Autor Tópico: O Erro Espírita  (Lida 2867 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline O Babuíno de Madame Blavatsky

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 242
  • Sexo: Masculino
  • πάντα ῥεῖ
Re:O Erro Espírita
« Resposta #50 Online: 31 de Julho de 2018, 01:16:44 »
Você também parece não ter idéia alguma dessas coisas.
E vou concordar com você. Ideias são conceitos, palavras, mapas. São apenas ponteiros, nunca a realidade apontada. O que tenho dessas coisas não é ideia, mas experiência. Por isso, quando falo de certos assuntos, minhas palavras e termos considerados 'estranhos' apontam para uma camada da experiência situada em uma instância mais profunda que a da consciência objetiva ordinária que, aliás, é justamente a que usa estes conceitos todos e perde tempo infinito em suas divagações e masturbações intelectuais. Em outras palavras, toda e qualquer discussão ou tentativa de convencimento já começaria frustrada, seria uma contradição intrínseca. Se  passei por um processo, o qual me cultivou uma estrutura que me permite experimentar um degrau da realidade situado fora do alcance da experiência convencional, e isso me trouxe conclusões e insights, não posso repassar essas conclusões e insights diretamente para quem não passe pelo mesmo processo, pois os únicos pontos de referência que este possuirá para interpretá-los serão, senão da consciência ordinária, uma imaginação que fará acerca do outro lado do véu. Como os ponteiros, para a grande maioria das pessoas, não encontrarão o "território" em nenhum canto de sua bagagem e repertório, a mente especulará e partirá para o campo da fantasia, achando com isso que os ponteiros surgiram de maneira equivocada, como se a informação primeiramente transmitida que fosse fantasiosa. Por isso, só há uma opção - trilhar ou não uma senda.
Da mesma forma, fica contrariado quando um cético expõe a sua incapacidade de prova-las, ou no mínimo, defini-las para que outros céticos tenham condições de discuti-las no seu campo de realidade distorcida.
Mesmo se alguém aqui fingisse que me entendeu, que concordou e que conseguiu extrair algo do que falo, será autoilusão, já que o receptor de minhas mensagens não dispõe de pontes entre esses conceitos e a realidade que os origina, situada fora de seu alcance. Nesse caso, cairia em fantasia, e até mesmo por isso prefiro que abertamente neguem e contestem. A única solução, como já falei antes, é trilhar uma senda. O próprio ato de argumentar, em si, é inútil no que diz respeito à esfera de experiência que tento compartilhar. Ela não pode ser devidamente manuseada por meio de palavras, até porque começa exatamente depois do limite onde a experiência ordinária termina (e terminam, com esta, as próprias palavras e seu uso).
Você é quem demonstra viver numa realidade de quimera quando se mostra incapaz de atender aos nossos pedidos para provar aquilo que você acredita e não faz parte da nossa realidade objetiva.
Você não vai entender o meu pensamento se não partir do Idealismo, que é minha base. A mente é o fundamento da realidade, sem o qual é impossível sequer falar em "existência" ou "experiência". Entretanto, isso faz com que a própria realidade que a mente experiencia seja uma consequência de suas ondas, de seu arranjo. Esses assuntos não só não fazem parte da realidade objetiva como a própria realidade objetiva, ela inteira, é apenas uma de uma miríade de projeções, e vai apenas até certo ponto, ponto este que a Mente, fundamento da realidade, antecede e sucede.
Os céticos fazem isso o tempo todo e você já sabia disso quando veio bater à nossa porta.
Toda a razão. Por isso mesmo, seria inútil me delongar a respeito de tudo isso aqui. Poderia escrever por horas, mas o resultado seria contraprodutivo. Quem quiser, que trilhe uma senda. Quem não quiser, não trilhe. Está bem assim.
Não há como negar ou zombar de fatos reais comprovados ou evidências robustas de uma realidade desconhecida, mas é possível contrariar com a lógica fria do raciocínio crítico as fantasias mirabolantes que habitam a mente dos crentes mesmo que isso seja interpretado como uma autoafirmação cética arrogante no ambiente cético de um clube de céticos.
Certo, e isso deve ser feito mesmo. Agora, quando você tenta explicar para surdos leis de harmonia e percepção musical, realmente não tem outra opção senão aceitar e compreender profundamente que sua explicação seja tomada como fantasiosa. Entretanto, se você puder ajudá-los a ouvir, será muito mais útil do que tentar debater algo situado fora de sua esfera de experiência. Sem falar que, se ouvirem corretamente, e com a devida atenção, poderão aprender diretamente a informação anterior, com conhecimento de primeira mão. Assim sendo, não só espero que ninguém acredite nas coisas que posto aqui, como ativamente torço para que não acreditem e rejeitem mesmo. Acreditar não interessa, é apenas ilusão. Não é possível transmitir conclusões que decorrem de um estado. Chegando no receptor, essas conclusões se tornarão fantasia, por não terem assento na experiência. Portanto, a única coisa que interessa é a experiência, e, quem quiser, trilhe uma senda, e quem não quiser fique como está, sabendo que tomou voluntariamente a opção de conformar-se com o atual estado limitado de consciência.
« Última modificação: 31 de Julho de 2018, 01:21:24 por Saint-Martin »
O Deus único escolheu para Si um único santuário: o coração do homem. Eis o templo onde este deve adorá-Lo; os templos exteriores são apenas as avenidas desse templo invisível. Não há necessidade de teurgia, de adesão a um culto exterior. Não é a mudança de lugar terrestre que nos é útil e sim a mudança de lugar espiritual. A evolução espiritual não requer deslocamento geográfico, mas deslocamento psíquico e o despertar de qualidades inerentes, as quais trazemos desde sempre em nós.

SURSUM CORDA

Offline Gorducho

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.262
  • Sexo: Masculino
Re:O Erro Espírita
« Resposta #51 Online: 31 de Julho de 2018, 09:11:58 »
 :ok:
Por isso digo que a postura esotérica tem nexo. Se trata de tratar de coisas que sejam experienciáveis apenas por alguns sob certas circunstancias, e portanto só acessíveis a determinados grupos de pessoas.
Já a postura espírita não tem nexo, pois alegou se fundar em fatos cientificamente verificáveis — e portanto acessíveis para qq. um interessado em estudar o tema munido de instrumentação adequada (câmaras IR, strain gauges, &c.).

O espiritismo só teria 2 vias pra fazer sentido:
(i) Se assumir como um cristianismo reformado mas fundado em padrões clássicos, i.e.: Fé nas proposituras dos seus proponentes.
✔️
(ii) Se posicionar como um esoterismo. Pois que, evidentemente, digamos:
  • quem experimentar contato com falecidos vai se convencer que  falecidos vivem e podem se comunicar;
  • quem for via vivência mística numa cidade chumbada em cima do Rio vai se convencer que tem uma cidade chumbada em cima do Rio;
  • quer vir uma mesa girar sozinha vai se convencer que mesas podem girar sozinhas — i.e.: a mesa exercendo força sobre os dedos dos sentantes, e não vice-versa...;
  • ...
✔️
« Última modificação: 31 de Julho de 2018, 13:49:41 por Gorducho »

Offline Del vechio

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 211
Re:O Erro Espírita
« Resposta #52 Online: 31 de Julho de 2018, 21:59:14 »
muito bla...bla..bla..teóricos....
caminhava em um cemitério eu com minha filha  pequena quando a mesma disse que via  uma menino brincando por entre os túmulos olhei e nada, a unica criança la era minha filha.
Então tive uma idéia  disse a ela que chamasse a criança e perguntasse qual era o nome dela, ela fez e disse que o menino se chamava João..... então pedi que ela perguntasse onde ele havia sido enterrado então ela pegou na minha mão e disse que ele iria nos levar até la, então fomos andando cemitério acima até que ela me disse ele esta apontando para aquele tumulo, fui la conferir e de fato la havia sido enterrado uma criança de nome João.....
« Última modificação: 31 de Julho de 2018, 22:01:22 por Del vechio »
Por que?

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 13.983
Re:O Erro Espírita
« Resposta #53 Online: 31 de Julho de 2018, 23:38:36 »
muito bla...bla..bla..teóricos....
caminhava em um cemitério eu com minha filha  pequena quando a mesma disse que via  uma menino brincando por entre os túmulos olhei e nada, a unica criança la era minha filha.
Então tive uma idéia  disse a ela que chamasse a criança e perguntasse qual era o nome dela, ela fez e disse que o menino se chamava João..... então pedi que ela perguntasse onde ele havia sido enterrado então ela pegou na minha mão e disse que ele iria nos levar até la, então fomos andando cemitério acima até que ela me disse ele esta apontando para aquele tumulo, fui la conferir e de fato la havia sido enterrado uma criança de nome João.....


Tinha que ser um João,  enterrado numa área cemitério acima perto de outras crianças que você nem notou. Da próxima vez, pergunte à sua filha por Peter Pan. Vai ser muito mais divertido.

Offline Gorducho

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.262
  • Sexo: Masculino
Re:O Erro Espírita
« Resposta #54 Online: 31 de Julho de 2018, 23:48:24 »
bla...bla..bla..teóricos...
:ok:
O Kardec ALEGOU que o espiritismo TERIA fundamentação prática.
Mas não: ele deveras se fundamenta na Escolástica > Teologia Dogmática  :ok:

Offline JungF

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 212
Re:O Erro Espírita
« Resposta #55 Online: 01 de Agosto de 2018, 07:01:53 »
bla...bla..bla..teóricos...
:ok:
O Kardec ALEGOU que o espiritismo TERIA fundamentação prática.
Mas não: ele deveras se fundamenta na Escolástica > Teologia Dogmática  :ok:
A fundamentação prática que ele talvez quisesse dizer não seria pela mediunidade?

Offline Gorducho

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.262
  • Sexo: Masculino
Re:O Erro Espírita
« Resposta #56 Online: 01 de Agosto de 2018, 08:36:52 »
Então... deve-se testar se "mediunidade" existe, certo :?:

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 13.983
Re:O Erro Espírita
« Resposta #57 Online: 01 de Agosto de 2018, 08:53:41 »
bla...bla..bla..teóricos...
:ok:
O Kardec ALEGOU que o espiritismo TERIA fundamentação prática.
Mas não: ele deveras se fundamenta na Escolástica > Teologia Dogmática  :ok:
A fundamentação prática que ele talvez quisesse dizer não seria pela mediunidade?

A fundamentação era a histeria.

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 13.983
Re:O Erro Espírita
« Resposta #58 Online: 01 de Agosto de 2018, 08:57:18 »
bla...bla..bla..teóricos...
:ok:
O Kardec ALEGOU que o espiritismo TERIA fundamentação prática.
Mas não: ele deveras se fundamenta na Escolástica > Teologia Dogmática  :ok:
A fundamentação prática que ele talvez quisesse dizer não seria pela mediunidade?

A fundamentação era a histeria.

A fundamentação prática era o ilusionismo.

Offline Gorducho

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.262
  • Sexo: Masculino
Re:O Erro Espírita
« Resposta #59 Online: 01 de Agosto de 2018, 10:23:55 »
A nós hobbystas do tema, pra termos credibilidade, nos cabe dizer como as alegações dos espiritas poderiam ser testadas.
Por isso tenho essa proposta clara duma metodologia adequada para...

Offline Del vechio

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 211
Re:O Erro Espírita
« Resposta #60 Online: 01 de Agosto de 2018, 11:48:15 »

qual seria?
Por que?

Online JJ

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 11.851
  • Sexo: Masculino
Re:O Erro Espírita
« Resposta #61 Online: 01 de Agosto de 2018, 12:01:22 »
Giga, pode ser distração sua ou não, mas todas as citações que vc trouxe, são de Kardec, senso comum na ocasião, e não dos espíritos.
Para certas questões levantadas eu trago a resposta e você se limita a dizer que não é verdade, bullshit, etc...
Não vamos a lugar algum.
Lembro que entrei neste tópico para responder ao St Martin sobre a filosofia, religião ou ciência, não completamente ou inadequadamente expostos por ele.
O que veio depois é exatamente o que todos sabem... nada traz de novo.

 

Não importa. As citações estão nas obras básicas, onde você mesmo disse que não havia nada de racismo.

O que importa é que o racismo existe. A explicação é irrelevante e a aceitação/negação desses textos (sim...eles continuam lá, nunca ocorreu um esforço de reparação) é vergonhoso.



[ quote = Bolsominion ]

Até na discussão sobre espiritismo o politicamente correto  aparece.  É o fim da civilização ocidental, a praga marxista cultural infestou tudo. 

[ / quote ]



Offline JungF

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 212
Re:O Erro Espírita
« Resposta #62 Online: 01 de Agosto de 2018, 13:07:39 »
Então... deve-se testar se "mediunidade" existe, certo :?:
Já se escreveu muito sobre isto, mas como você é um estudioso não precisarei entrar em detalhes: reveja o caso em que E. Swedenborg antevê o incêndio em Estpcolmo, na presença de E. Kant, o qual, após comprovado o fato, torna-se amigo e passa a investigar a mediunidade daquele vidente. Estou citando de memória perdoe algum lapso.

Offline JungF

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 212
Re:O Erro Espírita
« Resposta #63 Online: 01 de Agosto de 2018, 13:16:58 »
Citação de: JJ
Até na discussão sobre espiritismo o politicamente correto  aparece.  É o fim da civilização ocidental, a praga marxista cultural infestou tudo.   
:histeria:

JJ, o Giga não quer dar o braço a torcer... ele conhece os fatos citados. Ninguém nega que Kardec fosse racista, consenso eurocêntrico na época.
O que foi afirmado é que os Espíritos que ditaram o Espiritismo não endossavam tal conceito e isto é dito claramente in O Livro dos Espíritos.

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 27.211
  • Sexo: Masculino
Re:O Erro Espírita
« Resposta #64 Online: 01 de Agosto de 2018, 13:22:38 »
Cite o trecho que livra 'da reta' os ... Espíritos.
Foto USGS

Offline Geotecton

  • Moderadores Globais
  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 27.211
  • Sexo: Masculino
Re:O Erro Espírita
« Resposta #65 Online: 01 de Agosto de 2018, 13:23:28 »
Citação de: JJ
Até na discussão sobre espiritismo o politicamente correto  aparece.  É o fim da civilização ocidental, a praga marxista cultural infestou tudo.   
:histeria:

JJ, o Giga não quer dar o braço a torcer... ele conhece os fatos citados. Ninguém nega que Kardec fosse racista, consenso eurocêntrico na época.
O que foi afirmado é que os Espíritos que ditaram o Espiritismo não endossavam tal conceito e isto é dito claramente in O Livro dos Espíritos.

E a citação do JJ foi uma ironia.
Foto USGS

Offline Gorducho

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.262
  • Sexo: Masculino
Re:O Erro Espírita
« Resposta #66 Online: 01 de Agosto de 2018, 13:52:41 »
qual seria?
Testes objetivos, precisos, sem margens pra enrolações tipo Jesus... blah blah blah...
o nome daquela titia que todos tinham até esquecido dela... (que não interessa pra nós estudiosos).
Não precisamos do Swedenborg nem do Kant... nem precisamos atar e mui menos enjaular ninguém — tamos no fim de 2018  :twisted:

By the way... o espirito dum infante ficar vagando pelo cemitério onde foi sepultado já contraria outro dos postulados do espiritismo.
Certamente a Legião dos Servos de Maria ou outra equivalente organização de espíritos socorristas não iam deixar ele abandonado ali. Iam por ele num daqueles trens
O conhecido rumor aproximava-se cada vez mais...
[...]
Até que, dentro da atmosfera densa e penumbrosa, surgiram os carros brancos, rompendo as trevas com poderosos holofotes.
Estacionou o trem caravaneiro na praça lamacenta.
[…]
Eram carros amplos, cômodos, confortáveis, cujas poltronas individuais como que estofadas com arminho branco apresentavam o espaldar voltado para os respiradores, que dir-se-iam os óculos das modernas aeronaves terrenas. Ao centro quatro poltronas em feitio idêntico, onde se acomodaram enfermeiros, tudo indicando que ali permaneciam a fim de guardar-nos. Nas portas de entrada lia-se a legenda entrevista antes, na flâmula empunhada pelo comandante do pelotão de guardas: Legião dos Servos de Maria.
Dentro em pouco a tarefa dos abnegados legionários estava cumprida. Ouviu-se no interior o tilintar abafado de uma campainha, seguido de movimento rápido de suspensão de pontes de acesso e embarque dos obreiros. Pelo menos foi essa a série de imagens mentais que concebi...
O estranho comboio oscilou sem que nenhuma sensação de galeio e o mais leve balanço impressionassem nossa sensibilidade

[Referência: MEMÓRIAS DE UM SUICIDA obra mediúnica psicografada por Yvonne A. Pereira]


e mandarem ele pr'alguma instituição de amparo numa esfera superior à crosta, certo :?:
« Última modificação: 01 de Agosto de 2018, 15:11:56 por Gorducho »

Offline Gorducho

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.262
  • Sexo: Masculino
Re:O Erro Espírita
« Resposta #67 Online: 01 de Agosto de 2018, 15:16:46 »
reveja o caso em que E. Swedenborg antevê o incêndio em Estocolmo, na presença de E. Kant, o qual, após comprovado o fato, torna-se amigo e passa a investigar a mediunidade daquele vidente. Estou citando de memória perdoe algum lapso.
A janta não foi dia 29 :?:
E que eu saiba não consta que o Kant tenha ido alguma vez a Göteborg. Ele era notoriamente arredio a viajar.
Trabalhou um tempo em (nomes atuais) Jarnołtowo e também em Веселовка (bem pertinho de Калининград). Depois o resto da vida não saiu mais que eu saiba
:?:
Bien sûr: falou de memória...
Também só tou especulando :ok:
Que o Kant era fã do Swedenborg não tem dúvidas  :ok:
« Última modificação: 01 de Agosto de 2018, 15:45:16 por Gorducho »

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 13.983
Re:O Erro Espírita
« Resposta #68 Online: 01 de Agosto de 2018, 16:09:21 »
Citar
E que eu saiba não consta que o Kant tenha ido alguma vez a Göteborg. Ele era notoriamente arredio a viajar.

Kant nunca deixou a Prússia, raramente saiu da sua cidade natal e passou quase toda a vida dentro do perímetro da quadra da sua casa. Seus passeios eram tão metódicos e precisos que serviam para acertar os relógios dos vizinhos.

Os espíritas inventam muita bobagem sobre Kant. Gostaria de conhecer referências dessa investigação da mediunidade que tem forte cheiro de bullshit espiritóide.

É fácil entender esse interesse mútuo entre Kant e Swedenborg. Eram dois gênios. Kardec, não teria condições de acompanhar uma conversa entre os dois, se isso fosse possível, claro.
« Última modificação: 01 de Agosto de 2018, 16:31:46 por Gigaview »

Offline Gigaview

  • Nível Máximo
  • *
  • Mensagens: 13.983
Re:O Erro Espírita
« Resposta #69 Online: 01 de Agosto de 2018, 16:25:22 »
Cite o trecho que livra 'da reta' os ... Espíritos.

Além disso...cite o que é de Kardec e o que veio dos seus espíritos amestrados. É muito fácil jogar toda a culpa em Kardec para salvar os fantasminhas e aposto que dizem que tudo que há de ruim é culpa de Kardec.

Offline Gorducho

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.262
  • Sexo: Masculino
Re:O Erro Espírita
« Resposta #70 Online: 01 de Agosto de 2018, 16:27:11 »
Segundo a Wikipédia
https://en.wikipedia.org/wiki/Great_Stockholm_Fire_of_1759#cite_note-5
na página 313 da biografia
Swedenborgs hemlighet: om ordets betydelse, änglarnas liv och tjänsten hos Gud : en biografi, por Lars Bergquist, diz que a janta foi dia 29.
Mas não consegui visualizar o livro :chorao:
https://books.google.com.br/books?id=KZB5NAAACAAJ&dq=9127069818&hl=pt-BR&sa=X&ved=0ahUKEwjX6PDZyczcAhWKiZAKHTRXBy0Q6wEIKjAA

Offline Gorducho

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.262
  • Sexo: Masculino
Re:O Erro Espírita
« Resposta #71 Online: 01 de Agosto de 2018, 16:34:02 »
Além disso...cite o que é de Kardec e o que veio dos seus espíritos amestrados. É muito fácil jogar toda a culpa em Kardec para salvar os fantasminhas e aposto que dizem que tudo que há de ruim é culpa de Kardec.
E.g.: que dizer do "espírito" saint Louis na Société, (tardinha, noite de... imagino) 25 mars 1859 :?:
Ele era praticamente o "patrono" da Casa :!:

Offline Del vechio

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 211
Re:O Erro Espírita
« Resposta #72 Online: 01 de Agosto de 2018, 19:17:47 »
qual seria?
Testes objetivos, precisos, sem margens pra enrolações tipo Jesus... blah blah blah...
o nome daquela titia que todos tinham até esquecido dela... (que não interessa pra nós estudiosos).
Não precisamos do Swedenborg nem do Kant... nem precisamos atar e mui menos enjaular ninguém — tamos no fim de 2018  :twisted:

By the way... o espirito dum infante ficar vagando pelo cemitério onde foi sepultado já contraria outro dos postulados do espiritismo.
Certamente a Legião dos Servos de Maria ou outra equivalente organização de espíritos socorristas não iam deixar ele abandonado ali. Iam por ele num daqueles trens
O conhecido rumor aproximava-se cada vez mais...
[...]
Até que, dentro da atmosfera densa e penumbrosa, surgiram os carros brancos, rompendo as trevas com poderosos holofotes.
Estacionou o trem caravaneiro na praça lamacenta.
[…]
Eram carros amplos, cômodos, confortáveis, cujas poltronas individuais como que estofadas com arminho branco apresentavam o espaldar voltado para os respiradores, que dir-se-iam os óculos das modernas aeronaves terrenas. Ao centro quatro poltronas em feitio idêntico, onde se acomodaram enfermeiros, tudo indicando que ali permaneciam a fim de guardar-nos. Nas portas de entrada lia-se a legenda entrevista antes, na flâmula empunhada pelo comandante do pelotão de guardas: Legião dos Servos de Maria.
Dentro em pouco a tarefa dos abnegados legionários estava cumprida. Ouviu-se no interior o tilintar abafado de uma campainha, seguido de movimento rápido de suspensão de pontes de acesso e embarque dos obreiros. Pelo menos foi essa a série de imagens mentais que concebi...
O estranho comboio oscilou sem que nenhuma sensação de galeio e o mais leve balanço impressionassem nossa sensibilidade

[Referência: MEMÓRIAS DE UM SUICIDA obra mediúnica psicografada por Yvonne A. Pereira]


e mandarem ele pr'alguma instituição de amparo numa esfera superior à crosta, certo :?:

ué se morrer criança vira anjo?
Vai saber os motivos que prendem  o espirito a este mundo?
e por que deveríamos seguir como ovelhas dogmas espiritas?
Por que?

Offline Gorducho

  • Nível 26
  • *
  • Mensagens: 1.262
  • Sexo: Masculino
Re:O Erro Espírita
« Resposta #73 Online: 01 de Agosto de 2018, 19:52:54 »
Claro que não. Só quis mostrar que sua experiência pessoal já vai em contra coisas tidas como assentes no espiritismo brasileiro (que é de longe o 1° país espírita).
Não é dogma isso mas é amplamente aceita a existência de organizações socorristas. Um infante claro que não "vira anjo" mas basicamente será um inocente cujo não teria cabimento deixarem ficar vagando perdido num cemitério.

Offline Del vechio

  • Nível 12
  • *
  • Mensagens: 211
Re:O Erro Espírita
« Resposta #74 Online: 01 de Agosto de 2018, 20:59:12 »
espirito inocente para mim seria de um santo  :quase-anjo: duvido  :triciclo:!

tem um professor no you tube que costuma chamar seus alunos de capirotinhos e afirma que cada aluno abriga uma  entidade legião
Por que?

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!