Autor Tópico: A existência de Deus o ônus da Prova  (Lida 14869 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline Aroldocbn

  • Nível 11
  • *
  • Mensagens: 189
  • Sexo: Masculino
A existência de Deus o ônus da Prova
« Online: 18 de Setembro de 2013, 20:53:07 »
Quem Faz a afirmação cabe o ônus da prova ?
Está se confundindo a estrutura interna de um argumento com a sua "expressão verbal".
Quando se diz não esta provado por meios científicos , estes meios científicos são considerados
os únicos meios de prova válidos e aquilo que não está provado por meio científico se torna mera opinião pessoal subjetiva. A intenção deste argumento é invalidar a opinião religiosa , ou seja tal opinião não pode ter validade pública .Estes métodos científicos conhecidos para discutir este assunto não vale NADA , nenhuma ciência tem condição de julgar este assunto .Quando ateus alegam sejam que Deus não existe ou que não existem provas da existência de Deus , estão mentindo nos dois casos.
O Deus da Bíblia é definido como onipotente /onisciente /onipresente e não como um ser externo que criou o universo. Se ele é onipotente /onisciente /onipresente o ateu tem que impugnar provas da existência disto e não de um outro deus concebido a sua própria imagem e semelhança como o que ateus fazem .
Não é verdadeiro dizer que o ateu não quer provar nada , Daniel Dennett, Richard Dawkins e outros ,  afirmam taxativamente a inexistência de Deus. Eles não estão dizendo só que não existem provas científicas da existência de Deus , isso todo mundo sabe , mas , me deem uma prova científica que Daniel Dennett, Richard Dawkins e outros ateus tem uma consciência . Não há uma prova cientificamente valida de que estas pessoas tem uma consciência e sim que sejam bichos agindo por um reflexo condicionado.
Ora, então não sou obrigado a aceitar a humanidade de nenhum destes , nem mesmo no "sentido" biológico .Os ateus estão querendo provar alguma coisa é evidente que sim e os métodos que eles usam para dizer que não existem provas DISTORCEM completamente a discussão .
Qual é a prova ou a ausência de prova ??
Quando eu digo que Deus é onipotente /onisciente /onipresente , se ele esta onipresente você NÃO PODE se destacar dele para observa-lo de fora . O Único método possível de você dizer se existem ou não existem  prova da existência de um ser assim definido é o método do aprofundamento da auto consciência .
Porque você esta dentro dele ," nele vivemos , nos movemos e somos" diz o apóstolo Paulo .
Portanto somente através o aprofundamento da auto consciência e que podemos entrar em discussão .
Se não se faz isso é uma tolice dizer que não existem provas . Não existem provas de um deus externo um deus "coisa", maior que criou outra "coisa" menor, sim não existe provas disto mas esta colocação é pueril
Dizer que o ônus da prova está do lado de quem faz a afirmação ??
A existência de uma entidade onipotente /onisciente /onipresente está dada pela simples existência da REALIDADE , não é uma coisa que seja contestável , a não ser que o ateu PROVE que NÃO EXISTE CONSCIÊNCIA DENTRO DA REALIDADE , QUE NÃO EXISTE AUTO CONHECIMENTO.
Se existe auto conhecimento em uma única pessoas dentro do universo, EXISTE AUTO CONHECIMENTO no universo.
Se existe a possibilidade de ser dizer a palavra eu com conhecimento de causa é porque isso existe dentro do universo.Para que exista auto consciência em você é NECESSÁRIO que exista auto consciência no universo.
Você ateu, é que tem que provar que esta existência de auto consciência só existe em você e não no universo , o que não faz o menor sentido.
Se esta auto consciência se "atualiza" mais em alguns do que em outros, isso não quer dizer que ele não esteja presente em parte alguma .Quando se diz que Deus e onipotente e onipresente ele não está presente coma mesma modalidade ou com a mesma intensidade em todos os lugares. A existência de onisciência e onipresença é uma questão AUTO EVIDENTE , logo aquele que levanta a objeção é este que tem que provar . Se dizer que o ônus da prova cabe aquele que faz a afirmação é uma coisa absurda .
Toda e qualquer prova "repousa" numa premissa e assim recua indefinidamente até se chegar em premissas que não são provadas mas são auto evidentes .Quer dizer que o primeiro sujeito que percebeu que uma coisa é ela mesma e não outra, ou seja o princípio de identidade  teria que provar isso ??? 
Todas as provas dependem disto , se o ônus da prova cabe a quem faz a afirmação , a primeira afirmação jamais poderia ser feita , isso tornaria IMPOSSÍVEL o raciocínio humano.
Acreditar na existência da realidade , acreditar na identidade das coisas é uma coisa espontânea do ser humano.Se você contesta você é que tem que provar sua contestação .O fato de que os primeiros princípios da lógica não possam jamais ser provados e que dele depende a prova de tudo mais , já demonstra com a MÁXIMA clareza que não é possível que o ônus da prova cabe a quem afirma .
Qualquer coisa que se afirme está baseada no princípio de identidade e o próprio não pode ser provado , então ninguém que diga coisa nenhuma pode provar nada porque ninguém pode provar o princípio de identidade .Se não pode provar a afirmação também não pode provar a negação .
Ateus querem desa firmar algo quando ao menos se aprendem o conceito deste algo a saber Deus .
Ateus querem provar que não existe uma entidade , um ser que criou o universo , ou seja ateus estão dizendo que Deus e o universo são duas coisas .Veem a relação entre Deus e o universo como uma relação de sujeito e objeto e não a relação do transcendente e do imanente .Deus transcende por consequência abrange o universo.Deus não poderia criar o universo e ficar fora dele nunca. A criação do universo é uma das propriedades internas de Deus .O universo não está para Deus como uma "coisa" que ele criou , mas como uma propriedade interna .nós estamos dentro do universo e o universo está dentro de Deus.
Você tem o universo e para além do universo você tem a eternidade a infinitude , etc...
Onde está o universo se não dentro da eternidade ? Se estivesse fora da eternidade certamente não poderia existir .Você não pode observar Deus de fora do universo , você só pode compreende-lo por participação , você tem que intensificar a sua participação neste senso da realidade universal para você entender o que a Bíblia diz.
Retornando , a busca de provas só é justificada quando uma coisa não é auto evidente e a busca da prova científica só é legítima dentro dos territórios já perfeitamente recortados e definidos pela ciência .
Na ciência se faz uma hipótese dentro de um campo de fenômenos que tem uma certa homogeneidade e que esta homogeneidade é definida por certas constantes, em seguida você começa a investigar estas constantes , isso quer dizer que nenhuma ciência pode estudar a realidade concreta.A ciência só pode estudar recortes feitos hipoteticamente e tudo o que ela diz só vale dentro deste recorte hipotético .
Nenhuma ciência pode dizer nada sobre a realidade concreta  , o conceito de realidade concreta não existe para a ciência .É claro que Deus só pode existir como realidade concreta o que significa que todos os métodos usados pela ciência para este assunto não valem de NADA ,
E não venham com papo de dragões dentro de garagens que em nada podem ser comparado a este axioma a saber, Deus.
« Última modificação: 18 de Setembro de 2013, 21:16:51 por Aroldocbn »
http://blogdoaroldocbn.blogspot.com.br/
A ciência embora pretensa não é uma fonte de saber neutra,ela é moldada pelos pressupostos de sua época.
Deus é um Axioma ! Logicamente, Deus é premissa... axioma !!
E como axioma não pode ser demonstrado logicamente, entendeu ?
  “Assombra-me o Universo e eu crer procuro em vão, que exista um tal relógio e o relojoeiro não”
Voltaire

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 14.893
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #1 Online: 18 de Setembro de 2013, 21:44:37 »
Here we go again...
Brandolini's Bullshit Asymmetry Principle: "The amount of effort necessary to refute bullshit is an order of magnitude bigger than to produce it".

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 14.893
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #2 Online: 18 de Setembro de 2013, 21:54:21 »
Citar
A existência de uma entidade onipotente /onisciente /onipresente está dada pela simples existência da REALIDADE , não é uma coisa que seja contestável , a não ser que o ateu PROVE que NÃO EXISTE CONSCIÊNCIA DENTRO DA REALIDADE , QUE NÃO EXISTE AUTO CONHECIMENTO.

Esse texto é uma prova.
Quod erat demonstrandum.
Brandolini's Bullshit Asymmetry Principle: "The amount of effort necessary to refute bullshit is an order of magnitude bigger than to produce it".

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 14.893
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #3 Online: 18 de Setembro de 2013, 21:58:43 »
Citar
E não venham com papo de dragões dentro de garagens que em nada podem ser comparado a este axioma a saber, Deus.

Serve sacis?
Brandolini's Bullshit Asymmetry Principle: "The amount of effort necessary to refute bullshit is an order of magnitude bigger than to produce it".

Offline Pasteur

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 6.280
  • Sexo: Masculino
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #4 Online: 18 de Setembro de 2013, 22:16:58 »
[...]
Não é verdadeiro dizer que o ateu não quer provar nada , Daniel Dennett, Richard Dawkins e outros ,  afirmam taxativamente a inexistência de Deus. Eles não estão dizendo só que não existem provas científicas da existência de Deus , isso todo mundo sabe , mas , me deem uma prova científica que Daniel Dennett, Richard Dawkins e outros ateus tem uma consciência . [...]


Essa que é a elucubração filosófica que andou pensando enquanto estávamos ansiosos à espera?
« Última modificação: 18 de Setembro de 2013, 22:32:44 por Pasteur »

Offline Aroldocbn

  • Nível 11
  • *
  • Mensagens: 189
  • Sexo: Masculino
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #5 Online: 18 de Setembro de 2013, 22:22:15 »
http://blogdoaroldocbn.blogspot.com.br/
A ciência embora pretensa não é uma fonte de saber neutra,ela é moldada pelos pressupostos de sua época.
Deus é um Axioma ! Logicamente, Deus é premissa... axioma !!
E como axioma não pode ser demonstrado logicamente, entendeu ?
  “Assombra-me o Universo e eu crer procuro em vão, que exista um tal relógio e o relojoeiro não”
Voltaire

Offline Aroldocbn

  • Nível 11
  • *
  • Mensagens: 189
  • Sexo: Masculino
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #6 Online: 18 de Setembro de 2013, 22:23:03 »
Citar
A existência de uma entidade onipotente /onisciente /onipresente está dada pela simples existência da REALIDADE , não é uma coisa que seja contestável , a não ser que o ateu PROVE que NÃO EXISTE CONSCIÊNCIA DENTRO DA REALIDADE , QUE NÃO EXISTE AUTO CONHECIMENTO.

Esse texto é uma prova.
Quod erat demonstrandum.

Refute então .
http://blogdoaroldocbn.blogspot.com.br/
A ciência embora pretensa não é uma fonte de saber neutra,ela é moldada pelos pressupostos de sua época.
Deus é um Axioma ! Logicamente, Deus é premissa... axioma !!
E como axioma não pode ser demonstrado logicamente, entendeu ?
  “Assombra-me o Universo e eu crer procuro em vão, que exista um tal relógio e o relojoeiro não”
Voltaire

Offline Aroldocbn

  • Nível 11
  • *
  • Mensagens: 189
  • Sexo: Masculino
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #7 Online: 18 de Setembro de 2013, 22:23:29 »
Citar
E não venham com papo de dragões dentro de garagens que em nada podem ser comparado a este axioma a saber, Deus.

Serve sacis?

Não
http://blogdoaroldocbn.blogspot.com.br/
A ciência embora pretensa não é uma fonte de saber neutra,ela é moldada pelos pressupostos de sua época.
Deus é um Axioma ! Logicamente, Deus é premissa... axioma !!
E como axioma não pode ser demonstrado logicamente, entendeu ?
  “Assombra-me o Universo e eu crer procuro em vão, que exista um tal relógio e o relojoeiro não”
Voltaire

Offline Aroldocbn

  • Nível 11
  • *
  • Mensagens: 189
  • Sexo: Masculino
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #8 Online: 18 de Setembro de 2013, 22:24:35 »
Quem Faz a afirmação cabe o ônus da prova ?
Está se confundindo a estrutura interna de um argumento com a sua "expressão verbal".
Quando se diz não esta provado por meios científicos , estes meios científicos são considerados
os únicos meios de prova válidos e aquilo que não está provado por meio científico se torna mera opinião pessoal subjetiva. A intenção deste argumento é invalidar a opinião religiosa , ou seja tal opinião não pode ter validade pública .Estes métodos científicos conhecidos para discutir este assunto não vale NADA , nenhuma ciência tem condição de julgar este assunto .Quando ateus alegam sejam que Deus não existe ou que não existem provas da existência de Deus , estão mentindo nos dois casos.
O Deus da Bíblia é definido como onipotente /onisciente /onipresente e não como um ser externo que criou o universo. Se ele é onipotente /onisciente /onipresente o ateu tem que impugnar provas da existência disto e não de um outro deus concebido a sua própria imagem e semelhança como o que ateus fazem .
Não é verdadeiro dizer que o ateu não quer provar nada , Daniel Dennett, Richard Dawkins e outros ,  afirmam taxativamente a inexistência de Deus. Eles não estão dizendo só que não existem provas científicas da existência de Deus , isso todo mundo sabe , mas , me deem uma prova científica que Daniel Dennett, Richard Dawkins e outros ateus tem uma consciência . Não há uma prova cientificamente valida de que estas pessoas tem uma consciência e sim que sejam bichos agindo por um reflexo condicionado.
Ora, então não sou obrigado a aceitar a humanidade de nenhum destes , nem mesmo no "sentido" biológico .Os ateus estão querendo provar alguma coisa é evidente que sim e os métodos que eles usam para dizer que não existem provas DISTORCEM completamente a discussão .
Qual é a prova ou a ausência de prova ??
Quando eu digo que Deus é onipotente /onisciente /onipresente , se ele esta onipresente você NÃO PODE se destacar dele para observa-lo de fora . O Único método possível de você dizer se existem ou não existem  prova da existência de um ser assim definido é o método do aprofundamento da auto consciência .
Porque você esta dentro dele ," nele vivemos , nos movemos e somos" diz o apóstolo Paulo .
Portanto somente através o aprofundamento da auto consciência e que podemos entrar em discussão .
Se não se faz isso é uma tolice dizer que não existem provas . Não existem provas de um deus externo um deus "coisa", maior que criou outra "coisa" menor, sim não existe provas disto mas esta colocação é pueril
Dizer que o ônus da prova está do lado de quem faz a afirmação ??
A existência de uma entidade onipotente /onisciente /onipresente está dada pela simples existência da REALIDADE , não é uma coisa que seja contestável , a não ser que o ateu PROVE que NÃO EXISTE CONSCIÊNCIA DENTRO DA REALIDADE , QUE NÃO EXISTE AUTO CONHECIMENTO.
Se existe auto conhecimento em uma única pessoas dentro do universo, EXISTE AUTO CONHECIMENTO no universo.
Se existe a possibilidade de ser dizer a palavra eu com conhecimento de causa é porque isso existe dentro do universo.Para que exista auto consciência em você é NECESSÁRIO que exista auto consciência no universo.
Você ateu, é que tem que provar que esta existência de auto consciência só existe em você e não no universo , o que não faz o menor sentido.
Se esta auto consciência se "atualiza" mais em alguns do que em outros, isso não quer dizer que ele não esteja presente em parte alguma .Quando se diz que Deus e onipotente e onipresente ele não está presente coma mesma modalidade ou com a mesma intensidade em todos os lugares. A existência de onisciência e onipresença é uma questão AUTO EVIDENTE , logo aquele que levanta a objeção é este que tem que provar . Se dizer que o ônus da prova cabe aquele que faz a afirmação é uma coisa absurda .
Toda e qualquer prova "repousa" numa premissa e assim recua indefinidamente até se chegar em premissas que não são provadas mas são auto evidentes .Quer dizer que o primeiro sujeito que percebeu que uma coisa é ela mesma e não outra, ou seja o princípio de identidade  teria que provar isso ??? 
Todas as provas dependem disto , se o ônus da prova cabe a quem faz a afirmação , a primeira afirmação jamais poderia ser feita , isso tornaria IMPOSSÍVEL o raciocínio humano.
Acreditar na existência da realidade , acreditar na identidade das coisas é uma coisa espontânea do ser humano.Se você contesta você é que tem que provar sua contestação .O fato de que os primeiros princípios da lógica não possam jamais ser provados e que dele depende a prova de tudo mais , já demonstra com a MÁXIMA clareza que não é possível que o ônus da prova cabe a quem afirma .
Qualquer coisa que se afirme está baseada no princípio de identidade e o próprio não pode ser provado , então ninguém que diga coisa nenhuma pode provar nada porque ninguém pode provar o princípio de identidade .Se não pode provar a afirmação também não pode provar a negação .
Ateus querem desa firmar algo quando ao menos se aprendem o conceito deste algo a saber Deus .
Ateus querem provar que não existe uma entidade , um ser que criou o universo , ou seja ateus estão dizendo que Deus e o universo são duas coisas .Veem a relação entre Deus e o universo como uma relação de sujeito e objeto e não a relação do transcendente e do imanente .Deus transcende por consequência abrange o universo.Deus não poderia criar o universo e ficar fora dele nunca. A criação do universo é uma das propriedades internas de Deus .O universo não está para Deus como uma "coisa" que ele criou , mas como uma propriedade interna .nós estamos dentro do universo e o universo está dentro de Deus.
Você tem o universo e para além do universo você tem a eternidade a infinitude , etc...
Onde está o universo se não dentro da eternidade ? Se estivesse fora da eternidade certamente não poderia existir .Você não pode observar Deus de fora do universo , você só pode compreende-lo por participação , você tem que intensificar a sua participação neste senso da realidade universal para você entender o que a Bíblia diz.
Retornando , a busca de provas só é justificada quando uma coisa não é auto evidente e a busca da prova científica só é legítima dentro dos territórios já perfeitamente recortados e definidos pela ciência .
Na ciência se faz uma hipótese dentro de um campo de fenômenos que tem uma certa homogeneidade e que esta homogeneidade é definida por certas constantes, em seguida você começa a investigar estas constantes , isso quer dizer que nenhuma ciência pode estudar a realidade concreta.A ciência só pode estudar recortes feitos hipoteticamente e tudo o que ela diz só vale dentro deste recorte hipotético .
Nenhuma ciência pode dizer nada sobre a realidade concreta  , o conceito de realidade concreta não existe para a ciência .É claro que Deus só pode existir como realidade concreta o que significa que todos os métodos usados pela ciência para este assunto não valem de NADA ,
E não venham com papo de dragões dentro de garagens que em nada podem ser comparado a este axioma a saber, Deus.


Essa que é a elucubração filosófica que andou pensando enquanto estávamos ansiosos à espera?

Sim.
Essa é a sua refutação ?
http://blogdoaroldocbn.blogspot.com.br/
A ciência embora pretensa não é uma fonte de saber neutra,ela é moldada pelos pressupostos de sua época.
Deus é um Axioma ! Logicamente, Deus é premissa... axioma !!
E como axioma não pode ser demonstrado logicamente, entendeu ?
  “Assombra-me o Universo e eu crer procuro em vão, que exista um tal relógio e o relojoeiro não”
Voltaire

Offline Pasteur

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 6.280
  • Sexo: Masculino
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #9 Online: 18 de Setembro de 2013, 22:27:34 »
[...]
Não é verdadeiro dizer que o ateu não quer provar nada , Daniel Dennett, Richard Dawkins e outros ,  afirmam taxativamente a inexistência de Deus. Eles não estão dizendo só que não existem provas científicas da existência de Deus , isso todo mundo sabe , mas , me deem uma prova científica que Daniel Dennett, Richard Dawkins e outros ateus tem uma consciência .[...]


Essa que é a elucubração filosófica que andou pensando enquanto estávamos ansiosos à espera?

Sim.
Essa é a sua refutação ?

Tem certeza que foi você o autor dessas frases?
« Última modificação: 18 de Setembro de 2013, 22:31:21 por Pasteur »

Offline SnowRaptor

  • Webmaster
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 17.962
  • Sexo: Masculino
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #10 Online: 18 de Setembro de 2013, 22:29:33 »
Senhores,

Peço que por favor editem o conteúdo dos quotes para conter apenas a parte relevante à resposta que vem imediatamente depois. Se necessário, dividam os quotes em blocos e respondam imediatamente abaixo de cada bloco, por partes, senão fica impossível acompanhar, além de deixar a página pesada demais com informações redundantes. Pensem nos usuários de celular e 3G ;)

Grato,
Elton Carvalho

Antes de me apresentar sua teoria científica revolucionária, clique AQUI

“Na fase inicial do processo [...] o cientista trabalha através da
imaginação, assim como o artista. Somente depois, quando testes
críticos e experimentação entram em jogo, é que a ciência diverge da
arte.”

-- François Jacob, 1997

Offline Barata Tenno

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 16.283
  • Sexo: Masculino
  • Dura Lex Sed Lex !
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #11 Online: 18 de Setembro de 2013, 22:30:06 »
Aviso formal da moderação, estou de olho no tópico.


Evitem:

I – Ter conduta descortês, rude e mal-educada em relação aos demais participantes do FCC, proferindo ofensas e agressões pessoais, prática esta conhecida como “trollismo”;
III – O proselitismo ou pregação religiosa;
XI – A conduta conhecida como “flood”, ou seja, a postagem sucessiva de mensagens, repetidas ou não, com intuito de prejudicar o debate;
XIV – Perseguir e afugentar foristas em razão de religião, gênero, orientação sexual, posição política, ideológica e filosófica e similares;

Art. 26 – A violação as disposições deste Regimento implicam na aplicação das seguintes sanções pelos moderadores, editores e administradores do FCC:

I – Advertência;
II – Cartão Amarelo;
III – Suspensão;
IV – Banimento.
He who fights with monsters should look to it that he himself does not become a monster. And when you gaze long into an abyss the abyss also gazes into you. Friedrich Nietzsche

Offline ReVo

  • Nível 19
  • *
  • Mensagens: 563
  • "!"
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #12 Online: 19 de Setembro de 2013, 04:21:32 »
Caro Aroldocbn,

Não existe concatenação entre as afirmações expostas no texto. Elas estão parecendo frases soltas sem ligação umas com as outras. Assim fica impossível compreender com precisão o que o Sr. quer dizer. Se possível, exponha o raciocínio com mais clareza e de modo mais sucinto, obrigado.
« Última modificação: 19 de Setembro de 2013, 04:32:14 por ReVo »
"Most men love money and security more, and creation and construction less, as they get older." John Maynard Keynes

"Plus ça change, plus c´est la même chose." Giuseppe Tomasi di Lampedusa

Offline Lion

  • Nível 35
  • *
  • Mensagens: 2.994
  • Sexo: Masculino
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #13 Online: 19 de Setembro de 2013, 08:03:56 »
O Único método possível de você dizer se existem ou não existem  prova da existência de um ser assim definido é o método do aprofundamento da auto consciência .
Aroldocbn,
Como esse método de aprofundamento da autoconsciência é realizado? Quais são os passos para realizar esse método? 

A existência de uma entidade onipotente /onisciente /onipresente está dada pela simples existência da REALIDADE , não é uma coisa que seja contestável , a não ser que o ateu PROVE que NÃO EXISTE CONSCIÊNCIA DENTRO DA REALIDADE , QUE NÃO EXISTE AUTO CONHECIMENTO.
Se existe auto conhecimento em uma única pessoas dentro do universo, EXISTE AUTO CONHECIMENTO no universo.

Como você classifica autoconhecimento? Você atribui isso apenas aos humanos ou também, por exemplo, as flores como parece ser o caso do cara que tem um texto muito semelhante ao seu. http://pablomorethson.blogspot.com.br/2012/07/outro-dia-nas-minhas-andancas-pela.html 

Offline Lion

  • Nível 35
  • *
  • Mensagens: 2.994
  • Sexo: Masculino
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #14 Online: 19 de Setembro de 2013, 08:08:03 »

Essa que é a elucubração filosófica que andou pensando enquanto estávamos ansiosos à espera?

Sim.
Essa é a sua refutação ?

Tem certeza que foi você o autor dessas frases?
Talvez sejam a mesma pessoa  :P

Offline Dr. Manhattan

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.342
  • Sexo: Masculino
  • Malign Hypercognitive since 1973
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #15 Online: 19 de Setembro de 2013, 10:33:07 »
Caro Aroldocbn,

Isso talvez se off-topic, mas fiquei curioso: talvez você não esteja ciente disso, mas quase todos os ateus do fórum (i) já foram teístas ou deístas e (ii) já se depararam com propostas de argumentos lógicos para provar a existência de deuses. Sabendo disso, você, acha que persistimos em nosso ateísmo porque? Por teimosia? Por falha de caráter? Por alguma inspiração demoníaca? Para chamar a atenção?
You and I are all as much continuous with the physical universe as a wave is continuous with the ocean.

Alan Watts

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 37.503
  • Sexo: Masculino
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #16 Online: 19 de Setembro de 2013, 11:18:09 »
Citar
Estes métodos científicos conhecidos para discutir este assunto não vale NADA , nenhuma ciência tem condição de julgar este assunto .Quando incrédulos na astrologia alegam sejam que os astros não influenciam nosso destino e personalidade ou que não existem provas que os astros não influenciam nosso destino e personalidade , estão mentindo nos dois casos.
O fenômeno astrológico é definido como onipotente/onipresente e não como um fenômeno externo que age sobre o universo. Se o fenômeno zodiacal é onipotente /onipresente o incrédulo no zodíaco tem que impugnar provas da existência disto e não de uma outra astrologia concebida a sua própria imagem e semelhança como o que incrédulos na astrologia fazem .
Não é verdadeiro dizer que o incrédulo nos horóscopos não quer provar nada , Carl Sagan, Michael Shermer e outros ,  afirmam taxativamente a inveracidade da astrologia. Eles não estão dizendo só que não existem provas científicas da existência de fenômenos astrológicos, isso todo mundo sabe , mas , me deem uma prova científica que Sagan, Shermer e outros incrédulos na astrologia tem uma consciência . Não há uma prova cientificamente valida de que estas pessoas tem uma consciência e sim que sejam bichos agindo por um reflexo condicionado.
Ora, então não sou obrigado a aceitar a humanidade de nenhum destes , nem mesmo no "sentido" biológico .Os incrédulos na astrologia estão querendo provar alguma coisa é evidente que sim e os métodos que eles usam para dizer que não existem provas DISTORCEM completamente a discussão .
Qual é a prova ou a ausência de prova ?? ?????????????????? ????????? ?
Quando eu digo que o fenômeno zodiacal é onipotente /onipresente , se ele esta onipresente você NÃO PODE se destacar dele para observa-lo de fora . O Único método possível de você dizer se existem ou não existem  prova da existência de um fenômeno assim definido é o método do aprofundamento da auto consciência .
Porque você esta dentro dele ," nele vivemos , nos movemos e somos" diz o Walter Mercado.
Portanto somente através o aprofundamento da auto consciência e que podemos entrar em discussão .
Se não se faz isso é uma tolice dizer que não existem provas . Não existem provas de uma influência astral externoa uma influência "coisa", maior que influenciou outra "coisa" menor, sim não existe provas disto mas esta colocação é pueril
Dizer que o ônus da prova está do lado de quem faz a afirmação ??
A existência de um fenômeno onipotente /onipresente está dada pela simples existência da REALIDADE , não é uma coisa que seja contestável , a não ser que o descrente no zodíaco PROVE que NÃO EXISTE CONSCIÊNCIA DENTRO DA REALIDADE , QUE NÃO EXISTE AUTO CONHECIMENTO.
Se existe auto conhecimento em uma única pessoas dentro do universo, EXISTE AUTO CONHECIMENTO no universo.
Se existe a possibilidade de ser dizer a palavra eu com conhecimento de causa é porque isso existe dentro do universo.Para que exista auto consciência em você é NECESSÁRIO que exista auto consciência no universo.
Você descrente no horóscopo, é que tem que provar que esta existência de auto consciência só existe em você e não no universo , o que não faz o menor sentido.
Se esta auto consciência se "atualiza" mais em alguns do que em outros, isso não quer dizer que ele não esteja presente em parte alguma .Quando se diz que os astros influenciam as nossas vidas e personalidades de forma onipotente e onipresente isso não ocorre coma mesma modalidade ou com a mesma intensidade em todos os lugares. A existência de onipresença cósmica é uma questão AUTO EVIDENTE , logo aquele que levanta a objeção é este que tem que provar . Se dizer que o ônus da prova cabe aquele que faz a afirmação é uma coisa absurda .
Toda e qualquer prova "repousa" numa premissa e assim recua indefinidamente até se chegar em premissas que não são provadas mas são auto evidentes .Quer dizer que o primeiro sujeito que percebeu que uma coisa é ela mesma e não outra, ou seja o princípio de identidade  teria que provar isso ???  ??? ???? ????????????????????? ????????????????????????
Todas as provas dependem disto , se o ônus da prova cabe a quem faz a afirmação , a primeira afirmação jamais poderia ser feita , isso tornaria IMPOSSÍVEL o raciocínio humano.
Acreditar na existência da realidade , acreditar na identidade das coisas é uma coisa espontânea do ser humano.Se você contesta você é que tem que provar sua contestação .O fato de que os primeiros princípios da lógica não possam jamais ser provados e que dele depende a prova de tudo mais , já demonstra com a MÁXIMA clareza que não é possível que o ônus da prova cabe a quem afirma .
Qualquer coisa que se afirme está baseada no princípio de identidade e o próprio não pode ser provado , então ninguém que diga coisa nenhuma pode provar nada porque ninguém pode provar o princípio de identidade .Se não pode provar a afirmação também não pode provar a negação .
Descrentes no horóscopo querem desa firmar algo quando ao menos se aprendem o conceito deste algo a saber Astrologia.
Descrentes no horóscopoquerem provar que não existe uma influência, que permeia todo o universo, ou seja incrédulos na astrologia estão dizendo que a influência zodiacal e o universo são duas coisas .Veem a relação entre a influência dos astros sobre nós como uma relação de sujeito e objeto e não a relação do transcendente e do imanente .A influência astral transcende por consequência abrange o universo.A influência astral não poderia modificar o universo e ficar fora dele nunca. A modificaçao do universo é uma das propriedades internas do Cosmo .O nosso universo não está para o Cosmo como uma "coisa" que ele criou , mas como uma propriedade interna .nós estamos dentro do universo e o universo está dentro de nós.
Você tem o universo e para além do universo você tem a eternidade a infinitude , etc...
Onde está o universo se não dentro da eternidade ? Se estivesse fora da eternidade certamente não poderia existir .Você não pode observar a influência astrológica de fora do universo , você só pode compreende-la por participação , você tem que intensificar a sua participação neste senso da realidade universal para você entender o que a Tábua de Vênus de Ammisaduqa diz.
Retornando , a busca de provas só é justificada quando uma coisa não é auto evidente e a busca da prova científica só é legítima dentro dos territórios já perfeitamente recortados e definidos pela ciência .
Na ciência se faz uma hipótese dentro de um campo de fenômenos que tem uma certa homogeneidade e que esta homogeneidade é definida por certas constantes, em seguida você começa a investigar estas constantes , isso quer dizer que nenhuma ciência pode estudar a realidade concreta.A ciência só pode estudar recortes feitos hipoteticamente e tudo o que ela diz só vale dentro deste recorte hipotético .
Nenhuma ciência pode dizer nada sobre a realidade concreta  , o conceito de realidade concreta não existe para a ciência .É claro que o fenômeno zodiacal só pode existir como realidade concreta o que significa que todos os métodos usados pela ciência para este assunto não valem de NADA ,
E não venham com papo de dragões dentro de garagens que em nada podem ser comparado a este axioma a saber, Astrologia.

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 37.503
  • Sexo: Masculino
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #17 Online: 19 de Setembro de 2013, 11:23:09 »
Caro Aroldocbn,

Isso talvez se off-topic, mas fiquei curioso: talvez você não esteja ciente disso, mas quase todos os ateus do fórum (i) já foram teístas ou deístas e (ii) já se depararam com propostas de argumentos lógicos para provar a existência de deuses. Sabendo disso, você, acha que persistimos em nosso ateísmo porque? Por teimosia? Por falha de caráter? Por alguma inspiração demoníaca? Para chamar a atenção?

Por não perceberem ou negarem que Deus / Zodíaco é um AXIOMA.

A - XI - O - MA.


Nem sabem o que isso significa, provavelmente. Agora vêem a gente falando e pensam, "ih, devi ser uma daquelas palavra chata qui teim na blíbia, que nem tabernáculo"

Offline Contini

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.610
  • Sexo: Masculino
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #18 Online: 19 de Setembro de 2013, 13:50:30 »
Citar
E não venham com papo de dragões dentro de garagens que em nada podem ser comparado a este axioma a saber, Deus.

Serve sacis?

Não
Porque?
"A idade não diminui a decepção que a gente sente quando o sorvete cai da casquinha"  - anonimo

"Eu não tenho medo de morrer, só não quero estar lá quando isso acontecer"  - Wood Allen

    “O escopo da ciência é limitado? Sim, sem dúvida: limitado a tratar daquilo que existe, não daquilo que gostaríamos que existisse.” - André Cancian

Offline Fabrício

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.172
  • Sexo: Masculino
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #19 Online: 19 de Setembro de 2013, 14:03:05 »
Citar
E não venham com papo de dragões dentro de garagens que em nada podem ser comparado a este axioma a saber, Deus.

Serve sacis?

Não
Porque?

Porque ele não quer. Só quem pode brincar de amigo imaginário é ele.
"Deus prefere os ateus"

Offline Fabi

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 6.801
  • Sexo: Feminino
  • que foi?
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #20 Online: 19 de Setembro de 2013, 15:28:16 »
Caro Aroldocbn,

Isso talvez se off-topic, mas fiquei curioso: talvez você não esteja ciente disso, mas quase todos os ateus do fórum (i) já foram teístas ou deístas e (ii) já se depararam com propostas de argumentos lógicos para provar a existência de deuses. Sabendo disso, você, acha que persistimos em nosso ateísmo porque? Por teimosia? Por falha de caráter? Por alguma inspiração demoníaca? Para chamar a atenção?
Todas as anteriores?

Sobre o tópico, é mais uma daquelas tentativas de inversão de ônus da prova.

Citação de: Aroldocbn
Descrentes no horóscopo querem desa firmar algo quando ao menos se aprendem o conceito deste algo a saber Astrologia.
:erm:


...
 :erm2:

...

O que?
Difficulter reciduntur vitia quae nobiscum creverunt.

“Deus me dê a serenidadecapacidade para aceitar as coisas que não posso mudar, a coragem para mudar o que posso, e a sabedoria para saber a diferença” (Desconhecido)

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.816
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #21 Online: 19 de Setembro de 2013, 16:08:57 »
Mesmo tendo sérias dúvidas quanto a sua autoria sobre a frase abaixo, acho que não custa nada responder:


Quem Faz a afirmação cabe o ônus da prova ?
Está se confundindo a estrutura interna de um argumento com a sua "expressão verbal".
Quando se diz não esta provado por meios científicos , estes meios científicos são considerados
os únicos meios de prova válidos e aquilo que não está provado por meio científico se torna mera opinião pessoal subjetiva.

Não sei, mas o meio científico não é único meio de se provar algo, não é preciso você aplicar o método científico para provar que o seu tênis está no seu pé, mas se alguém faz uma afirmação de natureza fantástica por exemplo, como que duendes vermelhos que caminham sobre a face norte de plutão, é crível que se possa usar o princípio da falseabilidade para atestar esse valor. Para provar que o tênis está no seu pé você pode observar que é falso ou verdadeiro, para saber que duendes caminham na face norte de plutão, não há meios para saber se é falso ou verdadeiro. Casos sobrenaturais são assim, impossíveis de saber se são falsos ou verdadeiros, porque impossíveis de se atestar qualquer valor.


Citar
A intenção deste argumento é invalidar a opinião religiosa , ou seja tal opinião não pode ter validade pública .Estes métodos científicos conhecidos para discutir este assunto não vale NADA , nenhuma ciência tem condição de julgar este assunto .

Isso é totalmente verdadeiro, porque a ciência não lida com casos que fogem das leis naturais. A superstição, o sobrenatural e as crendices não podem ser atestadas e ou refutadas, então não podem se submeter ao método científico.

Citar
Quando ateus alegam sejam que Deus não existe ou que não existem provas da existência de Deus , estão mentindo nos dois casos.
O Deus da Bíblia é definido como onipotente /onisciente /onipresente e não como um ser externo que criou o universo. Se ele é onipotente /onisciente /onipresente o ateu tem que impugnar provas da existência disto e não de um outro deus concebido a sua própria imagem e semelhança como o que ateus fazem .

 Esse princípio pode ser usado contra quem afirma tanto quanto para quem duvida, tanto  é impossível impugnar quanto é impossível atestar, ficando no cunho do sobrenaturalismo da mesma forma. Veja, se eu afirmar que você não pode contestar a existência dos duendes vermelhos porque são onipotente /onisciente /onipresente o que você poderia fazer para refutar? O que é ser onipotente /onisciente /onipresente, se não algo que não pode ser comensurado?

Citar
Não é verdadeiro dizer que o ateu não quer provar nada , Daniel Dennett, Richard Dawkins e outros ,  afirmam taxativamente a inexistência de Deus. Eles não estão dizendo só que não existem provas científicas da existência de Deus , isso todo mundo sabe , mas , me deem uma prova científica que Daniel Dennett, Richard Dawkins e outros ateus tem uma consciência . Não há uma prova cientificamente valida de que estas pessoas tem uma consciência e sim que sejam bichos agindo por um reflexo condicionado.

Muita besteira escrita junta. Você (?) usa uma analogia sobre algo que é inerente ao humanos (a consciência), para tentar validar um argumento totalmente alheio às causas naturais. É possível se verificar a consciência humana sim, basta uma frase " Penso, logo existo". Note que até aqui, toda a sua( ?) argumentação está variando em torno do escopo científico.



Citar
Ora, então não sou obrigado a aceitar a humanidade de nenhum destes , nem mesmo no "sentido" biológico .Os ateus estão querendo provar alguma coisa é evidente que sim e os métodos que eles usam para dizer que não existem provas DISTORCEM completamente a discussão .
Qual é a prova ou a ausência de prova ??

Você não aceita a humanidade de...um ser humano? Como pode isso? Aliás essa pergunta retórica não faz o menor sentido, se não há prova, há ausência de prova. Se não não há ausência de prova e nem prova é porque não existe nenhuma questão.


Citar
Quando eu digo que Deus é onipotente /onisciente /onipresente , se ele esta onipresente você NÃO PODE se destacar dele para observa-lo de fora .

Aqui já reside um problema, como você pode afirmar que não se pode se pode observar algo que  está em todos os lugares? Se destacar  não seria lógico, tanto quanto não perceber algo que está em todos o lugares.


Citar
O Único método possível de você dizer se existem ou não existem  prova da existência de um ser assim definido é o método do aprofundamento da auto consciência .
Porque você esta dentro dele ," nele vivemos , nos movemos e somos" diz o apóstolo Paulo .
Portanto somente através o aprofundamento da auto consciência e que podemos entrar em discussão .

Você poderia ensinar as pessoas não crentes a como fazer esse aprofundamento da auto consciência não? O que é isso senão um profundo subjetivismo,  não pode ser outra coisa, se o único meio de se é o único meio de se chegar a uma conclusão fantástica e extraordinária? Você (?) está sendo contraditório, porque no começo da frase você contesta o que os ateus chamam de mera opinião subjetiva e aqui você faz exatamente isso, ilustra que o único meio de alcançar essa "verdade" é de maneira subjetiva.


Citar
Se não se faz isso é uma tolice dizer que não existem provas . Não existem provas de um deus externo um deus "coisa", maior que criou outra "coisa" menor, sim não existe provas disto mas esta colocação é pueril
Dizer que o ônus da prova está do lado de quem faz a afirmação ??
A existência de uma entidade onipotente /onisciente /onipresente está dada pela simples existência da REALIDADE , não é uma coisa que seja contestável , a não ser que o ateu PROVE que NÃO EXISTE CONSCIÊNCIA DENTRO DA REALIDADE , QUE NÃO EXISTE AUTO CONHECIMENTO.

Aqui simplesmente o lero-lero comeu feio. Primeiro confirma que não há provas, depois diz que pedir provas é coisa de criança, se bem que é verdade, pois são as crianças que ainda não estão contaminadas com esses dogmas que fazem as perguntas mais simples e mais eloquentes.

Segundo você comete uma das falácias mais manjadas dos religiosos, a inversão do ônus da prova.

Terceiro é o cometimento de outra falácia chamada Non Sequitur, onde a sua consequência não deriva logicamente da sua premissa.

 Se você ou eu somos seres conscientes, logicamente somos reais. Básico, né? Ser consciente não é fator para você dizer que deus existe através de alegações fantásticas como a onipresença, não há um argumento lógico que ligue uma coisa a outra.




Citar
Se existe auto conhecimento em uma única pessoas dentro do universo, EXISTE AUTO CONHECIMENTO no universo.[/b] Se existe a possibilidade de ser dizer a palavra eu com conhecimento de causa é porque isso existe dentro do universo.Para que exista auto consciência em você é NECESSÁRIO que exista auto consciência no universo.
Você ateu, é que tem que provar que esta existência de auto consciência só existe em você e não no universo , o que não faz o menor sentido.

De fato, não faz o menor sentido isso que você diz. Defina sucintamente auto conhecimento e ou auto consciência, o que é isso?


Citar
Se esta auto consciência se "atualiza" mais em alguns do que em outros, isso não quer dizer que ele não esteja presente em parte alguma .Quando se diz que Deus e onipotente e onipresente ele não está presente coma mesma modalidade ou com a mesma intensidade em todos os lugares. A existência de onisciência e onipresença é uma questão AUTO EVIDENTE , logo aquele que levanta a objeção é este que tem que provar . Se dizer que o ônus da prova cabe aquele que faz a afirmação é uma coisa absurda .

Auto evidente = subjetivismo

Citar
Toda e qualquer prova "repousa" numa premissa e assim recua indefinidamente até se chegar em premissas que não são provadas mas são auto evidentes .Quer dizer que o primeiro sujeito que percebeu que uma coisa é ela mesma e não outra, ou seja o princípio de identidade  teria que provar isso ??? 
Todas as provas dependem disto , se o ônus da prova cabe a quem faz a afirmação , a primeira afirmação jamais poderia ser feita , isso tornaria IMPOSSÍVEL o raciocínio humano.
Acreditar na existência da realidade , acreditar na identidade das coisas é uma coisa espontânea do ser humano.Se você contesta você é que tem que provar sua contestação .O fato de que os primeiros princípios da lógica não possam jamais ser provados e que dele depende a prova de tudo mais , já demonstra com a MÁXIMA clareza que não é possível que o ônus da prova cabe a quem afirma .
Qualquer coisa que se afirme está baseada no princípio de identidade e o próprio não pode ser provado , então ninguém que diga coisa nenhuma pode provar nada porque ninguém pode provar o princípio de identidade .Se não pode provar a afirmação também não pode provar a negação .
Ateus querem desa firmar algo quando ao menos se aprendem o conceito deste algo a saber Deus .
Ateus querem provar que não existe uma entidade , um ser que criou o universo , ou seja ateus estão dizendo que Deus e o universo são duas coisas .Veem a relação entre Deus e o universo como uma relação de sujeito e objeto e não a relação do transcendente e do imanente .Deus transcende por consequência abrange o universo.Deus não poderia criar o universo e ficar fora dele nunca. A criação do universo é uma das propriedades internas de Deus .O universo não está para Deus como uma "coisa" que ele criou , mas como uma propriedade interna .nós estamos dentro do universo e o universo está dentro de Deus.
Você tem o universo e para além do universo você tem a eternidade a infinitude , etc...
Onde está o universo se não dentro da eternidade ? Se estivesse fora da eternidade certamente não poderia existir .Você não pode observar Deus de fora do universo , você só pode compreende-lo por participação , você tem que intensificar a sua participação neste senso da realidade universal para você entender o que a Bíblia diz.
Retornando , a busca de provas só é justificada quando uma coisa não é auto evidente e a busca da prova científica só é legítima dentro dos territórios já perfeitamente recortados e definidos pela ciência .
Na ciência se faz uma hipótese dentro de um campo de fenômenos que tem uma certa homogeneidade e que esta homogeneidade é definida por certas constantes, em seguida você começa a investigar estas constantes , isso quer dizer que nenhuma ciência pode estudar a realidade concreta.A ciência só pode estudar recortes feitos hipoteticamente e tudo o que ela diz só vale dentro deste recorte hipotético .
Nenhuma ciência pode dizer nada sobre a realidade concreta  , o conceito de realidade concreta não existe para a ciência .É claro que Deus só pode existir como realidade concreta o que significa que todos os métodos usados pela ciência para este assunto não valem de NADA ,
E não venham com papo de dragões dentro de garagens que em nada podem ser comparado a este axioma a saber, Deus.


E fiquei sem paciência, porque é só lero lero. Todo esse discurso,  visa inverter o ônus da prova, é cheio de Non sequitur, contradições e coisas como "Onde está o universo se não dentro da eternidade ?". Se até mesmo o tempo para dentro de um buraco negro, o próprio conceito de eternidade é relativa, esse deus estaria morto ali dentro.

« Última modificação: 20 de Setembro de 2013, 09:56:34 por _Juca_ »

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 37.503
  • Sexo: Masculino
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #22 Online: 19 de Setembro de 2013, 18:47:53 »
Tem jeito não, céticos. Não vão conseguir derrubar um AXIOMA. Desistam, arrependam-se, e assim talvez serão salvos. Talvez.


Dando uma colher de chá:


Citação de: Pai dos ateus
axioma
(latim axioma, -atis, do grego axíoma, -atos)
s. m.
Proposição tão evidente que não precisa ser demonstrada.

Negar um axioma é simplesmente loucura, delírio. É como falar, "posso bater com esse martelo na minha cabeça, que não faz mal". Se bem que talvez os ateus tenham feito justamente isso.

Offline Donatello

  • Nível 39
  • *
  • Mensagens: 3.864
  • Sexo: Masculino
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #23 Online: 21 de Setembro de 2013, 07:51:50 »
Só o Buck para elevar o tom deste "debate". :biglol:

Offline Aroldocbn

  • Nível 11
  • *
  • Mensagens: 189
  • Sexo: Masculino
Re:A existência de Deus o ônus da Prova
« Resposta #24 Online: 21 de Setembro de 2013, 22:12:47 »
Citar
Estes métodos científicos conhecidos para discutir este assunto não vale NADA , nenhuma ciência tem condição de julgar este assunto .Quando incrédulos na astrologia alegam sejam que os astros não influenciam nosso destino e personalidade ou que não existem provas que os astros não influenciam nosso destino e personalidade , estão mentindo nos dois casos.
O fenômeno astrológico é definido como onipotente/onipresente e não como um fenômeno externo que age sobre o universo. Se o fenômeno zodiacal é onipotente /onipresente o incrédulo no zodíaco tem que impugnar provas da existência disto e não de uma outra astrologia concebida a sua própria imagem e semelhança como o que incrédulos na astrologia fazem .
Não é verdadeiro dizer que o incrédulo nos horóscopos não quer provar nada , Carl Sagan, Michael Shermer e outros ,  afirmam taxativamente a inveracidade da astrologia. Eles não estão dizendo só que não existem provas científicas da existência de fenômenos astrológicos, isso todo mundo sabe , mas , me deem uma prova científica que Sagan, Shermer e outros incrédulos na astrologia tem uma consciência . Não há uma prova cientificamente valida de que estas pessoas tem uma consciência e sim que sejam bichos agindo por um reflexo condicionado.
Ora, então não sou obrigado a aceitar a humanidade de nenhum destes , nem mesmo no "sentido" biológico .Os incrédulos na astrologia estão querendo provar alguma coisa é evidente que sim e os métodos que eles usam para dizer que não existem provas DISTORCEM completamente a discussão .
Qual é a prova ou a ausência de prova ?? ?????????????????? ????????? ?
Quando eu digo que o fenômeno zodiacal é onipotente /onipresente , se ele esta onipresente você NÃO PODE se destacar dele para observa-lo de fora . O Único método possível de você dizer se existem ou não existem  prova da existência de um fenômeno assim definido é o método do aprofundamento da auto consciência .
Porque você esta dentro dele ," nele vivemos , nos movemos e somos" diz o Walter Mercado.
Portanto somente através o aprofundamento da auto consciência e que podemos entrar em discussão .
Se não se faz isso é uma tolice dizer que não existem provas . Não existem provas de uma influência astral externoa uma influência "coisa", maior que influenciou outra "coisa" menor, sim não existe provas disto mas esta colocação é pueril
Dizer que o ônus da prova está do lado de quem faz a afirmação ??
A existência de um fenômeno onipotente /onipresente está dada pela simples existência da REALIDADE , não é uma coisa que seja contestável , a não ser que o descrente no zodíaco PROVE que NÃO EXISTE CONSCIÊNCIA DENTRO DA REALIDADE , QUE NÃO EXISTE AUTO CONHECIMENTO.
Se existe auto conhecimento em uma única pessoas dentro do universo, EXISTE AUTO CONHECIMENTO no universo.
Se existe a possibilidade de ser dizer a palavra eu com conhecimento de causa é porque isso existe dentro do universo.Para que exista auto consciência em você é NECESSÁRIO que exista auto consciência no universo.
Você descrente no horóscopo, é que tem que provar que esta existência de auto consciência só existe em você e não no universo , o que não faz o menor sentido.
Se esta auto consciência se "atualiza" mais em alguns do que em outros, isso não quer dizer que ele não esteja presente em parte alguma .Quando se diz que os astros influenciam as nossas vidas e personalidades de forma onipotente e onipresente isso não ocorre coma mesma modalidade ou com a mesma intensidade em todos os lugares. A existência de onipresença cósmica é uma questão AUTO EVIDENTE , logo aquele que levanta a objeção é este que tem que provar . Se dizer que o ônus da prova cabe aquele que faz a afirmação é uma coisa absurda .
Toda e qualquer prova "repousa" numa premissa e assim recua indefinidamente até se chegar em premissas que não são provadas mas são auto evidentes .Quer dizer que o primeiro sujeito que percebeu que uma coisa é ela mesma e não outra, ou seja o princípio de identidade  teria que provar isso ???  ??? ???? ????????????????????? ????????????????????????
Todas as provas dependem disto , se o ônus da prova cabe a quem faz a afirmação , a primeira afirmação jamais poderia ser feita , isso tornaria IMPOSSÍVEL o raciocínio humano.
Acreditar na existência da realidade , acreditar na identidade das coisas é uma coisa espontânea do ser humano.Se você contesta você é que tem que provar sua contestação .O fato de que os primeiros princípios da lógica não possam jamais ser provados e que dele depende a prova de tudo mais , já demonstra com a MÁXIMA clareza que não é possível que o ônus da prova cabe a quem afirma .
Qualquer coisa que se afirme está baseada no princípio de identidade e o próprio não pode ser provado , então ninguém que diga coisa nenhuma pode provar nada porque ninguém pode provar o princípio de identidade .Se não pode provar a afirmação também não pode provar a negação .
Descrentes no horóscopo querem desa firmar algo quando ao menos se aprendem o conceito deste algo a saber Astrologia.
Descrentes no horóscopoquerem provar que não existe uma influência, que permeia todo o universo, ou seja incrédulos na astrologia estão dizendo que a influência zodiacal e o universo são duas coisas .Veem a relação entre a influência dos astros sobre nós como uma relação de sujeito e objeto e não a relação do transcendente e do imanente .A influência astral transcende por consequência abrange o universo.A influência astral não poderia modificar o universo e ficar fora dele nunca. A modificaçao do universo é uma das propriedades internas do Cosmo .O nosso universo não está para o Cosmo como uma "coisa" que ele criou , mas como uma propriedade interna .nós estamos dentro do universo e o universo está dentro de nós.
Você tem o universo e para além do universo você tem a eternidade a infinitude , etc...
Onde está o universo se não dentro da eternidade ? Se estivesse fora da eternidade certamente não poderia existir .Você não pode observar a influência astrológica de fora do universo , você só pode compreende-la por participação , você tem que intensificar a sua participação neste senso da realidade universal para você entender o que a Tábua de Vênus de Ammisaduqa diz.
Retornando , a busca de provas só é justificada quando uma coisa não é auto evidente e a busca da prova científica só é legítima dentro dos territórios já perfeitamente recortados e definidos pela ciência .
Na ciência se faz uma hipótese dentro de um campo de fenômenos que tem uma certa homogeneidade e que esta homogeneidade é definida por certas constantes, em seguida você começa a investigar estas constantes , isso quer dizer que nenhuma ciência pode estudar a realidade concreta.A ciência só pode estudar recortes feitos hipoteticamente e tudo o que ela diz só vale dentro deste recorte hipotético .
Nenhuma ciência pode dizer nada sobre a realidade concreta  , o conceito de realidade concreta não existe para a ciência .É claro que o fenômeno zodiacal só pode existir como realidade concreta o que significa que todos os métodos usados pela ciência para este assunto não valem de NADA ,
E não venham com papo de dragões dentro de garagens que em nada podem ser comparado a este axioma a saber, Astrologia.

Só esqueceu que Astrologia não é um axioma .
Pensa um poquim.
http://blogdoaroldocbn.blogspot.com.br/
A ciência embora pretensa não é uma fonte de saber neutra,ela é moldada pelos pressupostos de sua época.
Deus é um Axioma ! Logicamente, Deus é premissa... axioma !!
E como axioma não pode ser demonstrado logicamente, entendeu ?
  “Assombra-me o Universo e eu crer procuro em vão, que exista um tal relógio e o relojoeiro não”
Voltaire

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!