Autor Tópico: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo  (Lida 26622 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline Liddell Heart

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.237
  • Sexo: Masculino
  • “É melhor reinar no inferno do que servir no céu”
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #125 Online: 03 de Abril de 2011, 11:14:07 »
Combate ao racismo ainda é desafio para o Brasil

http://globonews.globo.com/Jornalismo/GN/0,,MUL1656729-17665-309,00.html

"Afinal, por que é tão difícil condenar alguém por crime de racismo no Brasil?"

Punir alguém por ser racista, homofóbico ou sexista e por dar declarações deste feitio é um crime contra a liberdade de expressão. Mesmo se as coisas que determinada pessoa diz são extremamente repugnantes, ela tem o direito de dizê-las.
Agora, se o crime é uma agressão, não vai ser mais ou menos crime por ter viés preconceituoso. A implantação de "crimes de ódio" no Brasil apenas tenta nos tirar a atenção do que realmente importa, um sistema judiciário lento e obsoleto.
Essa é a minha opinião.  :)
"Onde mora a liberdade, ali está a minha pátria."
Benjamin Franklin

"Posso não concordar com uma só palavra sua, mas defenderei até a morte o seu direito de dizê-la."
Voltaire

Offline Moro

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.984
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #126 Online: 03 de Abril de 2011, 11:33:34 »
Interessante como existe uma visão distinta entre esquerdistas e liberais. Os liberais privilegiam a liberdade de expressão enquanto os esquerdistas normalmente privilegiam uma visão em que o cidadão deve ser controlado a qualquer custo, principalmente se a opinião vem de pessoas com ideologia contrárias.
“If an ideology is peaceful, we will see its extremists and literalists as the most peaceful people on earth, that's called common sense.”

Faisal Saeed Al Mutar


"To claim that someone is not motivated by what they say is motivating them, means you know what motivates them better than they do."

Peter Boghossian

Sacred cows make the best hamburgers

I'm not convinced that faith can move mountains, but I've seen what it can do to skyscrapers."  --William Gascoyne

Offline DDV

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.724
  • Sexo: Masculino
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #127 Online: 03 de Abril de 2011, 11:53:46 »
É uma questão complicada...

No meu entender, todos esses "crimes de opinião" podem muito bem ser enquadrados em 2 grupos:

1- Apologia ao crime;

2- Injúria, calúnia ou difamação.

Não vejo necessidade de se criar mais leis específicas para isso, pois todos os crimes de opinião convergem para um desses 2 grupos.

E no grupo da apologia ao crime, eu incluiria também qualquer defesa do desmantelamento da democracia para a implantação de um regime autoritário no lugar.  :D



Não acredite em quem lhe disser que a verdade não existe.

"O maior vício do capitalismo é a distribuição desigual das benesses. A maior virtude do socialismo é a distribuição igual da miséria." (W. Churchill)

Offline Cientista

  • Nível 32
  • *
  • Mensagens: 2.266
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #128 Online: 03 de Abril de 2011, 11:59:55 »
Não faz meu gênero entrar nesses assuntos (especialmente porque não vejo neles nenhuma possível finalidade prática) de modo que, normalmente, no máximo, apenas leio rapidamente. Mas percebi um detalhe, a menos que tenha me escapado algo, que, depois de 6 páginas, se tornou o motivo de eu fazer este comentário. E vou aproveitar este gancho deixado pelo Luiz F. para introduzí-lo.

A situação aí é clara: Ele ofendeu ela, e somente ela, e ela, somente ela tem o direito de buscar a justiça por qualquer dano causado. O resto é lero-lero de quem não tem o que fazer.
Há algum tempo, num debate (ao "vivo" mesmo) com um grupo de conhecidos meus (em que se encontravam desconhecidos também), eu declarei, *em resposta a uma pergunta direta*, minha total discordância com o projeto de cotas para negros ou quaisquer outras "minorias". Um dos desconhecidos me perguntou se eu era racista. Eu perguntei de volta porque ele não perguntou pelos meus argumentos em vez de qual rótulo poderia colar em mim, mas também respondi, como não gosto de deixar perguntas sem resposta, que eu assumo as posições que possam ser sustentadas pela realidade e pelas evidências científicas embora, historicamente, estas posições nem sempre puderam (e nem sempre podem e, talvez, pelo que todas as evidências indicam, nem sempre poderão) ser abertamente declaradas em diversos contextos sociais.

Eu pergunto: quem cometeu a mais grave "agressão" e quem merece a reparação? Quem faz uma pergunta cuja resposta esperável só pode ser num único sentido (como o 'sinhuzinho' Malta perguntando "tô certo ô tô erraaaaado?" enquanto sacode sua intimidadora coleção de pulseiras -- ou seu intimidador relógio, não lembro mais bem)? Não se pode mais fazer este tipo de pergunta às pessoas porque ela, agora, é capciosa e já assume, mesmo, o status de autoritarismo tirânico. Não é mais uma questão humana e social que se possa debater; é um assunto proibido; é um tabu legalmente estatuído. Perguntar alguma coisa cuja resposta não pode ser livre é esnobar-se de um poder de humilhação e é, ou pode ser considerado, tentar induzir a pessoa em "erro" apenas, e, de modo algum, procurar saber a opinião dela. E é quanto a esta indução que questiono: não teria a Preta Gil cometido um delito contra o Bolsonaro? Não poderia ele acusá-la de tê-lo induzido a uma resposta que o implicaria? Não há previsão para este tipo de indução na lei?

Entre muitas coisas ditas com muita sensatez e absurdos, aqui, como "deve haver limites para a liberdade de expressão", o que eu percebi que estão esquecendo é este importantíssimo detalhe: o Bolsonaro não levantou, deliberadamente, uma bandeira com inscrições e motivos racistas e/ou homofóbicos e foi esfregar na cara da Gil e de qualquer outra pessoa (pelo menos não neste evento). Ela foi perguntar a ele. E se ela não fez a pergunta propondo-se a respeitar qualquer resposta dada, o que é isso? Para que? Então poderíamos mudar o título do tópico para: Preta Gil ataca Bolsoraro com perguntas capciosamente impróprias. Ela preparou uma armadilha para ele.

A liberdade de expressão deve ter a contrapartida da não obrigatoriedade de outros serem platéia de discursos. Mas quando alguém vai lá abordar o outro tem que estar pronto a ouvir o que não quer e debater cara a cara sem choramingos e sem correr pra trás da mamãe lei. Isso nem se enquadra na questão da liberdade de expressão. Liberdade de expressão é para que a pessoa se manifeste deliberadamente.

Não se esqueçam de que nenhuma lei jurídica jamais poderá proibir alguém de ser racista, homofóbico ou coisa similar; só, no máximo, pode proibir de ser sincero. É isso o que devemos querer? É isso o que nos conduzirá a uma sociedade civilizada, estável e de respeito mútuo? Claro que não. Este tipo de coisa, coisa nenhuma, pode ser controlada e Darwin já esclareceu tudo isso de modo suficientemente formalizado há mais de um século e meio. O problema é que o homem não aceita o fato de que não é melhor que qualquer outra criatura viva. O homem adora achar-se melhor que os outros, todos os outros. Não há nada de errado nisso. É muito natural e saudável e uns, de fato, sempre terão mais competência natural para a sobrevivência que outros mas isso não será decidido por nenhum humano, por nenhum ser vivo (aí está a ilusão perigosa). Daí a sociobiologia ser ciência e a eugenia, estupidez. Estão tentando promover um tipo de eugenia às avessas e, independentemente das reais intenções por trás, os resultados serão tão inócuos quanto os da primeira tentativa. Nenhum ser vivo, "consciente" ou não, pode interferir, muito menos inverter os processos seletivos naturais. Só não percamos de vista, também, o quanto esses processos são complexos. O próprio mestre Darwin alertou sobre este importantíssimo detalhe.


Quero deixar claro que fiz este comentário só de passagem e dificilmente darei qualquer tréplica. Não quereria me perder em questões sem importância mesmo que eu tivesse tempo sobrando para isso.

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 38.511
  • Sexo: Masculino
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #129 Online: 03 de Abril de 2011, 13:46:34 »

Mas resposta da forma como ele teria entendido, também não faz sentido.

É como se perguntasse, "e se o seu filho se apaixonasse por uma mulher cuja posição preferida na cama é ficar em cima", e ele falasse que ele não é promíscuo e etc.

O cara tem certeza que homossexual é promíscuo. Não é a primeira vez que afirma isso.

E mesmo eles sendo mais promíscuos, para começar isso não é suficiente para prever um caso em particular, e não tem nada no mundo que impedisse uma pessoa não promíscua de se apaixonar por uma promíscua.

"E se o seu filho se apaixonasse por uma mulher promíscua?", "ah, mas ele teve boa educação, diferente da sua educação para a promiscuidade."

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 38.511
  • Sexo: Masculino
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #130 Online: 03 de Abril de 2011, 13:57:04 »
Combate ao racismo ainda é desafio para o Brasil

http://globonews.globo.com/Jornalismo/GN/0,,MUL1656729-17665-309,00.html

"Afinal, por que é tão difícil condenar alguém por crime de racismo no Brasil?"

Punir alguém por ser racista, homofóbico ou sexista e por dar declarações deste feitio é um crime contra a liberdade de expressão. Mesmo se as coisas que determinada pessoa diz são extremamente repugnantes, ela tem o direito de dizê-las.
Agora, se o crime é uma agressão, não vai ser mais ou menos crime por ter viés preconceituoso. A implantação de "crimes de ódio" no Brasil apenas tenta nos tirar a atenção do que realmente importa, um sistema judiciário lento e obsoleto.
Essa é a minha opinião.  :)

Eu acho que é um pouco mais complicado, e tendo a concordar com Popper:

Citar
The so-called paradox of freedom is the argument that freedom in the sense of absence of any constraining control must lead to very great restraint, since it makes the bully free to enslave the meek. The idea is, in a slightly different form, and with very different tendency, clearly expressed in Plato.

Less well known is the paradox of tolerance: Unlimited tolerance must lead to the disappearance of tolerance. If we extend unlimited tolerance even to those who are intolerant, if we are not prepared to defend a tolerant society against the onslaught of the intolerant, then the tolerant will be destroyed, and tolerance with them. — In this formulation, I do not imply, for instance, that we should always suppress the utterance of intolerant philosophies; as long as we can counter them by rational argument and keep them in check by public opinion, suppression would certainly be unwise. But we should claim the right to suppress them if necessary even by force; for it may easily turn out that they are not prepared to meet us on the level of rational argument, but begin by denouncing all argument; they may forbid their followers to listen to rational argument, because it is deceptive, and teach them to answer arguments by the use of their fists or pistols. We should therefore claim, in the name of tolerance, the right not to tolerate the intolerant. We should claim that any movement preaching intolerance places itself outside the law, and we should consider incitement to intolerance and persecution as criminal, in the same way as we should consider incitement to murder, or to kidnapping, or to the revival of the slave trade, as criminal.


Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.922
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #131 Online: 03 de Abril de 2011, 14:38:51 »

Citar
E é quanto a esta indução que questiono: não teria a Preta Gil cometido um delito contra o Bolsonaro? Não poderia ele acusá-la de tê-lo induzido a uma resposta que o implicaria? Não há previsão para este tipo de indução na lei?

Entre muitas coisas ditas com muita sensatez e absurdos, aqui, como "deve haver limites para a liberdade de expressão", o que eu percebi que estão esquecendo é este importantíssimo detalhe: o Bolsonaro não levantou, deliberadamente, uma bandeira com inscrições e motivos racistas e/ou homofóbicos e foi esfregar na cara da Gil e de qualquer outra pessoa (pelo menos não neste evento). Ela foi perguntar a ele. E se ela não fez a pergunta propondo-se a respeitar qualquer resposta dada, o que é isso? Para que? Então poderíamos mudar o título do tópico para: Preta Gil ataca Bolsoraro com perguntas capciosamente impróprias. Ela preparou uma armadilha para ele.

Esse argumento é como aquele outro em que se vitima o estrupador porque a mulher estuprada usava minisaia curta e apenas um top. Você inverte completamente o ônus da culpa.

Citar
A liberdade de expressão deve ter a contrapartida da não obrigatoriedade de outros serem platéia de discursos. Mas quando alguém vai lá abordar o outro tem que estar pronto a ouvir o que não quer e debater cara a cara sem choramingos e sem correr pra trás da mamãe lei. Isso nem se enquadra na questão da liberdade de expressão. Liberdade de expressão é para que a pessoa se manifeste deliberadamente.

Então em nome da liberdade de expressão absoluta deve-se tolerar que pessoas façam apologia ou discriminem diretamente outras pessoas ou grupos?

Citar
Não se esqueçam de que nenhuma lei jurídica jamais poderá proibir alguém de ser racista, homofóbico ou coisa similar; só, no máximo, pode proibir de ser sincero. É isso o que devemos querer? É isso o que nos conduzirá a uma sociedade civilizada, estável e de respeito mútuo? Claro que não

Uma lei sozinha não conseguirá educar uma pessoa a ser tolerante e amar as pessoas diferentes, mas serve para quebrar o círculo do ódio e violência que circunda a intolerância, é civilizatória.


 
Citar
Este tipo de coisa, coisa nenhuma, pode ser controlada e Darwin já esclareceu tudo isso de modo suficientemente formalizado há mais de um século e meio. O problema é que o homem não aceita o fato de que não é melhor que qualquer outra criatura viva. O homem adora achar-se melhor que os outros, todos os outros. Não há nada de errado nisso. É muito natural e saudável e uns, de fato, sempre terão mais competência natural para a sobrevivência que outros mas isso não será decidido por nenhum humano, por nenhum ser vivo (aí está a ilusão perigosa).

Onde está o esclarecimento que Darwin fez sobre isso? Muitos homens se acham melhores que outros, outros se acham iguais e respeitam o próximo. Não existe nada saudavel na intolerância e no preconceito, a não ser a geração de ódio e violência. O que a biologia e a genética nos mostrou é que o conceito de raças é totalmente ignóbel.



Citar
Quero deixar claro que fiz este comentário só de passagem e dificilmente darei qualquer tréplica. Não quereria me perder em questões sem importância mesmo que eu tivesse tempo sobrando para isso.

Para mim a questão tem importância primeira.

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 38.511
  • Sexo: Masculino
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #132 Online: 03 de Abril de 2011, 16:07:24 »

Citar
E é quanto a esta indução que questiono: não teria a Preta Gil cometido um delito contra o Bolsonaro? Não poderia ele acusá-la de tê-lo induzido a uma resposta que o implicaria? Não há previsão para este tipo de indução na lei?

Entre muitas coisas ditas com muita sensatez e absurdos, aqui, como "deve haver limites para a liberdade de expressão", o que eu percebi que estão esquecendo é este importantíssimo detalhe: o Bolsonaro não levantou, deliberadamente, uma bandeira com inscrições e motivos racistas e/ou homofóbicos e foi esfregar na cara da Gil e de qualquer outra pessoa (pelo menos não neste evento). Ela foi perguntar a ele. E se ela não fez a pergunta propondo-se a respeitar qualquer resposta dada, o que é isso? Para que? Então poderíamos mudar o título do tópico para: Preta Gil ataca Bolsoraro com perguntas capciosamente impróprias. Ela preparou uma armadilha para ele.

Esse argumento é como aquele outro em que se vitima o estrupador porque a mulher estuprada usava minisaia curta e apenas um top. Você inverte completamente o ônus da culpa.

Não tem nada a ver. É um pouco mais como se alguém perguntasse para você, "e se você estivesse com muito tesão e encontrasse uma gata muito bêbada, quase desmaiando, e fosse facinho você levar ela para um canto mais escondido?", implicando que você bem poderia ser um potencial estuprador.

Não sei se chega o suficiente para ele poder tomar alguma ação legal por calúnia, uma vez que a pergunta não faz a acusação diretamente, não é como "quando você vai parar de ser racista?", e da forma como foi feita, apesar de conter a acusação, é tem ainda uma falsa neutralidade que abre espaço para ele "se defender" com afirmações simples como "não haveria problema nenhum, oras, tenho até um cunhado negro".

Offline _tiago

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 6.343
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #133 Online: 03 de Abril de 2011, 16:14:07 »

Mas resposta da forma como ele teria entendido, também não faz sentido.

É como se perguntasse, "e se o seu filho se apaixonasse por uma mulher cuja posição preferida na cama é ficar em cima", e ele falasse que ele não é promíscuo e etc.

O cara tem certeza que homossexual é promíscuo. Não é a primeira vez que afirma isso.

E mesmo eles sendo mais promíscuos, para começar isso não é suficiente para prever um caso em particular, e não tem nada no mundo que impedisse uma pessoa não promíscua de se apaixonar por uma promíscua.

"E se o seu filho se apaixonasse por uma mulher promíscua?", "ah, mas ele teve boa educação, diferente da sua educação para a promiscuidade."

Não fii,
A declaração dele é indiferente... Só te expliquei por que a declaração, vindo dele, fazia sentido. Repito, pois é o que ele acha e sempre declarou noutras ocasiões.

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 38.511
  • Sexo: Masculino
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #134 Online: 03 de Abril de 2011, 16:32:50 »
Sim, não questionei em momento algum, apenas reforcei as razões pelas quais ele estaria errado/sem sentido mesmo supondo que haja um bom embasamento para os gays serem mais promíscuos de modo geral. Não importa que faça sentido "para ele".

Offline Diegojaf

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 24.204
  • Sexo: Masculino
  • Bu...
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #135 Online: 03 de Abril de 2011, 16:43:53 »
Há algum tempo, num debate (ao "vivo" mesmo) com um grupo de conhecidos meus (em que se encontravam desconhecidos também), eu declarei, *em resposta a uma pergunta direta*, minha total discordância com o projeto de cotas para negros ou quaisquer outras "minorias". Um dos desconhecidos me perguntou se eu era racista.

Ué, você tava debatendo com o Juca? :|
"De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto." - Rui Barbosa

http://umzumbipordia.blogspot.com - Porque a natureza te odeia e a epidemia zumbi é só a cereja no topo do delicioso sundae de horror que é a vida.

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.922
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #136 Online: 03 de Abril de 2011, 17:12:42 »

Citar
Não tem nada a ver. É um pouco mais como se alguém perguntasse para você, "e se você estivesse com muito tesão e encontrasse uma gata muito bêbada, quase desmaiando, e fosse facinho você levar ela para um canto mais escondido?", implicando que você bem poderia ser um potencial estuprador.

Não vejo onde essa analogia se encaixa. Então quer dizer que se alguém der mole eu posso discriminar, ofender ou violentar a pessoa, e isso ainda vai ser relativo, por que a pessoa deu mole ou "provocou"? Não creio que disse isso.




Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 38.511
  • Sexo: Masculino
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #137 Online: 03 de Abril de 2011, 19:52:01 »
Perguntar, "e se o seu filho se apaixonasse por uma negra", tem implícita a assunção de que ele seria racista; logo é análogo a perguntar "e se uma mulher bebaça e gostosa estivesse dando sopa", que implicitamente assume a possibilidade da pessoa ser um estuprador.

Não consigo imaginar qualquer possível interpretação, por mais forçada que seja, que disso concluísse que " se alguém der mole eu posso discriminar, ofender ou violentar a pessoa, e isso ainda vai ser relativo, por que a pessoa deu mole ou "provocou" ".




Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 38.511
  • Sexo: Masculino
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #138 Online: 03 de Abril de 2011, 19:54:21 »
Outra analogia, é como se perguntasem, "você Juca, é o presidente, e há todo preparado pelo governo um dispositivo para execução em massa dos burgueses e todos dissidentes. Só falta você dar a ordem. O que você faz?"

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.922
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #139 Online: 04 de Abril de 2011, 08:24:46 »
Perguntar, "e se o seu filho se apaixonasse por uma negra", tem implícita a assunção de que ele seria racista; logo é análogo a perguntar "e se uma mulher bebaça e gostosa estivesse dando sopa", que implicitamente assume a possibilidade da pessoa ser um estuprador.

Não consigo imaginar qualquer possível interpretação, por mais forçada que seja, que disso concluísse que " se alguém der mole eu posso discriminar, ofender ou violentar a pessoa, e isso ainda vai ser relativo, por que a pessoa deu mole ou "provocou" ".





Buckaroo, o que você tenta demonstrar é que ela é culpada pelo racismo ( ou pela culpa da resposta) dele porque ela provocou uma pergunta que sabia que ele daria por ser racista. Ou seja, você inverte totalmente a culpa. Isso não faz dele menos racista e menos culpado, e nem faz dela culpada de nada. Ou então eu já não entendo porra nenhuma.

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.922
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #140 Online: 04 de Abril de 2011, 08:27:27 »
Outra analogia, é como se perguntasem, "você Juca, é o presidente, e há todo preparado pelo governo um dispositivo para execução em massa dos burgueses e todos dissidentes. Só falta você dar a ordem. O que você faz?"

Eu diria que você tenta criar um espantalho. Que merda isso tem a ver???? é Stalismo ou o Khmer Vermelho?

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.922
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #141 Online: 04 de Abril de 2011, 08:48:26 »
Há algum tempo, num debate (ao "vivo" mesmo) com um grupo de conhecidos meus (em que se encontravam desconhecidos também), eu declarei, *em resposta a uma pergunta direta*, minha total discordância com o projeto de cotas para negros ou quaisquer outras "minorias". Um dos desconhecidos me perguntou se eu era racista.

Ué, você tava debatendo com o Juca? :|

Não entendo Diego, eu tinha que você , até mesmo por ser moderador, era uma alguém que conseguia distinguir melhor os assuntos.

Quem é contra as cotas, pode sê-lo por ser racista, pode sê-lo por ter medo de perder espaço, e pode sê-lo por ser contra políticas positivistas ou pode achar que existem melhores métodos para a inclusão do negros e mestiços. Eu era mais a favor, ainda sou, mas acho que a inclusão social, aumento de renda dos mais pobres ( em que a maioria é negro e pardo) tem a mesma força e não entra em choque tão direto com o ultraconservadorismo de setores da sociedade.

Offline Diegojaf

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 24.204
  • Sexo: Masculino
  • Bu...
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #142 Online: 04 de Abril de 2011, 10:28:34 »
Há algum tempo, num debate (ao "vivo" mesmo) com um grupo de conhecidos meus (em que se encontravam desconhecidos também), eu declarei, *em resposta a uma pergunta direta*, minha total discordância com o projeto de cotas para negros ou quaisquer outras "minorias". Um dos desconhecidos me perguntou se eu era racista.

Ué, você tava debatendo com o Juca? :|

Não entendo Diego, eu tinha que você , até mesmo por ser moderador, era uma alguém que conseguia distinguir melhor os assuntos.

Quem é contra as cotas, pode sê-lo por ser racista, pode sê-lo por ter medo de perder espaço, e pode sê-lo por ser contra políticas positivistas ou pode achar que existem melhores métodos para a inclusão do negros e mestiços. Eu era mais a favor, ainda sou, mas acho que a inclusão social, aumento de renda dos mais pobres ( em que a maioria é negro e pardo) tem a mesma força e não entra em choque tão direto com o ultraconservadorismo de setores da sociedade.

Juca, no decorrer deste tópico você tentou de forma infantil demonizar aqueles que não viram nada de errado com as declarações do Bolsonaro, acusando-os de defender comportamentos racistas e homofóbicos. Quando lhe faltam argumentos, você parte para um método de argumentação que abusa de falácias, usando dois pesos e duas medidas para comportamentos recorrentes de figuras que você colocou em um patamar inatingível, além de fazer um verdadeiro escarcéu e fugir pela tangente quando lhe fazem perguntas diretas, como foi o caso do Buckaroo, mesmo que você tenha utilizado o mesmo método com o Spitfire apenas algumas páginas atrás.

E não fui eu o único quem constatou isso. Mas para você, tudo isso é normal e corriqueiro. Se você passar a ser considerado um forista com o qual não vale a pena debater, não diga que não foi avisado.
"De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto." - Rui Barbosa

http://umzumbipordia.blogspot.com - Porque a natureza te odeia e a epidemia zumbi é só a cereja no topo do delicioso sundae de horror que é a vida.

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.922
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #143 Online: 04 de Abril de 2011, 11:50:19 »


Juca, no decorrer deste tópico você tentou de forma infantil demonizar aqueles que não viram nada de errado com as declarações do Bolsonaro, acusando-os de defender comportamentos racistas e homofóbicos. Quando lhe faltam argumentos, você parte para um método de argumentação que abusa de falácias, usando dois pesos e duas medidas para comportamentos recorrentes de figuras que você colocou em um patamar inatingível, além de fazer um verdadeiro escarcéu e fugir pela tangente quando lhe fazem perguntas diretas, como foi o caso do Buckaroo, mesmo que você tenha utilizado o mesmo método com o Spitfire apenas algumas páginas atrás.

E não fui eu o único quem constatou isso. Mas para você, tudo isso é normal e corriqueiro. Se você passar a ser considerado um forista com o qual não vale a pena debater, não diga que não foi avisado.

Não eu não tentei demonizar ninguém. Tenho opinião de que Bolsonaro é racista, homofóbico, ultra-direitista-conservador e defensor da tortura e da ditatura.  Tenho opinião de que quem contemporiza com essa espécie de político tem simpatia por suas posições. Ai eu abomino mesmo. Não vejo nada de errado ser contra a apologia a homofobia, ao racismo e à ditadura e tortura, pelo contrário, isso é o que se espera de uma posição de um adulto.

Outra coisa é a tentativa de criar"n" vezes um espantalho levantando minha condição de "esquerdista"(?), como alguns gostam de dizer aqui. Pois tentam desconstruir minha crítica através de comparações oblíquas ou que não tem muito sentido do ponto de vista da discriminação, como as citações do Agnóstico sobre Dirceu ou Garcia. Ele não gosta deles porque acima de qualquer outra coisa que possam ter feito, eles são representantes de esquerda. E não tem resgistros de discriminação e homofobia contra eles. Não faz o menor sentido, e depois me acusam de dois pesos duas medidas. O mesmo com Lula. Usam um fato em que foi preconceituoso comparando toda a apologia e defesa que Bolsonaro faz contra gays, não da pra engolir uma comparação dessas, por menos que se goste do Lula, e da esquerda de um modo geral, isso é um espantalho, muito mal aplicado

A esquerda, e também a direita de um modo geral e o Lula não são inatingíveis, não estão acima do bem e do mal, mas estão milhões de léguas acima da canalhice hipócrita, homofóbica e racista descarada do Bolsonaro.




Offline PauloCesar

  • Nível 19
  • *
  • Mensagens: 560
  • Sexo: Masculino
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #144 Online: 04 de Abril de 2011, 12:05:54 »
Vi a entrevista dele aqui. Me pareceu equivocado em algumas questões, mas certo em outras e, no geral, bastante coerente.

Até então, só sabia dele o que circulava na imprensa. Essa entrevista mudou a visão que eu tinha dele.
FREE YOUR MIND! - Morpheus

Offline Mr. Mustard

  • Nível 39
  • *
  • Mensagens: 3.918
  • Sexo: Masculino
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #145 Online: 04 de Abril de 2011, 12:34:50 »
A esquerda, e também a direita de um modo geral e o Lula não são inatingíveis, não estão acima do bem e do mal, mas estão milhões de léguas acima da canalhice hipócrita, homofóbica e racista descarada do Bolsonaro.

E realmente existe alguma métrica para medir canalhice hipócrita?

Independente se exista, eu só conheço a Lei e seus dispositivos.
E também sei que tivemos um presidente multado muitas vezes.

Canalhice hipócrita, creio eu, é um desqualificador limitado quando se é regulamentado por Leis.

E neste caso, também creio que agir de má fé é uma distância de diferença em falar besteiras publicamente.

Offline Iconoclasta SP

  • Nível 15
  • *
  • Mensagens: 376
  • Sexo: Masculino
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #146 Online: 04 de Abril de 2011, 14:20:34 »
Até hoje, a única manifestação legitimamente racista cometida por um político foi realizada pelo Pudim-de-Pinga do PT em pessoa. (Antes que me acusem de racista, bêbado não é raça, ok? ;))

Além disso, a mais grosseira manifestação homofóbica, que pretendeu inclusive mudar os rumos de uma eleição, foi igualmente realizada por uma Petista (dona Marta Suplicy).

Eu admitiria criar uma lei para colocar o Bolsonaro na cadeia (ou até na cadeira-elétrica) caso os dois exemplificados acima o acompanhem na mesma pena.

Que tal?

Offline Mahul

  • Nível 17
  • *
  • Mensagens: 486
  • Sexo: Masculino
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #147 Online: 04 de Abril de 2011, 15:28:20 »
Acredito que um país onde a educação pública está falida, a saúde pública idem, a segurança pública (muito) pior que a do Iraque, Líbia ou Afeganistão, ministros recebem "bolsa-aluguel", Sarney está há 50 anos no p(h)oder, assassinos e estupradores são premiados recebem indultos de Natal, Páscoa, Dia das Mães etc, etc (e mais um milhão de etcs), é muita perda de tempo dar tanta atenção a esse caso. :enjoo: Eu, sinceramente, me lixo para todo esse blábláblá histérico e inútil (vai tudo terminar em pizza mesmo). :nojo: E me lixo mais ainda para essa...quem é Preta Gil? :?: Ela tem algum talento além de criar barracos? A propósito, se ela não fosse filha de quem é, teria alguma notoriedade? :umm: 
Não gosto da direita porque ela é de direita e não gosto da esquerda porque ela também é de direita - Mestre Millôr

Deus seria reprovado em qualquer escola de engenharia - Paulo Francis

Só vou acreditar em socialismo no dia em que todo mundo puder morar em Ipanema - Grande Tom Jobim

Offline Hold the Door

  • Editores
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.656
  • Sexo: Masculino
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #148 Online: 04 de Abril de 2011, 22:16:26 »
Não eu não tentei demonizar ninguém. Tenho opinião de que Bolsonaro é racista, homofóbico, ultra-direitista-conservador e defensor da tortura e da ditatura.  Tenho opinião de que quem contemporiza com essa espécie de político tem simpatia por suas posições. Ai eu abomino mesmo. Não vejo nada de errado ser contra a apologia a homofobia, ao racismo e à ditadura e tortura, pelo contrário, isso é o que se espera de uma posição de um adulto.
Quem aqui contemporizou com o Bolsonaro?
Hold the door! Hold the door! Ho the door! Ho d-door! Ho door! Hodoor! Hodor! Hodor! Hodor... Hodor...

Offline Adriano

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.672
  • Sexo: Masculino
  • Ativismo quântico
    • Filosofia ateísta
Re: Bolsonaro ataca Preta Gil com homofobia e racismo
« Resposta #149 Online: 04 de Abril de 2011, 22:35:40 »
Não eu não tentei demonizar ninguém. Tenho opinião de que Bolsonaro é racista, homofóbico, ultra-direitista-conservador e defensor da tortura e da ditatura.  Tenho opinião de que quem contemporiza com essa espécie de político tem simpatia por suas posições. Ai eu abomino mesmo. Não vejo nada de errado ser contra a apologia a homofobia, ao racismo e à ditadura e tortura, pelo contrário, isso é o que se espera de uma posição de um adulto.
Quem aqui contemporizou com o Bolsonaro?
Eu concordo que o Juca se equivocou neste ponto. O principal argumento referente ao Bolsonaro é sobre a sua liberdade política de exercer a sua livre manisfestação de opinião, ainda mais sendo um legítimo representante eleito, considerando o entendimento clássico de democracia.

E este ponto é favorável a minha defesa de liberdade de expressão para os pensamentos políticos contrários a maioria do fórum. Esta maioria, já utilizando dessa liberdade de expressão, é totalmente equivocada e tendenciosa ideologicamente e ainda por cima desconhecedora desse fato.

E por isto também não ligo das críticas que recebo, como de ser um gerador de lero-lero, de ser um religioso político, entre outras mais relacionadas também a minha opinião política. Entendo e acato-as como parte da liberdade de expressão daqueles que estão em contraste com minha posição, mas independente disto existe o respeito de uma amizade construída a base de muitas discussões e de um reconhecimento muito amplo da maneira de pensar de cada um, que permite uma maior liberdade e com o seu devido respeito, considerando as regras de interação do ambiente  :ok:

E sem contar que sou favorável a leis duras contra a homofobia e nem chego a entrar neste mérito  :P
Princípio da descrença.        Nem o idealismo de Goswami e nem o relativismo de Vieira. Realismo monista.

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!