Autor Tópico: Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais  (Lida 1662 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.221
  • Sexo: Masculino
Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais de sexo'

Socióloga inglesa Catherine Hakim colocou lenha na fogueira da discussão das diferenças entre homem e mulher quando o assunto é libido. Argumentando que há "um déficit do sexo masculino", ela acredita que é preciso não só legalizar a prostituição, mas encorajar as mulheres a ganhar dinheiro como isso enquanto elas ainda são "jovens e atraentes".

Catherine publicou suas opiniões em um estudo para o Institute of Economic Affairs.


"Tentar parar a prostituição através da criminalização é um completo desperdício de dinheiro público. Isso está fadado ao fracasso", disse Catherine, cujo livro anterior, The new rules: internet dating, playfairs and erotic power (As novas regras: encontros pela internet, casos rápidos e poder erótico), comparou os homens casados a "animais enjaulados".

"É uma diferença chocante: os homens são duas vezes mais interessados em sexo do que as mulheres, e isso acontece em todo o mundo. Pesquisas mostram que temos o déficit do sexo masculino na Suécia, França, Espanha, Japão e América do Sul".

"É em todos os grupos etários, mas assim que você chega aos 30, a diferença começa a crescer dramaticamente. Para muitas mulheres, a diminuição do interesse sexual está intimamente ligado a ter filhos e elas simplesmente não recuperam depois. Mas a evidência é que acontece conforme envelhecemos, mesmo sem as crianças ".

Assim, ela argumenta que homens mais velhos são atraídos por mulheres mais jovens não apenas pela sua aparência, mas pelas suas libidos.

"Com uma diferença de idade de 20 anos, você tem as mulheres que têm o mesmo nível de interesse sexual dos homens", diz ela.

Catherine ainda defendeu que a prostituição seria uma forma de os homens terem relações com mais de uma parceira ao mesmo tempo:

"Há uma demanda adicional masculina por sexo e, de preferência, envolvendo múltiplos parceiros. Nas sociedades monogâmicas como a nossa,...


Veja o restante no link:

http://oglobo.globo.com/ela/gente/sociologa-defende-legalizacao-da-prostituicao-porque-os-homens-precisam-mais-de-sexo-17146502




Eu sou 100% favorável a liberalização da prostituição como negócio, como atividade econômica.  O indivíduo é que deve decidir  e não o Estado.



 

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 27.271
  • Sexo: Masculino
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #1 Online: 23 de Setembro de 2015, 08:28:33 »
Concordo.

E também deveria ser liberada a atividade empresarial neste ramo, com contratos formalizados, incluindo os direitos trabalhistas.
Foto USGS

Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.221
  • Sexo: Masculino
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #2 Online: 23 de Setembro de 2015, 08:45:50 »
Concordo.

E também deveria ser liberada a atividade empresarial neste ramo, com contratos formalizados, incluindo os direitos trabalhistas.



Sim, concordo plenamente.  No meu post anterior isto não tinha ficado explícito, mas já  incluía esta possibilidade. 



Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.221
  • Sexo: Masculino
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #3 Online: 23 de Setembro de 2015, 09:07:25 »
Prostitutas defendem legalização da profissão: "Estaríamos mais seguras"

Associações de garotas de programa gostariam de ver legislação aprovada antes da Copa

R7 Página Inicial

Carolina Martins, do R7, em Brasília
Associação de prostitutas de MG apoia a legalização da profissão

Aprosmig/Divulgação


As associações de prostitutas que lutam pelos direitos das garotas de programa torcem pela aprovação da lei que legaliza a profissão antes da Copa do Mundo. Elas dizem que se sentiram mais seguras com um amparo legal para se proteger de casos de exploração sexual.

O Projeto de Lei Gabriela Leite, de autoria do deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ), prevê a regularização dos profissionais de sexo, mas está parado na Câmara dos Deputados.

O texto estabelece, entre outras coisas, que um cliente que não pagar pelos serviços sexuais será enquadrado no crime de exploração sexual.

Leia mais notícias no R7

A coordenadora-geral da Apros-PB (Associação das Prostitutas da Paraíba), Luza Maria, diz que esse aspecto do projeto é importante porque, atualmente, as garotas de programa não podem reclamar se levarem um golpe.

— Se a prostituta vai fazer um programa e o cliente não quer pagar, isso seria resolvido com a lei. A gente até chama a polícia, mas tem que ser um policial muito tranquilo, com a cabeça muito aberta, para ajudar. Com a legalização, a gente vai se sentir uma profissional, como qualquer outra trabalhadora.

A prostituta Adriana Rios faz programas em Brasília há três anos e consegue se sustentar com os rendimentos. Ela conta que, além de poderem se resguardar de prejuízos financeiros, o projeto também é importante para garantir a integridade física das mulheres. Segundo Adriana, se uma prostituta é agredida durante o programa, nem na delegacia elas conseguem ser respeitadas.

— Muita mulher oculta um espancamento, um assalto, porque a gente é muito discriminada nas delegacias. Eu mesmo já apanhei durante um programa sem ter feito nada. Os caras chegam drogados e sabem que a gente não tem proteção na lei. Eu nem fui prestar queixa, porque sei que vou ser discriminada.

Situações de risco

Adriana também acredita que, durante a Copa, as prostitutas estarão mais vulneráveis e expostas a riscos. Segundo ela, por causa do Mundial os hotéis estarão muito mais caros e a ação policial nas ruas será mais efetiva, marginalizando as garotas de programa.

Além disso, ela pensa nos riscos de se envolver com os turistas estrangeiros sem nenhum respaldo legal que garanta a segurança dela.

— Tem o risco que a gente vai estar correndo por estar mexendo com pessoas de fora que a gente não conhece. Na rua, ocorre uma retirada das mulheres para não ficar feio para os turistas. Então, ficaria bem melhor para a gente se a lei nos amparasse.

Adriana também reclama do preconceito que sofre em instituições financeiras. Segundo ela, por mais que haja uma movimentação de R$ 10 mil por mês em sua conta corrente, ela não consegue crédito no banco porque não tem como comprovar renda. Para ela, com a profissão regulamentada, as prostitutas seriam mais respeitadas.

— Eu acho um pouco de discriminação a gente ter uma movimentação de dinheiro alta e não ter respeito no banco. Nas lojas, não aprovam as compras porque ninguém confia na origem do dinheiro. Eu sempre compro minhas coisas no nome dos outros.

Vergonha x legalização

Para a coordenadora do Apros-PB, contudo, a simples legalização da prostituição não vai acabar com o preconceito. Luza trabalha na prostituição há 25 anos e acredita que a discriminação vai sempre fazer parte da profissão.

— A gente acredita que o preconceito não vai acabar por conta da legalização, mas isso é um desafio. Existe preconceito entre as próprias prostitutas, isso a gente tem dentro de nós. Mas, é melhor ter uma profissão legalizada do que não ter.

Luza também alerta para resistência que vai haver entre as prostitutas que escondem o trabalho da família e dos amigos. Segundo ela, muitas mulheres não vão aceitar se regularizar para não assumir a profissão.

— Na zona, as meninas acham que vai ser difícil. Tem muitas que se escondem, por causa da família. Muitas são casadas e o marido não sabe da prostituição. A gente tem que trabalhar a questão da identidade, essa deve ser uma das dificuldades.

Para a presidente da Aprosmig (Associação de Prostitutas de Minas Gerais), Cida Vieira, essa questão é mais um ponto positivo da legalização da prostituição.

— A partir do momento que for legalizada, a prostituta vai ver que é uma profissão como outra qualquer e isso vai ajudar a diminuir a discriminação.

Veja as notícias do R7 na palma da mão. Assine o R7 Torpedo


http://noticias.r7.com/brasil/prostitutas-defendem-legalizacao-da-profissao-estariamos-mais-seguras-23032014



Concordo com as afirmações, elas estariam mais seguras pois assinar teriam direitos reconhecidos e poderiam assinar contratos e reclamar caso não fossem cumpridos.


 
« Última modificação: 23 de Setembro de 2015, 09:11:57 por JJ »

Offline Fabrício

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.131
  • Sexo: Masculino
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #4 Online: 23 de Setembro de 2015, 09:07:54 »
Também sou a favor da legalização.
"Deus prefere os ateus"

Offline Diegojaf

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 24.195
  • Sexo: Masculino
  • Bu...
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #5 Online: 23 de Setembro de 2015, 09:26:24 »
Prostituição não é ilegal.
"De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto." - Rui Barbosa

http://umzumbipordia.blogspot.com - Porque a natureza te odeia e a epidemia zumbi é só a cereja no topo do delicioso sundae de horror que é a vida.

Offline Dr. Manhattan

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.342
  • Sexo: Masculino
  • Malign Hypercognitive since 1973
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #6 Online: 23 de Setembro de 2015, 09:39:54 »
Prostituição não é ilegal.

Mas ela é regulamentada?
You and I are all as much continuous with the physical universe as a wave is continuous with the ocean.

Alan Watts

Offline Diegojaf

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 24.195
  • Sexo: Masculino
  • Bu...
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #7 Online: 23 de Setembro de 2015, 09:48:25 »
Prostituição não é ilegal.

Mas ela é regulamentada?

Vocês vivem batendo no Estado porque ele quer regulamentar tudo e agora querem que ele regulamente a prostituição?

Acho que é o campo onde a livre iniciativa e o empreendedorismo são mais valorizados. O combate eficiente ao rufianismo para manter a liberdade e o domínio sobre o próprio negócio é algo muito mais desejável.
"De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto." - Rui Barbosa

http://umzumbipordia.blogspot.com - Porque a natureza te odeia e a epidemia zumbi é só a cereja no topo do delicioso sundae de horror que é a vida.

Offline Entropia

  • Nível 20
  • *
  • Mensagens: 688
  • Sexo: Masculino
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #8 Online: 23 de Setembro de 2015, 11:50:50 »


"Tentar parar a prostituição através da criminalização é um completo desperdício de dinheiro público. Isso está fadado ao fracasso", disse Catherine, cujo livro anterior, The new rules: internet dating, playfairs and erotic power (As novas regras: encontros pela internet, casos rápidos e poder erótico), comparou os homens casados a "animais enjaulados".

Os Casados do fórum concordam?  :biglol:

Citar
"É uma diferença chocante: os homens são duas vezes mais interessados em sexo do que as mulheres, e isso acontece em todo o mundo. Pesquisas mostram que temos o déficit do sexo masculino na Suécia, França, Espanha, Japão e América do Sul".

"É em todos os grupos etários, mas assim que você chega aos 30, a diferença começa a crescer dramaticamente. Para muitas mulheres, a diminuição do interesse sexual está intimamente ligado a ter filhos e elas simplesmente não recuperam depois. Mas a evidência é que acontece conforme envelhecemos, mesmo sem as crianças ".

Assim, ela argumenta que homens mais velhos são atraídos por mulheres mais jovens não apenas pela sua aparência, mas pelas suas libidos.

Citation needed?

Citar
"Com uma diferença de idade de 20 anos, você tem as mulheres que têm o mesmo nível de interesse sexual dos homens", diz ela.

Catherine ainda defendeu que a prostituição seria uma forma de os homens terem relações com mais de uma parceira ao mesmo tempo:

"Há uma demanda adicional masculina por sexo e, de preferência, envolvendo múltiplos parceiros. Nas sociedades monogâmicas como a nossa,...

Então um dos principais motivos é ajudar os homens a pular a cerca de maneira mais segura e com algo regulamentado? Nossa!






Offline André Luiz

  • Nível 38
  • *
  • Mensagens: 3.637
  • Sexo: Masculino
    • Forum base militar
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #9 Online: 23 de Setembro de 2015, 11:51:22 »
Líbido duas vezes menor do que a dos homens?

Sempre foi dito o contrário, até os 30 anos uma mulher vai ter maiores chances  de engravidar, depois complica, nisso desencanam e passam a curtir mais a sexualidade

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.270
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #10 Online: 23 de Setembro de 2015, 11:53:38 »


"Tentar parar a prostituição através da criminalização é um completo desperdício de dinheiro público. Isso está fadado ao fracasso", disse Catherine, cujo livro anterior, The new rules: internet dating, playfairs and erotic power (As novas regras: encontros pela internet, casos rápidos e poder erótico), comparou os homens casados a "animais enjaulados".

Os Casados do fórum concordam?  :biglol:

Mentira seria dizer o contrário, que são animais livres na natureza...

Se motivar é um exercício diário e infindo.
« Última modificação: 23 de Setembro de 2015, 11:55:49 por Sergiomgbr »

Offline Brienne of Tarth

  • Nível 32
  • *
  • Mensagens: 2.223
  • Sexo: Feminino
  • Ave, Entropia, morituri te salutant
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #11 Online: 23 de Setembro de 2015, 11:55:56 »
Nada contra a prostituição, masculina ou feminina, mas as alegações da Dra. me parecem achismo, sem falar que não foi citada nenhuma fonte a embasar suas "conclusões".

Material similar aqui: http://www.palavrademedico.com.br/tema10.htm

GNOSE

Offline Entropia

  • Nível 20
  • *
  • Mensagens: 688
  • Sexo: Masculino
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #12 Online: 23 de Setembro de 2015, 12:02:57 »
Só 69% dos homens com disfunção erétil tem baixa auto-estima???  :|.

Offline Brienne of Tarth

  • Nível 32
  • *
  • Mensagens: 2.223
  • Sexo: Feminino
  • Ave, Entropia, morituri te salutant
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #13 Online: 23 de Setembro de 2015, 14:12:38 »
Entropia,

"algum grau", não quer dizer total, pois assim como ter disfunção erétil pode gerar baixa auto estima, vice versa.   
GNOSE

Offline Dr. Manhattan

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.342
  • Sexo: Masculino
  • Malign Hypercognitive since 1973
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #14 Online: 23 de Setembro de 2015, 16:00:16 »
Prostituição não é ilegal.

Mas ela é regulamentada?

Vocês vivem batendo no Estado porque ele quer regulamentar tudo e agora querem que ele regulamente a prostituição?

Acho que é o campo onde a livre iniciativa e o empreendedorismo são mais valorizados. O combate eficiente ao rufianismo para manter a liberdade e o domínio sobre o próprio negócio é algo muito mais desejável.

Ei, não aponte o dedo pra mim. Todo mundo sabe que sou um dos socialistas do CC. :)

Líbido duas vezes menor do que a dos homens?

Sempre foi dito o contrário, até os 30 anos uma mulher vai ter maiores chances  de engravidar, depois complica, nisso desencanam e passam a curtir mais a sexualidade

Concordo. Pelo que sei, as mulheres são tão interessadas em sexo quanto os homens, mas aprendem desde cedo a suprimir/esconder seu desejo. Mulheres quando se juntam para conversar costumam falar até mais sacanagem do que os homens.
You and I are all as much continuous with the physical universe as a wave is continuous with the ocean.

Alan Watts

Offline Brienne of Tarth

  • Nível 32
  • *
  • Mensagens: 2.223
  • Sexo: Feminino
  • Ave, Entropia, morituri te salutant
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #15 Online: 23 de Setembro de 2015, 17:31:19 »
Veja bem.

Não é difícil manipular um homem pelo desejo. Mas a armadilha desaba quando é só tesão. Homens gostam de estímulos nas duas cabeças...

Como disse Fernanda Montenegro: "beleza é bom nos primeiros 15 minutos, mas depois você precisa de algo mais para manter o interesse..."
GNOSE

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.270
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #16 Online: 23 de Setembro de 2015, 17:43:56 »
Veja bem.

Não é difícil manipular um homem pelo desejo. Mas a armadilha desaba quando é só tesão. Homens gostam de estímulos nas duas cabeças...

Como disse Fernanda Montenegro: "beleza é bom nos primeiros 15 minutos, mas depois você precisa de algo mais para manter o interesse..."
Sério? Então um cara como eu, liiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiindo e muito mais tá mesmo por riba da carne seca?
« Última modificação: 23 de Setembro de 2015, 17:46:13 por Sergiomgbr »

Offline Entropia

  • Nível 20
  • *
  • Mensagens: 688
  • Sexo: Masculino
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #17 Online: 23 de Setembro de 2015, 19:27:18 »
Entropia,

"algum grau", não quer dizer total, pois assim como ter disfunção erétil pode gerar baixa auto estima, vice versa.

Sei disso, só estava fazendo piada.

Concordo. Pelo que sei, as mulheres são tão interessadas em sexo quanto os homens, mas aprendem desde cedo a suprimir/esconder seu desejo. Mulheres quando se juntam para conversar costumam falar até mais sacanagem do que os homens.

Pois é, heh.Tem até um episódio de uma série, acho que é Friends, que a mulher do cara pergunta pra ele se nao comenta sobre as "fantasias" ou o que ele fazia na cama com ela pros amigos/melhor amigo. Ele faz uma cara de "WTF mulher?" "Porque eu vou comentar isso com o meu melhor amigo?"
« Última modificação: 23 de Setembro de 2015, 19:33:31 por Entropia »

Offline Dr. Manhattan

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.342
  • Sexo: Masculino
  • Malign Hypercognitive since 1973
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #18 Online: 23 de Setembro de 2015, 22:19:29 »
É aquela verdade que todo homem tem que aprender: se você tem uma esposa/namorada, então pode ter certeza de que todas as amigas dela já sabem o tamanho do seu pênis. :)
You and I are all as much continuous with the physical universe as a wave is continuous with the ocean.

Alan Watts

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 14.069
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #19 Online: 23 de Setembro de 2015, 23:46:33 »
1. Mulheres mentem.
2. Mulheres fingem.
3. Mulheres competem por genes.
4. Duas mulheres serão no máximo cúmplices, nunca verdadeiras amigas.

Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.221
  • Sexo: Masculino
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #20 Online: 24 de Setembro de 2015, 10:08:25 »
Prostituição não é ilegal.

Mas ela é regulamentada?

Vocês vivem batendo no Estado porque ele quer regulamentar tudo e agora querem que ele regulamente a prostituição?

Acho que é o campo onde a livre iniciativa e o empreendedorismo são mais valorizados. O combate eficiente ao rufianismo para manter a liberdade e o domínio sobre o próprio negócio é algo muito mais desejável.


O serviço de sexo e os negócios de sexo não deveriam ser criminalizados, da mesma forma que não é crime  fazer filmes pornôs.  Portanto o artigo 230 do CP que criminaliza os empreendimentos de sexo deveria ser revogado.



Rufianismo

É crime que consiste em tirar proveito da prostituição alheia, participando diretamente de seus lucros ou fazendo-se sustentar, no todo ou em parte, por quem a exerça. O rufião visa obter vantagem econômica reiterada em relação à prostituta ou prostitutas determinadas. Trata-se de crime habitual que só se configura pelo proveito reiterado nos lucros da vítima (homem ou mulher que exerce a prostituição).

Fundamentação:

Artigo 230 do Código Penal


 
« Última modificação: 24 de Setembro de 2015, 10:12:19 por JJ »

Offline Brienne of Tarth

  • Nível 32
  • *
  • Mensagens: 2.223
  • Sexo: Feminino
  • Ave, Entropia, morituri te salutant
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #21 Online: 24 de Setembro de 2015, 10:47:34 »
1. Mulheres mentem.
2. Mulheres fingem.
3. Mulheres competem por genes.
4. Duas mulheres serão no máximo cúmplices, nunca verdadeiras amigas.


Magoei.  :chorao:
GNOSE

Offline Terráqueo

  • Nível 16
  • *
  • Mensagens: 415
  • Sexo: Masculino
  • Não me acho um gênio, mas também não um jêneo.
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #22 Online: 24 de Setembro de 2015, 11:39:21 »
Acho que o Gigaview pode ter usado como fonte isso:

"A Terra é o berço da humanidade, mas ninguém pode viver no berço para sempre" - Konstantin Tsiolkovsky.

Offline _Juca_

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.390
  • Sexo: Masculino
  • Quem vê cara, não vê coração, fígado, estômago...
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #23 Online: 25 de Setembro de 2015, 11:04:17 »
Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais de sexo'

Socióloga inglesa Catherine Hakim colocou lenha na fogueira da discussão das diferenças entre homem e mulher quando o assunto é libido. Argumentando que há "um déficit do sexo masculino", ela acredita que é preciso não só legalizar a prostituição, mas encorajar as mulheres a ganhar dinheiro como isso enquanto elas ainda são "jovens e atraentes".

Catherine publicou suas opiniões em um estudo para o Institute of Economic Affairs.


"Tentar parar a prostituição através da criminalização é um completo desperdício de dinheiro público. Isso está fadado ao fracasso", disse Catherine, cujo livro anterior, The new rules: internet dating, playfairs and erotic power (As novas regras: encontros pela internet, casos rápidos e poder erótico), comparou os homens casados a "animais enjaulados".

"É uma diferença chocante: os homens são duas vezes mais interessados em sexo do que as mulheres, e isso acontece em todo o mundo. Pesquisas mostram que temos o déficit do sexo masculino na Suécia, França, Espanha, Japão e América do Sul".

"É em todos os grupos etários, mas assim que você chega aos 30, a diferença começa a crescer dramaticamente. Para muitas mulheres, a diminuição do interesse sexual está intimamente ligado a ter filhos e elas simplesmente não recuperam depois. Mas a evidência é que acontece conforme envelhecemos, mesmo sem as crianças ".

Assim, ela argumenta que homens mais velhos são atraídos por mulheres mais jovens não apenas pela sua aparência, mas pelas suas libidos.

"Com uma diferença de idade de 20 anos, você tem as mulheres que têm o mesmo nível de interesse sexual dos homens", diz ela.

Catherine ainda defendeu que a prostituição seria uma forma de os homens terem relações com mais de uma parceira ao mesmo tempo:

"Há uma demanda adicional masculina por sexo e, de preferência, envolvendo múltiplos parceiros. Nas sociedades monogâmicas como a nossa,...


Veja o restante no link:

http://oglobo.globo.com/ela/gente/sociologa-defende-legalizacao-da-prostituicao-porque-os-homens-precisam-mais-de-sexo-17146502




Eu sou 100% favorável a liberalização da prostituição como negócio, como atividade econômica.  O indivíduo é que deve decidir  e não o Estado.



 

Que merda de argumentação, prostituição deve ser livre só pra satisfazer os coitadinhos dos homens precisam mais de sexo do que as mulheres. Machismo wins.

Offline Lorentz

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.726
  • Sexo: Masculino
Re:Socióloga defende a legalização da prostituição porque 'os homens precisam mais
« Resposta #24 Online: 25 de Setembro de 2015, 13:10:23 »
Que merda de argumentação, prostituição deve ser livre só pra satisfazer os coitadinhos dos homens precisam mais de sexo do que as mulheres. Machismo wins.

Não pode haver prostituição masculina?
"Amy, technology isn't intrinsically good or bad. It's all in how you use it, like the death ray." - Professor Hubert J. Farnsworth

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!