Autor Tópico: Vídeos políticos  (Lida 38793 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.944
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1650 Online: 12 de Agosto de 2018, 19:26:39 »
Tão tratando essas reuniões regadas a torresmo e cerveja do "forró de São Paulo" como uma puta maquinação orquestrada pra dominar o mundo.

"Ah, mas tá no documento oficial do clubinho"

Gente, o forró de São Paulo sempre foi conhecido e eles não conseguem organizar uma partida de futebol society num domingo, tão dando um poder pros caras que nem a CIA no auge da guerra fria teve

Chama de clubinho uma entidade que reúne todo esgoto da AL e faz reuniões organizadas diversos países?


Offline André Luiz

  • Nível 38
  • *
  • Mensagens: 3.626
  • Sexo: Masculino
    • Forum base militar
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1651 Online: 12 de Agosto de 2018, 21:37:56 »
Tão tratando essas reuniões regadas a torresmo e cerveja do "forró de São Paulo" como uma puta maquinação orquestrada pra dominar o mundo.

"Ah, mas tá no documento oficial do clubinho"

Gente, o forró de São Paulo sempre foi conhecido e eles não conseguem organizar uma partida de futebol society num domingo, tão dando um poder pros caras que nem a CIA no auge da guerra fria teve

Chama de clubinho uma entidade que reúne todo esgoto da AL e faz reuniões organizadas diversos países?



Sim,  é um DCE sem maconha, o Rotary clube da minha cidade deve ser mais poderoso que esses caras

E aquele lance da constituição de se integrar com as nações latino americanas não fala nada de comunismo, é uma união europeia de pobre

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 36.010
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1652 Online: 13 de Agosto de 2018, 00:12:46 »
Tão tratando essas reuniões regadas a torresmo e cerveja do "forró de São Paulo" como uma puta maquinação orquestrada pra dominar o mundo.

"Ah, mas tá no documento oficial do clubinho"

Gente, o forró de São Paulo sempre foi conhecido e eles não conseguem organizar uma partida de futebol society num domingo, tão dando um poder pros caras que nem a CIA no auge da guerra fria teve

O triste é ter que concluir que provavelmente os investigadores da Lavà Jato são cúmplices, já que não denunciaram o esquemão geral, apenas ao Lula e ao PT.

Talvez estejam sob ameaça. :/

Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.632
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1653 Online: 13 de Agosto de 2018, 00:24:05 »
O Foro de São Paulo esteve presente nas descobertas da Lava Jato:

https://www.oantagonista.com/brasil/propina-muy-urgente-de-lula-para-maduro/

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 36.010
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1654 Online: 13 de Agosto de 2018, 01:11:04 »
Esquema entre líderes e entidades de países socialistóides latino-Americanos = tudo acertado no FSP?

Podemos expandir isso para URSAL? Illuminati?

Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.944
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1655 Online: 13 de Agosto de 2018, 04:38:21 »
Esquema entre líderes e entidades de países socialistóides latino-Americanos = tudo acertado no FSP?

Podemos expandir isso para URSAL? Illuminati?

Vou tentar achar o vídeo onde o vagabundo diz abertamente que vai fazer a AL se tornar socialista.

Socialista no vocabulário do vagabundo é sinônimo de ser igual a Cuba e Venezumerda.


Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.632
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1656 Online: 13 de Agosto de 2018, 10:33:23 »
Esquema entre líderes e entidades de países socialistóides latino-Americanos = tudo acertado no FSP?

Podemos expandir isso para URSAL? Illuminati?

As atas do Foro de São Paulo  foram assinadas embaixo por Lula. Numa delas, eles falam em recuperar na América Latina aquilo que foi perdido na Europa Oriental. A palavra socialismo não falta em tais atas e o PT se intitula, em outros documentos oficiais, como partido de "socialismo democrático". O socialismo varia de país para país na AL, os socialistas latino-americanos modernos geralmente falam que o socialismo stalinista "não é minha vertente", mas nada impede de uni-los numa estratégia coordenada. O Brasil tinha o papel de financiador nesse esquema, como sugerem as notícias da Lava Jato. Agora, se Haddad se eleger, pode se preparar para eufemismos como "controle social da mídia". Eles tentarão não repetir os erros cometidos por superconfiança excessiva.
« Última modificação: 13 de Agosto de 2018, 13:59:44 por -Huxley- »

Offline Vithor

  • Nível 11
  • *
  • Mensagens: 151
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1657 Online: 13 de Agosto de 2018, 15:18:12 »
[...]
Sobre as bombas atômicas, o que ele convenientemente não menciona é que jogaram a segunda bomba três dias depois da primeira! 3 dias depois!

Então esse papo de que a bomba foi para salvar vidas é asqueroso. E só jogaram duas bombas porque havia apenas DUAS bombas. Se houvesse três teriam lançado as três. Na verdade houve 3, mas a primeira eles testaram lá no deserto.

Os americanos correram para jogar a segunda bomba 3 dias depois para não dar tempo do Japão se render. Nagasaki não foi para forçar uma rendição e nem para assustar os russos, como especulam alguns. Para assustar os soviéticos bastava Hiroshima.

O verdadeiro motivo dessa gente incinerar dezenas de milhares de pessoas, assim, como se fosse uma coisa banal, foi ainda mais banal: queriam aproveitar a guerra para testar o máximo possível a nova arma. E como só tinham duas só podiam testar as duas.

Por isso escolheram duas cidades que não eram alvos militares, e por não terem importância militar nenhuma é que justamente estavam intactas, nunca tinham sido bombardeadas. Claro, se lançassem a bomba em Tókio, que já estava devastada, ou qualquer outra cidade industrial japonesa, não seria tão propício para avaliar a destruição que a bomba atômica causaria.

Quem é capaz de matar milhares de pessoas sabendo que muitas dessas sofrerão uma morte horrível, apenas para testar um pouco mais uma nova tecnologia?

Quem?

Gente  "respeitável" como Roosevelt, Einsenhower, MacCarthur, Churchill... não somente "monstros" como Stalin ou Hitler.

Também acho que é hipócrita o argumento de 'poupar vidas'.

Mas ele não é errôneo.

Se o EUA tivesse que invadir o Japão para ocupá-lo, certamente haveria de milhares de mortes nos bombardeios e nos combates corpo-a-corpo. Não sei qual em qual ordem de magnitude as mortes chegariam, se de dezenas ou de centenas.

Mas que seriam muitas, não tenho nenhuma dúvida. E isto por causa do tipo da estruturação social japonesa e de sua imensa carga de doutrinação política e nacionalista, quase religiosa, que refletia diretamente nas forças armadas do Japão.

Os soldados japoneses eram obstinados e fanáticos. As narrativas de violência e crueldade deles contra soldados inimigos e as populações submetidas não são poucas.

O que me deixa irritado com esse papo, é a seletividade.
Quando EUA joga uma bomba numa área urbana cheia de civis levando a morte de aproximadamente 200 mil civis,  é para "poupar vidas"
Quando Mandela ordenou alguns atentados que mataram 70 pessoas, é terrorista  que não deve ser tratado como herói.

Não acuso nem o autor e nem ninguém do fórum de fazer isso, mas é fácil ver que a direita "atual" que surgiu com o Bolsonaro faria facilmente as duas afirmações e executaria um Duplipensamento perfeito.

Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.944
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1658 Online: 13 de Agosto de 2018, 19:21:27 »
Tão tratando essas reuniões regadas a torresmo e cerveja do "forró de São Paulo" como uma puta maquinação orquestrada pra dominar o mundo.

"Ah, mas tá no documento oficial do clubinho"

Gente, o forró de São Paulo sempre foi conhecido e eles não conseguem organizar uma partida de futebol society num domingo, tão dando um poder pros caras que nem a CIA no auge da guerra fria teve

Chama de clubinho uma entidade que reúne todo esgoto da AL e faz reuniões organizadas diversos países?



Sim,  é um DCE sem maconha, o Rotary clube da minha cidade deve ser mais poderoso que esses caras

E aquele lance da constituição de se integrar com as nações latino americanas não fala nada de comunismo, é uma união europeia de pobre

O Lulla falava em um banco Central para toda a AL com sede na Venezuela do Chapolim Colorado, moeda única,  sindicatos unificados, um parlamento em comum.

Bom, nos tínhamos o PT no poder, o Chapolim Colorado, o casal Cretina e Néstor e mais uns vagabundos do mesmo esgoto.

O que exatamente vc acha que sairia de bom dessa união?

A Lava Jato provou que desviaram dinheiro no Brasil para financiar partidos no exterior, que o Chavez recebeu, que o Maduro recebeu, que praticamente toda a corja recebeu.

Espero que o pessoal do Rotary não seja tão podre.

Offline Agnoscetico

  • Nível 34
  • *
  • Mensagens: 2.799
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1659 Online: 13 de Agosto de 2018, 22:36:59 »


E os bolsominions tão cada vez melhores.
Esse país é piada pronta, show de tragicomédia

<a href="https://www.youtube.com/v/bBg6vkwcOxM" target="_blank" class="new_win">https://www.youtube.com/v/bBg6vkwcOxM</a>

Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.632
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1660 Online: 13 de Agosto de 2018, 22:41:07 »
Esquema entre líderes e entidades de países socialistóides latino-Americanos = tudo acertado no FSP?

Podemos expandir isso para URSAL? Illuminati?

As atas do Foro de São Paulo  foram assinadas embaixo por Lula. Numa delas, eles falam em recuperar na América Latina aquilo que foi perdido na Europa Oriental. A palavra socialismo não falta em tais atas e o PT se intitula, em outros documentos oficiais, como partido de "socialismo democrático". O socialismo varia de país para país na AL, os socialistas latino-americanos modernos geralmente falam que o socialismo stalinista "não é minha vertente", mas nada impede de uni-los numa estratégia coordenada. O Brasil tinha o papel de financiador nesse esquema, como sugerem as notícias da Lava Jato. Agora, se Haddad se eleger, pode se preparar para eufemismos como "controle social da mídia". Eles tentarão não repetir os erros cometidos por superconfiança excessiva.

http://clubecetico.org/forum/index.php?topic=30290.msg972207#msg972207

Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.632
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1661 Online: 13 de Agosto de 2018, 23:02:20 »
Apesar de tudo, mesmo que tal desejo de integração assim fosse o caso, querer não é poder. Uma URSAL parece uma meta muito distante sob qualquer ótica. O Mercosul sequer avançou de um Mercado Comum para União Política, Econômica e Monetária. E mudanças importantes acontecerem na América Latina recentemente. A Venezuela entrou em colapso de vez, Macri assumiu o governo na Argentina, Lula foi preso, etc.
« Última modificação: 13 de Agosto de 2018, 23:13:30 por -Huxley- »

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 36.010
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1662 Online: 13 de Agosto de 2018, 23:27:44 »
Esquema entre líderes e entidades de países socialistóides latino-Americanos = tudo acertado no FSP?

Podemos expandir isso para URSAL? Illuminati?

As atas do Foro de São Paulo  foram assinadas embaixo por Lula. Numa delas, eles falam em recuperar na América Latina aquilo que foi perdido na Europa Oriental. A palavra socialismo não falta em tais atas e o PT se intitula, em outros documentos oficiais, como partido de "socialismo democrático". O socialismo varia de país para país na AL, os socialistas latino-americanos modernos geralmente falam que o socialismo stalinista "não é minha vertente", mas nada impede de uni-los numa estratégia coordenada. O Brasil tinha o papel de financiador nesse esquema, como sugerem as notícias da Lava Jato. Agora, se Haddad se eleger, pode se preparar para eufemismos como "controle social da mídia". Eles tentarão não repetir os erros cometidos por superconfiança excessiva.


O que de objetivamente se sabe prover de decisões partidas em reuniões do FSP, versus reuniões quaisquer de líderes ou figuras políticas dos países membros? Isso é um fetichismo.



Citar
Constatamos que todas as organizações da esquerda concebemos que a sociedade justa, livre e soberana e o socialismo só podem surgir e sustentar-se na vontade dos povos, ligados com suas raízes históricas. Manifestamos, por isso, nossa vontade comum de renovar o pensamento de esquerda e o socialismo, de reafirmar seu caráter emancipador, corrigir concepções errôneas, superar toda expressão de burocratismo e toda ausência de uma verdadeira democracia social e de massas. Para nós, a sociedade livre, soberana e justa à que aspiramos e o socialismo não podem ser senão a mais autêntica das democracias e a mais profunda das justiças para os povos. Rechaçamos, por isso mesmo, toda pretensão de aproveitar a crise da Europa Oriental para incitar a restauração capitalista, anular os ganhos e direitos sociais ou alimentar ilusões nas inexistentes bondades do liberalismo e o capitalismo.

...


Também constituem instrumentos ao serviço do neoliberalismo, a sobrevivência das doutrinas de segurança nacional, a militarização das sociedades e o crescente papel das forças armadas e paramilitares em diversos Estados e governos latino-americanos que se apóiam em estados de exceção e de emergência e reduzem, cada vez mais, os direitos democráticos da população. Desta forma, devemos ressaltar que em diversos países se desenhou estruturas políticas nas que os que são eleitos têm sua capacidade de mandato reduzida, pois se sobrepõem instituições não eleitas às instâncias eletivas, limitando-lhes capacidade de ação para modificar as políticas neoliberais já impostas e transformar ditas realidades.A reestruturação neoliberal implicou num processo de maior submissão dos Estados nacionais aos interesses imperialistas dos países desenvolvidos, o que se traduziu na perda de soberania, na priorização do pagamento da dívida, na concessão de grandes benefícios às transnacionais e, conseqüentemente, na eliminação de políticas de bem-estar social, na redução do lucro das maiorias trabalhadoras e na pretensão dos interesses das classes médias, dos trabalhadores e dos campesinos.


....


No campo econômico, trata-se de que a organização democrática da sociedade defina as funções do mercado e a participação do Estado na vida econômica. Isso deverá ser feito em uma perspectiva anti-monopolista e de justiça social. Este será um dos conteúdos de nossas propostas democráticas na luta por ser governo e poder.Sobre essa base se poderá alcançar e consolidar em cada um de nossos países, os objetivos e valores comuns: democracia econômica, política y social; respeito ao voto e à participação política direta e permanente do povo; pluralismo; direitos cidadãos; direitos humanos; direitos sociais; reformas estruturais e reforma agrária; organização democrática e independente do povo; proteção da natureza; respeito e promoção da identidade cultural e nacional dos povos originários de nosso continente; solidariedade social e soberania nacional.A partir da constatação dos limites dos processos democratizadores na América Latina, os debates do Foro apontaram para a reafirmação de seu compromisso com a democracia econômica, política e social, que consideramos um valor permanente em todos os momentos de luta.


...

O conteúdo econômico de uma integração alternativa deve partir do interior das sociedades, da luta destinada a superar as estruturas e modelos dominantes e a eliminar controles monopolistas e oligopólicos e, da construção de um desenvolvimento econômico autônomo orientado, em primeiro lugar, a satisfazer as necessidades básicas das maiorias, substituindo a atual aliança dos setores transnacionalizados da burguesia com o capital internacional, por uma aliança entre todas as forças interessadas na promoção de projetos nacionais para a construção da justiça social, a democracia e a liberação nacional.3. Hoje em dia se pode afirmar que todo processo de desenvolvimento econômico genuíno passa por uma mudança de sujeitos sociais no poder, por uma justa distribuição da propriedade e da riqueza, peIa criação de poderes de maiorias e pelo fortalecimento da sociedade civil. Os espaços de participação até essas metas devem ser abertos, tanto desde a organização autônoma do povo como desde as instâncias estatais, ampliando a influência das grandes maiorias populares. As políticas sociais não podem estar separadas das políticas econômicas, porque as políticas econômicas devem desenhar-se para atender os problemas sociais. É necessário modificar o caráter da estrutura produtiva tradicional ou lutar peIa vigência das mudanças nos países que conseguiram isso, combatendo as políticas, tanto as ortodoxas como as heterodoxas, de ajuste estrutural e favorecendo o desenvolvimento das forças produtivas.


....


A política cultural do neoliberalismo resume-se a submeter a cultura ao mercado, combater a diversidade e com isso combater qualquer forma de pensamento crítico.O produto cultural enquanto mercadoria - como toda a mercadoria - tem que ser reposta. Mas deve prevalecer para a cultura contemporânea a concepção de que o bem cultural era produzido para durar para a eternidade, como diria Goethe, sendo os meios de comunicação de massa recurso fundamental para a difusão e democratização desses bens. A cultura contemporânea tem um caráter volátil, banal, superficial, fugaz. Pretende-se assim a padronização do gosto e do mercado.Torna-se tarefa das gestões democrático-populares uma política cultural crítica ao esvaziamento, de valorização do conjunto de bens culturais da sociedade - sem concessões e sem demagogia. Essa política passa pelos seguintes eixos:1. Cidadania Cultural - O ser humano deve ser visto como cidadão, e não como consumidor, como sujeito, criador e protagonista da cultura;2. Democratização - através da criação de fóruns efetivos de participação cultural;3. Descentralização - através da constituição de pólos culturais que dêem acessibilidade a toda a população, em espaços hoje atingidos pelo modelo da mídia. Mostrar e reforçar a diversidade e a riqueza cultural, socializar os bens culturais consagrados ou não eliminando as barreiras tradicionais;Por meio desses eixos devemos contrarrestar a indústria cultural massificante e pasteurizada que não sofre nenhuma forma de controle democrático. É necessário mudar os hábitos de padronização cultural, não trabalhar cultura ao sabor das pesquisas de mercado. Fundamental é constituir uma identidade cultural fortalecida.II. A pluralidade e a diferença, tão caras e importantes para a cultura, são elementos inviáveis no processo de globalização que homogeneiza e pasteuriza toda informação e cultura. Vivemos na era das imagens e do pacto das grifes. Marcam essa era a colagem, o reforço do individualismo, a bricolagem e o pastiche reforçando ao máximo o narcisismo e uma suposta individualização. Tudo isto resulta numa plastificação da cultura.


...


Existe consenso na análise do contexto sócio-econômico e político que serve de marco a este Encontro, caracterizado pelo crescente controle da produção, a comercialização de bens e serviços, assim como dos fluxos financeiros por parte de um reduzido número de países desenvolvidos e de mega-empresas transnacionais, que a sua vez, são os agentes protagonistas do processo de globalização neoliberal. Este, longe de propiciar uma participação mais homogênea dos diferentes países na economia mundial, acentuou a diferenciação entre os desenvolvidos e sua periferia, marginalizou ainda mais a esta e incrementou a polarização da riqueza ao interior de ambos os grupos de países.Os participantes no X Encontro debateram particularmente a situação econômica e social da América Latina e Caribe. Ressaltam os magros crescimentos logrados na última década, que estão abaixo de suas necessidades e potencialidades, e os débeis cimentos nos quais se assentam, dada a ausência de sólidas bases endógenas para sua sustentabilidade.A distribuição de suas rendas é a mais regressiva do mundo, acompanhada de penosa lentidão no progresso educacional e científico técnico, inquietantes manifestações de volatilidade, insegurança econômica, alarmantes fluxos migratórios, corrupção e violência. A eliminação da pobreza se identificou como o maior desafio da região, especialmente suas manifestações nos segmentos populacionais mais vulneráveis: as crianças, as mulheres, os idosos e, no caso dos povos indígenas, por sua dupla condição de indígenas e pobres.Se aos riscos antes mencionados se agrega o problema não resolvido da distribuição da terra, o aumento da brecha que separa a América Latina e o Caribe dos países desenvolvidos, a perda de participação relativa da região na economia mundial, a insatisfação expressada pelos cidadãos e o crescente endividamento externo, pode demonstrar-se que o neoliberalismo – dirigido a reforçar o poder do capital financeiro transnacional – contrariamente ao que proclama seu discurso, tem um caráter destrutivo sobre as economias e as sociedades, como o evidencia sua incapacidade para reativar a produção, gerar emprego, elevar a renda e reverter o processo de marginalização. Ele se traduz abertamente em uma crise do paradigma hegemônico e do chamado "pensamento único".Pode-se lograr objetivos de mais longo alcance deixando de lado a influência dos argumentos que sustentam o pensamento dominante, que limita o aproveitamento das forças produtivas porque se opõe às mudanças nas relações sociais exigidas pelos níveis atuais do desenvolvimento científico técnico. O anterior está vinculado à dependência do imperialismo e à subordinação das classes dominantes de cada país, que impossibilitam resolver os problemas de nossa região sem modificar essas relações para avançar até um projeto alternativo.


Nenhuma proposta distinta de sociedade, de construção de Estados Nacionais com desenvolvimentos soberanos, poderá se edificar se continua a transferência líquida de riquezas aos bancos e aos Estados imperialistas, por isso é necessário exigir o fim dos processos de privatização e impedir a escalada indiscriminada de apropriação dos recursos estratégicos da região em beneficio do capital transnacional e sus aliados.A vertiginosa velocidade do processo de globalização em curso, apoiada no avanço do progresso científico técnico e a expansão das novas tecnologias da informação e as telecomunicações, coincide com uma ordem econômica internacional e uma organização da sociedade que resultam inaceitáveis e que distorcem o próprio desenvolvimento material da humanidade. Por isso lutamos por outra globalização: a da solidariedade, justiça, eqüidade, vigência plena da democracia, respeito à diversidade, à autonomia, à identidade pluricultural e os direitos dos povos; ainda que também entendemos que o fundamental está na libertação de cada país.Los atentados do 11 de setembro de Nova York, Washington e Pensylvania agravaram a situação internacional, gerando uma nova conjuntura e abrindo um processo de imprevisíveis conseqüências.O Foro de São Paulo se solidarizou de imediato com as vítimas desses atos criminais e reivindicou o caminho da paz e da justiça como o único válido para derrotar o terrorismo, reiterando sua solidariedade com todos aqueles que sofrem suas conseqüências. Nós, partidos e movimentos pertencentes a povos que sofreram e sofrem os terríveis efeitos do terrorismo de Estado, estamos contra todas as manifestações de terrorismo, por razões éticas, morais, humanitárias e políticas.Esses lamentáveis acontecimentos propiciaram o marco para legitimar uma política, até então encoberta, expressada hoje nos perigosos termos da Doutrina Bush: "ou estão conosco ou estão com os terroristas". A recentemente aprovada lei por parte dos EUA, titulada "Unindo e fortalecendo a América provendo-lhe as ferramentas apropriadas para interpretar e obstruir o terrorismo (USA PATRIOT ACT)" merece ser condenada por este Encontro, não só pelos efeitos imediatos contra o povo dos EUA, mas também pelo caráter extraterritorial de sua aplicação, a qual se inscreve no propósito de estabelecer uma legalidade imperialista em prejuízo de nossos povos. Não aceitamos a opção desta disjuntiva que se nos mostra e rechaçamos o papel de polícia do mundo que se auto-adjudicam os EUA.Deste modo, estamos convencidos de que não é com ações bélicas, nem violando o direito internacional, nem com desdobramento militar em escala planetária que se combate o terrorismo. Que, pelo contrário, a doutrina Bush está gerando um ressurgimento da intolerância, racismo, xenofobia, discriminação e mais vítimas


blablabla social blablabla imperailismo, blablabla viva Fidel blablabla



Agora só falta a cifra para decodificar essas atas com lero lero comunista cor-de-rosa e encontrar os planos satanistas-illuminatis.

Talvez se consiga a partir daí encontrar ítens que levem eventualmente a exposição de outros planos em andamento além do petrolão (bem como maiores detalhes sobre este), talvez prendendo a outros presidentes e empresários comunistas.



<a href="https://www.youtube.com/v/V_DEwiBUt88" target="_blank" class="new_win">https://www.youtube.com/v/V_DEwiBUt88</a>









Citar
<a href="https://www.youtube.com/v/Fmh4RdIwswE" target="_blank" class="new_win">https://www.youtube.com/v/Fmh4RdIwswE</a>

Organizations can hire fake advocates who create the illusion of real support for their message. It’s a shady practice called astroturfing that can warp the public perception of anything...even astroturfing.


Offline pehojof

  • Nível 18
  • *
  • Mensagens: 547
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1663 Online: 14 de Agosto de 2018, 00:10:58 »
Tão tratando essas reuniões regadas a torresmo e cerveja do "forró de São Paulo" como uma puta maquinação orquestrada pra dominar o mundo.

"Ah, mas tá no documento oficial do clubinho"

Gente, o forró de São Paulo sempre foi conhecido e eles não conseguem organizar uma partida de futebol society num domingo, tão dando um poder pros caras que nem a CIA no auge da guerra fria teve

Chama de clubinho uma entidade que reúne todo esgoto da AL e faz reuniões organizadas diversos países?



Sim,  é um DCE sem maconha, o Rotary clube da minha cidade deve ser mais poderoso que esses caras

E aquele lance da constituição de se integrar com as nações latino americanas não fala nada de comunismo, é uma união europeia de pobre

"Aquele lance" quem mostrou foi eu, não nosso colega Arcanjo! :wink:

Mas aí eu não tava sabendo que pra uma coisa ser o que ela é não basta só ela ser o que ela é, precisa dar o nome... :o Então tinha que ter uma observação no artigo 4 assim: "esse comunismo que estamos preconizando se chama comunismo"? :hein: :umm: ::)

Aí a coisa comprica mesmo, né? :olheira: Agora eu tô até pensando que se um bandido abordar a vítima só apontando a arma pra ela e mandando ela entregar tudo, mas sem dizer que aquilo é um assalto, na hora de fazer a ocorrência, ela não vai ter elementos para caracterizar o assalto! Tomara que bandidos não leiam isso... :| :)

E a UE é um projeto socialista :arrow: comunista que já está, via de regra... :sleepy: , fracassando. :no:
"Et quæ tanta fuit Romam tibi causa videndi?"
"Libertas, quæ sera tamen, respexit inertem,"

Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.632
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1664 Online: 14 de Agosto de 2018, 00:11:06 »

O que de objetivamente se sabe prover de decisões partidas em reuniões do FSP, versus reuniões quaisquer de líderes ou figuras políticas dos países membros? Isso é um fetichismo.

...



O Lula já disse:

“Em função da existência do Foro de São Paulo, o companheiro Marco Aurélio tem exercido uma função extraordinária nesse trabalho de consolidação daquilo que começamos em 1990… Foi assim que nós, em janeiro de 2003, propusemos ao nosso companheiro, presidente Chávez, a criação do Grupo de Amigos para encontrar uma solução tranqüila que, graças a Deus, aconteceu na Venezuela. E só foi possível graças a uma ação política de companheiros. Não era uma ação política de um Estado com outro Estado, ou de um presidente com outro presidente. Quem está lembrado, o Chávez participou de um dos foros que fizemos em Havana. E graças a essa relação foi possível construirmos, com muitas divergências políticas, a consolidação do que aconteceu na Venezuela, com o referendo que consagrou o Chávez como presidente da Venezuela.

“Foi assim que nós pudemos atuar junto a outros países com os nossos companheiros do movimento social, dos partidos daqueles países, do movimento sindical, sempre utilizando a relação construída no Foro de São Paulo para que pudéssemos conversar sem que parecesse e sem que as pessoas entendessem qualquer interferência política.”

Ou seja, o próprio Lula já confessou que o FSP é uma entidade que se imiscui ativamente na política interna de várias nações latino-americanas. E que faz isso secretamente para ficar à margem de toda fiscalização de governos, parlamentos, justiça e opinião pública.

As decisões incluíram coisas que foram noticiadas na mídia, como essa:

https://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/as-farc-no-brasil-e-oliverio-medina-um-chefe/ (Reinaldo Azevedo)
http://www.olavodecarvalho.org/domestica-apaixonada/ (Olavo de Carvalho no Diário do Comércio)
https://veja.abril.com.br/blog/felipe-moura-brasil/conheca-o-foro-de-sao-paulo-o-maior-inimigo-do-brasil/ (Felipe Moura Brasil, ver, por exemplo, a seção: PT/FARC/FORO - SEQUÊNCIA DE FATOS)

Decisões nada graves não é mesmo? E o FSP levou o Brasil a adotar uma função quádrupla na política internacional, como mostrou o artigo "O comunismo dos imbecis" de Olavo de Carvalho no Diário do Comércio. Vou até criar um tópico para esse artigo.
« Última modificação: 14 de Agosto de 2018, 00:55:06 por -Huxley- »

Offline pehojof

  • Nível 18
  • *
  • Mensagens: 547
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1665 Online: 14 de Agosto de 2018, 00:14:45 »
É estranho o papo aqui, sabe?... :? Se levanta uma questão e parece que se fica discutindo se ela se efetivou ou não e não se há um objetivo ou desejo e plano para que ela se efetive... Alguém está dizendo que a URSAL já existe?! :hein:
"Et quæ tanta fuit Romam tibi causa videndi?"
"Libertas, quæ sera tamen, respexit inertem,"

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 36.010
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1666 Online: 14 de Agosto de 2018, 02:35:42 »

O Lula já disse:

“Em função da existência do Foro de São Paulo, o companheiro Marco Aurélio tem exercido uma função extraordinária nesse trabalho de consolidação daquilo que começamos em 1990… Foi assim que nós, em janeiro de 2003, propusemos ao nosso companheiro, presidente Chávez, a criação do Grupo de Amigos para encontrar uma solução tranqüila que, graças a Deus, aconteceu na Venezuela. E só foi possível graças a uma ação política de companheiros. Não era uma ação política de um Estado com outro Estado, ou de um presidente com outro presidente. Quem está lembrado, o Chávez participou de um dos foros que fizemos em Havana. E graças a essa relação foi possível construirmos, com muitas divergências políticas, a consolidação do que aconteceu na Venezuela, com o referendo que consagrou o Chávez como presidente da Venezuela.

“Foi assim que nós pudemos atuar junto a outros países com os nossos companheiros do movimento social, dos partidos daqueles países, do movimento sindical, sempre utilizando a relação construída no Foro de São Paulo para que pudéssemos conversar sem que parecesse e sem que as pessoas entendessem qualquer interferência política.”

Ou seja, o próprio Lula já confessou que o FSP é uma entidade que se imiscui ativamente na política interna de várias nações latino-americanas.

Isso é meio como dizer que "o próprio FMI já confessou que tem como missão a opressão globalizadora neoliberal neocolonialista estadunidense".


Citar
E que faz isso secretamente para ficar à margem de toda fiscalização de governos, parlamentos, justiça e opinião pública.

Você interpretou "sempre utilizando a relação construída no Foro de São Paulo para que pudéssemos conversar sem que parecesse e sem que as pessoas entendessem qualquer interferência política" como "secretamente para ficar a margem de fiscalização, justiça, e opinião pública"?

Citar
https://www1.folha.uol.com.br/folha/mundo/ult94u50381.shtml

Grupo de Países Amigos da Venezuela é aprovado, diz Amorim
da Folha Online

O Grupo de Países Amigos, integrado por Brasil, Chile, Espanha, Estados Unidos, México e Portugal, foi criado hoje em Quito (Equador) para ajudar a Organização dos Estados Americanos (OEA) a buscar um saída pacífica para a grave crise que afeta a Venezuela, informou o ministro brasileiro das Relações Exteriores, Celso Amorim.

A criação do Grupo havia sido proposta pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

[...]

Para Gaviria, "Brasil, Chile, Espanha, Estados Unidos, México e Portugal vão fazer um trabalho de facilitação para os diálogos na Venezuela", onde a greve geral da oposição já chega ao 45º dia, exigindo a renúncia do presidente Hugo Chávez ou eleições antecipadas.

Mais cedo, em entrevista à imprensa venezuelana, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que a posição dos representantes de países sul-americanos é encontrar uma solução "pacífica e tranquila, que possa contentar sobretudo o povo daquele país".

[...]

"Nós queremos que a Venezuela encontre seu caminho da forma mais tranquila e mais pacífica. O que queremos, na verdade, é contribuir para que a Venezuela encontre em paz um caminho e que o povo venezuelano seja feliz", disse Lula.

[...]

https://es.wikipedia.org/wiki/Paro_petrolero_en_Venezuela_de_2002-2003#Repercusi%C3%B3n_internacional

Talvez seja ingenuidade minha, mas não me parece ter sido algo que algum tribunal internacional ou regional vá condenar como crime contra a humanidade. Houve alguma posterior investigação ou revelação sobre coisas secretas mais sórdidas feitas nesses acordos?

(Pode contudo ser texto mentiroso da Folha, que, como disse Olavo de Carvalho, tenta ocultar as atividades do FSP, fazendo parte da ditadura esquerdista na mídia)



Citar
As decisões incluíram coisas que foram noticiadas na mídia, como essa:

https://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/as-farc-no-brasil-e-oliverio-medina-um-chefe/ (Reinaldo Azevedo)
http://www.olavodecarvalho.org/domestica-apaixonada/ (Olavo de Carvalho no Diário do Comércio)
https://veja.abril.com.br/blog/felipe-moura-brasil/conheca-o-foro-de-sao-paulo-o-maior-inimigo-do-brasil/ (Felipe Moura Brasil, ver, por exemplo, a seção: PT/FARC/FORO - SEQUÊNCIA DE FATOS)

Decisões nada graves não é mesmo? E o FSP levou o Brasil a adotar uma função quádrupla na política internacional, como mostrou o artigo "O comunismo dos imbecis" de Olavo de Carvalho no Diário do Comércio. Vou até criar um tópico para esse artigo.

Não tenho acesso à Veja, e, o narrado por Olavo de Carvalho, não se trata de tramóias com origem confirmada no FSP, mas de tentativas do PT de maquiar as coisas (sua relação com as FARC), em uma situação que calhava de envolver o evento FSP.


















E aquele lance da constituição de se integrar com as nações latino americanas não fala nada de comunismo, é uma união europeia de pobre


UNIÃO EUROPÉIA = URSSEO



https://g1.globo.com/mundo/noticia/ue-retira-farc-definitivamente-da-lista-de-grupos-terroristas.ghtml

Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.632
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1667 Online: 14 de Agosto de 2018, 16:43:39 »
"...para que pudéssemos conversar sem que parecesse e sem que as pessoas entendessem qualquer interferência política.”

Ora, para que Lula e os outros do FSP precisariam de conversações secretas que não parecessem envolver decisões estratégicas de grande alcance se não fosse justamente para ESCONDER algo que envolve decisões estratégicas de grande alcance? E já estava claro as pretensões criminosas da turma de Lula, já que existiam documentos oficiais mostrando pretensões criminosas.

Em documentos oficiais, a própria FARC disse explicitamente que o FSP salvou o movimento comunista internacional, sendo que ela mesma foi uma participante do Foro. E as declarações de solidariedade mútua de partidos legais a organizações criminosas nas atas do FSP foram respaldadas com ações políticas que beneficiaram membros da FARC, como eu já mostrei nos três links (eu usei Android para acessar o blog da Veja e eu não sou assinante).

Observando todo o contexto, foi óbvio que estava subentendido as pretensões de Lula e dos outros quando ele fez a famosa confissão acerca do Foro de São Paulo em 2005. Apenas energúmenos chamam de "teoria da conspiração" algum fato de grande impacto somente porque ele não foi alardeado no Jornal Nacional ou no restante da Grande Mídia.

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 36.010
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1668 Online: 14 de Agosto de 2018, 16:58:50 »
"...para que pudéssemos conversar sem que parecesse e sem que as pessoas entendessem qualquer interferência política.”

Ora, para que Lula e os outros do FSP precisariam de conversações secretas que não parecessem envolver decisões estratégicas de grande alcance se não fosse justamente para ESCONDER algo que envolve decisões estratégicas de grande alcance?

Secretas? Onde?

Por que ele admitiu abertamente isso, se seria a mais imbecil confissão de conspiração, em sua interpretação?

O que houve de criminoso nos encontros/discussões dos "amigos da Venezuela" e a OEA?

Seria possível alguém objetivar uma reunião entre "países amigos" para resolver a situação, sem que isso configurasse uma conspiração criminosa?

Seria possível frasear sobre isso sem "confessar" uma conspiração criminosa?

 

Citar
E já estava claro as pretensões criminosas da turma de Lula, já que existiam documentos oficiais mostrando pretensões criminosas.

Pode bem ser, mas isso não significa que a interpretação de confissão aberta de estar realizando conspirações criminosas secretas está correta.



Citar
Em documentos oficiais, a própria FARC disse explicitamente que o FSP salvou o movimento comunista internacional, sendo que ela mesma foi uma participante do Foro.

Fazê-lo não é necessariamente criminoso, e creio que também não necessariamente a presença de representante(s) das FARC.


Citar
E as declarações de solidariedade mútua de partidos legais a organizações criminosas nas atas do FSP foram respaldadas com ações políticas que beneficiaram membros da FARC, como eu já mostrei nos três links (eu usei Android para acessar o blog da Veja e eu não sou assinante).

Então o grande perigo do FSP é que é um espaço aberto para comunistas trocarem elogios e afagos? É isso que se sabe que objetivamente veio especificamente de lá, apenas, em contraste a acordos entre os membros independentemente da existência de eventos públicos em que eles se reunissem.



Citar
Observando todo o contexto, foi óbvio que estava subentendido as pretensões de Lula e dos outros quando ele fez a famosa confissão acerca do Foro de São Paulo em 2005. Apenas energúmenos chamam de "teoria da conspiração" algum fato de grande impacto somente porque ele não foi alardeado no Jornal Nacional ou no restante da Grande Mídia.

Novamente, chamar isso de "confissão" é como chamar de "confissão" qualquer coisa "neoliberal" que parta do FMI ou do Fórum Econômico Mundial. Não tem nada de criminoso sendo "confessado", só nas teorias da conspiração, que são, de fato, paranóia sem evidência. Defensores de qualquer teoria da conspiração tentarão desqualificar aqueles que apontam a completa ausência de evidência, como é montada apenas em livre-associações e interpretações míopes.

Offline Agnoscetico

  • Nível 34
  • *
  • Mensagens: 2.799
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1669 Online: 14 de Agosto de 2018, 21:31:55 »



<a href="https://www.youtube.com/v/XkCGv0uRNKM" target="_blank" class="new_win">https://www.youtube.com/v/XkCGv0uRNKM</a>



Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.120
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1670 Online: 14 de Agosto de 2018, 21:49:03 »

Esquema entre líderes e entidades de países socialistóides latino-Americanos = tudo acertado no FSP?

Podemos expandir isso para URSAL? Illuminati?


Talvez se consiga a partir daí encontrar ítens que levem eventualmente a exposição de outros planos em andamento além do petrolão (bem como maiores detalhes sobre este), talvez prendendo a outros presidentes e empresários comunistas.


Não se esqueça do movimento Banqueirista Comunista,  os banqueiros são muito bons em dissimular suas intenções extremamente vermelhas com discursos fakes sobre dinheiro e juros.



Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.120
  • Sexo: Masculino
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1671 Online: 14 de Agosto de 2018, 21:54:03 »
E a UE é um projeto socialista :arrow: comunista que já está, via de regra... :sleepy: , fracassando. :no:



Você está por fora, por trás dos bastidores  o Clube de Bilderberg  e os banqueiros comunistas  estão controlando tudo.  O que acontece na UE segue rigorosamente o planejamento dessas poderosas pessoas que agem nas sombras.



Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.632
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1672 Online: 14 de Agosto de 2018, 22:53:40 »
"...para que pudéssemos conversar sem que parecesse e sem que as pessoas entendessem qualquer interferência política.”

Ora, para que Lula e os outros do FSP precisariam de conversações secretas que não parecessem envolver decisões estratégicas de grande alcance se não fosse justamente para ESCONDER algo que envolve decisões estratégicas de grande alcance?

Secretas? Onde?

Por que ele admitiu abertamente isso, se seria a mais imbecil confissão de conspiração, em sua interpretação?

O que houve de criminoso nos encontros/discussões dos "amigos da Venezuela" e a OEA?

Seria possível alguém objetivar uma reunião entre "países amigos" para resolver a situação, sem que isso configurasse uma conspiração criminosa?

Seria possível frasear sobre isso sem "confessar" uma conspiração criminosa?

 

Citar
E já estava claro as pretensões criminosas da turma de Lula, já que existiam documentos oficiais mostrando pretensões criminosas.

Pode bem ser, mas isso não significa que a interpretação de confissão aberta de estar realizando conspirações criminosas secretas está correta.



Citar
Em documentos oficiais, a própria FARC disse explicitamente que o FSP salvou o movimento comunista internacional, sendo que ela mesma foi uma participante do Foro.

Fazê-lo não é necessariamente criminoso, e creio que também não necessariamente a presença de representante(s) das FARC.


Citar
E as declarações de solidariedade mútua de partidos legais a organizações criminosas nas atas do FSP foram respaldadas com ações políticas que beneficiaram membros da FARC, como eu já mostrei nos três links (eu usei Android para acessar o blog da Veja e eu não sou assinante).

Então o grande perigo do FSP é que é um espaço aberto para comunistas trocarem elogios e afagos? É isso que se sabe que objetivamente veio especificamente de lá, apenas, em contraste a acordos entre os membros independentemente da existência de eventos públicos em que eles se reunissem.



Citar
Observando todo o contexto, foi óbvio que estava subentendido as pretensões de Lula e dos outros quando ele fez a famosa confissão acerca do Foro de São Paulo em 2005. Apenas energúmenos chamam de "teoria da conspiração" algum fato de grande impacto somente porque ele não foi alardeado no Jornal Nacional ou no restante da Grande Mídia.

Novamente, chamar isso de "confissão" é como chamar de "confissão" qualquer coisa "neoliberal" que parta do FMI ou do Fórum Econômico Mundial. Não tem nada de criminoso sendo "confessado", só nas teorias da conspiração, que são, de fato, paranóia sem evidência. Defensores de qualquer teoria da conspiração tentarão desqualificar aqueles que apontam a completa ausência de evidência, como é montada apenas em livre-associações e interpretações míopes.

Não foi dito que os encontros confessados foram secretos e sim que as conversações foram secretas. E quem precisa que algo não pareça e não seja entendido como interferência política está dando um subentendido de que entenderiam existência de interferência política se o conteúdo da conversação fosse exposto aos eleitores (e tais interferências explícitas, como mostram as notícias da Lava Jato, existiram). Interferir nas políticas internas de nações, provendo os meios para que o fizessem "sem que ninguém o percebesse", como confessou Lula, nada tem de reunião comum de líderes políticos, ainda mais quando se sabe que o Foro de São Paulo, como mostrou Felipe Moura Brasil no seu artigo, cometeu CRIMES claríssimos...Deu abrigo e proteção política a organizações terroristas e quadrilhas de narcotraficantes e sequestradores. Associou entidades criminosas a partidos legais na busca de vantagens comuns... Isso é o mesmo que institucionalizar a ilegalidade como rotina normal da vida política e é o que você chama de "inocente clube de debates de líderes políticos"? É preciso ter uma ingenuidade surreal para achar que quem não tem nem manifesta a menor vontade de defender os princípios democráticos que são violados pelas organizações criminosas do FSP, pelo contrário, dá apoio para fortalecê-los, pode ter uma conversação secreta "não-comprometedora". Ainda mais quando se sabe que, assim como não existe nazismo não-golpista e não-criminoso, também não existe comunismo não-golpista e não-criminoso.

É duro ter que explicar um subentendido tão evidente.
« Última modificação: 15 de Agosto de 2018, 08:44:34 por -Huxley- »

Offline André Luiz

  • Nível 38
  • *
  • Mensagens: 3.626
  • Sexo: Masculino
    • Forum base militar
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1673 Online: 15 de Agosto de 2018, 18:51:24 »
Os caras não se entendem nem pra organizar o calendário da Libertadores direito quanto mais um projeto de um gigantesco bloco socialista com gulags embaixo do estádio do Corinthians e do Boca.

Offline Pedro Reis

  • Nível 34
  • *
  • Mensagens: 2.607
Re:Vídeos políticos
« Resposta #1674 Online: 16 de Agosto de 2018, 00:07:55 »
ALERTA MÁXIMO CONTRA O PERIGO VERMELHO!


 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!