Autor Tópico: Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?  (Lida 25102 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline Pedro Reis

  • Nível 38
  • *
  • Mensagens: 3.785
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #50 Online: 07 de Maio de 2015, 00:03:44 »

Não é possível que esses estudiosos não percebem que o rosto é idêntico ao do Salai. Depois dizem que o Sudário não é uma falsificação.

Agora tá na cara que o Sudário foi criado por Leonardo da Vinci.


Germano, eu não gostaria de fazer aqui o papel de estraga prazeres, mas tem um probleminha ai.

Eu tenho certeza que você trabalhou muito na sua tese, levantou coisas interessantes, pesquisou muito, descobriu um monte de coincidências mas... parece que você esqueceu de prestar atenção nas datas.

Leonardo Da Vinci nasceu em 1452.

Em 1357 o sudário apareceu na Casa di Savoia.

Offline Alquimista

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.724
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #51 Online: 07 de Maio de 2015, 00:44:03 »
Oi, Pedro.

hehe, acho legal quando você me chama de Germano. Vou formar uma banda chamada "los germanos".

Valeu pela mensagem. Você não é estraga prazeres não, só apontou um erro que talvez eu tenha cometido e este fórum serve para isso.
« Última modificação: 07 de Maio de 2015, 01:30:32 por Saint Germain »
"O Alquimista é o supremo alquimista alfa e o ômega das transmutações aurintelectofilosofais."

Offline Alquimista

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.724
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #52 Online: 07 de Maio de 2015, 01:04:52 »
Entretanto, Pedro, gostaria de ressaltar algo importante.

Há mesmo a menção de um certo sudário que apareceu do nada em 1357, mas não pertencia a casa de Savóia ainda, então tome cuidado com as datas também.

Algum estudiosos dizem que o sudário que apareceu em 1357 foi reconhecido facilmente como uma fraude, portanto só poderia se tratar de um protótipo mais tosco da mortalha que nós conhecemos. Os mesmo estudiosos alegam que quando Leonardo já era um homem maduro, a família Savóia, que nessa altura já era proprietária do sudário, fez uma encomenda para que o artista criasse uma versão muito mais convincente e bem feita. O resultado foi o que está em Turim, coincidentemente no mesmo lugar onde se encontra o único auto-retrato de Leonardo. É por isso que em 1506 o sudário foi reconhecido novamente como relíquia verdadeira, já que o de 1357 foi tido como uma fraude.

Então entenda, meu caro forista, existiu mais de um sudário nessa história. Houve uma substituição.

Veja esse texto:
"O sudário reapareceu em 1357 em poder da viúva de Jean de Charney, neto do templário Geoffroy de Charney, que o exibiu na igreja de Lirey. Não foi dada nenhuma explicação para a sua súbita aparição, nem a sua veneração como relíquia, que foi imediatamente aceite. Henrique de Poitiers, arcebispo de Troyes, apoiado mais tarde pelo rei Carlos VI de França, declarou o sudário como uma impostura e proibiu a sua adoração. A peça conseguiu, no entanto, recolher um número considerável de admiradores que lutaram para manter a sua exibição nas igrejas. Em 1389, o bispo Pierre d’Arcis (sucessor de Henrique) denunciou a suposta relíquia como uma fraude fabricada por um pintor talentoso, numa carta a Clemente VII (em Avinhão). D’Arcis menciona: Até então tenho sido bem sucedido a esconder o pano, e revela ainda que a verdade lhe fora confessada pelo próprio artista, que não é identificado. A carta descreve ainda o sudário com grande precisão. Aparentemente, os conselhos do bispo de Troyes não foram ouvidos visto que Clemente VII declarou a relíquia sagrada e ofereceu indulgências a quem peregrinasse para ver o sudário.
Em 1453, o sudário foi trocado por um castelo (não vendido porque a transacção comercial de relíquias é proibida) com o duque Luís de Sabóia. A nova aquisição do duque tornou-se na atracção principal da recém construída catedral de Chambéry, capital do Ducado de Sabóia, de acordo com cronistas contemporâneos, envolvida em veludo carmim e guardada num relicário com pregos de prata e chave de ouro. O sudário foi mais uma vez declarado como relíquia verdadeira pelo Papa Júlio II em 1506."

Fonte: https://www.flickr.com/photos/anselmo_sousa/5315712692/
« Última modificação: 07 de Maio de 2015, 01:26:43 por Saint Germain »
"O Alquimista é o supremo alquimista alfa e o ômega das transmutações aurintelectofilosofais."

Offline Alquimista

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.724
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #53 Online: 07 de Maio de 2015, 02:13:25 »
Pedro, dei uma revisada aqui nos meus arquivos e lembrei de uma informação interessante para complementar o que estamos discutindo.

Já falei que o sudário que apareceu na França em 1357 foi denunciado como uma fraude descarada, o que leva a crer que se tratava de uma primeira versão tosca e mal feita que fora identificada como uma mera pintura, e sabemos que o Sudário de Turim não é uma pintura.

Então em 1453 esta mortalha passa a fazer parte das posses da família Savóia (lembre-se que não foi em 1357 como você havia escrito), porém ficou uns 40 anos sem que ninguém tivesse notícias suas, ou seja, ficou escondida do público.

Depois dessas quatro décadas o sudário surge de novo, mas dessa vez algo supostamente miraculoso aconteceu. De repente todos se maravilharam com este objeto e ele logo foi visto como uma relíquia autêntica, até pelo próprio Papa.

Engraçado é que essa mudança se deu exatamente na época em que Leonardo trabalhava muito e era um artista bem respeitado. Ele também tinha relações estreitas com a família Savóia e o Papa.

Portanto, é de se supor mesmo que foi Leonardo quem criou o sudário, senão como explicar que enquanto este objeto esteve na França em 1357 foi tido como uma falsificação fajuta de repente se transformasse numa autêntica relíquia inquestionável, justamente na época e no lugar onde o grande Leonardo trabalhava? Como explicar tal mudança repentina de atitude? A resposta é óbvia: houve uma substituição de sudários enquanto que a versão mal feita permanecia escondida na Casa di Savoia.

Lembre-se que a família Savóia e o Papa tinham interesses bem claros e específicos para pedir a Leonardo que forjasse uma versão muito mais aprimorada do Sudário, já que esse objeto acabou lhes trazendo poder e prestígio. Afinal de contas, a falsificação de relíquias era algo muito comum e bastante lucrativo nessa época.
« Última modificação: 07 de Maio de 2015, 04:32:21 por Saint Germain »
"O Alquimista é o supremo alquimista alfa e o ômega das transmutações aurintelectofilosofais."

Offline Alquimista

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.724
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #54 Online: 08 de Maio de 2015, 03:02:24 »
Que isso, gente?! Tá parecendo que a galera deu uma brochada por aqui.

Cadê o Bahadur, o Lorentz, o Django e o Giga, que sempre batia de frente comigo nos debates, o Happy Hippie Hemp Jesus, e outros mais?

Vamos lá, colegas, vamos discutir sobre o que escrevi aqui! Avante!
« Última modificação: 08 de Maio de 2015, 03:10:31 por Saint Germain »
"O Alquimista é o supremo alquimista alfa e o ômega das transmutações aurintelectofilosofais."

Offline Pedro Reis

  • Nível 38
  • *
  • Mensagens: 3.785
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #55 Online: 08 de Maio de 2015, 08:08:36 »
Mas o texto não diz que existiram dois sudários. É uma conclusão sua.

Me diga uma coisa: é uma conclusão particularmente sua ou existem outras pessoas que acreditam nessa teoria?

Porque também não há nenhuma sugestão de que o sudário que surgiu em 1357 tenha sido considerado uma falsificação grosseira para os padrões da época. Na verdade, julgando apenas pela informação que você trouxe, apenas um homem fez esta acusação e afirma que o motivo foi a confissão do autor da peça, a quem ele teria conhecido pessoalmente.

Ao mesmo tempo o sudário já era venerado como relíquia. Isso é o que diz o texto.

E sobre não ter sido pintado, bem, isso é o que dizem pessoas suspeitíssimas, ligadas a ICAR.
Aqui mesmo, o J. Cash, disse ter estado em Turim e ter visto o famoso pano, e para ele pareceu claramente uma pintura.

Olha, o texto em que você se baseia diz que em 1453, quando Da Vinci teria apenas um ano de idade, o sudário foi trocado por um castelo. Um castelo? Bem, quem deu um castelo por um pedaço de pano velho não deve ter achado uma falsificação tão tosca assim.

Offline Johnny Cash

  • Nível 40
  • *
  • Mensagens: 4.934
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #56 Online: 08 de Maio de 2015, 08:26:24 »
[...]
 sabemos que o Sudário de Turim não é uma pintura.
[...]
Portanto, é de se supor mesmo que foi Leonardo quem criou o sudário
[...]

Você sabe que a Sindone não é uma pintura, enquanto afirma que foi Leonardo Da Vinci quem criou.

Leonardo teria "criado" oq exatamente, que não uma pintura, e como?

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 37.998
  • Sexo: Masculino
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #57 Online: 08 de Maio de 2015, 09:41:36 »
Existe a hipótese do sudário ser uma espécie primitiva de fotografia, além de talvez poder ser algum tipo de impressão/"carimbo", só que criando a imagem por meios não-mágicos.

Offline Alquimista

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.724
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #58 Online: 08 de Maio de 2015, 11:55:31 »
Puxa, até que enfim os colegas apareceram. Bom, vamos lá:

Mas o texto não diz que existiram dois sudários. É uma conclusão sua.

Me diga uma coisa: é uma conclusão particularmente sua ou existem outras pessoas que acreditam nessa teoria?

Porque também não há nenhuma sugestão de que o sudário que surgiu em 1357 tenha sido considerado uma falsificação grosseira para os padrões da época. Na verdade, julgando apenas pela informação que você trouxe, apenas um homem fez esta acusação e afirma que o motivo foi a confissão do autor da peça, a quem ele teria conhecido pessoalmente.

Ótimo questionamento, Pedro!

Na verdade, não é uma conclusão minha e existiram sim outros estudiosos que chegaram a mesma conclusão.
Não foi apenas um homem que considerou o sudário francês de 1357 uma falsificação, pois temos Pierre D'Arcys, seu predecessor Henrique de Poitiers e o próprio rei Carlos VII que chegaram a essa conclusão depois de um estudo sobre a mortalha.
O último proprietário que possuiu o pano antes dele ser vendido para os Savóia foi uma parente dos de Charney que fez uma exibição na Bélgica. Lá, três membros do clero fizeram um inquérito e chegaram a mesma conclusão de que este sudário era uma pintura.

Ao mesmo tempo o sudário já era venerado como relíquia. Isso é o que diz o texto.

Sim, era sim, mas só pelo povão. O próprio Papa, que foi obrigado a permitir a exibição do pano devido as suas ligações estreitas (favoritivismo) com os De Charney, após as várias evidências de que esse sudário era uma pintura só admitiu que ele fosse exibido com uma condição, que fosse mostrado como um retrato ou cópia do verdadeiro sudário.

E sobre não ter sido pintado, bem, isso é o que dizem pessoas suspeitíssimas, ligadas a ICAR.
Aqui mesmo, o J. Cash, disse ter estado em Turim e ter visto o famoso pano, e para ele pareceu claramente uma pintura.

Olha, o texto em que você se baseia diz que em 1453, quando Da Vinci teria apenas um ano de idade, o sudário foi trocado por um castelo. Um castelo? Bem, quem deu um castelo por um pedaço de pano velho não deve ter achado uma falsificação tão tosca assim.


O primeiro parágrafo vou responder daqui a pouco.

Sim, Pedro, o Sudário falso foi trocado por um castelo porque o duque de Savóia, que era considerado um governante fraco e muito pio, realmente deve ter acreditado que se tratasse de uma relíquia real. Porém, aí há um detalhe surpreendente, o duque só chegou a exibi-lo uma única vez e depois escondeu o pano por uns bons 40 anos. Por que? A resposta é óbvia. Com certeza deve ter descoberto também que era uma fraude, senão por que esconderia uma coisa que foi trocada, como você mesmo falou, por um castelo se isso iria lhe trazer muito lucro?
Daí que entra Leonardo da Vinci na história e depois desses 40 anos, numa nova exibição pública do Sudário, de repente e daí em diante esta mortalha passa a ser uma relíquia considerada inquestionavelmente autêntica.

Bom, disso tudo concluímos que o primeiro sudário era um objeto facilmente identificado como uma pintura que foi desmascarada por várias pessoas.

Continua...     
« Última modificação: 08 de Maio de 2015, 12:17:41 por Saint Germain »
"O Alquimista é o supremo alquimista alfa e o ômega das transmutações aurintelectofilosofais."

Offline Alquimista

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.724
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #59 Online: 08 de Maio de 2015, 12:09:36 »
Você sabe que a Sindone não é uma pintura, enquanto afirma que foi Leonardo Da Vinci quem criou.

Leonardo teria "criado" oq exatamente, que não uma pintura, e como?

Olá, Johny, The Django Man!

Veja a citação do colega Buckaroo Banzai:

Existe a hipótese do sudário ser uma espécie primitiva de fotografia, além de talvez poder ser algum tipo de impressão/"carimbo", só que criando a imagem por meios não-mágicos.

Está correto! Existe sim essa hipótese.

Há muitas evidências que Leonardo da Vinci possa ter sido o inventor de uma forma primitiva de fotografia.

Nos seus cadernos existem citações e esboços de sua lavra que demonstram que ele estava por dentro do funcionamento da Câmara Escura.
Vale lembrar também que Leonardo era especialista em ótica e que conhecia profundamente a obra de Roger Bacon, bem como experimentos alquímicos que envolviam a utilização de substâncias fotossensíveis, como o nitrato de prata. Isso tudo está nos cadernos dele.

Leonardo também conhecia e descobriu técnicas avançadas de pintura que até hoje não foram decifradas e muito menos copiadas. Nesse ponto ele estava muito a frente de seus contemporâneos. Uma radiografia feita na sua obra "João Batista" revelou que ela deve ter sido concebida como uma névoa, pois nenhum rastro de pincelada foi detectada, nem ao menos uma única evidência de técnica de pintura. A mesma situação ocorre também com o anjo do "Batismo de Cristo" de Verrochio, que segundo a lenda fez este abandonar a pintura após constatar que havia sido superado pelo aluno.
"O Alquimista é o supremo alquimista alfa e o ômega das transmutações aurintelectofilosofais."

Offline Alquimista

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.724
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #60 Online: 08 de Maio de 2015, 12:16:03 »
E sobre o fato de Leonardo ter usado novamente o Salai como um dos seus modelos, é interessante vocês saberem que não foi a primeira vez que Salai aparece representado como Jesus Cristo, já que existem muitas pinturas que o mostra assim.

Vejam essa obra, por exemplo, feita pelo próprio Salai no ateliê de Leonardo:

"O Alquimista é o supremo alquimista alfa e o ômega das transmutações aurintelectofilosofais."

Offline Johnny Cash

  • Nível 40
  • *
  • Mensagens: 4.934
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #61 Online: 08 de Maio de 2015, 13:12:02 »
Você sabe que a Sindone não é uma pintura, enquanto afirma que foi Leonardo Da Vinci quem criou.

Leonardo teria "criado" oq exatamente, que não uma pintura, e como?

Olá, Johny, The Django Man!

Olá!

Veja a citação do colega Buckaroo Banzai:

Existe a hipótese do sudário ser uma espécie primitiva de fotografia, além de talvez poder ser algum tipo de impressão/"carimbo", só que criando a imagem por meios não-mágicos.

Está correto! Existe sim essa hipótese.

Há muitas evidências que Leonardo da Vinci possa ter sido o inventor de uma forma primitiva de fotografia.

Nos seus cadernos existem citações e esboços de sua lavra que demonstram que ele estava por dentro do funcionamento da Câmara Escura.
Vale lembrar também que Leonardo era especialista em ótica e que conhecia profundamente a obra de Roger Bacon, bem como experimentos alquímicos que envolviam a utilização de substâncias fotossensíveis, como o nitrato de prata. Isso tudo está nos cadernos dele.

Leonardo também conhecia e descobriu técnicas avançadas de pintura que até hoje não foram decifradas e muito menos copiadas. Nesse ponto ele estava muito a frente de seus contemporâneos. Uma radiografia feita na sua obra "João Batista" revelou que ela deve ter sido concebida como uma névoa, pois nenhum rastro de pincelada foi detectada, nem ao menos uma única evidência de técnica de pintura. A mesma situação ocorre também com o anjo do "Batismo de Cristo" de Verrochio, que segundo a lenda fez este abandonar a pintura após constatar que havia sido superado pelo aluno.

Ah, camarada, é por isso que há evasão dos foristas ou a coisa descamba pra escárnio geral. Se vocês acreditam que o sudário é uma foto que o Da Vinci tirou de um aluno pq Da Vinci teria conhecimento de câmaras escuras e teve aluno cabeludo, bom, isso é só crença mesmo e tudo bem, mas não responde as minhas solicitações que não foram feitas com intuito de trollar.

1 - Como você demonstra que o Sudário não é uma pintura?
2 - Como você demonstra que Da Vinci o construiu? E como ele construiu?
3 - Como pode se demonstrar que se trata do aluno dele? Sendo que pode ser qualquer cabôco cabeludo barbudo em geral. Seguindo a linha de raciocínio que parece existir, pode se chegar a afirmar que o Zakk Wylde é um descendente direto do aluno fotografado do Da Vinci, por exemplo.

Demonstre as suas afirmações com mais substância do que elocubrações filosóficas sobre coincidências que teriam acontecido entre alguns fatos históricos e hipóteses místicas. A coisa não se sustena no nível necessário para um fórum desse (ou como eu quero acreditar que seja).



Sobre a pintura "São João Batista"...bom... acho que as técnicas usadas são clássicas e bem conhecidas e não tem muita dúvida não. Isso de não ter evidência de nenhuma técnica de pintura é meio mágico, dando uma guglada rápida se acha vasto material sobre o tema, estou almoçando e o tempo está curto, mas quer que eu traga pra cá quando der?

O assunto já é controverso, daí começam a aparecer mais essas outras elucubrações Dan Brownzísticas e a coisa toda ganha perspectiva infinita. É divertido, mas só isso. Muito pouco esclarecedor, ou o contrário.

Offline Alquimista

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.724
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #62 Online: 08 de Maio de 2015, 13:40:16 »
Ah, camarada, é por isso que há evasão dos foristas ou a coisa descamba pra escárnio geral. Se vocês acreditam que o sudário é uma foto que o Da Vinci tirou de um aluno pq Da Vinci teria conhecimento de câmaras escuras e teve aluno cabeludo, bom, isso é só crença mesmo e tudo bem, mas não responde as minhas solicitações que não foram feitas com intuito de trollar.

1 - Como você demonstra que o Sudário não é uma pintura?
2 - Como você demonstra que Da Vinci o construiu? E como ele construiu?
3 - Como pode se demonstrar que se trata do aluno dele? Sendo que pode ser qualquer cabôco cabeludo barbudo em geral. Seguindo a linha de raciocínio que parece existir, pode se chegar a afirmar que o Zakk Wylde é um descendente direto do aluno fotografado do Da Vinci, por exemplo.

Demonstre as suas afirmações com mais substância do que elocubrações filosóficas sobre coincidências que teriam acontecido entre alguns fatos históricos e hipóteses místicas. A coisa não se sustena no nível necessário para um fórum desse (ou como eu quero acreditar que seja).



Sobre a pintura "São João Batista"...bom... acho que as técnicas usadas são clássicas e bem conhecidas e não tem muita dúvida não. Isso de não ter evidência de nenhuma técnica de pintura é meio mágico, dando uma guglada rápida se acha vasto material sobre o tema, estou almoçando e o tempo está curto, mas quer que eu traga pra cá quando der?

O assunto já é controverso, daí começam a aparecer mais essas outras elucubrações Dan Brownzísticas e a coisa toda ganha perspectiva infinita. É divertido, mas só isso. Muito pouco esclarecedor, ou o contrário.

Johnny, não é crença não. O fato de o Sudário ser uma fotografia tem muitas evidências sim. Conhece as conclusões de Secondo Pia depois de ter analisado o pano?

http://en.wikipedia.org/wiki/Secondo_Pia

E qual o mal em se levantar hipóteses? Ora, se eu soubesse responder definitivamente as suas perguntas 1, 2 e 3 e ainda as provasse, eu não estaria escrevendo aqui num fórum, pois com certeza já estaria rico e famoso.

Não vejo a possibilidade de se afirmar a mesma coisa sobre o Zakk Wylde, já que este possui características totalmente diversas do retrato que a polícia italiana fez baseado na Sindone. Todavia, este retrato para mim é idêntico às representações de Salai.

Fico muito triste em saber que minha análise lembra Dan Brown para você, pois este não inventou nada, pelo contrário, só plagiou hipóteses e as apresentou de forma muito superficial e sensacionalista. Não sabia que era essa a impressão que eu passava.

Se for o caso, eu me preocupo muito com isso. Gostaria de saber a opinião dos demais colegas também. Por favor.
"O Alquimista é o supremo alquimista alfa e o ômega das transmutações aurintelectofilosofais."

Offline Alquimista

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.724
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #63 Online: 08 de Maio de 2015, 13:50:59 »
Olha, Johnny, não fui eu que inventei que a obra "João Batista" foi concebida como uma névoa ou uma técnica de pintura desconhecida, mas foi o próprio Serge Bramly que falou isso, e ele é reconhecido como um dos maiores especialistas em Leonardo do mundo. Ele leu todos os cadernos de Leonardo.

Na pesquisa que fiz sobre o meu livro, eu cheguei a ler todas as biografias mais importantes de Leonardo. Fico muito constrangido em saber que a impressão que eu passo é de ser um mero copiador de Dan Brown.   

Eu só quis apresentar uma hipótese baseada em evidências reais para explicar as questões levantadas sobre a polêmica do Sudário de Turim. Não quis ofender e nem trollar ninguém, mas se isso for causar a evasão dos foristas, deixa pra lá então.
« Última modificação: 08 de Maio de 2015, 13:55:08 por Saint Germain »
"O Alquimista é o supremo alquimista alfa e o ômega das transmutações aurintelectofilosofais."

Offline Johnny Cash

  • Nível 40
  • *
  • Mensagens: 4.934
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #64 Online: 08 de Maio de 2015, 13:53:41 »
[...]
E qual o mal em se levantar hipóteses? Ora, se eu soubesse responder definitivamente as suas perguntas 1, 2 e 3 e ainda as provasse, eu não estaria escrevendo aqui num fórum, pois com certeza já estaria rico e famoso.
[...]



Camarada, mal nenhum, de verdade. O problema é quando as hipóteses são dadas como afirmações, do tipo:



[...]
Agora tá na cara que o Sudário foi criado por Leonardo da Vinci. Não restam mais dúvidas que o modelo usado foi o mesmo que Leonardo usou para as faces do João Batista, do Baco, da Gioconda e do apóstolo Filipe da Última Ceia. 

[...]
 sabemos que o Sudário de Turim não é uma pintura.

[...]
Uma radiografia feita na sua obra "João Batista" revelou que ela deve ter sido concebida como uma névoa, pois nenhum rastro de pincelada foi detectada, nem ao menos uma única evidência de técnica de pintura.

Offline Alquimista

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.724
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #65 Online: 08 de Maio de 2015, 13:56:29 »
Eu estava escrevendo uma resposta, mas você postou primeiro do que eu. Por favor, leia o post anterior.
"O Alquimista é o supremo alquimista alfa e o ômega das transmutações aurintelectofilosofais."

Offline Johnny Cash

  • Nível 40
  • *
  • Mensagens: 4.934
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #66 Online: 08 de Maio de 2015, 14:07:37 »
Olha, Johnny, não fui eu que inventei que a obra "João Batista" foi concebida como uma névoa ou uma técnica de pintura desconhecida, mas foi o próprio Serge Bramly que falou isso, e ele é reconhecido como um dos maiores especialistas em Leonardo do mundo. Ele leu todos os cadernos de Leonardo.

Ok.

Mas existe vasto material sobre a composição da obra e a técnica utilizada. A coisa andou.

Na pesquisa que fiz sobre o meu livro, eu cheguei a ler todas as biografias mais importantes de Leonardo. Fico muito constrangido em saber que a impressão que eu passo é de ser um mero copiador de Dan Brown.   

Me desculpe, não intenciono te ofender ou constranger.

Eu só quis apresentar uma hipótese baseada em evidências reais para explicar as questões levantadas sobre a polêmica do Sudário de Turim. Não quis ofender e nem trollar ninguém, mas se isso for causar a evasão dos foristas, deixa pra lá então.

O problema pode ser de tom, deixe claro que não há como afirmar a maior parte dos pontos ao invés de assumir um tom revelador e de certeza, bem como deixar claro quais são as lacunas. Pode estar havendo um desajuste de expectativa e entrega.

Você sem dúvida se mostra um camarada inteligente e de conteúdo. Com um possível ajuste de tom as discussões podem acabar sendo mais prolíficas pra todos.

De toda forma, não sei se isso causa a evasão de foristas. Nesse caso é só uma hipótese levantada por mim.  :lol:

Offline Alquimista

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.724
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #67 Online: 08 de Maio de 2015, 14:11:51 »
Eu entendo, Johnny, mas a culpa foi minha mesmo.

Eu admito que me entusiasmei nas afirmações e falei com certeza demais.
"O Alquimista é o supremo alquimista alfa e o ômega das transmutações aurintelectofilosofais."

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.203
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #68 Online: 08 de Maio de 2015, 14:45:13 »
E sobre o fato de Leonardo ter usado novamente o Salai como um dos seus modelos, é interessante vocês saberem que não foi a primeira vez que Salai aparece representado como Jesus Cristo, já que existem muitas pinturas que o mostra assim.

Vejam essa obra, por exemplo, feita pelo próprio Salai no ateliê de Leonardo:


Tive uma reação de estranheza agora. A primeira vez que acessei o post e vi essa pintura tive a nítida impressão de se tratar da representação de um Jesus glabro, já agora vendo novamente, um Jesus barbado!

(alguém olha ai que o corretor ortográfico automático tá apontando erro na grafia da palavra glabro)
Até onde eu sei eu não sei.

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 15.112
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #69 Online: 08 de Maio de 2015, 18:02:31 »
Parece que esse Jesus com ginecomastia (se reparar tem até farolzinho aceso) achava que era a Maria Madalena.

Ui.
Brandolini's Bullshit Asymmetry Principle: "The amount of effort necessary to refute bullshit is an order of magnitude bigger than to produce it".

Offline Alquimista

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.724
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #70 Online: 08 de Maio de 2015, 18:42:57 »
Puxa, até que enfim você apareceu, Giga. Estava quase te invocando.  :)

Então, é bizarra mesmo a coisa, mas o Johnny já me abriu os olhos aqui.

Eu passei anos pesquisando uma coisa que achava que era séria, mas não fazia a mínima ideia que a impressão que eu passava era a de uma subespécie de Dan Brown.

Eu pensei que tinha criado uma coisa historicamente interessante, mas agora já não sei de mais nada.

Portanto, deixe essa história de Salai para lá. Deixe ela só na minha imaginação perturbada.
"O Alquimista é o supremo alquimista alfa e o ômega das transmutações aurintelectofilosofais."

Offline homemcinza

  • Nível 23
  • *
  • Mensagens: 912
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #71 Online: 08 de Maio de 2015, 18:44:31 »
Eu acho incrível que tudo que há de misterioso, não solucionado e enigmático vindo da Renascença, foi Leonardo quem fez ou estava metido no meio...

deixem um pouco pra Michelangelo e Rafael.
Ceticismo é para poucos!

Offline Pedro Reis

  • Nível 38
  • *
  • Mensagens: 3.785
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #72 Online: 08 de Maio de 2015, 23:04:12 »
No seu livro ( o que você escreveu ) há o episódio da partida de xadrez com o diabo. Foi você quem criou aqueles movimentos?

Offline Alquimista

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.724
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #73 Online: 08 de Maio de 2015, 23:10:38 »
Oi, Pedro. Não foi não. Esses movimentos fazem parte de uma lenda enxadrística mesmo narrada no livro "como o diabo foi apanhado" de Charles Godfrey Gumpel.
"O Alquimista é o supremo alquimista alfa e o ômega das transmutações aurintelectofilosofais."

Offline Alquimista

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.724
Re:Sudário de Turim:o que se sabe do mesmo ?
« Resposta #74 Online: 08 de Maio de 2015, 23:44:48 »
No seu livro ( o que você escreveu ) há o episódio da partida de xadrez com o diabo. Foi você quem criou aqueles movimentos?

Você conseguiu visualizar este trecho pelo books.google?
"O Alquimista é o supremo alquimista alfa e o ômega das transmutações aurintelectofilosofais."

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!