Autor Tópico: Dilma lança cruzada pela educação  (Lida 8625 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.382
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #50 Online: 03 de Maio de 2013, 15:58:35 »


Citação de: Juca
Pode ser mas acho que só o combustível e manutenção do avião e logística de uma viagem presidencial deve ficar perto disso sempre, não? Eu não imagino uma viagem dessas custando muito menos que isso. Se ela fez turismo, é outra coisa. O Obama veio pra cá, e visitou o Cristo e outros cartões postais e...

Os americanos tem um pouquinho a mais de dinheiro do que a gente... coisa pouca.  :hihi:

Na verdade eles devem bastante pra nós.  :wink:

Devem? Então devíamos cobrar  :lol:...

Isso é que é estranho, quase que a gente ( e o mundo) paga pra emprestar pra eles. :lol:

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.382
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #51 Online: 03 de Maio de 2013, 16:05:04 »
O gasto em ensino superior no Brasil é um dos maiores do mundo. E claro que não estamos entre os melhores devido exatamente à incapacidade de gestão do funcionalismo e do governo.

As universidades públicas são ou estão entre as melhores da América Latina e o gasto com com ensino superior ainda é perto de 25% inferior do que a média dos países da OCDE, ainda assim uma relação bem melhor do que do ensino básico tanto na qualidade quanto no gasto, o que revela uma correlação entre gasto e qualidade.

Não é o que dizem os especialistas:


“Não existe relação clara entre gastos e resultados na educação”

http://www.schwartzman.org.br/simon/folhadirigida.pdf

Eu concordo que a gestão é importante e que há desperdícios, mas não concordo quando dizem que dinheiro não é um fator importante. É tão importante quanto.

Primeiro precisa se resolver a gestão, não adianta ficar colocando água num balde furado.

Os números não melhoraram bastante na última década? Acho que pra resolver a gestão também é preciso investir muito, uma coisa não está descolada da outra.



E colhorar a gestão? Melhorar a gestão é exatamente fazer o dinheiro render mais e não colocar mais dinheiro.

Mas como se melhora a gestão sem investir nessa área?

Cortando gastos, estabelecendo metas, pagando por mérito, demitindo incapazes, diminuindo a burocracia, colocando gestores e demitindo apadrinhados politicos, etc, etc, etc

Não se investe em métodos, em redes integradas, em sistemas, e pessoal capacitado, etc? O Básico que qualquer gestor da área prega é o aumento do gasto com salário do professor. Só aí quanto não é preciso? E material didático? Como se investe em gestão sem melhorar o material didático, computadores, sistemas, livros de ponta ? Treinamento e capacitação profissional. Como se melhora isso sem se investir e muito?

Offline Barata Tenno

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 16.283
  • Sexo: Masculino
  • Dura Lex Sed Lex !
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #52 Online: 03 de Maio de 2013, 16:08:47 »
O gasto em ensino superior no Brasil é um dos maiores do mundo. E claro que não estamos entre os melhores devido exatamente à incapacidade de gestão do funcionalismo e do governo.

As universidades públicas são ou estão entre as melhores da América Latina e o gasto com com ensino superior ainda é perto de 25% inferior do que a média dos países da OCDE, ainda assim uma relação bem melhor do que do ensino básico tanto na qualidade quanto no gasto, o que revela uma correlação entre gasto e qualidade.

Não é o que dizem os especialistas:


“Não existe relação clara entre gastos e resultados na educação”

http://www.schwartzman.org.br/simon/folhadirigida.pdf

Eu concordo que a gestão é importante e que há desperdícios, mas não concordo quando dizem que dinheiro não é um fator importante. É tão importante quanto.

Primeiro precisa se resolver a gestão, não adianta ficar colocando água num balde furado.

Os números não melhoraram bastante na última década? Acho que pra resolver a gestão também é preciso investir muito, uma coisa não está descolada da outra.



E colhorar a gestão? Melhorar a gestão é exatamente fazer o dinheiro render mais e não colocar mais dinheiro.

Mas como se melhora a gestão sem investir nessa área?

Cortando gastos, estabelecendo metas, pagando por mérito, demitindo incapazes, diminuindo a burocracia, colocando gestores e demitindo apadrinhados politicos, etc, etc, etc

Não se investe em métodos, em redes integradas, em sistemas, e pessoal capacitado, etc? O Básico que qualquer gestor da área prega é o aumento do gasto com salário do professor. Só aí quanto não é preciso? E material didático? Como se investe em gestão sem melhorar o material didático, computadores, sistemas, livros de ponta ? Treinamento e capacitação profissional. Como se melhora isso sem se investir e muito?

Primeiro se corta os gastos inúteis, se tampa o furo no balde, depois se equipa a máquina para ela apresentar melhores resultados.
He who fights with monsters should look to it that he himself does not become a monster. And when you gaze long into an abyss the abyss also gazes into you. Friedrich Nietzsche

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.382
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #53 Online: 03 de Maio de 2013, 16:10:33 »
O gasto em ensino superior no Brasil é um dos maiores do mundo. E claro que não estamos entre os melhores devido exatamente à incapacidade de gestão do funcionalismo e do governo.

As universidades públicas são ou estão entre as melhores da América Latina e o gasto com com ensino superior ainda é perto de 25% inferior do que a média dos países da OCDE, ainda assim uma relação bem melhor do que do ensino básico tanto na qualidade quanto no gasto, o que revela uma correlação entre gasto e qualidade.

Não é o que dizem os especialistas:


“Não existe relação clara entre gastos e resultados na educação”

http://www.schwartzman.org.br/simon/folhadirigida.pdf

Eu concordo que a gestão é importante e que há desperdícios, mas não concordo quando dizem que dinheiro não é um fator importante. É tão importante quanto.

Primeiro precisa se resolver a gestão, não adianta ficar colocando água num balde furado.

Os números não melhoraram bastante na última década? Acho que pra resolver a gestão também é preciso investir muito, uma coisa não está descolada da outra.



E colhorar a gestão? Melhorar a gestão é exatamente fazer o dinheiro render mais e não colocar mais dinheiro.

Mas como se melhora a gestão sem investir nessa área?

Cortando gastos, estabelecendo metas, pagando por mérito, demitindo incapazes, diminuindo a burocracia, colocando gestores e demitindo apadrinhados politicos, etc, etc, etc

Não se investe em métodos, em redes integradas, em sistemas, e pessoal capacitado, etc? O Básico que qualquer gestor da área prega é o aumento do gasto com salário do professor. Só aí quanto não é preciso? E material didático? Como se investe em gestão sem melhorar o material didático, computadores, sistemas, livros de ponta ? Treinamento e capacitação profissional. Como se melhora isso sem se investir e muito?

Primeiro se corta os gastos inúteis, se tampa o furo no balde, depois se equipa a máquina para ela apresentar melhores resultados.

Acho que as duas coisas juntas seria mais rápido, mas tampar o furo do balde simplesmente não vai melhorar a coisa como você disse, é preciso investimento, e muito.
« Última modificação: 03 de Maio de 2013, 16:20:04 por _Juca_ »

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 27.216
  • Sexo: Masculino
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #54 Online: 03 de Maio de 2013, 16:17:01 »
O gasto em ensino superior no Brasil é um dos maiores do mundo. E claro que não estamos entre os melhores devido exatamente à incapacidade de gestão do funcionalismo e do governo.
As universidades públicas são ou estão entre as melhores da América Latina e o gasto com com ensino superior ainda é perto de 25% inferior do que a média dos países da OCDE, ainda assim uma relação bem melhor do que do ensino básico tanto na qualidade quanto no gasto, o que revela uma correlação entre gasto e qualidade.

Não compare com as instituições da AL. Elas não são parâmetro de excelência.
Foto USGS

Offline Moro

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.984
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #55 Online: 03 de Maio de 2013, 16:17:46 »
O problema não é dinheiro, é apenas gestão.
[...]

Com leitura rápida pelo Google, se descobre que dinheiro não é mais o principal problema.
Gestão é o problema e não somente na educação. E, analisado um pouco mais profundamente, o problema da educação não passa apenas por gestão e dinheiro, a treta é muito mais grossa incluindo a família no bolo, infraestrutura e a questão em voga aqui no fórum sobre a criminalidade e, na maior parte desses outros aspectos, eu acredito que nós ainda não chegamos num ponto sofisticado o suficiente pra ter um problema único enraizado na gestão.

Sobra dinheiro em alguns pontos e falta dinheiro onde deveria ser alocado.
O Brasil tem aumentado significativamente o investimento na educação e sendo praticamente o maior aumento entre os países, mas o valor comparado ao PIB ainda é inferior à média dos países da OCDE.

Segundo estudo da OCDE(1), o Brasil progride bem na questão do investimento quando se trata do ensino superior. Porém, pode-se observar que os indicadores de educação não melhoraram no mesmo nível que o investimento, já que o Brasil ficou, sem surpresa, no 53º lugar em avaliação de qualidade do ensino em estudo da mesma OCDE.

É claro que o problema maior é da gestão do governo:

Citar
[...]
Daniel Cara, coordenador geral da Campanha Nacional Pelo Direito à Educação, cita um exemplo. Segundo parâmetros estipulados pelo MEC, a construção de uma escola deveria custar 1,5 milhão de reais. Na prática, porém, a maioria delas não sai por menos de 4 milhões. "Se multiplicarmos isso pelo número de escolas que são construídas a cada ano, temos a dimensão do desastre”, diz Cara.
[...]
A dificuldade em aplicar apropriadamente os recursos provoca um efeito devastador em outro indicador importante: o gasto por aluno. De acordo com o relatório da OCDE divulgado nesta terça-feira, o investimento per capita (ou melhor, por aluno) ainda é muito inferior ao praticado, em média, pelas nações desenvolvidas. Entre os 35 países analisados, o Brasil ocupa a 31ª posição, com 2.405 dólares por aluno do ensino fundamental. Na OCDE, o valor é de 7.719 dólares. No ensino médio, a comparação é ainda mais chocante: 2.235 dólares ante 9.312 dólares, respectivamente.
[...]

Fonte: http://veja.abril.com.br/noticia/educacao/com-mais-dinheiro-educacao-brasileira-decepciona

Não adianta adicionar dinheiro a uma máquina que não sabe aplica-lo. Porém, dinheiro é necessário para se fazer a transformação, mesmo que durante um momento. Como se fosse para provocar uma glide path.


(1) - http://www.oecd.org/brazil/48670822.pdf


Existe dinheiro para o Brasil investir o mesmo que a média da OCDE?

Bom, se cortassem gastos dispensáveis, como Copa, Olimpíadas, passeios da presidenta, banheiro do juiz, etc, etc, etc......

Quanto exatamente?

Em 2009 existia 45 milhões de alunos da rede básica pública.

Fazendo a conta da diferença meio por cima daria entre 300 e 400 bilhões de dólares, ou algo perto de 700 milhões de reais. Daria pra fazer umas 15 copas mais uma 15 olimpíadas por ano, ou fazíamos uma de cada por mês e sobraria dinheiro pro JB construir uns 100 castelos e a Dilma dar outras mil voltas ao mundo...

O que estou querendo dizer é que dinheiro é sim fundamental e nós não temos em quantidade suficiente, por mais que esse tipo de argumento seja usado.



Estudos da FGV dizem que o Brasil perde R$3,5bi ao ano com corrupção, multiplique pelos últimos 20 anos e adicione juros. Mais RS$60bi na conta, da copa e olimpíadas ,fora o desperdício, só numa viagem de passeio a presidenta gastou quase meio bilhão, veja, não era nada oficial, isso é o gasto dos passeios, obras não concluidas e paradas, etc. Acho que pelo menos a metade do valor desejado pode ser conseguida sem nenhum aumento de impostos ou redirecionamento de outras áreas .

3,5BI?? Por bimestre, só se for.
“If an ideology is peaceful, we will see its extremists and literalists as the most peaceful people on earth, that's called common sense.”

Faisal Saeed Al Mutar


"To claim that someone is not motivated by what they say is motivating them, means you know what motivates them better than they do."

Peter Boghossian

Sacred cows make the best hamburgers

I'm not convinced that faith can move mountains, but I've seen what it can do to skyscrapers."  --William Gascoyne

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.382
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #56 Online: 03 de Maio de 2013, 16:18:31 »
O gasto em ensino superior no Brasil é um dos maiores do mundo. E claro que não estamos entre os melhores devido exatamente à incapacidade de gestão do funcionalismo e do governo.
As universidades públicas são ou estão entre as melhores da América Latina e o gasto com com ensino superior ainda é perto de 25% inferior do que a média dos países da OCDE, ainda assim uma relação bem melhor do que do ensino básico tanto na qualidade quanto no gasto, o que revela uma correlação entre gasto e qualidade.

Não compare com as instituições da AL. Elas não são parâmetro de excelência.

Mas os gastos não são equivalentes?

Offline Barata Tenno

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 16.283
  • Sexo: Masculino
  • Dura Lex Sed Lex !
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #57 Online: 03 de Maio de 2013, 16:19:38 »
O gasto em ensino superior no Brasil é um dos maiores do mundo. E claro que não estamos entre os melhores devido exatamente à incapacidade de gestão do funcionalismo e do governo.

As universidades públicas são ou estão entre as melhores da América Latina e o gasto com com ensino superior ainda é perto de 25% inferior do que a média dos países da OCDE, ainda assim uma relação bem melhor do que do ensino básico tanto na qualidade quanto no gasto, o que revela uma correlação entre gasto e qualidade.

Não é o que dizem os especialistas:


“Não existe relação clara entre gastos e resultados na educação”

http://www.schwartzman.org.br/simon/folhadirigida.pdf

Eu concordo que a gestão é importante e que há desperdícios, mas não concordo quando dizem que dinheiro não é um fator importante. É tão importante quanto.

Primeiro precisa se resolver a gestão, não adianta ficar colocando água num balde furado.

Os números não melhoraram bastante na última década? Acho que pra resolver a gestão também é preciso investir muito, uma coisa não está descolada da outra.



E colhorar a gestão? Melhorar a gestão é exatamente fazer o dinheiro render mais e não colocar mais dinheiro.

Mas como se melhora a gestão sem investir nessa área?

Cortando gastos, estabelecendo metas, pagando por mérito, demitindo incapazes, diminuindo a burocracia, colocando gestores e demitindo apadrinhados politicos, etc, etc, etc

Não se investe em métodos, em redes integradas, em sistemas, e pessoal capacitado, etc? O Básico que qualquer gestor da área prega é o aumento do gasto com salário do professor. Só aí quanto não é preciso? E material didático? Como se investe em gestão sem melhorar o material didático, computadores, sistemas, livros de ponta ? Treinamento e capacitação profissional. Como se melhora isso sem se investir e muito?

Primeiro se corta os gastos inúteis, se tampa o furo no balde, depois se equipa a máquina para ela apresentar melhores resultados.

Acho que as duas coisas juntas seria mais rápido, mas tampar o furo do balde simplesmente não vai melhorar a coisa você disse, é preciso investimento e muito.

Seria mais rápido, mas haveria disperdicio de dinheiro, que é exatamente o que falta.
He who fights with monsters should look to it that he himself does not become a monster. And when you gaze long into an abyss the abyss also gazes into you. Friedrich Nietzsche

Offline Moro

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.984
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #58 Online: 03 de Maio de 2013, 16:20:52 »
O gasto em ensino superior no Brasil é um dos maiores do mundo. E claro que não estamos entre os melhores devido exatamente à incapacidade de gestão do funcionalismo e do governo.

As universidades públicas são ou estão entre as melhores da América Latina e o gasto com com ensino superior ainda é perto de 25% inferior do que a média dos países da OCDE, ainda assim uma relação bem melhor do que do ensino básico tanto na qualidade quanto no gasto, o que revela uma correlação entre gasto e qualidade.

Não é o que dizem os especialistas:


“Não existe relação clara entre gastos e resultados na educação”

http://www.schwartzman.org.br/simon/folhadirigida.pdf

Eu concordo que a gestão é importante e que há desperdícios, mas não concordo quando dizem que dinheiro não é um fator importante. É tão importante quanto.

Primeiro precisa se resolver a gestão, não adianta ficar colocando água num balde furado.

Os números não melhoraram bastante na última década? Acho que pra resolver a gestão também é preciso investir muito, uma coisa não está descolada da outra.



E colhorar a gestão? Melhorar a gestão é exatamente fazer o dinheiro render mais e não colocar mais dinheiro.

Mas como se melhora a gestão sem investir nessa área?

Tirando das mãos de funcionários públicos em geral, e em particular, do PT.
“If an ideology is peaceful, we will see its extremists and literalists as the most peaceful people on earth, that's called common sense.”

Faisal Saeed Al Mutar


"To claim that someone is not motivated by what they say is motivating them, means you know what motivates them better than they do."

Peter Boghossian

Sacred cows make the best hamburgers

I'm not convinced that faith can move mountains, but I've seen what it can do to skyscrapers."  --William Gascoyne

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 27.216
  • Sexo: Masculino
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #59 Online: 03 de Maio de 2013, 16:21:49 »
Se o principal fator para a qualidade de um serviço fosse os gastos com o mesmo, independente da gestão, os funcionários públicos ofereceriam serviços e atendimentos de muito mais qualidade do que os privados.

Precisamente.
Foto USGS

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 27.216
  • Sexo: Masculino
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #60 Online: 03 de Maio de 2013, 16:23:51 »
O gasto em ensino superior no Brasil é um dos maiores do mundo. E claro que não estamos entre os melhores devido exatamente à incapacidade de gestão do funcionalismo e do governo.
As universidades públicas são ou estão entre as melhores da América Latina e o gasto com com ensino superior ainda é perto de 25% inferior do que a média dos países da OCDE, ainda assim uma relação bem melhor do que do ensino básico tanto na qualidade quanto no gasto, o que revela uma correlação entre gasto e qualidade.
Não é o que dizem os especialistas:

“Não existe relação clara entre gastos e resultados na educação”

http://www.schwartzman.org.br/simon/folhadirigida.pdf
Eu concordo que a gestão é importante e que há desperdícios, mas não concordo quando dizem que dinheiro não é um fator importante. É tão importante quanto.
Primeiro precisa se resolver a gestão, não adianta ficar colocando água num balde furado.
Os números não melhoraram bastante na última década? Acho que pra resolver a gestão também é preciso investir muito, uma coisa não está descolada da outra.

Quais são estes "números"?
Foto USGS

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 27.216
  • Sexo: Masculino
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #61 Online: 03 de Maio de 2013, 16:25:59 »
Citação de: Juca
Pode ser mas acho que só o combustível e manutenção do avião e logística de uma viagem presidencial deve ficar perto disso sempre, não? Eu não imagino uma viagem dessas custando muito menos que isso. Se ela fez turismo, é outra coisa. O Obama veio pra cá, e visitou o Cristo e outros cartões postais e...
Os americanos tem um pouquinho a mais de dinheiro do que a gente... coisa pouca.  :hihi:
Na verdade eles devem bastante pra nós.  :wink:

Sim. E não.

Devemos lembrar que eles tem a 'máquina de fazer verdinhas' e não nós.

Basta eles emitirem mais moeda para "exportar" a inflação e o déficit deles.

Foto USGS

Offline Moro

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.984
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #62 Online: 03 de Maio de 2013, 16:29:07 »
edit: corrigi a citação

O gasto em ensino superior no Brasil é um dos maiores do mundo. E claro que não estamos entre os melhores devido exatamente à incapacidade de gestão do funcionalismo e do governo.

As universidades públicas são ou estão entre as melhores da América Latina e o gasto com com ensino superior ainda é perto de 25% inferior do que a média dos países da OCDE, ainda assim uma relação bem melhor do que do ensino básico tanto na qualidade quanto no gasto, o que revela uma correlação entre gasto e qualidade.

Não é o que dizem os especialistas:


“Não existe relação clara entre gastos e resultados na educação”

http://www.schwartzman.org.br/simon/folhadirigida.pdf

Eu concordo que a gestão é importante e que há desperdícios, mas não concordo quando dizem que dinheiro não é um fator importante. É tão importante quanto.

Não Juca. Não está correto. Quando algo é ineficiente, não se dá mais dinheiro para ele arrumar a sua ineficiência. Se reestrutura, se demite. Tire recursos e coloque uma gestão profissional.

Para que você veja o absurdo, imagine que um funcionário seu ficou cuidando de um negócio seu e quando você volta, você percebe que ele gasta 10.000 e deveria gastar 1.000, e ainda presta um serviço meia boca, com uma dezena de suspeitas de fraude e corrupção.

Você Juca, vai:
A- Chamar seu funcionário e oferecer mais dinheiro a ele para arrumar a casa?
B- Manda-lo embora, cortar gastos e arrumar a casa com gestão eficiente.

Por algum motivo, petistas não ligam para a eficiência porque acham que, ao final, dar dinheiro aos companheiros e políticos comprados faz parte da governabilidade, faz parte da equação.

Isso não é real.

Outro ponto, veja que por essa fonte, o % do PIB que o país investe em educação é comparado (mais uma vez) à países que desempenham MUITO melhor do que ele.

http://en.wikipedia.org/wiki/List_of_countries_by_spending_on_education_(%25_of_GDP)

Outro ponto, perceba que o Brasil demonstra a maior aberração do mundo entre a diferença que se gasta em ensino superior e os demais.

http://www.oecd-ilibrary.org/docserver/download/9612041ec016.pdf?expires=1367609112&id=id&accname=guest&checksum=9CDB7DF9BAD5903FACBA84F94D9C19D5
figura 3.2
« Última modificação: 03 de Maio de 2013, 16:41:18 por Agnóstico »
“If an ideology is peaceful, we will see its extremists and literalists as the most peaceful people on earth, that's called common sense.”

Faisal Saeed Al Mutar


"To claim that someone is not motivated by what they say is motivating them, means you know what motivates them better than they do."

Peter Boghossian

Sacred cows make the best hamburgers

I'm not convinced that faith can move mountains, but I've seen what it can do to skyscrapers."  --William Gascoyne

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.382
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #63 Online: 03 de Maio de 2013, 16:29:52 »
O gasto em ensino superior no Brasil é um dos maiores do mundo. E claro que não estamos entre os melhores devido exatamente à incapacidade de gestão do funcionalismo e do governo.
As universidades públicas são ou estão entre as melhores da América Latina e o gasto com com ensino superior ainda é perto de 25% inferior do que a média dos países da OCDE, ainda assim uma relação bem melhor do que do ensino básico tanto na qualidade quanto no gasto, o que revela uma correlação entre gasto e qualidade.
Não é o que dizem os especialistas:

“Não existe relação clara entre gastos e resultados na educação”

http://www.schwartzman.org.br/simon/folhadirigida.pdf
Eu concordo que a gestão é importante e que há desperdícios, mas não concordo quando dizem que dinheiro não é um fator importante. É tão importante quanto.
Primeiro precisa se resolver a gestão, não adianta ficar colocando água num balde furado.
Os números não melhoraram bastante na última década? Acho que pra resolver a gestão também é preciso investir muito, uma coisa não está descolada da outra.

Quais são estes "números"?

Brasil é o 3º que mais evoluiu em educação na última década

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 27.216
  • Sexo: Masculino
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #64 Online: 03 de Maio de 2013, 16:33:00 »
Ele quis dizer meio milhão, o que já é um completo absurdo.
Pode ser mas acho que só o combustível e manutenção do avião e logística de uma viagem presidencial deve ficar perto disso sempre, não? Eu não imagino uma viagem dessas custando muito menos que isso. Se ela fez turismo, é outra coisa. O Obama veio pra cá, e visitou o Cristo e outros cartões postais e...
E? Se o Obama fez, cabe aos americanos cobrarem dele.....

Exatamente. O fato do Obama desperdiçar dinheiro do povo estadunidense não é justificativa para que a Dilma faça o mesmo com o povo brasileiro, ainda mais que o EUA é um país muito mais rico e de potencial para criar riqueza que o Brasil.
Foto USGS

Offline Moro

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.984
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #65 Online: 03 de Maio de 2013, 16:37:09 »
Qualquer iniciativa de otimização, corte de gastos, e aumento de eficiência realizada pelo governo é fadada ao fracasso por definição.

É como o Renan dizendo que vai deixar o Senado mais eficiente e com custo mais baixo.
1- Ele não é gestor, não sabe fazer isso. Nunca fez, tem raiva de quem fez.
2- A fonte do poder dele é exatamente os custos altos, o empreguismo e a troca de favores.
3- O bem estar da população e a eficiência só é um objetivo caso não rompa com 1 e 2.
4- E mais uma vez, como já debatido com funcionários públicos (F.P) aqui no fórum e em dezenas de casos que todos conhecemos, F.P não sabem gerir, ou são técnicos alçados a posição de comando (oh, o cara é o melhor cardiologista, vamos colocar ele como secretário da saúde), ou são cargos políticos, ou os dois. Fora disso, é sorte.
“If an ideology is peaceful, we will see its extremists and literalists as the most peaceful people on earth, that's called common sense.”

Faisal Saeed Al Mutar


"To claim that someone is not motivated by what they say is motivating them, means you know what motivates them better than they do."

Peter Boghossian

Sacred cows make the best hamburgers

I'm not convinced that faith can move mountains, but I've seen what it can do to skyscrapers."  --William Gascoyne

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.382
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #66 Online: 03 de Maio de 2013, 16:40:38 »
Ele quis dizer meio milhão, o que já é um completo absurdo.
Pode ser mas acho que só o combustível e manutenção do avião e logística de uma viagem presidencial deve ficar perto disso sempre, não? Eu não imagino uma viagem dessas custando muito menos que isso. Se ela fez turismo, é outra coisa. O Obama veio pra cá, e visitou o Cristo e outros cartões postais e...
E? Se o Obama fez, cabe aos americanos cobrarem dele.....

Exatamente. O fato do Obama desperdiçar dinheiro do povo estadunidense não é justificativa para que a Dilma faça o mesmo com o povo brasileiro, ainda mais que o EUA é um país muito mais rico e de potencial para criar riqueza que o Brasil.

Não sei no caso da Dilma, mas no caso do Obama é parte do script visitar os principais pontos turísticos da cidade/país que se visita, acho perfeitamente normal e honroso a atitude dele de prestigiar os nossos cartões postais, ou de qualquer outro chefe de estado.

Offline Moro

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.984
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #67 Online: 03 de Maio de 2013, 16:42:49 »
No caso da Dilma, ela leva o Lula e o fotógrafo pessoal dele para viajar e paga a conta. O Lula levava a amante embusteira que depois usava o fato de ter dado para o Lula como uma maneira de conseguir roubar.

É, acho que é diferente. Ele estaria preso nos EUA.
“If an ideology is peaceful, we will see its extremists and literalists as the most peaceful people on earth, that's called common sense.”

Faisal Saeed Al Mutar


"To claim that someone is not motivated by what they say is motivating them, means you know what motivates them better than they do."

Peter Boghossian

Sacred cows make the best hamburgers

I'm not convinced that faith can move mountains, but I've seen what it can do to skyscrapers."  --William Gascoyne

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.382
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #68 Online: 03 de Maio de 2013, 16:45:10 »
Citação de: Juca
Pode ser mas acho que só o combustível e manutenção do avião e logística de uma viagem presidencial deve ficar perto disso sempre, não? Eu não imagino uma viagem dessas custando muito menos que isso. Se ela fez turismo, é outra coisa. O Obama veio pra cá, e visitou o Cristo e outros cartões postais e...
Os americanos tem um pouquinho a mais de dinheiro do que a gente... coisa pouca.  :hihi:
Na verdade eles devem bastante pra nós.  :wink:

Sim. E não.

Devemos lembrar que eles tem a 'máquina de fazer verdinhas' e não nós.

Basta eles emitirem mais moeda para "exportar" a inflação e o déficit deles.



E já o fazem...

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 27.216
  • Sexo: Masculino
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #69 Online: 03 de Maio de 2013, 16:51:44 »
O gasto em ensino superior no Brasil é um dos maiores do mundo. E claro que não estamos entre os melhores devido exatamente à incapacidade de gestão do funcionalismo e do governo.
As universidades públicas são ou estão entre as melhores da América Latina e o gasto com com ensino superior ainda é perto de 25% inferior do que a média dos países da OCDE, ainda assim uma relação bem melhor do que do ensino básico tanto na qualidade quanto no gasto, o que revela uma correlação entre gasto e qualidade.
Não é o que dizem os especialistas:

“Não existe relação clara entre gastos e resultados na educação”

http://www.schwartzman.org.br/simon/folhadirigida.pdf
Eu concordo que a gestão é importante e que há desperdícios, mas não concordo quando dizem que dinheiro não é um fator importante. É tão importante quanto.
Primeiro precisa se resolver a gestão, não adianta ficar colocando água num balde furado.
Os números não melhoraram bastante na última década? Acho que pra resolver a gestão também é preciso investir muito, uma coisa não está descolada da outra.
Quais são estes "números"?

Brasil é o 3º que mais evoluiu em educação na última década

Estes "números" mostram uma melhora no grau de avaliação de um punhado de alunos, como o próprio ministro da Educação de então reconheceu

Citar
Hadda ressaltou que a escola não pode se ocupar somente dos resultados em avaliações, mas não pode esquecer que está formando alunos que “precisam ter proficiência nas disciplinas básicas. “A educação não se reduz a isso, os testes padronizados são importantes, mas não esgotam a questão. A educação transcende esses testes, mas a avaliação é um elemento que estava faltando na cultura escolar”, apontou.

e não refletem uma melhoria global sensível do ensino no Brasil, que continua temerária.

Além disto, as opiniões politicalha dele são ridículas, como neste trecho:

Citar
Para Haddad, o “pior momento” da educação brasileira foi no início da década, entre 2000 e 2001, quando o país ocupou a lanterna no ranking do Pisa. Segundo o ministro, essa tendência está revertida e parte dos avanços se deve às mudanças no sistema de avaliação do país, especialmente a criação do Ideb em 2005 que atribui e divulga nota para cada escola pública.

Para quem estava fora do planeta nos últimos 20 anos e que acha que houve uma "revolução educacional" sob o comando do PT, devo informar que foi a gestão do partido anterior quem definiu a atual LDB, em 1996, e quem criou o primeiro exame nacional, em 1998, o ENEM. Que aliás foi extremamente criticado pela turma que ocupa o poder hoje mas dele se utilizam para fazer propaganda.
« Última modificação: 03 de Maio de 2013, 16:57:05 por Geotecton »
Foto USGS

Offline Dr. Manhattan

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.342
  • Sexo: Masculino
  • Malign Hypercognitive since 1973
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #70 Online: 03 de Maio de 2013, 16:55:48 »
Se o principal fator para a qualidade de um serviço fosse os gastos com o mesmo, independente da gestão, os funcionários públicos ofereceriam serviços e atendimentos de muito mais qualidade do que os privados.

Precisamente.

Concordo em parte com o Juca: um dado que poucos tentam lembrar é que a qualidade do ensino público varia muito de estada para estado e também dentro de cada estado. Só conheço um pouco a realidade aqui do CE, e o fato é que atualmente o salário de um professor de nível médio aqui é muito baixo, quase um insulto para quem passou anos se preparando para o magistério. Dou aulas para futuros professores de física de colégios e vejo o grande desânimo dessas pessoas, que se esforçam bastante para conseguir sua licenciatura e que muitas vezes têm grande prazer em ensinar, ao refletir sobre seu provável futuro no ensino público. Que estímulo um professor desses tem para preparar uma boa aula, ou se esforçar para inspirar os estudantes?

Por outro lado, não é resolvendo uma distorção (baixos salários) que se vai resolver magicamente o problema da qualidade da educação. Basta ver as universidades públicas: temos professores que ganham > R$ 10000,00 por mês e não estão nem um pouco preocupados com o aprendizado dos seus alunos. É preciso haver cobrança também, avaliações de desempenho, melhora na gestão, melhorias na estrutura física das escolas, enfim, esse é um problema que não tem uma resposta simplória (mais dinheiro! mais gestão!)

No caso da gestão, como o Agnóstico destacou, o serviço público tem a peculiaridade de frequentemente utilizar gestores que não possuem formação na área de gestão. Isso também é verdade, naturalmente, nas universidades públicas. Apesar disso, o que acontece é que muitos "gestores" estáo sempre rodeados de secretários e funcionários que, eles sim, possuem conhecimentos e experiência de gestão. Isso não impede, claro, que vaidades idiotas, obsessões ideológicas e plena incompetência não consigam suplantar os conselhos dos entendidos. Mas isso nem sempre acontece.
You and I are all as much continuous with the physical universe as a wave is continuous with the ocean.

Alan Watts

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.382
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #71 Online: 03 de Maio de 2013, 16:56:25 »
O gasto em ensino superior no Brasil é um dos maiores do mundo. E claro que não estamos entre os melhores devido exatamente à incapacidade de gestão do funcionalismo e do governo.
As universidades públicas são ou estão entre as melhores da América Latina e o gasto com com ensino superior ainda é perto de 25% inferior do que a média dos países da OCDE, ainda assim uma relação bem melhor do que do ensino básico tanto na qualidade quanto no gasto, o que revela uma correlação entre gasto e qualidade.
Não é o que dizem os especialistas:

“Não existe relação clara entre gastos e resultados na educação”

http://www.schwartzman.org.br/simon/folhadirigida.pdf
Eu concordo que a gestão é importante e que há desperdícios, mas não concordo quando dizem que dinheiro não é um fator importante. É tão importante quanto.
Primeiro precisa se resolver a gestão, não adianta ficar colocando água num balde furado.
Os números não melhoraram bastante na última década? Acho que pra resolver a gestão também é preciso investir muito, uma coisa não está descolada da outra.
Quais são estes "números"?

Brasil é o 3º que mais evoluiu em educação na última década

Estes "números" mostram uma melhora no grau de avaliação de um punhado de alunos, como o próprio ministro da Educação de então reconheceu

Citar
Hadda ressaltou que a escola não pode se ocupar somente dos resultados em avaliações, mas não pode esquecer que está formando alunos que “precisam ter proficiência nas disciplinas básicas. “A educação não se reduz a isso, os testes padronizados são importantes, mas não esgotam a questão. A educação transcende esses testes, mas a avaliação é um elemento que estava faltando na cultura escolar”, apontou.

e não refletem uma melhoria global sensível do ensino no Brasil, que continua temerária.

Além disto, as opiniões politicalha dele são ridículas, como neste trecho:

Citar
Para Haddad, o “pior momento” da educação brasileira foi no início da década, entre 2000 e 2001, quando o país ocupou a lanterna no ranking do Pisa. Segundo o ministro, essa tendência está revertida e parte dos avanços se deve às mudanças no sistema de avaliação do país, especialmente a criação do Ideb em 2005 que atribui e divulga nota para cada escola pública.

Para quem estava fora do planeta nos últimos 20 anos e que acha que houve uma "revolução educacional" sob o comando do PT, devo informar que foi a gestão do partido anterior quem definiu a atual LDB, em 1996, e quem criou o primeiro exame nacional, em 1998. Que aliás foi extremamente criticado pela turma que ocupa o poder hoje.

Você tem alguma contestação aos métodos da OCDE?

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 27.216
  • Sexo: Masculino
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #72 Online: 03 de Maio de 2013, 17:01:11 »
O gasto em ensino superior no Brasil é um dos maiores do mundo. E claro que não estamos entre os melhores devido exatamente à incapacidade de gestão do funcionalismo e do governo.
As universidades públicas são ou estão entre as melhores da América Latina e o gasto com com ensino superior ainda é perto de 25% inferior do que a média dos países da OCDE, ainda assim uma relação bem melhor do que do ensino básico tanto na qualidade quanto no gasto, o que revela uma correlação entre gasto e qualidade.
Não é o que dizem os especialistas:

“Não existe relação clara entre gastos e resultados na educação”

http://www.schwartzman.org.br/simon/folhadirigida.pdf
Eu concordo que a gestão é importante e que há desperdícios, mas não concordo quando dizem que dinheiro não é um fator importante. É tão importante quanto.
Primeiro precisa se resolver a gestão, não adianta ficar colocando água num balde furado.
Os números não melhoraram bastante na última década? Acho que pra resolver a gestão também é preciso investir muito, uma coisa não está descolada da outra.
Quais são estes "números"?

Brasil é o 3º que mais evoluiu em educação na última década

Estes "números" mostram uma melhora no grau de avaliação de um punhado de alunos, como o próprio ministro da Educação de então reconheceu

Citar
Hadda ressaltou que a escola não pode se ocupar somente dos resultados em avaliações, mas não pode esquecer que está formando alunos que “precisam ter proficiência nas disciplinas básicas. “A educação não se reduz a isso, os testes padronizados são importantes, mas não esgotam a questão. A educação transcende esses testes, mas a avaliação é um elemento que estava faltando na cultura escolar”, apontou.

e não refletem uma melhoria global sensível do ensino no Brasil, que continua temerária.

Além disto, as opiniões politicalha dele são ridículas, como neste trecho:

Citar
Para Haddad, o “pior momento” da educação brasileira foi no início da década, entre 2000 e 2001, quando o país ocupou a lanterna no ranking do Pisa. Segundo o ministro, essa tendência está revertida e parte dos avanços se deve às mudanças no sistema de avaliação do país, especialmente a criação do Ideb em 2005 que atribui e divulga nota para cada escola pública.

Para quem estava fora do planeta nos últimos 20 anos e que acha que houve uma "revolução educacional" sob o comando do PT, devo informar que foi a gestão do partido anterior quem definiu a atual LDB, em 1996, e quem criou o primeiro exame nacional, em 1998. Que aliás foi extremamente criticado pela turma que ocupa o poder hoje.

Você tem alguma contestação aos métodos da OCDE?

Eles se limitam a avaliar, baseado em alguns testes, a qualidade de um punhado de alunos. Mas estes alunos não refletem, de maneira alguma, a média do corpo discente de um país e nem mostram a qualidade da infra-estrutura de ensino.
Foto USGS

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.382
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #73 Online: 03 de Maio de 2013, 17:07:33 »


Eles se limitam a avaliar, baseado em alguns testes, a qualidade de um punhado de alunos. Mas estes alunos não refletem, de maneira alguma, a média do corpo discente de um país e nem mostram a qualidade da infra-estrutura de ensino.

Ninguém está dizendo que estamos bem na fita, nem o ministro. O fato é que o Brasil foi um dos que mais avançaram, mas temos que ponderar que partimos de bases muito baixas. O desafio é manter essa velocidade nas próximas décadas, e ao menos o discurso da presidenta leva a essa intenção política.

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 27.216
  • Sexo: Masculino
Re:Dilma lança cruzada pela educação
« Resposta #74 Online: 03 de Maio de 2013, 17:12:26 »
Eles se limitam a avaliar, baseado em alguns testes, a qualidade de um punhado de alunos. Mas estes alunos não refletem, de maneira alguma, a média do corpo discente de um país e nem mostram a qualidade da infra-estrutura de ensino.
Ninguém está dizendo que estamos bem na fita, nem o ministro. O fato é que o Brasil foi um dos que mais avançaram, mas temos que ponderar que partimos de bases muito baixas. O desafio é manter essa velocidade nas próximas décadas, e ao menos o discurso da presidenta leva a essa intenção política.

O "fato" é que a educação sempre foi um 'patinho feio', especialmente os ciclos fundamental e médio. Uma melhora, tímida é verdade, começou a ser observada a partir da redefinição da LDB e da implantação do ENEM, em 1996 e 1998. Isto, é claro, o senhor Haddad fez de conta que "esqueceu".
Foto USGS

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!