Enquete

Em quem você votaria para o pleito presidencial em 2018?

Álvaro Dias (Podemos)
2 (5.3%)
Ciro Gomes (PDT)
5 (13.2%)
Cristovam Buarque (PPS)
1 (2.6%)
Fernando Collor (PTC)
0 (0%)
Geraldo Alckmin (PSDB)
1 (2.6%)
Henrique Meirelles (PSD)
4 (10.5%)
Jair Bolsonaro (PSC)
2 (5.3%)
João Amoedo (Novo)
19 (50%)
José Eymael (PSDC)
0 (0%)
Levy Fidelix (PRTB)
0 (0%)
Luis Inácio da Silva (PT)
3 (7.9%)
Manuela D'Ávila (PC do B)
0 (0%)
Marina Silva (Rede)
1 (2.6%)
Rodrigo Maia (Dem)
0 (0%)

Votos Totais: 38

enquete encerrada: 03 de Julho de 2018, 09:38:03

Autor Tópico: Eleições presidenciais de 2018  (Lida 14851 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.377
  • Sexo: Masculino
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1225 Online: 07 de Agosto de 2018, 10:59:49 »
Vice de Bolsonaro liga índio à 'indolência' e negro à 'malandragem'


Declaração foi dada durante evento no Rio Grande do Sul e provocou reações dos concorrentes


Candidato à Vice-Presidência da República na chapa de Jair Bolsonaro (PSL), o general da reserva Hamilton Mourão disse nessa segunda-feira (6) que o Brasil herdou a cultura de privilégios dos ibéricos, a indolência dos indígenas e a malandragem dos africanos.

 
A declaração foi feita em um evento em Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul, quando Mourão falava sobre as condições de subdesenvolvimento do País e da América Latina.

"E o nosso Brasil? Já citei nosso porte estratégico. Mas tem uma dificuldade para transformar isso em poder. Ainda existe o famoso ‘complexo de vira-lata’ aqui no nosso país, infelizmente", disse Mourão.
 

"Essa herança do privilégio é uma herança ibérica. Temos uma certa herança da indolência, que vem da cultura indígena. Eu sou indígena. Meu pai é amazonense. E a malandragem. Nada contra, mas a malandragem é oriunda do africano. Então, esse é o nosso cadinho cultural", completou o candidato.

 

Mourão participou de almoço da Câmara de Indústria e Comércio da cidade na primeira agenda de campanha dele como vice na chapa de Bolsonaro. A declaração foi antecipada pelo site da revista Veja e confirmada pelo jornal "O Estado de S. Paulo".


No evento, o general também afirmou ser favorável à democracia e voltou a dizer que "intervenção militar não é varinha mágica", apesar de tê-la defendido no passado. Em setembro passado, Mourão chegou a falar na possibilidade de intervenção militar caso as instituições do País não resolvam a crise política, "retirando da vida pública esses elementos envolvidos em todos os ilícitos". Anteontem, no evento que referendou seu nome para a vice de Bolsonaro, ele admitiu que não foi "feliz na forma como disse isso" e que isso deu "margem para outras interpretações".


O general da reserva negou que seu comentário tenha sido racista. "Quiseram colocar que o Bolsonaro é racista, agora querem colocar em mim. Não sou racista, muito pelo contrário. Tenho orgulho da nossa raça brasileira", afirmou. "O que eu fiz foi nada mais nada menos que mostrar que nós, brasileiros, somos uma amálgama de três raças, a junção do branco europeu com o indígena que habitava as Américas e os negros africanos que foram trazidos para cá", disse.


Ele disse ter criticado também os portugueses: "Eu falei que a herança de privilégios é ibérica, do português que gosta de ter privilégios".


Repercussão


A fala do general foi criticada por presidenciáveis. O candidato do PSOL, Guilherme Boulos, afirmou que Bolsonaro e Mourão "se merecem". "Quando o preconceito se junta com a estupidez o resultado é esse", criticou nas redes sociais. A candidata da Rede, Marina Silva, também avaliou o comentário como preconceituoso. "Extremismo e racismo são uma combinação perigosa. Não podemos tolerar racismo numa corrida presidencial."


Já Bolsonaro se desvencilhou da declaração de seu vice. "Ele que explique para vocês, se é que ele falou. Eu não tenho nada a ver com isso", disse.


Sobre a crítica de Marina, Mourão disse que respeita a concorrente. "Gostaria de sentar e conversar com a Marina, porque aí talvez ela entendesse quem eu sou e não tecesse comentários sem conhecer a pessoa. Eu tenho muito respeito por ela, que teve uma origem difícil e por seu mérito ocupa uma posição de destaque no cenário nacional." As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.


https://www.em.com.br/app/noticia/politica/2018/08/07/interna_politica,978533/vice-de-bolsonaro-liga-indio-a-indolencia-e-negro-a-malandragem.shtml



Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.377
  • Sexo: Masculino
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1226 Online: 07 de Agosto de 2018, 11:15:52 »
Bolsonaro diz que trabalhador precisa ter "menos direitos" para Brasil gerar empregos



Deputado federal Jair Bolsonaro, pré-candidato à presidência, participou da abertura da Agrishow, em Ribeirão Preto

LEONARDO SANTOS  30 ABR 2018 15H06

   
O deputado federal Jair Bolsonaro (PSL) defendeu uma reforma trabalhista mais severa para o Brasil. O pré-candidato à presidência da República esteve nesta segunda-feira, 30, na abertura da 25ª edição da Agrishow, em Ribeirão Preto.


Recebido com bastante entusiasmo por militantes, que encheram um boneco gigante com o rosto do deputado e estenderam uma grande bandeira nas proximidades da feira, ele afirmou que a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) deve sofrer mudanças para o país voltar a gerar empregos.


"O trabalhador tem que decidir: ou menos direitos e mais empregos, ou todos direitos e menos emprego", disse o deputado, que ainda afirmou que a legislação trabalhista atual trava o aumento da arrecadação de receita para o País.


"Não confio"


O deputado, que aparece na segunda colocação nas pesquisas de intenção de votos para a presidência, afirmou que não confia em pesquisas eleitorais e acredita que pode estar com aceitação maior dos eleitores.


Além disso, ele afirmou que quer definição de política para o meio rural. "Estou rodando o Brasil justamente por isso. Para poder ter mais subsídios para um bom plano", pontuou.


Foto: Ibraim Leão


https://www.revide.com.br/noticias/brasil/bolsonaro-diz-trabalhador-precisa-ter-menos-direitos-para-o-brasil-gerar-empregos/



Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.377
  • Sexo: Masculino
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1227 Online: 07 de Agosto de 2018, 12:02:36 »
Ex-deputado do PRTB vai pedir impugnação de Mourão como vice de Bolsonaro


Brasil  07.08.18 11:57


O Estadão noticia que o ex-deputado estadual Jair Andreoni, do PRTB de São Paulo, promete pedir a impugnação do general Mourão como vice de Jair Bolsonaro.


Para ele, a ata que homologa o militar é inválida porque não traz sua candidatura ao Senado.


Andreoni disse à Coluna do Estadão:


“Quando cheguei à convenção nacional, estavam na mesa o Major Olímpio e o Levy Fidelix. O Levy pediu que eu fosse para a convenção às 15 horas, mas decidi ir mais cedo e me deparei com a cena. Foi quando Levy me disse que abririam mão da minha candidatura.”

E mais:

“É uma super traição. Eu sou companheiro do partido. Tenho 68 anos. Do general Mourão eu não tenho o que falar. Eles estão fazendo o jogo com uma pessoa baixa [Bolsonaro]. Eu estava fora da política, decidi voltar porque o Brasil precisa da gente. Vão tentar me expulsar, mas eu vou entrar com o pedido de impugnação.”


https://www.oantagonista.com/brasil/ex-deputado-prtb-vai-pedir-impugnacao-de-mourao-como-vice-de-bolsonaro/

Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.377
  • Sexo: Masculino
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1228 Online: 08 de Agosto de 2018, 10:23:26 »

Chapa sul-sudeste do PT reforça importância de acordo de Lula com PSB nordestino


6 de Agosto de 2018

Inscreva-se na TV247 Youtube

Ricardo Stuckert


No calor da emoção, é difícil entender a profundidade de algumas decisões políticas. Um exemplo claro foi a decisão do PT de preterir a candidatura da vereadora Marília Arraes (PE) ao governo de Pernambuco, em detrimento ao apoio a candidatura à reeleição de Paulo Câmera (PSB). A escolha desagradou (com razão) parte considerável da militância, mas agora a escolha difícil do Diretório Nacional do PT ganha contornos mais claros e sua importância fica mais óbvia, e esta decisão precisa ser compreendida.

Com o provável indeferimento da candidatura do ex-presidente Lula (PT), a chapa que se desenhou no último domingo (5) coloca o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT) e a deputada estadual gaúcha Manuela D’Ávila (PCdoB) como candidatos a presidência e a vice, respectivamente. Ou seja, uma chapa sem representatividade nordestina ou nortista.

A expectativa petista é óbvia: Lula puxaria os votos nordestinos e nortistas, mas só isso não seria suficiente para garantir bons palanques nas duas regiões. É aí que o acordo com o PSB passa a fazer sentido. Haddad, na ausência de Lula, terá os palanques petistas de Wellington Dias (Piauí), Fátima Bezerra (Rio Grande do Norte), Rui Costa (Bahia) e Camilo Santana (Ceará), o comunista Flávio Dino (Maranhão) e os socialistas João Azevedo (Paraíba), Paulo Câmara (Pernambuco), David Almeida (Amazonas) e João Alberto Capiberibe (Amapá).

Sem Lula, é preciso que os palanques regionais estejam sólidos e que Haddad e Manuela tenham ondem subir e onde apresentar seu plano de governo em nome do ex-presidente. A aliança que garantiu neutralidade do PSB nacionalmente, impedindo que a ala tucana movimentasse o partido para uma aliança formal com Geraldo Alckmin (PSDB), e ainda garantiu apoios estratégicos em regiões sem representatividade formal na chapa.

Mais um acerto da estratégia petista.




WILLIAM DE LUCCA

Jornalista e especialista em marketing digital. Atualmente, é ativista digital, lgbt e de direitos humanos, coordena o marketing do Sindicato dos Bancários de SP, apresenta o programa Estúdio Diversidade, na TV 247, e escreve sobre diversidade no site Brasil 247


https://www.brasil247.com/pt/colunistas/williamdelucca/364310/Chapa-sul-sudeste-do-PT-refor%C3%A7a-import%C3%A2ncia-de-acordo-de-Lula-com-PSB-nordestino.htm



Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.377
  • Sexo: Masculino
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1229 Online: 08 de Agosto de 2018, 10:25:46 »

Presidenciável terá de aparecer em 75% do programa eleitoral

Brasil  08.08.18 10:01

A Coluna do Estadão informa que, pela primeira vez na eleição presidencial, os marqueteiros terão de respeitar regra pela qual 75% do tempo do programa eleitoral deve ser destinado exclusivamente ao presidenciável.

Os apoiadores só poderão aparecer nos 25% restantes.

“Há dúvidas sobre se os candidatos terão de aparecer o tempo todo ou se os marqueteiros podem usar imagens narradas por eles. Ou se o vice poderá dividir esse tempo do presidenciável. Se isso for vedado, o PT terá problemas caso insista com Lula. A solução será dada pelo TSE conforme o andamento da campanha.”


https://www.oantagonista.com/brasil/presidenciavel-tera-de-aparecer-em-75-do-programa-eleitoral/

Offline André Luiz

  • Nível 38
  • *
  • Mensagens: 3.614
  • Sexo: Masculino
    • Forum base militar
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1230 Online: 08 de Agosto de 2018, 13:02:57 »
O general começou bem pelo visto  :biglol:

Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.440
  • Sexo: Masculino
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1231 Online: 08 de Agosto de 2018, 22:10:44 »
O general começou bem pelo visto  :biglol:

E o recibo de propina recebida, assinado, datado e impresso em três vias registradas em cartório com declaração do contratante?

Para provar que o Lulla Pingão recebeu propina precisa tudo isso mas para o general só precisa da acusação?


Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 35.359
  • Sexo: Masculino
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1232 Online: 10 de Agosto de 2018, 01:33:00 »
<a href="https://www.youtube.com/v/9EnJeUKwX_c" target="_blank" class="new_win">https://www.youtube.com/v/9EnJeUKwX_c</a>

Quem mais mitou/lacrou?

PQP, tem o Guilherme Boulos, o patriota do "Brasil acima de todos", e não tem participação do João Amoedo.





Na pergunta do desemprego, foi razoavelmente bem o patriota, foram melhores o Bolsonaro, e também se saíram bem (o que é preocupante) Boulos e Ciro Gomes. Meirelles ficou um pouco atrás. Marina e os outros praticamente só enrolaram, "vou fazer o necessário para gerar emprego, que é sem dúvida o mais importante para o brasileiro desempregado, que tem o direito a dignidade e blablablá, águia, bandeira tremulante, pensem nas crianças".

Offline Pasteur

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 6.141
  • Sexo: Masculino
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1233 Online: 10 de Agosto de 2018, 08:31:08 »
<a href="https://www.youtube.com/v/9EnJeUKwX_c" target="_blank" class="new_win">https://www.youtube.com/v/9EnJeUKwX_c</a>

Quem mais mitou/lacrou?

PQP, tem o Guilherme Boulos, o patriota do "Brasil acima de todos", e não tem participação do João Amoedo.





Na pergunta do desemprego, foi razoavelmente bem o patriota, foram melhores o Bolsonaro, e também se saíram bem (o que é preocupante) Boulos e Ciro Gomes. Meirelles ficou um pouco atrás. Marina e os outros praticamente só enrolaram, "vou fazer o necessário para gerar emprego, que é sem dúvida o mais importante para o brasileiro desempregado, que tem o direito a dignidade e blablablá, águia, bandeira tremulante, pensem nas crianças".

Momento mais engracado/ridiculo! Vejam Patriota vs Ciro em 2.40.50 ate 2.43.00.

Esse Patriota nao sabe o que fala e o Ciro fara o milagre de tirar todo mundo do SPC...

Offline FZapp

  • Administradores
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 6.883
  • Sexo: Masculino
  • El Inodoro Pereyra
    • JVMC
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1234 Online: 10 de Agosto de 2018, 09:26:49 »
(...)
Quem mais mitou/lacrou?

PQP, tem o Guilherme Boulos, o patriota do "Brasil acima de todos", e não tem participação do João Amoedo.
(...)

Achei ótimo querer saber quem mitou/lacrou, super MBL isso. Prá quê discutir propostas se pode mitar e lacrar não é mesmo?

João Amoedo não pode ir por questões das regras eleitorais. Este é o primeiro debate durante a corrida presidencial de fato, e ele não tem representação suficiente na Câmara. Não estou julgando a regra, apenas explicando...
--
Si hemos de salvar o no,
de esto naides nos responde;
derecho ande el sol se esconde
tierra adentro hay que tirar;
algun día hemos de llegar...
despues sabremos a dónde.

"Why do you necessarily have to be wrong just because a few million people think you are?" Frank Zappa

Offline MarceliNNNN

  • Nível 16
  • *
  • Mensagens: 435
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1235 Online: 10 de Agosto de 2018, 10:04:05 »
Daciolo me deu vergonha alheia demais.

Offline André Luiz

  • Nível 38
  • *
  • Mensagens: 3.614
  • Sexo: Masculino
    • Forum base militar
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1236 Online: 10 de Agosto de 2018, 12:05:14 »
O general começou bem pelo visto  :biglol:

E o recibo de propina recebida, assinado, datado e impresso em três vias registradas em cartório com declaração do contratante?

Para provar que o Lulla Pingão recebeu propina precisa tudo isso mas para o general só precisa da acusação?



Tava me referindo a fala dele sobre indio coisa e tal.

Sobre o lobby na venda de armas isso é mais velho que andar pra frente, acho que só no Brasil é crime

Offline Arcanjo Lúcifer

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 20.440
  • Sexo: Masculino
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1237 Online: 10 de Agosto de 2018, 12:14:53 »
Eu vi a tal fala, cortaram um pedaço e deram uma conotação racista de forma proposital.

Mudou totalmente o sentido original.

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 26.764
  • Sexo: Masculino
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1238 Online: 10 de Agosto de 2018, 14:34:54 »
(...)
Quem mais mitou/lacrou?

PQP, tem o Guilherme Boulos, o patriota do "Brasil acima de todos", e não tem participação do João Amoedo.
(...)
Achei ótimo querer saber quem mitou/lacrou, super MBL isso. Prá quê discutir propostas se pode mitar e lacrar não é mesmo?

Ninguém mais entende quando o Buck faz ironia, hahahahaha.


João Amoedo não pode ir por questões das regras eleitorais. Este é o primeiro debate durante a corrida presidencial de fato, e ele não tem representação suficiente na Câmara. Não estou julgando a regra, apenas explicando...

Regra é regra.

Mesmo que seja tola.
Foto USGS

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 35.359
  • Sexo: Masculino
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1239 Online: 10 de Agosto de 2018, 17:16:21 »
Eu acho que ele apenas fez um build-up sobre o meu próprio sarcasmo, não o interpretando literalmente.

Essa regra deixa Amoedo de fora de todos os debates, ou apenas do primeiro? :hein:

O "Brasil acima de todos" já tem maior representação que o Novo? :(






Daciolo me deu vergonha alheia demais.

Acho que ele está lá para fazer o Bolsonaro ter um ar, uma compostura ao menos, mais moderada/equilibrada em comparação. :lol:

Me pergunto se pode haver algum "efeito spoiler". Se ele tivesse dado as caras há mais tempo isso seria mais certo, poderia competir e talvez até sobrebolsonarizar o Bolsonaro. Mas para conseguir isso agora dependerá de algumas mitadas muito históricas, além de FAILs também históricos de Bolsonaro para seus próprios fãs.

Offline Pasteur

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 6.141
  • Sexo: Masculino
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1240 Online: 10 de Agosto de 2018, 18:13:18 »
Pra quem nao sabe esse cabo Daciolo do Patriotas era do PSOL e foi expulso...

Citar

Offline Cinzu

  • Nível 13
  • *
  • Mensagens: 269
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1241 Online: 10 de Agosto de 2018, 18:21:16 »
(...)
Quem mais mitou/lacrou?

PQP, tem o Guilherme Boulos, o patriota do "Brasil acima de todos", e não tem participação do João Amoedo.
(...)

Achei ótimo querer saber quem mitou/lacrou, super MBL isso. Prá quê discutir propostas se pode mitar e lacrar não é mesmo?

João Amoedo não pode ir por questões das regras eleitorais. Este é o primeiro debate durante a corrida presidencial de fato, e ele não tem representação suficiente na Câmara. Não estou julgando a regra, apenas explicando...

Ele pode ir, sim. A Band apenas não tem obrigação de chamá-lo, mas poderia chamar se quisesse, sem problemas nenhum.


Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 13.288
  • QI (Quociente de Inteligência) = 98
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1243 Online: 10 de Agosto de 2018, 20:19:11 »
As regras foram feitas para proteger o sistema, newcomers não são bem vindos; são até uma ameaça em potencial.

A Lei 13.488/2017, que estabelece as regras da campanha, determina que as emissoras de rádio e TV são obrigadas a convidar para os debates os candidatos dos partidos que tiverem no mínimo 5 parlamentares no Congresso Nacional, entre deputados e senadores. Quanto aos demais candidatos, as emissoras têm autonomia para convidar ou não.
Não passei no teste da MENSA mas completei o 2o. Grau.

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 13.288
  • QI (Quociente de Inteligência) = 98
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1244 Online: 10 de Agosto de 2018, 23:36:29 »
Pra quem nao sabe esse cabo Daciolo do Patriotas era do PSOL e foi expulso...

Citar

Não passei no teste da MENSA mas completei o 2o. Grau.

Offline pehojof

  • Nível 18
  • *
  • Mensagens: 547
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1245 Online: 11 de Agosto de 2018, 00:09:55 »
Pra quem nao sabe esse cabo Daciolo do Patriotas era do PSOL e foi expulso...

Citar

Foi expulso provavelmente por se recusar a se calar sobre o FSP e a URSAL.













Estão entendendo agora que são TODOS comunistas? :idea: :wink:
"Et quæ tanta fuit Romam tibi causa videndi?"
"Libertas, quæ sera tamen, respexit inertem,"

Offline Jurubeba

  • Nível 31
  • *
  • Mensagens: 2.039
  • Sexo: Masculino
  • CHAMEM OS ANARQUISTAS!!!
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1246 Online: 11 de Agosto de 2018, 10:33:00 »
Desculpem-me se essa parece ser uma pergunta idiota, mas qual a análise que vocês fazem sobre a discrepância que vemos entre as pesquisas "on-line" e as divulgadas pelos "isentos" institutos de pesquisa brasileiros (principalmente o "DataTrolha")?

Saudações

Offline -Huxley-

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.224
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1247 Online: 11 de Agosto de 2018, 10:47:10 »
Pesquisa on-line não tem representatividade. Se eu fizer uma pesquisa de opinião entre as pessoas do mundo sobre quem é o melhor jogador de futebol do mundo, eu vou selecionar pessoas de todas as classes e não apenas aqueles que somente usam cartão de crédito ou somente acessam o site X.

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 35.359
  • Sexo: Masculino
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1248 Online: 11 de Agosto de 2018, 11:37:33 »
Uma delas inclusive menciona isso no rodapé da página.

Se for ver uma pesquisa feita nos blogs ta peteosfera, Lula vai ter próximo de 100% de aprovação, ao menos até eventuais bolsonaretes se reunirem para trolá-los e mitar/lacrar, o que pode incluir até uso de bots para mexer com a enquete.

Os institutos de pesquisa, apesar de possíveis ressalvas sobre vieses, devem ser em geral relativamente confiáveis. O cenário atual não é favorável a qualquer perspectiva de que são todos comprados numa conspiração. Para manter isso é necessário hipóteses ad hoc como que o PT só tinha verba para comprar a intenção de voto de Lula, mas não para uma baixa rejeição, que acho que só perde para a de Temer, empatando ou quase com Bolsonaro, que fica em segundo em intenções de voto.

Offline Jurubeba

  • Nível 31
  • *
  • Mensagens: 2.039
  • Sexo: Masculino
  • CHAMEM OS ANARQUISTAS!!!
Re:Eleições presidenciais de 2018
« Resposta #1249 Online: 11 de Agosto de 2018, 11:59:47 »
Uma delas inclusive menciona isso no rodapé da página.

Se for ver uma pesquisa feita nos blogs ta peteosfera, Lula vai ter próximo de 100% de aprovação, ao menos até eventuais bolsonaretes se reunirem para trolá-los e mitar/lacrar, o que pode incluir até uso de bots para mexer com a enquete.

Os institutos de pesquisa, apesar de possíveis ressalvas sobre vieses, devem ser em geral relativamente confiáveis. O cenário atual não é favorável a qualquer perspectiva de que são todos comprados numa conspiração. Para manter isso é necessário hipóteses ad hoc como que o PT só tinha verba para comprar a intenção de voto de Lula, mas não para uma baixa rejeição, que acho que só perde para a de Temer, empatando ou quase com Bolsonaro, que fica em segundo em intenções de voto.

Você saberia informar (ou qualquer outro forista) qual a pesquisa para presidente mais atual, com essas informações mais detalhadas, que foi divulgada?

Saudações

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!