessariamente pelas mãos de um legislador invisível e hipócrita, que aceita como corretos e justos apenas assassinos em potencial que se urinam de medo e, apenas por isso, não matam.

necessidades estruturais? isso nao tem nada a ver, pq chama Deus de hipocrita? se nao existisse uma lei moral que te arrastasse a ter conciencia que matar o semelhante é errado, qual seria o problema em matar? se a moral é relativa então todos os padrões de morais são corretos em si mesmo, inclusive a respeito dos assassinos, seria como a lei de thelema, faz o que queres que ha de se tudo da lei, thelema é a oposição a Lei moral de Deus

Citar
Reduzir a percepção de que valores são socialmente construídos a frases como “tudo é uma questão de opinião ... eu gosto de chocolate, você de baunilha”, significa má fé ou total incompreensão do significado dessa percepção.
O fato de valores serem construídos socialmente não os torna menos reais ou mais frágeis. Ao contrário, os justifica de um modo muito mais consistente do que “papai do céu mandou” – que só serve para assustar criancinhas.
E uma moral baseada no medo não é moral – não passa de coação, se muito.
ja mostrei que a moral de Deus nao é baseada em medo, é respeito, amor, gratidão.. sua definição é equivocada

Citar
Escravidão? Penas físicas? Limpezas étnicas? Massacres por diferenças nas crenças religiosas?
E de que modo o fato dos Founding Fathers e constitucionalistas dos Estados Unidos terem sido teístas prova que javé existe? Se fosse assim, o código de Hammurabi provaria a existência de Tiamate.

nunca afirmei nada disso que voce escreveu, voce é bem mal intencionado, os eua hj tão  são uma bosta, mas ja foi chamada terra da liberdade e igualdade, e tinha uma constituição q era baseada em muito na biblia!!
hoje os eua tão decaindo rapido, justamente pq estão fugindo a decadas do padrão que um dia seguiram
é isso que demostra

E
Citar
ntão voce está em conformidade com a biblia e declara que morcegos são aves, existem unicornios, voce agora está em pecado pois está vestido com mais de um tecido diferente, a escravidão não é imoral se os escravos forem argentinos (de nação diferente)...

Putz, são tantas "verdades" que praticamente já está provada a veracidade da biblia...
voce nao conhece a Biblia por isso fala essas asneiras :)

« Última modificação: 23 de Setembro de 2009, 18:25:06 por Fundamentalista »

Offline Mr. Mustard

  • Nível 39
  • *
  • Mensagens: 3.918
  • Sexo: Masculino
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #13 Online: 23 de Setembro de 2009, 17:55:06 »
voce nao conhece a Biblia por isso fala essas asneiras :)

Mais um que taxa todo mundo de "Asno" por causa da Bíblia...
Realmente, Deus deve ser um cara MUITO furioso... Já que seus semelhantes agem da mesma forma...

Offline Contini

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.610
  • Sexo: Masculino
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #14 Online: 23 de Setembro de 2009, 18:05:01 »
voce nao conhece a Biblia por isso fala essas asneiras :)

Mais um que taxa todo mundo de "Asno" por causa da Bíblia...
Realmente, Deus deve ser um cara MUITO furioso... Já que seus semelhantes agem da mesma forma...
Afinal eles tem que ter algum "argumento", né?
"A idade não diminui a decepção que a gente sente quando o sorvete cai da casquinha"  - anonimo

"Eu não tenho medo de morrer, só não quero estar lá quando isso acontecer"  - Wood Allen

    “O escopo da ciência é limitado? Sim, sem dúvida: limitado a tratar daquilo que existe, não daquilo que gostaríamos que existisse.” - André Cancian

Offline Mr. Mustard

  • Nível 39
  • *
  • Mensagens: 3.918
  • Sexo: Masculino
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #15 Online: 23 de Setembro de 2009, 18:13:41 »
Afinal eles tem que ter algum "argumento", né?

Mas parece brincadeira Camarada... Qualquer coisa que tentamos refutar é sinônimo de "asneiras"... Em qualquer tópico... Assim fica difícil.

Offline Fundamentalista

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 200
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #16 Online: 23 de Setembro de 2009, 18:21:39 »
quero que me apontem então onde está na Biblia
http://www.bibliaonline.com.br/
versão corrigida fiel

onde está as afirmações que ele esta imputando a ela

quem fica por ai, afirmando coisas sem realmente saber, acho que a melhor definição é nescio
um tolo, posso trocar a palavra por tolice e ainda vai permanecer o sentido :)

Afinal eles tem que ter algum "argumento", né?

Mas parece brincadeira Camarada... Qualquer coisa que tentamos refutar é sinônimo de "asneiras"... Em qualquer tópico... Assim fica difícil.

Offline Mr. Mustard

  • Nível 39
  • *
  • Mensagens: 3.918
  • Sexo: Masculino
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #17 Online: 23 de Setembro de 2009, 18:27:27 »
onde está as afirmações que ele esta imputando a ela

Simples. Apresente uma prova que a bíblia é a palavra inerente de Deus...
E óbvio: Não mande versículos nem passagens bíblicas, porque aí não vale tá?

Offline ronysalles

  • Nível 15
  • *
  • Mensagens: 361
  • Sexo: Masculino
  • livre para aprender.
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #18 Online: 23 de Setembro de 2009, 19:34:55 »
voce esta interpretando mal a biblia, fora do contexto, todas as citaçõs feitas por voce estão fora do contexto correto.


Olá Sr Fundamentalista,

Sinceramente, quando eu vi essa palavra eu pensei que só poderia ser brincadeira de algum forista, [fundamentalista], essa é boa!

Mas enfim, vamos a alguns pontos. Você disse que eu interpreto mal a bíblia; disse também que TODOS os versículos estão fora do contexto... Que TODOS os versículos? Eu só citei apenas um (Efésios 5: 9). Outra coisa: eu admito que não sou  especialista em interpretação de textos, mas acho que minha graduação em Letras; minha experiência e vivência com a língua inglesa, espanhola e francesa me auxiliam um pouco no entendimento de alguma coisa, sem falar nos 9 anos escutando um pastor zoar no meu ouvido;ou seja se eu com esse humilde conhecimento não puder entender o que disse esse versículo, imagine o povão?

E sobre essa estória de “fora do contexto”, isso já está surrado, não dá nem pra tocar no assunto, mesmo assim, eu pergunto: “qual seria a interpretação correta do versículo?”

Você mencionou As Testemunhas de Jeová como se eu tivesse dito alguma coisa a respeito, você poderia apontar em que trecho eu faço menção a respeito deles?

Eu gostaria também de aproveitar a oportunidade e perguntar, segundo seu conhecimento, o que se significa Cristianismo, e ao mesmo tempo nos provar que as Testemunhas de Jeová não é uma religião cristã... E por falar nisso, a forma como você se refere aos seus irmãos na fé parece meio dissidente. Isso corrobora com a opinião de quem disse que no meio religioso existe muita desavença e disputas, ou não?

Você colocou uma coisa interessante em seu texto, você disse: “se não fosse assim, eu poderia matar criancinhas, comê-las no jantar...” Acaso essa atitude tem a ver com as barbáries de Jeová nos seus bons tempos? Eu não vou citar uns 30 versículos sobre o assunto porque acho desnecessário, você sabe.

Mesmo assim, acho que você fez sua parte; é pra isso que participamos de um fórum,

Um abraço!
“A maior decepção de um crente fervoroso seria, ao chegar no céu, vê um ateu”. ronysalles

Offline Fernando Silva

  • Conselheiros
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.012
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #19 Online: 24 de Setembro de 2009, 07:46:31 »
quero que me apontem então onde está na Biblia
http://www.bibliaonline.com.br/
versão corrigida fiel

onde está as afirmações que ele esta imputando a ela
Posso citar esta:
http://ateusdobrasil.com.br/artigos/contradicoes/atrocidades-cometidas-em-nome-de-deus/

E o que significa "versão corrigida fiel?
Fiel em relação a quê?

Offline Fernando Silva

  • Conselheiros
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.012
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #20 Online: 24 de Setembro de 2009, 07:54:51 »
no tempo de david hume, a ciencia da epoca ainda acreditava que o universo era eterno e estatico em si mesmo
hoje temos evidencias claras e calculos que mostram na realidade o universo como efeito de uma causa primaria
uma causa inteligente com poder criador
1. Não, não temos evidências claras e nem cálculos.
2. Sim, a ciência evolui (ao contrário da religião).
um dos maiores cientistas ateus que viveu Arthur Eddington
A velha falácia do "um dos maiores cientistas ateus disse que...".
Quem define quem são os "maiores"?
como cientista ele relatou o que descobriu, mas parece nao aceitar esse fato
E daí? A realidade vai mudar por causa da opinião dele?
e ele NUNCA aceitou, morreu ateu, a razão dizia uma coisa, mas sua fé o fez jamais abandonar sua crença o levou a nunca mudar de ideia
Fica bem claro o que o ateismo verdadeiramente é  uma religião
Fica bem claro que, psicologicamente, ele gostaria que houvesse um deus, mas sua razão foi mais forte que suas fantasias e desejos.
a biblia nao fica citando dogmas, isso é coisa de algumas religiões que se dizem cristãos
"Quem não me seguir vai para o inferno". Isto é um dogma.
voce nao conhece a Biblia por isso fala essas asneiras :)
Tradução: "você não aceita que a briba seja a palavra de Deus".

Offline Fundamentalista

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 200
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #21 Online: 24 de Setembro de 2009, 10:15:27 »
Citar
Olá Sr Fundamentalista,

Sinceramente, quando eu vi essa palavra eu pensei que só poderia ser brincadeira de algum forista, [fundamentalista], essa é boa!

Mas enfim, vamos a alguns pontos. Você disse que eu interpreto mal a bíblia; disse também que TODOS os versículos estão fora do contexto... Que TODOS os versículos? Eu só citei apenas um (Efésios 5: 9). Outra coisa: eu admito que não sou  especialista em interpretação de textos, mas acho que minha graduação em Letras; minha experiência e vivência com a língua inglesa, espanhola e francesa me auxiliam um pouco no entendimento de alguma coisa, sem falar nos 9 anos escutando um pastor zoar no meu ouvido;ou seja se eu com esse humilde conhecimento não puder entender o que disse esse versículo, imagine o povão?

E sobre essa estória de “fora do contexto”, isso já está surrado, não dá nem pra tocar no assunto, mesmo assim, eu pergunto: “qual seria a interpretação correta do versículo?”

Infelizmente para voce o entendimento da biblia não tem nada a ver com intelecto, é dicernida espiritualmente, portanto sua graduação não tem nenhum valor para isso, em relação a interpretação da texto fica evidente que voce foi mal intencionado no seu comentario, ja que na logica, as conclusões são condicionadas e não estão embutidas nas premissas coisas que ateus gostam de fazer, por isso o uso do se

"Porque o fruto do Espírito está em toda a bondade, e justiça e verdade" (Efésios 5: 9).

Se voce conhecese o novo testamento do começo ao fim, saberia que fruto do espirito é citados em outros lugares, fruto do espirito, fala somente do fruto do espirito que Jesus depositou em seus eleitos,o espirito santo, que faz parte da trindade divina e somente com ele alguem pode dicernir a biblia corretamente
por isso muitos conhecem a Biblia do começo ao fim e nada entendem, e por nenhum esforço que façam vão entender

"Isso mostra quão grande é a distância entre a fé e os frutos do tão pregado amor de Deus" nao tem nada a ver com o versiculo, a fé é a chave para conhecer Deus

OLha aqui o segundo versiculo que voce colocou, e tem mais outros

“a fé sem obras é morta”
esse versiculo fala que as obras do cristão que o aproximam do padrão que Deus exige para o cristão, então quem diz ser filho da verdade, nao pode ficar por ai proclamando mentiras, ou enganações e artmanhas para qualquer tido de lucro improprio, o que nao significa que os cristãos são mais santos que ninguem, erramos e fazemos cagadas como qualquer outra pessoa, mas justificados por fé em Cristo Jesus, do mesmo jeito que nenhuma obra pode nos salvar, depois de salvos nenhuma pode nos condenar e a cada dia vamos em direção da vontade e moral do Senhor em busca da perfeição, esse entendimento voce so vai ter  se conhecer a biblia inteira, porque é informação que agrega valor a informação, então pegar um versiculo isolado coloca-lo em outro contexto voce pode dar qualquer interpretação a ele, inclusive justificando seus pessimos argumentos


Citar
Eu gostaria também de aproveitar a oportunidade e perguntar, segundo seu conhecimento, o que se significa Cristianismo, e ao mesmo tempo nos provar que as Testemunhas de Jeová não é uma religião cristã... E por falar nisso, a forma como você se refere aos seus irmãos na fé parece meio dissidente. Isso corrobora com a opinião de quem disse que no meio religioso existe muita desavença e disputas, ou não?

Você colocou uma coisa interessante em seu texto, você disse: “se não fosse assim, eu poderia matar criancinhas, comê-las no jantar...” Acaso essa atitude tem a ver com as barbáries de Jeová nos seus bons tempos? Eu não vou citar uns 30 versículos sobre o assunto porque acho desnecessário, você sabe.

Mesmo assim, acho que você fez sua parte; é pra isso que participamos de um fórum,

Um abraço!

Cristão é o quem tem fé em Cristo, não somente do acreditar, mas de se submeter, aceitar, seguir segundo sua doutrina e axiomas, portanto sendo fundamentalista, quer dizer fundamentado na fé Cristã que esta na biblia sendo ela revelada por Deus aos Homens portanto verdade absoluta de Deus, criacionista e salvo pelo evangelho do arrependimento de Cristo sendo assim servo e filho de Deus por adoção em nome de Jesus Cristo, que fez habitar o Espirito Santo de Deus que arrasta o homem para estatura moral de Cristo, fazendo entao um novo homem, uma pessoa regenerada, do qual o pecado nao tem mais poder

Voce tbm so vai saber dessas coisas se conhecer e interpretar a Biblia corretamente, muitos hojes se dizem evangelicos, e não são cristãos, muitos usam alguns pedaços cortados da Biblia em seus argumentos e nada conhecem de Cristo, o termo gospel generalizou muitos que são totalmente diferentes

por isso voce pode falar sobre disputas, a verdade é uma so, e a oposição a isso é erro, então qualquer coisa que oponha o verdadeiro cristianismo nao é Cristianismo, mesmo que assim se nomei, do mesmo jeito que existem varias denominações diferentes do qual a doutrina é igual, divergindo em pequenas alegorias que nao mudam os principios cristãos, portanto são iguais

interressante que eu coloquei justamente coisas que iam causar revolta , pra  perceberem que dentro de diretrizes morais basicas reagimos da mesma maneira, evidenciando uma lei moral que rege todos nós, senão nao teria certo ou errado, e tudo seria certo ou errado deacordo com ponto de vista de cada um, o que esta contrario a nossa realidade portanto a ciencia

te digo que voce nao fez a sua parte nao, pq nao respondeu sobre a refutação dos seus argumentos relativistas e preferiu por a culpa dos homens em cima de Deus

paz

obs: testemunhas de jeova, nao acreditam que Cristo é filho de Deus, mas sim um anjo, nao creem no espirito santo como dentro da trindade divina, portanto não são cristãos


Offline Fundamentalista

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 200
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #22 Online: 24 de Setembro de 2009, 10:45:20 »
Citar
1. Não, não temos evidências claras e nem cálculos.
2. Sim, a ciência evolui (ao contrário da religião).

Hoje é certo que o universo teve um inicio, portanto é efeito de uma Causa primaria
vai deixar de ser ateu agora??
aposto que não, tem muita fé no seu ateismo

Citar
A velha falácia do "um dos maiores cientistas ateus disse que...".
Quem define quem são os "maiores"?
so te digo para vc olhar o curiculum do cara, voce nem conhece um dos seus maiores "irmaos" de fé
e que fazia ciencia de verdade


Citar
E daí? A realidade vai mudar por causa da opinião dele?
a vida dele so demonstra o que acontece com todo ateu, é movido por crendisse, assim como os que dizem estar errados, os teistas


Citar
Fica bem claro que, psicologicamente, ele gostaria que houvesse um deus, mas sua razão foi mais forte que suas fantasias e desejos.

voce nao pode tar sendo serio, ficou claro que a razão dizia que o mundo é um milagre sobrenatural, mas que a fé dele nao aceitava e nunca aceitou o que a razão evidenciava, religioso

Citar
"Quem não me seguir vai para o inferno". Isto é um dogma.
na logica so existe 2 coisas, sim e não, ou voce escolhe um caminho ou outro, ou escolhe estar com Deus ou separado dele, isso é logico

Citar
Tradução: "você não aceita que a briba seja a palavra de Deus".
voce alem de nao conhecer a palavra de Deus, prefere julgar sem conhecer
é como chegar um cara e te dar um vaso e ele te dizer que tem um tesouro dentro, e voce pega o vaso e joga fora sem nem ver se o tesouro esta la
é isso que significa

Offline Mr. Mustard

  • Nível 39
  • *
  • Mensagens: 3.918
  • Sexo: Masculino
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #23 Online: 24 de Setembro de 2009, 11:01:33 »
onde está as afirmações que ele esta imputando a ela

Simples. Apresente uma prova que a bíblia é a palavra inerente de Deus...
E óbvio: Não mande versículos nem passagens bíblicas, porque aí não vale tá?

Fundamentalista,

Se eu vou ficar sem resposta (e tenho certeza disto), posso concluir que você também está falando "asneiras"?

Ou vai partir para aquela velha resposta de que "não é obrigado a responder a todos"?
Mas um adepto do "Bate e corre"...

Offline pablito

  • Nível 14
  • *
  • Mensagens: 347
Re: A pesada mão de Deus
« Resposta #24 Online: 24 de Setembro de 2009, 11:38:14 »
Olá,

O Fundamentalista escreve de modo diversionista.

Mas vamos lá.

Citar
Desde quando Ateísmo é religião sr. Fundamentalista?


Desde quando é uma crença, já que não tem suporte do metodo cientifico


1) Ateísmo define-se pela falta de crença em divindades. Repito, “falta de crença”. Logo, caracterizá-lo como uma crença é incorreto.

2) No âmbito deste fórum (Clube Cético), a atitude que se recomenda é o ceticismo, ou seja, aceitar apenas aquilo que possui evidências suficientes para diminuir a dúvida.
A correta atitude cética não precisa negar deus, apenas não o afirma, já que não há evidências suficientes para isso.

Note-se que a não afirmação de deus tampouco pode ser chamada de crença.

Citação de: Pablito
Seguindo seu raciocínio, se as pessoas intuitivamente já sabem o que é justiça, essa intuição nos dá a capacidade de perceber a injustiça nas ações de qualquer divindade. Logo, nós podemos, por meio dessa intuição de justiça, avaliar as ações de deus.

ahahah voce julgar a Deus e como pedir para a muleta julgar o aleijado, por acaso o aleijado precisa dar conta de algo para a muleta??a criação tem condição de julgar o seu Criador? afinal o que vc é e o que voce sabe vem do seu criador, não tente julgar a Deus porque voce não tem condição pra isso


Foi você que afirmou que temos de forma inata uma percepção de justiça. E, como disse, se seguirmos seu raciocínio, se todos temos essa percepção, podemos avaliar a justiça ou injustiça de qualquer ato, até mesmo de um juiz.
Perguntar “quem é você para julgar?” não é resposta. Soa apenas como uma tentativa de fugir do assunto.

Citação de: Pablito
SE
Esse é o problema com essa argumentação. Você já percebeu quantas vezes você começa uma frase com “se”? Que toda a sua argumentação depende do “se”?

porque eu uso a logica para pensar, voce alem de tudo nao entende de interpretação de texto
Esse foi um ad hominem. Peço que evite esse tipo de atitude.
E reafirmo a fragilidade de argumentos que dependem tanto de uma premissa iniciada com “se”. Afinal, ‘se’ a premissa não for real, o argumento todo, por mais lindo e formalmente correto que seja, cai por terra.
E no caso de seus argumentos, é justamente a premissa iniciada pelo “se” que precisa ser provada.


Citação de: Pablito
Se é “inerrante”, porque há tantas distinções entre as denominações cristãs?
Além disso, como explicar que atitudes consideradas moralmente corretas no passado pelos religiosos e espiritualizados intérpretes da bíblia, hoje não o sejam. Como a escravidão, por exemplo? Que hoje nenhum religioso sério é capaz de defender, mas no passado era considerada aceitável.

a biblia nao fica citando dogmas, isso é coisa de algumas religiões que se dizem cristãos
se voce esta falando do papa, e seu livro males malificarium,  a inquisição , isso é coisas de catolicos e seus papas, que são antibiblicos, assim como todos seus dogmas, indulgencias etc.. muitos acusam a biblia de N coisas do qual simplesmente nao conhecem direito

Em nenhum momento citei o papa, católicos, inquisição ou qualquer desses temas. Aliás, releia o que escrevi e veja que explicitamente citei apenas a escravidão, aceita pelo texto bíblico, mas hoje rejeitada por todos os cristãos.Ou você e sua denominação defendem a escravidão?

Escravidão nunca foi padrão de moral
Como assim? A existência de escravos em uma sociedade não possui nenhuma implicação moral?
A não aceitação do status jurídico de escravo em nossa sociedade não tem relação com nossa moralidade?

se nao existisse uma lei moral que te arrastasse a ter conciencia que matar o semelhante é errado, qual seria o problema em matar?
Concordo, mas em nenhum momento nega-se a existência de lei moral ou da necessidade de regras de conduta para a vida em sociedade. Apenas aponta-se que as evidências indicam que essa lei é formada na própria relação social, sem a participação de nenhuma entidade externa à sociedade.

se a moral é relativa então todos os padrões de morais são corretos em si mesmo
Extrapolação sua.
O reconhecimento de que os padrões morais mudam ao longo do tempo demonstra que eles não são corretos em si mesmos, pelo contrário, eles só são corretos em relação à prática social.
Os padrões morais só seriam “corretos em si mesmos” se fossem absolutos.

voce nao conhece a Biblia por isso fala essas asneiras :)

Outro ad hominem.
Favor parar com isso, para que possamos manter um debate educado e produtivo.
Se a memória não me engana, os cristãos deveriam “dar a outra face” ao invés de agredir.

Citação de: Fundamentalista
Hoje é certo que o universo teve um inicio, portanto é efeito de uma Causa primaria
Existem teorias sobre um “antes do big bang”.
Sugiro ver a Scientifc American Brasil, n.24, de 2004.
Também a Scientific American Brasil, n.78, Outubro de 2008.
São revistas de divulgação que apresentam de modo claro para leigos em física as teorias mais complexas.

« Última modificação: 24 de Setembro de 2009, 11:45:19 por pablito »

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!