Enquete

Como seria um país apenas com Sul e SP? Seria bom para os dois novos países?

Excelente para os dois.
SP e Sul teriam um padrão de vida aproximado com países desenvolvidos, o restante iria cair de padrão devido à escassez de recursos que atualmente recebem de estados superavitários
SP e sul iriam ser prejudicados.  Mal para ambos.
Ambos ganham. O restante iria ser beneficiado por ter que caminhar com as próprias pernas e SP e sul também.

Autor Tópico: Dois novos países: Sul e SP, e o restante.  (Lida 16669 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 27.066
  • Sexo: Masculino
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #200 Online: 31 de Outubro de 2014, 20:31:42 »
Agora, Geo, a opção b) é forçar a barra. Não imagino isso de você.

Sim, é 'forçar a barra'.

Mas são possíveis cenários para por em dúvida algo que talvez não tenha ocorrido e que foi citado por uma fonte para lá de suspeita, ainda mais com uma descrição física da vítima feita sob medida: "mulher, negra, nordestina e votante na Dilma". Só faltou dizer que foi a mando do Aécio e da cúpula dos 'tucanos'.

De qualquer modo este comentário descreve e define completamente a situação:

Citar
Qualquer um com um pouco de cérebro sabe que o tal estupro, se realmente ocorreu, NADA tem a ver com motivação política. É crime de violência sexual e deve ser tratado como tal.
Foto USGS

Offline Derfel

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.879
  • Sexo: Masculino
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #201 Online: 31 de Outubro de 2014, 21:14:31 »
Agora, Geo, a opção b) é forçar a barra. Não imagino isso de você.

Sim, é 'forçar a barra'.

Mas são possíveis cenários para por em dúvida algo que talvez não tenha ocorrido e que foi citado por uma fonte para lá de suspeita, ainda mais com uma descrição física da vítima feita sob medida: "mulher, negra, nordestina e votante na Dilma". Só faltou dizer que foi a mando do Aécio e da cúpula dos 'tucanos'.

De qualquer modo este comentário descreve e define completamente a situação:

Citar
Qualquer um com um pouco de cérebro sabe que o tal estupro, se realmente ocorreu, NADA tem a ver com motivação política. É crime de violência sexual e deve ser tratado como tal.
A fonte foi a vítima do estupro. A mulher negra e nordestina foi uma que havia sido agredida antes, mas não estuprada.

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 27.066
  • Sexo: Masculino
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #202 Online: 31 de Outubro de 2014, 21:25:11 »
Agora, Geo, a opção b) é forçar a barra. Não imagino isso de você.

Sim, é 'forçar a barra'.

Mas são possíveis cenários para por em dúvida algo que talvez não tenha ocorrido e que foi citado por uma fonte para lá de suspeita, ainda mais com uma descrição física da vítima feita sob medida: "mulher, negra, nordestina e votante na Dilma". Só faltou dizer que foi a mando do Aécio e da cúpula dos 'tucanos'.

De qualquer modo este comentário descreve e define completamente a situação:

Citar
Qualquer um com um pouco de cérebro sabe que o tal estupro, se realmente ocorreu, NADA tem a ver com motivação política. É crime de violência sexual e deve ser tratado como tal.
A fonte foi a vítima do estupro. A mulher negra e nordestina foi uma que havia sido agredida antes, mas não estuprada.

"Fonte", para mim, não é a (suposta) vítima e sim o link de onde você tirou a notícia. E, novamente, finalizo com este comentário:

Citar
Qualquer um com um pouco de cérebro sabe que o tal estupro, se realmente ocorreu, NADA tem a ver com motivação política. É crime de violência sexual e deve ser tratado como tal.
Foto USGS

Offline AlienígenA

  • Nível 34
  • *
  • Mensagens: 2.782
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #203 Online: 31 de Outubro de 2014, 22:14:09 »
Sobre os posts do Doubt nos conclamando a ajudar de comunidades carentes e outras platitudes. Imaginando que ele faz isso porque tem tempo, eu não tenho o mínimo tempo. Zero. Viagens e trabalho facilmente 12 horas em um dia.

Convencer as pessoas, eu tento. Quando estou em taxi, com pessoas que trabalham comigo, facebook etc.. A maior parte dessas pessoas votam em quem eu voto.

Na boa, essa visão de que devemos sair nas ruas para trabalhar com o social é bem ingênua, e mais ingênuo ainda é pensar que isso iria fazer alguma diferença na política, a não ser que eleitores do Aécio o fizessem no NE.

É claro que o brasileiro deveria protestar mais, sair nas ruas, mostrar seu desespero por ser tratado como gado, e de fato é interessante tentar saber porque não fazemos. Não faço a mínima idéia.

Uma hipótese é que gringos, ingleses, primeiro mundo, as pessoas tem tempo para si. Nos EUA vi lugares que apagam as luzes antes das 19:00 para as pessoas irem embora e as que ficam, ficarem em evidência. Espanha o mesmo. Bélgica idem. América Latina se trabalha demais, o que é um dos problemas estruturais que temos (basta pensar que se você faz o trabalho de dois, você irá tirar uma pessoa do mercado, o que gerará mais oferta que demanda, que fará você ganhar menos, e trabalhar mais para evitar perder o emprego que você mesmo pois em risco).

Mas fica aí uma pergunta, porque raios o brasileiro não protesta.
É muito conveniente chamar de ingênuo quem faz o que você não pode, não sabe, não tem tempo de fazer ou não quer, mas ingênuo mesmo é esperar que as mudanças venham das urnas, seja quem for eleito. Típica mentalidade terceiro mundista, finge que se engana. Para curtir a "festa da democracia" é preciso ajudar a prepará-la ou depois arrumar a bagunça. Estamos deixando as duas coisas para os outros. Até parece que o abominável Aécio das Nevez ia reescrever o pacto federativo, resolver os contratempos discutidos nesse tópico e por aí na rede. Então por que esse papo agora? Isso é discurso de mau perdedor, velho. Gente que não soube ganhar, porque dá trabalho, não é só apertar um botão no feicebuque e outro na urna, mas também não sabe perder e agora quer dar um jeitinho. Mas, não. Não é preciso ir até o Nordeste. Ainda não conseguimos despachar todos os nossos problemas para lá. Tem muito trabalho no quintal de casa, em Minas, no Rio, mesmo em São Paulo e no Sul. O Nordeste é por todo lado.

O que precisamos é rechaçar ideias estúpidas. Aproveitar o sisma dessas eleições da melhor forma, não da pior. Instigar a divisão,  mas política, fortalecer a oposição, endurecer para o lado desse gorverno sórdido, dificultar a governabilidade da safadeza e não nos deixarmos amansar mais uma vez. Todos os dias, pelos próximos quatro anos, não só em época de campanha.

Você trabalha? Tem quantos anos?

Pode me dizer exatamente qual sua estratégia de ação?
Não, velho. Eu herdei uma pequena fortuna aos vinte anos que me permite desde então passar os dias entre livros, jogos, filmes, esportes, festas, à beira da piscina com os amigos ou viajando com a família, entre outras futilidades e inutilidades, mas eventualmente me mobilizo para questões sociais. Nada muito efetivo, apenas simbólico.

Trabalho, às vezes, quinze, dezesseis horas por dia, durante dias seguidos, parando apenas para engolir algo, tomar um banho rápido e dormir, outras compenso com períodos de recuperação física e mental. Tenho quarenta anos, uma bela família e um cachorro bobalhão.

Minha estratégia de ação é convocar a quem possa interessar a pressionar a oposição a isolar o governo, paralisando suas ações, até o limite do insustentável.

:)

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 27.066
  • Sexo: Masculino
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #204 Online: 31 de Outubro de 2014, 22:35:53 »
Não, velho. Eu herdei uma pequena fortuna aos vinte anos que me permite desde então passar os dias entre livros, jogos, filmes, esportes, festas, à beira da piscina com os amigos ou viajando com a família, entre outras futilidades e inutilidades, mas eventualmente me mobilizo para questões sociais. Nada muito efetivo, apenas simbólico.

Se estiver sobrando, pode doar uma parte para mim.  :)


Trabalho, às vezes, quinze, dezesseis horas por dia, durante dias seguidos, parando apenas para engolir algo, tomar um banho rápido e dormir, outras compenso com períodos de recuperação física e mental. Tenho quarenta anos, uma bela família e um cachorro bobalhão.

Este é o seu alter-ego trabalhador?  :P

Qual é a raça do cachorro?  :hihi:

 
Minha estratégia de ação é convocar a quem possa interessar a pressionar a oposição a isolar o governo, paralisando suas ações, até o limite do insustentável.

:)

Sem entrar no método de como isto seria feito com uma bancada de oposição que é bem menor que a bancada da situação, eu pergunto:

Paralisar todas as ações governamentais não traria mais malefícios para a população do que benefícios?

(Supondo que não estou sendo vítima de Poe)
Foto USGS

Offline Derfel

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.879
  • Sexo: Masculino
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #205 Online: 31 de Outubro de 2014, 23:04:17 »
Agora, Geo, a opção b) é forçar a barra. Não imagino isso de você.

Sim, é 'forçar a barra'.

Mas são possíveis cenários para por em dúvida algo que talvez não tenha ocorrido e que foi citado por uma fonte para lá de suspeita, ainda mais com uma descrição física da vítima feita sob medida: "mulher, negra, nordestina e votante na Dilma". Só faltou dizer que foi a mando do Aécio e da cúpula dos 'tucanos'.

De qualquer modo este comentário descreve e define completamente a situação:

Citar
Qualquer um com um pouco de cérebro sabe que o tal estupro, se realmente ocorreu, NADA tem a ver com motivação política. É crime de violência sexual e deve ser tratado como tal.
A fonte foi a vítima do estupro. A mulher negra e nordestina foi uma que havia sido agredida antes, mas não estuprada.

"Fonte", para mim, não é a (suposta) vítima e sim o link de onde você tirou a notícia. E, novamente, finalizo com este comentário:

Citar
Qualquer um com um pouco de cérebro sabe que o tal estupro, se realmente ocorreu, NADA tem a ver com motivação política. É crime de violência sexual e deve ser tratado como tal.
http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2014/10/jovem-e-estuprada-apos-defender-mulher-de-discussao-politica-no-rio.html
http://www.otempo.com.br/capa/brasil/jovem-é-estuprada-após-discussão-sobre-política-no-rio-1.940429
http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2014/10/1541095-jovem-afirma-ter-sido-estuprada-apos-discussao-politica-na-zona-sul-do-rio.shtml
http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2014/10/policia-pedira-imagens-para-identificar-suspeitos-de-estupros-no-rio.html

Offline AlienígenA

  • Nível 34
  • *
  • Mensagens: 2.782
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #206 Online: 31 de Outubro de 2014, 23:12:26 »
Não, velho. Eu herdei uma pequena fortuna aos vinte anos que me permite desde então passar os dias entre livros, jogos, filmes, esportes, festas, à beira da piscina com os amigos ou viajando com a família, entre outras futilidades e inutilidades, mas eventualmente me mobilizo para questões sociais. Nada muito efetivo, apenas simbólico.

Se estiver sobrando, pode doar uma parte para mim.  :)

Está a procura de um investidor-anjo? :)

Citar
Trabalho, às vezes, quinze, dezesseis horas por dia, durante dias seguidos, parando apenas para engolir algo, tomar um banho rápido e dormir, outras compenso com períodos de recuperação física e mental. Tenho quarenta anos, uma bela família e um cachorro bobalhão.

Este é o seu alter-ego trabalhador?  :P

Não. Este é o meu ego.  :P

Citar
Qual é a raça do cachorro?  :hihi:
Um golden retriever. Chama-se Cliff. :hihi:

Citar
Minha estratégia de ação é convocar a quem possa interessar a pressionar a oposição a isolar o governo, paralisando suas ações, até o limite do insustentável.

:)

Sem entrar no método de como isto seria feito com uma bancada de oposição que é bem menor que a bancada da situação, eu pergunto:

Paralisar todas as ações governamentais não traria mais malefícios para a população do que benefícios?

Sim, a curto prazo. A ideia é a mesma dos separatistas, só que aplicada ao país todo. Fazer com que o povo aprenda a se virar. Todo ele, não só parte.

Citar
(Supondo que não estou sendo vítima de Poe)
(É possível)

Offline Moro

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.984
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #207 Online: 01 de Novembro de 2014, 01:52:04 »
Sobre os posts do Doubt nos conclamando a ajudar de comunidades carentes e outras platitudes. Imaginando que ele faz isso porque tem tempo, eu não tenho o mínimo tempo. Zero. Viagens e trabalho facilmente 12 horas em um dia.

Convencer as pessoas, eu tento. Quando estou em taxi, com pessoas que trabalham comigo, facebook etc.. A maior parte dessas pessoas votam em quem eu voto.

Na boa, essa visão de que devemos sair nas ruas para trabalhar com o social é bem ingênua, e mais ingênuo ainda é pensar que isso iria fazer alguma diferença na política, a não ser que eleitores do Aécio o fizessem no NE.

É claro que o brasileiro deveria protestar mais, sair nas ruas, mostrar seu desespero por ser tratado como gado, e de fato é interessante tentar saber porque não fazemos. Não faço a mínima idéia.

Uma hipótese é que gringos, ingleses, primeiro mundo, as pessoas tem tempo para si. Nos EUA vi lugares que apagam as luzes antes das 19:00 para as pessoas irem embora e as que ficam, ficarem em evidência. Espanha o mesmo. Bélgica idem. América Latina se trabalha demais, o que é um dos problemas estruturais que temos (basta pensar que se você faz o trabalho de dois, você irá tirar uma pessoa do mercado, o que gerará mais oferta que demanda, que fará você ganhar menos, e trabalhar mais para evitar perder o emprego que você mesmo pois em risco).

Mas fica aí uma pergunta, porque raios o brasileiro não protesta.
É muito conveniente chamar de ingênuo quem faz o que você não pode, não sabe, não tem tempo de fazer ou não quer, mas ingênuo mesmo é esperar que as mudanças venham das urnas, seja quem for eleito. Típica mentalidade terceiro mundista, finge que se engana. Para curtir a "festa da democracia" é preciso ajudar a prepará-la ou depois arrumar a bagunça. Estamos deixando as duas coisas para os outros. Até parece que o abominável Aécio das Nevez ia reescrever o pacto federativo, resolver os contratempos discutidos nesse tópico e por aí na rede. Então por que esse papo agora? Isso é discurso de mau perdedor, velho. Gente que não soube ganhar, porque dá trabalho, não é só apertar um botão no feicebuque e outro na urna, mas também não sabe perder e agora quer dar um jeitinho. Mas, não. Não é preciso ir até o Nordeste. Ainda não conseguimos despachar todos os nossos problemas para lá. Tem muito trabalho no quintal de casa, em Minas, no Rio, mesmo em São Paulo e no Sul. O Nordeste é por todo lado.

O que precisamos é rechaçar ideias estúpidas. Aproveitar o sisma dessas eleições da melhor forma, não da pior. Instigar a divisão,  mas política, fortalecer a oposição, endurecer para o lado desse gorverno sórdido, dificultar a governabilidade da safadeza e não nos deixarmos amansar mais uma vez. Todos os dias, pelos próximos quatro anos, não só em época de campanha.

Você trabalha? Tem quantos anos?

Pode me dizer exatamente qual sua estratégia de ação?
Não, velho. Eu herdei uma pequena fortuna aos vinte anos que me permite desde então passar os dias entre livros, jogos, filmes, esportes, festas, à beira da piscina com os amigos ou viajando com a família, entre outras futilidades e inutilidades, mas eventualmente me mobilizo para questões sociais. Nada muito efetivo, apenas simbólico.

Trabalho, às vezes, quinze, dezesseis horas por dia, durante dias seguidos, parando apenas para engolir algo, tomar um banho rápido e dormir, outras compenso com períodos de recuperação física e mental. Tenho quarenta anos, uma bela família e um cachorro bobalhão.

Minha estratégia de ação é convocar a quem possa interessar a pressionar a oposição a isolar o governo, paralisando suas ações, até o limite do insustentável.

:)

Se for De Poe, está perdendo seu tempo

Se não, fica claro que sua posição é ingênua ao pensar que todos tem seu tempo. Porque ainda não começou?
“If an ideology is peaceful, we will see its extremists and literalists as the most peaceful people on earth, that's called common sense.”

Faisal Saeed Al Mutar


"To claim that someone is not motivated by what they say is motivating them, means you know what motivates them better than they do."

Peter Boghossian

Sacred cows make the best hamburgers

I'm not convinced that faith can move mountains, but I've seen what it can do to skyscrapers."  --William Gascoyne

Offline Moro

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.984
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #208 Online: 01 de Novembro de 2014, 01:52:45 »
outro país circundando na net

“If an ideology is peaceful, we will see its extremists and literalists as the most peaceful people on earth, that's called common sense.”

Faisal Saeed Al Mutar


"To claim that someone is not motivated by what they say is motivating them, means you know what motivates them better than they do."

Peter Boghossian

Sacred cows make the best hamburgers

I'm not convinced that faith can move mountains, but I've seen what it can do to skyscrapers."  --William Gascoyne

Offline AlienígenA

  • Nível 34
  • *
  • Mensagens: 2.782
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #209 Online: 01 de Novembro de 2014, 09:12:30 »
Sobre os posts do Doubt nos conclamando a ajudar de comunidades carentes e outras platitudes. Imaginando que ele faz isso porque tem tempo, eu não tenho o mínimo tempo. Zero. Viagens e trabalho facilmente 12 horas em um dia.

Convencer as pessoas, eu tento. Quando estou em taxi, com pessoas que trabalham comigo, facebook etc.. A maior parte dessas pessoas votam em quem eu voto.

Na boa, essa visão de que devemos sair nas ruas para trabalhar com o social é bem ingênua, e mais ingênuo ainda é pensar que isso iria fazer alguma diferença na política, a não ser que eleitores do Aécio o fizessem no NE.

É claro que o brasileiro deveria protestar mais, sair nas ruas, mostrar seu desespero por ser tratado como gado, e de fato é interessante tentar saber porque não fazemos. Não faço a mínima idéia.

Uma hipótese é que gringos, ingleses, primeiro mundo, as pessoas tem tempo para si. Nos EUA vi lugares que apagam as luzes antes das 19:00 para as pessoas irem embora e as que ficam, ficarem em evidência. Espanha o mesmo. Bélgica idem. América Latina se trabalha demais, o que é um dos problemas estruturais que temos (basta pensar que se você faz o trabalho de dois, você irá tirar uma pessoa do mercado, o que gerará mais oferta que demanda, que fará você ganhar menos, e trabalhar mais para evitar perder o emprego que você mesmo pois em risco).

Mas fica aí uma pergunta, porque raios o brasileiro não protesta.
É muito conveniente chamar de ingênuo quem faz o que você não pode, não sabe, não tem tempo de fazer ou não quer, mas ingênuo mesmo é esperar que as mudanças venham das urnas, seja quem for eleito. Típica mentalidade terceiro mundista, finge que se engana. Para curtir a "festa da democracia" é preciso ajudar a prepará-la ou depois arrumar a bagunça. Estamos deixando as duas coisas para os outros. Até parece que o abominável Aécio das Nevez ia reescrever o pacto federativo, resolver os contratempos discutidos nesse tópico e por aí na rede. Então por que esse papo agora? Isso é discurso de mau perdedor, velho. Gente que não soube ganhar, porque dá trabalho, não é só apertar um botão no feicebuque e outro na urna, mas também não sabe perder e agora quer dar um jeitinho. Mas, não. Não é preciso ir até o Nordeste. Ainda não conseguimos despachar todos os nossos problemas para lá. Tem muito trabalho no quintal de casa, em Minas, no Rio, mesmo em São Paulo e no Sul. O Nordeste é por todo lado.

O que precisamos é rechaçar ideias estúpidas. Aproveitar o sisma dessas eleições da melhor forma, não da pior. Instigar a divisão,  mas política, fortalecer a oposição, endurecer para o lado desse gorverno sórdido, dificultar a governabilidade da safadeza e não nos deixarmos amansar mais uma vez. Todos os dias, pelos próximos quatro anos, não só em época de campanha.

Você trabalha? Tem quantos anos?

Pode me dizer exatamente qual sua estratégia de ação?
Não, velho. Eu herdei uma pequena fortuna aos vinte anos que me permite desde então passar os dias entre livros, jogos, filmes, esportes, festas, à beira da piscina com os amigos ou viajando com a família, entre outras futilidades e inutilidades, mas eventualmente me mobilizo para questões sociais. Nada muito efetivo, apenas simbólico.

Trabalho, às vezes, quinze, dezesseis horas por dia, durante dias seguidos, parando apenas para engolir algo, tomar um banho rápido e dormir, outras compenso com períodos de recuperação física e mental. Tenho quarenta anos, uma bela família e um cachorro bobalhão.

Minha estratégia de ação é convocar a quem possa interessar a pressionar a oposição a isolar o governo, paralisando suas ações, até o limite do insustentável.

:)

Se for De Poe, está perdendo seu tempo

Se não, fica claro que sua posição é ingênua ao pensar que todos tem seu tempo. Porque ainda não começou?
 
Poe ou não, é evidente que estou perdendo meu tempo, Madiba. Com todo o respeito, sinceramente, que tenho por você e os demais colegas, há muitas formas de promover uma mudança positiva nos rumos do país, discutir/defender o separatismo embarcando num ranço estúpido de rivalidade promovido por um partido que, como ele próprio declara, disposto a tudo, sem se dar conta que isso só alimenta o que pretende combater, definitivamente, não é uma delas. Nós somos mais inteligentes que isso, amigo.

Minha intenção aqui é apenas chamá-los à razão. Você tem noção do ridículo desse discurso, por quem assiste de fora, vindo de uma parcela da população que não teve sequer a força de mobilização para vencer as eleições mais fáceis da história desse país? Com tantos escândalos e resultados negativos no currículo, uma campanha sórdida, era preciso apenas um pouco mais de inteligência para não fazer o jogo deles, espantando a maior parte do eleitorado que deveria ser conquistado, com discursos inflamados destilando preconceitos.

Gente que não está disposta a deixar momentaneamente de lado seus interesses pessoais e se mobilizar para vencer uma eleição vai estar disposta a arcar com o ônus de um processo separatista? Fica um tanto evidente que a motivação dessa apelação não passa de um mal disfarçado desdém, impotente diante da própria incompetência, sem querer admiti-la. Velho, a culpa é "nossa". O governo jamais teria conquistado essa vitória sem a "ajuda" da oposição que, em vez de ditar as regras do jogo, tinha tudo para isso, aceitou os termos termos propostos, representando, digna de um oscar, o papel da zelite que o PT escreveu para ela.

Minha frustração não é menor que a sua, cara, mas ela só aumenta quando percebo que estamos dispostos a insistir no erro, por teimosia, para não ter que admitir que os mais enganados fomos nós, os que mais embarcaram no jogo e se deixaram levar. Essas eleições estariam no papo se tivéssemos deixado a razão falar mais alto do que a emoção.

Por nós me refiro ao eleitorado que votou contra o PT ou a parte mais barulhenta dele. Não é como se o povo em sua maioria não soubesse que o PT estava jogando sujo, porque eles não se deram nem ao trabalho de disfarçar, mas só precisaram jogar a isca para modermos. As eleições já acabaram e ainda estamos caçando minhocas. É deprimente. O melhor que temos a fazer agora é uma autoanalise, ver onde erramos e corrigir para não repetir. Por isso insisto que é fundamental rechaçar ideias estúpidas. São elas que estão nos afundando. Não há outra explicação para um partido do porte intelectual do PT se manter no poder a não ser apequenando a mentalidade. Precisamos sair dessa.

Offline Moro

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.984
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #210 Online: 01 de Novembro de 2014, 13:20:50 »
cara, não tenho a menor dúvida que não existe condições para a separação e como já disse existe poderia ser arrumado o pacto federativo com o país atual, o que na prática também não vai acontecer.
“If an ideology is peaceful, we will see its extremists and literalists as the most peaceful people on earth, that's called common sense.”

Faisal Saeed Al Mutar


"To claim that someone is not motivated by what they say is motivating them, means you know what motivates them better than they do."

Peter Boghossian

Sacred cows make the best hamburgers

I'm not convinced that faith can move mountains, but I've seen what it can do to skyscrapers."  --William Gascoyne

Offline Cumpadi

  • Nível 32
  • *
  • Mensagens: 2.243
  • Sexo: Masculino
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #211 Online: 01 de Novembro de 2014, 13:31:48 »
Só parece ridículo para quem tem um cérebro do tamanho de um amendoim, e não se deve importar com o que essas pessoas pensam.
http://tomwoods.com . Venezuela, pode ir que estamos logo atrás.

Offline Pregador

  • Conselheiros
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.957
  • Sexo: Masculino
  • "Veritas vos Liberabit".
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #212 Online: 02 de Novembro de 2014, 21:14:25 »
outro país circundando na net



E Roraima foi abandonado??
"O crime é contagioso. Se o governo quebra a lei, o povo passa a menosprezar a lei". (Lois D. Brandeis).

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 27.066
  • Sexo: Masculino
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #213 Online: 02 de Novembro de 2014, 21:15:46 »
outro país circundando na net



E Roraima foi abandonado??

E mais o Espírito Santo.  :|

Enviaremos tropas para defendê-los.  :P
Foto USGS

Offline Fabrício

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.086
  • Sexo: Masculino
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #214 Online: 02 de Novembro de 2014, 21:44:55 »
outro país circundando na net



E Roraima foi abandonado??

E mais o Espírito Santo.  :|
Enviaremos tropas para defendê-los.  :P

Vamos precisar  :(...
"Deus prefere os ateus"

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 13.790
  • "Minha espada não tem partidos."
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #215 Online: 02 de Novembro de 2014, 22:05:39 »
Se bobear entregam Roraima para a Venezuela ou criam lá um território comum para treinamento de tropas de conquista e manutenção de ideais bolivarianos. O Espírito Santo será a nossa Hong Kong.
"Quem for brasileiro, siga-me." Duque de Caxias

"Vamos mudar isso aí. Tá OK?" Capitão Mito Bolsonaro

Offline Fred General

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 225
  • Sexo: Masculino
  • Enquanto a chuva cai, pra onde é que a gente vai?
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #216 Online: 03 de Novembro de 2014, 09:29:24 »
Falam como se uma tentativa de separação não fosse inconstitucional e não fosse gerar uma guerra civil. As próprias consequências dessa guerra já fariam a separação não valer a pena.
Vamos até o fim-do-mundo, só pra poder variar?
Se os pés ficarem cansados, pararemos num bar... Enquanto a chuva cai!!

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.363
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #217 Online: 03 de Novembro de 2014, 09:31:03 »
Falam como se uma tentativa de separação não fosse inconstitucional e não fosse gerar uma guerra civil. As próprias consequências dessa guerra já fariam a separação não valer a pena.

eles estão brincando...

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 27.066
  • Sexo: Masculino
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #218 Online: 03 de Novembro de 2014, 10:20:31 »
Falam como se uma tentativa de separação não fosse inconstitucional e não fosse gerar uma guerra civil. As próprias consequências dessa guerra já fariam a separação não valer a pena.

O fato de ser inconstitucional não significa que não possa ser feito. E muito menos que seja errado.

Se assim fosse, o próprio Brasil não seria independente porque as leis portuguesas vetavam o desmembramento do Reino.
Foto USGS

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 27.066
  • Sexo: Masculino
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #219 Online: 03 de Novembro de 2014, 10:20:46 »
Falam como se uma tentativa de separação não fosse inconstitucional e não fosse gerar uma guerra civil. As próprias consequências dessa guerra já fariam a separação não valer a pena.

eles estão brincando...

Com o que?
Foto USGS

Offline Jurubeba

  • Nível 31
  • *
  • Mensagens: 2.062
  • Sexo: Masculino
  • CHAMEM OS ANARQUISTAS!!!
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #220 Online: 03 de Novembro de 2014, 10:27:35 »
Falam como se uma tentativa de separação não fosse inconstitucional e não fosse gerar uma guerra civil. As próprias consequências dessa guerra já fariam a separação não valer a pena.

O fato de ser inconstitucional não significa que não possa ser feito. E muito menos que seja errado.

Se assim fosse, o próprio Brasil não seria independente porque as leis portuguesas vetavam o desmembramento do Reino.
Geo, suas idéias são liberais demais para alguns. Embora muitos poderão te considerar leninlista  :biglol:

Eu concordo com suas colocações.

Saudações

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.363
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #221 Online: 03 de Novembro de 2014, 11:08:37 »
Falam como se uma tentativa de separação não fosse inconstitucional e não fosse gerar uma guerra civil. As próprias consequências dessa guerra já fariam a separação não valer a pena.

eles estão brincando...

Com o que?
Falam como se uma tentativa de separação não fosse inconstitucional e não fosse gerar uma guerra civil. As próprias consequências dessa guerra já fariam a separação não valer a pena.

eles estão brincando...

Com o que?

Com a divisão do país...?!

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 27.066
  • Sexo: Masculino
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #222 Online: 03 de Novembro de 2014, 11:15:12 »
Falam como se uma tentativa de separação não fosse inconstitucional e não fosse gerar uma guerra civil. As próprias consequências dessa guerra já fariam a separação não valer a pena.
eles estão brincando...
Com o que?
Com a divisão do país...?!

Neste fórum, o separatismo é um pensamento inexistente ou de ideia solitária. Mas a possibilidade de discussão sobre isto não deve ser cerceada, no meu entender.
Foto USGS

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.363
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #223 Online: 03 de Novembro de 2014, 11:35:38 »
Falam como se uma tentativa de separação não fosse inconstitucional e não fosse gerar uma guerra civil. As próprias consequências dessa guerra já fariam a separação não valer a pena.
eles estão brincando...
Com o que?
Com a divisão do país...?!

Neste fórum, o separatismo é um pensamento inexistente ou de ideia solitária. Mas a possibilidade de discussão sobre isto não deve ser cerceada, no meu entender.

Não sei o que você entendeu, mas quando eu disse que vocês estavam brincando eu fui literal, e não irônico.

Offline Cumpadi

  • Nível 32
  • *
  • Mensagens: 2.243
  • Sexo: Masculino
Re:Dois novos países: Sul e SP, e o restante.
« Resposta #224 Online: 03 de Novembro de 2014, 12:26:17 »
O paraíso comunista/Estado de bem estar social, a Noruega se uniu como os loucos da suécia e recusou a se candidatar a fazer os jogos olímpicos de inverno de 2022, dizendo que "custaria" muito. Eles só podem ser retardados mentais, na Rússia custou 51 bilhões, na Noruega só pediram por 5 bilhões e a população recusou, como pode?

Citar
The 2014 Winter Games in Sochi, where the overall price tag was put at $51 billion...
Fonte: http://sports.nationalpost.com/2014/10/01/2022-olympic-winter-games-host-city-down-to-two-candidates-after-oslo-drops-out/

Citar
In the end, there was not enough public support to spend 35 billion kroner ($5.4 billion) on the Olympics, Prime Minister Erna Solberg said. More than half the population was against the bid to host the Games.

fonte: http://sports.nationalpost.com/2014/10/02/ioc-reportedly-made-some-ridiculous-demands-to-help-push-oslo-out-of-2022-winter-olympics-bidding/

Por isso que o Brasil tem de se manter inteiro, se não como é que vão fazer Copa do Mundo? Olimpíadas? Porto em Cuba? Se só houvessem algumas dezenas de milhões de pessoas elas poderiam não querer gastar o dinheiro escasso do seu pequeno estado com esses eventos super-importantes. Atitude egoísta e alto-destrutiva como explicarei a seguir, evitada ao se ter um estado gigante que governa centenas de milhões.

Todo mundo sabe com certeza absoluta e sem sombra de dúvidas que esses gastos viram mais PIB quando pagamos a empresa do amigo do Lula para contratar zilhões de funcionários, que irão gastar o seu dinheiro com cerveja no carnaval, que irá gerar mais zilhões de empregos na indústria da cachaça, que irão gastar mais, o que irá gerar mais empregos, e isso nos deixará todos podre de ricos vivendo em um país Welfare State europeu até o final do governo Dilma. A copa já foi, meio caminho andado, depois das olimpíadas chegaremos lá, aguardem.
« Última modificação: 03 de Novembro de 2014, 12:30:56 por parcus »
http://tomwoods.com . Venezuela, pode ir que estamos logo atrás.

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!