Autor Tópico: Não Existe um Criador!  (Lida 35030 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline Criaturo

  • Nível 36
  • *
  • Mensagens: 3.292
  • Sexo: Masculino
  • "sinto logo existo"
Não Existe um Criador!
« Online: 30 de Janeiro de 2015, 22:08:08 »


Por :Criaturo
 
********Este tipo de mágica não existe ********
 
Se o coelho saiu da cartola é porque antes ele já existia em algum lugar ignorado ou camuflado como se fosse outra coisa, o mágico no máximo pode descobri-lo ou manipula-lo de forma torna-lo visível.
 
NÃO EXISTE UM CRIADOR
Pelo menos não no sentido mágico de se  poder fazer existir algo vindo do inexistente, isto é mesmo impossível !
Nós crentes temos uma tendência natural em procurarmos por uma inteligência nas existências das coisas, pelo fato de enxergarmos na razão uma maior possibilidade de haver existências inteligentes, do que nas ações aleatórias não intencionais.
Ao contrario dos céticos que optaram pelo simplismo de Occam, assim acreditam serem “filhos da irracionalidade, porem que não herdaram a burrice por parte de mãe, graças a Deus !”
Alem do mais , o nível da impossibilidade em ser ter formado a vida é a mesma dela continuar existindo.
Isso nos leva tender acreditarmos que tudo deva ter tido um inicio, da mesma forma que a nossa percepção desse mundo.
Defendo que o Todo Existente em Deus é in criado  existindo desde sempre, alterando indefinidamente apenas as suas formas interligadas em sua única fonte, mas nada poderá ser acrescentado ou anulado nele, pois embora possua capacidade de apresentar-se de formas variáveis, sua essência é imutável, como um lego divino é capaz de apresentar-se em infinitas formas com funções e capacidades diferentes, no entanto sua composição essencial é sempre a mesma.
Se não? Então vejamos, lanço este desafio:
Fazendo uso da imaginação tente “criar” pelo menos uma forma que seja  totalmente inexistente ou que ainda não faça parte de nenhuma forma da  realidade Deus ja  existente ou conhecida ?
Se não conseguiu,  isto prova que a percepção que forma a razão humana, nem mesmo fazendo uso das abstrações, não pode perceber, conceber ou criar uma não inexistência fora de Deus, assim neste caso Deus é toda realidade existente e o inexistente pregado pelo ateísmo não pode ser considerado nem ao menos como uma hipótese lógica valida.
Na verdade quando causamos uma nova forma, não estamos criando no sentido de se poder trazer   algo do inexistente para o existente, estamos apenas alterando a forma do ja existente Deus, ou melhor dizendo, Deus esta auto modificando sua formas através de nós.
Seja Deus uma percepção inicial na sua origem passiva, ou de pensamentos formando ações ativas causando razões individualizadas intencionais, o deus na sua forma humana, ele é o todo existente e acreditar que algo possa existir além dele ou fora dele, é acreditar que o inexistente possa vir a ser alguma realidade concebível como um ateísmo.
Apenas e exclusivamente  o Existente Deus pode ser concebido como uma realidade , enquanto o ateísmo ilogicamente  tenta sair do Existente para o não existente.
Assim no inicio ele era uma única razão existente formado por um pensamento passivo sem ação, tempo, nem moral, apenas uma única percepção consciente.
A partir do momento  que formou o pensamento  ativo dividiu uma parte da sua consciência em diferentes níveis, também ativas e passivas , esta diferenças de potenciais conscientes foi a causa inicial das ações individualizadas e da percepção do tempo pela observação na memória de ações já executadas.
Note que por herança, nós as menores consciências, somos dotados do pensamento passivo da percepção (instinto, intuição, sistema nervoso autônomo), ou seja a razão gratuita desprovida do raciocínio próprio intencional, também herdamos da fonte da nossa origem o pensamento ativo responsável pela causa da nossa  razão e ações intencionais que nos levam ao conflito existencial entre  razão ativa x percepção passiva.
Eis que somos seres duais e também in criados, formados por uma das auto transformações divinas.
Uma maquina pode criar aleatoriamente outras maquinas com uma espécie de IA ? Sim , pode!
Mas, não sem inserir nelas seu próprios programas e rotinas já existente  em si mesma.
Se não houver ao menos uma consciência perceptiva, nenhuma existência poderá ser conscientizada como real.
Pois existência esta atrelada a consciência, algo só pode existir para alguma consciência perceptiva, pois algo não pode existir para nenhuma consciência existente.
Lavoisier  ”na natureza (Deus), nada se cria, nada se perde, tudo se transforma”  Isso significa que  a essência que  firma esta realidade  existe “desde sempre” é incriada.
Em outras palavras a “existência” não pode passar para “inexistência”, nem a inexistência  pode passar para a existência, apenas o Todo Existente continuará se manifestando de “formas” diferentes dentro de si mesmo.
Seguindo este raciocínio podemos entender que  “o ser “  é eterno e  o  ”deixar de  ser”  é impossível e que  dentro das ações as transformações são inevitáveis.
Podemos conceber que  a liberdade absoluta  só é possível na unicidade do ser , antes da criação, onde existia uma única Razão justificando todas suas ações, na ausência de outras razões ainda inexistentes..
Este principio dificulta o entendimento da razão humana em se ver como partes desta única Razão no estado de liberdade mas, a divisão desta Razão em infinitas outras menores foi exatamente principio da criação que possibilitou a liberdade de “ser” para elas, com a auto ignorância induzida em uma parte da sua maior Razão Deus criou em si mesmo , seres livres da imposição da sua maior consciência ou vontade única e absoluta.
No principio do seres mais simples, suas ações eram  mecanizadas e livre da vontade própria, até evoluírem para os seres com a capacidade de “sentir” as reações das suas ações livres e justamente foram esses sentimentos que induziram “o desejo e a vontade própria” de direcionar suas ações no “sentido” que lhes “reagiam” os sentimentos que lhes agradavam mais, assim iniciou-se a  Razão da raça humana, na percepção, no sentido e no desejo de direcionar determinadas ações para reagirem “intencionalmente “ os sentimentos agradáveis e eternamente desejáveis.
Considero a humanidade todos os seres com capacidade de sentir , raciocinar e agirem  de acordo com afinidades da sua vontade.
A capacidade de associação permitiu a evolução dos  seres mais simples nos mais complexos , com capacidade de compartilharem ações e sentimentos colaborando para a evolução racional e física da espécie humana, porem essa vida social permitiu a interferências da vontade de umas sobre as outras, comprometendo a existências das livres ações, chegando a conclusão que :
O livre arbítrio existe apenas no sentido  do pensamento e da vontade  serem livres da imposição de um  Maior Nível da Consciência Deus, assim nossas ações dependem dos nossos sentimentos mas,  ainda também das ações e das vontades e dos sentimentos alheios, interferindo nos nossos sentimentos por consequência nas nossas ações.
Nós somos o livre arbítrio de Deus, ele sente em nós o prazer da liberdade proporcionado pela auto ignorância da sua onisciência.
Somos como deuses conhecedores de que um pássaro que ainda não nasceu fatalmente irá construir seu ninho e ao mesmo tempo também somos ignorantes pássaros iludidos pela mesma sensação de liberdade, Nós somos este tipo de ilusão divina acreditando-se livre da onisciência absoluta.
Mas há de se ter um equilíbrio, assim o preço pelo prazer de no sentirmos “livres”,  é o sofrimento também causado pela ignorância, estes sentimentos estão atrelados a vida eterna, mesmo sendo instintivo desejarmos sempre trabalharmos para obtermos apenas os sentimentos agradáveis, pois é isso que nos movimenta a vida eterna, a própria mecânica da vida nos mostra que viver sem dor é impossível, pois não existe anestesia, nem a morte eterna para isto.
A vida é uma constante transformação onde o prazer e o sofrimento andarão lado a lado como sendo nossos melhores amigos inseparáveis,pois chorando ou rindo o universo pulsa.
O o inicio do tempo, ação, movimento da consciência Deus deu-se a partir da sua divisão intencional (Big-Bang), formando diferentes níveis de consciência em si mesmo, este desnível de consciência Divina formou ao mesmo tempo
A Trindade Divina
30% deus mecânico (ação, movimento, tempo)
Responsável por manter a vida mecânica, desprovido de racionalidade própria, sentimentos ou moralidade, suas ações respeita as leis físicas padronizado dentro de um sistema, interfere na vida dos  seres vivos e também aceita ser manipulado por eles.
30% deus humano (todos os seres capazes de sentir e raciocinar)
A parte de Deus que  tornou-se  100% ignorante da sua maior Consciência onisciente, nós somos a parte divina que se ilude acreditando ser personalidades individualizadas de Deus, livre para agir e pensar conforme nossa vontade própria o preço que pagamos por essa ilusão são os sentimentos humanos, proporcionados pela livre inteiração com o deus mecânico..
40% Maior Consciência Deus
Apenas observa e sente dentro de si mesmo, infinitas transformações.
O deus mecânico sendo um sistema desprovido de auto inteligência, pode ocasionar falhas física dentro do processo de manutenção a da vida mecânica. Modificamos a genética do deus mecânico para atender a nossas vontades e nisto podemos sofrer efeitos colaterais indesejáveis.
Nós os  deuses humanos, podemos interferir no livre arbítrio dos outros, quanto maior o conhecimento maior é autoridade, por exemplo somos como deuses para animais menos racionais, provocamos neles alterações dos seus instintos naturais, sem que eles percebam que estejam sendo manipulados pelas nossa vontade, mas  quando ajudamos a torna-los mais racionais isto é valido.
Da mesma forma também impomos nossas vontades sobre os nossos semelhantes humanos, pela superioridade intelectual ou através da força bruta.
Assim como os animais também somos subjugados pelo deus mecânico que nos impões sentimentos desagraveis malgrado todo nosso sentimento de repudio de suas ações não intencionais.
Como todo ser menos racional somos também subjugados por seres já possuidores de um maior nível de intelecto já adquirido, seriam eles nosso irmãos humanos mais maduros, anjos ou espíritos superiores.
Eles usam seu conhecimentos superiores para manipularem nossas vidas de acordo com a vontade deles, exatamente como fazem os nosso pais.
« Última modificação: 30 de Janeiro de 2015, 22:10:48 por Criaturo »
existência é igual a  ciência, sem nenhuma ciência sem existência.

Amo sofia mas, ela parece fugir de mim, de tão longe faz o meu amor platônico.

Offline Criaturo

  • Nível 36
  • *
  • Mensagens: 3.292
  • Sexo: Masculino
  • "sinto logo existo"
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #1 Online: 31 de Janeiro de 2015, 09:50:50 »
nós humanos, como ions naturalmente e eternamente buscaremos pelo reequilíbrio original ,pela equalização de potenciais, pela simetria, pela melhor proporção ,mas parar o motor que impulsiona a existência é impossível.
existência é igual a  ciência, sem nenhuma ciência sem existência.

Amo sofia mas, ela parece fugir de mim, de tão longe faz o meu amor platônico.

Offline Criaturo

  • Nível 36
  • *
  • Mensagens: 3.292
  • Sexo: Masculino
  • "sinto logo existo"
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #2 Online: 03 de Fevereiro de 2015, 21:29:52 »
Deus é o "Eu sou" (A existência absoluta, o Todo universal), o "Eu não Sou" seria o seu anteposto ( a inexistência absoluta, o nada universal).
A mente humana não consegue conceber o inexistente absoluto, o nada absoluto, o não Deus nem fazendo uso da imaginação.
Assim é que, parte do deus formado pelas crenças humanas fazem parte do existente, embora o resultado final de tal associação possa parecer ilógico.
existência é igual a  ciência, sem nenhuma ciência sem existência.

Amo sofia mas, ela parece fugir de mim, de tão longe faz o meu amor platônico.

Offline Criaturo

  • Nível 36
  • *
  • Mensagens: 3.292
  • Sexo: Masculino
  • "sinto logo existo"
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #3 Online: 04 de Fevereiro de 2015, 15:38:58 »
conceber, imaginar, exemplificar , conjecturar o inexistente absoluto é impossível.
Poder comprovar   algo inexistente é tão lógico quanto poder comprovar a inexistência do Todo Deus, desde que se aceite que ele é o Todo e não uma parte.

Se fosse possível a mente humana conceber algo absolutamente ainda inexistente, ela seria então o Criador,mas eu ja disse que não acredito em Criador, Deus não cria apenas  desde sempre ,transforma-se !
existência é igual a  ciência, sem nenhuma ciência sem existência.

Amo sofia mas, ela parece fugir de mim, de tão longe faz o meu amor platônico.

Offline Pagão

  • Nível 38
  • *
  • Mensagens: 3.690
  • Sexo: Masculino
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #4 Online: 04 de Fevereiro de 2015, 17:32:28 »
Deus é o "Eu sou" (A existência absoluta, o Todo universal), o "Eu não Sou" seria o seu anteposto ( a inexistência absoluta, o nada universal).

Igual ao que eu digo..., e chamo de Panteísmo Naturalista....
Nenhuma argumentação racional exerce efeitos racionais sobre um indivíduo que não deseje adotar uma atitude racional. - K.Popper

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.098
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #5 Online: 04 de Fevereiro de 2015, 18:28:23 »
Pra que especular sobre nada?
Até onde eu sei eu não sei.

Offline El Elyon

  • Nível 20
  • *
  • Mensagens: 689
  • Sexo: Masculino
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #6 Online: 04 de Fevereiro de 2015, 19:05:16 »
[Modo Teísta Apofático]

Ao contrário, Deus acima de tudo Não É. Aquilo que se convencionou chamar de Deus é tão acima dos limitados referenciais espaço-temporalmente restritos e do uso de adjetivos baseados na limitada e cega experiência humana que nenhuma palavra é adequada para descrevê-lo. Essas tentativas de descrever, contar e classificar aquilo que se convencionou chamar de Deus são apenas tentativas cegas, limitadas, frutos da extrema má-compreensão do Criador (essa palavra, errada por si só). Mais adequado é reconhecer nossa insignificância e irrelevância e recolher-nos ao Silêncio quanto se trata disso. Ou citando Wittgenstein: Whereof one cannot speak, thereof one must be silent.

[/Modo Teísta Apofático]
"As long as the Colossus stands, Rome will stand, when the Colossus falls, Rome will also fall, when Rome falls, so falls the world."

São Beda.

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.098
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #7 Online: 04 de Fevereiro de 2015, 20:21:38 »
[Modo Teísta Apofático]

Ao contrário, Deus acima de tudo Não É. Aquilo que se convencionou chamar de Deus é tão acima dos limitados referenciais espaço-temporalmente restritos e do uso de adjetivos baseados na limitada e cega experiência humana que nenhuma palavra é adequada para descrevê-lo. Essas tentativas de descrever, contar e classificar aquilo que se convencionou chamar de Deus são apenas tentativas cegas, limitadas, frutos da extrema má-compreensão do Criador (essa palavra, errada por si só). Mais adequado é reconhecer nossa insignificância e irrelevância e recolher-nos ao Silêncio quanto se trata disso. Ou citando Wittgenstein: Whereof one cannot speak, thereof one must be silent.

[/Modo Teísta Apofático]
A prerrogativa dos saduceus para (não) pronunciar o nome do deus abrahâmico, ou fazê-lo de forma velada. YHWH.
Até onde eu sei eu não sei.

Offline Criaturo

  • Nível 36
  • *
  • Mensagens: 3.292
  • Sexo: Masculino
  • "sinto logo existo"
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #8 Online: 05 de Fevereiro de 2015, 09:09:57 »
 A ironia ateia é que:
Nó humanos somos  personagens divinos!
existência é igual a  ciência, sem nenhuma ciência sem existência.

Amo sofia mas, ela parece fugir de mim, de tão longe faz o meu amor platônico.

Offline Johnny Cash

  • Nível 40
  • *
  • Mensagens: 4.934
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #9 Online: 05 de Fevereiro de 2015, 09:22:13 »
Que?

Três hipóteses de interpretação pra esse último enigma do Criaturo:

1 - Os ateus, que via de regra são humanos, pelo menos todos que se definiram assim até o presente momento, dão os humanos como personagem divinos.
Se foi isso, bem, não faz o menor sentido por definição. Nunca vi qualquer evidência pra que isso se comprove, principalmente em âmbito tão generalista.

2 - Existe alguma ironia que por si é ateia e que dá os humanos como personagens divinos.
Se foi isso, bem, não faz o menor sentido por definição. Como pode uma ironia ser ateia?

3 - Foi uma piada.
Ah, então aí tudo bem. Entendi.

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.866
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #10 Online: 05 de Fevereiro de 2015, 09:23:43 »
A ironia ateia é que:
Nó humanos somos  personagens divinos!

Divinos no sentido de divindade ou divinos no sentido de especiais, "superiores", únicos?

Offline Criaturo

  • Nível 36
  • *
  • Mensagens: 3.292
  • Sexo: Masculino
  • "sinto logo existo"
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #11 Online: 05 de Fevereiro de 2015, 10:29:03 »
Deus é o "Eu sou" (A existência absoluta, o Todo universal), o "Eu não Sou" seria o seu anteposto ( a inexistência absoluta, o nada universal).

Igual ao que eu digo..., e chamo de Panteísmo Naturalista....

Fale mais sobre a sua crença!
existência é igual a  ciência, sem nenhuma ciência sem existência.

Amo sofia mas, ela parece fugir de mim, de tão longe faz o meu amor platônico.

Offline Criaturo

  • Nível 36
  • *
  • Mensagens: 3.292
  • Sexo: Masculino
  • "sinto logo existo"
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #12 Online: 05 de Fevereiro de 2015, 10:31:29 »
Pra que especular sobre nada?

o objetivo é refutar o ateísmo radical, que prega absoluta e  breve inexistência das consciências.
existência é igual a  ciência, sem nenhuma ciência sem existência.

Amo sofia mas, ela parece fugir de mim, de tão longe faz o meu amor platônico.

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.866
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #13 Online: 05 de Fevereiro de 2015, 10:32:25 »
Pra que especular sobre nada?

o objetivo é refutar o ateísmo radical, que prega absoluta e  breve inexistência das consciências.

Cuma?  :o

Offline Criaturo

  • Nível 36
  • *
  • Mensagens: 3.292
  • Sexo: Masculino
  • "sinto logo existo"
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #14 Online: 05 de Fevereiro de 2015, 10:34:37 »
[Modo Teísta Apofático]

Ao contrário, Deus acima de tudo Não É. Aquilo que se convencionou chamar de Deus é tão acima dos limitados referenciais espaço-temporalmente restritos e do uso de adjetivos baseados na limitada e cega experiência humana que nenhuma palavra é adequada para descrevê-lo. Essas tentativas de descrever, contar e classificar aquilo que se convencionou chamar de Deus são apenas tentativas cegas, limitadas, frutos da extrema má-compreensão do Criador (essa palavra, errada por si só). Mais adequado é reconhecer nossa insignificância e irrelevância e recolher-nos ao Silêncio quanto se trata disso. Ou citando Wittgenstein: Whereof one cannot speak, thereof one must be silent.

[/Modo Teísta Apofático]
alegar ignorância é criar os limites da comodidade.
existência é igual a  ciência, sem nenhuma ciência sem existência.

Amo sofia mas, ela parece fugir de mim, de tão longe faz o meu amor platônico.

Offline Criaturo

  • Nível 36
  • *
  • Mensagens: 3.292
  • Sexo: Masculino
  • "sinto logo existo"
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #15 Online: 05 de Fevereiro de 2015, 10:36:11 »
[Modo Teísta Apofático]

Ao contrário, Deus acima de tudo Não É. Aquilo que se convencionou chamar de Deus é tão acima dos limitados referenciais espaço-temporalmente restritos e do uso de adjetivos baseados na limitada e cega experiência humana que nenhuma palavra é adequada para descrevê-lo. Essas tentativas de descrever, contar e classificar aquilo que se convencionou chamar de Deus são apenas tentativas cegas, limitadas, frutos da extrema má-compreensão do Criador (essa palavra, errada por si só). Mais adequado é reconhecer nossa insignificância e irrelevância e recolher-nos ao Silêncio quanto se trata disso. Ou citando Wittgenstein: Whereof one cannot speak, thereof one must be silent.

[/Modo Teísta Apofático]
A prerrogativa dos saduceus para (não) pronunciar o nome do deus abrahâmico, ou fazê-lo de forma velada. YHWH.
símbolos são muito pobres para representar ideias
existência é igual a  ciência, sem nenhuma ciência sem existência.

Amo sofia mas, ela parece fugir de mim, de tão longe faz o meu amor platônico.

Offline Criaturo

  • Nível 36
  • *
  • Mensagens: 3.292
  • Sexo: Masculino
  • "sinto logo existo"
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #16 Online: 05 de Fevereiro de 2015, 10:57:05 »
Que?

Três hipóteses de interpretação pra esse último enigma do Criaturo:

1 - Os ateus, que via de regra são humanos, pelo menos todos que se definiram assim até o presente momento, dão os humanos como personagem divinos.
Se foi isso, bem, não faz o menor sentido por definição. Nunca vi qualquer evidência pra que isso se comprove, principalmente em âmbito tão generalista.

2 - Existe alguma ironia que por si é ateia e que dá os humanos como personagens divinos.
Se foi isso, bem, não faz o menor sentido por definição. Como pode uma ironia ser ateia?

3 - Foi uma piada.
Ah, então aí tudo bem. Entendi.

não foi uma piada!  :chorao:

E não existe evidências cientificas para comprovar existência ou inexistência divina, assim partimos da crença de  partidos teístas ou ateístas.
Isto me  da autoridade para poder conjecturar minha crença! tanto quanto voce tentar refutar argumentando a razão da sua! 
 Parto da premissa que Deus existe é Tudo o Todo e é Todos, esta afirmação implica que todos somos personagens divinos!
Neste caso a ironia ateia seria que sendo deuses os ateus seriam ateus de si mesmos!
como um sonambulo que fica surpreso ao recobrar a luz da consciência e se pega criticando suas próprias obras durante a "escuridão" da sua consciência!
existência é igual a  ciência, sem nenhuma ciência sem existência.

Amo sofia mas, ela parece fugir de mim, de tão longe faz o meu amor platônico.

Offline Johnny Cash

  • Nível 40
  • *
  • Mensagens: 4.934
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #17 Online: 05 de Fevereiro de 2015, 11:13:27 »
Ok, tá ficando mais claro o enigma.

Se parte da premissa que Deus existe, é tudo, o todo e é todos, fica tudo muito doido. Na verdade, nesse caso, o ateu seria o próprio deus com partes dele mesmo discutindo a própria existência. O que é interessante é que Deus é tão foda que permite que não consiga se perceber ou conhecer.

Cenário muito doido esse. Mesmo do ponto de vista isolado da lógica, não tenho certeza que isso seja possível.

Ah e partir dessa sua premissa não implica que todos são personagens divinos. Personagens são outra coisa. No máximo implica que todos somos a mesma coisa, Deus.

A existência do ateu, num cenário em que deus é tudo e todos já é suficiente pra bugar a teoria.

Offline Criaturo

  • Nível 36
  • *
  • Mensagens: 3.292
  • Sexo: Masculino
  • "sinto logo existo"
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #18 Online: 05 de Fevereiro de 2015, 11:15:08 »
A ironia ateia é que:
Nó humanos somos  personagens divinos!

Divinos no sentido de divindade ou divinos no sentido de especiais, "superiores", únicos?

No meu conceito a essência Deus é a mesma  da humana, apenas em níveis menores.
Não somo divinos no sentido magico , milagroso, sobrenatural, pois Deus também não é!
A nossa ignorância não faz de Deus um ser sobre natural, assim como nossa interferência na natureza, não faz de nós seres sobre-naturais.
partindo do principio que Deus é tudo, não existe o sobre,nem o fora,nem o inexistente absoluto,nem o nada absoluto, naturalmente apenas o Todo Deus absoluto.
o fato de sermos únicos também é natural, dentro da existência do ser "eu" e não ser "Deus" fato possível graças a ignorância divina de si mesmo!

se eu afirmo que um ateu é Deus, logo afirmo que ele ignora a essência de si mesmo, que Deus tornou-se  ateu de si mesmo....ha..ha..ha..ha.ha .. do ponto de vista humano é pura ironia!
do ponto de vista de uma maior consciência Deus esta ignorância é necessária para encarnar, individualizar,personalizar, seres livres da sua vontade, foi assim que nasceu o livre arbítrio divino.
ou seja ateus representam o máximo do livre arbítrio humano.
existência é igual a  ciência, sem nenhuma ciência sem existência.

Amo sofia mas, ela parece fugir de mim, de tão longe faz o meu amor platônico.

Offline Criaturo

  • Nível 36
  • *
  • Mensagens: 3.292
  • Sexo: Masculino
  • "sinto logo existo"
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #19 Online: 05 de Fevereiro de 2015, 11:22:03 »
Ok, tá ficando mais claro o enigma.

Se parte da premissa que Deus existe, é tudo, o todo e é todos, fica tudo muito doido. Na verdade, nesse caso, o ateu seria o próprio deus com partes dele mesmo discutindo a própria existência. O que é interessante é que Deus é tão foda que permite que não consiga se perceber ou conhecer.

Cenário muito doido esse. Mesmo do ponto de vista isolado da lógica, não tenho certeza que isso seja possível.

Ah e partir dessa sua premissa não implica que todos são personagens divinos. Personagens são outra coisa. No máximo implica que todos somos a mesma coisa, Deus.

A existência do ateu, num cenário em que deus é tudo e todos já é suficiente pra bugar a teoria.

ha..ha..ha..ha..ha,,, espero que com o meu comentário anterior tenha conseguido me explicar melhor, mas não vejo nenhum bug, se conseguir me fará um favor mostrando onde!
existência é igual a  ciência, sem nenhuma ciência sem existência.

Amo sofia mas, ela parece fugir de mim, de tão longe faz o meu amor platônico.

Offline Johnny Cash

  • Nível 40
  • *
  • Mensagens: 4.934
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #20 Online: 05 de Fevereiro de 2015, 11:25:33 »
Sim, seu comentário anterior ajudou!

Pra você Deus acaba sendo o nome dado pro conjunto de tudo dentro (e fora) do universo?

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.866
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #21 Online: 05 de Fevereiro de 2015, 11:39:44 »
A ironia ateia é que:
Nó humanos somos  personagens divinos!

Divinos no sentido de divindade ou divinos no sentido de especiais, "superiores", únicos?

No meu conceito a essência Deus é a mesma  da humana, apenas em níveis menores.
Não somo divinos no sentido magico , milagroso, sobrenatural, pois Deus também não é!
A nossa ignorância não faz de Deus um ser sobre natural, assim como nossa interferência na natureza, não faz de nós seres sobre-naturais.
partindo do principio que Deus é tudo, não existe o sobre,nem o fora,nem o inexistente absoluto,nem o nada absoluto, naturalmente apenas o Todo Deus absoluto.
o fato de sermos únicos também é natural, dentro da existência do ser "eu" e não ser "Deus" fato possível graças a ignorância divina de si mesmo!

se eu afirmo que um ateu é Deus, logo afirmo que ele ignora a essência de si mesmo, que Deus tornou-se  ateu de si mesmo....ha..ha..ha..ha.ha .. do ponto de vista humano é pura ironia!
do ponto de vista de uma maior consciência Deus esta ignorância é necessária para encarnar, individualizar,personalizar, seres livres da sua vontade, foi assim que nasceu o livre arbítrio divino.
ou seja ateus representam o máximo do livre arbítrio humano.

Groselha !!!

Eu afirmo que merda é deus, deus então fede.
eu afirmo que câncer é deus, deus mata.
Eu afirmo que minha gata é deus, deus mia e vem dormir comigo a noite.
eu afirmo que a bunda do Madiba é deus...deus fede. :lol:
« Última modificação: 05 de Fevereiro de 2015, 15:48:03 por _Juca_ »

Offline Criaturo

  • Nível 36
  • *
  • Mensagens: 3.292
  • Sexo: Masculino
  • "sinto logo existo"
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #22 Online: 05 de Fevereiro de 2015, 14:34:54 »
Pra que especular sobre nada?

o objetivo é refutar o ateísmo radical, que prega absoluta e  breve inexistência das consciências.

Cuma?  :o

nada de consciência
existência é igual a  ciência, sem nenhuma ciência sem existência.

Amo sofia mas, ela parece fugir de mim, de tão longe faz o meu amor platônico.

Offline Criaturo

  • Nível 36
  • *
  • Mensagens: 3.292
  • Sexo: Masculino
  • "sinto logo existo"
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #23 Online: 05 de Fevereiro de 2015, 15:42:19 »
A ironia ateia é que:
Nó humanos somos  personagens divinos!

Divinos no sentido de divindade ou divinos no sentido de especiais, "superiores", únicos?

No meu conceito a essência Deus é a mesma  da humana, apenas em níveis menores.
Não somo divinos no sentido magico , milagroso, sobrenatural, pois Deus também não é!
A nossa ignorância não faz de Deus um ser sobre natural, assim como nossa interferência na natureza, não faz de nós seres sobre-naturais.
partindo do principio que Deus é tudo, não existe o sobre,nem o fora,nem o inexistente absoluto,nem o nada absoluto, naturalmente apenas o Todo Deus absoluto.
o fato de sermos únicos também é natural, dentro da existência do ser "eu" e não ser "Deus" fato possível graças a ignorância divina de si mesmo!

se eu afirmo que um ateu é Deus, logo afirmo que ele ignora a essência de si mesmo, que Deus tornou-se  ateu de si mesmo....ha..ha..ha..ha.ha .. do ponto de vista humano é pura ironia!
do ponto de vista de uma maior consciência Deus esta ignorância é necessária para encarnar, individualizar,personalizar, seres livres da sua vontade, foi assim que nasceu o livre arbítrio divino.
ou seja ateus representam o máximo do livre arbítrio humano.

Groselha !!!

Eu afirmo que merda é deus, deus então fede.
eu afirmo que câncer é deus, deus mata.
Eu afirmo que minha gata é deus, deus mia e vem dormir comigo a noite.
eu afirmo que a bunda do Madiba, é deus...deus fede. :lol:

melhor deixarmos a bunda do seu Madiba de fora.

pois é eu afirmo que ?Deus é tudo isso inclusive as suas groselhas, interessante que para ateus tendem a rejeitar Deus como sendo toda existência conscientizada e aceitam que ele seja o nada absoluto de uma consciência que passou milagrosamente da existência para uma inexistência absolutamente desconhecida!!


mas agora gostaria de tentar refutar sua acusação de que o meu desafio proposto, seja um suposto paradoxo:

Citar
Sr. Juca diz:
Paradoxo detectado. Se a mente humana "(1)não consegue conceber o inexistente absoluto", (2)nós não saberíamos do inexistente absoluto (3) e tampouco poderíamos falar no inexistente absoluto e muito menos alguém poderia dizer que " a mente humana não consegue conceber o inexistente absoluto", porque ninguém saberia o que é o inexistente absoluto. Pra mim é tudo groselha, mas é uma groselha paradoxal

meu desafio propõe que a mente humana não consegue conceber algo que seja Totalmente Inexistente então vejamos seus exemplos dado na tentativa de poder  conceber o inconcebível me apresentou uma palavra conhecida e registrada na maioria dos dicionários, fala sério !

(1) Inexistente = palavra formada pela associação de alguns símbolos gráficos apresentando o sentido final daquilo que não existe
Absoluto    = palavra formada pela associação de alguns símbolos gráficos apresentando o sentido final de Total, ironicamente  algo  desconhecido, ja que ignoramos todas as partes que compõem o Todo.

resumindo seu exemplo de algo que  deveria ser totalmente inexistente, ja existe nos dicionários

(2) Nunca disse ser possível concebermos o inexistente, nem o Existente  absoluto, meu desafio é justamente tenta provar ao contrario

(3) e tampouco poderíamos falar no inexistente absoluto
de novo através de associação de palavras , símbolos  ou de sons ja existentes, podemos falar coisas que resultam em uma ideia final ilógica.
resumindo só podemos associar partes do Todo Existente, para formarmos uma nova forma, pois Não existe Criador nem criadores , o Todo Absoluto existe desde sempre.

existência é igual a  ciência, sem nenhuma ciência sem existência.

Amo sofia mas, ela parece fugir de mim, de tão longe faz o meu amor platônico.

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.098
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Não Existe um Criador!
« Resposta #24 Online: 05 de Fevereiro de 2015, 17:02:14 »
Criaturo, me diga o que é Puaupan...e quem é Cataxa.
Até onde eu sei eu não sei.

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!