Autor Tópico: Aquecimento global - contestação  (Lida 3363 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline Luiz Frajtag

  • Nível 00
  • *
  • Mensagens: 4
Aquecimento global - contestação
« Online: 16 de Novembro de 2015, 10:44:13 »
Este ensaio é baseado em relatos e enunciados científicos colhidos na Internet e que estão a disposição de todos.

Gostaria de receber críticas e opiniões dos membros deste Clube

A TERRA E A LEI DE LAVOISIER


A datação radiométrica permitiu aos cientistas calcular a idade da Terra. Há cerca de cinco bilhões de anos, a Terra era uma bola de fogo, constituída de elementos incandescentes. Pouco a pouco, nosso planeta começou a esfriar. Esse "pouco a pouco" levou bilhões de anos. Aos poucos, as rochas esfriaram e o mar arrefeceu, tornando possível o aparecimento das primeiras vidas aquáticas. Mais tarde, a vida surgiu também na terra firme, com ocorrência de plantas e animais superiores.

Hoje se prevê que daqui a cinco bilhões de anos o Sol vai se tornar uma estrela gigante vermelho e engolirá Mercúrio, Vênus e a Terra, talvez até Marte. Mas se isso não acontecer, ou se o gigante vermelho não for tão grande, a tendência final da Terra será tornar-se uma bola gelada, como outros inúmeros corpos celestes de nossa galáxia.   

A Terra é um sistema fechado. Qualquer variação de energia que acontece em uma região da Terra é compensada automaticamente em outra região, como nos vasos comunicantes. É só lembrar a Lei de Lavoisier da Conservação das Massas: Na Natureza nada se perde, nada se cria, tudo se transforma. É o que está acontecendo neste momento, com o aumento do gelo nos glaciais do Pólo Sul (Antártida) e o aquecimento no Pólo Norte (Ártico). É mais uma evidência de que o aquecimento global é uma teoria empírica sem embasamento científico.

A única maneira da Terra aumentar ou diminuir a sua temperatura como um todo seria um aumento ou diminuição da energia vinda do exterior, por exemplo, do Sol. Naturalmente, também poderia haver uma variação pela energia retida no planeta, seja no gelo, no CO2 ou nos fundos dos oceanos. Para isso, os dois fatores preponderantes são a quantidade de gelo (quanto mais gelo mais energia é refletida de volta para o espaço) e quantidade de CO2 (quanto mais CO2, mais a Terra consegue reter a energia recebida de fora). 

Porem sabemos que o gelo e o CO2 variaram ciclicamente desde muito antes da existência da raça humana e portanto a participação do Homem nesses ciclos foi desprezível.

Resumindo, variações na energia que recebemos do Sol e variações naturais na capacidade da Terra de reter essa energia foram os prováveis responsáveis pelo o que deve ter acontecido ao longo dos últimos tempos com as eras glaciais ou períodos mais quentes da Terra. 

Offline Lorentz

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.735
  • Sexo: Masculino
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #1 Online: 16 de Novembro de 2015, 11:00:21 »
Olá, seja bem vindo.

Citar
É o que está acontecendo neste momento, com o aumento do gelo nos glaciais do Pólo Sul (Antártida) e o aquecimento no Pólo Norte (Ártico). É mais uma evidência de que o aquecimento global é uma teoria empírica sem embasamento científico.

Mas na média a Terra está perdendo área de gelo E massa de gelo. Muitas vezes há um pequeno aumento da ÁREA de gelo na Antártica, mas a MASSA continua diminuindo (a espessura da camada de gelo está reduzindo).

Citar
A Terra é um sistema fechado.

Só se desconsiderar o Sol.
"Amy, technology isn't intrinsically good or bad. It's all in how you use it, like the death ray." - Professor Hubert J. Farnsworth

Offline Dr. Manhattan

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.342
  • Sexo: Masculino
  • Malign Hypercognitive since 1973
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #2 Online: 16 de Novembro de 2015, 11:01:59 »
A participação do homem foi desprezível.

Hoje não é mais. E a prova disso é justamente o aquecimento global antropogênico.
You and I are all as much continuous with the physical universe as a wave is continuous with the ocean.

Alan Watts

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 38.032
  • Sexo: Masculino
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #3 Online: 16 de Novembro de 2015, 11:09:47 »
Tem algo nessas argumentações que sempre me soa algo como, "o que os defensores das vacinas não levam em consideração é que os vírus, tal como os cromossomos do ser humano, são constituídos por genes".

Será que a larga maioria dos cientistas está tão por fora assim? Sério, não sei se está nesse texto, mas já vi a contestação de que "o maior gás de efeito estufa é o vapor d'água". Então os cientistas talvez só não admitam o erro para não ficar com vergonha. "Putz, isso muda tudo, simplesmente deixamos de levar em consideração a composição da atmosfera nos nossos modelos climáticos. Foi mal".

Offline Dr. Manhattan

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 8.342
  • Sexo: Masculino
  • Malign Hypercognitive since 1973
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #4 Online: 16 de Novembro de 2015, 11:14:30 »
Tem algo nessas argumentações que sempre me soa algo como, "o que os defensores das vacinas não levam em consideração é que os vírus, tal como os cromossomos do ser humano, são constituídos por genes".

Será que a larga maioria dos cientistas está tão por fora assim? Sério, não sei se está nesse texto, mas já vi a contestação de que "o maior gás de efeito estufa é o vapor d'água". Então os cientistas talvez só não admitam o erro para não ficar com vergonha. "Putz, isso muda tudo, simplesmente deixamos de levar em consideração a composição da atmosfera nos nossos modelos climáticos. Foi mal".

Pois é. O argumento de autoridade deixa de ser uma falácia quando se trata de uma discussão técnica envolvendo uma autoridade de fato.
You and I are all as much continuous with the physical universe as a wave is continuous with the ocean.

Alan Watts

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 38.032
  • Sexo: Masculino
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #5 Online: 16 de Novembro de 2015, 12:30:34 »
Não vi a minha colocação exatamente como "argumento de autoridade", ainda que ache que "autoridade" vale sim no mínimo como "heurística" para qualquer coisa sobre você não tenha disposição em se aprofundar mais.

O ponto é mais "será possível que os pesquisadores deixam mesmo de levar em consideração pontos tão BÁSICOS do que eles mesmos pesquisam?"


De vez em quando pode até algo se aproximar um pouco disso, ainda que geralmente algo um pouco mais sofisticado e mais propenso a passar batido. Mas em situações como essa. Putz, pelo amor de Vênus. Será que paleoclimatologistas não teriam lembrado os "neo"-climatologistas de que, aham, o ser humano só existe mais recentemente e já houve drásticas mudanças climáticas antes que ele pudesse interferir, e que se poderia então estudar as variáveis de então e tudo mais?

Offline Luiz Frajtag

  • Nível 00
  • *
  • Mensagens: 4
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #6 Online: 16 de Novembro de 2015, 12:33:20 »
Respondendo às contestações, vejam o link abaixo em que um importante órgão mundial, a NASA colocou um relatório que confirma que os glaciais da Antártida estão aumentando nos últimos anos. E como no Ártico está se aquecendo, existe uma compensação. As águas evaporadas no Polo Norte vão ocasionar chuva no Polo Sul, aumentando os glaciais.
 

http://www1.folha.uol.com.br/ambiente/2015/11/1702422-antartida-esta-ganhando-gelo-nao-perdendo-afirma-estudo-da-nasa.shtml?cmpid=newsfolha

Quando falo que a Terra é um sistema fechado, é claro que não estou incluindo o Sol, senão diria sistema solar. Na realidade a Terra, segundo Lavoisier se auto-regula.

Offline Lorentz

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.735
  • Sexo: Masculino
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #7 Online: 16 de Novembro de 2015, 13:14:30 »
Na realidade a Terra, segundo Lavoisier se auto-regula.

E a regulagem "ótima" é aquela com todo o dióxido de carbono que foi aprisionado no solo na forma de petróleo e carvão solto na atmosfera na forma de gás, com a temperatura acima da atual, como era há 300 milhões de anos. O problema é que evoluímos e construímos toda nossa civilização com o dióxido de carbono no chão, e não no ar.
"Amy, technology isn't intrinsically good or bad. It's all in how you use it, like the death ray." - Professor Hubert J. Farnsworth

Offline Lorentz

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.735
  • Sexo: Masculino
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #8 Online: 16 de Novembro de 2015, 13:19:32 »
Quanto à perda de gelo:
http://earthobservatory.nasa.gov/IOTD/view.php?id=85246



Na média está caindo. Não adianta dizer que perde no Ártico e ganha na Antártica, quando a perda ainda é maior que o ganho. Não é soma zero, não é auto regulagem.
"Amy, technology isn't intrinsically good or bad. It's all in how you use it, like the death ray." - Professor Hubert J. Farnsworth

Offline Luiz Frajtag

  • Nível 00
  • *
  • Mensagens: 4
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #9 Online: 16 de Novembro de 2015, 15:58:20 »
Caro Lorentz, não vou me alongar mais, pois tudo já foi dito, mas só quero salientar:

1) O relatório da NASA cujo link forneci é bem recente e causou surpresa ao IPCC, pois a NASA foi sempre defensor da CAUSA dos pró AGA. O setor que está crescendo na Antártida  represa mais de 80% da água doce da Terra.

2) A Lei de Lavoisier de Conservação das Massas diz que em um sistema fechado "Nada de Perde, Nada se Cria, Tudo se Transforma". Essa lei quer dizer que a Terra como um todo, se auto-regula em termos de energia.

3) Somente uma atuação externa, do Sol ou de um meteoro caindo na Terra pode alterar a situação energética da Terra. Somente a atuação externa pode criar uma nova era glacial, ou uma era mais aquecida, mas já aconteceram diversas vezes na Terra, sem a participação do Homem. E ao que tudo indica estamos diante do inicio de uma nova Era Glacial.

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.220
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #10 Online: 16 de Novembro de 2015, 16:03:59 »
Caro Lorentz, não vou me alongar mais, pois tudo já foi dito, mas só quero salientar:

1) O relatório da NASA cujo link forneci é bem recente e causou surpresa ao IPCC, pois a NASA foi sempre defensor da CAUSA dos pró AGA. O setor que está crescendo na Antártida  represa mais de 80% da água doce da Terra.

2) A Lei de Lavoisier de Conservação das Massas diz que em um sistema fechado "Nada de Perde, Nada se Cria, Tudo se Transforma". Essa lei quer dizer que a Terra como um todo, se auto-regula em termos de energia.

3) Somente uma atuação externa, do Sol ou de um meteoro caindo na Terra pode alterar a situação energética da Terra. Somente a atuação externa pode criar uma nova era glacial, ou uma era mais aquecida, mas já aconteceram diversas vezes na Terra, sem a participação do Homem. E ao que tudo indica estamos diante do inicio de uma nova Era Glacial.
Claro, também nem se forem detonadas algumas bombinhas nucleares...
Até onde eu sei eu não sei.

Offline Lorentz

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.735
  • Sexo: Masculino
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #11 Online: 16 de Novembro de 2015, 16:19:17 »
Caro Lorentz, não vou me alongar mais, pois tudo já foi dito, mas só quero salientar:

1) O relatório da NASA cujo link forneci é bem recente e causou surpresa ao IPCC, pois a NASA foi sempre defensor da CAUSA dos pró AGA. O setor que está crescendo na Antártida  represa mais de 80% da água doce da Terra.

2) A Lei de Lavoisier de Conservação das Massas diz que em um sistema fechado "Nada de Perde, Nada se Cria, Tudo se Transforma". Essa lei quer dizer que a Terra como um todo, se auto-regula em termos de energia.

3) Somente uma atuação externa, do Sol ou de um meteoro caindo na Terra pode alterar a situação energética da Terra. Somente a atuação externa pode criar uma nova era glacial, ou uma era mais aquecida, mas já aconteceram diversas vezes na Terra, sem a participação do Homem. E ao que tudo indica estamos diante do inicio de uma nova Era Glacial.

Dizer que a Terra se auto regula é muito vago. Qual é o ponto ótimo? Venus tem bastante gás do efeito estufa e se regula à quase 500 graus. Plutão se regula a quase zero absoluto. Portanto, dizer que o planeta se auto regula não diz absolutamente nada.
"Amy, technology isn't intrinsically good or bad. It's all in how you use it, like the death ray." - Professor Hubert J. Farnsworth

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 28.193
  • Sexo: Masculino
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #12 Online: 16 de Novembro de 2015, 16:31:34 »
[...]
2) A Lei de Lavoisier de Conservação das Massas diz que em um sistema fechado "Nada de Perde, Nada se Cria, Tudo se Transforma". Essa lei quer dizer que a Terra como um todo, se auto-regula em termos de energia.
[...]

A Terra não é um sistema fechado.

Ela recebe energia do Sol e massa de asteróides e meteoritos e perde energia (calor) pelos vulcões isolados e pelas dorsais meso-oceânicas.


3) Somente uma atuação externa, do Sol ou de um meteoro caindo na Terra pode alterar a situação energética da Terra.

Não.

A Terra perde calor pelos vulcões e pelas dorsais, como já escrevi anteriormente. Em algum momento cessará a produção de energia pelo decaimento radioativo no manto, o que acabará com as correntes de convecção nele e com a Tectônica de Placas que temos hoje. Com isto também cessará (ou diminuirá muito) a produção de energia pelo atrito na interface astenosfera-manto.


Somente a atuação externa pode criar uma nova era glacial, ou uma era mais aquecida,

Não.

A mudança na posição dos continentes e nas correntes termo-halinas, combinadas com atividade vulcânica fissural, pode alterar o clima dramaticamente.


mas já aconteceram diversas vezes na Terra, sem a participação do Homem.

Sem dúvida.

Mas isto não significa que a influência humana seja desprezível hoje.


E ao que tudo indica estamos diante do inicio de uma nova Era Glacial.

Mas se não observamos nenhuma alteração na atividade solar; não fomos atingidos por nenhum corpo celeste de massa expressiva e não há nenhum registro de mudança significativa no fluxo térmico do manto em escala mundial, como você pode afirmar que estamos em uma nova era glacial, se não há nenhuma influência externa, que é decisiva, segundo as suas palavras?
« Última modificação: 16 de Novembro de 2015, 16:45:32 por Geotecton »
Foto USGS

Rhyan

  • Visitante
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #13 Online: 16 de Novembro de 2015, 17:15:27 »
Este ensaio é baseado em relatos e enunciados científicos colhidos na Internet e que estão a disposição de todos.

???

Não é baseado em nenhum estudo, paper ou publicação científica?

Rhyan

  • Visitante
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #14 Online: 16 de Novembro de 2015, 17:16:48 »

Offline Lorentz

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.735
  • Sexo: Masculino
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #15 Online: 16 de Novembro de 2015, 17:20:22 »
"Amy, technology isn't intrinsically good or bad. It's all in how you use it, like the death ray." - Professor Hubert J. Farnsworth

Offline Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.220
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #16 Online: 16 de Novembro de 2015, 17:24:26 »
E tem a teoria do Caos também;" Um farfalhar de asas de uma borboleta em Itapecirica pode fazer minha tia Cornélia triplicar sua fortuna"
Até onde eu sei eu não sei.

Rhyan

  • Visitante

Offline Luiz Frajtag

  • Nível 00
  • *
  • Mensagens: 4
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #18 Online: 16 de Novembro de 2015, 19:03:53 »
Eu entrei no clube errado. Com esse título Clube de Céticos, eu tinha entendido que a finalidade entre outras era a de contestar o AGA. Foi com essa finalidade que eu entrei, tentando pegar adeptos para a minha contestação. Dessa maneira é essa a última mensagem que eu coloco.

Antes porem vou colocar mais uma relato tirado do Blog do Rodrigo Constantino:

Nada como a ironia do destino, ou como os duros fatos da realidade para derrubar, na prática, as teorias. Um time liderado pelo cientista Chris Turney estava tentando documentar as “mudanças climáticas” no Antártico, na expectativa de mostrar o derretimento das geleiras. Essa era sua previsão documentada em entrevistas.
Seu navio, MV Akademik Schokalskiy, acabou preso nas geleiras do polo, com espessura bem maior do que a esperada. Tiveram que pedir resgate às 5 horas da madrugada do dia de Natal, após ficarem presos no gelo. O navio Aurora Australis, para a retaguarda do grupo, tampouco conseguiu atravessar a barreira de gelo.
Eis o reseumo da história: cientistas partem para o Antártico em busca de evidências do derretimento de geleiras e acabam sendo forçados a abandonar a expedição… pois ficaram presos em enormes geleiras! Algo incomum nessa época do ano.


Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 38.032
  • Sexo: Masculino
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #19 Online: 16 de Novembro de 2015, 19:10:39 »
O "ceticismo" de "céticos do aquecimento global" muitas vezes é como "científico" de "criacionismo científico".

Inicialmente pode ser um ceticismo legítimo, é natural. Mas só se continua "cético" com leitura bem seletiva.

(Ou, seletiva de menos; geralmente não gosto de ver nada sobre ciências em jornais e revistas não-especializadas, são muito mais propensos a sensacionalismo que, também contribui para um ceticismo razoável, mas que pode estar em algo equivocado).

Offline Lorentz

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.735
  • Sexo: Masculino
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #20 Online: 16 de Novembro de 2015, 19:37:09 »
Eu entrei no clube errado. Com esse título Clube de Céticos, eu tinha entendido que a finalidade entre outras era a de contestar o AGA. Foi com essa finalidade que eu entrei, tentando pegar adeptos para a minha contestação. Dessa maneira é essa a última mensagem que eu coloco.

Antes porem vou colocar mais uma relato tirado do Blog do Rodrigo Constantino:

Nada como a ironia do destino, ou como os duros fatos da realidade para derrubar, na prática, as teorias. Um time liderado pelo cientista Chris Turney estava tentando documentar as “mudanças climáticas” no Antártico, na expectativa de mostrar o derretimento das geleiras. Essa era sua previsão documentada em entrevistas.
Seu navio, MV Akademik Schokalskiy, acabou preso nas geleiras do polo, com espessura bem maior do que a esperada. Tiveram que pedir resgate às 5 horas da madrugada do dia de Natal, após ficarem presos no gelo. O navio Aurora Australis, para a retaguarda do grupo, tampouco conseguiu atravessar a barreira de gelo.
Eis o reseumo da história: cientistas partem para o Antártico em busca de evidências do derretimento de geleiras e acabam sendo forçados a abandonar a expedição… pois ficaram presos em enormes geleiras! Algo incomum nessa época do ano.



Quanto à perda de gelo:
http://earthobservatory.nasa.gov/IOTD/view.php?id=85246



Na média está caindo. Não adianta dizer que perde no Ártico e ganha na Antártica, quando a perda ainda é maior que o ganho. Não é soma zero, não é auto regulagem.
"Amy, technology isn't intrinsically good or bad. It's all in how you use it, like the death ray." - Professor Hubert J. Farnsworth

Offline Lorentz

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.735
  • Sexo: Masculino
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #21 Online: 16 de Novembro de 2015, 19:40:38 »
Seu navio, MV Akademik Schokalskiy, acabou preso nas geleiras do polo, com espessura bem maior do que a esperada. Tiveram que pedir resgate às 5 horas da madrugada do dia de Natal, após ficarem presos no gelo. O navio Aurora Australis, para a retaguarda do grupo, tampouco conseguiu atravessar a barreira de gelo.
Eis o reseumo da história: cientistas partem para o Antártico em busca de evidências do derretimento de geleiras e acabam sendo forçados a abandonar a expedição… pois ficaram presos em enormes geleiras! Algo incomum nessa época do ano.

Quer dizer que o aquecimento global é totalmente mentira porque um barco ficou encalhado em mais gelo que o normal?

Antes de abandonar o fórum de vez, pense no termo "global" do aquecimento global, e note que "global" e diferente de "local", e leva em consideração a média.
"Amy, technology isn't intrinsically good or bad. It's all in how you use it, like the death ray." - Professor Hubert J. Farnsworth

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 28.193
  • Sexo: Masculino
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #22 Online: 16 de Novembro de 2015, 19:55:36 »
Eu entrei no clube errado. Com esse título Clube de Céticos, eu tinha entendido que a finalidade entre outras era a de contestar o AGA. Foi com essa finalidade que eu entrei, tentando pegar adeptos para a minha contestação.

E você pode contestá-la, sem problema algum.

Apresente dados científicos em séries históricas que contestem a hipótese de aquecimento global com contribuição humana significativa.

A partir disto, podemos discutir.


Dessa maneira é essa a última mensagem que eu coloco.

Entendido.


Antes porem vou colocar mais uma relato tirado do Blog do Rodrigo Constantino:

Nada como a ironia do destino, ou como os duros fatos da realidade para derrubar, na prática, as teorias. Um time liderado pelo cientista Chris Turney estava tentando documentar as “mudanças climáticas” no Antártico, na expectativa de mostrar o derretimento das geleiras. Essa era sua previsão documentada em entrevistas.
Seu navio, MV Akademik Schokalskiy, acabou preso nas geleiras do polo, com espessura bem maior do que a esperada. Tiveram que pedir resgate às 5 horas da madrugada do dia de Natal, após ficarem presos no gelo. O navio Aurora Australis, para a retaguarda do grupo, tampouco conseguiu atravessar a barreira de gelo.
Eis o reseumo da história: cientistas partem para o Antártico em busca de evidências do derretimento de geleiras e acabam sendo forçados a abandonar a expedição… pois ficaram presos em enormes geleiras! Algo incomum nessa época do ano.

E?
Foto USGS

Offline Fabrício

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.248
  • Sexo: Masculino
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #23 Online: 16 de Novembro de 2015, 19:57:03 »
Eu entrei no clube errado. Com esse título Clube de Céticos, eu tinha entendido que a finalidade entre outras era a de contestar o AGA. Foi com essa finalidade que eu entrei, tentando pegar adeptos para a minha contestação. Dessa maneira é essa a última mensagem que eu coloco.

Veio em um fórum cético arrebanhar adeptos para a sua causa?  :o

Não me parece o público mais indicado...


Antes porem vou colocar mais uma relato tirado do Blog do Rodrigo Constantino:

Nada como a ironia do destino, ou como os duros fatos da realidade para derrubar, na prática, as teorias. Um time liderado pelo cientista Chris Turney estava tentando documentar as “mudanças climáticas” no Antártico, na expectativa de mostrar o derretimento das geleiras. Essa era sua previsão documentada em entrevistas.
Seu navio, MV Akademik Schokalskiy, acabou preso nas geleiras do polo, com espessura bem maior do que a esperada. Tiveram que pedir resgate às 5 horas da madrugada do dia de Natal, após ficarem presos no gelo. O navio Aurora Australis, para a retaguarda do grupo, tampouco conseguiu atravessar a barreira de gelo.
Eis o reseumo da história: cientistas partem para o Antártico em busca de evidências do derretimento de geleiras e acabam sendo forçados a abandonar a expedição… pois ficaram presos em enormes geleiras! Algo incomum nessa época do ano.

Hoje fui almoçar no restaurante que usualmente eu frequento e vieram 4 pedras de gelo no suco ao invés de 3... realmente, não há como negar que o gelo está aumentando na Terra.
"Deus prefere os ateus"

Offline Pedro Reis

  • Nível 38
  • *
  • Mensagens: 3.797
Re:Aquecimento global - contestação
« Resposta #24 Online: 16 de Novembro de 2015, 23:59:04 »
Eu acho que o que torna este tipo de negacionismo mais complicado outros negacionismos como o criacionismo, negacionistas do holocausto, etc... é o problema da experiência pessoal e direta.

Se você conversar com qualquer pessoa com mais de 30, chegando talvez na casa dos 40, de qualquer lugar que seja esta pessoa, deste ou de outro continente, é bem provável que ela lhe diga que o clima onde ela vive está hoje mais quente do que era na sua infância.

E até mesmo os mais jovens sabem disso de ouvir dizer do seus próprios pais.

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!