Autor Tópico: efeitos do passe espírita na medicina  (Lida 287 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline criso

  • Nível 15
  • *
  • Mensagens: 360
  • Sexo: Masculino
  • γνῶθι σεαυτόν
efeitos do passe espírita na medicina
« Online: 17 de Fevereiro de 2018, 09:02:40 »
Estudo foi realizado com pacientes internados em hospitais de Uberaba.

Pesquisadores de duas universidades de Uberaba avaliaram os efeitos do passe espírita em pacientes internados em hospitais. As pesquisas foram feitas por médicos, estudantes de medicina, profissionais da área da saúde e voluntários de centros espíritas da cidade. Depois de três anos de estudo, o grupo chegou à conclusão de que a prática é considerada uma terapia complementar à medicina convencional.

Segundo a pesquisadora e integrante da Associação Médico Espírita, Élida Mara Carneiro, após três anos de estudo, os resultados foram surpreendentes.

“Nosso objetivo principal é comprovar cientificamente os efeitos do passe espírita na saúde dos indivíduos, tanto recém-nascidos como em adultos. Nós tivemos como resultados nos recém-nascidos uma diminuição da frequência respiratória, um aumento das células de defesa, dos linfócitos, das plaquetas, ou seja, uma alteração na resposta hematológica, inclusive diminuiu as complicações e o tempo de internação dos recém-nascidos", explicou a pesquisadora.

Segundo a pesquisa, os recém-nascidos internados no berçário da UTI Neonatal que receberam o passe ganharam alta, em média, sete dias antes dos bebês que não foram submetidos à terapia espiritual e tinham problemas semelhantes.

Segundo Élida Carneiro, nos adultos, os resultados também surpreenderam. "Os efeitos tanto em adultos internados na enfermaria da clínica médica, quanto nos cardiopatas foram muito similares. Houve redução da ansiedade, da tensão muscular, da depressão e aumento da sensação de bem estar. Ainda houve uma alteração importante nos cardiopatas que foi o aumento da oxigenação periférica", completou.

http://g1.globo.com/minas-gerais/triangulo-mineiro/noticia/2016/09/pesquisadores-em-mg-avaliam-efeitos-do-passe-espirita-na-medicina.html
Visita
Interiora
Terrae
Rectificandoque
Invenies
Occultum
Lapidem

e que as rosas floresçam em vossa cruz!

Offline Gorducho

  • Nível 25
  • *
  • Mensagens: 1.135
  • Sexo: Masculino
Re:efeitos do passe espírita na medicina
« Resposta #1 Online: 17 de Fevereiro de 2018, 09:32:25 »
Se bem-me-lembro já foi constatada também em ratos-de-laboratório remissão de células cancerígenas tendo esses sido tratados por passes...

E na Revista de Ciência Espírita tem uma série de estudos onde foram aplicados passes em garrafas d'água e posteriormente médium(s) detectou(aram) — se foi só 1 ou + de 1 não me lembro; e sem qualquer possibilidade de ter sido mero acaso estatístico dados os números dos resultados — quais estavam fluidificadas (usando a terminologia espírita no caso).
Obs: o pesquisador principal já participou de debates cá neste fórum.   

Offline criso

  • Nível 15
  • *
  • Mensagens: 360
  • Sexo: Masculino
  • γνῶθι σεαυτόν
Re:efeitos do passe espírita na medicina
« Resposta #2 Online: 17 de Fevereiro de 2018, 09:45:55 »
minha opinião pessoal: só acho ilegítimo que espíritas tentem legitimar a autoridade ou superioridade de sua crença religiosa com base nos efeitos observados dessas práticas. A explicação de um fenômeno não é o fenômeno. Eu acredito no efeitos do magnetismo de Franz Anton Mesmer, mas que estes tenham mais a ver com os estados de consciência, e não com um suposto fluido universal em si. Agora, o próprio Mesmer não era espírita. Se eu fundar uma seita com as práticas dele e depois descobrirem que a prática surte efeito, não faz sentido eu supor que, consequentemente, toda a minha doutrina esteja correta. Por isso, vejo com receio as consequências deste tipo de estudo que pode gerar uma autoafirmação enganosa nestes grupos religiosos.
Visita
Interiora
Terrae
Rectificandoque
Invenies
Occultum
Lapidem

e que as rosas floresçam em vossa cruz!

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 13.129
  • QI (Quociente de Inteligência) = 98
Re:efeitos do passe espírita na medicina
« Resposta #3 Online: 17 de Fevereiro de 2018, 10:36:54 »
Não passei no teste da MENSA mas completei o 2o. Grau.

Offline Gorducho

  • Nível 25
  • *
  • Mensagens: 1.135
  • Sexo: Masculino
Re:efeitos do passe espírita na medicina
« Resposta #4 Online: 17 de Fevereiro de 2018, 11:21:18 »
Em 1° lugar não me consta que TTs sejam médiuns...
em 2° lugar acho que tem que concentrar bastante fluído na água (no caso testado...) ou algum outro sistema capaz de ser "fluidificado"/"magnetizado". Deve ser como uma espécie de capacitor.
Só detectar o fluxo instantâneo esse deve ser bastante sutil de formas que tem que ser concentrada uma certa quantia dele na água (no caso) pro médium poder senti-lo.   

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 13.129
  • QI (Quociente de Inteligência) = 98
Re:efeitos do passe espírita na medicina
« Resposta #5 Online: 17 de Fevereiro de 2018, 16:28:15 »
Em 1° lugar não me consta que TTs sejam médiuns...

Todas as pessoas são médiuns em diferentes graus de desenvolvimento, inclusive as enfermeiras católicas americanas.

Citar
em 2° lugar acho que tem que concentrar bastante fluído na água (no caso testado...) ou algum outro sistema capaz de ser "fluidificado"/"magnetizado". Deve ser como uma espécie de capacitor.

Capacitor quântico.

Citar
Só detectar o fluxo instantâneo esse deve ser bastante sutil de formas que tem que ser concentrada uma certa quantia dele na água (no caso) pro médium poder senti-lo.   

Se é quântico, é sutil por natureza mas não tão sutil a ponto de não interferir na memória da água.
Não passei no teste da MENSA mas completei o 2o. Grau.

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 13.129
  • QI (Quociente de Inteligência) = 98
Re:efeitos do passe espírita na medicina
« Resposta #6 Online: 17 de Fevereiro de 2018, 16:32:44 »
minha opinião pessoal: só acho ilegítimo que espíritas tentem legitimar a autoridade ou superioridade de sua crença religiosa com base nos efeitos observados dessas práticas. A explicação de um fenômeno não é o fenômeno. Eu acredito no efeitos do magnetismo de Franz Anton Mesmer, mas que estes tenham mais a ver com os estados de consciência, e não com um suposto fluido universal em si. Agora, o próprio Mesmer não era espírita. Se eu fundar uma seita com as práticas dele e depois descobrirem que a prática surte efeito, não faz sentido eu supor que, consequentemente, toda a minha doutrina esteja correta. Por isso, vejo com receio as consequências deste tipo de estudo que pode gerar uma autoafirmação enganosa nestes grupos religiosos.

Kardec pisou na bola quando não percebeu a possibilidade de garantir direitos de uso de suas tecnologias espirituais. A Cientologia foi mais esperta.
Não passei no teste da MENSA mas completei o 2o. Grau.

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!