Autor Tópico: Papa afirma que Teoria da Evolução e Big Bang são verdadeiras  (Lida 2593 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline Felipp Jarbas

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.049
  • Sexo: Masculino
Re:Papa afirma que Teoria da Evolução e Big Bang são verdadeiras
« Resposta #25 Online: 30 de Outubro de 2014, 21:09:07 »
Quero ver agora eles (teólogos, bispos) encaixarem o dogma do pecado original na evolução. Quem foi o primeiro casal ? Eram Australopitecus ? Homo habilis ? Onde e quando ocorreu o primeiro pecado ? Eles já tinham uma noção do deus judaico-cristão ? Ou de qualquer outro deus ?
Se você acha que sua crença é baseada na razão, você a defenderá com argumentos e não pela força e renunciará a ela se seus argumentos se mostrarem inválidos. (Bertrand Russell)
http://pt.wikipedia.org/wiki/Humanismo_secular
http://pt.wikipedia.org/wiki/Liberalismo_social

Offline JVitorNP

  • Nível 01
  • *
  • Mensagens: 13
  • Sexo: Masculino
Re:Papa afirma que Teoria da Evolução e Big Bang são verdadeiras
« Resposta #26 Online: 31 de Outubro de 2014, 01:23:21 »
Eu acho que a questão do pecado original para muitos religiosos é uma abstração do mito contado em Gênesis 3. Podemos perceber que Deus diz em Gênesis 2:16-17 que se o homem comer do fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal, ele morrerá, e ele não comeu. Mais adiante, a serpente revela que Deus estava, de fato, mentindo. Ela explica que se eles comerem do referido fruto, "(...) serão como deuses, conhecedores do bem e do mal!". O pecado reside no  ser humano tentar se igualar a Deus e contrariar as limitações que lhe foram impostas (comer o fruto que lhe fora ordenado que não comesse).

PS: Deus estava mentindo, porque eles comeram e não morreram de fato, e se tornaram conhecedores do bem e do mal na medida em que perceberam que estavam nus e se envergonharam disso. Ou seja, passaram a perceber seu desejo e a se perceber como objetos de desejo.

Qualquer coisa que dê errado com esta explicação pode ser tomada como um "mistério da fé" que não se pode compreender com a razão humana.  :hihi:

Sendo assim, não acho que o dogma do pecado original seja incompatível com a teoria da evolução, na medida em que o mito de Gênesis não seja encarado de forma literal, mas sim como uma alegoria para demonstrar como o ser humano se afasta de Deus (foi expulso do paraíso) ao tentar se igualar ao "criador".

Offline Mr. Mustard

  • Nível 39
  • *
  • Mensagens: 3.918
  • Sexo: Masculino
Re:Papa afirma que Teoria da Evolução e Big Bang são verdadeiras
« Resposta #27 Online: 31 de Outubro de 2014, 09:55:13 »
Eu estou inclinado a pensar que não é simples estratégia da ICAR, me parece provável que o papa acredita mesmo na teoria da evolução e do big bang, como teorias que explicam satisfatoriamente a origem da vida e do universo como os conhecemos hoje, e por acreditar também no Deus bíblico judaico-cristão, arrumou um jeito de conciliar suas duas crenças numa só, interpretando metaforicamente partes que antes se interpretadas literalmente entrariam em contradição com a ciência. Esta interpretação predominantemente metafórica de passagens bíblicas não é algo novo, já existia na época de Spinoza e mesmo muito antes dele.

Abraços!

Não creio que a TE explique a origem da vida...

Offline Mr. Mustard

  • Nível 39
  • *
  • Mensagens: 3.918
  • Sexo: Masculino
Re:Papa afirma que Teoria da Evolução e Big Bang são verdadeiras
« Resposta #28 Online: 31 de Outubro de 2014, 10:01:19 »
Quero ver agora eles (teólogos, bispos) encaixarem o dogma do pecado original na evolução. Quem foi o primeiro casal ? Eram Australopitecus ? Homo habilis ? Onde e quando ocorreu o primeiro pecado ? Eles já tinham uma noção do deus judaico-cristão ? Ou de qualquer outro deus ?

Acredito que a ICAR está tomando um caminho muito inteligente e vai, em tese, na contra mão de todas as vertentes do Catolicismo, principalmente as Neo pentecostais,

No momento em que a ICAR estreita laços com a Ciência, as Neo pentecostais assumem uma postura completamente diferente, criticando fervorosamente a Ciência e as conquistas sociais (como o casamento gay, por exemplo),

Então eu entendo que quando as pessoas caírem na real sobre os absurdos das neo pentecostais, a ICAR estará de braços abertos para receber essa avalanche de gente descrente nas suas vertentes católicas.

É uma opinião pessoal, claro.

Offline JVitorNP

  • Nível 01
  • *
  • Mensagens: 13
  • Sexo: Masculino
Re:Papa afirma que Teoria da Evolução e Big Bang são verdadeiras
« Resposta #29 Online: 31 de Outubro de 2014, 10:12:54 »
TE não explica a origem da vida, mas a forma como esta se diversifica e se adapta. A melhor explicação que já li até hoje sobre a possível origem da vida foi a que está no capítulo 1 do livro Bioquímica de Voet & Voet. Eles sugerem um possível processo de diversificação e seleção natural (evolução, em outras palavras) aplicado a moléculas orgânicas que ocorreria primeiramente fora do meio intracelular como explicação para a origem da vida. Mas ainda não chega a ser uma explicação totalmente satisfatória para mim.

Eu não acredito tanto que a aceitação da teoria da evolução pelo papa seja puro jogo de marketing. Os membros do alto clero são, antes de tudo, parte da população, frutos da sociedade. Se a Igreja influencia muito a sociedade, por outro lado a sociedade também influencia a Igreja.

Offline Mr. Mustard

  • Nível 39
  • *
  • Mensagens: 3.918
  • Sexo: Masculino
Re:Papa afirma que Teoria da Evolução e Big Bang são verdadeiras
« Resposta #30 Online: 31 de Outubro de 2014, 10:23:04 »
TE não explica a origem da vida, mas a forma como esta se diversifica e se adapta. A melhor explicação que já li até hoje sobre a possível origem da vida foi a que está no capítulo 1 do livro Bioquímica de Voet & Voet. Eles sugerem um possível processo de diversificação e seleção natural (evolução, em outras palavras) aplicado a moléculas orgânicas que ocorreria primeiramente fora do meio intracelular como explicação para a origem da vida. Mas ainda não chega a ser uma explicação totalmente satisfatória para mim.

Eu não acredito tanto que a aceitação da teoria da evolução pelo papa seja puro jogo de marketing. Os membros do alto clero são, antes de tudo, parte da população, frutos da sociedade. Se a Igreja influencia muito a sociedade, por outro lado a sociedade também influencia a Igreja.

Também não acredito em jogada de marketing não,

Como eu disse, a ICAR está sendo inteligente em estreitar laços com a Ciência. Entendo que é o caminho mais lógico, pois uma pessoa que frequenta uma neo pentecostal, por exemplo, vai ficar feliz por 1 ou 2 anos, esperando a riqueza e o "pedacinho do céu"... Mas chega uma hora que a paciência esgota.

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 28.236
  • Sexo: Masculino
Re:Papa afirma que Teoria da Evolução e Big Bang são verdadeiras
« Resposta #31 Online: 31 de Outubro de 2014, 13:38:05 »
Citar
O Papa Francisco afirmou, em discurso na Pontifícia Academia de Ciências na segunda-feira, que a Teoria da Evolução e o Big Bang são reais. Francisco criticou quem interpreta a Bíblia achando que Deus agiu como "um mago, com uma varinha mágica capaz de criar todas as coisas". As informações são do jornal o Globo.

http://diariocatarinense.clicrbs.com.br/sc/mundo/noticia/2014/10/papa-afirma-que-teoria-da-evolucao-e-big-bang-sao-verdadeiras-4630537.html

Eu, sinceramente, estou um pouco impressionado e curioso em relação a esse Papa, ele é bem pra frentex...

João Paulo II já havia dito a mesma coisa porque faz parte da estratégia da ICAR há pelo menos 30 anos, qual seja, ela "reconhece" a Ciência mas aproveita para inserir e citar, de algum modo, o deus judaico-cristão.

Há menos de 600 anos ela ditava o modo de 'ver o mundo', subordinando a Ciência e a Filosofia à teologia. Hoje ela vai a reboque da Ciência e da Filosofia, ao passo que a teologia hoje é algo um pouco além de um anacronismo acadêmico.
Acha que o Papa não acredita de fato na teoria da evolução e do big bang? Que as usa e as aceita publicamente apenas da boca pra fora como estratégia religiosa para atrair jovens e adultos que hoje estão mais familiarizado com a visão de mundo científica e moderna do que com a visão de mundo religiosa medieval?

Eu acho que ele "acredita" sim em ambas teorias, do mesmo modo que duvido que alguém da ICAR esteja muito preocupado com o que os jovens e adultos católicos pensam sobre o assunto. E o motivo é simples: Desde tenra idade a ideologização e o duplipensar são impostos para todos os partícipes da religião (católica romana, no caso), de tal modo que as duas teorias são facilmente adaptadas para a 'cosmogonia católica'.


Eu estou inclinado a pensar que não é simples estratégia da ICAR, me parece provável que o papa acredita mesmo na teoria da evolução e do big bang, como teorias que explicam satisfatoriamente a origem da vida e do universo como os conhecemos hoje,

Se você fizer um retrospecto da relação entre a Ciência, a Filosofia e a teologia católica, irá constatar que até o final do século XVII a teologia predominava sobre as outras duas de forma clara, com avanços e recuos pontuais. Mas a partir do século XVIII as duas primeiras começaram a sair do jugo da última por causa da perda progressiva de poder temporal da ICAR e do grande avanço do conhecimento científico e da elaboração de novas 'escolas' filosóficas.


e por acreditar também no Deus bíblico judaico-cristão, arrumou um jeito de conciliar suas duas crenças numa só,

O ato conspícuo do duplipensar.


interpretando metaforicamente partes que antes se interpretadas literalmente entrariam em contradição com a ciência. Esta interpretação predominantemente metafórica de passagens bíblicas não é algo novo, já existia na época de Spinoza e mesmo muito antes dele.

Eis exatamente o cerne da questão.

A leitura inicial da Bíblia admitia-a como literal e inerrante. Na medida que o conhecimento avançou, os responsáveis pela doutrina foram mudando a postura. Mas não se enganem, eles foram forçados a isto. Basta lembrar que há menos de 300 anos ainda se queimavam pessoas por apostasia e a ICAR e as demais igrejas protestantes mantinham as sociedades sob forte jugo, incluindo os 'homens pensantes'.

Na Geologia, por exemplo, ainda eram comuns citações bíblicas em textos da área até o primeiro terço dos anos de 1800. Adaptações de hipóteses para trechos do dilúvio, por exemplo, ainda eram frequentes, mesmo que alguns autores já soubessem que eram anacrônicas. Mas todos tinham medo de se tornarem párias ou perderem o financiamento de mecenas ou até mesmo da própria ICAR.

E a filosofia metafísica spinoziana sempre foi claramente rejeitada pela ICAR.


Abraços!

Retribuo.
Foto USGS

Offline Felipp Jarbas

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 5.049
  • Sexo: Masculino
Re:Papa afirma que Teoria da Evolução e Big Bang são verdadeiras
« Resposta #32 Online: 31 de Outubro de 2014, 19:46:51 »
Eu acho que a questão do pecado original para muitos religiosos é uma abstração do mito contado em Gênesis 3. Podemos perceber que Deus diz em Gênesis 2:16-17 que se o homem comer do fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal, ele morrerá, e ele não comeu. Mais adiante, a serpente revela que Deus estava, de fato, mentindo. Ela explica que se eles comerem do referido fruto, "(...) serão como deuses, conhecedores do bem e do mal!". O pecado reside no  ser humano tentar se igualar a Deus e contrariar as limitações que lhe foram impostas (comer o fruto que lhe fora ordenado que não comesse).

PS: Deus estava mentindo, porque eles comeram e não morreram de fato, e se tornaram conhecedores do bem e do mal na medida em que perceberam que estavam nus e se envergonharam disso. Ou seja, passaram a perceber seu desejo e a se perceber como objetos de desejo.

Qualquer coisa que dê errado com esta explicação pode ser tomada como um "mistério da fé" que não se pode compreender com a razão humana.  :hihi:

Sendo assim, não acho que o dogma do pecado original seja incompatível com a teoria da evolução, na medida em que o mito de Gênesis não seja encarado de forma literal, mas sim como uma alegoria para demonstrar como o ser humano se afasta de Deus (foi expulso do paraíso) ao tentar se igualar ao "criador".
O problema persiste: Quando o deus judaico-cristão se revelou ao ser humano e lhe impôs essa proibição e essas limitações ? Quando o homem se afastou de deus ?
Se você acha que sua crença é baseada na razão, você a defenderá com argumentos e não pela força e renunciará a ela se seus argumentos se mostrarem inválidos. (Bertrand Russell)
http://pt.wikipedia.org/wiki/Humanismo_secular
http://pt.wikipedia.org/wiki/Liberalismo_social

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.320
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Papa afirma que Teoria da Evolução e Big Bang são verdadeiras
« Resposta #33 Online: 31 de Outubro de 2014, 20:31:22 »
Eu acho que a questão do pecado original para muitos religiosos é uma abstração do mito contado em Gênesis 3. Podemos perceber que Deus diz em Gênesis 2:16-17 que se o homem comer do fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal, ele morrerá, e ele não comeu. Mais adiante, a serpente revela que Deus estava, de fato, mentindo. Ela explica que se eles comerem do referido fruto, "(...) serão como deuses, conhecedores do bem e do mal!". O pecado reside no  ser humano tentar se igualar a Deus e contrariar as limitações que lhe foram impostas (comer o fruto que lhe fora ordenado que não comesse).

PS: Deus estava mentindo, porque eles comeram e não morreram de fato, e se tornaram conhecedores do bem e do mal na medida em que perceberam que estavam nus e se envergonharam disso. Ou seja, passaram a perceber seu desejo e a se perceber como objetos de desejo.

Qualquer coisa que dê errado com esta explicação pode ser tomada como um "mistério da fé" que não se pode compreender com a razão humana.  :hihi:

Sendo assim, não acho que o dogma do pecado original seja incompatível com a teoria da evolução, na medida em que o mito de Gênesis não seja encarado de forma literal, mas sim como uma alegoria para demonstrar como o ser humano se afasta de Deus (foi expulso do paraíso) ao tentar se igualar ao "criador".
O problema persiste: Quando o deus judaico-cristão se revelou ao ser humano e lhe impôs essa proibição e essas limitações ? Quando o homem se afastou de deus ?
Por que crucificam os religiosos com essas perguntas? Tá na cara que se trata de uma alegoria para admoestar sobre excessos evitáveis.
Até onde eu sei eu não sei.

Offline JVitorNP

  • Nível 01
  • *
  • Mensagens: 13
  • Sexo: Masculino
Re:Papa afirma que Teoria da Evolução e Big Bang são verdadeiras
« Resposta #34 Online: 01 de Novembro de 2014, 08:04:27 »
O problema persiste: Quando o deus judaico-cristão se revelou ao ser humano e lhe impôs essa proibição e essas limitações ? Quando o homem se afastou de deus ?
Se considerado como uma alegoria, como eu disse anteriormente, questões sobre quando isso ocorreu se tornam irrelevantes. Ninguém pergunta, por exemplo, quando foi que o mito da caverna contado por Sócrates nos escritos de Platão ocorreu. Ele não perde sua importância em transmitir uma mensagem mesmo assim. Na visão aceita por muitos religiosos o homem é constantemente tentado pelo pecado. Os religiosos tem uma visão maniqueista do mundo onde há um eterno embate entre o homem e o pecado que o afasta de Deus.

Claro, o que estou dizendo aqui é um entendimento possível, não significa que seja adotado por um cristão qualquer, pois os cristão não são uma unidade. Para alguns cristãos, o mundo foi criado em seis dias, Adão e Eva são fatos históricos e qualquer coisa que se diga ao contrário é besteira.

Se você continuar nesta linha de pensamento acabará chegando à questão fundamental, da existência ou não de Deus. Isso é uma questão de fé. Os religiosos partem do princípio da existência de Deus, e por isso estas coisas se fundamentam na visão de mundo deles.

E não se confundam comigo, eu sou ateu. O fato de tentar entender estas coisas não significa que eu acredite nisto. Mas eu sempre tive curiosidade a respeito das religiões.
« Última modificação: 01 de Novembro de 2014, 08:19:30 por JVitorNP »

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!