Autor Tópico: Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?  (Lida 6370 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 25.072
  • Sexo: Masculino
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #50 Online: 28 de Novembro de 2013, 19:37:41 »
Orgulho de ser branco = orgulho de ser deficiente em produzir melanina, tornando-se mais propenso a desenvolver um cancer de pele. :)
Isso, clamar a superioridade de sua raça é mesmo o melhor jeito de acabar com o racismo.  :ok:
:hein:
Suponho que ele deduziu que o Enjolras é um eficiente produtor de melanina, que se acha superior por causa disso.  :?

Está claro que o Enjolras foi irônico com a "raça branca" ao afirmar que esta pode se orgulhar da ausência de melanina mas ao mesmo tempo é a que é mais propensa a desenvolver câncer de pele.

Acho que não ficou claro que eu também estava.  :(  Isso me dá uma tristeza.

Não se lamente. O problema está comigo.
Foto USGS


Offline AlienígenA

  • Nível 31
  • *
  • Mensagens: 1.907
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #52 Online: 29 de Novembro de 2013, 00:05:33 »
Eu tinha feito a mesma suposição de Doubt, só que "de verdade". Mal consigo entender quem não entendeu o que.

O que eu supus de verdade é que o Caerus só podia estar sendo irônico, embora de forma que tenha me escapado à compreensão, porque o óbvio pareceu meio absurdo para ser verdade, mas depois do que você disse também já não sei.  :P

Offline Donatello

  • Nível 38
  • *
  • Mensagens: 3.814
  • Sexo: Masculino
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #53 Online: 30 de Novembro de 2013, 02:41:48 »
E o orgulho negro deve ser orgulho de hiper-produção de melanina que torna a pessoa mais propensa a deficiência de vitamina D, respectivamente.
Sorte a minha que sou chocolate e tenho o perfeito equilíbrio entre a capacidade de produção de vitamina D e a proteção contra raios UVB :eba: desde que viva em uma ambiente também intermediário quanto à incidência de raios solares e não em qualquer dos extremos para os quais os "brancos puros" e os "negros puros" são melhor adaptados.  :umm:


Offline Enjolras

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.635
  • Sexo: Masculino
  • Question not thy god, for thy god doth not respond
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #55 Online: 01 de Dezembro de 2013, 06:21:04 »
Orgulho de ser branco = orgulho de ser deficiente em produzir melanina, tornando-se mais propenso a desenvolver um cancer de pele. :)
Isso, clamar a superioridade de sua raça é mesmo o melhor jeito de acabar com o racismo.  :ok:
:hein:
Suponho que ele deduziu que o Enjolras é um eficiente produtor de melanina, que se acha superior por causa disso.  :?

Está claro que o Enjolras foi irônico com a "raça branca" ao afirmar que esta pode se orgulhar da ausência de melanina mas ao mesmo tempo é a que é mais propensa a desenvolver câncer de pele.

Exato. A minha intencao nao foi "clamar a superioridade de 'minha raca' ". Foi mais sarcasmo com o tal "orgulho branco" mesmo. Orgulho de que mesmo? De ser um "aleijado molecular" que nao produz melanina? :P

P.S.: Nao sou negro, nem branco, sou mestico de negro, indio e portugues.
Qualquer sistema de pensamento pode ser racional, pois basta que as suas conclusões não contrariem as suas premissas.

Mas isto não significa que este sistema de pensamento tenha correspondência com a realidade objetiva, sendo este o motivo pelo qual o conhecimento científico ser reconhecido como a única forma do homem estudar, explicar e compreender a Natureza.

Offline AlienígenA

  • Nível 31
  • *
  • Mensagens: 1.907
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #56 Online: 01 de Dezembro de 2013, 09:59:29 »
Orgulho de ser branco = orgulho de ser deficiente em produzir melanina, tornando-se mais propenso a desenvolver um cancer de pele. :)
Isso, clamar a superioridade de sua raça é mesmo o melhor jeito de acabar com o racismo.  :ok:
:hein:
Suponho que ele deduziu que o Enjolras é um eficiente produtor de melanina, que se acha superior por causa disso.  :?

Está claro que o Enjolras foi irônico com a "raça branca" ao afirmar que esta pode se orgulhar da ausência de melanina mas ao mesmo tempo é a que é mais propensa a desenvolver câncer de pele.

Exato. A minha intencao nao foi "clamar a superioridade de 'minha raca' ". Foi mais sarcasmo com o tal "orgulho branco" mesmo. Orgulho de que mesmo? De ser um "aleijado molecular" que nao produz melanina? :P

P.S.: Nao sou negro, nem branco, sou mestico de negro, indio e portugues.

Sua intenção ficou clara. A do Poe Caerus é que não.  :)

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 32.387
  • Sexo: Masculino
  • ...
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #57 Online: 01 de Dezembro de 2013, 18:41:33 »

Exato. A minha intencao nao foi "clamar a superioridade de 'minha raca' ". Foi mais sarcasmo com o tal "orgulho branco" mesmo. Orgulho de que mesmo? De ser um "aleijado molecular" que nao produz melanina? :P

P.S.: Nao sou negro, nem branco, sou mestico de negro, indio e portugues.

O problema desse tipo de "refutação"/alfinetada é que, bem, simplesmente não é a melanina a questão. Mas sim que "homem branco" é praticamente sinônimo de "homem civilizado". O que crêem ser mais do que um acidente histórico, mas derivado da biologia -- e que a diferença de melanina teve um papel praticamente insignificante nisso, apesar de talvez ser possível mesmo argumentar ser o principal fator biológico, e o mais importante é geografia/história (Jared Diamond, David Landes).

Offline Enjolras

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.635
  • Sexo: Masculino
  • Question not thy god, for thy god doth not respond
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #58 Online: 02 de Dezembro de 2013, 23:02:50 »

Exato. A minha intencao nao foi "clamar a superioridade de 'minha raca' ". Foi mais sarcasmo com o tal "orgulho branco" mesmo. Orgulho de que mesmo? De ser um "aleijado molecular" que nao produz melanina? :P

P.S.: Nao sou negro, nem branco, sou mestico de negro, indio e portugues.

O problema desse tipo de "refutação"/alfinetada é que, bem, simplesmente não é a melanina a questão. Mas sim que "homem branco" é praticamente sinônimo de "homem civilizado". O que crêem ser mais do que um acidente histórico, mas derivado da biologia -- e que a diferença de melanina teve um papel praticamente insignificante nisso, apesar de talvez ser possível mesmo argumentar ser o principal fator biológico, e o mais importante é geografia/história (Jared Diamond, David Landes).

Sim sim. Eu sei que o que chamamos de "branco" ou "negro" nao se restringe apenas a cor da pele, existem mais caracteristicas biologicas envolvidas. Nao tive intencao de mostrar nenhuma refutacao, apenas tirar sarro mesmo. Como vc bem apontou, o que falei pode ser usado a favor dessa besteirada de "orgulho branco". Eles podem dizer que perderam melanina pq sao mais civilizados. Mas mesmo assim, se esquecem que essa mudanca evolutiva levou milhoes de anos e que foi apenas o acaso de ancestrais sem melanina se darem melhor em lugares menos ensolarados. E naquela epoca nao eram nem mais nem menos civlizados.

Enfim, esquecam isso, a gente num pode mais nem fazer uma piadinha que o povo ja leva pra discussao, haha :P
Qualquer sistema de pensamento pode ser racional, pois basta que as suas conclusões não contrariem as suas premissas.

Mas isto não significa que este sistema de pensamento tenha correspondência com a realidade objetiva, sendo este o motivo pelo qual o conhecimento científico ser reconhecido como a única forma do homem estudar, explicar e compreender a Natureza.

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 32.387
  • Sexo: Masculino
  • ...
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #59 Online: 03 de Dezembro de 2013, 01:27:51 »
A evolução de pele clara aparentemente levou apenas milhares de anos, talvez nem uma dezena (e se deu independentemente nos ancestrais dos "brancos", e asiáticos de pele clara).

Nenhuma população humana esteve separada há milhões de anos, até os neandertais se separaram apenas por algo em torno de meio milhão.


Nada contra algumas pegadinhas, o problema é se podem ser facilmente "refutadas" e depois repetidas entre eles como "exemplo da ignorância esquerdista liberal racista anti-brancos", "dos evolucionistas", etc.

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 32.387
  • Sexo: Masculino
  • ...
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #60 Online: 04 de Janeiro de 2017, 22:44:16 »
Não sei o quanto isso é notícia velha, mas esbarrei agora com algo que remete ao caso do filho do criacionista Michael Behe ter acabado virando evolucionista: o filho do supremacista/nacionalista branco Don Black, que dentre o currículo de vida tinha até planos de tomar o poder na Domínica para instaurar um estado branco, foi gradualmente se dissociando da ideologia até efetivamente renunciá-la publicamente, recentemente. Sua mãe foi ex-mulher/namorada do líder do KKK, que acabou sendo seu padrinho.

Citar
https://www.washingtonpost.com/national/the-white-flight-of-derek-black/2016/10/15/ed5f906a-8f3b-11e6-a6a3-d50061aa9fae_story.html

...

He left the house that night and went to a bar. He took out his computer and began writing a statement.

“A large section of the community I grew up in believes strongly in white nationalism, and members of my family whom I respect greatly, particularly my father, have long been resolute advocates for that cause. I was not prepared to risk driving a wedge in those relationships.

“After a great deal of thought since then, I have resolved that it is in the best interests of everyone involved to be honest about my slow but steady disaffiliation from white nationalism. I can’t support a movement that tells me I can’t be a friend to whomever I wish or that other people’s races require me to think of them in a certain way or be suspicious at their advancements.

“The things I have said as well as my actions have been harmful to people of color, people of Jewish descent, activists striving for opportunity and fairness for all. I am sorry for the damage done.”

He continued to write for several more paragraphs before addressing an email to the SPLC, the group his father had considered a primary adversary for 40 years.

“Publish in full,” Derek instructed. Then he attached the letter and hit “send.”

...



Acho curioso isso, inicialmente até fico meio cético quanto a esses casos (outro que me lembrava era o das meninas do "prussian blue"), achando ser fingimento, mas parece que ele até sofreu alguma ostracização da própria família, embora não tenham mesmo cortado relações completamente. Se é uma farsa, no mínimo tem-se que reconhecer uma elaboração admirável.


Curioso isso aparentemente vir a tona quando o movimento racista/racistóide nos EUA deve ter alcançado seu maior impulso em décadas, em parte, graças a ele.


Parte dessa história parece ter se dado de forma que me lembrou do narrado aqui:

http://liberalconspiracy.org/2009/05/13/a-different-approach-to-the-bnp/

Onde é dito que foi através de maior interação com racistas e racistóides que liberais/progressistas conseguiram dissuadí-los dessas idéias. 

Offline Freya

  • Nível 13
  • *
  • Mensagens: 272
  • Sexo: Feminino
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #61 Online: 27 de Janeiro de 2017, 10:59:27 »
Não sei se já debateram aqui sobre isso, mas nos últimos dias, após a divulgação de um vídeo da posse de Trump em que um supremacista branco é agredido por um manifestante, os internautas lançaram um debate questionando se seria ético agredir fisicamente um fascista; os contra defendem a liberdade de expressão como um dos pilares da democracia, não importando que seja discurso de ódio. Já os que são a favor, advogam que não pode haver tolerância para com os intolerantes sob pena de ameaçar a própria tolerância.


Pois bem, o que os senhores pensam em termos éticos, morais, sociológicos, cosmológicos (rs)?
« Última modificação: 27 de Janeiro de 2017, 11:05:55 por Freya »

Offline Shadow

  • Nível 25
  • *
  • Mensagens: 1.143
  • "Alguns teóricos dos antigos astronautas...."
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #62 Online: 27 de Janeiro de 2017, 11:25:01 »
Não sei se já debateram aqui sobre isso, mas nos últimos dias, após a divulgação de um vídeo da posse de Trump em que um supremacista branco é agredido por um manifestante, os internautas lançaram um debate questionando se seria ético agredir fisicamente um fascista; os contra defendem a liberdade de expressão como um dos pilares da democracia, não importando que seja discurso de ódio. Já os que são a favor, advogam que não pode haver tolerância para com os intolerantes sob pena de ameaçar a própria tolerância.


Pois bem, o que os senhores pensam em termos éticos, morais, sociológicos, cosmológicos (rs)?

Deixa eu ver se entendi: O supremacista branco é fascista. O negro, herói da liberdade?

Na minha opinião os dois são uns grandes imbecis.

Orgulho de ser branco? Orgulho de ser negro?  Ou no meu caso "semi-amarelo-esbranquiçado-de-olhos-amendoados" ou sei lá que cor tem os originados do leste europeu?

 É a quantidade de melanina na minha pele que me define?
"Who knows what evil lurks in the hearts of men? The Shadow knows..."

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 32.387
  • Sexo: Masculino
  • ...
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #63 Online: 27 de Janeiro de 2017, 15:25:33 »
Já os que são a favor, advogam que não pode haver tolerância para com os intolerantes sob pena de ameaçar a própria tolerância.

Talvez a frase original seja de Karl Popper, mas, pela descrição da situação, acho que estão distorcendo a idéia, pois penso que falava de uma intolerância ainda civilizada. Como "o governo não pode tolerar crimes", e não "vamos sair linchando por aí, seremos o KKK do bem".

E ainda tem todo o aspecto dessa intolerância civilizada se dar já contra a promoção de uma ideologia intolerante, versus crimes com vítimas mais diretas.

Não sei se é mesmo a melhor abordagem, mas é ainda argumentável que, contra a promoção ideológica de intolerância ainda apenas como propaganda, seja preferível um combate também apenas na forma de promoção de idéias contrárias/ataque as idéias intolerantes, em vez de censura legal.

Offline Entropia

  • Nível 15
  • *
  • Mensagens: 377
  • Sexo: Masculino
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #64 Online: 27 de Janeiro de 2017, 20:45:48 »
Se um comunista do PCO resolver sair dizendo por aí que tem que haver conflito armado e fuzilar a classe média e alta, e portanto a burguesia. Esse cara tem que sair levando socos por aí? Um dia desses saiu um video do Mamae falei onde era comum o povo de lá dizer que a contra "facista"(qualquer um que discordasse deles) era apenas o conflito físico e que o diálogo era só na "ponta do fuzil". É razoável quando alguém vir essas pessoas na rua partir pra cima delas? Deixe falar, servem como alívio cômico para as coisas, se realmente tiverem a intencao de agirem, entao serao punidos.

É fácil ver que esse negócio de Discurso de ódio nao tem uma linha muito bem definida, e qualquer um mais sensível pode usar qualquer coisa que o ofenda para pretexto de censura.

Offline DDV

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.540
  • Sexo: Masculino
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #65 Online: 27 de Janeiro de 2017, 21:22:31 »
Primeira Emenda resolve tudo.

Pune-se apenas apologia ao crime e crimes contra a honra pessoal.
Não acredite em quem lhe disser que a verdade não existe.

"O maior vício do capitalismo é a distribuição desigual das benesses. A maior virtude do socialismo é a distribuição igual da miséria." (W. Churchill)

Offline Gauss

  • Nível 32
  • *
  • Mensagens: 2.106
  • Sexo: Masculino
  • A Lua cheia não levanta-se a Noroeste
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #66 Online: 27 de Janeiro de 2017, 21:27:17 »
O perigo de achar que um extremista que protesta pacificamente deva apanhar por suas ideias, pode abrir espaço para que as pessoas passem a agredir qualquer um que tenha uma ideia diferente da de determinado grupo. É o caminho para o autoritarismo.
“A matemática é a rainha das ciências.”
Carl Friedrich Gauss.

Offline DDV

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.540
  • Sexo: Masculino
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #67 Online: 27 de Janeiro de 2017, 21:28:47 »
O perigo de achar que um extremista que protesta pacificamente deva apanhar por suas ideias, pode abrir espaço para que as pessoas passem a agredir qualquer um que tenha uma ideia diferente da de determinado grupo. É o caminho para o autoritarismo.

Exato.

Se ele cometer apologia ao crime, injúria, difamação ou calúnia, já há leis para puni-lo.
Não acredite em quem lhe disser que a verdade não existe.

"O maior vício do capitalismo é a distribuição desigual das benesses. A maior virtude do socialismo é a distribuição igual da miséria." (W. Churchill)

Offline DDV

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.540
  • Sexo: Masculino
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #68 Online: 27 de Janeiro de 2017, 21:33:12 »
Foi essa (tentativa de) ditadura do politicamente correto que permitiu a ascensão de políticos como Trump e dá ibope a Bolsonaro.

A idéia por trás do PC é "censurar", ou "proibir" algumas idéias, transformando-as em tabus, impedindo assim que haja um debate livre entre os diferentes proponentes, fazendo com que um dos lados seja o correto ou verdadeiro à priori. É uma tentativa de banir certos posicionamentos do debate sem sequer tentar debatê-los e derrotá-los nos argumentos. Cria-se rótulos, e estes rótulos são usados para se obter uma 'vitória instantânea' nos debates quando aplicados em quem pensa diferente.

A reação não tarda a aparecer.
Não acredite em quem lhe disser que a verdade não existe.

"O maior vício do capitalismo é a distribuição desigual das benesses. A maior virtude do socialismo é a distribuição igual da miséria." (W. Churchill)

Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.959
  • Sexo: Masculino
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #69 Online: 28 de Janeiro de 2017, 10:01:02 »

O supremacista branco defende coisas abomináveis, mas não é correto dar um soco nele por causa disso...   


Talvez jogar um ovo possa até ser.  :biglol:






Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 32.387
  • Sexo: Masculino
  • ...
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #70 Online: 28 de Janeiro de 2017, 16:30:08 »
Foi essa (tentativa de) ditadura do politicamente correto que permitiu a ascensão de políticos como Trump e dá ibope a Bolsonaro.

A idéia por trás do PC é "censurar", ou "proibir" algumas idéias, transformando-as em tabus, impedindo assim que haja um debate livre entre os diferentes proponentes, fazendo com que um dos lados seja o correto ou verdadeiro à priori. É uma tentativa de banir certos posicionamentos do debate sem sequer tentar debatê-los e derrotá-los nos argumentos. Cria-se rótulos, e estes rótulos são usados para se obter uma 'vitória instantânea' nos debates quando aplicados em quem pensa diferente.

A reação não tarda a aparecer.

Ostracização e indisposição a consideração (além da caricatura) do que é considerado imoral deve ser algo praticamente inevitável. Não é único do "politicamente correto".

O problema do PC é ser um extremo histérico disso, que pode acabar acidentalmente favorecendo aquilo a que se opõe.

Outro "polo" disso é o "conservadoramente correto" pregando abstinência e sexo após o casamento como política contra DSTs e etc. Só torna mais fácil para alguns darem risada disso e defenderem a bacanalização geral.

Offline Freya

  • Nível 13
  • *
  • Mensagens: 272
  • Sexo: Feminino
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #71 Online: 29 de Janeiro de 2017, 10:58:28 »
Que alívio saber que os senhores são contra a violência, pois nos últimos dias foi assustador ler pela internet relatos até mesmo de pessoas que eu julgava sensatas advogando pela justiça privada e fazendo malabarismos éticos para sustentá-la, não diferindo em nada dos bolsonetes que apregoam que bandido bom é bandido morto.

Sim, concordo que repressão por meio de violência só pode gerar um efeito mola, vitimizando o agressor lhe dando razão para agir em reação que, certamente, também será violenta. A depender da forma como se reage com um nazista, por mais que suas ideias sejam repudiáveis ele pode acabar se tornando um mártir, além de que não há motivos racionais para se atacar uma pessoa fisicamente sem que ela esteja oferecendo perigo à integridade física de outrem (ou até a sim mesma) naquele momento.
O desejo de vingança é natural no ser humano, é o que leva a defender linchamentos e até mesmo a pena de morte, mas como nem tudo que é natural é bom ou moral, esse instinto deve ser reprimido.

Entretanto, também vi algumas pessoas defendendo o nazista não pelas razões que expus acima, e sim em nome da defesa da liberdade de expressão irrestrita, e disso eu discordo completamente.
Sim, a liberdade de expressão é um dos pilares da democracia e o diálogo na sociedade deve ser estimulado, mas assim como qualquer direito ela acaba no momento em que começa o direito do outro, de forma que as pessoas são livres para se expressarem desde que não estejam atentando contra a dignidade e os direitos dos outros. E um discurso sobre supremacia branca é um discurso claramente racista e, portanto, atentatório aos direitos humanos; racismo é crime e como tal deve ser tratado nos rigores da lei, até porque, normalmente, quem prega discurso de ódio não quer dialogar/argumentar, quer tão somente se impor na marra. (também me surpreendi com a postagem do Buckaroo, sobre o nazi recuperado, é algo bem raro de acontecer)

Resta, portanto, estarmos abertos ao diálogo com quem quer que seja, mas é preciso também punir os excessos da liberdade de expressão quando esta deixa de ser simplesmente a livre manifestação do pensamento para fazer apologia a crimes repudiáveis por toda a humanidade. O problema que fica, como muito bem levantou o Entropia, é definir objetivamente algo que pode ser muito subjetivo: o que seria um "discurso de ódio"? Em algumas situações, como essa, o discurso está bem definidos e de fácil identificação, mas existem situações que habitam a zona grise e, a depender da utilização desse conceito, o "discurso de ódio" pode servir de pretexto para autoritarismo e censura.

Offline Freya

  • Nível 13
  • *
  • Mensagens: 272
  • Sexo: Feminino
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #72 Online: 29 de Janeiro de 2017, 11:01:49 »
O problema do PC é ser um extremo histérico disso, que pode acabar acidentalmente favorecendo aquilo a que se opõe.

Favorece porque se iguala àquilo que diz combater, ainda que esteja na ponta extremo oposta do discurso (o efeito ferradura).

Offline Wowbagger, o Infinitamente Prolongado

  • Nível 30
  • *
  • Mensagens: 1.605
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #73 Online: 29 de Janeiro de 2017, 12:05:26 »
O perigo de achar que um extremista que protesta pacificamente deva apanhar por suas ideias, pode abrir espaço para que as pessoas passem a agredir qualquer um que tenha uma ideia diferente da de determinado grupo. É o caminho para o autoritarismo.

Exato.

Se ele cometer apologia ao crime, injúria, difamação ou calúnia, já há leis para puni-lo.

Eu também sou favorável a liberdade de se fale e pense o que cada um bem entende e se houver apologia ao crime, injúria, difamação, calúnia que haja punição.

Mas tem um limbo nesta história, tem muito discurso por ai que não faz DIRETAMENTE apologia ao crime, injúria, difamação ou calúnia, mas a mensagem implícita nele é totalmente clara. É um pouco mais do que aquela história do "não sou racista\homofóbico\antisemita, mas...". Essa mensagem implícita incita, de forma proposital e cínica, atos criminosos em terceiros. E também tem o fato de que não é possível refutar esse novo movimento de direita (o mesmo vale para a esquerda), simplesmente porque eles não têm o minimo de compromisso com fatos e realidade. Não dá para argumentar racionalmente com quem despreza lógica, fatos e realidade.

Curiosamente a tentativa de censurar opiniões alheias do PCismo esquerdista possui um irmão gêmeos na direita atual. Basta que você argumente, refute apenas chame de idiota uma opinião idiota para que esse argumento, refutação ou o "chamar de idiota um argumento idiota" seja tachado de tentativa de censura politicamente correta esquerdista pelos defensores dessa nova direita. A pessoa é livre para dizer o que quer e terceiros são livres para atacar a ideia expressada.

Meter a porrado no nazistinha de merda foi errado, mas o fato é que é complicadíssimo lidar com os extremismos da nossa época. O povo não sabe muito como agir sem se radicalizar.

Offline DDV

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.540
  • Sexo: Masculino
Re:Quando o orgulho de ser branco,vira racismo?
« Resposta #74 Online: 29 de Janeiro de 2017, 14:11:12 »
Eu defendo que bandido bom é bandido morto com base no fato deles estarem plenamente dispostos a tirar a vida de uma pessoa que nunca viram antes por causa de 100, 200, 500 ou 1000 reais.

Para mim, isso é mais do que suficiente para se matar bandidos.



Não acredite em quem lhe disser que a verdade não existe.

"O maior vício do capitalismo é a distribuição desigual das benesses. A maior virtude do socialismo é a distribuição igual da miséria." (W. Churchill)

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!