Autor Tópico: Que Deus abençoe o Ceticismo  (Lida 29018 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline Spencer

  • Nível 28
  • *
  • Mensagens: 1.409
Que Deus abençoe o Ceticismo
« Online: 16 de Junho de 2017, 10:43:01 »
Sempre tenho tentado, com argumentação inspirada, demonstrar aos céticos que lhes falta algo quando exigem provas irrefutáveis da existência de Deus, ou espíritos, etc

Querendo ou não fica a impressão de que os crentes têm mais janela que os demais, ou que os céticos teriam que aguardar sua vez.

Terrível engano. Eu estava completamente errado.

É constrangedor quando se reconhece que nossas certezas, tão absolutas, que nos dão tanta segurança, nos tornam ingênuos ou ridículos aos olhos dos outros, e duas coisas sempre me aterraram e contra as quais constantemente procurei ser mais forte: o comportamento hipócrita e o ridículo.

Pois, coisa incrível: foi exatamente através de um sonho que pude enxergar o quanto se está certo quando se exige provas que suportem a crença.
Por mais que sua fé se apoie em observações e conceitos lógicos, sempre chegará aquele momento em que perceberá que é somente fé.

Não que a tenha perdido, mas certamente alcancei a compreensão de que em dado momento de nossa vida, sem provas consistentes o ceticismo é a única via lógica; é ferramenta de sobrevivência.
Que Deus abençoe o Ceticismo

Offline Gorducho

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.266
  • Sexo: Masculino
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #1 Online: 16 de Junho de 2017, 11:35:23 »
Puxa! Me perolam (desculpe... não resisto  :vergonha:) lágrimas de alegria.
Claro! Certezas absolutas sempre são ridículas; prova de fanatismo.
E as "provas" só são provas pra quem já Crê, não resistindo um ι de escrutínio por quem já não esteja comprometido com "Causas" (termo que o próprio Kardek usava, se traindo, certo?).
E "lógica" é atributo do cérebro - que é tema possível de todo um praticamente infinito debate filosófico paralelo, claro - que não garante correspondência com a realidade externa. A prova clássica e atual é a realidade quântica.
Então qualquer debate só pode prosperar de fato acerca do real.
Claro, pode-se divagar acerca da metafísica. Todos podem expressar como "acham" que o Universo é; sobre o que "acham" que o suposto "Deus"  deve fazer (como gostava de fazer o Kardec em sua arrogância cósmica). Mas é "achismo": conversa de bar depois das 2:00AM se não se arrumou nenhuma pomba até então...

SEM SARCASMOS: DE CORAÇÃO ABERTO
 
:abraco:
« Última modificação: 16 de Junho de 2017, 11:44:11 por Gorducho »

Offline EuSouOqueSou

  • Nível 31
  • *
  • Mensagens: 1.913
  • Sexo: Masculino
  • Question not thy god, for thy god doth not respond
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #2 Online: 16 de Junho de 2017, 11:36:03 »
É PRA GLORIFICAR DE PÉ IRMÃOOOS!!!

A L E L U I AAAAA!!!!!!
Qualquer sistema de pensamento pode ser racional, pois basta que as suas conclusões não contrariem as suas premissas.

Mas isto não significa que este sistema de pensamento tenha correspondência com a realidade objetiva, sendo este o motivo pelo qual o conhecimento científico ser reconhecido como a única forma do homem estudar, explicar e compreender a Natureza.

Offline Rafael_SG

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 230
  • Sexo: Masculino
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #3 Online: 16 de Junho de 2017, 11:46:54 »
Oi Spencer.
Desculpe discordar da sua opinião.

Crenças não exigem provas. As provas são meios de afirmar à nos mesmo que não estamos sendo idiotas em crer em algo que pode não existir. É so isso.

Tem gente que não suporta se sentir "ridiculo" e se incomoda muito com a falta de provas. Escolhe um caminho mais firme, baseado em provas fisicas. E isso esta correto, afinal cada um tem que procurar aquilo que faz bem para ele mesmo, que vai dar fundamento à sua existência.

Vi uns comentarios ultimamente de pessoas falando que morrer e acabar seria tudo de bom, porque viver outra vida seria um saco. Então essa pessoa (pessoa no modo geral da palavra hein pessoal ! ) vai olhar as coisas de outro jeito, entender a vida sob um outro prisma.

Eu me sinto "ridiculo" cotidianamente, quando me questiono sobre tudo que escuto, leio e creio.  Quando posto num forum palavras que demonstram que creio em algo "que nao existe" so porque sinto que existe. Mas pra mim, isso é o que me faz ter otimismo frente à existência. Tem coisa que não engulo em relação à espiritualidade, tem coisa que me serve e assim a vida segue.

O legal de ter a cabeça aberta é escutar sobre tudo que existe, filtrar (cada um segundo seu filtro... assunto bem subjetivo) e transformar em crença, fundada em fato, experiencias ou apenas em algo subjetivo.

Definitivamente não sou cético, mas pra mim é muito importante ouvi-los, pois isso apresenta o contrapeso do que sou. Se eu me isolar dos céticos, posso gerar um forte desequilibrio em minhas ideias.

 :histeria:


Online Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.059
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #4 Online: 16 de Junho de 2017, 12:26:38 »
Oi Spencer.
Desculpe discordar da sua opinião.

Crenças não exigem provas. As provas são meios de afirmar à nos mesmo que não estamos sendo idiotas em crer em algo que pode não existir. É so isso.


 :histeria:
Ser crente não é dispensar provas é querer protelá-las ao máximo. É vaidade somente.

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 13.989
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #5 Online: 16 de Junho de 2017, 12:43:31 »
Sempre tenho tentado, com argumentação inspirada, demonstrar aos céticos que lhes falta algo quando exigem provas irrefutáveis da existência de Deus, ou espíritos, etc

Querendo ou não fica a impressão de que os crentes têm mais janela que os demais, ou que os céticos teriam que aguardar sua vez.

Terrível engano. Eu estava completamente errado.

É constrangedor quando se reconhece que nossas certezas, tão absolutas, que nos dão tanta segurança, nos tornam ingênuos ou ridículos aos olhos dos outros, e duas coisas sempre me aterraram e contra as quais constantemente procurei ser mais forte: o comportamento hipócrita e o ridículo.

Pois, coisa incrível: foi exatamente através de um sonho que pude enxergar o quanto se está certo quando se exige provas que suportem a crença.
Por mais que sua fé se apoie em observações e conceitos lógicos, sempre chegará aquele momento em que perceberá que é somente fé.

Não que a tenha perdido, mas certamente alcancei a compreensão de que em dado momento de nossa vida, sem provas consistentes o ceticismo é a única via lógica; é ferramenta de sobrevivência.
Que Deus abençoe o Ceticismo


Obsessão. Só pode ser.


Offline Rafael_SG

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 230
  • Sexo: Masculino
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #6 Online: 16 de Junho de 2017, 12:52:44 »
Oi Spencer.
Desculpe discordar da sua opinião.

Crenças não exigem provas. As provas são meios de afirmar à nos mesmo que não estamos sendo idiotas em crer em algo que pode não existir. É so isso.


 :histeria:
Ser crente não é dispensar provas é querer protelá-las ao máximo. É vaidade somente.

Poxa... Não entendi Sergio

Online Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.059
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #7 Online: 16 de Junho de 2017, 13:18:51 »
Oi Spencer.
Desculpe discordar da sua opinião.

Crenças não exigem provas. As provas são meios de afirmar à nos mesmo que não estamos sendo idiotas em crer em algo que pode não existir. É so isso.


 :histeria:
Ser crente não é dispensar provas é querer protelá-las ao máximo. É vaidade somente.

Poxa... Não entendi Sergio
Tudo o que é apreendido pela Realidade precisa ter um significado, não se pode crer apenas sem mais e dispensar provas, isso é uma ilusão, pois as provas são a sustentação do significado das coisas. Crer não é dispensar provas, é supô-las verdadeiras a priori. Crer é desejar, mesmo que seja um desejo contra fatos. Milagres são fatos protelados. O crer do crente é uma resposta mágica que torna o agente da crença possuidor de poder.
« Última modificação: 16 de Junho de 2017, 13:30:01 por Sergiomgbr »

Offline Rafael_SG

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 230
  • Sexo: Masculino
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #8 Online: 16 de Junho de 2017, 13:49:57 »
Tudo o que é apreendido pela Realidade precisa ter um significado, não se pode crer apenas sem mais e dispensar provas, isso é uma ilusão, pois as provas são a sustentação do significado das coisas.

Sim, é verdade. Mas não existe provas para o que não tem significado na realidade como a conhecemos. Quando falamos de crer, é sempre em algo que não faz parte da realidade que conhecemos.
Quando estamos no campo da subjetividade, provas são dispensaveis. Quando houver provas não sera mais um assunto subjetivo.

Crer não é dispensar provas, é supô-las verdadeiras a priori. Crer é desejar, mesmo que seja um desejo contra fatos.

Crer é sim desejar, que algo que não faz parte do então conhecido "real" posso vir a ser em um outro nivel que ainda não é compreendido.
Uma coisa é voce crer numa coisa cegamente e negar os fatos.... isso acho tolice. Como ler a biblia e negar os dinossauros. Eu creio em algo no pos-vida pois no meu intimo eu sinto isso. É totalmente subjetivo e sem provas.


Milagres são fatos protelados. O crer do crente é uma resposta mágica que torna o agente da crença possuidor de poder.

Mas Sergio, veja so. Eu nem creio em milagres. Eu nem acho que Jesus pessoa tenha existido como descrito. Nao acredito em muita coisa mas muita coisa. Nao protelo fatos esperando o momento que eles se tornem reais.
 
Então quando falo que não preciso de provas pra crer, falo num sentido mais amplo, e não de caso à caso.

O que eu protelo é algo que não tem como não protelar, que é o pos-morte, a crença em outras vidas e niveis de existencia. Essa prova so vou ter depois de morto, rs, isso se eu as tiver !

Abs
« Última modificação: 16 de Junho de 2017, 13:54:05 por Rafael_SG »

Offline Gorducho

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.266
  • Sexo: Masculino
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #9 Online: 16 de Junho de 2017, 14:20:32 »
Eu creio em algo no pos-vida pois no meu intimo eu sinto isso. É totalmente subjetivo e sem provas.
:ok:
Citar
Mas Sergio, veja so. Eu nem creio em milagres. Eu nem acho que Jesus pessoa tenha existido como descrito. Nao acredito em muita coisa mas muita coisa. Nao protelo fatos esperando o momento que eles se tornem reais.
 
Então quando falo que não preciso de provas pra crer, falo num sentido mais amplo, e não de caso à caso.

O que eu protelo é algo que não tem como não protelar, que é o pos-morte, a crença em outras vidas e niveis de existencia. Essa prova so vou ter depois de morto, rs, isso se eu as tiver !
:ok: :ok:
O Crente Crê em algumas coisas e não noutras. E, claro, achar que só terá a prova da sua crença na sobrevivência individual depois que acontecer a morte "física" (say, em se tratando dessa Crença) não é "protelar".
Crentes da religião marxista provavelmente Creiam que n'algum futuro será viabilizado o paraíso terrestre do proletariado. Mas, sendo materialistas, não esperam ter eles próprios a prova "protelada" das Crenças deles.
« Última modificação: 16 de Junho de 2017, 14:23:28 por Gorducho »

Offline Rafael_SG

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 230
  • Sexo: Masculino
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #10 Online: 16 de Junho de 2017, 14:53:28 »
O Crente Crê em algumas coisas e não noutras. E, claro, achar que só terá a prova da sua crença na sobrevivência individual depois que acontecer a morte "física" (say, em se tratando dessa Crença) não é "protelar".
Crentes da religião marxista provavelmente Creiam que n'algum futuro será viabilizado o paraíso terrestre do proletariado. Mas, sendo materialistas, não esperam ter eles próprios a prova "protelada" das Crenças deles.

Eu não protelo para ter provas. Eu protelo porque não posso saber como é a morte estando vivo. Tudo que se fala sobre o assunto, sem provas, é apenas crença  :)

Estavamos falando de provas e de crer sem tê-las. Dai surgiu meu comentario.

E eu acho absolutamente normal crer em umas coisas e não em outras. Todo mundo faz isso em muitos aspectos da vida. Se tratando de crenças é a mesma coisa... Não tem que ser tudo ou nada, mesmo porque minhas crenças são adaptadas ao que eu posso compreender no momento pelo qual passo. Não posso adotar uma linha de pensamento que não diz nada pra mim. 





Offline Gorducho

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.266
  • Sexo: Masculino
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #11 Online: 16 de Junho de 2017, 15:02:44 »
E eu estava concordando inteiramente consigo em S/reposta ao Sr. Sergiomgbr  |(
Claro: não fui feliz no me expressar.

« Última modificação: 16 de Junho de 2017, 15:04:45 por Gorducho »

Online Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.059
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #12 Online: 16 de Junho de 2017, 15:07:25 »
Tudo o que é apreendido pela Realidade precisa ter um significado, não se pode crer apenas sem mais e dispensar provas, isso é uma ilusão, pois as provas são a sustentação do significado das coisas.

Sim, é verdade. Mas não existe provas para o que não tem significado na realidade como a conhecemos. Quando falamos de crer, é sempre em algo que não faz parte da realidade que conhecemos.
Tudo o que há é apreendido da Realidade, desde sua percepção até sua consequente significação. Nada pode ser significado sem ser apreendido.


Quando estamos no campo da subjetividade, provas são dispensaveis. Quando houver provas não sera mais um assunto subjetivo.

Não, quando se está na subjetividade, se está no processo de significação, que quando acontece se torna campo de objetividades. Provas são consequência de significações.

Crer não é dispensar provas, é supô-las verdadeiras a priori. Crer é desejar, mesmo que seja um desejo contra fatos.

Crer é sim desejar, que algo que não faz parte do então conhecido "real" posso vir a ser em um outro nivel que ainda não é compreendido.
Uma coisa é voce crer numa coisa cegamente e negar os fatos.... isso acho tolice. Como ler a biblia e negar os dinossauros. Eu creio em algo no pos-vida pois no meu intimo eu sinto isso. É totalmente subjetivo e sem provas.

Tudo que diz respeito a crer são considerações, especulações, apostas,  a priori, ou seja, antes dos fatos. Em contrapartida, saber é  a posteriori, ou seja, o estar a par dos fatos.

Milagres são fatos protelados. O crer do crente é uma resposta mágica que torna o agente da crença possuidor de poder.

Mas Sergio, veja so. Eu nem creio em milagres. Eu nem acho que Jesus pessoa tenha existido como descrito. Nao acredito em muita coisa mas muita coisa. Nao protelo fatos esperando o momento que eles se tornem reais.
Bom, vida após a morte é um milagre , um dos maiorzões.


 
Então quando falo que não preciso de provas pra crer, falo num sentido mais amplo, e não de caso à caso.

O que eu protelo é algo que não tem como não protelar, que é o pos-morte, a crença em outras vidas e niveis de existencia. Essa prova so vou ter depois de morto, rs, isso se eu as tiver !

Abs
Pois é, logo algo que não há como protelar você crê que protela!
« Última modificação: 16 de Junho de 2017, 15:32:16 por Sergiomgbr »

Offline Rafael_SG

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 230
  • Sexo: Masculino
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #13 Online: 16 de Junho de 2017, 15:17:22 »
E eu estava concordando inteiramente consigo em S/reposta ao Sr. Sergiomgbr  |(
Claro: não fui feliz no me expressar.

Hahaha, concordando ou não, não tem problema algum =)
O bom é trocar opiniões.

Mas desculpa não ter interpretado direito ...

Offline Rafael_SG

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 230
  • Sexo: Masculino
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #14 Online: 16 de Junho de 2017, 15:27:27 »
Tudo que que há, é apreendido da Realidade, desde sua percepção e consequente significação, nada pode ser significado sem ser apreendido.

Hummm, não sei não. O dito irreal não é baseado na realidade. Ao menos até ser provado como realidade. Real e realidade é o oposto do irreal, logo a realidade pode sim não nos ensinar nada sobre o irreal.

Hahaha, mas ai ja estamos entrando em joguinhos de palavras. Sendo que o que eu apenas quis dizer é que podesse sim crer sem provas.

Não, quando se está na subjetividade, se está no processo de significação, que quando acontece se torna campo de objetividades.As provas são consequência da significação.

Pra mim as objetividades eram consequencias das provas. Até terem provado que o trovão não era lançado por um deus, era possivel que ele o fosse. Quando provaram o subjetivo passou a ser objetivo através das provas.

Tudo que diz respeito a crer são considerações, especulações, apostas ...
Sim

Pois é, logo algo que não há como protelar você crê que protela!

Eu disse que não protelo no sentido de ficar esperando que alguém va provar a vida apos a morte para que isso faça eu crer nela. Isso que quis dizer.

E sobre a vida apos a morte ser um dos maiores milagres, sim, no sentido descrito abaixo seria sim e eu creio nesse milagre sem prova alguma, hahaha

"Em acepção geralmente empregada, milagre ou miráculo (do latim miraculum, do verbo mirare, "maravilhar-se") é um acontecimento dito extraordinário que, à luz dos sentidos e conhecimentos até então disponíveis, não possuindo explicação científica ainda conhecida, dá-se de forma a sugerir uma violação das leis naturais que regem os fenômenos ordinários "
« Última modificação: 16 de Junho de 2017, 15:31:24 por Rafael_SG »

Online Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.059
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #15 Online: 16 de Junho de 2017, 15:50:11 »
Tudo que que há, é apreendido da Realidade, desde sua percepção e consequente significação, nada pode ser significado sem ser apreendido.

Hummm, não sei não. O dito irreal não é baseado na realidade.
O conceito de" irreal" é uma significação da Realidade.


 Ao menos até ser provado como realidade. Real e realidade é o oposto do irreal, logo a realidade pode sim não nos ensinar nada sobre o irreal.



Hahaha, mas ai ja estamos entrando em joguinhos de palavras. Sendo que o que eu apenas quis dizer é que podesse sim crer sem provas.

Não há jogos de palavras aqui, irreal é o que não possui significação, logo, a Realidade "nos ensina" sim, sobre o que é a irrealidade.


Não, quando se está na subjetividade, se está no processo de significação, que quando acontece se torna campo de objetividades.As provas são consequência da significação.

Pra mim as objetividades eram consequencias das provas. Até terem provado que o trovão não era lançado por um deus, era possivel que ele o fosse. Quando provaram o subjetivo passou a ser objetivo através das provas.

Não era possível como nunca foi. Era especulada a possibilidade no decorrer do processo de significação, apenas. Quando o processo de significação se completou não houve espaço para dúvidas, a significação irreal, espúria se descartou a favor da objetividade.


Tudo que diz respeito a crer são considerações, especulações, apostas ...
Sim

Pois é, logo algo que não há como protelar você crê que protela!

Eu disse que não protelo no sentido de ficar esperando que alguém va provar a vida apos a morte para que isso faça eu crer nela. Isso que quis dizer.

Tanto faz, é o mesmo ato de crer.


E sobre a vida apos a morte ser um dos maiores milagres, sim, no sentido descrito abaixo seria sim e eu creio nesse milagre sem prova alguma, hahaha

Pois, é. A realidade significa "morte" como o ponto onde a vida deixa de existir, logo, não considerar isso é dessignificar a morte, tornar seu sentido irreal.


"Em acepção geralmente empregada, milagre ou miráculo (do latim miraculum, do verbo mirare, "maravilhar-se") é um acontecimento dito extraordinário que, à luz dos sentidos e conhecimentos até então disponíveis, não possuindo explicação científica ainda conhecida, dá-se de forma a sugerir uma violação das leis naturais que regem os fenômenos ordinários "
Pois é, é uma protelação da realidade!
« Última modificação: 16 de Junho de 2017, 16:07:37 por Sergiomgbr »

Offline Rafael_SG

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 230
  • Sexo: Masculino
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #16 Online: 16 de Junho de 2017, 15:59:50 »
Tudo que que há, é apreendido da Realidade, desde sua percepção e consequente significação, nada pode ser significado sem ser apreendido.

Hummm, não sei não. O dito irreal não é baseado na realidade.
O conceito de" irreal" é uma significação da Realidade.


 Ao menos até ser provado como realidade. Real e realidade é o oposto do irreal, logo a realidade pode sim não nos ensinar nada sobre o irreal.



Hahaha, mas ai ja estamos entrando em joguinhos de palavras. Sendo que o que eu apenas quis dizer é que podesse sim crer sem provas.

Não há jogos de palavras aqui, irreal é o que não possui significação, logo, a Realidade "nos ensina" sim, sobre o que é a irrealidade.


Não, quando se está na subjetividade, se está no processo de significação, que quando acontece se torna campo de objetividades.As provas são consequência da significação.

Pra mim as objetividades eram consequencias das provas. Até terem provado que o trovão não era lançado por um deus, era possivel que ele o fosse. Quando provaram o subjetivo passou a ser objetivo através das provas.

Não era possível como nunca foi. Era especulada a possibilidade no decorrer do processo de significação, apenas. Quando o processo de significação se completou não houve espaço para dúvidas, a significação irreal, espúria se descartou a favor da objetividade.


Tudo que diz respeito a crer são considerações, especulações, apostas ...
Sim

Pois é, logo algo que não há como protelar você crê que protela!

Eu disse que não protelo no sentido de ficar esperando que alguém va provar a vida apos a morte para que isso faça eu crer nela. Isso que quis dizer.

Tanto faz, é o mesmo ato de crer.


E sobre a vida apos a morte ser um dos maiores milagres, sim, no sentido descrito abaixo seria sim e eu creio nesse milagre sem prova alguma, hahaha

Pois, é. A realidade significa morte como o ponto onde a vida deixa de existir. Acreditar nisso é dessignificar a morte, tornar seu sentido irreal.


"Em acepção geralmente empregada, milagre ou miráculo (do latim miraculum, do verbo mirare, "maravilhar-se") é um acontecimento dito extraordinário que, à luz dos sentidos e conhecimentos até então disponíveis, não possuindo explicação científica ainda conhecida, dá-se de forma a sugerir uma violação das leis naturais que regem os fenômenos ordinários "
Pois é, é uma protelação da realidade!

É carissimo Sergio. Visto que não tenho mais tempo para filosofar, vou protelar essas respostas, rsrsrs.

Abs

Online Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.059
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #17 Online: 16 de Junho de 2017, 16:11:54 »
Tudo que que há, é apreendido da Realidade, desde sua percepção e consequente significação, nada pode ser significado sem ser apreendido.

Hummm, não sei não. O dito irreal não é baseado na realidade.
O conceito de" irreal" é uma significação da Realidade.


 Ao menos até ser provado como realidade. Real e realidade é o oposto do irreal, logo a realidade pode sim não nos ensinar nada sobre o irreal.



Hahaha, mas ai ja estamos entrando em joguinhos de palavras. Sendo que o que eu apenas quis dizer é que podesse sim crer sem provas.

Não há jogos de palavras aqui, irreal é o que não possui significação, logo, a Realidade "nos ensina" sim, sobre o que é a irrealidade.


Não, quando se está na subjetividade, se está no processo de significação, que quando acontece se torna campo de objetividades.As provas são consequência da significação.

Pra mim as objetividades eram consequencias das provas. Até terem provado que o trovão não era lançado por um deus, era possivel que ele o fosse. Quando provaram o subjetivo passou a ser objetivo através das provas.

Não era possível como nunca foi. Era especulada a possibilidade no decorrer do processo de significação, apenas. Quando o processo de significação se completou não houve espaço para dúvidas, a significação irreal, espúria se descartou a favor da objetividade.


Tudo que diz respeito a crer são considerações, especulações, apostas ...
Sim

Pois é, logo algo que não há como protelar você crê que protela!

Eu disse que não protelo no sentido de ficar esperando que alguém va provar a vida apos a morte para que isso faça eu crer nela. Isso que quis dizer.

Tanto faz, é o mesmo ato de crer.


E sobre a vida apos a morte ser um dos maiores milagres, sim, no sentido descrito abaixo seria sim e eu creio nesse milagre sem prova alguma, hahaha

Pois, é. A realidade significa morte como o ponto onde a vida deixa de existir. Acreditar nisso é dessignificar a morte, tornar seu sentido irreal.


"Em acepção geralmente empregada, milagre ou miráculo (do latim miraculum, do verbo mirare, "maravilhar-se") é um acontecimento dito extraordinário que, à luz dos sentidos e conhecimentos até então disponíveis, não possuindo explicação científica ainda conhecida, dá-se de forma a sugerir uma violação das leis naturais que regem os fenômenos ordinários "
Pois é, é uma protelação da realidade!

É carissimo Sergio. Visto que não tenho mais tempo para filosofar, vou protelar essas respostas, rsrsrs.

Abs
Compreendo, valeu.

Offline Spencer

  • Nível 28
  • *
  • Mensagens: 1.409
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #18 Online: 17 de Junho de 2017, 01:44:24 »
 
 
Oi Spencer.
Desculpe discordar da sua opinião.

Crenças não exigem provas. As provas são meios de afirmar à nos mesmo que não estamos sendo idiotas em crer em algo que pode não existir. É so isso.

Tem gente que não suporta se sentir "ridiculo" e se incomoda muito com a falta de provas. Escolhe um caminho mais firme, baseado em provas fisicas. E isso esta correto, afinal cada um tem que procurar aquilo que faz bem para ele mesmo, que vai dar fundamento à sua existência.

Vi uns comentarios ultimamente de pessoas falando que morrer e acabar seria tudo de bom, porque viver outra vida seria um saco. Então essa pessoa (pessoa no modo geral da palavra hein pessoal ! ) vai olhar as coisas de outro jeito, entender a vida sob um outro prisma.

Eu me sinto "ridiculo" cotidianamente, quando me questiono sobre tudo que escuto, leio e creio.  Quando posto num forum palavras que demonstram que creio em algo "que nao existe" so porque sinto que existe. Mas pra mim, isso é o que me faz ter otimismo frente à existência. Tem coisa que não engulo em relação à espiritualidade, tem coisa que me serve e assim a vida segue.

O legal de ter a cabeça aberta é escutar sobre tudo que existe, filtrar (cada um segundo seu filtro... assunto bem subjetivo) e transformar em crença, fundada em fato, experiencias ou apenas em algo subjetivo.

Definitivamente não sou cético, mas pra mim é muito importante ouvi-los, pois isso apresenta o contrapeso do que sou. Se eu me isolar dos céticos, posso gerar um forte desequilibrio em minhas ideias.

 :histeria:



Rafael, provas podem ser concludentes para uns e não para outros; explico:

Alguém precisa atravessar uma ponte e acredita que seja segura e quando dela se aproxima vê que ela se rompeu. Agora sabe que a ponte não era segura.

Noutra circunstância recebe informação confiável de que a ponte é bastante segura e se alguém lhe perguntar sobre esta ponte dirá que é segura.
Se esta pessoa confiar em você acreditará (crença) que é segura, do contrário, não acreditará (dúvida) e não se arriscará.

A fé é mais ou menos como aquela ponte.
Você poderá considerá-la segura se puder cotejar informações que lhe esclareçam sobre seu estado (observação pessoal) ou se a informação que dela obtiver for digna de sua confiança.

Por outro lado, se não tiver qualquer informação ou a fonte não for confiável não se arriscará em tal ponte, quer dizer, se não puder fazer observações nem confiar nas fontes o Ceticismo é a via de segurança.

« Última modificação: 17 de Junho de 2017, 01:48:24 por Spencer »

Offline Gorducho

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.266
  • Sexo: Masculino
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #19 Online: 17 de Junho de 2017, 07:59:23 »
se não puder fazer observações nem confiar nas fontes o Ceticismo é a via de segurança.
:ok:
Observações não são possíveis porque, ao contrário do que sustentava o Kardec, pessoas como o Sr. - se bem entendo sua postura acerca do tema... - alegam que os fenômenos não acontecem mais.
E as fontes são como essas

« Última modificação: 17 de Junho de 2017, 08:14:57 por Gorducho »

Offline Spencer

  • Nível 28
  • *
  • Mensagens: 1.409
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #20 Online: 17 de Junho de 2017, 10:54:54 »
Nada a ver. :(

Online Sergiomgbr

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 9.059
  • Sexo: Masculino
  • uê?!
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #21 Online: 17 de Junho de 2017, 11:30:09 »



Cara, eu tenho muita curiosidade de saber qual é a construção mental ativa na mente de quem se mete a fazer esse tipo de coisa. Quais são os princípios, as intenções, o constructo, enfim.

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 13.989
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #22 Online: 17 de Junho de 2017, 12:34:49 »

Offline Gorducho

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.266
  • Sexo: Masculino
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #23 Online: 17 de Junho de 2017, 16:10:45 »
Essa outra é de experimentos realizados pelo cientista espírita Dr. Charles Richet na villa Carmen em Alger. Notem que até a barba do espírito (Bien-Bôa) se materializou...

« Última modificação: 17 de Junho de 2017, 17:18:24 por Gorducho »

Offline Gorducho

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.266
  • Sexo: Masculino
Re:Que Deus abençoe o Ceticismo
« Resposta #24 Online: 17 de Junho de 2017, 16:29:42 »
Cara, eu tenho muita curiosidade de saber qual é a construção mental ativa na mente de quem se mete a fazer esse tipo de coisa. Quais são os princípios, as intenções, o constructo, enfim.
E nesse meio (espírita) um argumento usado é o "de autoridade": como tem pessoas portadores de titulações profissionais importantes que acreditam, então deve ser.
« Última modificação: 17 de Junho de 2017, 17:09:25 por Gorducho »

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!