Autor Tópico: Bolsonaro  (Lida 53680 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline Lorentz

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.726
  • Sexo: Masculino
Re:Bolsonaro
« Resposta #675 Online: 25 de Agosto de 2017, 15:42:53 »

Nando Moura falou sobre essa treta, mas me chamou atenção uma coisa, ele disse que "Privatização não é bom num país com economia fraca porque que ta desesperado pra vender aceita qualquer quantia e condição pra se livrar (vender) a propriedade". Vocês que dizem entender mais de economia acham que ele tá certo nisso?

Muitas vezes o motivo da economia estar fraca é o excesso de estatais ineficientes e caras, servindo de fonte de propina. Então privatizar é sempre bom. Não é o dinheiro obtido pela venda que importa, e sim o resultado de longo prazo.

Falam mal das privatizações das teles mas hoje você consegue em alguns minutos comprar um chip de celular por 10 reais. Antigamente demorava anos e custava milhares de reais uma linha.

"Ah, mas às vezes o sinal do celular não pega". Como se antes não tivéssemos que esperar vários minutos para "dar linha" nos fixos e poder usar.
"Amy, technology isn't intrinsically good or bad. It's all in how you use it, like the death ray." - Professor Hubert J. Farnsworth

Offline Fabrício

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.122
  • Sexo: Masculino
Re:Bolsonaro
« Resposta #676 Online: 25 de Agosto de 2017, 16:18:12 »

Nando Moura falou sobre essa treta, mas me chamou atenção uma coisa, ele disse que "Privatização não é bom num país com economia fraca porque que ta desesperado pra vender aceita qualquer quantia e condição pra se livrar (vender) a propriedade". Vocês que dizem entender mais de economia acham que ele tá certo nisso?

Muitas vezes o motivo da economia estar fraca é o excesso de estatais ineficientes e caras, servindo de fonte de propina. Então privatizar é sempre bom. Não é o dinheiro obtido pela venda que importa, e sim o resultado de longo prazo.

Falam mal das privatizações das teles mas hoje você consegue em alguns minutos comprar um chip de celular por 10 reais. Antigamente demorava anos e custava milhares de reais uma linha.

"Ah, mas às vezes o sinal do celular não pega". Como se antes não tivéssemos que esperar vários minutos para "dar linha" nos fixos e poder usar.

A memória das pessoas é curta, ou elas são jovens demais, ou são canalhas demais, ou crentes demais para se lembrarem de como era a telefonia estatal. Ou outras pérolas como a reserva de mercado da informática.
"Deus prefere os ateus"

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 27.269
  • Sexo: Masculino
Re:Bolsonaro
« Resposta #677 Online: 25 de Agosto de 2017, 16:40:33 »

Nando Moura falou sobre essa treta, mas me chamou atenção uma coisa, ele disse que "Privatização não é bom num país com economia fraca porque que ta desesperado pra vender aceita qualquer quantia e condição pra se livrar (vender) a propriedade". Vocês que dizem entender mais de economia acham que ele tá certo nisso?

Muitas vezes o motivo da economia estar fraca é o excesso de estatais ineficientes e caras, servindo de fonte de propina. Então privatizar é sempre bom. Não é o dinheiro obtido pela venda que importa, e sim o resultado de longo prazo.

Falam mal das privatizações das teles mas hoje você consegue em alguns minutos comprar um chip de celular por 10 reais. Antigamente demorava anos e custava milhares de reais uma linha.

"Ah, mas às vezes o sinal do celular não pega". Como se antes não tivéssemos que esperar vários minutos para "dar linha" nos fixos e poder usar.
A memória das pessoas é curta, ou elas são jovens demais, ou são canalhas demais, ou crentes demais para se lembrarem de como era a telefonia estatal. Ou outras pérolas como a reserva de mercado da informática.

Voto com o relator.
Foto USGS

Offline Skeptikós

  • Nível 39
  • *
  • Mensagens: 4.083
  • Sexo: Masculino
  • Séxtos Empeirikós
Re:Bolsonaro
« Resposta #678 Online: 25 de Agosto de 2017, 18:06:56 »
Homicídio intencional praticado esta semana aqui em Goiânia,  um adolescente de 13 anos matou com total frieza uma adolescente de 14 anos que morava no mesmo prédio e estudava no mesmo colégio.


Em 2014 o Aécio defendia reduzir a maioridade penal, mas foi massacrado por isso. É um assunto delicado. Espero que a população esteja mais vacinada e pronta para tomar essa decisão.
Creio que a população em geral apoia a redução da maioridade penal, apenas os esquerdistas mais extremistas é que veem isso como um absurdo (novamente creio eu que esquerdistas moderados podem discordar, mas não vêem como absurdo).
"Che non men che saper dubbiar m'aggrada."
"E, não menos que saber, duvidar me agrada."

Dante, Inferno, XI, 93; cit. p/ Montaigne, Os ensaios, Uma seleção, I, XXV, p. 93; org. de M. A. Screech, trad. de Rosa Freire D'aguiar

Offline Agnoscetico

  • Nível 35
  • *
  • Mensagens: 2.985
  • Sexo: Masculino
Re:Bolsonaro
« Resposta #679 Online: 26 de Agosto de 2017, 02:01:40 »


Tinha o round 2 de Malafaia x Bolsonaro

<a href="https://www.youtube.com/v/eAA5IimDn6Y" target="_blank" class="new_win">https://www.youtube.com/v/eAA5IimDn6Y</a>


Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.194
  • Sexo: Masculino
Re:Bolsonaro
« Resposta #680 Online: 26 de Agosto de 2017, 06:22:18 »

Nando Moura falou sobre essa treta, mas me chamou atenção uma coisa, ele disse que "Privatização não é bom num país com economia fraca porque que ta desesperado pra vender aceita qualquer quantia e condição pra se livrar (vender) a propriedade". Vocês que dizem entender mais de economia acham que ele tá certo nisso?

Muitas vezes o motivo da economia estar fraca é o excesso de estatais ineficientes e caras, servindo de fonte de propina. Então privatizar é sempre bom. Não é o dinheiro obtido pela venda que importa, e sim o resultado de longo prazo.

Falam mal das privatizações das teles mas hoje você consegue em alguns minutos comprar um chip de celular por 10 reais. Antigamente demorava anos e custava milhares de reais uma linha.

"Ah, mas às vezes o sinal do celular não pega". Como se antes não tivéssemos que esperar vários minutos para "dar linha" nos fixos e poder usar.

A memória das pessoas é curta, ou elas são jovens demais, ou são canalhas demais, ou crentes demais para se lembrarem de como era a telefonia estatal. Ou outras pérolas como a reserva de mercado da informática.



Neste caso específico da privatização das teles o senso comum já parece ser suficiente para perceber e dar o parecer de que foi uma experiência suficientemente positiva para a maioria da população, entretanto isto não significa que qualquer privatização de qualquer estatal sempre dará resultados suficientemente positivo para a maioria da população.


Um caso específico no qual não vejo provas de que haverá algum resultado significativamente positivo para a maioria da população é o caso de uma possível privatização da Petrobras.


Nenhum apologista da privatização da Petrobras mostrou provas de que haverá resultado significativamente positivo para a maioria da população.


Sem a apresentação disso, tal defesa seria um mero julgamento de valor pessoal, algo do tipo: "é porque eu gosto de privatização e pronto e acabou."


 
« Última modificação: 26 de Agosto de 2017, 07:57:39 por JJ »

Offline Lorentz

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.726
  • Sexo: Masculino
Re:Bolsonaro
« Resposta #681 Online: 26 de Agosto de 2017, 11:48:28 »

Nando Moura falou sobre essa treta, mas me chamou atenção uma coisa, ele disse que "Privatização não é bom num país com economia fraca porque que ta desesperado pra vender aceita qualquer quantia e condição pra se livrar (vender) a propriedade". Vocês que dizem entender mais de economia acham que ele tá certo nisso?

Muitas vezes o motivo da economia estar fraca é o excesso de estatais ineficientes e caras, servindo de fonte de propina. Então privatizar é sempre bom. Não é o dinheiro obtido pela venda que importa, e sim o resultado de longo prazo.

Falam mal das privatizações das teles mas hoje você consegue em alguns minutos comprar um chip de celular por 10 reais. Antigamente demorava anos e custava milhares de reais uma linha.

"Ah, mas às vezes o sinal do celular não pega". Como se antes não tivéssemos que esperar vários minutos para "dar linha" nos fixos e poder usar.

A memória das pessoas é curta, ou elas são jovens demais, ou são canalhas demais, ou crentes demais para se lembrarem de como era a telefonia estatal. Ou outras pérolas como a reserva de mercado da informática.



Neste caso específico da privatização das teles o senso comum já parece ser suficiente para perceber e dar o parecer de que foi uma experiência suficientemente positiva para a maioria da população, entretanto isto não significa que qualquer privatização de qualquer estatal sempre dará resultados suficientemente positivo para a maioria da população.


Um caso específico no qual não vejo provas de que haverá algum resultado significativamente positivo para a maioria da população é o caso de uma possível privatização da Petrobras.


Nenhum apologista da privatização da Petrobras mostrou provas de que haverá resultado significativamente positivo para a maioria da população.


Sem a apresentação disso, tal defesa seria um mero julgamento de valor pessoal, algo do tipo: "é porque eu gosto de privatização e pronto e acabou."


 

O Petrolão e seu propinoduto me parece ser uma prova de que a estatal deve ser tirada das mãos dos políticos. Os prejuízos cobertos com nosso dinheiro e uma das gasolinas mais caras do mundo me parece ser outra prova.
"Amy, technology isn't intrinsically good or bad. It's all in how you use it, like the death ray." - Professor Hubert J. Farnsworth

Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.194
  • Sexo: Masculino
Re:Bolsonaro
« Resposta #682 Online: 26 de Agosto de 2017, 12:28:37 »

O Petrolão e seu propinoduto me parece ser uma prova de que a estatal deve ser tirada das mãos dos políticos. Os prejuízos cobertos com nosso dinheiro e uma das gasolinas mais caras do mundo me parece ser outra prova.


A gasolina é um pouco cara devido a tributos e não devido ao preço praticado pela Petrobras,  a qual inclusive já vendeu abaixo do preço internacional por um bom período. 

A existência do Petrolão  não faz com que atualmente seja produzida alguma vantagem concreta, real e significativa  para a maioria dos brasileiros caso a Petrobras fosse ser  privatizada atualmente.

Você  ainda não apresentou sequer uma vantagem concreta, real  e significativa  que a privatização da Petrobras  comprovadamente traria para a grande maioria dos brasileiros se esta fosse feita atualmente.

Até agora os apologistas só tem o seu próprio julgamento de valor:  "Eu acho que a Petrobras deve ser privatizada porque eu gosto e fico feliz com privatização, privatização da Petrobras é felicidade"     


 :biglol:


Até agora não passou disso.     :D





« Última modificação: 26 de Agosto de 2017, 12:34:25 por JJ »

Offline Vithor

  • Nível 11
  • *
  • Mensagens: 159
Re:Bolsonaro
« Resposta #683 Online: 27 de Agosto de 2017, 22:56:26 »
Fazendo um Gancho ao assunto inicial da conversa ( Bolsonaro )  Como ele iria comandar o estado, visto que até hoje não tem nenhum apoio na câmara?
Será que o Brasil não iria parar que nem aquela vez com o Obama, em que a Casa Blanca ( Sacaram o trocadilho? :histeria:), parou?

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 14.055
Re:Bolsonaro
« Resposta #684 Online: 27 de Agosto de 2017, 23:14:54 »
O Bolsonaro não precisa do apoio na Câmara, só precisa apoio das Forças Armadas, que ele já tem, para dissolver a Câmara e o Senado e botar todo mundo na cadeia.

Offline Vithor

  • Nível 11
  • *
  • Mensagens: 159
Re:Bolsonaro
« Resposta #685 Online: 27 de Agosto de 2017, 23:24:43 »
O Bolsonaro não precisa do apoio na Câmara, só precisa apoio das Forças Armadas, que ele já tem, para dissolver a Câmara e o Senado e botar todo mundo na cadeia.

Me parece um bom plano.

Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.194
  • Sexo: Masculino
Re:Bolsonaro
« Resposta #686 Online: 28 de Agosto de 2017, 07:27:31 »
O Bolsonaro não precisa do apoio na Câmara, só precisa apoio das Forças Armadas, que ele já tem, para dissolver a Câmara e o Senado e botar todo mundo na cadeia.

Me parece um bom plano.


Afora o fato de que um atentado contra a ordem constitucional e o Estado democrático de direito é um crime imprescritível, e que  certamente não há apoio suficiente político  interno e tampouco  externo para tal ação... 




Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.194
  • Sexo: Masculino
Re:Bolsonaro
« Resposta #687 Online: 28 de Agosto de 2017, 07:36:06 »
Mas eu não disse que o Brasil vai se tornar um "pandemônio", só acho claríssimo que as mortes por motivos fúteis vão aumentar, considerando a cultura da impunidade e a falta de preparo usual da população brasileira.

Embora eu seja a favor da liberação,  eu também acredito nessa possibilidade. 

Uma questão relacionada a isso é o que poderia ser feito para evitar tais aumentos ?


Offline Fabrício

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.122
  • Sexo: Masculino
Re:Bolsonaro
« Resposta #688 Online: 28 de Agosto de 2017, 10:30:10 »
Citação de: JJ
Você  ainda não apresentou sequer uma vantagem concreta, real  e significativa  que a privatização da Petrobras  comprovadamente traria para a grande maioria dos brasileiros se esta fosse feita atualmente.

Bom, não sou o Lorentz, hehehe, mas entendo que a privatização da Petrobrás é bem diferente do que foi a privatização das teles. No caso delas houve um ganho concreto, praticamente imediato e que afeta diretamente a população, que foi a democratização do acesso às linhas telefônicas, que antes da privatização eram artigo de luxo.

No caso da Petrobrás, as vantagens da privatização a meu ver seriam tirar a empresa da administração direta de apadrinhados políticos, evitando ou pelo menos reduzindo os petrolões da vida. Basta comparar com a Vale, só não temos um Valezão hoje porque ela foi privatizada. E melhor do que simplesmente privatizar a Petrobrás seria quebrar o monopólio, além da privatização.

Tem também a questão ideológica sim, eu acredito que o Estado não deve se meter em extração e processamento de petróleo, em geral a iniciativa privada é bem mais eficiente nisto.

No mais, não acredito que uma possível privatização da Petrobrás diminuiria o custo da gasolina. Mas para mim as vantagens que citei acima já justificariam largamente a privatização.

Mas eu não disse que o Brasil vai se tornar um "pandemônio", só acho claríssimo que as mortes por motivos fúteis vão aumentar, considerando a cultura da impunidade e a falta de preparo usual da população brasileira.

Embora eu seja a favor da liberação,  eu também acredito nessa possibilidade. 

Uma questão relacionada a isso é o que poderia ser feito para evitar tais aumentos ?


É aí que está o problema, teria que haver praticamente uma mudança cultural, que leva tempo e pode até mesmo nunca acontecer. A venda de armas teria que ser regulamentada de forma que a pessoa se mostrasse capaz de ter uma, e quem abusasse do poder da posse de arma teria que ser exemplarmente punido.

Mas, como estamos no Brasil, o que vai acontecer é que o controle vai ser extremamente frouxo, quem fizer merda com sua arma vai ficar impune, e além dos bandidos, teremos outra ameaça, os valentões armados.

Para mim a comparação com o trânsito é quase perfeita, hoje o cidadão enche a cara, entra em um carro, atropela e mata, e via de regra fica impune,  inclusive dirigindo novamente pouco depois. Não vejo porque com as armas seria diferente.
"Deus prefere os ateus"

Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.194
  • Sexo: Masculino
Re:Bolsonaro
« Resposta #689 Online: 29 de Agosto de 2017, 07:10:04 »
Uma gravíssima  tentativa de homicídio, que incrivelmente não se consumou:


Mulher de vendedor que levou 36 facadas em assalto e sobreviveu está revoltada com violência: 'Covardia'

Dupla foi presa e confessou ter usado adolescentes para atrair motorista na GO-060, em Goiânia. Polícia busca por outros suspeitos de participar do crime.

Por Paula Resende, G1 GO

28/08/2017 21h30  Atualizado há 9 horas

Dupla confessa usar falsas adolescentes para atrair e roubar vendedor, em Goiânia

A família do vendedor de roupas que foi esfaqueado durante um assalto na GO-060, em Goiânia, está revoltada com a violência dos criminosos. Eles deram 36 facadas no homem e o abandonaram em um aterro sanitário. Porém, ele foi resgatado e sobreviveu.
“Foi Deus, um milagre. Só pode ser porque não tem como a pessoa levar 36 facadas e sobreviver. Achei que ele não ia ver o filho dele nascer, que meus filhos iam ficar sem pai. É muita maldade. Não sei para que fizeram isso com ele, é uma covardia”, disse à TV Anhanguera a mulher do vendedor, que está grávida.


O vendedor está internado no Hospital de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira. Segundo a unidade de saúde, o paciente tem quadro regular, está consciente e respirando espontaneamente.


Dois dos seis suspeitos de cometer o crime são presos (Foto: Vitor Santana/G1) Dois dos seis suspeitos de cometer o crime são presos (Foto: Vitor Santana/G1)


O crime aconteceu na madrugada do dia 11 de agosto. O delegado responsável pelo caso, Valdemir Pereira, contou que Daniel Ribeiro da Cruz, de 19 anos, e André Brasil Ribeiro, 18, tiveram a ajuda de um adolescente, um jovem e outras duas menores para cometer o crime.


“Os dois contaram que as meninas fingiram ser garotas de programa e ficaram na rodovia. A vítima, no entanto, disse que achou que as duas estavam pedindo carona e parou. Quando ele desceu, os outros quatro saíram do mato e deram as facadas”, contou.


Os criminosos fugiram com o carro da vítima, R$ 1,8 mil, celular e 500 peças de roupa. Porém, eles voltaram ao local para certificar que o vendedor havia morrido..

“Cerca de 30 minutos depois, eles acabaram voltando e dando mais facadas na vítima, para confirmar que ela estava morta. Ao todo, foram 36 golpes, quase metade só na área da cabeça. Mas a vítima não morreu”, disse o delegado.

Confissão

Em depoimento, Daniel contou ao delegado que estava dormindo quando o grupo chegou em sua casa chamando para cometer o crime. “Eu lembrei que estava pilhado para pagar meu aluguel, água, energia, essas coisas, e fui. Cada um ser armou de uma faca e foi. A gente enquadrou ele para levar o carro, o carro, o que ele tivesse, mas ele correu para o rumo do carro com a mão da cintura e deu a entender que ele estava armado”, disse o jovem ao delegado.


André confessou que esfaqueou o vendedor. Ele ainda disse que tinha uma desavença com o homem.


“Me chamaram para ir pegar um carro, aí fomos lá em casa pegar umas facas, mas eu já sabia que ia topar a vítima, que era o local que ele passava para voltar para casa. Aí vi o carro do cara vindo e falei para eles pararem ele”, contou.


Jovens confessam crime ao delegado

Diferentemente do que haviam alegado em depoimento, os dois jovens falaram durante a apresentação feita pela Polícia Civil nesta segunda-feira (28) que não tinham intenção de roubar a vítima. Segundo eles, a intenção era matar o vendedor.


“Eu já tinha discutido com ele em uma festa, pisei no pé dele, pedi desculpas e ele não aceitou, puxou uma arma e me ameaçou. Aí, para me defender, armei para matar ele. Analisei a rotina dele duas semanas, vi onde morava, onde passava, para conseguir pegar ele”, disse André.


Entretanto, o delegado não acredita nessa versão. “Trabalhamos com a tentativa de latrocínio, tanto que o carro da vítima, dinheiro, celular, tudo foi roubado. No depoimento mesmo eles falaram que foram para roubar”, explicou o delegado.


Uma das adolescentes foi apreendida na sexta-feira (25) por roubar passageiros em um terminal de ônibus. Os outros suspeitos já foram identificados, mas ainda não foram presos.


http://g1.globo.com/goias/noticia/mulher-de-vendedor-que-levou-36-facadas-em-assalto-e-sobreviveu-esta-revoltada-com-violencia-covardia.ghtml



« Última modificação: 29 de Agosto de 2017, 07:14:35 por JJ »

Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.194
  • Sexo: Masculino
Re:Bolsonaro
« Resposta #690 Online: 29 de Agosto de 2017, 07:12:33 »


O que pessoas que fizeram uma barbaridade dessa merecem ?


Um advogado para defender os direitos humanos deles ?









Offline Spencer

  • Nível 28
  • *
  • Mensagens: 1.409
Re:Bolsonaro
« Resposta #691 Online: 29 de Agosto de 2017, 07:16:06 »
Citar
Para mim a comparação com o trânsito é quase perfeita, hoje o cidadão enche a cara, entra em um carro, atropela e mata, e via de regra fica impune,  inclusive dirigindo novamente pouco depois. Não vejo porque com as armas seria diferente.
Seria diferente, talvez porque exista um (sub)entendimento de que fatos envolvendo mortes com armas de fogo remetem à culpa ou violência reciproca, tipo alguém recebeu o que merecia; já nestes atropelamento, todos se poem no lugar da vítima, que não tem qualquer tipo de culpa, o que causa maior consternação.

Offline Spencer

  • Nível 28
  • *
  • Mensagens: 1.409
Re:Bolsonaro
« Resposta #692 Online: 29 de Agosto de 2017, 07:27:32 »


O que pessoas que fizeram uma barbaridade dessa merecem ?


Um advogado para defender os direitos humanos deles ?
Quando se fala da grande rejeição de Bolsonaro para 2018 é preciso lembrar que ele se envolve com essas questões relacionadas a violência e corrupção, daí provavelmente a legislação sobre crimes hediondos sofreria reparos importantes.
Com absoluta certeza, no caso de um segundo turno com o Lula ele daria de lavada.

Offline Vithor

  • Nível 11
  • *
  • Mensagens: 159
Re:Bolsonaro
« Resposta #693 Online: 29 de Agosto de 2017, 12:35:20 »


O que pessoas que fizeram uma barbaridade dessa merecem ?


Um advogado para defender os direitos humanos deles ?
Quando se fala da grande rejeição de Bolsonaro para 2018 é preciso lembrar que ele se envolve com essas questões relacionadas a violência e corrupção, daí provavelmente a legislação sobre crimes hediondos sofreria reparos importantes.
Com absoluta certeza, no caso de um segundo turno com o Lula ele daria de lavada.
Adoro ver as pessoas falando que ele vai mudar o Brasil... Só gostaria de saber com que apoio ele vai mudar a constituição? Visto que seu apoio político é nulo...

Offline Fabrício

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 7.122
  • Sexo: Masculino
Re:Bolsonaro
« Resposta #694 Online: 29 de Agosto de 2017, 13:35:38 »
Citar
Para mim a comparação com o trânsito é quase perfeita, hoje o cidadão enche a cara, entra em um carro, atropela e mata, e via de regra fica impune,  inclusive dirigindo novamente pouco depois. Não vejo porque com as armas seria diferente.
Seria diferente, talvez porque exista um (sub)entendimento de que fatos envolvendo mortes com armas de fogo remetem à culpa ou violência reciproca, tipo alguém recebeu o que merecia; já nestes atropelamento, todos se poem no lugar da vítima, que não tem qualquer tipo de culpa, o que causa maior consternação.

Spencer, se entendi direito, o que você escreveu só reforça meu ponto. O que eu estou dizendo é que a forma como o trânsito no Brasil "funciona" hoje é uma amostra do que seria a liberação do porte de arma.

O que me preocupa é o possível aumento de mortes de pessoas inocentes. Estou pouco me lixando se bandidos estão sendo mortos. Se eles resolveram assaltar alguém, se expuseram ao risco de levar um tiro, eles que se lasquem. Da mesma forma, se o indivíduo enche a cara, sai dirigindo e se arrebenta numa árvore, problema dele, ele assumiu o risco ao dirigir bêbado.

O que me deixa preocupado no caso do porte de armas é o cidadão que não é criminoso, e estará sujeito a mais um risco no dia a dia, como um motorista ou pedestre que segue todas as regras de trânsito e mesmo assim pode ser morto por um motorista irresponsável.

Portanto, se para você um atropelamento causa maior consternação porque a vítima é inocente, e mesmo assim o motorista fica impune, imagine no caso de outro inocente que levou um tiro e ainda vai pairar a dúvida se ele não levou o tiro "porque mereceu".
"Deus prefere os ateus"

Offline Lorentz

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.726
  • Sexo: Masculino
Re:Bolsonaro
« Resposta #695 Online: 29 de Agosto de 2017, 13:50:17 »
Voltando ao Bolsonaro e família, descobri hoje esse vídeo de 2016 do Eduardo Bolsonaro defendendo a privatização da Petrobras, usando os argumentos corretos.


Isso dá um fio de esperança.
"Amy, technology isn't intrinsically good or bad. It's all in how you use it, like the death ray." - Professor Hubert J. Farnsworth

Offline Agnoscetico

  • Nível 35
  • *
  • Mensagens: 2.985
  • Sexo: Masculino
Re:Bolsonaro
« Resposta #696 Online: 29 de Agosto de 2017, 17:37:39 »
Citar
Para mim a comparação com o trânsito é quase perfeita, hoje o cidadão enche a cara, entra em um carro, atropela e mata, e via de regra fica impune,  inclusive dirigindo novamente pouco depois. Não vejo porque com as armas seria diferente.
Seria diferente, talvez porque exista um (sub)entendimento de que fatos envolvendo mortes com armas de fogo remetem à culpa ou violência reciproca, tipo alguém recebeu o que merecia; já nestes atropelamento, todos se poem no lugar da vítima, que não tem qualquer tipo de culpa, o que causa maior consternação.

Que não tem qualquer tipo de culpa (melhor seria palavra "responsabilidade") entre aspas; pra deixar claro que vítimas podem ter sido imprudentes.

Offline Agnoscetico

  • Nível 35
  • *
  • Mensagens: 2.985
  • Sexo: Masculino
Re:Bolsonaro
« Resposta #697 Online: 29 de Agosto de 2017, 18:00:40 »
Voltando ao Bolsonaro e família, descobri hoje esse vídeo de 2016 do Eduardo Bolsonaro defendendo a privatização da Petrobras, usando os argumentos corretos.


Isso dá um fio de esperança.

Esperança de que? De que alguém vai lucrar muito com petróleo?
Ele deve ter lido alguma apostila de liberalismo econômico por aí. Quaqluer um que saiba decora isso e fazer uma demagogia consegue levar na conversa.
Se for pensar só no lado financeiro esquecer coisas como "dane-se estado laico e direitos liberais", aí "tudo bem".
Mas se for pensar no lado menos financiólatra (do deus lucro privatizador) e mais nos direitos civis, sem ter um cara que tem que ficar policiando laicismo, casamento gay e outras coisas, "dane-se a privatolatria".




Offline Agnoscetico

  • Nível 35
  • *
  • Mensagens: 2.985
  • Sexo: Masculino
Re:Bolsonaro
« Resposta #698 Online: 29 de Agosto de 2017, 20:39:29 »

Vendo coisas como essa (já pus um link sobre isso antes, mas aqui é do E-farsas) é de se duvidar se Bolsonaro iria mudar Brasil na questão da violência - se em 1995 ele não deu conta desse caso imagina com violência do jeito que tá hoje (ele vai precisar de ajuda, consultoria na área de segurança, isso sendo otimista, se for na base do bang-bang, tenho dúvidas):

Recorte de jornal antigo mostra que Bolsonaro foi assaltado?


http://www.e-farsas.com/recorte-de-jornal-antigo-mostra-que-bolsonaro-foi-assaltado.html

Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 12.194
  • Sexo: Masculino
Re:Bolsonaro
« Resposta #699 Online: 30 de Agosto de 2017, 10:19:35 »
Citação de: JJ
Você  ainda não apresentou sequer uma vantagem concreta, real  e significativa  que a privatização da Petrobras  comprovadamente traria para a grande maioria dos brasileiros se esta fosse feita atualmente.

Bom, não sou o Lorentz, hehehe, mas entendo que a privatização da Petrobrás é bem diferente do que foi a privatização das teles. No caso delas houve um ganho concreto, praticamente imediato e que afeta diretamente a população, que foi a democratização do acesso às linhas telefônicas, que antes da privatização eram artigo de luxo.

No caso da Petrobrás, as vantagens da privatização a meu ver seriam tirar a empresa da administração direta de apadrinhados políticos, evitando ou pelo menos reduzindo os petrolões da vida. Basta comparar com a Vale, só não temos um Valezão hoje porque ela foi privatizada. E melhor do que simplesmente privatizar a Petrobrás seria quebrar o monopólio, além da privatização.


Essas não são vantagens  reais, concretas para a grande maioria da população,  nem a renda vai melhorar e tampouco o poder de compra da grande maioria da população.


Tem também a questão ideológica sim, eu acredito que o Estado não deve se meter em extração e processamento de petróleo, em geral a iniciativa privada é bem mais eficiente nisto.

Por isso que eu fiz a ironia de que “privatização é felicidade”,  pois para quem ama a ideia de privatizar por privatizar  (e não porque vá trazer alguma vantagem, ganho concreto real para a pessoa (e para a grande maioria da população), a privatização traz alguma felicidade de forma independente de haver ganhos reais para a pessoa (e para a grande maioria da população).



No mais, não acredito que uma possível privatização da Petrobrás diminuiria o custo da gasolina. Mas para mim as vantagens que citei acima já justificariam largamente a privatização.


Tem gente que tenta vender a falsa ideia de que certamente o preço da gasolina (e outros combustíveis) iria cair de forma significativa. Mas, isto é falso.

E sobre justificar, justifica para quem parece amar a ideia de privatizar por privatizar ou por ser uma maneira (mas não a única) de tirar poder dos políticos sobre a empresa. E parece que isso já lhes  traria um pouco de felicidade.


« Última modificação: 30 de Agosto de 2017, 10:35:44 por JJ »

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!