Autor Tópico: Cientista explica porque a vida após a morte é impossível  (Lida 3534 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.216
Re:Cientista explica porque a vida após a morte é impossível
« Resposta #150 Online: 12 de Dezembro de 2017, 22:59:04 »
A melhor defesa que já li na internet sobre a hipótese de aniquilação mental após a morte:

http://www.provingthenegative.com/2011/07/dead-as-doornail-souls-brains-and.html

O autor é um dos articulistas do livro The Myth of the Afterlife: Essays on the Case Against Life After Death, editado por Michael Martin and Keith Augustine. Esse livro é algo com uma dedicação ímpar sobre o assunto "vida após a morte", inclusive ele foi destacado num tweet do psicólogo Steven Pinker.
« Última modificação: 12 de Dezembro de 2017, 23:58:22 por -Huxley- »

Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.216
Re:Cientista explica porque a vida após a morte é impossível
« Resposta #151 Online: 19 de Julho de 2018, 00:41:35 »
https://vivabem.uol.com.br/noticias/redacao/2018/07/05/mesmo-com-anestesia-geral-cerebro-ainda-pode-ficar-parcialmente-consciente.htm

Perguntas que seriam feitas por uma criança cética... Como nós podemos detectar a inexistência de consciência subjetiva, se ela não pode ser "vivenciada" em método de primeira pessoa? Como podemos saber que um paciente em anestesia geral apenas não se lembra de suas experiências parcialmente conscientes (se essas existirem)?
« Última modificação: 19 de Julho de 2018, 00:43:37 por -Huxley- »

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 13.281
  • QI (Quociente de Inteligência) = 98
Re:Cientista explica porque a vida após a morte é impossível
« Resposta #152 Online: 19 de Julho de 2018, 01:10:22 »
https://vivabem.uol.com.br/noticias/redacao/2018/07/05/mesmo-com-anestesia-geral-cerebro-ainda-pode-ficar-parcialmente-consciente.htm

Perguntas que seriam feitas por uma criança cética... Como nós podemos detectar a inexistência de consciência subjetiva, se ela não pode ser "vivenciada" em método de primeira pessoa? Como podemos saber que um paciente em anestesia geral apenas não se lembra de suas experiências parcialmente conscientes (se essas existirem)?

Impossível saber mas padrões de ondas cerebrais podem indicar estados de consciência.

http://www.hirnwellen-und-bewusstsein.de/brainwaves_1.html
Não passei no teste da MENSA mas completei o 2o. Grau.

Online O Babuíno de Madame Blavatsky

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 238
  • Sexo: Masculino
  • πάντα ῥεῖ
Re:Cientista explica porque a vida após a morte é impossível
« Resposta #153 Online: 19 de Julho de 2018, 01:42:50 »
Não é que exista vida após a morte. É que simplesmente não existe "morte".
O Deus único escolheu para Si um único santuário: o coração do homem. Eis o templo onde este deve adorá-Lo; os templos exteriores são apenas as avenidas desse templo invisível. Não há necessidade de teurgia, de adesão a um culto exterior. Não é a mudança de lugar terrestre que nos é útil e sim a mudança de lugar espiritual. A evolução espiritual não requer deslocamento geográfico, mas deslocamento psíquico e o despertar de qualidades inerentes, as quais trazemos desde sempre em nós.

SURSUM CORDA

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 13.281
  • QI (Quociente de Inteligência) = 98
Re:Cientista explica porque a vida após a morte é impossível
« Resposta #154 Online: 19 de Julho de 2018, 09:25:11 »
Here we go...

Não passei no teste da MENSA mas completei o 2o. Grau.

Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.216
Re:Cientista explica porque a vida após a morte é impossível
« Resposta #155 Online: 19 de Julho de 2018, 11:20:00 »
https://vivabem.uol.com.br/noticias/redacao/2018/07/05/mesmo-com-anestesia-geral-cerebro-ainda-pode-ficar-parcialmente-consciente.htm

Perguntas que seriam feitas por uma criança cética... Como nós podemos detectar a inexistência de consciência subjetiva, se ela não pode ser "vivenciada" em método de primeira pessoa? Como podemos saber que um paciente em anestesia geral apenas não se lembra de suas experiências parcialmente conscientes (se essas existirem)?

Impossível saber mas padrões de ondas cerebrais podem indicar estados de consciência.

http://www.hirnwellen-und-bewusstsein.de/brainwaves_1.html

Então, nesse caso e para uma parcela das pessoas, a anestesia geral é a "morte" reproduzida do ponto de vista da consciência subjetiva.

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 13.281
  • QI (Quociente de Inteligência) = 98
Re:Cientista explica porque a vida após a morte é impossível
« Resposta #156 Online: 19 de Julho de 2018, 19:44:19 »
https://vivabem.uol.com.br/noticias/redacao/2018/07/05/mesmo-com-anestesia-geral-cerebro-ainda-pode-ficar-parcialmente-consciente.htm

Perguntas que seriam feitas por uma criança cética... Como nós podemos detectar a inexistência de consciência subjetiva, se ela não pode ser "vivenciada" em método de primeira pessoa? Como podemos saber que um paciente em anestesia geral apenas não se lembra de suas experiências parcialmente conscientes (se essas existirem)?

Impossível saber mas padrões de ondas cerebrais podem indicar estados de consciência.

http://www.hirnwellen-und-bewusstsein.de/brainwaves_1.html

Então, nesse caso e para uma parcela das pessoas, a anestesia geral é a "morte" reproduzida do ponto de vista da consciência subjetiva.

Acho que a anestesia geral (e o coma induzido) é um estado de morte simulada, apesar de o cérebro ter atividade que possa sugerir estados de consciência onde opera a subjetividade (presença de ondas theta e delta com ausência de ondas alpha que explicariam as possíveis lembranças no estado desperto).

Algum neurologista vendo o tópico? Please, help.
Não passei no teste da MENSA mas completei o 2o. Grau.

Offline JungF

  • Nível 11
  • *
  • Mensagens: 154
Re:Cientista explica porque a vida após a morte é impossível
« Resposta #157 Online: 20 de Julho de 2018, 14:36:52 »
Desculpem-me, talvez, a impropriedade da afirmativa, mas a ciência não tem foros nesta questão. Sequer um método de approach.

Por via das ondas cerebrais pode determinar a natureza e o nível de consciência, ou pouco mais que isto.

Isto é objeto das lucubrações filosóficas e religiosas.
Este é meu ponto de vista.



Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 35.359
  • Sexo: Masculino
Re:Cientista explica porque a vida após a morte é impossível
« Resposta #158 Online: 20 de Julho de 2018, 17:53:13 »
Pode-se fazer a mesma afirmação para qualquer área, basta que se assuma algo de "fantasmagórico" ocorrendo, e, por definição, fora do alcance da ciência.

"Se" a consciência é uma adaptação (ou conjunto de adaptações) que animais com sistemas nervosos suficientemente complexos têm para responder de maneira imediata ao ambiente, ela estará associada a certos padrões de atividade cerebral que ou trabalham com informação sensorial, ou reproduzem padrões correspondentes em algum grau (como em sonhos). Fora disso não tem muito como falar de consciência.

Meio como você pode falar do funcionamento do motor do carro, esteja andando ou em ponto morto, mas não se desligado. Ou sobre um programa de computador, para algo que as pessoas normalmente verão como analogia mais próxima. Não tem "interface gráfica" do computador desligado, ou do programa não-rodando.

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 13.281
  • QI (Quociente de Inteligência) = 98
Re:Cientista explica porque a vida após a morte é impossível
« Resposta #159 Online: 20 de Julho de 2018, 23:15:07 »
No Japão já existe uma pesquisa para identificar padrões de sonhos. O problema é que o resultado é "visual", como se produzido por uma filmadora que registra o que está acontecendo. As consciências objetiva ou subjetiva são quem comandam a filmadora ou na versão Libet, tudo controlado por um tipo de produtor executivo de alto nível inacessível a elas que decide tudo e cria a ilusão do livre arbítrio.

Citar
Researchers in Japan used MRI scans to reveal the images that people were seeing as they entered into an early stage of sleep.

Writing in the journal Science, they reported that they could do this with 60% accuracy.

The team now wants to see if brain activity can be used to decipher other aspects of dreaming, such as the emotions experienced during sleep.

Professor Yukiyasu Kamitani, from the ATR Computational Neuroscience Laboratories, in Kyoto, said: "I had a strong belief that dream decoding should be possible at least for particular aspects of dreaming... I was not very surprised by the results, but excited."
Scientists 'read dreams' using brain scans/ https://www.bbc.com/news/science-environment-22031074
Não passei no teste da MENSA mas completei o 2o. Grau.

Offline JungF

  • Nível 11
  • *
  • Mensagens: 154
Re:Cientista explica porque a vida após a morte é impossível
« Resposta #160 Online: 21 de Julho de 2018, 13:48:42 »
Citação de: Buckaroo
Pode-se fazer a mesma afirmação para qualquer área, basta que se assuma algo de "fantasmagórico" ocorrendo, e, por definição, fora do alcance da ciência.
Correto, dependendo do que se entenda por "fantasmagórico"
Lembrando que a chamada do tópico diz que Cientista explica porque a vida após a morte é impossível.
Aqui, normalmente se incorre em erro: Cientista que explica algo subjetivo, na verdade apenas dá a sua opinião sobre, e neste caso deixa de ser Cientista e sim uma pessoa como qualquer outra... falta especialização e base de dados naquela área.

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 35.359
  • Sexo: Masculino
Re:Cientista explica porque a vida após a morte é impossível
« Resposta #161 Online: 21 de Julho de 2018, 16:09:13 »
Sem ter lido ou sem lembrar do texto inicial, isso apenas não deixa de ser científico, se atendo ao que existe de objetivo na "subjetividade" (capacidades cognitivas produzidas pelo sistema nervoso e sensorial), e em suas bases materiais.

Só "deixa de ser cientista" tanto quanto dizer que "não se tem qualquer evidência de que coisas completamente imaginadas existam" implica nisso.

É tão "não-científico" quanto dizer que computadores desligados ou pifados em definitivo não continuam "rodando" seus sistemas "desencarnados", por tudo que se sabe.

Offline JungF

  • Nível 11
  • *
  • Mensagens: 154
Re:Cientista explica porque a vida após a morte é impossível
« Resposta #162 Online: 21 de Julho de 2018, 18:18:28 »
Desculpe-me, mas fiquei na dúvida se vc fez uma piada ou apenas se serviu de metáforas, dada a complexidade do tema.
Em qualquer das hipóteses vi grande criatividade de sua parte. :ok:

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 35.359
  • Sexo: Masculino
Re:Cientista explica porque a vida após a morte é impossível
« Resposta #163 Online: 21 de Julho de 2018, 18:51:16 »
Não é uma piada, uma dizer uma coisa é apenas tão não-científico quanto a outra. A sugestão de "fantasmas" de programas ou de computadores pode parecer piada, mas têm essencialmente o mesmo fundamento da sugestão de sistemas cognitivos funcionando dissociados de sua base material.

A "sobrevivência" após a morte apenas não é igualmente vista como piada por apelo emocional da "hipótese", e talvez por ser muito anterior à invenção de coisas como computadores, de quando as pessoas tinham talvez como tecnologias mais avançadas lanças e dança da chuva.

Offline JungF

  • Nível 11
  • *
  • Mensagens: 154
Re:Cientista explica porque a vida após a morte é impossível
« Resposta #164 Online: 21 de Julho de 2018, 22:11:59 »
Sim, ficou mais claro e compreendi.
Mas convenhamos, um computador, ou dispositivo semelhante, tem uma carcaça - corpo - e um sistema operacional com uma CPU - cérebro - mas necessita de uma fonte de energia, de alguma forma, para funcionar. - nutrientes e metabolismo.

Agora formamos uma analogia entre uma máquina qualquer e o corpo humano, mas desligada a máquina que, aliás, pode ser ligada outra vez, ela para de funcionar naquele intervalo.
Já o corpo, se desligado pela morte não pode funcionar; quero dizer, morte constatada e atestada.
E aqui entra o que me fez afirmar que a ciência não tem foros neste tema: a carcaça, ou seja, o corpo tem um sistema de Backup que funciona, contrariamente ao computador, exatamente quando se desliga definitivamente.
E o Hardware para a execução do Backup funciona "na nuvem"; talvez fosse melhor dizer, já que o assunto sugere, "nas nuvens" :P
Quem especula sobre este assunto, com analogia linear, desconhece a possibilidade da mente ocupar um corpo sutil, invisível aos nossos olhos e não detectável por meios materiais... ou, exatamente pelo empirismo científico.
Essa possibilidade, que não passa pelas cogitações científicas, explicaria tudo o que nos parece tão misterioso, para não dizer, místico.

Você me perguntará: pode provar?
Não; como poderia?
Aí você insiste: então isto é uma crença, ou seja, objeto de fé religiosa?
Fé, sim; religiosa talvez não porque não é dogmático. Cada um erige sua base de observação e raciocínio.

O problema é que isto não pode ser comunicado de uma pessoa para outra tal como acontece com o conhecimento científico ou com fatos que a experiência comum comprovam.
Mas igualmente não pode ser negado, como afirmou o nosso "cientista" protagonista do tópico.

Offline Gorducho

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.206
  • Sexo: Masculino
Re:Cientista explica porque a vida após a morte é impossível
« Resposta #165 Online: 22 de Julho de 2018, 18:44:23 »
Aqui, normalmente se incorre em erro: Cientista que explica algo subjetivo, na verdade apenas dá a sua opinião sobre, e neste caso deixa de ser Cientista e sim uma pessoa como qualquer outra... falta especialização e base de dados naquela área.

:ok:

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!