Autor Tópico: CLTA, Empregos de merda, Corbyn...  (Lida 3220 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline Peter Joseph

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.222
  • Sexo: Masculino
  • Ela, a Entropia!
CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Online: 15 de Junho de 2018, 16:53:37 »
Comunismo de Luxo Totalmente Automatizado (CLTA):

t=97s

Bandeiras principais:
- Maximização da automação
- Diminuição da carga horária de trabalho
- Renda Básica Universal


Movimento que faz parte do grande ressurgimento dos Trabalhistas com Corbyn, na Inglaterra. Sendo que duas de suas principais bandeiras de campanha dele (Corbyn) são justamente Diminuição da carga horária de trabalho semanal e a Renda Universal. Novara Media é divulgadora do Capitalismo de Luxo Totalmente Automatizado, sendo uma revista eletrônica influente dentro do grupo principal que conseguiu votos para Corbyn subir igual foguete.

https://jornalggn.com.br/blog/ricardo-cavalcanti-schiel/inglaterra-o-vendaval-jeremy-corbyn-por-antonio-martins

Esta proposta esta tendo eco também dentro de importante publicação para a esquerda Norte Americana, a Revista Jacobin. Mídia apoiante da liga de esquerda norte americana que fez Sanders conhecido e despontar para possível indicação do partido Democrata nas eleições passadas.

http://novaramedia.com

https://www.jacobinmag.com/

Livro: https://www.amazon.com/Fully-Automated-Luxury-Communism-Bastani/dp/1786632624

Bom, uma ideia que vem surgindo dentro da esquerda mundial (tomara que dê muitos frutos), e que pode quem sabe um dia dar fim a coisas como aos empregos de merda  :) :

Citar
Como o capitalismo contemporâneo cria sem cessar ocupações inúteis, enquanto remunera muito mal as mais necessárias. Quais as alternativas? Garantia de trabalho? Ou Renda Cidadã Universal?
https://outraspalavras.net/destaques/a-sociedade-dos-empregos-de-merda/
« Última modificação: 15 de Junho de 2018, 16:58:53 por Peter Joseph »
"Não é sinal de saúde estar bem adaptado a uma sociedade doente." - Krishnamurti

"O progresso é a concretização de Utopias." – Oscar Wilde
O Minhocário - https://ominhocario.wordpress.com/

Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.722
  • Sexo: Masculino
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #1 Online: 21 de Junho de 2018, 20:10:57 »

A automatização irá aumentar cada vez mais,  e o trabalho humano será cada vez menos necessário  para produzir  bens e serviços.  No atual sistema isso significará desemprego cada vez maior e permanente. Ou seja desemprego estrutural.   Mas, normalmente os apologistas do atual sistema não irão se importar com isso, e vão continuar defendendo ferrenhamente o sistema,  principalmente enquanto eles mesmo não forem seriamente afetados.  Enquanto a corda arrebentar só do lado mais fraco eles continuaram felizes defendendo os interesses dos mais bem adaptados ao sistema.

Offline Gauss

  • Nível 39
  • *
  • Mensagens: 3.852
  • Sexo: Masculino
  • A Lua cheia não levanta-se a Noroeste
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #2 Online: 21 de Junho de 2018, 20:55:50 »
Vocês realmente sabem alguma coisa sobre Automação Industrial?
“A matemática é a rainha das ciências.”
Carl Friedrich Gauss.

Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.722
  • Sexo: Masculino
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #3 Online: 22 de Junho de 2018, 06:11:02 »
Vocês realmente sabem alguma coisa sobre Automação Industrial?



A gente sabe muito bem que   atualmente   ainda é necessário  trabalho humano. 


Mas, muito interessante é a crença de vocês  que  são  apologistas do atual sistema (mesmo com tanta gente excluída dele, ou mal incluída),  e  que  tentam vender a ideia de que  não tem como:


1) Aumentar cada vez mais o nível de automação;


2)Reduzir os custos dessa automação cada vez mais;


3)Fazer robôs cada vez mais capazes, que cada vez mais possam substituir o trabalho humano;


4)Por fim  chegar a 100%  (ou bem próximo disso 99 %,  99,9 % ? )  de substituição do trabalho humano   para   produzir   objetos/produtos;


5)Por fim  chegar a 100%  (ou bem próximo disso  99 %,  99,9 % ?)  de substituição do trabalho humano   para   produzir   serviços;




« Última modificação: 22 de Junho de 2018, 06:28:35 por JJ »

Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.722
  • Sexo: Masculino
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #4 Online: 22 de Junho de 2018, 06:14:36 »

É interessante essa   crença  de que vocês  tem  de que o macaco humano Homo sapiens sapiens é insubstituível e insuperável.  Se fossem religiosos eu até entenderia, pois normalmente religiosos se acham a grande criação especial do Universo.  Então, faz sentido que eles  se considerem ser o máximo.  Mas,  materialistas terem essa mesma crença  de religiosos  me parece algo muito curioso.


Ou será  que a paixão ideológica pelo atual sistema capitalista liberal tem um efeito semelhante  de  enrijecer  pensamentos e crenças de forma semelhante a que a religião faz ?
« Última modificação: 22 de Junho de 2018, 08:34:26 por JJ »

Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.722
  • Sexo: Masculino
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #5 Online: 22 de Junho de 2018, 06:20:43 »


Palmas  para o grande macaco Homo sapiens sapiens,  o supra sumo do Universo,  a criatura que nunca será superada por  máquinas inteligentes.  O macaco insubstituível.


 :clapping: :clapping: :clapping: :clapping: :clapping: :clapping: :clapping: :clapping: :clapping: :clapping: :clapping: :clapping: :clapping: :clapping: :clapping: :clapping:
« Última modificação: 22 de Junho de 2018, 06:22:44 por JJ »

Offline Fernando Silva

  • Conselheiros
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 6.668
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #6 Online: 22 de Junho de 2018, 06:37:50 »
Se toda a produção for automatizada, os operários ficarão livres dos patrões malvados.

Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.722
  • Sexo: Masculino
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #7 Online: 22 de Junho de 2018, 06:40:24 »
Comunismo de Luxo Totalmente Automatizado (CLTA):




Peter,


O maior obstáculo que vejo para isso não é obviamente algum limite  para desenvolvimento das máquinas e da IA em relação ao macaco Homo sapiens sapiens, como os apologistas do atual sistema veem. O maior obstáculo que eu vejo é de ordem política,  pois os poderosos do mundo  normalmente estão bastante satisfeitos com  o atual sistema, pois afinal de contas  eles estão muito bem ( e normalmente não se importam com os excluídos e/ou com os pouco incluídos), e além disso os  valores primordiais que eles seguem estão de acordo com essa atual porcaria de organização social e econômica que impera no mundo, quais sejam:


Poder  (busca e manutenção de poder );


Dominação (exercício de poder sobre os outros, submissão da vontade da maioria a vontade de uma minoria);


Hierarquia (estrutura de poder que visa controlar o comportamento da maioria em função dos desejos de uma minoria, e formas de punição para quem não se submeter);


Níveis elevados de concentração de poder e riqueza;


Enquanto esse valores forem os valores primordiais  que guiarem a sociedade humana,  os  graves problemas sociais, econômicos e ambientais que existem tenderão a continuar existindo.


« Última modificação: 22 de Junho de 2018, 19:59:40 por JJ »

Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.722
  • Sexo: Masculino
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #8 Online: 22 de Junho de 2018, 06:42:08 »
Se toda a produção for automatizada, os operários ficarão livres dos patrões malvados.


A ideia é que patrões poderosos dominadores controladores deixem de existir.  Mas, parece que você gosta da ideia de poderosos controladores dominadores  submetendo pessoas.



Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 35.672
  • Sexo: Masculino
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #9 Online: 22 de Junho de 2018, 08:00:03 »

O quê? Você acha mesmo que a automação de tarefas industriais irá tornar a maior parte dos trabalhos humanos obsoletos (incluindo aqui os de natureza puramente humana, como o direito, literatura ou jornalismo, e passando por aqueles de natureza puramente manufatureira, como o artesanato, a marcenaria, e outros serviços que, por razões econômica, não compensam o uso de robôs para terceirizar atividades complexas, e aqui eu incluo quase todos os empregos relacionados ao setor de serviços)? A única coisa que a industria 4.0 irá fazer é deslocar ainda mais a mão de obra braçal antes empregada nessas industrias para setores relacionados a serviço.

http://bigthink.com/ideafeed/automation-most-white-collar-jobs-arent-as-safe-as-you-think

https://www.cnbc.com/2017/11/13/ex-google-china-president-a-i-to-obliterate-white-collar-jobs-first.html

https://www.geek.com/tech/ai-beats-human-lawyers-at-their-own-game-1732154/


<a href="https://www.youtube.com/v/nccryZOcrUg" target="_blank" class="new_win">https://www.youtube.com/v/nccryZOcrUg</a>

<a href="https://www.youtube.com/v/OEkT14RBzDI" target="_blank" class="new_win">https://www.youtube.com/v/OEkT14RBzDI</a>




Um vídeo maior, diálogo de Sam Harris com Andrew Yang, obscuro candidato a presidência americana em 2020:

<a href="https://www.youtube.com/v/XHYYVM0rJAw" target="_blank" class="new_win">https://www.youtube.com/v/XHYYVM0rJAw</a>

<a href="https://www.youtube.com/v/kM2UTnGalPc" target="_blank" class="new_win">https://www.youtube.com/v/kM2UTnGalPc</a>

[...]

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 26.895
  • Sexo: Masculino
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #10 Online: 22 de Junho de 2018, 09:40:07 »
Se toda a produção for automatizada, os operários ficarão livres dos patrões malvados.
A ideia é que patrões poderosos dominadores controladores deixem de existir.  Mas, parece que você gosta da ideia de poderosos controladores dominadores  submetendo pessoas.

Não, a ideia é que todos os patrões deixem de existir.

Como a relação empregadores-empregados é ruim porque os primeiros são maus, eles deixando de existir, teremos uma sociedade justa.
Foto USGS

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 35.672
  • Sexo: Masculino
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #11 Online: 22 de Junho de 2018, 11:42:35 »
Pelo que entendi, patrões não deixariam de existir (não sendo assim nem no comunismo estrito, que não é o caso).

Ao menos enquanto houver trabalho humano ainda a ser feito.

Ou talvez "não necessariamente", havendo ainda a possibilidade de terem gradativamente reduzida sua importância hierárquica (e salário/renda) na medida em que inteligência artificial torna o trabalho destes mais barato, e possivelmente amplia a estatização em diversas áreas.

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 26.895
  • Sexo: Masculino
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #12 Online: 22 de Junho de 2018, 12:38:33 »
Pelo que entendi, patrões não deixariam de existir (não sendo assim nem no comunismo estrito, que não é o caso).

Ao menos enquanto houver trabalho humano ainda a ser feito.

Ou talvez "não necessariamente", havendo ainda a possibilidade de terem gradativamente reduzida sua importância hierárquica (e salário/renda) na medida em que inteligência artificial torna o trabalho destes mais barato, e possivelmente amplia a estatização em diversas áreas.

Foi uma ironia minha.
Foto USGS

Offline Peter Joseph

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.222
  • Sexo: Masculino
  • Ela, a Entropia!
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #13 Online: 22 de Junho de 2018, 14:52:40 »
Vocês realmente sabem alguma coisa sobre Automação Industrial?



A gente sabe muito bem que   atualmente   ainda é necessário  trabalho humano.

Exatamente. 


Citar
Mas, muito interessante é a crença de vocês  que  são  apologistas do atual sistema (mesmo com tanta gente excluída dele, ou mal incluída),  e  que  tentam vender a ideia de que  não tem como:


1) Aumentar cada vez mais o nível de automação;


2)Reduzir os custos dessa automação cada vez mais;


3)Fazer robôs cada vez mais capazes, que cada vez mais possam substituir o trabalho humano;


4)Por fim  chegar a 100%  (ou bem próximo disso 99 %,  99,9 % ? )  de substituição do trabalho humano   para   produzir   objetos/produtos;


5)Por fim  chegar a 100%  (ou bem próximo disso  99 %,  99,9 % ?)  de substituição do trabalho humano   para   produzir   serviços;

Pois é, logo de início, no caso da introdução dessas políticas apregoadas aqui, não seria possível automatizar quase tudo, a maioria sim, mas ainda faltaria um bom tanto. Tanto é que uma das bandeiras principais do CLTA é a contínua e paulatina redução das horas de trabalho. A automação de mais de 90% obviamente não tem como ocorrer do dia pra noite.

Muitos trabalhos iriam deixar de existir justamente por serem inúteis, como demonstra o texto que citei acima sobre a criação contínua de trabalhos de merda (você chegou a ler?), tipo aqueles criados após a crise de 29, de "cavar buracos só pra tampar depois". A eficiência simplesmente iria explodir a medida que mais e mais coisas fossem automatizadas. Trabalho humano em resumo representa ineficiência, de modo geral. Uma outra lei social diz respeito exatamente a isto: o nível de abundância e eficiência aumentam de forma proporcional ao nível de automação e utilização de tecnologias em geral (bioquímica, materiais, engenharia...) que produzam mais com menos (Fenômeno da Efemerização - A efemerização é um termo cunhado por R. Buckminster Fuller para descrever a capacidade gerada pelo avanço tecnológico de se fazer "mais e mais com cada vez menos e menos até que se possa eventualmente fazer [quase] tudo com [quase] nada".).

Corbyn e a nova onda trabalhista poderiam, talvez, ser o início de algo concreto que possa vir a aumentar com o tempo e se tornar possível no futuro. Já ouviu falar dele? (leia o artigo que citei sobre ele). Apoia a Estatização de Setores Chave da economia, Diminuição das horas trabalhadas e Renda Universal, entre outras coisas. Seria uma Transição possível para um CLTA. Mesmo o próprio Comunismo de Luxo proposto aqui, considero apenas uma transição ou ponto de partida para o que poderia ser um “Comunismo Real” ou o mais próximo disso. É o que a URSS deveria ter sido para servir de Transição. Se tivessem conseguido realizar isto, talvez nos dias atuais já existisse algo como um Comunismo de fato ou coisa semelhante.

Mas mesmo assim, os seres humanos ainda poderiam desempenhar muitas tarefas e ainda teriam muitos problemas para resolver. Os que ainda quisessem “trabalhar” teriam que se ater mais ao processo de refletir e estudar, seja arte, filosofia, esporte ou ciência. Quem não quisesse, simplesmente iria curtir e fazer o que achasse melhor. Tendo em mente o surgimento de uma nova forma de encarar o trabalho, mais como diversão/prazer do que como uma carga e obrigação torturante, muitos com o tempo, com a evolução do sistema, fariam isto mesmo não recebendo salário para tal, ainda mais por terem tempo e mais acesso a recursos. Poderiam trabalhar para a sociedade de forma espontânea.

Outras bandeiras do Comunismo de Luxo, além das que já citei, são o aumento gradual e significativo do salário, democracia direta (plebiscitos, recall, votos diretos etc...), utilização de fontes de energia renováveis e abundantes...  :ok:
« Última modificação: 22 de Junho de 2018, 18:35:33 por Peter Joseph »
"Não é sinal de saúde estar bem adaptado a uma sociedade doente." - Krishnamurti

"O progresso é a concretização de Utopias." – Oscar Wilde
O Minhocário - https://ominhocario.wordpress.com/

Offline Peter Joseph

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.222
  • Sexo: Masculino
  • Ela, a Entropia!
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #14 Online: 22 de Junho de 2018, 15:04:45 »
Mais links sobre assuntos diretamente relacionados...

Como um Trabalhista "Radical" venceu o establishment:
https://ominhocario.wordpress.com/2017/07/11/dossie-corbyn/

Dois espectros assombram a Terra no século XXI: os espectros da catástrofe ecológica e da automação:
https://ominhocario.wordpress.com/2017/03/10/tecnologia-e-ecologia-como-apocalipse-e-utopia/

Comunismo Como Futuro Automatizado de Igualdade e Abundância:
https://ominhocario.wordpress.com/2017/03/24/comunismo-como-futuro-automatizado-de-igualdade-e-abundancia/

Comunismo libertário: uma introdução:
https://libcom.org/library/comunismo-libert%C3%A1rio-uma-introdu%C3%A7%C3%A3o
« Última modificação: 22 de Junho de 2018, 15:41:40 por Peter Joseph »
"Não é sinal de saúde estar bem adaptado a uma sociedade doente." - Krishnamurti

"O progresso é a concretização de Utopias." – Oscar Wilde
O Minhocário - https://ominhocario.wordpress.com/

Offline Lorentz

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.704
  • Sexo: Masculino
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #15 Online: 22 de Junho de 2018, 16:53:20 »
Sempre a mesma discussão.

O nível de automação que tivemos após 100 anos de revolução industrial, somados ao crescimento populacional em 7 vezes, deveria, pela lógica apresentada, estar gerando um desemprego de 90%-95% na média mundial. Mas o que vemos é o mesmo nível de desemprego, geralmente com 1 dígito na média.

Mas por algum motivo obscuro, será agora, no século 21, que essa lógica vai funcionar.
"Amy, technology isn't intrinsically good or bad. It's all in how you use it, like the death ray." - Professor Hubert J. Farnsworth

Offline Peter Joseph

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.222
  • Sexo: Masculino
  • Ela, a Entropia!
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #16 Online: 22 de Junho de 2018, 17:46:22 »
Sempre a mesma discussão.

O nível de automação que tivemos após 100 anos de revolução industrial, somados ao crescimento populacional em 7 vezes, deveria, pela lógica apresentada, estar gerando um desemprego de 90%-95% na média mundial.

Da onde tirou este número aí de 90-95% ?

Citar
Mas o que vemos é o mesmo nível de desemprego, geralmente com 1 dígito na média.

Mas por algum motivo obscuro, será agora, no século 21, que essa lógica vai funcionar.

Até os anos 90 conseguimos manter os empregos, apesar da automação constante, criando novos setores econômicos para expandir-se. Primeiro passou-se do setor agrário para o industrial, depois do industrial para o de serviços e por ultimo fez-se um puxadinho pro setor de finanças, mas agora não tem mais pra onde correr, pelo menos até agora não surgiu nenhum novo setor para dar continuidade ao processo. Além disso, mantem-se empregos achatando o nível de renda do trabalhador, que tem caído bastante nos últimos dez anos, principalmente em países desenvolvidos, levando inclusive ao fenômeno do subemprego, bem como criando-se empregos sem utilidade real alguma: https://outraspalavras.net/destaques/a-sociedade-dos-empregos-de-merda/

E mesmo que este desemprego estrutural não ocorra em grande proporção de forma espontânea, a proposta aqui pode e deve continuar a de se diminuir ao máximo a necessidade de trabalho dentro da sociedade utilizando-se tecnologia  :biglol:
« Última modificação: 22 de Junho de 2018, 17:59:56 por Peter Joseph »
"Não é sinal de saúde estar bem adaptado a uma sociedade doente." - Krishnamurti

"O progresso é a concretização de Utopias." – Oscar Wilde
O Minhocário - https://ominhocario.wordpress.com/

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 35.672
  • Sexo: Masculino
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #17 Online: 22 de Junho de 2018, 18:54:53 »
Sempre a mesma discussão.

O nível de automação que tivemos após 100 anos de revolução industrial, somados ao crescimento populacional em 7 vezes, deveria, pela lógica apresentada, estar gerando um desemprego de 90%-95% na média mundial. Mas o que vemos é o mesmo nível de desemprego, geralmente com 1 dígito na média.

Mas por algum motivo obscuro, será agora, no século 21, que essa lógica vai funcionar.

Sam Harris e o outro autor/candidato a presidente comentam que alguém uma vez colocou, que a automação possibilitada por inteligência artificial simplesmente não é análoga àquela de como motores a explosão substituem a força humana. É algo qualitativamente diferente.

Citar
[...] The rate of technological progress and worker productivity is on the rise, but wages are stagnating, factories are eliminating jobs, and researchers estimate that anywhere between 35 and 50 percent of jobs that exist now are in danger of being lost to automation.

But what if the prognosis weren’t all doom and gloom?  What if all this automation were instead to provide so much luxury that we enter a post-work era, when humans are required to do very little labor and machines provide everything we need? [....]

https://www.forbes.com/sites/bernardmarr/2016/06/30/are-we-headed-for-automated-luxury-communism/#71dfa27337e3

Offline Peter Joseph

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.222
  • Sexo: Masculino
  • Ela, a Entropia!
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #18 Online: 22 de Junho de 2018, 18:58:00 »
Sam Harris e o outro autor/candidato a presidente comentam que alguém uma vez colocou, que a automação possibilitada por inteligência artificial simplesmente não é análoga àquela de como motores a explosão substituem a força humana. É algo qualitativamente diferente.

É diferente, por que agora estas  novas ferramentas automáticas de agora tem nível substancialmente alto de cognição, com tendência clara de melhorar bastante em curto espaço de tempo.
"Não é sinal de saúde estar bem adaptado a uma sociedade doente." - Krishnamurti

"O progresso é a concretização de Utopias." – Oscar Wilde
O Minhocário - https://ominhocario.wordpress.com/

Offline pehojof

  • Nível 18
  • *
  • Mensagens: 547
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #19 Online: 22 de Junho de 2018, 19:01:47 »
Vocês realmente sabem alguma coisa sobre Automação Industrial?



A gente sabe muito bem que   atualmente   ainda é necessário  trabalho humano. 


Mas, muito interessante é a crença de vocês  que  são  apologistas do atual sistema (mesmo com tanta gente excluída dele, ou mal incluída),  e  que  tentam vender a ideia de que  não tem como:


1) Aumentar cada vez mais o nível de automação;


2)Reduzir os custos dessa automação cada vez mais;


3)Fazer robôs cada vez mais capazes, que cada vez mais possam substituir o trabalho humano;


4)Por fim  chegar a 100%  (ou bem próximo disso 99 %,  99,9 % ? )  de substituição do trabalho humano   para   produzir   objetos/produtos;


5)Por fim  chegar a 100%  (ou bem próximo disso  99 %,  99,9 % ?)  de substituição do trabalho humano   para   produzir   serviços;




É interessante essa   crença  de que vocês  tem  de que o macaco humano Homo sapiens sapiens é insubstituível e insuperável.  Se fossem religiosos eu até entenderia, pois normalmente religiosos se acham a grande criação especial do Universo.  Então, faz sentido que eles  se considerem ser o máximo.  Mas,  materialistas terem essa mesma crença  de religiosos  me parece algo muito curioso.


Ou será  que a paixão ideológica pelo atual sistema capitalista liberal tem um efeito semelhante  de  enrijecer  pensamentos e crenças de forma semelhante a que a religião faz ?

Talvez eu esteja detectando um grave problema em (alguns de) vocês, além do pouco senso de humor de qualidade, o humor não sofista: é desconsiderarem apresentações bem humoradas como se não fossem algo que se deva respeitar. Vocês têm esse problema? Ou usam como pretexto para evasão? :?

Quando eu fiz essa postagem:

Em última instância, as pessoas são computadores, e tudo que fazemos, os computadores poderão fazer, mais eficientemente. É questão de tempo apenas. Pode não ser tão já, mas é praticamente inevitável, sem supor um apocalipse ou uma jihad Butleriana. Mesmo coisas de caráter intelectual e artístico.

Até mais eficientemente :!: :?: TUDO que os humanos podem fazer :?: :!: :susto:

E isso incluirá corrupções e todos os crimes :?: :!: :medo:

O pior é que eu não duvido! Porque se as máquinas devem ser dotadas de todas as características humanas, inclusive aquelas do reino das subjetividades, para substituí-los plenamente em absolutamente tudo, elas podem... substituir MESMO os humanos, não exatamente "em tudo", só... substituir mesmo :!: :medo:

Skynet à vista! Deixa eu dar uma pausa nisso porque agora fiquei deveras preocupado... :ok:

vocês acharam que meu tom humorístico ao colocá-la desfez a altíssima seriedade dela? É no mínimo curioso como alguém como o Buckaroo aprecia os escárnios sofistas ridículos desse sujeito:

http://clubecetico.org/forum/index.php?topic=20390.msg968042#msg968042

enquanto passou pela minha questão feita a ele onde eu já tinha posto uma observação para o que ele me perguntou depois:

http://clubecetico.org/forum/index.php?topic=29389.msg967820#msg967820

Por favor, pensem mais e melhor! É difícil construir algo com quem quer simplesmente destruir o que não lhes agrada. Se vocês não abrirem espaço para a possibilidade de vocês estarem errados, tudo o que fizerem só piorará tudo, até suas próprias vidas. :wink:

JJ, eu sou religioso e acho mesmo que o ser humano é um efeito supremo da natureza, no qual um princípio de crença se estabelece de forma consciente. O grande problema disso é que o mesmo não necessita se restringir a homens de carne e osso e como somos produtos físicos de processos naturais de evolução, os mesmos processos podem resultar em efeitos equivalentes, e essas máquinas podem mesmo passar a crer e se tornarem conscientes, e como não temos conhecimento do que seja consciência, podemos ultrapassar esse limite nelas sem nem mesmo sabermos e nos arriscarmos seriamente como espécie.

Isso NÃO é brincadeira, viu?! :wink: :ok:

Mas vou a alguns esclarecimentos mais: eu não sou "apologista do atual sistema" porque o "atual sistema" já é corrompido por ações movidas a essas ideias que vocês pregam. Princípios comunistas-"progressistas" infestam o mundo em todos os setores. E o resultado está, obviamente como não pode deixar de ser, cada vez pior. Agora, o sistema que seria, deixado quieto evoluir, sem idealismos sociais, mas só com pessoas se aplicando em desenvolvimentos tecnológicos em vez que quererem mirar através deles "para a sociedade", é um sistema em que suas acusações 1) 2) 3) já são falsas de pronto para descartar sem mais comentários.

Quanto às "acusações" 4) e 5), impressiona como não seja imediato vocês perceberem as inconsistências de vocês, impressiona seja ou não pela cegueira ideológica. No caso de quase 100% de substituição do trabalho humano, entre uma inumerável quantidade de variações de possibilidade secundárias menores, estão as fundamentais: os trabalhos humanos restantes ao tenderem a zero serão aqueles de controle e manutenção desse sistema (não um trabalho de burocratas, mas um altamente tecnológico); nessas condições, esses humanos serão a casta do poder central no mundo; é de concluir que nas mãos deles estaria o resto de desenvolvimento para se alcançar os ideológicos "100%" (não são ideiais, são ideológicos), ou, se não, cairíamos numa contradição em que o sistema já se terminaria por si, que significaria já estar terminado, de onde, de uma forma ou outra, vem o dilema dos "100%" - isso seria "salvação" ou o fim da espécie humana? :|

Porque para substituir o homem completamente em toda e qualquer de suas capacidades aplicadas ao labor humano, das braçais às mentais, essas máquinas terão que ser humanas em todo e qualquer sentido do que seja humano. Pensem bem! :wink:
"Et quæ tanta fuit Romam tibi causa videndi?"
"Libertas, quæ sera tamen, respexit inertem,"

Offline Buckaroo Banzai

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 35.672
  • Sexo: Masculino
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #20 Online: 22 de Junho de 2018, 19:05:49 »
Só duvida da viabilidade de substituição de trabalho humano por automatizado se a pessoa crê que existe algo mágico no ser humano.

A história vem mostrando apenas um crescimento acelerado das tarefas em que é mais barato e mais eficiente se usar máquinas. Não há nada especial no ser humano que o torne imprescindível para a vasta maioria dos trabalhos.

:susto: :susto: :susto: :susto: Robofilia... Título da reportagem: "Robôs que fazem sexo ficam mais reais e até já respondem a carícias." Tem gente que já está antecipando aquele futuro imaginado pelo filme AI: Inteligência Artificial. E pagando 7 mil dólares para fazer sexo com robô... 

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/tec/2015/12/1715767-robos-que-fazem-sexo-ficam-mais-reais-e-ate-ja-respondem-a-caricas.shtml

Offline pehojof

  • Nível 18
  • *
  • Mensagens: 547
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #21 Online: 22 de Junho de 2018, 19:07:47 »

Sam Harris e o outro autor/candidato a presidente comentam que alguém uma vez colocou, que a automação possibilitada por inteligência artificial simplesmente não é análoga àquela de como motores a explosão substituem a força humana. É algo qualitativamente diferente.

E será que "esse alguém" não ouviu do tio de um amigo da vizinha...?

O que mais impressiona nisso é como esses caras são impressionantes...



...nas obviedades! :biglol:
"Et quæ tanta fuit Romam tibi causa videndi?"
"Libertas, quæ sera tamen, respexit inertem,"

Offline pehojof

  • Nível 18
  • *
  • Mensagens: 547
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #22 Online: 22 de Junho de 2018, 19:11:04 »
Só duvida da viabilidade de substituição de trabalho humano por automatizado se a pessoa crê que existe algo mágico no ser humano.

A história vem mostrando apenas um crescimento acelerado das tarefas em que é mais barato e mais eficiente se usar máquinas. Não há nada especial no ser humano que o torne imprescindível para a vasta maioria dos trabalhos.

:susto: :susto: :susto: :susto: Robofilia... Título da reportagem: "Robôs que fazem sexo ficam mais reais e até já respondem a carícias." Tem gente que já está antecipando aquele futuro imaginado pelo filme AI: Inteligência Artificial. E pagando 7 mil dólares para fazer sexo com robô... 

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/tec/2015/12/1715767-robos-que-fazem-sexo-ficam-mais-reais-e-ate-ja-respondem-a-caricas.shtml

SE esse comentário foi para mim, vejo que você ainda não me entendeu mesmo... |(
"Et quæ tanta fuit Romam tibi causa videndi?"
"Libertas, quæ sera tamen, respexit inertem,"

Offline pehojof

  • Nível 18
  • *
  • Mensagens: 547
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #23 Online: 22 de Junho de 2018, 19:35:17 »
Vocês realmente sabem alguma coisa sobre Automação Industrial?



A gente sabe muito bem que   atualmente   ainda é necessário  trabalho humano.

Exatamente. 

Em que sentido? Isso revoga o que você disse aqui?:

http://clubecetico.org/forum/index.php?topic=29814.msg967922#msg967922

Ou esse "atualmente" só quer dizer "ainda é necessário, embora não precisasse ser, porque pessoas malvadas põem barreiras para impedir que simplesmente não aconteça"?






Uma outra lei social diz respeito exatamente a isto: o nível de abundância e eficiência aumentam de forma proporcional ao nível de automação e utilização de tecnologias em geral (bioquímica, materiais, engenharia...) que produzam mais com menos (Fenômeno da Efemerização - A efemerização é um termo cunhado por R. Buckminster Fuller para descrever a capacidade gerada pelo avanço tecnológico de se fazer "mais e mais com cada vez menos e menos até que se possa eventualmente fazer [quase] tudo com [quase] nada".).

Uma "lei social" expressa como uma da mecânica... E nem as leis físicas simples são contínuas e nem mesmo válidas em todas as escalas. Mas quase tudo com quase nada deve resolver...



Mas mesmo assim, os seres humanos ainda poderiam desempenhar muitas tarefas e ainda teriam muitos problemas para resolver. Os que ainda quisessem “trabalhar” teriam que se ater mais ao processo de refletir e estudar, seja arte, filosofia, esporte ou ciência. Quem não quisesse, simplesmente iria curtir e fazer o que achasse melhor. Tendo em mente o surgimento de uma nova forma de encarar o trabalho, mais como diversão/prazer do que como uma carga e obrigação torturante, muitos com o tempo, com a evolução do sistema, fariam isto mesmo não recebendo salário para tal, ainda mais por terem tempo e mais acesso a recursos. Poderiam trabalhar para a sociedade de forma espontânea.

Isso já acontece, é a vadiagem "útil". :lol:
"Et quæ tanta fuit Romam tibi causa videndi?"
"Libertas, quæ sera tamen, respexit inertem,"

Offline JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 10.722
  • Sexo: Masculino
Re:CLTA, Empregos de merda, Corbyn...
« Resposta #24 Online: 22 de Junho de 2018, 19:50:47 »
Vocês realmente sabem alguma coisa sobre Automação Industrial?



A gente sabe muito bem que   atualmente   ainda é necessário  trabalho humano.

Exatamente. 

Em que sentido? Isso revoga o que você disse aqui?:

http://clubecetico.org/forum/index.php?topic=29814.msg967922#msg967922

Ou esse "atualmente" só quer dizer "ainda é necessário, embora não precisasse ser, porque pessoas malvadas põem barreiras para impedir que simplesmente não aconteça"?





Você se refere a este trecho ?

", mesmo tendo aparato técnico e conhecimento sobre a realidade que nos permite produzir muito além do necessário para todos."


1) Primeiramente o trecho não foi meu;


2) Mesmo que tivesse sido a proposição não é a mesma:


A minha foi:


Atualmente  ainda não é possível substituir  todo (ou quase todo)  trabalho humano por máquinas;


A proposição que foi citada acima faz outro tipo de afirmação, qual seja:


Que há  (existe)   aparato técnico e conhecimento sobre a realidade que nos permite produzir muito além do necessário para todos,


Ou seja,  que  a escassez de bens  não é causada por falta de  aparato técnico e conhecimento sobre a realidade, e sim  pelas limitações geradas pelo  sistema monetário financeiro.



« Última modificação: 22 de Junho de 2018, 19:55:15 por JJ »

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!